SlideShare uma empresa Scribd logo
07
Sônia Maria de Araújo
C U R S O T É C N I C O E M O P E R A Ç Õ E S C O M E R C I A I S
Planos de Contas
CONTABILIDADE
Coordenadora da Produção dos Materias
Marta Maria Castanho Almeida Pernambuco
Coordenador de Edição
Ary Sergio Braga Olinisky
Coordenadora de Revisão
Giovana Paiva de Oliveira
Design Gráfico
Ivana Lima
Diagramação
Ivana Lima
José Antônio Bezerra Júnior
Mariana Araújo de Brito
Vitor Gomes Pimentel
Arte e ilustração
Adauto Harley
Carolina Costa
Heinkel Huguenin
Revisão Tipográfica
Adriana Rodrigues Gomes
Design Instrucional
Janio Gustavo Barbosa
Luciane Almeida Mascarenhas de Andrade
Jeremias Alves A. Silva
Margareth Pereira Dias
Revisão de Linguagem
Maria Aparecida da S. Fernandes Trindade
Revisão das Normas da ABNT
Verônica Pinheiro da Silva
Adaptação para o Módulo Matemático
Joacy Guilherme de Almeida Ferreira Filho
Revisão Técnica
Rosilene Alves de Paiva
EQUIPE SEDIS | UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE – UFRN
Projeto Gráfico
Secretaria de Educação a Distância – SEDIS
Governo Federal
Ministério da Educação
Você verá
por aqui...
Objetivo
1
Contabilidade A07
...um breve estudo sobre Plano de Contas – parâmetro utilizado na elaboração das
demonstrações financeiras que orienta os trabalhos contábeis dos registros de fatos
e atos que ocorreram na empresa. Também como é feita a distribuição das contas
patrimoniais e das contas de resultado em um Plano de Contas, nos grupos e subgrupos
a que elas pertençam de acordo com a ótica contábil.
Verá ainda uma esquematização de contas e um modelo de Plano de Contas simplificado.
Nesta aula, é necessário que você tenha bastante atenção, pois os assuntos tratados
aqui irão subsidiar várias informações essenciais para a continuação dos nossos
estudos.
 Saber descrever o que é um Plano de Contas.
 Conhecer a organização de um Plano de Contas.
 Verificar a importância do Plano de Contas.
 Saber fazer aplicações do Plano de Contas.
2
Contabilidade A07
Para começo
de conversa…
D
e acordo com a equipe dos professores da FEA/USP, para se colocar em
funcionamento qualquer tipo de empreendimento,uma das primeiras providências
é fazer a planificação contábil. O Contador estuda a natureza da entidade, faz
a verificação dos tipos de transações que provavelmente irão ocorrer e daí faz um
planejamento para ver como essas transações deverão ser registradas. A partir desse
estudo, é elaborado um Plano de Contas adequado para o tipo do empreendimento,
que deverá ser observado obrigatoriamente na empresa.
Mas, então, o que um Plano de Contas? Descubra você mesmo no decorrer desta aula.
3
Contabilidade A07
Estudando
planificação contábil
Uma empresa precisa de parâmetros para organizar as suas contas, de acordo com os
princípios e normas que fundamentam a Contabilidade.
Plano de Contas é a relação das contas que uma empresa utiliza para efetuar os
seus registros (denominados de Lançamentos Contábeis), com a finalidade principal
de estabelecer critérios para o registro das operações da empresa.
Sendo assim, cada empresa tem um plano de contas de acordo com a sua necessidade,
ou seja, não existe um modelo único de plano de contas para toda e qualquer tipo de
empresa. O que veremos aqui na verdade, são as diretrizes de como elaborar um plano
de contas.
Dias e Caldarelli (2008, p. 29) ressaltam: “o plano de contas é efetivamente o
instrumento de consulta do profissional para fazer o lançamento contábil, pois indica
qual conta deve ser debitada e qual conta deve ser creditada.”
OBS.: Uma empresa comercial não colocará no seu plano de contas algumas
contas, como: estoque de matéria prima, produtos acabados, produtos em
elaboração, entre outras, já que são contas que deverão constar no plano
de contas de uma empresa que industrializa algum tipo de bens.
Algumas observações a respeito do Plano de Contas
 Não devem ser incluídas contas estranhas à natureza da empresa.
 Deverão constar contas que são criadas para atender à legislação fiscal e comercial.
 Atender ao disposto da Lei 6.404/76, que regulamentou a disposição dos grupos
e contas para que sejam apresentadas as Demonstrações Financeiras no final do
exercício.
 Não existe um plano de contas único para todo e qualquer tipo de empresa.
A seguir, você verá a esquematização dos grupos e subgrupos do Ativo e do Passivo.
1Praticando...
4
Contabilidade A07
Quadro 1 − Estrutura do Balanço Patrimonial
ATIVO PASSIVO
Circulante Circulante
Realizável a longo prazo Exigível a longo prazo
Permanente Resultado de exercícios futuros
Investimento Patrimônio líquido
Imobilizado Capital
Intangível Reservas de capital
Diferido Ajustes da avaliação patrimonial
Reservas de incentivos fiscais
Reservas de lucros
Prejuízos
Total do Ativo Total do Passivo
Fonte: Dias e Caldarelli (2008, p. 54).
1. Responda:
a) De acordo com o que já foi exposto, elabore um conceito de Plano de
Contas.
b) Como ficaria o registro de todos os fatos administrativos dentro de uma
empresa sem um Plano de Contas?
c) Qual a importância de um Plano de Contas?
5
Contabilidade A07
Agora, vamos conhecer um Plano de Contas (simplificado). Observe os elementos do
quadro abaixo.
Quadro 2 – Contas Patrimoniais
ATIVO PASSIVO
CIRCULANTE
Caixa Fornecedores
Banco conta movimento Empréstimos bancários a pagar
Duplicatas a receber Duplicatas a pagar
Estoques Obrigações trabalhistas
Adiantamento a fornecedores Obrigações tributárias
Devedores diversos Provisão para o Imposto de Renda
REALIZÁVEL A LONGO PRAZO Credores diversos
Duplicatas a receber EXIGÍVEL A LONGO PRAZO
PERMANENTE Duplicatas apagar
Investimentos Empréstimos bancários a pagar
Imóveis para não uso RESULTADO DE EXERCÍCIOS FUTUROS
Participação em outras empresas Aluguéis recebidos antecipado
Imobilizado PATRIMÔNIO LÍQUIDO
Imóveis para uso Capital
Máquinas e equipamentos (- ) Capital a realizar
Móveis e utensílios Reservas de lucros
Veículos Reserva para aumento de capital
( - ) Depreciações acumuladas Lucros acumulados ou
Intangível ( - ) Prejuízos acumulados
DIFERIDO
Despesas com projetos
Despesas com organização
Também será organizado um quadro com todas as contas de resultado, ou seja, as
contas de despesas e de receitas.
Quadro 3 – Contas de Resultado
DESPESAS RECEITAS
Despesas com vendas Vendas
Despesas financeiras Receita de serviços
Despesas com propaganda Receitas diversas
Despesas administrativas
Despesas gerais
Despesas com água luz e telefone
Compras
6
Contabilidade A07
O Plano de Contas que você acabou de conhecer deverá ser ampliado de acordo com o
porte da empresa. As contas poderão ser subdivididas, se houver necessidade.
Despesas com vendas: Frete
Comissões sobre vendas
Diárias
Banco conta movimento: Banco do Brasil
Banco Itaú
Banco Sul
Banco X, etc.
Exemplo 1
Sendo assim, uma conta que poderá ser chamada de conta sintética, no caso dos
