SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 22
População
                     Mundial



http://prof-paulo-geografia.blogspot.com.br/   Prof. Paulo
Crescimento da População
Conceitos Demográficos

População absoluta – Número
total de habitantes
Densidade demográfica ou
população relativa – número de
habitantes por Km², povoado ou
pouco povoado

Brasil – 190 milhões, 5º mais populoso
porém pouco povoado (22 hab./Km²)
Holanda – 16 milhões hab. 429
hab./km²
Conceitos Demográficos

Taxa de natalidade – Número de pessoas que
nascem por 1000 hab. Durante um ano.
Taxa de natalidade: n/px 1000
Taxa de mortalidade – divisão do nº de
óbitos (ano) por habitantes e multiplicado
por mil
Conceitos Demográficos

Crescimento vegetativo ou natural – Refere-
se ao aumento da população local, é a
diferença entre as taxas de natalidade e
mortalidade no período considerado. Leva
em consideração também emigrantes e
imigrantes (vertical ou horizontal).

Esperança ou expectativa de vida – É a
média de vida dos habitantes de uma
determinada área (Brasil – 72,4 anos)
Distribuição Populacional


População mal distribuída
FATORES: Clima, localização, guerras,
antiguidade de povoamento, situação
social, áreas mais atrativas ou repulsivas
pela sua dinâmica econômica, políticos,
religiosos)
ZONA TEMPERADA NORTE: 51%
ZONA INTERTROPICAL: 46%
ZONAS POLARES E ALTAS
LATITUDES SUL: 3%
Crescimento da População Mundial


PRIMEIRA FASE (pré-industrial):
Crescimento lento, altas taxas de natalidade
e mortalidade, baixa expectativa de vida.
Vai da revolução Agrária (8000 a.C até o
inicio da revolução industrial (sec. XVIII)
Crescimento da População Mundial

                 SEGUNDA FASE: Tem
                 início com a revolução
                 industrial (XVIII) e vai até a
                 revolução sexual (1970),
                 métodos contraceptivos,
                 avanços na área médica-
                 sanitária, houve redução da
                 mortalidade e aumentou a
                 expectativa de vida.
                 Baby Boom.
Crescimento da População Mundial

TERCEIRA FASE OU
EVOLUÍDA – Transição
demográfica se completa,
equilíbrio demográfico, baixas
taxas de natalidade e
mortalidade.
Atualmente os países
desenvolvidos ( crescimento
menos de 1% ao ano e até
negativos)
População

A marca de 6 bilhões foi alcançada em outubro de 1999
1/5 da população nos países mais desenvolvidos
80% (4,8 bi) países em desenvolvimentos
37,7% China e Índia
2040 a Índia ultrapassara a China (1,501 x 1,496)
2016 haverá mais Indianos que habitantes dos países mais
desenvolvidos da Europa, Oceania, Ásia e América JUNTOS
INDIA –21% dos milhões de pessoas a cada
ano
CHINA –15%
Envelhecimento da População

1 a cada 10 pessoas no mundo tem mais de
60 anos
IDOSOS – 646 milhões, cresce mais de 11
milhões por ano
Até 2050 – jovens (menos de 15) reduza 30%
para 20%, idosos deverá subir para 22% da
população, 2 bilhões
Aumento da expectativa de vida, melhorias
dos serviços de saúde, saneamento, acesso a
água tratada
Teorias Demográficas

