SlideShare uma empresa Scribd logo
A arte e sua função
Um passeio pela história, sociologia e filosofia da arte
Prof. Ana Paula Dibbern
apdibbern@gmail.com
Prof. Alexandre Linares
alexandrelinares@gmail.com
Arte e sua função - Alexandre Linares e Ana Paula Dibbern
Arte e sua função - Alexandre Linares e Ana Paula Dibbern
Na página 2
Leda e o Cisne (1510-15) de Leonardo Da Vinci
Madalena arrependida (1453-55) de Donatello
Na página 3:
David (1501-04) de Michelangelo.
Lilith como a serpente (1508) de Rafael
Um exercício prático...
Antes de avançarmos
Leiam a proposta e sistematizem/estruturem
4 ou 5 tópicos que vocês buscariam desenvolver
na sua dissertação diante do tema
7 a 8 minutos para a tarefa!
O que é arte?
Isto não é um cachimbo.
La Trahison
des Images
(“A Traição das
Imagens”) é uma
pintura do pintor
surrealista belga
René Magritte.
O que é arte?
“A ciência descreve as coisas como são;
a arte, como são sentidas,
como se sente que são.”
Fernando Pessoa
O que é arte ?
1 - A palavra deriva do latim ars, artis, que significa maneira de ser ou de
agir, profissão, habilidade natural ou adquirida, e, na cultura greco-romana, possuía
o sentido de ofício, habilidade. Nessa concepção, a arte estava ligada ao propósito
de fazer, ou seja, era concebida com base em um aspecto executivo e manual.
2 - A arte também foi e é vista por alguns como conhecimento, visão ou
contemplação. Nesse caso, coloca-se em segundo plano o aspecto exterior da
arte, o objeto criado, e concede-se a ela um sentido de visão da realidade, ou seja,
de retrato de formas de conhecer.
3 - A terceira definição coloca que a arte é expressão. Essa visão, que é fruto
especialmente do Romantismo, define arte com base em seus elementos
externalizados em os motivos que a tornam viva, ou seja, alinha as formas do
objeto artístico criado com os sentimentos que a animam e a suscitam.
Fonte: História das Artes (https://www.historiadasartes.com/olho-vivo/o-que-e-
arte/)
O que é arte?
OUTRAS DEFINIÇÕES
• Criação humana de valores estéticos (beleza, equilíbrio, harmonia, revolta, etc.)
que sintetizam suas emoções, sua história, seus sentimentos e sua cultura;
• Capacidade do homem de criar e expressar-se, transmitindo ideias, sensações e
sentimentos através da manipulação de materiais e meios diversos;
• Atividade humana ligada a manifestações de ordem estética, feita por artistas a
partir de percepção, emoções e ideias, com o objetivo de estimular esse interesse
de consciência em um ou mais espectadores, e cada obra de arte possui um
significado único e diferente;
• Reflexo do ser humano que muitas vezes representam a sua condição social-
histórica e sua essência de ser pensante;
O que é arte?
OUTRAS DEFINIÇÕES
• Habilidade ou disposição dirigida para a execução de uma finalidade prática ou
teórica, realizada de forma consciente, controlada e racional;
• Composto de meios e procedimentos realizados pelo homem, através dos quais
é possível a obtenção de finalidades práticas ou a produção de objetos; técnica
para criar algo;
• Conjunto de obras de determinado período histórico, nação, povos, movimento
artístico, por exemplo, Arte Medieval,Arte Africana,Arte Realista, etc.
O que é arte?
lUm dos mais importantes historiadores da arte,
Ernest Gombrich (1909-2001), afirmou que
nada existe realmente a que se possa dar o
nome de arte. Existem somente artistas. Arte é
um tipo de fenômeno cultural. Regras
absolutas sobre arte não sobrevivem ao tempo’,
mas a cada época, diferente grupos (ou cada
indivíduo) escolhem como compreendem esse
fenômeno.
lOs historiadores de arte buscam determinar os
períodos que empregam certo estilo estético,
denominando-os por movimentos artísticos.
Tudo é arte?
O que é arte?
Uma das características da arte é a dificuldade que se tem
de conferir-lhe utilidade. Muitas vezes esta dificuldade em
encontrar utilidade imediata para a arte mascara
preconceitos contra arte e os artistas. Como manifestação
cultural humana, pode ser utilizada para coesão social,
reafirmando valores ou, pelo contrário, criticando-os.
A arte possui a função transcendente, ou seja, manchas de
tinta sobre uma tela ou palavras escritas sobre um papel
simbolizam estados de consciência humana, abrangendo
percepção, emoção e razão.
Um pouco da história...
Arte pré-histórica
Surge no Paleolítico e desenvolve-se
no Neolítico.
As mais antigas obras de artes
conhecidas remota 40.000 anos
antes de nossa era (a.C).
Um pouco de história...
Arte antiga
Aqui temos um período entre 3000 a.C.
e 300 a.C. onde a arte se desenvolveu
em várias partes do mundo da África,
Asía e Europa
Um pouco de história...
Arte clássica
Desenvolveu 1000 a.C.-300 d.C
nas cidades Gregas e em
Roma. Ela alcançou o mundo
mediterrâneo e desenvolveu-se
como principal padrão de
beleza artístico.
Um pouco de história...
Arte medieval
Desenvolve-se entre 300-1350 na Europa e no
Oriente Médio. Boa parte dela deriva da arte
romana e mistura-se com as expressões
artísticas dos povos bárbaros que ocupam a
Europa.
Nos Balcãs, Oriente Médio e norte da África
desenvolve-se a arte bizantina e islâmica. Na
Índia e China também há desenvolvimento
artístico.
Um pouco de história...
Arte Africana
Expressões artísticas de povos da África com
diferentes sociedades e estágios culturais.
Nas pinturas, assim como nas esculturas, a
presença da figura humana identifica a
preocupação com os valores étnicos, morais e
religiosos.
Um pouco de história...
Arte Indígena
É a arte produzida pelos povos nativos do
Brasil, antes e depois da colonização. Com a
diversidade de tribos indígenas destaca-se as
artes da cerâmica, do trançado e de enfeites
no corpo e na construção de habitações
(Ocas).
Um pouco de história...
Arte Renascentista
Desenvolve-se entre 1350-1850, com o
Renascimento, período de grande esplendor
