SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 7
A regressão do
Demoliberalismo
Após a Grande Guerra, a
população europeia divide-se
na adesão a políticas
extremistas (quer de direita,
quer de esquerda)
O impacto do socialismo revolucionário
 A vitória bolchevique na URSS, ao provar a
possibilidade do proletariado se tornar a classe
dominante, serviu de exemplo a vários
levantamentos revolucionários na Europa:
Espartaquismo, Berlim, 1918, chefiado por
Rosa Luxemburg e Karl Liebknecht.
Revoltas dos operários e camponeses sem
terra em Itália (1919/20).
A influência da III Internacional
Comunista - Komintern
• Realizou-se em 1919 e impôs o modelo russo
como o único a ser seguido pelos outros países,
que avançassem para a revolução socialista.
• Internamente eliminou todas as correntes
reformistas, dentro do Partido Comunista, e
iniciou a depuração (perseguição a membros do
Estado ou do Partido para tornar mais “pura” a
prática do marxismo-leninismo)
Reações da extrema-direita na
Europa
• Destacam-se na Europa três situações
que alcançaram algum apoio popular:
– A Marcha sobre Roma, realizada em 1922,
por Mussolini, que fez deslocar os Camisas
Negras sobre a capital.
– O putsh (tentativa de golpe de estado)
realizado por Hitler, em 1923, e que o levou à
prisão onde escreverá Mein Kampf.
– A ditadura do general Primo de Rivera, em
Espanha, de 1923 a 1930
Emergência de autoritarismos - causas
• A inflação provocou graves dificuldades de subsistência.
• A agitação social era constante (greves e
manifestações).
• As lutas partidárias causaram o descrédito nos sistemas
parlamentares.
• Os resultados da guerra (mortos e inválidos;
desorganização financeira; instabilidade política)
desiludiram as populações.
• O medo do bolchevismo e dos ataques à propriedade
privada pode explicar o apoio da classe média e alta às
ideologias de extrema direita.
O clima de incerteza e pessimismo
nas primeiras décadas do séc. XX
• A Grande Guerra influenciou o pensamento dos
sobreviventes, que passaram a ver a vida com
maior relativismo.
• Surge um período de transição da moral em que
os valores e as regras são questionados
(casamento, religião, papel da mulher) criando
uma anomia (indeterminação dos valores
morais a adotar pela sociedade).
O clima de incerteza e pessimismo
nas primeiras décadas do séc. XX
• A Grande Guerra influenciou o pensamento dos
sobreviventes, que passaram a ver a vida com
maior relativismo.
• Surge um período de transição da moral em que
os valores e as regras são questionados
(casamento, religião, papel da mulher) criando
uma anomia (indeterminação dos valores
morais a adotar pela sociedade).

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

O imobilismo político e crescimento económico português do pós II Guerra Mund...
O imobilismo político e crescimento económico português do pós II Guerra Mund...O imobilismo político e crescimento económico português do pós II Guerra Mund...
O imobilismo político e crescimento económico português do pós II Guerra Mund...Susana Cardoso Simões
 
Mundo capitalista
Mundo capitalistaMundo capitalista
Mundo capitalistahome
 
7 02 o_agudizar_anos 30
7 02 o_agudizar_anos 307 02 o_agudizar_anos 30
7 02 o_agudizar_anos 30Vítor Santos
 
As transformações provocadas pela I Guerra Mundial
As transformações provocadas pela I Guerra MundialAs transformações provocadas pela I Guerra Mundial
As transformações provocadas pela I Guerra MundialTeresa Maia
 
M8 teste 3 ... correção
M8   teste 3 ... correçãoM8   teste 3 ... correção
M8 teste 3 ... correçãoMónica Esteves
 
8 02 portugal do autoritarismo à democracia alunos
8 02 portugal do autoritarismo à democracia alunos8 02 portugal do autoritarismo à democracia alunos
8 02 portugal do autoritarismo à democracia alunosVítor Santos
 
8 01 nascimento e afirmação de um novo quadro geopolítico
8 01 nascimento e afirmação de um novo quadro geopolítico8 01 nascimento e afirmação de um novo quadro geopolítico
8 01 nascimento e afirmação de um novo quadro geopolíticoVítor Santos
 