Teoria de Malthus (1798)
O crescimento da população acontece num ritmo geométrico,
enquanto a produção de alimentos ocorria em ritmo aritmético.
Para resolver esse problema seria necessário a adoção de
políticas de controle de natalidade.(classes mais pobres )
Soluções propostas: abstinência sexual (sujeição moral)
para os mais pobres
O crescimento populacional
poderia diminuir das seguintes
formas: guerra, fome,
epidemias...
Teorias Demográficas
         Teorias neomalthusianas
O subdesenvolvimento como decorrência do excessivo
numero de habitantes, da agricultura manual de baixa
produtividade.
O problema da fome acabaria se houvesse controle da
natalidade, o aumento da população requer mais
investimentos sociais.
Teorias Demográficas
Teoria reformista ou marxistas
 De acordo com a teoria reformista, se não houvesse pobreza as pessoas
  teriam acesso a educação, saúde, higiene, etc., o que regularia,
  naturalmente, o crescimento populacional.
 Portanto, é exatamente a falta dessas condições o que
  acarreta o crescimento desenfreado da população.
A diminuição da população teve
inicio a partir do século XX, nos
países industrializados, em
conseqüência da queda das taxas
de natalidade.
As causas são decorrentes da
renda média da população, do
acesso a métodos contraceptivos e
da mudança do perfil da mulher
no mercado de trabalho.
Na Índia programas de controle de
natalidade iniciado em 1975 fez
vasectomia em série. Milhares de
homens foram operados em troca de
uma pequena quantia em dinheiro.
Apesar disso os índices de nascimento
na índia são elevados.


39 esposas, 94 filhos e 33 netos.
Contando com Ziona Chana, o
marido, são 167 pessoas morando
em uma mesma casa, de quatro
andares e 100 quartos, localizada
em uma aldeia montanhosa do
nordeste da Índia.
China: métodos não democráticos, durante certo período era
proibido ter mais de um filho, fato que gerou a matança de
recém-nascidos do sexo feminino, a mulher poderia ter mais
um filho homem, mantendo assim as tradições chinesas.( o
homem na tradição chinesa é responsável pelo nome e tradição
da família)

Prgunts?
    s?
  ugsts?
 s
nsrs
rsus?
  http://prof-paulo-geografia.blogspot.com.br/

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Brasil – domínios morfoclimáticos
Brasil – domínios morfoclimáticosBrasil – domínios morfoclimáticos
Brasil – domínios morfoclimáticos
Professor
 
Revisão de geografia europa - 9º ano
Revisão de geografia   europa - 9º anoRevisão de geografia   europa - 9º ano
Revisão de geografia europa - 9º ano
Simone Aguiar
 
A regionalização e as divisões regionais no brasil
A regionalização e as divisões regionais no brasilA regionalização e as divisões regionais no brasil
A regionalização e as divisões regionais no brasil
Professor
 
Industrialização brasil
Industrialização brasilIndustrialização brasil
Industrialização brasil
edsonluz
 
O relevo e as suas formas
O relevo e as suas formasO relevo e as suas formas
O relevo e as suas formas
profacacio
 
Geografia Do Brasil RegiõEs
Geografia Do Brasil   RegiõEsGeografia Do Brasil   RegiõEs
Geografia Do Brasil RegiõEs
Mateus Silva
 

Mais procurados (20)

7º ano unidade 5 - Região Norte
7º ano   unidade 5 - Região Norte7º ano   unidade 5 - Região Norte
7º ano unidade 5 - Região Norte
 
Demografia
DemografiaDemografia
Demografia
 
Continente americano
Continente americanoContinente americano
Continente americano
 
Região Sudeste
Região SudesteRegião Sudeste
Região Sudeste
 
Regionalização do espaço brasileiro fundamental
Regionalização do espaço brasileiro    fundamentalRegionalização do espaço brasileiro    fundamental
Regionalização do espaço brasileiro fundamental
 
A formação do território brasileiro - 7º ano
A formação do território brasileiro - 7º anoA formação do território brasileiro - 7º ano
A formação do território brasileiro - 7º ano
 
Brasil – domínios morfoclimáticos
Brasil – domínios morfoclimáticosBrasil – domínios morfoclimáticos
Brasil – domínios morfoclimáticos
 
Revisão de geografia europa - 9º ano
Revisão de geografia   europa - 9º anoRevisão de geografia   europa - 9º ano
Revisão de geografia europa - 9º ano
 