cultural na Europa. A religião deu lugar a uma
concepção científica do homem e do universo,
no sistema do humanismo.
Um pouco de história...
Arte Contemporânea
Começa em 1850 e vai até os dias de hoje
com uma diversidade de formas e técnicas.
E a função?
Leon Tolstoi (1828-1910), escritor russo
A arte é uma atividade humana que consiste em alguém transmitir de forma
consciente aos outros, por certos sinais exteriores, os sentimentos que
experimenta, de modo a outras pessoas serem contagiadas pelos mesmos
sentimentos, vivendo-os também (…) não é, acima de tudo, um prazer; é antes um
meio de comunicação indispensável para a vida (…)
Arthur Schopenhauer (1788-1860), filósofo alemão
A arte expressa e objetiva a essência das coisas. E, precisamente por isso, ajuda-
nos a nos afastarmos da vontade. O gênio capta as ideias eternas e a
contemplação artística mergulha nelas, anulando aquela vontade que, tendo optado
pela vida e pelo tempo, é somente pecado e dor. Assim, a contemplação estética
conduz o homem a uma complexa e infinita satisfação total dos seus mais
profundos desejos.
Nietzsche (1844-1900 ), filósofo e poeta alemão
A arte pela arte. – A luta contra a finalidade na arte é sempre uma luta contra as
tendências moralizadoras, contra a subordinação da arte à moral. A arte pela arte
quer dizer: “ao diabo com a moral”. (...) A arte é o grande estimulante da vida.
E a função?
Geoffrey Miller (1965-), psicólogo evolutivo estadunidense
Acho que é importante reconhecer que todas essas manifestações do
comportamento humano são relacionadas com exibir-se, como formas de
conquistar status social e de atrair parceiros. Daí meu argumento de que tudo isso
evoluiu, em parte, por conta da seleção sexual. Isso parece razoável porque a
maioria das características mais bonitas e impressionantes dos seres vivos – as
flores, a cauda do pavão, o som dos rouxinóis – é também fruto da seleção sexual.
Sigismund Freud (1856-1939), médico neurologista e
criador da psicanálise
As criações, obras de arte, são imaginárias satisfações de desejos inconscientes,
do mesmo modo que os sonhos, e, tanto como eles, são, no fundo, compromissos,
dado que se veem forçadas a evitar um conflito aberto com as forças de repressão.
Todavia, diferem dos conteúdos narcisistas, associais, dos sonhos, na medida em
que são destinadas a despertar o interesse noutras pessoas e são capazes de
evocar e satisfazer os mesmos desejos que nelas se encontram inconscientes.
E a função?
André Breton (), surrealista francês & Leon Trotsky, revolucionário
russo
(...) ao defender a liberdade de criação, não pretendemos absolutamente justificar o
indiferentismo político e longe está de nosso pensamento querer ressuscitar uma
arte dita “pura” (...). Não, nós temos um conceito muito elevado da função da arte
para negar sua influência sobre o destino da sociedade. (...) No entanto, o artista só
pode servir à luta emancipadora quando está compenetrado subjetivamente de seu
conteúdo social e individual, quando faz passar por seus nervos o sentido e o
drama dessa luta e quando procura livremente dar uma encarnação artística a seu
mundo interior.
E a função?
A liberdade de expressão na arte
Rodrigo Cássio Oliveira
(...) Limites da liberdade
Não é apenas porque o politicamente correto se tornou uma febre,
presente em todos os lados do espectro político, que a liberdade de
expressão deve ser defendida como um princípio superior. No
clássico On Liberty, Stuart Mill compreendia essa liberdade como uma
das bases mais fortes da democracia. Defendê-la é defender a própria
possibilidade de uma vida democrática, e é mais exatamente por isso
que ela transcende os sinais ideológicos.
Parece óbvio, mas precisa ser dito. A concepção de uma sociedade
plural depende basicamente de que grupos com pontos de vista opostos
tenham direito a ser vistos e ouvidos. É claro que a aplicação desse
princípio envolve muitas tensões e crises. Mas não é compatível assumi-
lo e, ao mesmo tempo, comemorar que exposições de arte sejam
fechadas sem um verdadeiro motivo. (...)
A liberdade de expressão na arte
Rodrigo Cássio Oliveira
Os limites da liberdade de expressão existem, mas estão ligados a
casos pontuais e muito específicos, e é tão melhor para uma sociedade
democrática quanto mais eles se mantiverem assim. O cancelamento da
Queermuseu, assim como o teor da sua repercussão nas redes,
sinalizam que, no Brasil, a tendência está no sentido contrário.
Quando aumentamos os limites da liberdade, diminuímos a nossa
capacidade de ser uma democracia. Por isso, no ringue de opiniões
criado pela decisão do Santander Cultural, quase não se ouviu falar
sobre a classificação indicativa, de longe o melhor instrumento já criado
para mediar conflitos sobre a liberdade de expressão em uma
sociedade. (...)
Rodrigo Cássio Oliveira é doutor em Estética e Filosofia da Arte pela
UFMG e professor adjunto da Universidade Federal de Goiás.
Censura...
CONSTITUIÇÃO FEDERAL
DO BRASIL (1988)
Art. 220. A manifestação do pensamento, a
criação, a expressão e a informação, sob
qualquer forma, processo ou veículo não
sofrerão qualquer restrição (...)
§ 2º É vedada toda e qualquer censura de
natureza política, ideológica e artística.
Referências
l• O que é arte? – História das Artes
https://www.historiadasartes.com/olho-vivo/o-que-e-arte/
l• WIKIMEDIA COMMONS (banco de imagens da Wikipédia)
lhttps://commons.wikimedia.org
l• Qual a função da Arte?
lhttp://ateus.net
l• Manifesto da FIARI
lhttps://culturaemarxismo.files.wordpress.com/2012/10/livro-por-uma-arte-
revolucionc3a1ria-independente-breton-e-trotsky.pdf
l• A liberdade de expressão na arte
http://cultura.estadao.com.br/blogs/estado-da-arte/a-liberdade-de-expressao-na-arte/
Dúvidas?
 Fale conosco no intervalo ou após a aula.
Você também pode escrever para:
apdibbern@gmail.com
alexandrelinares@gmail.com