exemplos acima, seriam as contas de Despesas com Vendas e Banco conta movimento,
e as contas analíticas seriam as contas: comissões sobre vendas, Banco do Brasil,
Banco Itaú, Banco Sul e Banco X.
Quadro 4 – Algumas contas sintética e analíticas de despesas e receitas
Contas sintéticas Contas analíticas
Despesa com vendas Frete
Comissões sobre vendas
Diárias
Banco conta movimento Banco do Brasil
Itaú-Unibanco
Banco Sul
Banco X
7
Contabilidade A07
2Praticando...
Existe um único modelo de Plano de Contas para todo e qualquer tipo de
empresa. Sim ou não? Justifique a sua resposta.
De acordo com os professores da FEA/USP, quando a Contabilidade é bem planejada,
grande parte da escrituração se torna rotineira e pode ser realizada por um escriturário
sob a supervisão de um contador.
Para se elaborar um plano de contas é necessário que façamos a codificação das contas,
com a intenção de não confundir as contas do Ativo com as contas do Passivo ou as
contas de Despesas com as contas de Receitas. Para evitar este tipo de problema, a
Contabilidade utiliza um código numérico para cada conta.
Agora vamos ver como isso funciona.
Em nosso Plano de Contas, iremos atribuir a seguinte numeração:
1. Ativo
2. Passivo
3. Despesas
4. Receitas
5. Sistema auxiliar ou contas de compensação
Sendo assim, quando uma conta começar com o número 1, você já saberá de imediato
que se trata de uma conta do Ativo (por exemplo, 10, 11, 100 são indicadores de contas
do Ativo); quando a conta começar com o número 2, você já saberá que trata de uma
conta do Passivo; pelo 3, é porque é uma de Despesas; pelo 4, da Receita; e 5, de
Sistema auxiliar.
8
Contabilidade A07
LEMBRETE IMPORTANTE
Ninguém precisa decorar um Plano de Contas. É importante e necessário
que você conheça as finalidades das contas, em qual grupo ela está inserida
para poder utilizá-las da maneira correta. Não adianta decorar um Plano de
Contas se não souber usá-lo corretamente.
Para fins didáticos, vamos apresentar um Plano de Contas (simplificado) obedecendo
à numeração acima apresentada.
Parece complicado?
Garanto a você que não é.
Só precisa
um pouco
de atenção.
No fim da aula, disponibilizamos um modelo de plano de contas, você deverá consultá-lo
para seguir adiante e sempre que for necessário, nessa e nas próximas aulas deverá
voltar a ele.
LEMBRE-SE: o plano de contas que você encontrará ao final da aula é
apenas um modelo, entre tantos outros, que você poderá encontrar.
9
Contabilidade A07
Nesta aula, você ficou sabendo o que é o Plano de Contas (simplificado),
com seus grupos e subgrupos, como também a sua importância para a
escrituração contábil e para o levantamento do balanço patrimonial.
1. Complete: As depreciações acumuladas são diminuídas do_____________.
2. Relacione a coluna da direita com a da esquerda
(a) Conta de resultado devedora ( ) Despesa com vendas
(b) Conta de resultado credora ( ) Receita com vendas
( ) Despesa com juros
( ) Descontos obtidos
( ) Descontos concedidos
3. Relacione a coluna da direita com a esquerda
(a) Ativo Circulante ( ) Capital
(b) Realizável a longo prazo ( ) Caixa
(c) Permanente – Investimento ( ) Máquinas e Equipamentos
(d) Permanente – Imobilizado ( ) Fornecedores
(e) Passivo Circulante ( ) Imóveis para uso
(d) Patrimônio Líquido ( ) Duplicatas a receber
4. Suponhamos que uma empresa adquira dois imóveis:
a) um deles será oferecido em aluguel para uma outra empresa
b) o outro será destinado à instalação do novo almoxarifado
10
Contabilidade A07
Pergunto:
Em que grupo e subgrupo você classificaria o imóvel que será destinado a
aluguel?
Em que grupo e subgrupo você classificaria o imóvel que será destinado à
instalação do novo almoxarifado?
5. Solucione as seguintes questões:
a) Sabendo-se que o curto prazo deverá ser classificado no ativo circulante
ou no passivo circulante, tendo por medida o encerramento do próximo
exercício, assim, uma empresa que encerra o balanço no dia 30.06.2008,
quando terá o final do seu próximo exercício?
b) Em que consistem as características das contas que irão compor:
(I) Ativo circulante
(II) Exigível a longo prazo
(III) Imobilizado – Investimento
11
Contabilidade A07
(IV) Realizável a longo prazo
(V) Passivo circulante
(VI) Resultado de Exercícios futuros
(VII) Diferido
Referências
DIAS, Adriana Marques; CALDARELLI, Carlos Alberto. Lei 11.638: uma revolução na
contabilidade das empresas. São Paulo: Trevisan Editora Universitária, 2008.
FACULDADE DE ECONOMIA, ADMINISTRAÇÃO E CONTABILIDADE - FEA/USP. Contabilidade
introdutória. 9. ed. São Paulo: Atlas, 1998.
HILÁRIO, Franco. Contabilidade Comercial. 13. ed. São Paulo: Atlas, 1996.
OSNI, Moura Ribeiro. Contabilidade básica. São Paulo: Saraiva,1999.
SOUZA, Luis Carlos. Contabilidade ao alcance de Todos. Curitiba: Juruá, 2006.
12
Contabilidade A07
APÊNDICE A -
MODELO DE PLANO DE CONTAS (SIMPLIFICADO)
1. ATIVO
10. CIRCULANTE
10.1 Caixa
10.2 Banco conta movimento
10.3 Clientes
10.4 Duplicatas a receber
10.5 Contas a receber
10.6 Estoque de mercadorias
10.7 Estoque de material de expediente
11. REALIZÁVEL A LONGO PRAZO
11.1 Duplicatas a receber
11.2 Contas a receber
11.3 Empréstimos a receber
12. PERMANENTE
12.1 INVESTIMENTO
12.1.1 Participação em outras empresas
12.1.2 Imóveis para renda
12.2 IMOBILIZADO
12.2.1 Imóveis
12.2.2 Instalações
12.2.3 Móveis e Utensílios
12.2.4 Máquinas e equipamentos
12.2.5 Veículos
12.2.6 ( - ) Depreciações acumuladas
12.3 INTANGÍVEL
12.3.1 Marcas, direitos e patentes
12.3.2 Fundo de comércio
12.3.3 ( - ) Amortizações acumuladas
13
Contabilidade A07
12.4 DIFERIDO
12.4.1 Despesa de organização
2. PASSIVO
20. CIRCULANTE
20.1 Fornecedores
20.2 Duplicatas a pagar
20.3 Salários a pagar
20.4 Honorários a pagar
20.5 Empréstimos a pagar
20.6 INSS a recolher
20.7 FGTS a recolher
20.8 PIS s/faturamento
20.9 Contribuição sindical a recolher
21. EXIGÍVEL A LONGO PRAZO
21.1 Duplicatas a pagar
21.2 Empréstimos a pagar
22 .RESULTADO DE EXERCÍCIOS FUTUROS
22.1 Aluguel recebido antecipadamente
23. PATRIMÔNIO LÍQUIDO
23.1 Capital
23.1.1 ( - ) Capital a integralizar
23.2 Reservalegal
23.3 Reserva de reavaliação
23.4 Lucros acumulados
23.5 ( - ) Prejuízos acumulados
CONTA DE RESULTADO
DESPESAS
30. DESPESAS OPERACIONAIS
30.1 Luz e telefone
30.2 Água e esgoto
30.3 Despesas com aluguéis
14
Contabilidade A07
30.4 Despesas bancárias
30.5 Descontos concedidos
30.6 Material de expediente
30.7 Despesas com juros
30.8 Despesas com vendas
30.9 Custo de mercadorias vendidas
RECEITAS
40. RECEITAS OPERACIONAIS
40.1 Receita com aluguéis
40.2 Receita com juros
40.3 Descontos obtidos
40.4 Receita de vendas
40.5 Devoluções de vendas
40.6 Receita de serviços
50. CONTAS TRANSITÓRIAS
50.1 Resultado do Exercício
50.2 Lucro do Exercício
50.3 Prejuízo do Exercício
Anotações
15
Contabilidade A07
Anotações
16
Contabilidade A07
Anotações
Contabilidade 07