INDUSTRIALIZAÇÃO E URBANIZAÇÃO BRASILEIRA
INDUSTRIALIZAÇÃO E URBANIZAÇÃO BRASILEIRAINDUSTRIALIZAÇÃO E URBANIZAÇÃO BRASILEIRA
INDUSTRIALIZAÇÃO E URBANIZAÇÃO BRASILEIRA
 
Relevo
RelevoRelevo
Relevo
 
A regionalização e as divisões regionais no brasil
A regionalização e as divisões regionais no brasilA regionalização e as divisões regionais no brasil
A regionalização e as divisões regionais no brasil
 
Os continentes
Os continentesOs continentes
Os continentes
 
Regionalização do continente europeu
Regionalização do continente europeuRegionalização do continente europeu
Regionalização do continente europeu
 
Industrialização brasil
Industrialização brasilIndustrialização brasil
Industrialização brasil
 
Estado nação, território e poder
Estado nação, território e poderEstado nação, território e poder
Estado nação, território e poder
 
O relevo e as suas formas
O relevo e as suas formasO relevo e as suas formas
O relevo e as suas formas
 
Região nordeste 7º ano
Região nordeste  7º anoRegião nordeste  7º ano
Região nordeste 7º ano
 
Fuso Horário
Fuso HorárioFuso Horário
Fuso Horário
 
Geografia Do Brasil RegiõEs
Geografia Do Brasil   RegiõEsGeografia Do Brasil   RegiõEs
Geografia Do Brasil RegiõEs
 
Urbanização brasileira
Urbanização brasileiraUrbanização brasileira
Urbanização brasileira
 

Destaque (20)

Populaçao brasileira
Populaçao brasileiraPopulaçao brasileira
Populaçao brasileira
 
Clima
ClimaClima
Clima
 
Coordenadas geográficas
Coordenadas geográficasCoordenadas geográficas
Coordenadas geográficas
 
Projeçoes cartograficas
Projeçoes cartograficasProjeçoes cartograficas
Projeçoes cartograficas
 
Cartografia e poder
Cartografia e poderCartografia e poder
Cartografia e poder
 
A estrutura da terra
A estrutura da terraA estrutura da terra
A estrutura da terra
 
Qualidade de vida em numeros
Qualidade de vida em numerosQualidade de vida em numeros
Qualidade de vida em numeros
 
Fuso
FusoFuso
Fuso
 
Hidrografia do brasil
Hidrografia do brasilHidrografia do brasil
Hidrografia do brasil
 
Escalas
EscalasEscalas
Escalas
 
Geologia geomorfologia e mineraçao no brasil
Geologia geomorfologia e mineraçao no brasilGeologia geomorfologia e mineraçao no brasil
Geologia geomorfologia e mineraçao no brasil
 
As grandes paisagens vegetais do brasil
As grandes paisagens vegetais  do brasilAs grandes paisagens vegetais  do brasil
As grandes paisagens vegetais do brasil
 
Migraçoes
MigraçoesMigraçoes
Migraçoes
 
Regioes brasil
Regioes brasilRegioes brasil
Regioes brasil
 
A energia que movimenta o mundo
A energia que movimenta o mundoA energia que movimenta o mundo
A energia que movimenta o mundo
 
Conceitos demográficos
Conceitos demográficosConceitos demográficos
Conceitos demográficos
 
Teorias demográficas
Teorias demográficasTeorias demográficas
Teorias demográficas
 
Teorias demográficas resumão - 2° ano - em
Teorias demográficas   resumão - 2° ano - emTeorias demográficas   resumão - 2° ano - em
Teorias demográficas resumão - 2° ano - em
 
TEORIAS DEMOGRÁFICAS (DE MALTHUS A TRANSIÇÃO DEMOGRÁFICA)
TEORIAS DEMOGRÁFICAS (DE MALTHUS A TRANSIÇÃO DEMOGRÁFICA)TEORIAS DEMOGRÁFICAS (DE MALTHUS A TRANSIÇÃO DEMOGRÁFICA)
TEORIAS DEMOGRÁFICAS (DE MALTHUS A TRANSIÇÃO DEMOGRÁFICA)
 
