SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 27
ESCOLA BÍBLICA DISCIPULADORA
7:50
1
EBD - ESCOLA BÍBLICA DISCIPULADORA – 2024 – 1º SEMESTRE
Facilitadores: José Luiz Rissotto e Francisco Tudela
A CONVERSÃO MAIS IMPORTANTE DA HISTÓRIA
A perseguição e a dispersão da igreja
7:50 2
• Mesmo assim o Evangelho era pregado.
8.3 “Saulo, por sua vez, devastava a igreja. Indo de casa em casa, arrastava
homens e mulheres e os lançava na prisão.”
8.4-8 “Os que haviam sido dispersos pregavam a palavra por onde quer que
fossem. Indo FILIPE para uma cidade de SAMARIA, ali lhes anunciava o
Cristo. Quando a multidão OUVIU Filipe e VIU os sinais miraculosos que ele
realizava, deu unânime atenção ao que ele dizia. Os ESPÍRITOS IMUNDOS
SAÍAM de muitos, dando gritos, e muitos PARALÍTICOS E MANCOS FORAM
CURADOS. Assim, houve grande ALEGRIA naquela cidade.”
O evangelho rompera a barreira do preconceito: os samaritanos eram um povo
mestiço, meio judeu e meio gentio.
8.14 “Os apóstolos em Jerusalém, ouvindo que Samaria havia aceitado a palavra
de Deus, enviaram para lá Pedro e João” – logo o FILIPE citado é o diácono
(evangelista) e não o apóstolo.
Filipe em Samaria e Simão o Mago
7:50 3
8.9-13 “Um homem chamado Simão ... se dizia muito importante, e todo o povo,
do mais simples ao mais rico, dava-lhe atenção e exclamava: "Este homem
é o poder divino conhecido como Grande Poder"...ele os havia iludido com
sua mágica ... quando Filipe lhes pregou ... creram nele, e foram batizados
... Simão também creu e foi batizado, e seguia a Filipe por toda parte ...”
Noutro evento a magia será associada à influência demoníaca.
At 13.6-10 “...encontraram um judeu, chamado Barjesus, que praticava magia e
era falso profeta....Paulo ... disse: "Filho do diabo e inimigo de tudo o que é
justo! Você está cheio de toda espécie de engano e maldade...”
O “Grande Poder” de Simão vinha de Satanás e o usava para sua vaidade.
Já o poder dos milagres de Filipe vinha de Deus e o usava para glorificar a Cristo.
Há comentaristas que pressupõem que Simão pode ter tido um dom divino que
foi corrompido pelo seu orgulho e desejo de poder.
Batismo com o Espírito Santo em Samaria
ESCOLA BÍBLICA DISCIPULADORA - ATOS 7:50 4
8.14-17 “Os apóstolos em Jerusalém, ouvindo que Samaria havia
aceitado a palavra de Deus, enviaram para lá Pedro e João. Estes, ao
chegarem, oraram para que eles recebessem o Espírito Santo, pois o
Espírito ainda não havia descido sobre nenhum deles; tinham apenas
sido batizados em nome do Senhor Jesus. Então Pedro e João lhes
impuseram as mãos, e eles receberam o Espírito Santo.”
� Perspectivas Teológicas:
� Teologia Tradicional: Enfatiza a importância da ordem correta: batismo
após o recebimento do Espírito Santo.
� Teologia Pentecostal: Argumenta que o batismo com o Espírito Santo
pode acontecer antes ou depois do batismo em água.
Simão, o mago
ESCOLA BÍBLICA DISCIPULADORA - ATOS 7:50 5
� Há quatro derramamentos do Espírito registrados no livro de Atos:
1. Sobre os judeus, em Jerusalém (At 2);
2. Sobre os samaritanos (At 8);
3. Sobre os prosélitos, gentios convertidos aos judaísmo (At 10);
4. Sobre os gentios em Éfeso (At 19)
8.18-24 “Vendo Simão que o Espírito era dado com a imposição das mãos dos
apóstolos, ofereceu-lhes dinheiro e disse: "Deem-me também este poder, para que a
pessoa sobre quem eu impuser as mãos receba o Espírito Santo". Pedro respondeu:
"Pereça com você o seu dinheiro! Você pensa que pode comprar o dom de Deus com
dinheiro? ... Arrependa-se dessa maldade e ore ao Senhor. Talvez ele lhe perdoe tal
pensamento do seu coração, pois vejo que você está cheio de amargura e preso pelo
pecado". Simão, porém, respondeu: "Orem vocês ao Senhor por mim, para que não
me aconteça nada do que vocês disseram".
Simão, o mago
7:50 6
Simonia é o ato de vender favores divinos, bênçãos, prosperidade material ... em
troca de dinheiro. A etimologia da palavra provém de Simão Mago.
Simão despreza o chamado para arrepender-se e desdenha “Orem vocês“.
Acha que foi uma praga “para que não me aconteça nada do que vocês disseram”.
Assim como muitos, Simão não vê que está “cheio de amargura e preso pelo
pecado” e que Deus pode salvá-lo de si mesmo.
O texto NÃO segue dizendo que os apóstolos oraram por Simão.
� PERGUNTA 16:
a) Você acha que hoje existem pessoas que tentam comprar favores de Deus?
b) Você acha que há pessoas oferecendo bençãos e favores divinos em troca de
dinheiro?
c) Você, num ato de amor ao próximo, oraria por Simão?
Conversão de um secretário da rainha de Candace
7:50 7
8.26-40 “Um anjo do Senhor disse a Filipe: "Vá para o sul.. No caminho encontrou
um eunuco etíope, um oficial importante, encarregado de todos os tesouros de
Candace, rainha dos etíopes. Esse homem viera a Jerusalém para adorar a Deus
e, de volta para casa, sentado em sua carruagem, lia o livro do profeta Isaías. E
o Espírito disse a Filipe: "Aproxime-se dessa carruagem e acompanhe-a". Então
Filipe correu para a carruagem, OUVIU o homem lendo o profeta Isaías e lhe
perguntou: "O senhor entende o que está lendo? " Ele respondeu: "Como posso
entender se alguém não me explicar? " Assim, convidou Filipe para subir e sentar-
se ao seu lado. O eunuco estava lendo esta passagem da Escritura (Is 53.7,8)
... Então FILIPE, COMEÇANDO COM AQUELA PASSAGEM DA ESCRITURA,
ANUNCIOU-LHE AS BOAS NOVAS DE JESUS. Prosseguindo pela estrada, chegaram
a um lugar onde havia água. O eunuco disse: "Olhe, aqui há água. Que me
impede de ser batizado? Disse Filipe: "Você pode, se crê de todo o coração". O
eunuco respondeu: "Creio que Jesus Cristo é o Filho de Deus"... Filipe o batizou.”
Um exemplo bíblico da metodologia REI e de como devemos evangelizar
7:50 8
1.Aproxime-se e fique próximo - Aproxime-se dessa carruagem e acompanhe-a
2.Conheça seu contexto cultural e religioso - Ouviu o homem lendo o profeta
Isaías
3.Identifique suas necessidades-Como posso entender se alguém não me
explicar?
4.Disponibilize-se - Convidou Filipe para subir e sentar-se ao seu lado
5.Inicie por algo do interesse dele - Começando com aquela passagem da
escritura
6.Tenha um plano de ensino que vise mudá-lo - Anunciou-lhe as boas novas de
Jesus
7.Avalie o que ele aprendeu - Você pode, se crê de todo o coração
8.Diplome-o - Filipe o batizou
Um só Evangelho para diferentes etnias
ESCOLA BÍBLICA DISCIPULADORA - ATOS 7:50 9
• Os samaritanos eram uma raça mista que só aceitava a Lei de Moisés, já o
etíope era um africano rico que lia os profetas rejeitados pelos samaritanos, e
apesar das diferenças, Felipe apresentou a ambos a mesma mensagem e o
resultado foi igual.
� PERGUNTA 17: O que você responderia a uma pessoa que aparentemente
não apresenta os padrões esperados de um cristão que lhe pergunta-se: Que
me impede de ser batizado? Responderia com uma longa preleção
teológica?
• Uma única condição exigida: crer de todo o coração em Jesus.
• O cristianismo não é um complexo sistema de ideias que é preciso aprender ,
mas a ligação renovadora da vida com Jesus, que é alcançada pela fé Nele
Os casos de arrebatamento na Bíblia
ESCOLA BÍBLICA DISCIPULADORA - ATOS 7:50 10