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Contabilidade 11
Contabilidade 11Contabilidade 11
Contabilidade 11
zeramento contabil
 
Contabilidade respostas 00
Contabilidade respostas 00Contabilidade respostas 00
Contabilidade respostas 00
zeramento contabil
 
Aula 1
Aula 1Aula 1
Contabilidade 10
Contabilidade 10Contabilidade 10
Contabilidade 10
zeramento contabil
 
Contabilidade 02
Contabilidade 02Contabilidade 02
Contabilidade 02
zeramento contabil
 
Contabilidade 05
Contabilidade 05Contabilidade 05
Contabilidade 05
zeramento contabil
 
Livro contabilidade intermediaria 2
Livro contabilidade intermediaria 2Livro contabilidade intermediaria 2
Livro contabilidade intermediaria 2
zeramento contabil
 
Livro pdf - Fundamentos da Contabilidade - Prof MSc Uanderson Rébula
Livro pdf - Fundamentos da Contabilidade - Prof MSc Uanderson RébulaLivro pdf - Fundamentos da Contabilidade - Prof MSc Uanderson Rébula
Livro pdf - Fundamentos da Contabilidade - Prof MSc Uanderson Rébula
Prof MSc Uanderson Rebula
 
Contabilidade Gerencial Estrategica
Contabilidade Gerencial EstrategicaContabilidade Gerencial Estrategica
Contabilidade Gerencial Estrategica
luizjorges
 
Livro pdf - Fundamentos da Contabilidade (exercícios) - Prof MSc Uanderson Ré...
Livro pdf - Fundamentos da Contabilidade (exercícios) - Prof MSc Uanderson Ré...Livro pdf - Fundamentos da Contabilidade (exercícios) - Prof MSc Uanderson Ré...
Livro pdf - Fundamentos da Contabilidade (exercícios) - Prof MSc Uanderson Ré...
Prof MSc Uanderson Rebula
 
contas-contabeis
contas-contabeiscontas-contabeis
contas-contabeis
drifrutal
 
Aula 4 debito e credito
Aula 4  debito e creditoAula 4  debito e credito
Aula 4 debito e credito
Elane Silva
 
Aula de Contabilidade básica com Excel
Aula de Contabilidade básica com ExcelAula de Contabilidade básica com Excel
Aula de Contabilidade básica com Excel
Clayton de Almeida Souza
 
Contabilidade intermediaria
Contabilidade intermediariaContabilidade intermediaria
Contabilidade intermediaria
cunha1981
 
Apostila contabilidade empresarial
Apostila contabilidade empresarialApostila contabilidade empresarial
Apostila contabilidade empresarial
Suzana Sarmento
 
Fundamentos de contabilidade
Fundamentos de contabilidadeFundamentos de contabilidade
Fundamentos de contabilidade
Andrei Felipe
 
Práticas Financeiras e Contábeis - :Aulas 9 e 10
Práticas Financeiras e Contábeis - :Aulas 9 e 10Práticas Financeiras e Contábeis - :Aulas 9 e 10
Práticas Financeiras e Contábeis - :Aulas 9 e 10
Wandick Rocha de Aquino
 
Contabilidade gerencial- Professor Danilo Pires
Contabilidade gerencial- Professor Danilo PiresContabilidade gerencial- Professor Danilo Pires
Contabilidade gerencial- Professor Danilo Pires
Danilo Pires
 
Módulo 4 contabilidade gerencial
Módulo 4   contabilidade gerencialMódulo 4   contabilidade gerencial
Módulo 4 contabilidade gerencial
PUC Minas
 
Módulo 2 contabilidade gerencial
 Módulo 2  contabilidade gerencial Módulo 2  contabilidade gerencial
Módulo 2 contabilidade gerencial
PUC Minas
 