Guia ilustrado video criar
Guia ilustrado video criarGuia ilustrado video criar
Guia ilustrado video criar
 

Semelhante a Populaçao mundial

Aula 5 População_Parte_1_cursinho_az
Aula 5 População_Parte_1_cursinho_azAula 5 População_Parte_1_cursinho_az
Aula 5 População_Parte_1_cursinho_az
CADUCOC1
 
Políticas demográficas
Políticas demográficasPolíticas demográficas
Políticas demográficas
Andre Huang
 
Políticas demográficas
Políticas demográficasPolíticas demográficas
Políticas demográficas
Andre Huang
 
A bomba relógio_humana
A bomba relógio_humanaA bomba relógio_humana
A bomba relógio_humana
Marcelo Luiz
 
Aula dia 11 02-11 demografia........97-2003
Aula dia 11 02-11 demografia........97-2003Aula dia 11 02-11 demografia........97-2003
Aula dia 11 02-11 demografia........97-2003
SILVIO Candido da Mata
 

Semelhante a Populaçao mundial (20)

Geo1.pdf
Geo1.pdfGeo1.pdf
Geo1.pdf
 
Espaço, sociedade e economia
Espaço, sociedade e economiaEspaço, sociedade e economia
Espaço, sociedade e economia
 
Populacao sartre
Populacao sartrePopulacao sartre
Populacao sartre
 
GEOGRAFIA POPULAÇÃO MUNDIAL
GEOGRAFIA    POPULAÇÃO            MUNDIALGEOGRAFIA    POPULAÇÃO            MUNDIAL
GEOGRAFIA POPULAÇÃO MUNDIAL
 
Aula 1 frente 2 população parte 1
Aula 1 frente 2   população parte 1Aula 1 frente 2   população parte 1
Aula 1 frente 2 população parte 1
 
Aula 5 População_Parte_1_cursinho_az
Aula 5 População_Parte_1_cursinho_azAula 5 População_Parte_1_cursinho_az
Aula 5 População_Parte_1_cursinho_az
 
Políticas demográficas
Políticas demográficasPolíticas demográficas
Políticas demográficas
 
Políticas demográficas
Políticas demográficasPolíticas demográficas
Políticas demográficas
 
População Brasileira
População BrasileiraPopulação Brasileira
População Brasileira
 
Cópia de população
Cópia de populaçãoCópia de população
Cópia de população
 
5 formacao da-populacao_brasileira
5 formacao da-populacao_brasileira5 formacao da-populacao_brasileira
5 formacao da-populacao_brasileira
 
Aulas 3 e 4 População
Aulas 3 e 4 PopulaçãoAulas 3 e 4 População
Aulas 3 e 4 População
 
Aula 3 u 10.05.11
Aula 3 u 10.05.11Aula 3 u 10.05.11
Aula 3 u 10.05.11
 
Aula 3 u 10.05.11
Aula 3 u 10.05.11Aula 3 u 10.05.11
Aula 3 u 10.05.11
 
A bomba relógio_humana
A bomba relógio_humanaA bomba relógio_humana
A bomba relógio_humana
 
Aula dia 11 02-11 demografia.....sem fig
Aula dia 11 02-11 demografia.....sem figAula dia 11 02-11 demografia.....sem fig
Aula dia 11 02-11 demografia.....sem fig
 
Aula dia 11 02-11 demografia........97-2003
Aula dia 11 02-11 demografia........97-2003Aula dia 11 02-11 demografia........97-2003
Aula dia 11 02-11 demografia........97-2003
 
Aula dia 11 02-11 demografia........97-2003
Aula dia 11 02-11 demografia........97-2003Aula dia 11 02-11 demografia........97-2003
Aula dia 11 02-11 demografia........97-2003
 