Crise 1929
Crise 1929Crise 1929
Crise 1929Rui Neto
 
9 02 a viragem para uma nova era
9 02 a viragem para uma nova era9 02 a viragem para uma nova era
9 02 a viragem para uma nova eraVítor Santos
 
Portugal. Da Revolução de 25 de Abril à estabilização da Democracia
Portugal. Da Revolução de 25 de Abril à estabilização da DemocraciaPortugal. Da Revolução de 25 de Abril à estabilização da Democracia
Portugal. Da Revolução de 25 de Abril à estabilização da Democraciahome
 
A reconstrucao posguerra
A reconstrucao posguerraA reconstrucao posguerra
A reconstrucao posguerraPatrícia Alves
 
Os Regimes Fascista e Nazi
Os Regimes Fascista e NaziOs Regimes Fascista e Nazi
Os Regimes Fascista e NaziRui Neto
 
Resumo de geografia c - fluxos migratórios e fluxos de turismo
Resumo de geografia c - fluxos migratórios e fluxos de turismoResumo de geografia c - fluxos migratórios e fluxos de turismo
Resumo de geografia c - fluxos migratórios e fluxos de turismoLia Treacy
 
Mundo comunista
Mundo comunistaMundo comunista
Mundo comunistahome
 
2 Um novo equilíbrio global
2   Um novo equilíbrio global2   Um novo equilíbrio global
2 Um novo equilíbrio globalNúria Inácio
 
As Vanguardas: Ruturas com os Cânones das Artes
As Vanguardas: Ruturas com os Cânones das ArtesAs Vanguardas: Ruturas com os Cânones das Artes
As Vanguardas: Ruturas com os Cânones das ArtesJorge Fernandes
 
9 01 fim da guerra fria
9 01 fim da guerra fria9 01 fim da guerra fria
9 01 fim da guerra friaVítor Santos
 

Mais procurados (20)

O imobilismo político e crescimento económico português do pós II Guerra Mund...
O imobilismo político e crescimento económico português do pós II Guerra Mund...O imobilismo político e crescimento económico português do pós II Guerra Mund...
O imobilismo político e crescimento económico português do pós II Guerra Mund...
 
Mundo capitalista
Mundo capitalistaMundo capitalista
Mundo capitalista
 
7 02 o_agudizar_anos 30
7 02 o_agudizar_anos 307 02 o_agudizar_anos 30
7 02 o_agudizar_anos 30
 
As transformações provocadas pela I Guerra Mundial
As transformações provocadas pela I Guerra MundialAs transformações provocadas pela I Guerra Mundial
As transformações provocadas pela I Guerra Mundial
 
M8 teste 3 ... correção
M8   teste 3 ... correçãoM8   teste 3 ... correção
M8 teste 3 ... correção
 
O estalinismo
O estalinismoO estalinismo
O estalinismo
 
8 02 portugal do autoritarismo à democracia alunos
8 02 portugal do autoritarismo à democracia alunos8 02 portugal do autoritarismo à democracia alunos
8 02 portugal do autoritarismo à democracia alunos
 
8 01 nascimento e afirmação de um novo quadro geopolítico
8 01 nascimento e afirmação de um novo quadro geopolítico8 01 nascimento e afirmação de um novo quadro geopolítico
8 01 nascimento e afirmação de um novo quadro geopolítico
 
Crise 1929
Crise 1929Crise 1929
Crise 1929
 
9 02 a viragem para uma nova era
9 02 a viragem para uma nova era9 02 a viragem para uma nova era
9 02 a viragem para uma nova era
 
Frentes populares
Frentes popularesFrentes populares
Frentes populares
 
Portugal. Da Revolução de 25 de Abril à estabilização da Democracia
Portugal. Da Revolução de 25 de Abril à estabilização da DemocraciaPortugal. Da Revolução de 25 de Abril à estabilização da Democracia
Portugal. Da Revolução de 25 de Abril à estabilização da Democracia
 
A reconstrucao posguerra
A reconstrucao posguerraA reconstrucao posguerra
A reconstrucao posguerra
 
Os Regimes Fascista e Nazi
Os Regimes Fascista e NaziOs Regimes Fascista e Nazi
Os Regimes Fascista e Nazi
 