Mais procurados (20)

Contabilidade 11
Contabilidade 11Contabilidade 11
Contabilidade 11
 
Contabilidade respostas 00
Contabilidade respostas 00Contabilidade respostas 00
Contabilidade respostas 00
 
Aula 1
Aula 1Aula 1
Aula 1
 
Contabilidade 10
Contabilidade 10Contabilidade 10
Contabilidade 10
 
Contabilidade 02
Contabilidade 02Contabilidade 02
Contabilidade 02
 
Contabilidade 05
Contabilidade 05Contabilidade 05
Contabilidade 05
 
Livro contabilidade intermediaria 2
Livro contabilidade intermediaria 2Livro contabilidade intermediaria 2
Livro contabilidade intermediaria 2
 
Livro pdf - Fundamentos da Contabilidade - Prof MSc Uanderson Rébula
Livro pdf - Fundamentos da Contabilidade - Prof MSc Uanderson RébulaLivro pdf - Fundamentos da Contabilidade - Prof MSc Uanderson Rébula
Livro pdf - Fundamentos da Contabilidade - Prof MSc Uanderson Rébula
 
Contabilidade Gerencial Estrategica
Contabilidade Gerencial EstrategicaContabilidade Gerencial Estrategica
Contabilidade Gerencial Estrategica
 
Livro pdf - Fundamentos da Contabilidade (exercícios) - Prof MSc Uanderson Ré...
Livro pdf - Fundamentos da Contabilidade (exercícios) - Prof MSc Uanderson Ré...Livro pdf - Fundamentos da Contabilidade (exercícios) - Prof MSc Uanderson Ré...
Livro pdf - Fundamentos da Contabilidade (exercícios) - Prof MSc Uanderson Ré...
 
contas-contabeis
contas-contabeiscontas-contabeis
contas-contabeis
 
Aula 4 debito e credito
Aula 4  debito e creditoAula 4  debito e credito
Aula 4 debito e credito
 
Aula de Contabilidade básica com Excel
Aula de Contabilidade básica com ExcelAula de Contabilidade básica com Excel
Aula de Contabilidade básica com Excel
 
Contabilidade intermediaria
Contabilidade intermediariaContabilidade intermediaria
Contabilidade intermediaria
 
Apostila contabilidade empresarial
Apostila contabilidade empresarialApostila contabilidade empresarial
Apostila contabilidade empresarial
 
Fundamentos de contabilidade
Fundamentos de contabilidadeFundamentos de contabilidade
Fundamentos de contabilidade
 
Práticas Financeiras e Contábeis - :Aulas 9 e 10
Práticas Financeiras e Contábeis - :Aulas 9 e 10Práticas Financeiras e Contábeis - :Aulas 9 e 10
Práticas Financeiras e Contábeis - :Aulas 9 e 10
 
Contabilidade gerencial- Professor Danilo Pires
Contabilidade gerencial- Professor Danilo PiresContabilidade gerencial- Professor Danilo Pires
Contabilidade gerencial- Professor Danilo Pires
 
Módulo 4 contabilidade gerencial
Módulo 4   contabilidade gerencialMódulo 4   contabilidade gerencial
Módulo 4 contabilidade gerencial
 
Módulo 2 contabilidade gerencial
 Módulo 2  contabilidade gerencial Módulo 2  contabilidade gerencial
Módulo 2 contabilidade gerencial
 

Destaque

Contabilidade 01
Contabilidade 01Contabilidade 01
Contabilidade 01
zeramento contabil
 
Razonetes cap i 2015
Razonetes cap i 2015Razonetes cap i 2015
Razonetes cap i 2015
zeramento contabil
 
Contabilidade basica online m3 ar
Contabilidade basica online m3 arContabilidade basica online m3 ar
Contabilidade basica online m3 ar
flavianeasilva
 
Aula 13 contabilidade
Aula 13 contabilidadeAula 13 contabilidade
Aula 13 contabilidade
contacontabil
 
Livro caixa escrituração
Livro caixa escrituraçãoLivro caixa escrituração
Livro caixa escrituração
zeramento contabil
 
Guia
GuiaGuia
Testeconhecimentoscontabeis
TesteconhecimentoscontabeisTesteconhecimentoscontabeis
Testeconhecimentoscontabeis
zeramento contabil
 
Resumo contabilidade 2009
Resumo contabilidade 2009Resumo contabilidade 2009
Resumo contabilidade 2009
zeramento contabil
 
Balancetes e razonetes cap 11
Balancetes e razonetes cap 11Balancetes e razonetes cap 11
Balancetes e razonetes cap 11
zeramento contabil
 
Questões de contabilidade de custos
Questões de contabilidade de custosQuestões de contabilidade de custos
Questões de contabilidade de custos
zeramento contabil
 
Exercicios resolvidos contabilidade geral aula 15 cathedra
Exercicios resolvidos contabilidade geral   aula 15 cathedraExercicios resolvidos contabilidade geral   aula 15 cathedra
Exercicios resolvidos contabilidade geral aula 15 cathedra
contacontabil
 
Aulas de Custos (Contabilidade Gerencial)
Aulas de Custos (Contabilidade Gerencial)Aulas de Custos (Contabilidade Gerencial)
Aulas de Custos (Contabilidade Gerencial)
Adriano Bruni
 
Balancetes e razonetes cap 12
Balancetes e razonetes cap 12Balancetes e razonetes cap 12
Balancetes e razonetes cap 12
zeramento contabil
 

Destaque (13)

Contabilidade 01
Contabilidade 01Contabilidade 01
Contabilidade 01
 
Razonetes cap i 2015
Razonetes cap i 2015Razonetes cap i 2015
Razonetes cap i 2015
 
Contabilidade basica online m3 ar
Contabilidade basica online m3 arContabilidade basica online m3 ar
Contabilidade basica online m3 ar
 
Aula 13 contabilidade
Aula 13 contabilidadeAula 13 contabilidade
Aula 13 contabilidade
 
Livro caixa escrituração
Livro caixa escrituraçãoLivro caixa escrituração
Livro caixa escrituração
 
Guia
GuiaGuia
Guia
 
Testeconhecimentoscontabeis
TesteconhecimentoscontabeisTesteconhecimentoscontabeis
Testeconhecimentoscontabeis
 
Resumo contabilidade 2009
Resumo contabilidade 2009Resumo contabilidade 2009
Resumo contabilidade 2009
 
Balancetes e razonetes cap 11
Balancetes e razonetes cap 11Balancetes e razonetes cap 11
Balancetes e razonetes cap 11
 