8,39,40 “Quando saíram da água, o Espírito do Senhor ARREBATOU FILIPE
repentinamente. O eunuco não o viu mais e, cheio de alegria, seguiu o seu
caminho. Filipe, porém, apareceu em Azoto ...”
Há 4 casos de arrebatamento descritos na bíblia: Filipe, Enoque, Elias e Paulo.
Hb 11.5 “Pela fé Enoque foi arrebatado, de modo que não experimentou a morte;”
2Rs 2.11 “... Elias foi levado aos céus num redemoinho.”
2Co 12.2 “Conheço um homem em Cristo que ... foi arrebatado ao terceiro céu.”
A perseguição aos cristãos
ESCOLA BÍBLICA DISCIPULADORA - ATOS 7:50 11
• Damasco era um centro comercial para onde convergiam caravanas de todas as
direções, residência de muitos judeus e onde a fé cristã começou a florescer.
• Paulo percebeu que de Damasco o Evangelho se espalharia por todo o mundo.
9.1,2 “Enquanto isso, Saulo ainda respirava ameaças de morte contra os
discípulos do Senhor. Dirigindo-se ao sumo sacerdote, pediu-lhe cartas para
as sinagogas de Damasco, de maneira que, caso encontrasse ali homens ou
mulheres que PERTENCESSEM AO CAMINHO, pudesse levá-los presos para
Jerusalém.”
• Os primeiros cristãos eram identificados como PERTENCENTES AO CAMINHO:
• Jesus como o Caminho: Jo 14.6 "Eu sou o caminho ...”
• Uma nova maneira de viver: o caminho no amor a Deus e ao próximo.
• Uma jornada contínua: o caminho de fé, buscando se aproximar do caráter
de Cristo e viver de acordo com seus ensinos. (santificação).
ANO 34 – A CONVERSÃO E O BATISMO DE PAULO
ESCOLA BÍBLICA DISCIPULADORA - ATOS 7:50 12
• Para quem desejava levar prisioneiros de Damasco a Jerusalém, agora é
levado para Damasco prisioneiro da cegueira.
9.3-5,8,9 “de repente brilhou ao seu redor uma luz vinda do céu. Ele caiu por
terra e ouviu uma voz que lhe dizia: "Saulo, Saulo, por que você me persegue?
“ Saulo perguntou: "Quem és tu, Senhor? " Ele respondeu: "Eu sou Jesus, a
quem você persegue.”... Saulo levantou-se do chão e, abrindo os olhos, não
conseguia ver nada. E eles o levaram pela mão até Damasco. Por três dias ele
esteve cego, não comeu nem bebeu.”
9.10,11 “Em Damasco havia um discípulo chamado Ananias. O Senhor o chamou
numa visão: "ANANIAS! ...Vá à casa de Judas, na rua chamada Direita,
e pergunte por um homem de Tarso chamado Saulo.
ANO 34 – A CONVERSÃO E O BATISMO DE PAULO
ESCOLA BÍBLICA DISCIPULADORA - ATOS 7:50 13
• Ananias, sem conhecer, chamou Saulo de irmão.
• Uma pessoa que crê precisa ser batizada para integrar-se à igreja.
9.17,18 “Então Ananias foi, entrou na casa, impôs as mãos sobre Saulo e disse:
"IRMÃO SAULO, o Senhor Jesus, que lhe apareceu no caminho por onde você
vinha, enviou-me para que você volte a ver e seja cheio do Espírito Santo".
Imediatamente, algo como escamas caiu dos olhos de Saulo e ele passou a ver
novamente. Levantando-se, foi batizado”
9.19,20 “...Saulo passou vários dias com os discípulos em Damasco. Logo começou a
pregar nas sinagogas que Jesus é o Filho de Deus.
9.23-25 “Decorridos muitos dias, os judeus decidiram de comum
acordo matá-lo, mas Saulo ficou sabendo do plano deles...Mas
os seus discípulos o levaram de noite e o fizeram descer num
cesto, através de uma abertura na muralha.”
• Flávio Josefo, historiador romano do séc. 1 d.C., diz que as muralhas
de Damasco tinham 24 m.
ANO 37 – Início do ministério de Paulo
ESCOLA BÍBLICA DISCIPULADORA - ATOS 7:50 14
• Paulo foi o maior evangelista, missionário, pastor, pregador, teólogo e
plantador de igrejas da história do cristianismo.
• Voltamos a falar de Pedro:
9.28-30 “Assim, Saulo ficou com eles, e andava com liberdade em Jerusalém,
pregando corajosamente em nome do Senhor. Falava e discutia com os judeus
de fala grega, mas estes tentavam matá-lo. Sabendo disso, os irmãos o
levaram para Cesaréia e o enviaram para Tarso.
9.32-35 “Viajando por toda parte, Pedro foi visitar os santos que viviam em Lida.
Ali encontrou um paralítico chamado Enéias, que estava acamado fazia oito
anos. Disse-lhe Pedro: "Enéias, Jesus Cristo vai curá-lo! Levante-se e arrume a
sua cama". Ele se levantou imediatamente. Todos os que viviam em Lida e
Sarona o VIRAM E SE CONVERTERAM AO SENHOR.”
• Enéias se levantou pela fé que Jesus iria curá-lo.
Pedro ressuscita Tabita (Dorcas)
ESCOLA BÍBLICA DISCIPULADORA - ATOS 7:50 15
9.36-42 “Em Jope havia uma discípula chamada Tabita ... que se dedicava a
praticar boas obras e dar esmolas... ficou doente e morreu ... Lida ficava perto
de Jope, e quando os discípulos ouviram falar que Pedro estava em Lida,
mandaram ... dizer-lhe: "Não se demore em vir até nós"... quando chegou ...
mandou que todos saíssem do quarto; depois, ajoelhou-se e orou. Voltando-se
para a mulher morta, disse: "Tabita, levante-se". Ela abriu os olhos e, vendo
Pedro, sentou-se. Tomando-a pela mão, ajudou-a a pôr-se de pé. Então,
chamando os santos e as viúvas, apresentou-a viva. Este fato se tornou
conhecido em toda a cidade de Jope, e muitos creram no Senhor...
•Jope era um porto (atualmente Jaffa, ao sul de Tel Aviv) a 60 km de Jerusalém.
•Tabita, neste momento, nem sabe o porquê da sua cura.
•Pedro não diz “eu ordeno que vivas”, não impôs as mãos, ...
O Evangelho para todas as etinias
ESCOLA BÍBLICA DISCIPULADORA - ATOS 7:50 16
• Simão lidava com peles de animais, logo tocava em animais mortos.
9.43 “Pedro ficou em Jope durante algum tempo, com um curtidor de couro
chamado Simão.”
PERGUNTA 18: Como cristão você aceitaria trabalhar numa empresa que fabrica
coisas que são maléficas ao homem, por exemplo numa fábrica de cigarros?
Lv 5.2 “Se alguém tocar qualquer coisa impura, seja um cadáver de animal
selvagem ou de animal do rebanho ou de uma das pequenas criaturas que
povoam a terra, ainda que não tenha consciência disso, ele se tornará
impuro e será culpado.”
• Um judeu jamais aceitaria ficar na casa de um curtidor.
• Deus já estava levando Pedro a quebrar seus preconceitos e tabus.
Capítulo 10 – O centurião Cornélio.
ESCOLA BÍBLICA DISCIPULADORA - ATOS 7:50 17
• Itália era o centro do império romano e como seu exército era composto por
soldados de diversas origens, é possível que o termo "italiano" fosse usado
para distinguir o regimento de Cornélio de outros que não eram romanos.
10.1 “Havia em Cesaréia um homem chamado Cornélio, centurião do regimento
conhecido como Italiano.
10.2 “Ele e toda a sua família eram piedosos e tementes a Deus; dava muitas
esmolas ao povo e orava continuamente a Deus.
• Não há informações de como passou a acreditar em um único Deus e se
tornou um judeu prosélito (prosélito é alguém que saiu de uma religião e
aderiu ao Judaísmo).
A conversão de Cornélio
ESCOLA BÍBLICA DISCIPULADORA - ATOS 7:50 18
• Cornélio era conhecido na terra e no céu, pois foi chamado pelo nome.
• Note que o anjo não lhe pregou o Evangelho, pois isto é uma tarefa humana.
• Na oferta memorial busca-se o perdão de Deus.
10.3-5 “... por volta das três horas da tarde, ele teve uma visão. Viu claramente
um anjo de Deus que se aproximava dele e dizia: "Cornélio!" Suas
orações e esmolas subiram como oferta memorial diante de Deus. Agora,
mande alguns homens a Jope para trazerem um certo Simão, também
conhecido como Pedro, "