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Filosofia da Arte: Arte e estética
Filosofia da Arte: Arte e estéticaFilosofia da Arte: Arte e estética
Filosofia da Arte: Arte e estética
Raphael Lanzillotte
 
Estética e poética
Estética e poéticaEstética e poética
Estética e poética
Fabiola Picanço
 
O que é a arte (1)
O que é a arte (1)O que é a arte (1)
O que é a arte (1)
Vasco L
 
O que é arte?
O que é arte?O que é arte?
O que é arte?
Rafael Lucas da Silva
 
Apostila de Artes Visuais (revisada e ampliada 2014)
Apostila de Artes Visuais (revisada e ampliada 2014)Apostila de Artes Visuais (revisada e ampliada 2014)
Apostila de Artes Visuais (revisada e ampliada 2014)
Secretaria de Educação do Maranhão e Imagética Consultoria e Design
 
A arte
A arteA arte
Conceito de arte
Conceito de arteConceito de arte
Conceito de arte
kardovsky
 
Artes
ArtesArtes
Aula 01 introdução a arte como experiência
Aula 01 introdução a arte como experiênciaAula 01 introdução a arte como experiência
Aula 01 introdução a arte como experiência
Elizeu Nascimento Silva
 
3.afinal, o que é arte madre zarife
3.afinal, o que é arte   madre zarife3.afinal, o que é arte   madre zarife
3.afinal, o que é arte madre zarife
Francisco Rodrigues
 
Entendendo a arte
Entendendo a arteEntendendo a arte
Entendendo a arte
Aurimar Bianchi Júnior
 
Obra aberta
Obra aberta Obra aberta
Obra aberta
Sara Loureiro
 
Arte e cultura
Arte e culturaArte e cultura
Arte e cultura
artbio
 
Arte Educao
Arte EducaoArte Educao
Arte Educao
ednacaroni
 
Estética em Schiller
Estética em SchillerEstética em Schiller
Estética em Schiller
Marcos Ramon
 
Estética
EstéticaEstética
O que é a arte
O que é a arteO que é a arte
O que é a arte
Helena Serrão
 