Questões de contabilidade de custos
Questões de contabilidade de custosQuestões de contabilidade de custos
Questões de contabilidade de custos
 
Exercicios resolvidos contabilidade geral aula 15 cathedra
Exercicios resolvidos contabilidade geral   aula 15 cathedraExercicios resolvidos contabilidade geral   aula 15 cathedra
Exercicios resolvidos contabilidade geral aula 15 cathedra
 
Aulas de Custos (Contabilidade Gerencial)
Aulas de Custos (Contabilidade Gerencial)Aulas de Custos (Contabilidade Gerencial)
Aulas de Custos (Contabilidade Gerencial)
 
Balancetes e razonetes cap 12
Balancetes e razonetes cap 12Balancetes e razonetes cap 12
Balancetes e razonetes cap 12
 

Semelhante a Contabilidade 07

CONTABEIS 03.pdf
CONTABEIS 03.pdfCONTABEIS 03.pdf
CONTABEIS 03.pdf
ArlenoFavacho2
 
Introdução à análise das demonstrações contábeis
Introdução à análise das demonstrações contábeisIntrodução à análise das demonstrações contábeis
Introdução à análise das demonstrações contábeis
Gilmar Seco Peres
 
Analise e PlanejamentoFinanceiro modulo 2
Analise e PlanejamentoFinanceiro modulo 2Analise e PlanejamentoFinanceiro modulo 2
Analise e PlanejamentoFinanceiro modulo 2
consulte
 
Cursooo modulo 2
Cursooo modulo 2Cursooo modulo 2
Cursooo modulo 2
consulte
 
REVISTA DA LIVRARIA IOB Agosto/2015
REVISTA DA LIVRARIA IOB Agosto/2015REVISTA DA LIVRARIA IOB Agosto/2015
REVISTA DA LIVRARIA IOB Agosto/2015
IOB News
 
Plano de negócio
Plano de negócioPlano de negócio
Plano de negócio
Anderson Alberto Ramos
 
Análise de demonstrações contábeis_-_UNIDADE1 .pptx
Análise de demonstrações contábeis_-_UNIDADE1 .pptxAnálise de demonstrações contábeis_-_UNIDADE1 .pptx
Análise de demonstrações contábeis_-_UNIDADE1 .pptx
TaianeTeles
 
Livro parte i-2.0_contabilidade-basica
Livro parte i-2.0_contabilidade-basicaLivro parte i-2.0_contabilidade-basica
Livro parte i-2.0_contabilidade-basica
sylvya42
 
Contabilidade básica
Contabilidade básicaContabilidade básica
Contabilidade básica
Cfx2015
 
Contabilidade basica
Contabilidade basicaContabilidade basica
Contabilidade basica
Elane Silva
 
Contabilidade basica
Contabilidade basicaContabilidade basica
Contabilidade basica
jfsead
 
Gestão financeira
Gestão financeiraGestão financeira
Gestão financeira
jjjdiscovery
 
13.gest o_financeira
13.gest  o_financeira13.gest  o_financeira
13.gest o_financeira
Leonardo Oliveira
 
Plano de contas
Plano de contasPlano de contas
Plano de contas
Felipe Leo
 
1 guia pratico do orcamento empresarial
1 guia pratico do orcamento empresarial1 guia pratico do orcamento empresarial
1 guia pratico do orcamento empresarial
Paulo fattori
 
Treasy guia pratico do orcamento empresarial
Treasy   guia pratico do orcamento empresarialTreasy   guia pratico do orcamento empresarial
Treasy guia pratico do orcamento empresarial
flavioxconsult
 
Contabilidade Básica
Contabilidade  BásicaContabilidade  Básica
Contabilidade Básica
MiguelSantos486
 
Contabil basica
Contabil basicaContabil basica
Contabil basica
Leopoldo Joaquim
 
O balanço patrimonial é fundamental para a saúde financeira e contábil de uma...
O balanço patrimonial é fundamental para a saúde financeira e contábil de uma...O balanço patrimonial é fundamental para a saúde financeira e contábil de uma...
O balanço patrimonial é fundamental para a saúde financeira e contábil de uma...
Alysson Paulynelly
 
Planejamento financeiro (2)
Planejamento financeiro (2)Planejamento financeiro (2)
Planejamento financeiro (2)
Fernando Moura
 

Semelhante a Contabilidade 07 (20)

CONTABEIS 03.pdf
CONTABEIS 03.pdfCONTABEIS 03.pdf
CONTABEIS 03.pdf
 
Introdução à análise das demonstrações contábeis
Introdução à análise das demonstrações contábeisIntrodução à análise das demonstrações contábeis
Introdução à análise das demonstrações contábeis
 
Analise e PlanejamentoFinanceiro modulo 2
Analise e PlanejamentoFinanceiro modulo 2Analise e PlanejamentoFinanceiro modulo 2
Analise e PlanejamentoFinanceiro modulo 2
 
Cursooo modulo 2
Cursooo modulo 2Cursooo modulo 2
Cursooo modulo 2
 
REVISTA DA LIVRARIA IOB Agosto/2015
REVISTA DA LIVRARIA IOB Agosto/2015REVISTA DA LIVRARIA IOB Agosto/2015
REVISTA DA LIVRARIA IOB Agosto/2015
 
Plano de negócio
Plano de negócioPlano de negócio
Plano de negócio
 
Análise de demonstrações contábeis_-_UNIDADE1 .pptx
Análise de demonstrações contábeis_-_UNIDADE1 .pptxAnálise de demonstrações contábeis_-_UNIDADE1 .pptx
Análise de demonstrações contábeis_-_UNIDADE1 .pptx
 
Livro parte i-2.0_contabilidade-basica
Livro parte i-2.0_contabilidade-basicaLivro parte i-2.0_contabilidade-basica
Livro parte i-2.0_contabilidade-basica
 
Contabilidade básica
Contabilidade básicaContabilidade básica
Contabilidade básica
 
Contabilidade basica
Contabilidade basicaContabilidade basica
Contabilidade basica
 
Contabilidade basica
Contabilidade basicaContabilidade basica
Contabilidade basica
 
Gestão financeira
Gestão financeiraGestão financeira
Gestão financeira
 
13.gest o_financeira
13.gest  o_financeira13.gest  o_financeira
13.gest o_financeira
 
Plano de contas
Plano de contasPlano de contas
Plano de contas
 
1 guia pratico do orcamento empresarial
1 guia pratico do orcamento empresarial1 guia pratico do orcamento empresarial
1 guia pratico do orcamento empresarial
 
Treasy guia pratico do orcamento empresarial
Treasy   guia pratico do orcamento empresarialTreasy   guia pratico do orcamento empresarial
Treasy guia pratico do orcamento empresarial
 
Contabilidade Básica
Contabilidade  BásicaContabilidade  Básica
Contabilidade Básica
 
Contabil basica
Contabil basicaContabil basica
Contabil basica
 
O balanço patrimonial é fundamental para a saúde financeira e contábil de uma...
O balanço patrimonial é fundamental para a saúde financeira e contábil de uma...O balanço patrimonial é fundamental para a saúde financeira e contábil de uma...
O balanço patrimonial é fundamental para a saúde financeira e contábil de uma...
 