Resumo de geografia c - fluxos migratórios e fluxos de turismo
Resumo de geografia c - fluxos migratórios e fluxos de turismoResumo de geografia c - fluxos migratórios e fluxos de turismo
Resumo de geografia c - fluxos migratórios e fluxos de turismo
 
Mundo comunista
Mundo comunistaMundo comunista
Mundo comunista
 
2 Um novo equilíbrio global
2   Um novo equilíbrio global2   Um novo equilíbrio global
2 Um novo equilíbrio global
 
As Vanguardas: Ruturas com os Cânones das Artes
As Vanguardas: Ruturas com os Cânones das ArtesAs Vanguardas: Ruturas com os Cânones das Artes
As Vanguardas: Ruturas com os Cânones das Artes
 
Fernando Pessoa-Ortónimo
Fernando Pessoa-OrtónimoFernando Pessoa-Ortónimo
Fernando Pessoa-Ortónimo
 
9 01 fim da guerra fria
9 01 fim da guerra fria9 01 fim da guerra fria
9 01 fim da guerra fria
 

Destaque

Regresso ao Demoliberalismo
Regresso ao DemoliberalismoRegresso ao Demoliberalismo
Regresso ao DemoliberalismoRui Nobre
 
A Regressão do Demoliberalismo
A Regressão do DemoliberalismoA Regressão do Demoliberalismo
A Regressão do Demoliberalismogofontoura
 
4 A regressão do demoliberalismo
4   A regressão do demoliberalismo4   A regressão do demoliberalismo
4 A regressão do demoliberalismoNúria Inácio
 
7 01 parte_2_as_transformações_das_primeiras_décadas_do_século_xx
7 01 parte_2_as_transformações_das_primeiras_décadas_do_século_xx7 01 parte_2_as_transformações_das_primeiras_décadas_do_século_xx
7 01 parte_2_as_transformações_das_primeiras_décadas_do_século_xxVítor Santos
 
7 01 parte_1_as_transformações_das_primeiras_décadas_do_século_xx
7 01 parte_1_as_transformações_das_primeiras_décadas_do_século_xx7 01 parte_1_as_transformações_das_primeiras_décadas_do_século_xx
7 01 parte_1_as_transformações_das_primeiras_décadas_do_século_xxVítor Santos
 

Destaque (7)

Regresso ao Demoliberalismo
Regresso ao DemoliberalismoRegresso ao Demoliberalismo
Regresso ao Demoliberalismo
 
A Regressão do Demoliberalismo
A Regressão do DemoliberalismoA Regressão do Demoliberalismo
A Regressão do Demoliberalismo
 
7.1.3 a regressão do demoliberalismo
7.1.3 a regressão do demoliberalismo7.1.3 a regressão do demoliberalismo
7.1.3 a regressão do demoliberalismo
 
4 A regressão do demoliberalismo
4   A regressão do demoliberalismo4   A regressão do demoliberalismo
4 A regressão do demoliberalismo
 
Regeneração
RegeneraçãoRegeneração
Regeneração
 
7 01 parte_2_as_transformações_das_primeiras_décadas_do_século_xx
7 01 parte_2_as_transformações_das_primeiras_décadas_do_século_xx7 01 parte_2_as_transformações_das_primeiras_décadas_do_século_xx
7 01 parte_2_as_transformações_das_primeiras_décadas_do_século_xx
 
7 01 parte_1_as_transformações_das_primeiras_décadas_do_século_xx
7 01 parte_1_as_transformações_das_primeiras_décadas_do_século_xx7 01 parte_1_as_transformações_das_primeiras_décadas_do_século_xx
7 01 parte_1_as_transformações_das_primeiras_décadas_do_século_xx
 

Semelhante a A regressão do demoliberalismo

1.3 A regressão do demoliberalismo.docx
1.3 A regressão do demoliberalismo.docx1.3 A regressão do demoliberalismo.docx
1.3 A regressão do demoliberalismo.docxaluisatavares
 
Euforia das Invenções
Euforia das InvençõesEuforia das Invenções
Euforia das InvençõesMichele Pó
 