Sobre o espectador e a obra de arte - da participaçãoo a interatividade
Sobre o espectador e a obra de arte - da participaçãoo a interatividadeSobre o espectador e a obra de arte - da participaçãoo a interatividade
Sobre o espectador e a obra de arte - da participaçãoo a interatividade
Renata Furtado
 
Arte o que é
Arte   o que éArte   o que é
Arte o que é
Darli Corrêa Marinho
 
Conhecimento pela arte.
Conhecimento pela arte.Conhecimento pela arte.
Conhecimento pela arte.
Italo Colares
 

Mais procurados (20)

Filosofia da Arte: Arte e estética
Filosofia da Arte: Arte e estéticaFilosofia da Arte: Arte e estética
Filosofia da Arte: Arte e estética
 
Estética e poética
Estética e poéticaEstética e poética
Estética e poética
 
O que é a arte (1)
O que é a arte (1)O que é a arte (1)
O que é a arte (1)
 
O que é arte?
O que é arte?O que é arte?
O que é arte?
 
Apostila de Artes Visuais (revisada e ampliada 2014)
Apostila de Artes Visuais (revisada e ampliada 2014)Apostila de Artes Visuais (revisada e ampliada 2014)
Apostila de Artes Visuais (revisada e ampliada 2014)
 
A arte
A arteA arte
A arte
 
Conceito de arte
Conceito de arteConceito de arte
Conceito de arte
 
Artes
ArtesArtes
Artes
 
Aula 01 introdução a arte como experiência
Aula 01 introdução a arte como experiênciaAula 01 introdução a arte como experiência
Aula 01 introdução a arte como experiência
 
3.afinal, o que é arte madre zarife
3.afinal, o que é arte   madre zarife3.afinal, o que é arte   madre zarife
3.afinal, o que é arte madre zarife
 
Entendendo a arte
Entendendo a arteEntendendo a arte
Entendendo a arte
 
Obra aberta
Obra aberta Obra aberta
Obra aberta
 
Arte e cultura
Arte e culturaArte e cultura
Arte e cultura
 
Arte Educao
Arte EducaoArte Educao
Arte Educao
 
Estética em Schiller
Estética em SchillerEstética em Schiller
Estética em Schiller
 
Estética
EstéticaEstética
Estética
 
O que é a arte
O que é a arteO que é a arte
O que é a arte
 
Sobre o espectador e a obra de arte - da participaçãoo a interatividade
Sobre o espectador e a obra de arte - da participaçãoo a interatividadeSobre o espectador e a obra de arte - da participaçãoo a interatividade
Sobre o espectador e a obra de arte - da participaçãoo a interatividade
 
Arte o que é
Arte   o que éArte   o que é
Arte o que é
 
Conhecimento pela arte.
Conhecimento pela arte.Conhecimento pela arte.
Conhecimento pela arte.
 

Semelhante a Arte e sua função - Alexandre Linares e Ana Paula Dibbern

Arte
ArteArte
Apresentação sobre a arte, os conceitos, funções, experimentações, análise de...
Apresentação sobre a arte, os conceitos, funções, experimentações, análise de...Apresentação sobre a arte, os conceitos, funções, experimentações, análise de...
Apresentação sobre a arte, os conceitos, funções, experimentações, análise de...
CarlaKohlCamargo
 
ARTES e LINGUAGENS NAS CIÊNCIAS HUMANAS
ARTES e LINGUAGENS  NAS CIÊNCIAS HUMANASARTES e LINGUAGENS  NAS CIÊNCIAS HUMANAS
ARTES e LINGUAGENS NAS CIÊNCIAS HUMANAS
HisrelBlog
 
O que é arte. Definição de arte. História da arte.
O que é arte. Definição de arte. História da arte.O que é arte. Definição de arte. História da arte.
O que é arte. Definição de arte. História da arte.
denisecompasso2
 
Definições de arte pergunta resposta
Definições de arte pergunta respostaDefinições de arte pergunta resposta
Definições de arte pergunta resposta
Tina Lima
 
Filosofia da arte
Filosofia da arteFilosofia da arte
Arte 1 médio slide
Arte 1 médio slideArte 1 médio slide
Arte 1 médio slide
Eponina Alencar
 
Arte literária 2012 nota de aula 1 mast
Arte literária 2012 nota de aula 1 mastArte literária 2012 nota de aula 1 mast
Arte literária 2012 nota de aula 1 mast
Péricles Penuel
 
A arte no dia a dia
A arte no dia a diaA arte no dia a dia
A arte no dia a dia
Augusto Pinto
 
Vamos falar de arte(1)
Vamos falar de arte(1)Vamos falar de arte(1)
Vamos falar de arte(1)
Luis Silva
 
HISTÓRIA SOCIALO DA ARTE papel social .pdf
HISTÓRIA SOCIALO DA ARTE papel social .pdfHISTÓRIA SOCIALO DA ARTE papel social .pdf
HISTÓRIA SOCIALO DA ARTE papel social .pdf
Universidade Dederal do Oeste do Pará
 