Planejamento financeiro (2)
Planejamento financeiro (2)Planejamento financeiro (2)
Planejamento financeiro (2)
 

Mais de zeramento contabil

Caderno de-exercicios-contab-ii
Caderno de-exercicios-contab-iiCaderno de-exercicios-contab-ii
Caderno de-exercicios-contab-ii
zeramento contabil
 
Contabilidade respostas 00
Contabilidade respostas 00Contabilidade respostas 00
Contabilidade respostas 00
zeramento contabil
 
Tributario definicoes
Tributario definicoesTributario definicoes
Tributario definicoes
zeramento contabil
 
Tributario
TributarioTributario
Tributario
zeramento contabil
 
Resumo tributario
Resumo tributarioResumo tributario
Resumo tributario
zeramento contabil
 
P i s e confins na a quisição de m ercadorias e serviços
P i s e confins na a quisição de m ercadorias e serviçosP i s e confins na a quisição de m ercadorias e serviços
P i s e confins na a quisição de m ercadorias e serviços
zeramento contabil
 
Obrigação tributária lançamento
Obrigação tributária lançamentoObrigação tributária lançamento
Obrigação tributária lançamentozeramento contabil
 
Lei geral
Lei geralLei geral
D tributario
D tributarioD tributario
D tributario
zeramento contabil
 
Calculos tributarios
Calculos tributariosCalculos tributarios
Calculos tributarios
zeramento contabil
 
Calculos trabalhistas rh
Calculos trabalhistas rhCalculos trabalhistas rh
Calculos trabalhistas rh
zeramento contabil
 
Calculos trabalhistas ir
Calculos trabalhistas irCalculos trabalhistas ir
Calculos trabalhistas ir
zeramento contabil
 
Calculos trabalhistas folha de pagamento
Calculos trabalhistas folha de pagamentoCalculos trabalhistas folha de pagamento
Calculos trabalhistas folha de pagamento
zeramento contabil
 

Mais de zeramento contabil (14)

Caderno de-exercicios-contab-ii
Caderno de-exercicios-contab-iiCaderno de-exercicios-contab-ii
Caderno de-exercicios-contab-ii
 
Contabilidade respostas 00
Contabilidade respostas 00Contabilidade respostas 00
Contabilidade respostas 00
 
Rosa dos ventos
Rosa dos ventosRosa dos ventos
Rosa dos ventos
 
Tributario definicoes
Tributario definicoesTributario definicoes
Tributario definicoes
 
Tributario
TributarioTributario
Tributario
 
Resumo tributario
Resumo tributarioResumo tributario
Resumo tributario
 
P i s e confins na a quisição de m ercadorias e serviços
P i s e confins na a quisição de m ercadorias e serviçosP i s e confins na a quisição de m ercadorias e serviços
P i s e confins na a quisição de m ercadorias e serviços
 
Obrigação tributária lançamento
Obrigação tributária lançamentoObrigação tributária lançamento
Obrigação tributária lançamento
 
Lei geral
Lei geralLei geral
Lei geral
 
D tributario
D tributarioD tributario
D tributario
 
Calculos tributarios
Calculos tributariosCalculos tributarios
Calculos tributarios
 
Calculos trabalhistas rh
Calculos trabalhistas rhCalculos trabalhistas rh
Calculos trabalhistas rh
 
Calculos trabalhistas ir
Calculos trabalhistas irCalculos trabalhistas ir
Calculos trabalhistas ir
 
Calculos trabalhistas folha de pagamento
Calculos trabalhistas folha de pagamentoCalculos trabalhistas folha de pagamento
Calculos trabalhistas folha de pagamento
 