Unidade 1 e 2 parcial
Unidade 1 e 2 parcialUnidade 1 e 2 parcial
Unidade 1 e 2 parcial
 
Geografia 3 ano
Geografia 3 anoGeografia 3 ano
Geografia 3 ano
 

Mais de Prof.Paulo/geografia (19)

MINERAÇÃO NO BRASIL
MINERAÇÃO NO BRASILMINERAÇÃO NO BRASIL
MINERAÇÃO NO BRASIL
 
ESTRUTURA GEOLÓGICA DO BRASIL
ESTRUTURA GEOLÓGICA DO BRASILESTRUTURA GEOLÓGICA DO BRASIL
ESTRUTURA GEOLÓGICA DO BRASIL
 
Estudo Orientado
Estudo OrientadoEstudo Orientado
Estudo Orientado
 
Mundo do Trabalho
Mundo do TrabalhoMundo do Trabalho
Mundo do Trabalho
 
Ética e Cidadania
Ética e CidadaniaÉtica e Cidadania
Ética e Cidadania
 
Aquecimento global
Aquecimento globalAquecimento global
Aquecimento global
 
Estrutura fundiaria no Brasil
Estrutura fundiaria no BrasilEstrutura fundiaria no Brasil
Estrutura fundiaria no Brasil
 
El nino
El ninoEl nino
El nino
 
Racismo xenofobia
Racismo xenofobiaRacismo xenofobia
Racismo xenofobia
 
Industrializao
IndustrializaoIndustrializao
Industrializao
 
oriente medio
oriente mediooriente medio
oriente medio
 
Oriente medio
Oriente medioOriente medio
Oriente medio
 
Energia
EnergiaEnergia
Energia
 
Cidades
CidadesCidades
Cidades
 
Tigres asiáticos
Tigres asiáticosTigres asiáticos
Tigres asiáticos
 
Japão
JapãoJapão
Japão
 
Aula jornal blog
Aula jornal blogAula jornal blog
Aula jornal blog
 
Aspectos naturais europa
Aspectos naturais europaAspectos naturais europa
Aspectos naturais europa
 
Clima e formaçoes vegetais
Clima e formaçoes vegetaisClima e formaçoes vegetais
Clima e formaçoes vegetais
 