Lv 5.12 “Ele a trará ao sacerdote, que apanhará um punhado dela como porção
memorial e queimará essa porção no altar ... É oferta pelo pecado.”
O relevância do sacrifício em nossos dias
ESCOLA BÍBLICA DISCIPULADORA - ATOS 7:50 19
• Visão Judaica: No Judaísmo, ofertas memoriais (chamadas de "korbanot") eram
parte integrante do sistema sacrificial prescrito na Torá. Essas ofertas expiavam
pecados e aproximavam o povo de Deus. No entanto, com a destruição do
Segundo Templo em 70 d.C., o sistema sacrificial judaico foi suspenso.
• Visão Cristã: No Cristianismo, a morte e ressurreição de Jesus Cristo são
consideradas o sacrifício final que expiou os pecados de toda a humanidade.
• Na Igreja Católica Apostólica Romana, a oferta memorial é feita pagando por
uma missa dedicada a um ente querido falecido, ou em dinheiro, flores e outros
bens. O objetivo da oferta memorial é ajudar a alma do falecido querido a
alcançar a purificação no purgatório e obter a salvação eterna.
• A Bula Papal, promulgada pelo Papa Clemente VI em 6 de novembro de 1349,
que institui a Oferta Memorial na Igreja Católica é a "Cum Sanctissima",.
� PERGUNTA 19: Você acha que hoje são válidas / necessárias ofertas
memoriais para ser perdoado? Ou por algum outro motivo?
A conversão de Cornélio
7:50 20
10.7,8 “...Cornélio chamou dois dos seus servos e um soldado piedoso
..contando-lhes ...o que tinha acontecido, enviou-os a Jope.”
10.9-16,28 “Pedro subiu ao terraço para orar. Tendo fome, queria comer;
enquanto a refeição estava sendo preparada, caiu em êxtase. Viu o céu
aberto e algo semelhante a um grande lençol que descia à terra, preso pelas
quatro pontas, contendo toda espécie de quadrúpedes, bem como de répteis
da terra e aves do céu. Então uma voz lhe disse: "Levante-se, Pedro; mate e
coma". Mas Pedro respondeu: "De modo nenhum, Senhor! Jamais comi algo
impuro ou imundo! " A voz lhe falou segunda vez: "Não chame impuro ao que
Deus purificou". Isso aconteceu três vezes, e em seguida o lençol foi recolhido
ao céu.... e lhes disse: "Vocês sabem muito bem que é contra a nossa lei um
judeu associar-se a um gentio ou mesmo visitá-lo. Mas Deus me mostrou que
eu não deveria chamar impuro ou imundo a homem nenhum.”
A conversão de Cornélio
7:50 21
10.22,23 “Os homens responderam: "Viemos da parte do centurião Cornélio.
Ele é um homem justo e temente a Deus, RESPEITADO POR TODO O POVO
JUDEU. Um santo anjo lhe disse que o chamasse à sua casa, para que ele ouça
o que você tem para dizer". Pedro os convidou a entrar e os hospedou. No dia
seguinte Pedro partiu com eles, e alguns dos irmãos de Jope o
acompanharam.”
• Não há informações de como passou a acreditar em um único Deus e se
tornou um judeu prosélito.
• prosélito é alguém que saiu de uma religião pagã e aderiu ao Judaísmo.
As boas obras não são suficientes para salvação
ESCOLA BÍBLICA DISCIPULADORA - ATOS 7:50 22
• Cornélio confundiu a criatura com o Criador e o evangelista com o evangelho.
• A resposta à pergunta de Pedro é que Cornélio dava um testemunho exemplar
dentro e fora de casa; orava, dava esmolas e era respeitado por toda a nação,
mas ainda não estava salvo.
10.25-29 “Quando Pedro ia entrando na casa, Cornélio dirigiu-se a ele e
prostrou-se aos seus pés, adorando-o. Mas Pedro o fez levantar-se, dizendo:
"Levante-se, eu sou homem como você". Conversando com ele, Pedro entrou
e encontrou ali reunidas muitas pessoas e lhes disse: "Vocês sabem muito
bem que é contra a nossa lei um judeu associar-se a um gentio ou mesmo
visitá-lo. Mas Deus me mostrou que eu não deveria chamar impuro ou
imundo a homem nenhum. Por isso, quando fui procurado, vim sem
qualquer objeção. Posso perguntar por que vocês me mandaram buscar? “
A descida do Espírito Santo
7:50 23
10.43 “Todos os profetas dão testemunho dele, de que todo aquele que nele crê
recebe o perdão dos pecados mediante o seu nome".
10.44-48 “Enquanto Pedro ainda estava falando estas palavras, o Espírito Santo
desceu sobre todos os que ouviam a mensagem. Os judeus convertidos que
vieram com Pedro ficaram admirados de que o dom do Espírito Santo fosse
derramado até sobre os gentios, POIS OS OUVIAM FALANDO EM(OUTRAS) LÍNGUAS
E EXALTANDO A DEUS. A seguir Pedro disse: "Pode alguém negar a água(ser
batizado), impedindo que estes sejam batizados? Eles receberam o Espírito Santo
como nós! " Então ordenou que fossem batizados em nome de Jesus Cristo.“
Deus concedeu o ES antes de professarem publicamente sua fé em Jesus.
Em At 17.28 “Pois nele vivemos, nos movemos e existimos,”
Paulo cita Epimênides(a) para afirmar que Deus cuida e guia a todos,
independente da crença religiosa.
A pregação de Pedro
7:50 24
A combinação de falar em línguas e ser entendido por outros tem a finalidade
de transcender barreiras linguísticas e unir pessoas de diferentes culturas, isto
é, a compreensão mútua entre os presentes era o aspecto mais significativo.
Is 50.4 “ O Soberano Senhor deu-me uma língua instruída, para conhecer a
palavra que sustém o exausto.”
Note que a comunicação se deu em grupo e não a um indivíduo.
 Comparação entre a conversão de Saulo e a conversão de Cornélio
•Quanto a origem: um era judeu e o outro gentio;
•Quanto à cultura, um era erudito e o outro um soldado;
•Quanto à religião, um era fariseu radical e o outro um simpatizante do judaísmo.
•Ambos foram salvos por iniciativa de Deus, receberam o perdão de seus pecados
e o ES, foram batizados e recebidos na família cristã em igualdade de condições.
7:50 25
Deus permitiu que pessoas passassem pela vida de Saulo, o perseguidor; e as
circunstâncias moldaram quem ele é, Paulo, o apóstolo de Cristo.
� PERGUNTA 20: Responda no WhatsApp
Identifique uma pessoa ou circunstância que influenciou sua maneira de ser e agir
CONCLUSÃO:
Deus transformou a vida de Saulo, de perseguidor do
Evangelho a um dos maiores Evangelista, vencendo todos
os obstáculos colocados por Satanás.
Permita eu Deus cumpra Seus propósitos na sua vida.
Lição de casa:
1.Rever o estudo de hoje
2.Responder as questões no WhatsApp
3.Comentar as perguntas em classe
4.Ler At. 11 ao 13
BIBLIOGRAFIA
1. Bíblia NVI – Editora Vida – 2000
2. Comentário Bíblico do professor – Lawrence Richards – 3ª Ed. Vida - SP
3. Comentário Bíblico Moody – Charles F Pfieffer – Ed. Batista Regular,2017
4. Comentário Bíblico Popular - MacDonald, Willian, SP, Ed. Mundo Cristão, 2008
5. Comentário Bíblico NVI -. BRUCCE, F. F, SP, Ed. Vida, 1ª edição, 2008
6. Atos dos Apóstolos: Texto e Comentário, por F. F. Bruce (Editora Cultura Cristã)
7. Atos dos Apóstolos: Uma Perspectiva Pastoral, por Hernandes Dias Lopes (Ed. Hagnos)
8. Atos dos Apóstolos: A Missão do Espírito Santo, por Luiz Sayão (Ed. Vida Nova)
9. Atos dos Apóstolos: Uma História da Igreja, por Augustus Nicodemus Lopes (Ed. Cultura Cristã)
10.Atos dos Apóstolos: Um Estudo Bíblico, por Hernandes Dias Lopes (Ed. Hagnos)
11.Bible Project
12.Reflexões extraídas da World Wide Web
13.ROTA 66, Rádio Transmundial, Sayão, Luiz, https://www.rtmbrasil.org.br/radio/programas/rota-
66/pagina/1>.
14.Esta apresentação está disponível no site: www.escolabiblicavirtual.com.br
ESCOLA BÍBLICA DISCIPULADORA - ATOS 7:50
27