Contabilidade 07

  • 1. 07 Sônia Maria de Araújo C U R S O T É C N I C O E M O P E R A Ç Õ E S C O M E R C I A I S Planos de Contas CONTABILIDADE
  • 2. Coordenadora da Produção dos Materias Marta Maria Castanho Almeida Pernambuco Coordenador de Edição Ary Sergio Braga Olinisky Coordenadora de Revisão Giovana Paiva de Oliveira Design Gráfico Ivana Lima Diagramação Ivana Lima José Antônio Bezerra Júnior Mariana Araújo de Brito Vitor Gomes Pimentel Arte e ilustração Adauto Harley Carolina Costa Heinkel Huguenin Revisão Tipográfica Adriana Rodrigues Gomes Design Instrucional Janio Gustavo Barbosa Luciane Almeida Mascarenhas de Andrade Jeremias Alves A. Silva Margareth Pereira Dias Revisão de Linguagem Maria Aparecida da S. Fernandes Trindade Revisão das Normas da ABNT Verônica Pinheiro da Silva Adaptação para o Módulo Matemático Joacy Guilherme de Almeida Ferreira Filho Revisão Técnica Rosilene Alves de Paiva EQUIPE SEDIS | UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE – UFRN Projeto Gráfico Secretaria de Educação a Distância – SEDIS Governo Federal Ministério da Educação
  • 3. Você verá por aqui... Objetivo 1 Contabilidade A07 ...um breve estudo sobre Plano de Contas – parâmetro utilizado na elaboração das demonstrações financeiras que orienta os trabalhos contábeis dos registros de fatos e atos que ocorreram na empresa. Também como é feita a distribuição das contas patrimoniais e das contas de resultado em um Plano de Contas, nos grupos e subgrupos a que elas pertençam de acordo com a ótica contábil. Verá ainda uma esquematização de contas e um modelo de Plano de Contas simplificado. Nesta aula, é necessário que você tenha bastante atenção, pois os assuntos tratados aqui irão subsidiar várias informações essenciais para a continuação dos nossos estudos.  Saber descrever o que é um Plano de Contas.  Conhecer a organização de um Plano de Contas.  Verificar a importância do Plano de Contas.  Saber fazer aplicações do Plano de Contas.
  • 4. 2 Contabilidade A07 Para começo de conversa… D e acordo com a equipe dos professores da FEA/USP, para se colocar em funcionamento qualquer tipo de empreendimento,uma das primeiras providências é fazer a planificação contábil. O Contador estuda a natureza da entidade, faz a verificação dos tipos de transações que provavelmente irão ocorrer e daí faz um planejamento para ver como essas transações deverão ser registradas. A partir desse estudo, é elaborado um Plano de Contas adequado para o tipo do empreendimento, que deverá ser observado obrigatoriamente na empresa. Mas, então, o que um Plano de Contas? Descubra você mesmo no decorrer desta aula.
  • 5. 3 Contabilidade A07 Estudando planificação contábil Uma empresa precisa de parâmetros para organizar as suas contas, de acordo com os princípios e normas que fundamentam a Contabilidade. Plano de Contas é a relação das contas que uma empresa utiliza para efetuar os seus registros (denominados de Lançamentos Contábeis), com a finalidade principal de estabelecer critérios para o registro das operações da empresa. Sendo assim, cada empresa tem um plano de contas de acordo com a sua necessidade, ou seja, não existe um modelo único de plano de contas para toda e qualquer tipo de empresa. O que veremos aqui na verdade, são as diretrizes de como elaborar um plano de contas. Dias e Caldarelli (2008, p. 29) ressaltam: “o plano de contas é efetivamente o instrumento de consulta do profissional para fazer o lançamento contábil, pois indica qual conta deve ser debitada e qual conta deve ser creditada.” OBS.: Uma empresa comercial não colocará no seu plano de contas algumas contas, como: estoque de matéria prima, produtos acabados, produtos em elaboração, entre outras, já que são contas que deverão constar no plano de contas de uma empresa que industrializa algum tipo de bens. Algumas observações a respeito do Plano de Contas  Não devem ser incluídas contas estranhas à natureza da empresa.  Deverão constar contas que são criadas para atender à legislação fiscal e comercial.  Atender ao disposto da Lei 6.404/76, que regulamentou a disposição dos grupos e contas para que sejam apresentadas as Demonstrações Financeiras no final do exercício.  Não existe um plano de contas único para todo e qualquer tipo de empresa. A seguir, você verá a esquematização dos grupos e subgrupos do Ativo e do Passivo.
  • 6. 1Praticando... 4 Contabilidade A07 Quadro 1 − Estrutura do Balanço Patrimonial ATIVO PASSIVO Circulante Circulante Realizável a longo prazo Exigível a longo prazo Permanente Resultado de exercícios futuros Investimento Patrimônio líquido Imobilizado Capital Intangível Reservas de capital Diferido Ajustes da avaliação patrimonial Reservas de incentivos fiscais Reservas de lucros Prejuízos Total do Ativo Total do Passivo Fonte: Dias e Caldarelli (2008, p. 54). 1. Responda: a) De acordo com o que já foi exposto, elabore um conceito de Plano de Contas. b) Como ficaria o registro de todos os fatos administrativos dentro de uma empresa sem um Plano de Contas? c) Qual a importância de um Plano de Contas?
  • 7. 5 Contabilidade A07 Agora, vamos conhecer um Plano de Contas (simplificado). Observe os elementos do quadro abaixo. Quadro 2 – Contas Patrimoniais ATIVO PASSIVO CIRCULANTE Caixa Fornecedores Banco conta movimento Empréstimos bancários a pagar Duplicatas a receber Duplicatas a pagar Estoques Obrigações trabalhistas Adiantamento a fornecedores Obrigações tributárias Devedores diversos Provisão para o Imposto de Renda REALIZÁVEL A LONGO PRAZO Credores diversos Duplicatas a receber EXIGÍVEL A LONGO PRAZO PERMANENTE Duplicatas apagar Investimentos Empréstimos bancários a pagar Imóveis para não uso RESULTADO DE EXERCÍCIOS FUTUROS Participação em outras empresas Aluguéis recebidos antecipado Imobilizado PATRIMÔNIO LÍQUIDO Imóveis para uso Capital Máquinas e equipamentos (- ) Capital a realizar Móveis e utensílios Reservas de lucros Veículos Reserva para aumento de capital ( - ) Depreciações acumuladas Lucros acumulados ou Intangível ( - ) Prejuízos acumulados DIFERIDO Despesas com projetos Despesas com organização Também será organizado um quadro com todas as contas de resultado, ou seja, as contas de despesas e de receitas. Quadro 3 – Contas de Resultado DESPESAS RECEITAS Despesas com vendas Vendas Despesas financeiras Receita de serviços Despesas com propaganda Receitas diversas Despesas administrativas Despesas gerais Despesas com água luz e telefone Compras