Apostila de Arte - EJA.pdf
Apostila de Arte - EJA.pdfApostila de Arte - EJA.pdf
Apostila de Arte - EJA.pdf
GustavoPaz34
 
Apostila de-arte-eja
Apostila de-arte-ejaApostila de-arte-eja
Apostila de-arte-eja
F Figueiredo Habyby
 
A arte na história
A arte na históriaA arte na história
A arte na história
Artedoiscmb Cmb
 
Arte e mercado
Arte e mercadoArte e mercado
Arte e mercado
Filipe Prado
 
Noções de estética e teoria da arte
Noções de estética e teoria da arteNoções de estética e teoria da arte
Noções de estética e teoria da arte
Paulo Henrique Breda
 
O que é a arte
O que é a arteO que é a arte
O que é a arte
Ana Barreiros
 
Arte e Estética na Filosofia.docx
Arte e Estética na Filosofia.docxArte e Estética na Filosofia.docx
Arte e Estética na Filosofia.docx
Clodoaldo Rodrigues Farias
 
A Arte da Literatura.pdf
A Arte da Literatura.pdfA Arte da Literatura.pdf
A Arte da Literatura.pdf
EricaSudarioBodevan
 
PPT_O_que_e_arte.pdf
PPT_O_que_e_arte.pdfPPT_O_que_e_arte.pdf
PPT_O_que_e_arte.pdf
thaismachado57
 

Semelhante a Arte e sua função - Alexandre Linares e Ana Paula Dibbern (20)

Arte
ArteArte
Arte
 
Apresentação sobre a arte, os conceitos, funções, experimentações, análise de...
Apresentação sobre a arte, os conceitos, funções, experimentações, análise de...Apresentação sobre a arte, os conceitos, funções, experimentações, análise de...
Apresentação sobre a arte, os conceitos, funções, experimentações, análise de...
 
ARTES e LINGUAGENS NAS CIÊNCIAS HUMANAS
ARTES e LINGUAGENS  NAS CIÊNCIAS HUMANASARTES e LINGUAGENS  NAS CIÊNCIAS HUMANAS
ARTES e LINGUAGENS NAS CIÊNCIAS HUMANAS
 
O que é arte. Definição de arte. História da arte.
O que é arte. Definição de arte. História da arte.O que é arte. Definição de arte. História da arte.
O que é arte. Definição de arte. História da arte.
 
Definições de arte pergunta resposta
Definições de arte pergunta respostaDefinições de arte pergunta resposta
Definições de arte pergunta resposta
 
Filosofia da arte
Filosofia da arteFilosofia da arte
Filosofia da arte
 
Arte 1 médio slide
Arte 1 médio slideArte 1 médio slide
Arte 1 médio slide
 
Arte literária 2012 nota de aula 1 mast
Arte literária 2012 nota de aula 1 mastArte literária 2012 nota de aula 1 mast
Arte literária 2012 nota de aula 1 mast
 
A arte no dia a dia
A arte no dia a diaA arte no dia a dia
A arte no dia a dia
 
Vamos falar de arte(1)
Vamos falar de arte(1)Vamos falar de arte(1)
Vamos falar de arte(1)
 
HISTÓRIA SOCIALO DA ARTE papel social .pdf
HISTÓRIA SOCIALO DA ARTE papel social .pdfHISTÓRIA SOCIALO DA ARTE papel social .pdf
HISTÓRIA SOCIALO DA ARTE papel social .pdf
 
Apostila de Arte - EJA.pdf
Apostila de Arte - EJA.pdfApostila de Arte - EJA.pdf
Apostila de Arte - EJA.pdf
 
Apostila de-arte-eja
Apostila de-arte-ejaApostila de-arte-eja
Apostila de-arte-eja
 
A arte na história
A arte na históriaA arte na história
A arte na história
 
Arte e mercado
Arte e mercadoArte e mercado
Arte e mercado
 
Noções de estética e teoria da arte
Noções de estética e teoria da arteNoções de estética e teoria da arte
Noções de estética e teoria da arte
 
O que é a arte
O que é a arteO que é a arte
O que é a arte
 
Arte e Estética na Filosofia.docx
Arte e Estética na Filosofia.docxArte e Estética na Filosofia.docx
Arte e Estética na Filosofia.docx
 
A Arte da Literatura.pdf
A Arte da Literatura.pdfA Arte da Literatura.pdf
A Arte da Literatura.pdf
 
PPT_O_que_e_arte.pdf
PPT_O_que_e_arte.pdfPPT_O_que_e_arte.pdf
PPT_O_que_e_arte.pdf
 

Último

Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdfEscola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
Falcão Brasil
 
Temática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores LocaisTemática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores Locais
Colaborar Educacional
 
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosasFotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
MariaJooSilva58
 
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
Espanhol Online
 
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
Mary Alvarenga
 
O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...
O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...
O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...
AntHropológicas Visual PPGA-UFPE
 
apresentação metodologia terapia ocupacional
apresentação metodologia terapia ocupacionalapresentação metodologia terapia ocupacional
apresentação metodologia terapia ocupacional
shirleisousa9166
 