Mais conteúdo relacionado

Semelhante a A conversão mais importante da história e A perseguição e a dispersão da igreja

A CHEGADA DO EVANGELHO À EUROPA - ATOS 16 e 17.pptx
A CHEGADA DO EVANGELHO À EUROPA - ATOS 16 e 17.pptxA CHEGADA DO EVANGELHO À EUROPA - ATOS 16 e 17.pptx
A CHEGADA DO EVANGELHO À EUROPA - ATOS 16 e 17.pptxPIB Penha
 
Uma vida extraordinária
Uma vida extraordináriaUma vida extraordinária
Uma vida extraordináriaSidinei Kauer
 
Das evocações
Das evocaçõesDas evocações
Das evocaçõeshome
 
Paulo é vítima de fake news e o primeiro culto num domingo
Paulo é vítima de fake news e o primeiro culto num domingoPaulo é vítima de fake news e o primeiro culto num domingo
Paulo é vítima de fake news e o primeiro culto num domingoPIB Penha
 
Atos - Evangelho na Judeia e samaria.pdf
Atos - Evangelho na Judeia e samaria.pdfAtos - Evangelho na Judeia e samaria.pdf
Atos - Evangelho na Judeia e samaria.pdfCrisMoraes25
 
D 8 - Mediunidade
D 8 - MediunidadeD 8 - Mediunidade
D 8 - MediunidadeJPS Junior
 
15 Numeros 23 - 36.ppt
15 Numeros 23 - 36.ppt15 Numeros 23 - 36.ppt
15 Numeros 23 - 36.pptPIB Penha - SP
 
Lição 10 – Poder do Alto contra as Hostes da Maldade
Lição 10 – Poder do Alto contra as Hostes da MaldadeLição 10 – Poder do Alto contra as Hostes da Maldade
Lição 10 – Poder do Alto contra as Hostes da MaldadeHamilton Souza
 
Lição 2: Os caminhos de Deus
Lição 2: Os caminhos de DeusLição 2: Os caminhos de Deus
Lição 2: Os caminhos de DeusQuenia Damata
 