  • 8. 6 Contabilidade A07 O Plano de Contas que você acabou de conhecer deverá ser ampliado de acordo com o porte da empresa. As contas poderão ser subdivididas, se houver necessidade. Despesas com vendas: Frete Comissões sobre vendas Diárias Banco conta movimento: Banco do Brasil Banco Itaú Banco Sul Banco X, etc. Exemplo 1 Sendo assim, uma conta que poderá ser chamada de conta sintética, no caso dos exemplos acima, seriam as contas de Despesas com Vendas e Banco conta movimento, e as contas analíticas seriam as contas: comissões sobre vendas, Banco do Brasil, Banco Itaú, Banco Sul e Banco X. Quadro 4 – Algumas contas sintética e analíticas de despesas e receitas Contas sintéticas Contas analíticas Despesa com vendas Frete Comissões sobre vendas Diárias Banco conta movimento Banco do Brasil Itaú-Unibanco Banco Sul Banco X
  • 9. 7 Contabilidade A07 2Praticando... Existe um único modelo de Plano de Contas para todo e qualquer tipo de empresa. Sim ou não? Justifique a sua resposta. De acordo com os professores da FEA/USP, quando a Contabilidade é bem planejada, grande parte da escrituração se torna rotineira e pode ser realizada por um escriturário sob a supervisão de um contador. Para se elaborar um plano de contas é necessário que façamos a codificação das contas, com a intenção de não confundir as contas do Ativo com as contas do Passivo ou as contas de Despesas com as contas de Receitas. Para evitar este tipo de problema, a Contabilidade utiliza um código numérico para cada conta. Agora vamos ver como isso funciona. Em nosso Plano de Contas, iremos atribuir a seguinte numeração: 1. Ativo 2. Passivo 3. Despesas 4. Receitas 5. Sistema auxiliar ou contas de compensação Sendo assim, quando uma conta começar com o número 1, você já saberá de imediato que se trata de uma conta do Ativo (por exemplo, 10, 11, 100 são indicadores de contas do Ativo); quando a conta começar com o número 2, você já saberá que trata de uma conta do Passivo; pelo 3, é porque é uma de Despesas; pelo 4, da Receita; e 5, de Sistema auxiliar.
  • 10. 8 Contabilidade A07 LEMBRETE IMPORTANTE Ninguém precisa decorar um Plano de Contas. É importante e necessário que você conheça as finalidades das contas, em qual grupo ela está inserida para poder utilizá-las da maneira correta. Não adianta decorar um Plano de Contas se não souber usá-lo corretamente. Para fins didáticos, vamos apresentar um Plano de Contas (simplificado) obedecendo à numeração acima apresentada. Parece complicado? Garanto a você que não é. Só precisa um pouco de atenção. No fim da aula, disponibilizamos um modelo de plano de contas, você deverá consultá-lo para seguir adiante e sempre que for necessário, nessa e nas próximas aulas deverá voltar a ele. LEMBRE-SE: o plano de contas que você encontrará ao final da aula é apenas um modelo, entre tantos outros, que você poderá encontrar.
  • 11. 9 Contabilidade A07 Nesta aula, você ficou sabendo o que é o Plano de Contas (simplificado), com seus grupos e subgrupos, como também a sua importância para a escrituração contábil e para o levantamento do balanço patrimonial. 1. Complete: As depreciações acumuladas são diminuídas do_____________. 2. Relacione a coluna da direita com a da esquerda (a) Conta de resultado devedora ( ) Despesa com vendas (b) Conta de resultado credora ( ) Receita com vendas ( ) Despesa com juros ( ) Descontos obtidos ( ) Descontos concedidos 3. Relacione a coluna da direita com a esquerda (a) Ativo Circulante ( ) Capital (b) Realizável a longo prazo ( ) Caixa (c) Permanente – Investimento ( ) Máquinas e Equipamentos (d) Permanente – Imobilizado ( ) Fornecedores (e) Passivo Circulante ( ) Imóveis para uso (d) Patrimônio Líquido ( ) Duplicatas a receber 4. Suponhamos que uma empresa adquira dois imóveis: a) um deles será oferecido em aluguel para uma outra empresa b) o outro será destinado à instalação do novo almoxarifado
  • 12. 10 Contabilidade A07 Pergunto: Em que grupo e subgrupo você classificaria o imóvel que será destinado a aluguel? Em que grupo e subgrupo você classificaria o imóvel que será destinado à instalação do novo almoxarifado? 5. Solucione as seguintes questões: a) Sabendo-se que o curto prazo deverá ser classificado no ativo circulante ou no passivo circulante, tendo por medida o encerramento do próximo exercício, assim, uma empresa que encerra o balanço no dia 30.06.2008, quando terá o final do seu próximo exercício? b) Em que consistem as características das contas que irão compor: (I) Ativo circulante (II) Exigível a longo prazo (III) Imobilizado – Investimento
  • 13. 11 Contabilidade A07 (IV) Realizável a longo prazo (V) Passivo circulante (VI) Resultado de Exercícios futuros (VII) Diferido Referências DIAS, Adriana Marques; CALDARELLI, Carlos Alberto. Lei 11.638: uma revolução na contabilidade das empresas. São Paulo: Trevisan Editora Universitária, 2008. FACULDADE DE ECONOMIA, ADMINISTRAÇÃO E CONTABILIDADE - FEA/USP. Contabilidade introdutória. 9. ed. São Paulo: Atlas, 1998. HILÁRIO, Franco. Contabilidade Comercial. 13. ed. São Paulo: Atlas, 1996. OSNI, Moura Ribeiro. Contabilidade básica. São Paulo: Saraiva,1999. SOUZA, Luis Carlos. Contabilidade ao alcance de Todos. Curitiba: Juruá, 2006.
  • 14. 12 Contabilidade A07 APÊNDICE A - MODELO DE PLANO DE CONTAS (SIMPLIFICADO) 1. ATIVO 10. CIRCULANTE 10.1 Caixa 10.2 Banco conta movimento 10.3 Clientes 10.4 Duplicatas a receber 10.5 Contas a receber 10.6 Estoque de mercadorias 10.7 Estoque de material de expediente 11. REALIZÁVEL A LONGO PRAZO 11.1 Duplicatas a receber 11.2 Contas a receber 11.3 Empréstimos a receber 12. PERMANENTE 12.1 INVESTIMENTO 12.1.1 Participação em outras empresas 12.1.2 Imóveis para renda 12.2 IMOBILIZADO 12.2.1 Imóveis 12.2.2 Instalações 12.2.3 Móveis e Utensílios 12.2.4 Máquinas e equipamentos 12.2.5 Veículos 12.2.6 ( - ) Depreciações acumuladas 12.3 INTANGÍVEL 12.3.1 Marcas, direitos e patentes 12.3.2 Fundo de comércio 12.3.3 ( - ) Amortizações acumuladas
  • 15. 13 Contabilidade A07 12.4 DIFERIDO 12.4.1 Despesa de organização 2. PASSIVO 20. CIRCULANTE 20.1 Fornecedores 20.2 Duplicatas a pagar 20.3 Salários a pagar 20.4 Honorários a pagar 20.5 Empréstimos a pagar 20.6 INSS a recolher 20.7 FGTS a recolher 20.8 PIS s/faturamento 20.9 Contribuição sindical a recolher 21. EXIGÍVEL A LONGO PRAZO 21.1 Duplicatas a pagar 21.2 Empréstimos a pagar 22 .RESULTADO DE EXERCÍCIOS FUTUROS 22.1 Aluguel recebido antecipadamente 23. PATRIMÔNIO LÍQUIDO 23.1 Capital 23.1.1 ( - ) Capital a integralizar 23.2 Reservalegal 23.3 Reserva de reavaliação 23.4 Lucros acumulados 23.5 ( - ) Prejuízos acumulados CONTA DE RESULTADO DESPESAS 30. DESPESAS OPERACIONAIS 30.1 Luz e telefone 30.2 Água e esgoto 30.3 Despesas com aluguéis
  • 16. 14 Contabilidade A07 30.4 Despesas bancárias 30.5 Descontos concedidos 30.6 Material de expediente 30.7 Despesas com juros 30.8 Despesas com vendas 30.9 Custo de mercadorias vendidas RECEITAS 40. RECEITAS OPERACIONAIS 40.1 Receita com aluguéis 40.2 Receita com juros 40.3 Descontos obtidos 40.4 Receita de vendas 40.5 Devoluções de vendas 40.6 Receita de serviços 50. CONTAS TRANSITÓRIAS 50.1 Resultado do Exercício 50.2 Lucro do Exercício 50.3 Prejuízo do Exercício Anotações