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptxSlides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsxNoite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Luzia Gabriele
 
FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24
FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24
FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24
Sandra Pratas
 
Matemática para Concursos - Teoria dos Conjuntos
Matemática para Concursos - Teoria dos ConjuntosMatemática para Concursos - Teoria dos Conjuntos
Matemática para Concursos - Teoria dos Conjuntos
Instituto Walter Alencar
 
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
Sandra Pratas
 
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Falcão Brasil
 
Caça-palavras - multiplicação
Caça-palavras  -  multiplicaçãoCaça-palavras  -  multiplicação
Caça-palavras - multiplicação
Mary Alvarenga
 
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdfPortfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Falcão Brasil
 
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdfOrganograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Falcão Brasil
 
Guerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibéricaGuerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibérica
felipescherner
 
escrita criativa utilizada na arteterapia
escrita criativa   utilizada na arteterapiaescrita criativa   utilizada na arteterapia
escrita criativa utilizada na arteterapia
shirleisousa9166
 

Último (20)

Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdfEscola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
 
Temática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores LocaisTemática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores Locais
 
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosasFotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
 
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
 
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
 
O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...
O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...
O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...
 
apresentação metodologia terapia ocupacional
apresentação metodologia terapia ocupacionalapresentação metodologia terapia ocupacional
apresentação metodologia terapia ocupacional
 
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptxSlides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
 
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsxNoite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
 
FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24
FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24
FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24
 
RECORDANDO BONS MOMENTOS! _
RECORDANDO BONS MOMENTOS!               _RECORDANDO BONS MOMENTOS!               _
RECORDANDO BONS MOMENTOS! _
 
Matemática para Concursos - Teoria dos Conjuntos
Matemática para Concursos - Teoria dos ConjuntosMatemática para Concursos - Teoria dos Conjuntos
Matemática para Concursos - Teoria dos Conjuntos
 
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO .
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO                .FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO                .
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO .
 
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
 
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
Organograma do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia...
 
Caça-palavras - multiplicação
Caça-palavras  -  multiplicaçãoCaça-palavras  -  multiplicação
Caça-palavras - multiplicação
 
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdfPortfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
 
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdfOrganograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
 
Guerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibéricaGuerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibérica
 
escrita criativa utilizada na arteterapia
escrita criativa   utilizada na arteterapiaescrita criativa   utilizada na arteterapia
escrita criativa utilizada na arteterapia
 