Slide livro Sociologia ensino médio capitulo 22 do Tomazi
Slide livro Sociologia ensino médio capitulo 22 do TomaziSlide livro Sociologia ensino médio capitulo 22 do Tomazi
Slide livro Sociologia ensino médio capitulo 22 do Tomazipascoalnaib
 
AS REVOLUÇÕES SOCIAIS, SEUS FATORES DESENCADEADORES E O BRASIL ATUAL
AS REVOLUÇÕES SOCIAIS, SEUS FATORES DESENCADEADORES E O BRASIL ATUAL AS REVOLUÇÕES SOCIAIS, SEUS FATORES DESENCADEADORES E O BRASIL ATUAL
AS REVOLUÇÕES SOCIAIS, SEUS FATORES DESENCADEADORES E O BRASIL ATUAL Fernando Alcoforado
 
Os regimes autoritários tomam conta da europa
Os regimes autoritários tomam conta da europaOs regimes autoritários tomam conta da europa
Os regimes autoritários tomam conta da europaFernando Fagundes
 
Crise de 1929 - 9º ano
Crise de 1929 - 9º anoCrise de 1929 - 9º ano
Crise de 1929 - 9º ano7 de Setembro
 
Nova ordem mundial bogea
Nova ordem mundial bogeaNova ordem mundial bogea
Nova ordem mundial bogeaAlmir
 
Cenario do movimento revolucionário de 1964
Cenario do movimento revolucionário de 1964Cenario do movimento revolucionário de 1964
Cenario do movimento revolucionário de 1964CIRINEU COSTA
 
PP Os regimes ditatoriais na Europa
PP Os regimes ditatoriais na EuropaPP Os regimes ditatoriais na Europa
PP Os regimes ditatoriais na Europaisabel mgm
 
Trabalho Socialsimo
Trabalho SocialsimoTrabalho Socialsimo
Trabalho Socialsimoalex01166
 

Semelhante a A regressão do demoliberalismo (20)

1.3 A regressão do demoliberalismo.docx
1.3 A regressão do demoliberalismo.docx1.3 A regressão do demoliberalismo.docx
1.3 A regressão do demoliberalismo.docx
 
Ascensão do fascismo e nazismo
Ascensão do fascismo e nazismoAscensão do fascismo e nazismo
Ascensão do fascismo e nazismo
 
Totalitarismo na europa
Totalitarismo na europaTotalitarismo na europa
Totalitarismo na europa
 
21a
21a21a
21a
 
21a
21a21a
21a
 
Euforia das Invenções
Euforia das InvençõesEuforia das Invenções
Euforia das Invenções
 
Aula 4 Novo
Aula 4 NovoAula 4 Novo
Aula 4 Novo
 
O FASCISMO NA ITÁLIA - MUSSOLINI
O FASCISMO NA ITÁLIA - MUSSOLINIO FASCISMO NA ITÁLIA - MUSSOLINI
O FASCISMO NA ITÁLIA - MUSSOLINI
 
Slide livro Sociologia ensino médio capitulo 22 do Tomazi
Slide livro Sociologia ensino médio capitulo 22 do TomaziSlide livro Sociologia ensino médio capitulo 22 do Tomazi
Slide livro Sociologia ensino médio capitulo 22 do Tomazi
 
Periodo Entre Guerras
Periodo Entre Guerras Periodo Entre Guerras
Periodo Entre Guerras
 
AS REVOLUÇÕES SOCIAIS, SEUS FATORES DESENCADEADORES E O BRASIL ATUAL
AS REVOLUÇÕES SOCIAIS, SEUS FATORES DESENCADEADORES E O BRASIL ATUAL AS REVOLUÇÕES SOCIAIS, SEUS FATORES DESENCADEADORES E O BRASIL ATUAL
AS REVOLUÇÕES SOCIAIS, SEUS FATORES DESENCADEADORES E O BRASIL ATUAL
 
Os regimes autoritários tomam conta da europa
Os regimes autoritários tomam conta da europaOs regimes autoritários tomam conta da europa
Os regimes autoritários tomam conta da europa
 
Crise de 1929 - 9º ano
Crise de 1929 - 9º anoCrise de 1929 - 9º ano
Crise de 1929 - 9º ano
 