Espiritismo principiospraticaseprovas-slides2hs-130507121131-phpapp02
Espiritismo principiospraticaseprovas-slides2hs-130507121131-phpapp02Espiritismo principiospraticaseprovas-slides2hs-130507121131-phpapp02
Espiritismo principiospraticaseprovas-slides2hs-130507121131-phpapp02Paulo Almeida
 
Eae 38 Atos finais na Galiléia.
Eae 38 Atos finais na Galiléia.Eae 38 Atos finais na Galiléia.
Eae 38 Atos finais na Galiléia.PatiSousa1
 
Voz da Paróquia - Outubro 2013
Voz da Paróquia - Outubro 2013Voz da Paróquia - Outubro 2013
Voz da Paróquia - Outubro 2013jesmioma
 
O projeto de paulo
O projeto de paulo  O projeto de paulo
O projeto de paulo Ana Nunes
 
A missionária inesperada_Lição_original com textos_332015
A missionária inesperada_Lição_original com textos_332015A missionária inesperada_Lição_original com textos_332015
A missionária inesperada_Lição_original com textos_332015Gerson G. Ramos
 
Paralelismo entre israel antigo e a igreja adventista
Paralelismo entre israel antigo e a igreja adventistaParalelismo entre israel antigo e a igreja adventista
Paralelismo entre israel antigo e a igreja adventistaEduardo Sousa Gomes
 

Semelhante a A conversão mais importante da história e A perseguição e a dispersão da igreja (20)

A CHEGADA DO EVANGELHO À EUROPA - ATOS 16 e 17.pptx
A CHEGADA DO EVANGELHO À EUROPA - ATOS 16 e 17.pptxA CHEGADA DO EVANGELHO À EUROPA - ATOS 16 e 17.pptx
A CHEGADA DO EVANGELHO À EUROPA - ATOS 16 e 17.pptx
 
Uma vida extraordinária
Uma vida extraordináriaUma vida extraordinária
Uma vida extraordinária
 
Das evocações
Das evocaçõesDas evocações
Das evocações
 
Paulo é vítima de fake news e o primeiro culto num domingo
Paulo é vítima de fake news e o primeiro culto num domingoPaulo é vítima de fake news e o primeiro culto num domingo
Paulo é vítima de fake news e o primeiro culto num domingo
 
Atos - Evangelho na Judeia e samaria.pdf
Atos - Evangelho na Judeia e samaria.pdfAtos - Evangelho na Judeia e samaria.pdf
Atos - Evangelho na Judeia e samaria.pdf
 
Jovem
JovemJovem
Jovem
 
17 igrejade deus
17 igrejade deus17 igrejade deus
17 igrejade deus
 
D 8 - Mediunidade
D 8 - MediunidadeD 8 - Mediunidade
D 8 - Mediunidade
 
15 Numeros 23 - 36.ppt
15 Numeros 23 - 36.ppt15 Numeros 23 - 36.ppt
15 Numeros 23 - 36.ppt
 
Lição 10 – Poder do Alto contra as Hostes da Maldade
Lição 10 – Poder do Alto contra as Hostes da MaldadeLição 10 – Poder do Alto contra as Hostes da Maldade
Lição 10 – Poder do Alto contra as Hostes da Maldade
 
Lição 2: Os caminhos de Deus
Lição 2: Os caminhos de DeusLição 2: Os caminhos de Deus
Lição 2: Os caminhos de Deus
 
Espiritismo principiospraticaseprovas-slides2hs-130507121131-phpapp02
Espiritismo principiospraticaseprovas-slides2hs-130507121131-phpapp02Espiritismo principiospraticaseprovas-slides2hs-130507121131-phpapp02
Espiritismo principiospraticaseprovas-slides2hs-130507121131-phpapp02
 
Atos dos Apostolos
Atos dos ApostolosAtos dos Apostolos
Atos dos Apostolos
 
Eae 38 Atos finais na Galiléia.
Eae 38 Atos finais na Galiléia.Eae 38 Atos finais na Galiléia.
Eae 38 Atos finais na Galiléia.
 
Voz da Paróquia - Outubro 2013
Voz da Paróquia - Outubro 2013Voz da Paróquia - Outubro 2013
Voz da Paróquia - Outubro 2013
 
O projeto de paulo
O projeto de paulo  O projeto de paulo
O projeto de paulo
 
A missionária inesperada_Lição_original com textos_332015
A missionária inesperada_Lição_original com textos_332015A missionária inesperada_Lição_original com textos_332015
A missionária inesperada_Lição_original com textos_332015
 
4 tipos de unção
4 tipos de unção4 tipos de unção
4 tipos de unção
 
4 tipos de unção
4 tipos de unção4 tipos de unção
4 tipos de unção
 
Paralelismo entre israel antigo e a igreja adventista
Paralelismo entre israel antigo e a igreja adventistaParalelismo entre israel antigo e a igreja adventista
Paralelismo entre israel antigo e a igreja adventista
 

Mais de PIB Penha - SP

Início das missões mundiais Cap 11 ao 13.pptx
Início das missões mundiais Cap 11 ao 13.pptxInício das missões mundiais Cap 11 ao 13.pptx
Início das missões mundiais Cap 11 ao 13.pptxPIB Penha - SP
 
A escolha dos sete diáconos e a prisão e morte de Estêvão
A escolha dos sete diáconos e a prisão e morte de EstêvãoA escolha dos sete diáconos e a prisão e morte de Estêvão
A escolha dos sete diáconos e a prisão e morte de EstêvãoPIB Penha - SP
 
3- Cap 3 e 5.10 - Um milagre e um sermão/ primeira oposição dos líderes relig...
3- Cap 3 e 5.10 - Um milagre e um sermão/ primeira oposição dos líderes relig...3- Cap 3 e 5.10 - Um milagre e um sermão/ primeira oposição dos líderes relig...
3- Cap 3 e 5.10 - Um milagre e um sermão/ primeira oposição dos líderes relig...PIB Penha - SP
 
4- Cap 5.11 a 8.1 a ESCOLHA DOS SETE DIÁCONOS / PRISÃO E MORTE DE ESTEVÃO
4- Cap 5.11 a 8.1 a ESCOLHA DOS SETE DIÁCONOS / PRISÃO E MORTE DE ESTEVÃO4- Cap 5.11 a 8.1 a ESCOLHA DOS SETE DIÁCONOS / PRISÃO E MORTE DE ESTEVÃO
4- Cap 5.11 a 8.1 a ESCOLHA DOS SETE DIÁCONOS / PRISÃO E MORTE DE ESTEVÃOPIB Penha - SP
 
Livro de Atos dos Apóstolos capítulos 1 e 2
Livro de Atos dos Apóstolos capítulos 1 e 2Livro de Atos dos Apóstolos capítulos 1 e 2
Livro de Atos dos Apóstolos capítulos 1 e 2PIB Penha - SP
 
