RevoluçãO Russa

19.231 visualizações

Publicada em

2 comentários
7 gostaram
Estatísticas
Notas
Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
19.231
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
38
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
545
Comentários
2
Gostaram
7
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

RevoluçãO Russa

  1. 1. A Revolução Soviética
  2. 2. Da Rússia dos czares à Rússia dos Sovietes <ul><li>Nos inícios do século XX a Rússia vivia um período de profunda crise económica, a qual foi agravada pela sua participação na I Guerra Mundial…. </li></ul>
  3. 3. <ul><li>Contexto político </li></ul><ul><li>Até 1917, a Rússia era governada por um czar – Nicolau II, este governava o país de forma autoritária (monarquia absoluta). </li></ul>
  4. 4. Contexto social <ul><li>A nível social existiam na Rússia profundas desigualdades: </li></ul><ul><li>O clero e a nobreza eram os grandes proprietários das terras. </li></ul><ul><li>Os camponeses, cerca de 80% da população activa, pagavam pesadas rendas e viviam miseravelmente. </li></ul><ul><li>Os operários cerca de 2% da população, trabalhavam muitas horas, sem condições e com salários muito baixos. </li></ul>
  5. 5. Contexto económico <ul><li>A nível económico a Rússia estava atrasada: </li></ul><ul><li>A agricultura constituía a principal actividade, mas era ainda muito rudimentar, com técnicas e utensílios arcaicos e por isso pouco produtiva. </li></ul><ul><li>A indústria, pouco desenvolvida. </li></ul>
  6. 6. “ Domingo Sangrento” <ul><li>Em 1905 os operários dirigiram-se ao Palácio de Inverno do czar , em Sampetersburgo, pedindo trabalho e pão (melhores condições de vida). Foram recebidos a tiro pela guarda imperial. Esse dia ficou conhecido por “Domingo Sangrento” </li></ul>
  7. 7. Consequências do “Domingo sangrento” <ul><li>Criação de partidos políticos, entre os quais o Partido Social Democrata, que mais tarde se dividiria em: partido Bolchevique (maioria) e partido Menchevique (minoria) </li></ul><ul><li>Criação de um parlamento a – Duma. </li></ul>
  8. 8. Revolução burguesa - Fevereiro de 1917 <ul><li>Em 1914, a Rússia entrou na I Guerra Mundial, este facto agravou a miséria da população russa: </li></ul><ul><li>Em muitas cidades foram aumentando as manifestações dos militares e desempregados descontentes com a situação precária em que viviam; </li></ul><ul><li>A Duma criada após o Domingo Sangrento foi dissolvida. Os partidos políticos, sobretudo o bolchevique, intensificaram a sua oposição ao czar. </li></ul><ul><li>Em 27 de Fevereiro de 1917 milhares de operários com o apoio das forças do czar revoltaram-se. Era o fim do czarismo e o início de uma revolução que mudaria o sistema social, político e económico da Rússia durante um longo período. </li></ul><ul><li>Foi nomeado um governo provisório (Comité Executivo Provisório), que pretendia instaurar um regime parlamentar – burguês, semelhante ao dos países ocidentais, mas esbarrou com a oposição dos bolcheviques (camponeses, operários e soldados) liderados por Lenine, que havia regressado do exílio. </li></ul>
  9. 9. (… A revolução burguesa… <ul><li>… nomeou um governo provisório (Comité Executivo Provisório), que pretendia instaurar um regime parlamentar – burguês, semelhante ao dos países ocidentais, mas esbarrou com a oposição dos bolcheviques (camponeses, operários e soldados) liderados por Lenine, que havia regressado do exílio e dirigiria uma nova revolução… </li></ul>
  10. 10. … a revolução bolchevique – Outubro de 1917 <ul><li>Em 24 de Outubro de 1917 os bolcheviques puseram fim ao Governo Provisório e instauraram um novo governo revolucionário – presidido por Lenine </li></ul><ul><li>Lenine pretendia instaurar o marxismo e criar uma sociedade sem classes, em que os bens de produção (fábricas, terras…) fossem nacionalizados, ou seja, estivessem na posse do Estado. </li></ul><ul><li>Defendia a instauração da ditadura do proletariado e a saída da Rússia da I Guerra Mundial, com esse objectivo assinou em março de 1918 o tratado de paz com a Alemanha – Brest Litovsk </li></ul>