Arte e sua função - Alexandre Linares e Ana Paula Dibbern

  • 1. A arte e sua função Um passeio pela história, sociologia e filosofia da arte Prof. Ana Paula Dibbern apdibbern@gmail.com Prof. Alexandre Linares alexandrelinares@gmail.com
  • 4. Na página 2 Leda e o Cisne (1510-15) de Leonardo Da Vinci Madalena arrependida (1453-55) de Donatello Na página 3: David (1501-04) de Michelangelo. Lilith como a serpente (1508) de Rafael
  • 5. Um exercício prático... Antes de avançarmos Leiam a proposta e sistematizem/estruturem 4 ou 5 tópicos que vocês buscariam desenvolver na sua dissertação diante do tema 7 a 8 minutos para a tarefa!
  • 6. O que é arte? Isto não é um cachimbo. La Trahison des Images (“A Traição das Imagens”) é uma pintura do pintor surrealista belga René Magritte.
  • 7. O que é arte? “A ciência descreve as coisas como são; a arte, como são sentidas, como se sente que são.” Fernando Pessoa
  • 8. O que é arte ? 1 - A palavra deriva do latim ars, artis, que significa maneira de ser ou de agir, profissão, habilidade natural ou adquirida, e, na cultura greco-romana, possuía o sentido de ofício, habilidade. Nessa concepção, a arte estava ligada ao propósito de fazer, ou seja, era concebida com base em um aspecto executivo e manual. 2 - A arte também foi e é vista por alguns como conhecimento, visão ou contemplação. Nesse caso, coloca-se em segundo plano o aspecto exterior da arte, o objeto criado, e concede-se a ela um sentido de visão da realidade, ou seja, de retrato de formas de conhecer. 3 - A terceira definição coloca que a arte é expressão. Essa visão, que é fruto especialmente do Romantismo, define arte com base em seus elementos externalizados em os motivos que a tornam viva, ou seja, alinha as formas do objeto artístico criado com os sentimentos que a animam e a suscitam. Fonte: História das Artes (https://www.historiadasartes.com/olho-vivo/o-que-e- arte/)
  • 9. O que é arte? OUTRAS DEFINIÇÕES • Criação humana de valores estéticos (beleza, equilíbrio, harmonia, revolta, etc.) que sintetizam suas emoções, sua história, seus sentimentos e sua cultura; • Capacidade do homem de criar e expressar-se, transmitindo ideias, sensações e sentimentos através da manipulação de materiais e meios diversos; • Atividade humana ligada a manifestações de ordem estética, feita por artistas a partir de percepção, emoções e ideias, com o objetivo de estimular esse interesse de consciência em um ou mais espectadores, e cada obra de arte possui um significado único e diferente; • Reflexo do ser humano que muitas vezes representam a sua condição social- histórica e sua essência de ser pensante;
  • 10. O que é arte? OUTRAS DEFINIÇÕES • Habilidade ou disposição dirigida para a execução de uma finalidade prática ou teórica, realizada de forma consciente, controlada e racional; • Composto de meios e procedimentos realizados pelo homem, através dos quais é possível a obtenção de finalidades práticas ou a produção de objetos; técnica para criar algo; • Conjunto de obras de determinado período histórico, nação, povos, movimento artístico, por exemplo, Arte Medieval,Arte Africana,Arte Realista, etc.
  • 11. O que é arte? lUm dos mais importantes historiadores da arte, Ernest Gombrich (1909-2001), afirmou que nada existe realmente a que se possa dar o nome de arte. Existem somente artistas. Arte é um tipo de fenômeno cultural. Regras absolutas sobre arte não sobrevivem ao tempo’, mas a cada época, diferente grupos (ou cada indivíduo) escolhem como compreendem esse fenômeno. lOs historiadores de arte buscam determinar os períodos que empregam certo estilo estético, denominando-os por movimentos artísticos.
  • 13. O que é arte? Uma das características da arte é a dificuldade que se tem de conferir-lhe utilidade. Muitas vezes esta dificuldade em encontrar utilidade imediata para a arte mascara preconceitos contra arte e os artistas. Como manifestação cultural humana, pode ser utilizada para coesão social, reafirmando valores ou, pelo contrário, criticando-os. A arte possui a função transcendente, ou seja, manchas de tinta sobre uma tela ou palavras escritas sobre um papel simbolizam estados de consciência humana, abrangendo percepção, emoção e razão.
  • 14. Um pouco da história... Arte pré-histórica Surge no Paleolítico e desenvolve-se no Neolítico. As mais antigas obras de artes conhecidas remota 40.000 anos antes de nossa era (a.C).
  • 15. Um pouco de história... Arte antiga Aqui temos um período entre 3000 a.C. e 300 a.C. onde a arte se desenvolveu em várias partes do mundo da África, Asía e Europa
  • 16. Um pouco de história... Arte clássica Desenvolveu 1000 a.C.-300 d.C nas cidades Gregas e em Roma. Ela alcançou o mundo mediterrâneo e desenvolveu-se como principal padrão de beleza artístico.
  • 17. Um pouco de história... Arte medieval Desenvolve-se entre 300-1350 na Europa e no Oriente Médio. Boa parte dela deriva da arte romana e mistura-se com as expressões artísticas dos povos bárbaros que ocupam a Europa. Nos Balcãs, Oriente Médio e norte da África desenvolve-se a arte bizantina e islâmica. Na Índia e China também há desenvolvimento artístico.
  • 18. Um pouco de história... Arte Africana Expressões artísticas de povos da África com diferentes sociedades e estágios culturais. Nas pinturas, assim como nas esculturas, a presença da figura humana identifica a preocupação com os valores étnicos, morais e religiosos.
  • 19. Um pouco de história... Arte Indígena É a arte produzida pelos povos nativos do Brasil, antes e depois da colonização. Com a diversidade de tribos indígenas destaca-se as artes da cerâmica, do trançado e de enfeites no corpo e na construção de habitações (Ocas).
  • 20. Um pouco de história... Arte Renascentista Desenvolve-se entre 1350-1850, com o Renascimento, período de grande esplendor cultural na Europa. A religião deu lugar a uma concepção científica do homem e do universo, no sistema do humanismo.