18 Deuteronômio 27 - 34.pptx
18 Deuteronômio 27 - 34.pptx18 Deuteronômio 27 - 34.pptx
18 Deuteronômio 27 - 34.pptxPIB Penha - SP
 
17 Deuteronomio 5 - 26.pptx
17 Deuteronomio 5 - 26.pptx17 Deuteronomio 5 - 26.pptx
17 Deuteronomio 5 - 26.pptxPIB Penha - SP
 
16 Deuteronomio 1 - 4.pptx
16 Deuteronomio 1 - 4.pptx16 Deuteronomio 1 - 4.pptx
16 Deuteronomio 1 - 4.pptxPIB Penha - SP
 
14 Numeros 12 - 22.ppt
14 Numeros 12 - 22.ppt14 Numeros 12 - 22.ppt
14 Numeros 12 - 22.pptPIB Penha - SP
 
14 Numeros 1 - 14.pptx
14 Numeros 1 - 14.pptx14 Numeros 1 - 14.pptx
14 Numeros 1 - 14.pptxPIB Penha - SP
 
12 Levitico 17 - 27.ppt
12 Levitico 17 - 27.ppt12 Levitico 17 - 27.ppt
12 Levitico 17 - 27.pptPIB Penha - SP
 
11 levitico 1 - 16.pptx
11 levitico 1 - 16.pptx11 levitico 1 - 16.pptx
11 levitico 1 - 16.pptxPIB Penha - SP
 
7 Exodo 1-12 PUBLICAR.pptx
7 Exodo 1-12 PUBLICAR.pptx7 Exodo 1-12 PUBLICAR.pptx
7 Exodo 1-12 PUBLICAR.pptxPIB Penha - SP
 
6 Genesis 29-50 publicar.pptx
6 Genesis 29-50  publicar.pptx6 Genesis 29-50  publicar.pptx
6 Genesis 29-50 publicar.pptxPIB Penha - SP
 
5 Genesis 14-28 NM publicar.pptx
5 Genesis 14-28 NM publicar.pptx5 Genesis 14-28 NM publicar.pptx
5 Genesis 14-28 NM publicar.pptxPIB Penha - SP
 

Mais de PIB Penha - SP (20)

Início das missões mundiais Cap 11 ao 13.pptx
Início das missões mundiais Cap 11 ao 13.pptxInício das missões mundiais Cap 11 ao 13.pptx
Início das missões mundiais Cap 11 ao 13.pptx
 
A escolha dos sete diáconos e a prisão e morte de Estêvão
A escolha dos sete diáconos e a prisão e morte de EstêvãoA escolha dos sete diáconos e a prisão e morte de Estêvão
A escolha dos sete diáconos e a prisão e morte de Estêvão
 
3- Cap 3 e 5.10 - Um milagre e um sermão/ primeira oposição dos líderes relig...
3- Cap 3 e 5.10 - Um milagre e um sermão/ primeira oposição dos líderes relig...3- Cap 3 e 5.10 - Um milagre e um sermão/ primeira oposição dos líderes relig...
3- Cap 3 e 5.10 - Um milagre e um sermão/ primeira oposição dos líderes relig...
 
4- Cap 5.11 a 8.1 a ESCOLHA DOS SETE DIÁCONOS / PRISÃO E MORTE DE ESTEVÃO
4- Cap 5.11 a 8.1 a ESCOLHA DOS SETE DIÁCONOS / PRISÃO E MORTE DE ESTEVÃO4- Cap 5.11 a 8.1 a ESCOLHA DOS SETE DIÁCONOS / PRISÃO E MORTE DE ESTEVÃO
4- Cap 5.11 a 8.1 a ESCOLHA DOS SETE DIÁCONOS / PRISÃO E MORTE DE ESTEVÃO
 
Livro de Atos dos Apóstolos capítulos 1 e 2
Livro de Atos dos Apóstolos capítulos 1 e 2Livro de Atos dos Apóstolos capítulos 1 e 2
Livro de Atos dos Apóstolos capítulos 1 e 2
 
18 Deuteronômio 27 - 34.pptx
18 Deuteronômio 27 - 34.pptx18 Deuteronômio 27 - 34.pptx
18 Deuteronômio 27 - 34.pptx
 
17 Deuteronomio 5 - 26.pptx
17 Deuteronomio 5 - 26.pptx17 Deuteronomio 5 - 26.pptx
17 Deuteronomio 5 - 26.pptx
 
16 Deuteronomio 1 - 4.pptx
16 Deuteronomio 1 - 4.pptx16 Deuteronomio 1 - 4.pptx
16 Deuteronomio 1 - 4.pptx
 
14 Numeros 12 - 22.ppt
14 Numeros 12 - 22.ppt14 Numeros 12 - 22.ppt
14 Numeros 12 - 22.ppt
 
14 Numeros 1 - 14.pptx
14 Numeros 1 - 14.pptx14 Numeros 1 - 14.pptx
14 Numeros 1 - 14.pptx
 
12 Levitico 17 - 27.ppt
12 Levitico 17 - 27.ppt12 Levitico 17 - 27.ppt
12 Levitico 17 - 27.ppt
 
11 levitico 1 - 16.pptx
11 levitico 1 - 16.pptx11 levitico 1 - 16.pptx
11 levitico 1 - 16.pptx
 
10 Exodo 31 -40.pptx
10 Exodo 31 -40.pptx10 Exodo 31 -40.pptx
10 Exodo 31 -40.pptx
 
9 Exodo 21 -30.pptx
9 Exodo 21 -30.pptx9 Exodo 21 -30.pptx
9 Exodo 21 -30.pptx
 
8 Exodo 13 - 20.pptx
8 Exodo 13 - 20.pptx8 Exodo 13 - 20.pptx
8 Exodo 13 - 20.pptx
 
10 Exodo 31 -40.pdf
10 Exodo 31 -40.pdf10 Exodo 31 -40.pdf
10 Exodo 31 -40.pdf
 
9 Exodo 21 -30.pdf
9 Exodo 21 -30.pdf9 Exodo 21 -30.pdf
9 Exodo 21 -30.pdf
 
7 Exodo 1-12 PUBLICAR.pptx
7 Exodo 1-12 PUBLICAR.pptx7 Exodo 1-12 PUBLICAR.pptx
7 Exodo 1-12 PUBLICAR.pptx
 
6 Genesis 29-50 publicar.pptx
6 Genesis 29-50  publicar.pptx6 Genesis 29-50  publicar.pptx
6 Genesis 29-50 publicar.pptx
 
5 Genesis 14-28 NM publicar.pptx
5 Genesis 14-28 NM publicar.pptx5 Genesis 14-28 NM publicar.pptx
5 Genesis 14-28 NM publicar.pptx
 

Último

Folder clube de Desbravadores.............
Folder clube de Desbravadores.............Folder clube de Desbravadores.............
Folder clube de Desbravadores.............MilyFonceca
 