Populaçao mundial

  • 1. População Mundial http://prof-paulo-geografia.blogspot.com.br/ Prof. Paulo
  • 3.
  • 4. Conceitos Demográficos População absoluta – Número total de habitantes Densidade demográfica ou população relativa – número de habitantes por Km², povoado ou pouco povoado Brasil – 190 milhões, 5º mais populoso porém pouco povoado (22 hab./Km²) Holanda – 16 milhões hab. 429 hab./km²
  • 5. Conceitos Demográficos Taxa de natalidade – Número de pessoas que nascem por 1000 hab. Durante um ano. Taxa de natalidade: n/px 1000 Taxa de mortalidade – divisão do nº de óbitos (ano) por habitantes e multiplicado por mil
  • 6. Conceitos Demográficos Crescimento vegetativo ou natural – Refere- se ao aumento da população local, é a diferença entre as taxas de natalidade e mortalidade no período considerado. Leva em consideração também emigrantes e imigrantes (vertical ou horizontal). Esperança ou expectativa de vida – É a média de vida dos habitantes de uma determinada área (Brasil – 72,4 anos)
  • 7. Distribuição Populacional População mal distribuída FATORES: Clima, localização, guerras, antiguidade de povoamento, situação social, áreas mais atrativas ou repulsivas pela sua dinâmica econômica, políticos, religiosos) ZONA TEMPERADA NORTE: 51% ZONA INTERTROPICAL: 46% ZONAS POLARES E ALTAS LATITUDES SUL: 3%
  • 8.
  • 9. Crescimento da População Mundial PRIMEIRA FASE (pré-industrial): Crescimento lento, altas taxas de natalidade e mortalidade, baixa expectativa de vida. Vai da revolução Agrária (8000 a.C até o inicio da revolução industrial (sec. XVIII)
  • 10. Crescimento da População Mundial SEGUNDA FASE: Tem início com a revolução industrial (XVIII) e vai até a revolução sexual (1970), métodos contraceptivos, avanços na área médica- sanitária, houve redução da mortalidade e aumentou a expectativa de vida. Baby Boom.
  • 11. Crescimento da População Mundial TERCEIRA FASE OU EVOLUÍDA – Transição demográfica se completa, equilíbrio demográfico, baixas taxas de natalidade e mortalidade. Atualmente os países desenvolvidos ( crescimento menos de 1% ao ano e até negativos)
  • 12. População A marca de 6 bilhões foi alcançada em outubro de 1999 1/5 da população nos países mais desenvolvidos 80% (4,8 bi) países em desenvolvimentos 37,7% China e Índia 2040 a Índia ultrapassara a China (1,501 x 1,496) 2016 haverá mais Indianos que habitantes dos países mais desenvolvidos da Europa, Oceania, Ásia e América JUNTOS INDIA –21% dos milhões de pessoas a cada ano CHINA –15%
  • 13. Envelhecimento da População 1 a cada 10 pessoas no mundo tem mais de 60 anos IDOSOS – 646 milhões, cresce mais de 11 milhões por ano Até 2050 – jovens (menos de 15) reduza 30% para 20%, idosos deverá subir para 22% da população, 2 bilhões Aumento da expectativa de vida, melhorias dos serviços de saúde, saneamento, acesso a água tratada
  • 14. Teorias Demográficas Teoria de Malthus (1798) O crescimento da população acontece num ritmo geométrico, enquanto a produção de alimentos ocorria em ritmo aritmético. Para resolver esse problema seria necessário a adoção de políticas de controle de natalidade.(classes mais pobres ) Soluções propostas: abstinência sexual (sujeição moral) para os mais pobres
  • 15.
  • 16. O crescimento populacional poderia diminuir das seguintes formas: guerra, fome, epidemias...
  • 17. Teorias Demográficas Teorias neomalthusianas O subdesenvolvimento como decorrência do excessivo numero de habitantes, da agricultura manual de baixa produtividade. O problema da fome acabaria se houvesse controle da natalidade, o aumento da população requer mais investimentos sociais.
  • 18. Teorias Demográficas Teoria reformista ou marxistas  De acordo com a teoria reformista, se não houvesse pobreza as pessoas teriam acesso a educação, saúde, higiene, etc., o que regularia, naturalmente, o crescimento populacional.  Portanto, é exatamente a falta dessas condições o que acarreta o crescimento desenfreado da população.
  • 19. A diminuição da população teve inicio a partir do século XX, nos países industrializados, em conseqüência da queda das taxas de natalidade. As causas são decorrentes da renda média da população, do acesso a métodos contraceptivos e da mudança do perfil da mulher no mercado de trabalho.
  • 20. Na Índia programas de controle de natalidade iniciado em 1975 fez vasectomia em série. Milhares de homens foram operados em troca de uma pequena quantia em dinheiro. Apesar disso os índices de nascimento na índia são elevados. 39 esposas, 94 filhos e 33 netos. Contando com Ziona Chana, o marido, são 167 pessoas morando em uma mesma casa, de quatro andares e 100 quartos, localizada em uma aldeia montanhosa do nordeste da Índia.
  • 21. China: métodos não democráticos, durante certo período era proibido ter mais de um filho, fato que gerou a matança de recém-nascidos do sexo feminino, a mulher poderia ter mais um filho homem, mantendo assim as tradições chinesas.( o homem na tradição chinesa é responsável pelo nome e tradição da família)
  • 22.  Prgunts? s? ugsts? s nsrs rsus? http://prof-paulo-geografia.blogspot.com.br/