  • 21. Um pouco de história... Arte Contemporânea Começa em 1850 e vai até os dias de hoje com uma diversidade de formas e técnicas.
  • 22. E a função? Leon Tolstoi (1828-1910), escritor russo A arte é uma atividade humana que consiste em alguém transmitir de forma consciente aos outros, por certos sinais exteriores, os sentimentos que experimenta, de modo a outras pessoas serem contagiadas pelos mesmos sentimentos, vivendo-os também (…) não é, acima de tudo, um prazer; é antes um meio de comunicação indispensável para a vida (…) Arthur Schopenhauer (1788-1860), filósofo alemão A arte expressa e objetiva a essência das coisas. E, precisamente por isso, ajuda- nos a nos afastarmos da vontade. O gênio capta as ideias eternas e a contemplação artística mergulha nelas, anulando aquela vontade que, tendo optado pela vida e pelo tempo, é somente pecado e dor. Assim, a contemplação estética conduz o homem a uma complexa e infinita satisfação total dos seus mais profundos desejos. Nietzsche (1844-1900 ), filósofo e poeta alemão A arte pela arte. – A luta contra a finalidade na arte é sempre uma luta contra as tendências moralizadoras, contra a subordinação da arte à moral. A arte pela arte quer dizer: “ao diabo com a moral”. (...) A arte é o grande estimulante da vida.
  • 23. E a função? Geoffrey Miller (1965-), psicólogo evolutivo estadunidense Acho que é importante reconhecer que todas essas manifestações do comportamento humano são relacionadas com exibir-se, como formas de conquistar status social e de atrair parceiros. Daí meu argumento de que tudo isso evoluiu, em parte, por conta da seleção sexual. Isso parece razoável porque a maioria das características mais bonitas e impressionantes dos seres vivos – as flores, a cauda do pavão, o som dos rouxinóis – é também fruto da seleção sexual. Sigismund Freud (1856-1939), médico neurologista e criador da psicanálise As criações, obras de arte, são imaginárias satisfações de desejos inconscientes, do mesmo modo que os sonhos, e, tanto como eles, são, no fundo, compromissos, dado que se veem forçadas a evitar um conflito aberto com as forças de repressão. Todavia, diferem dos conteúdos narcisistas, associais, dos sonhos, na medida em que são destinadas a despertar o interesse noutras pessoas e são capazes de evocar e satisfazer os mesmos desejos que nelas se encontram inconscientes.
  • 24. E a função? André Breton (), surrealista francês & Leon Trotsky, revolucionário russo (...) ao defender a liberdade de criação, não pretendemos absolutamente justificar o indiferentismo político e longe está de nosso pensamento querer ressuscitar uma arte dita “pura” (...). Não, nós temos um conceito muito elevado da função da arte para negar sua influência sobre o destino da sociedade. (...) No entanto, o artista só pode servir à luta emancipadora quando está compenetrado subjetivamente de seu conteúdo social e individual, quando faz passar por seus nervos o sentido e o drama dessa luta e quando procura livremente dar uma encarnação artística a seu mundo interior.
  • 26. A liberdade de expressão na arte Rodrigo Cássio Oliveira (...) Limites da liberdade Não é apenas porque o politicamente correto se tornou uma febre, presente em todos os lados do espectro político, que a liberdade de expressão deve ser defendida como um princípio superior. No clássico On Liberty, Stuart Mill compreendia essa liberdade como uma das bases mais fortes da democracia. Defendê-la é defender a própria possibilidade de uma vida democrática, e é mais exatamente por isso que ela transcende os sinais ideológicos. Parece óbvio, mas precisa ser dito. A concepção de uma sociedade plural depende basicamente de que grupos com pontos de vista opostos tenham direito a ser vistos e ouvidos. É claro que a aplicação desse princípio envolve muitas tensões e crises. Mas não é compatível assumi- lo e, ao mesmo tempo, comemorar que exposições de arte sejam fechadas sem um verdadeiro motivo. (...)
  • 27. A liberdade de expressão na arte Rodrigo Cássio Oliveira Os limites da liberdade de expressão existem, mas estão ligados a casos pontuais e muito específicos, e é tão melhor para uma sociedade democrática quanto mais eles se mantiverem assim. O cancelamento da Queermuseu, assim como o teor da sua repercussão nas redes, sinalizam que, no Brasil, a tendência está no sentido contrário. Quando aumentamos os limites da liberdade, diminuímos a nossa capacidade de ser uma democracia. Por isso, no ringue de opiniões criado pela decisão do Santander Cultural, quase não se ouviu falar sobre a classificação indicativa, de longe o melhor instrumento já criado para mediar conflitos sobre a liberdade de expressão em uma sociedade. (...) Rodrigo Cássio Oliveira é doutor em Estética e Filosofia da Arte pela UFMG e professor adjunto da Universidade Federal de Goiás.
  • 28. Censura... CONSTITUIÇÃO FEDERAL DO BRASIL (1988) Art. 220. A manifestação do pensamento, a criação, a expressão e a informação, sob qualquer forma, processo ou veículo não sofrerão qualquer restrição (...) § 2º É vedada toda e qualquer censura de natureza política, ideológica e artística.
  • 29. Referências l• O que é arte? – História das Artes https://www.historiadasartes.com/olho-vivo/o-que-e-arte/ l• WIKIMEDIA COMMONS (banco de imagens da Wikipédia) lhttps://commons.wikimedia.org l• Qual a função da Arte? lhttp://ateus.net l• Manifesto da FIARI lhttps://culturaemarxismo.files.wordpress.com/2012/10/livro-por-uma-arte- revolucionc3a1ria-independente-breton-e-trotsky.pdf l• A liberdade de expressão na arte http://cultura.estadao.com.br/blogs/estado-da-arte/a-liberdade-de-expressao-na-arte/
  • 30. Dúvidas?  Fale conosco no intervalo ou após a aula. Você também pode escrever para: apdibbern@gmail.com alexandrelinares@gmail.com