Socialismo
SocialismoSocialismo
Socialismo
 
Nova ordem mundial bogea
Nova ordem mundial bogeaNova ordem mundial bogea
Nova ordem mundial bogea
 
Cenario do movimento revolucionário de 1964
Cenario do movimento revolucionário de 1964Cenario do movimento revolucionário de 1964
Cenario do movimento revolucionário de 1964
 
PP Os regimes ditatoriais na Europa
PP Os regimes ditatoriais na EuropaPP Os regimes ditatoriais na Europa
PP Os regimes ditatoriais na Europa
 
Totalitarismo fascismo e nazismo 2021
Totalitarismo fascismo e nazismo 2021Totalitarismo fascismo e nazismo 2021
Totalitarismo fascismo e nazismo 2021
 
Trabalho Socialsimo
Trabalho SocialsimoTrabalho Socialsimo
Trabalho Socialsimo
 
3ºano slide - da crise à guerra
3ºano   slide - da crise à guerra3ºano   slide - da crise à guerra
3ºano slide - da crise à guerra
 

Mais de home

Democracia em Atenas
Democracia em AtenasDemocracia em Atenas
Democracia em Atenashome
 
Ascensao da europa
Ascensao da europaAscensao da europa
Ascensao da europahome
 
China de Mao Tsé-Tung
China de Mao Tsé-TungChina de Mao Tsé-Tung
China de Mao Tsé-Tunghome
 
O modelo ateniense uma cultura aberta à cidade
O modelo ateniense   uma cultura aberta à cidadeO modelo ateniense   uma cultura aberta à cidade
O modelo ateniense uma cultura aberta à cidadehome
 
Pistas para um comentário de texto a História
Pistas para um comentário de texto a HistóriaPistas para um comentário de texto a História
Pistas para um comentário de texto a Históriahome
 
Crescimento do Japão
Crescimento do JapãoCrescimento do Japão
Crescimento do Japãohome
 
Portugal. naturalismo e vanguardas
Portugal. naturalismo e vanguardasPortugal. naturalismo e vanguardas
Portugal. naturalismo e vanguardashome
 
Mutações nos comportamentos e na cultura. As vanguardas, rutura na arte (part...
Mutações nos comportamentos e na cultura. As vanguardas, rutura na arte (part...Mutações nos comportamentos e na cultura. As vanguardas, rutura na arte (part...
Mutações nos comportamentos e na cultura. As vanguardas, rutura na arte (part...home
 
Mutações nos comportamentos e na cultura. As vanguardas, rutura na arte. (par...
Mutações nos comportamentos e na cultura. As vanguardas, rutura na arte. (par...Mutações nos comportamentos e na cultura. As vanguardas, rutura na arte. (par...
Mutações nos comportamentos e na cultura. As vanguardas, rutura na arte. (par...home
 
Absolutismo e mercantilismo numa sociedade de ordens
Absolutismo e mercantilismo numa sociedade de ordensAbsolutismo e mercantilismo numa sociedade de ordens
Absolutismo e mercantilismo numa sociedade de ordenshome
 

Mais de home (10)

Democracia em Atenas
Democracia em AtenasDemocracia em Atenas
Democracia em Atenas
 
Ascensao da europa
Ascensao da europaAscensao da europa
Ascensao da europa
 
China de Mao Tsé-Tung
China de Mao Tsé-TungChina de Mao Tsé-Tung
China de Mao Tsé-Tung
 
O modelo ateniense uma cultura aberta à cidade
O modelo ateniense   uma cultura aberta à cidadeO modelo ateniense   uma cultura aberta à cidade
O modelo ateniense uma cultura aberta à cidade
 
Pistas para um comentário de texto a História
Pistas para um comentário de texto a HistóriaPistas para um comentário de texto a História
Pistas para um comentário de texto a História
 
Crescimento do Japão
Crescimento do JapãoCrescimento do Japão
Crescimento do Japão
 
Portugal. naturalismo e vanguardas
Portugal. naturalismo e vanguardasPortugal. naturalismo e vanguardas
Portugal. naturalismo e vanguardas
 
Mutações nos comportamentos e na cultura. As vanguardas, rutura na arte (part...
Mutações nos comportamentos e na cultura. As vanguardas, rutura na arte (part...Mutações nos comportamentos e na cultura. As vanguardas, rutura na arte (part...
Mutações nos comportamentos e na cultura. As vanguardas, rutura na arte (part...
 