Orações que abrem as comportas do Céu - Jhon Eckhardt.pdf
Orações que abrem as comportas do Céu - Jhon Eckhardt.pdfOrações que abrem as comportas do Céu - Jhon Eckhardt.pdf
Orações que abrem as comportas do Céu - Jhon Eckhardt.pdfStelaWilbert
 
Curso Básico de Teologia - Bibliologia - Apresentação
Curso Básico de Teologia - Bibliologia - ApresentaçãoCurso Básico de Teologia - Bibliologia - Apresentação
Curso Básico de Teologia - Bibliologia - Apresentaçãoantonio211075
 
Ciclos de Aprendizados: “Uma Análise da Evolução Espiritual Através das Exis...
Ciclos de Aprendizados:  “Uma Análise da Evolução Espiritual Através das Exis...Ciclos de Aprendizados:  “Uma Análise da Evolução Espiritual Através das Exis...
Ciclos de Aprendizados: “Uma Análise da Evolução Espiritual Através das Exis...M.R.L
 
Auxiliar adolescentes 2° trimestre de 2024.
Auxiliar adolescentes 2° trimestre de 2024.Auxiliar adolescentes 2° trimestre de 2024.
Auxiliar adolescentes 2° trimestre de 2024.Priscilatrigodecamar
 
Oração De Santa Rita De Cássia
Oração De Santa Rita De CássiaOração De Santa Rita De Cássia
Oração De Santa Rita De CássiaNilson Almeida
 
ESQUEMA PARA LECTIO DIVINA PARA LEIGOS 2024
ESQUEMA PARA LECTIO DIVINA PARA LEIGOS 2024ESQUEMA PARA LECTIO DIVINA PARA LEIGOS 2024
ESQUEMA PARA LECTIO DIVINA PARA LEIGOS 2024LeonardoQuintanilha4
 
Bíblia sagrada - JOel - slides powerpoint.pptx
Bíblia sagrada - JOel - slides powerpoint.pptxBíblia sagrada - JOel - slides powerpoint.pptx
Bíblia sagrada - JOel - slides powerpoint.pptxIgreja Jesus é o Verbo
 
Especialidade Pioneiros Adventistas (Desbravadores).pptx
Especialidade Pioneiros Adventistas (Desbravadores).pptxEspecialidade Pioneiros Adventistas (Desbravadores).pptx
Especialidade Pioneiros Adventistas (Desbravadores).pptxViniciusPetersen1
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 135 - Renovação Necessária
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 135 - Renovação NecessáriaSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 135 - Renovação Necessária
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 135 - Renovação NecessáriaRicardo Azevedo
 
Bíblia Sagrada _ Oséias - slides powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada _ Oséias - slides powerpoint.pptxBíblia Sagrada _ Oséias - slides powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada _ Oséias - slides powerpoint.pptxIgreja Jesus é o Verbo
 
Oração Para Os Estudos São Tomás De Aquino
Oração Para Os Estudos São Tomás De AquinoOração Para Os Estudos São Tomás De Aquino
Oração Para Os Estudos São Tomás De AquinoNilson Almeida
 
Hermann Hesse - Sidarta - Livro para Autoconhecimento
Hermann Hesse - Sidarta - Livro para AutoconhecimentoHermann Hesse - Sidarta - Livro para Autoconhecimento
Hermann Hesse - Sidarta - Livro para AutoconhecimentoFabioLofrano
 

Último (13)

Folder clube de Desbravadores.............
Folder clube de Desbravadores.............Folder clube de Desbravadores.............
Folder clube de Desbravadores.............
 
Orações que abrem as comportas do Céu - Jhon Eckhardt.pdf
Orações que abrem as comportas do Céu - Jhon Eckhardt.pdfOrações que abrem as comportas do Céu - Jhon Eckhardt.pdf
Orações que abrem as comportas do Céu - Jhon Eckhardt.pdf
 
Curso Básico de Teologia - Bibliologia - Apresentação
Curso Básico de Teologia - Bibliologia - ApresentaçãoCurso Básico de Teologia - Bibliologia - Apresentação
Curso Básico de Teologia - Bibliologia - Apresentação
 
Ciclos de Aprendizados: “Uma Análise da Evolução Espiritual Através das Exis...
Ciclos de Aprendizados:  “Uma Análise da Evolução Espiritual Através das Exis...Ciclos de Aprendizados:  “Uma Análise da Evolução Espiritual Através das Exis...
Ciclos de Aprendizados: “Uma Análise da Evolução Espiritual Através das Exis...
 
Auxiliar adolescentes 2° trimestre de 2024.
Auxiliar adolescentes 2° trimestre de 2024.Auxiliar adolescentes 2° trimestre de 2024.
Auxiliar adolescentes 2° trimestre de 2024.
 
Oração De Santa Rita De Cássia
Oração De Santa Rita De CássiaOração De Santa Rita De Cássia
Oração De Santa Rita De Cássia
 
ESQUEMA PARA LECTIO DIVINA PARA LEIGOS 2024
ESQUEMA PARA LECTIO DIVINA PARA LEIGOS 2024ESQUEMA PARA LECTIO DIVINA PARA LEIGOS 2024
ESQUEMA PARA LECTIO DIVINA PARA LEIGOS 2024
 
Bíblia sagrada - JOel - slides powerpoint.pptx
Bíblia sagrada - JOel - slides powerpoint.pptxBíblia sagrada - JOel - slides powerpoint.pptx
Bíblia sagrada - JOel - slides powerpoint.pptx
 
Especialidade Pioneiros Adventistas (Desbravadores).pptx
Especialidade Pioneiros Adventistas (Desbravadores).pptxEspecialidade Pioneiros Adventistas (Desbravadores).pptx
Especialidade Pioneiros Adventistas (Desbravadores).pptx
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 135 - Renovação Necessária
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 135 - Renovação NecessáriaSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 135 - Renovação Necessária
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 135 - Renovação Necessária
 
Bíblia Sagrada _ Oséias - slides powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada _ Oséias - slides powerpoint.pptxBíblia Sagrada _ Oséias - slides powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada _ Oséias - slides powerpoint.pptx
 
Oração Para Os Estudos São Tomás De Aquino
Oração Para Os Estudos São Tomás De AquinoOração Para Os Estudos São Tomás De Aquino
Oração Para Os Estudos São Tomás De Aquino
 
Hermann Hesse - Sidarta - Livro para Autoconhecimento
Hermann Hesse - Sidarta - Livro para AutoconhecimentoHermann Hesse - Sidarta - Livro para Autoconhecimento
Hermann Hesse - Sidarta - Livro para Autoconhecimento
 