  11. 11. As fases da construção da URSS <ul><li>Entre 1917 e 1924 a revolução soviética (cujo objectivo era a passagem de um regime capitalista para um regime socialista) evoluiu em diversas fases: </li></ul><ul><li>* guerra civil (1918/21) - comunismo de guerra </li></ul><ul><li>* NEP (1921/24) «nova política económica» </li></ul>
  12. 12. A guerra civil <ul><li>Lenine quando chegou ao poder pôs em prática uma série de medidas revolucionárias que aboliram a propriedade privada, iniciando a nacionalização da economia: </li></ul><ul><li>Expropriação das grandes propriedades, sem indemnização; </li></ul><ul><li>requisição das colheitas agrícolas; </li></ul><ul><li>nacionalização das empresas com mais de dez operários; </li></ul><ul><li>nacionalização da banca e do comércio externo </li></ul>
  13. 13. Russos brancos versus Russos vermelhos <ul><li>Lenine e as suas medidas enfrentaram grande resistência por parte de alguns grupos sociais em consequência formaram-se 2 grupos opostos na sociedade russa: </li></ul><ul><li>*os russos brancos , que defendiam o regresso do czarismo e eram apoiados por países como a França, a Inglaterra, os EUA e o Japão. </li></ul><ul><li>* os russos vermelhos , compostos pelos bolcheviques (camponeses, operários, soldados) e que apoiavam as medidas impostas por Lenine </li></ul>
  14. 14. O “ Comunismo de guerra” <ul><li>Os proprietários das terras, os agricultores e os industriais opuseram-se às medidas de Lenine, destruindo as colheitas, a produção e os equipamentos ou simplesmente não se esforçando por aumentar a produção. </li></ul><ul><li>Face a esta oposição, à guerra civil e à pressão dos governos estrangeiros Lenine resolveu radicalizar as suas posições e pôs em prática um conjunto de medidas que ficaram conhecidas por “ comunismo de guerra” </li></ul>
  15. 15. Lenine e o comunismo de guerra <ul><li>Criação do partido único (Partido Comunista Bolchevique), proibindo todos os outros; </li></ul><ul><li>Instituiu a censura e a polícia política (tcheca); </li></ul><ul><li>Ordenou a perseguição, tortura e morte dos adversários políticos. </li></ul><ul><li>Estas medidas aumentaram o clima de terror que se vivia na Rússia. Depois de dois anos de intensas lutas entre russos brancos e russos vermelhos, os bolcheviques venceram, conseguindo o triunfo da revolução, mas o país estava devastado por mortes, fomes, epidemias e revoltas. </li></ul>
  16. 16. A Nova Política Económica - NEP <ul><li>Face à situação dramática em que a Rússia se encontrava, Lenine decidiu recuar, estrategicamente, na sua política optando por um regresso à economia capitalista, durante um período limitado. </li></ul><ul><li>Lenine entendeu que para desenvolver a produção, era necessário regressar à liberdade económica. Neste sentido tomou algumas medidas que ficaram conhecidas por Nova Política Económica – NEP. </li></ul>
  17. 17. NEP – medidas: <ul><li>Foi permitido o comércio interno e a venda directa dos produtos agrícolas no mercado, com vista a estimular o aumento da produção; </li></ul><ul><li>a existência de pequenas empresas privadas, agrícolas e industriais; </li></ul><ul><li>a entrada de capitais e técnicos estrangeiros, a fim de modernizar a indústria e aumentar a produtividade. </li></ul>
  18. 18. NEP – consequências: <ul><li>Com a NEP foi possível recuperar os níveis de produtividade; </li></ul><ul><li>permitiu aos mais desfavorecidos beneficiarem de melhores condições de vida, </li></ul><ul><li>politicamente significou um recuo no comunismo </li></ul>
  19. 19. A criação da URSS <ul><li>Em 1922 foi criada a URSS – União das Repúblicas Socialistas Soviéticas, esta medida pretendia reunir num mesmo Estado uma diversidade de povos que compunham a Rússia, respeitando as suas diferenças. </li></ul>

×