Mutações nos comportamentos e na cultura. As vanguardas, rutura na arte. (par...
Mutações nos comportamentos e na cultura. As vanguardas, rutura na arte. (par...Mutações nos comportamentos e na cultura. As vanguardas, rutura na arte. (par...
Mutações nos comportamentos e na cultura. As vanguardas, rutura na arte. (par...
 
Absolutismo e mercantilismo numa sociedade de ordens
Absolutismo e mercantilismo numa sociedade de ordensAbsolutismo e mercantilismo numa sociedade de ordens
Absolutismo e mercantilismo numa sociedade de ordens
 

Último

DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...
DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...
DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...Martin M Flynn
 
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptx
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptxSlide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptx
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptxconcelhovdragons
 
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão LinguísticaA Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão LinguísticaFernanda Ledesma
 
A galinha ruiva sequencia didatica 3 ano
A  galinha ruiva sequencia didatica 3 anoA  galinha ruiva sequencia didatica 3 ano
A galinha ruiva sequencia didatica 3 anoandrealeitetorres
 
Aula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptx
Aula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptxAula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptx
Aula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptxBiancaNogueira42
 
Programa de Intervenção com Habilidades Motoras
Programa de Intervenção com Habilidades MotorasPrograma de Intervenção com Habilidades Motoras
Programa de Intervenção com Habilidades MotorasCassio Meira Jr.
 
Bingo da potenciação e radiciação de números inteiros
Bingo da potenciação e radiciação de números inteirosBingo da potenciação e radiciação de números inteiros
Bingo da potenciação e radiciação de números inteirosAntnyoAllysson
 
Slides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptxSlides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024Sandra Pratas
 
HABILIDADES ESSENCIAIS - MATEMÁTICA 4º ANO.pdf
HABILIDADES ESSENCIAIS  - MATEMÁTICA 4º ANO.pdfHABILIDADES ESSENCIAIS  - MATEMÁTICA 4º ANO.pdf
HABILIDADES ESSENCIAIS - MATEMÁTICA 4º ANO.pdfdio7ff
 
Educação São Paulo centro de mídias da SP
Educação São Paulo centro de mídias da SPEducação São Paulo centro de mídias da SP
Educação São Paulo centro de mídias da SPanandatss1
 
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdf
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdfCurrículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdf
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdfIedaGoethe
 
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024Sandra Pratas
 
19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros
19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros
19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileirosMary Alvarenga
 
QUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNAS
QUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNASQUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNAS
QUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNASEdinardo Aguiar
 
Simulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdf
Simulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdfSimulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdf
Simulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdfEditoraEnovus
 
Mesoamérica.Astecas,inca,maias , olmecas
Mesoamérica.Astecas,inca,maias , olmecasMesoamérica.Astecas,inca,maias , olmecas
Mesoamérica.Astecas,inca,maias , olmecasRicardo Diniz campos
 
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autores
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autoresSociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autores
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autoresaulasgege
 
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptxAs Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptxAlexandreFrana33
 
Habilidades Motoras Básicas e Específicas
Habilidades Motoras Básicas e EspecíficasHabilidades Motoras Básicas e Específicas
Habilidades Motoras Básicas e EspecíficasCassio Meira Jr.
 

Último (20)

DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...
DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...
DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...
 
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptx
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptxSlide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptx
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptx
 
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão LinguísticaA Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
 
A galinha ruiva sequencia didatica 3 ano
A  galinha ruiva sequencia didatica 3 anoA  galinha ruiva sequencia didatica 3 ano
A galinha ruiva sequencia didatica 3 ano
 
Aula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptx
Aula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptxAula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptx
Aula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptx
 
Programa de Intervenção com Habilidades Motoras
Programa de Intervenção com Habilidades MotorasPrograma de Intervenção com Habilidades Motoras
Programa de Intervenção com Habilidades Motoras
 
Bingo da potenciação e radiciação de números inteiros
Bingo da potenciação e radiciação de números inteirosBingo da potenciação e radiciação de números inteiros
Bingo da potenciação e radiciação de números inteiros
 
Slides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptxSlides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptx
 
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
 
HABILIDADES ESSENCIAIS - MATEMÁTICA 4º ANO.pdf
HABILIDADES ESSENCIAIS  - MATEMÁTICA 4º ANO.pdfHABILIDADES ESSENCIAIS  - MATEMÁTICA 4º ANO.pdf
HABILIDADES ESSENCIAIS - MATEMÁTICA 4º ANO.pdf
 
Educação São Paulo centro de mídias da SP
Educação São Paulo centro de mídias da SPEducação São Paulo centro de mídias da SP
Educação São Paulo centro de mídias da SP
 
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdf
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdfCurrículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdf
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdf
 
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
 
19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros
19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros
19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros
 
QUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNAS
QUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNASQUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNAS
QUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNAS
 
Simulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdf
Simulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdfSimulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdf
Simulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdf
 
Mesoamérica.Astecas,inca,maias , olmecas
Mesoamérica.Astecas,inca,maias , olmecasMesoamérica.Astecas,inca,maias , olmecas
Mesoamérica.Astecas,inca,maias , olmecas
 
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autores
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autoresSociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autores
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autores
 
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptxAs Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
 
Habilidades Motoras Básicas e Específicas
Habilidades Motoras Básicas e EspecíficasHabilidades Motoras Básicas e Específicas
Habilidades Motoras Básicas e Específicas
 

A regressão do demoliberalismo

  • 1. A regressão do Demoliberalismo Após a Grande Guerra, a população europeia divide-se na adesão a políticas extremistas (quer de direita, quer de esquerda)
  • 2. O impacto do socialismo revolucionário  A vitória bolchevique na URSS, ao provar a possibilidade do proletariado se tornar a classe dominante, serviu de exemplo a vários levantamentos revolucionários na Europa: Espartaquismo, Berlim, 1918, chefiado por Rosa Luxemburg e Karl Liebknecht. Revoltas dos operários e camponeses sem terra em Itália (1919/20).
  • 3. A influência da III Internacional Comunista - Komintern • Realizou-se em 1919 e impôs o modelo russo como o único a ser seguido pelos outros países, que avançassem para a revolução socialista. • Internamente eliminou todas as correntes reformistas, dentro do Partido Comunista, e iniciou a depuração (perseguição a membros do Estado ou do Partido para tornar mais “pura” a prática do marxismo-leninismo)
  • 4. Reações da extrema-direita na Europa • Destacam-se na Europa três situações que alcançaram algum apoio popular: – A Marcha sobre Roma, realizada em 1922, por Mussolini, que fez deslocar os Camisas Negras sobre a capital. – O putsh (tentativa de golpe de estado) realizado por Hitler, em 1923, e que o levou à prisão onde escreverá Mein Kampf. – A ditadura do general Primo de Rivera, em Espanha, de 1923 a 1930
  • 5. Emergência de autoritarismos - causas • A inflação provocou graves dificuldades de subsistência. • A agitação social era constante (greves e manifestações). • As lutas partidárias causaram o descrédito nos sistemas parlamentares. • Os resultados da guerra (mortos e inválidos; desorganização financeira; instabilidade política) desiludiram as populações. • O medo do bolchevismo e dos ataques à propriedade privada pode explicar o apoio da classe média e alta às ideologias de extrema direita.
  • 6. O clima de incerteza e pessimismo nas primeiras décadas do séc. XX • A Grande Guerra influenciou o pensamento dos sobreviventes, que passaram a ver a vida com maior relativismo. • Surge um período de transição da moral em que os valores e as regras são questionados (casamento, religião, papel da mulher) criando uma anomia (indeterminação dos valores morais a adotar pela sociedade).
  • 7. O clima de incerteza e pessimismo nas primeiras décadas do séc. XX • A Grande Guerra influenciou o pensamento dos sobreviventes, que passaram a ver a vida com maior relativismo. • Surge um período de transição da moral em que os valores e as regras são questionados (casamento, religião, papel da mulher) criando uma anomia (indeterminação dos valores morais a adotar pela sociedade).