A conversão mais importante da história e A perseguição e a dispersão da igreja

  • 1. ESCOLA BÍBLICA DISCIPULADORA 7:50 1 EBD - ESCOLA BÍBLICA DISCIPULADORA – 2024 – 1º SEMESTRE Facilitadores: José Luiz Rissotto e Francisco Tudela A CONVERSÃO MAIS IMPORTANTE DA HISTÓRIA
  • 2. A perseguição e a dispersão da igreja 7:50 2 • Mesmo assim o Evangelho era pregado. 8.3 “Saulo, por sua vez, devastava a igreja. Indo de casa em casa, arrastava homens e mulheres e os lançava na prisão.” 8.4-8 “Os que haviam sido dispersos pregavam a palavra por onde quer que fossem. Indo FILIPE para uma cidade de SAMARIA, ali lhes anunciava o Cristo. Quando a multidão OUVIU Filipe e VIU os sinais miraculosos que ele realizava, deu unânime atenção ao que ele dizia. Os ESPÍRITOS IMUNDOS SAÍAM de muitos, dando gritos, e muitos PARALÍTICOS E MANCOS FORAM CURADOS. Assim, houve grande ALEGRIA naquela cidade.” O evangelho rompera a barreira do preconceito: os samaritanos eram um povo mestiço, meio judeu e meio gentio. 8.14 “Os apóstolos em Jerusalém, ouvindo que Samaria havia aceitado a palavra de Deus, enviaram para lá Pedro e João” – logo o FILIPE citado é o diácono (evangelista) e não o apóstolo.
  • 3. Filipe em Samaria e Simão o Mago 7:50 3 8.9-13 “Um homem chamado Simão ... se dizia muito importante, e todo o povo, do mais simples ao mais rico, dava-lhe atenção e exclamava: "Este homem é o poder divino conhecido como Grande Poder"...ele os havia iludido com sua mágica ... quando Filipe lhes pregou ... creram nele, e foram batizados ... Simão também creu e foi batizado, e seguia a Filipe por toda parte ...” Noutro evento a magia será associada à influência demoníaca. At 13.6-10 “...encontraram um judeu, chamado Barjesus, que praticava magia e era falso profeta....Paulo ... disse: "Filho do diabo e inimigo de tudo o que é justo! Você está cheio de toda espécie de engano e maldade...” O “Grande Poder” de Simão vinha de Satanás e o usava para sua vaidade. Já o poder dos milagres de Filipe vinha de Deus e o usava para glorificar a Cristo. Há comentaristas que pressupõem que Simão pode ter tido um dom divino que foi corrompido pelo seu orgulho e desejo de poder.
  • 4. Batismo com o Espírito Santo em Samaria ESCOLA BÍBLICA DISCIPULADORA - ATOS 7:50 4 8.14-17 “Os apóstolos em Jerusalém, ouvindo que Samaria havia aceitado a palavra de Deus, enviaram para lá Pedro e João. Estes, ao chegarem, oraram para que eles recebessem o Espírito Santo, pois o Espírito ainda não havia descido sobre nenhum deles; tinham apenas sido batizados em nome do Senhor Jesus. Então Pedro e João lhes impuseram as mãos, e eles receberam o Espírito Santo.” � Perspectivas Teológicas: � Teologia Tradicional: Enfatiza a importância da ordem correta: batismo após o recebimento do Espírito Santo. � Teologia Pentecostal: Argumenta que o batismo com o Espírito Santo pode acontecer antes ou depois do batismo em água.
  • 5. Simão, o mago ESCOLA BÍBLICA DISCIPULADORA - ATOS 7:50 5 � Há quatro derramamentos do Espírito registrados no livro de Atos: 1. Sobre os judeus, em Jerusalém (At 2); 2. Sobre os samaritanos (At 8); 3. Sobre os prosélitos, gentios convertidos aos judaísmo (At 10); 4. Sobre os gentios em Éfeso (At 19) 8.18-24 “Vendo Simão que o Espírito era dado com a imposição das mãos dos apóstolos, ofereceu-lhes dinheiro e disse: "Deem-me também este poder, para que a pessoa sobre quem eu impuser as mãos receba o Espírito Santo". Pedro respondeu: "Pereça com você o seu dinheiro! Você pensa que pode comprar o dom de Deus com dinheiro? ... Arrependa-se dessa maldade e ore ao Senhor. Talvez ele lhe perdoe tal pensamento do seu coração, pois vejo que você está cheio de amargura e preso pelo pecado". Simão, porém, respondeu: "Orem vocês ao Senhor por mim, para que não me aconteça nada do que vocês disseram".
  • 6. Simão, o mago 7:50 6 Simonia é o ato de vender favores divinos, bênçãos, prosperidade material ... em troca de dinheiro. A etimologia da palavra provém de Simão Mago. Simão despreza o chamado para arrepender-se e desdenha “Orem vocês“. Acha que foi uma praga “para que não me aconteça nada do que vocês disseram”. Assim como muitos, Simão não vê que está “cheio de amargura e preso pelo pecado” e que Deus pode salvá-lo de si mesmo. O texto NÃO segue dizendo que os apóstolos oraram por Simão. � PERGUNTA 16: a) Você acha que hoje existem pessoas que tentam comprar favores de Deus? b) Você acha que há pessoas oferecendo bençãos e favores divinos em troca de dinheiro? c) Você, num ato de amor ao próximo, oraria por Simão?
  • 7. Conversão de um secretário da rainha de Candace 7:50 7 8.26-40 “Um anjo do Senhor disse a Filipe: "Vá para o sul.. No caminho encontrou um eunuco etíope, um oficial importante, encarregado de todos os tesouros de Candace, rainha dos etíopes. Esse homem viera a Jerusalém para adorar a Deus e, de volta para casa, sentado em sua carruagem, lia o livro do profeta Isaías. E o Espírito disse a Filipe: "Aproxime-se dessa carruagem e acompanhe-a". Então Filipe correu para a carruagem, OUVIU o homem lendo o profeta Isaías e lhe perguntou: "O senhor entende o que está lendo? " Ele respondeu: "Como posso entender se alguém não me explicar? " Assim, convidou Filipe para subir e sentar- se ao seu lado. O eunuco estava lendo esta passagem da Escritura (Is 53.7,8) ... Então FILIPE, COMEÇANDO COM AQUELA PASSAGEM DA ESCRITURA, ANUNCIOU-LHE AS BOAS NOVAS DE JESUS. Prosseguindo pela estrada, chegaram a um lugar onde havia água. O eunuco disse: "Olhe, aqui há água. Que me impede de ser batizado? Disse Filipe: "Você pode, se crê de todo o coração". O eunuco respondeu: "Creio que Jesus Cristo é o Filho de Deus"... Filipe o batizou.”
  • 8. Um exemplo bíblico da metodologia REI e de como devemos evangelizar 7:50 8 1.Aproxime-se e fique próximo - Aproxime-se dessa carruagem e acompanhe-a 2.Conheça seu contexto cultural e religioso - Ouviu o homem lendo o profeta Isaías 3.Identifique suas necessidades-Como posso entender se alguém não me explicar? 4.Disponibilize-se - Convidou Filipe para subir e sentar-se ao seu lado 5.Inicie por algo do interesse dele - Começando com aquela passagem da escritura 6.Tenha um plano de ensino que vise mudá-lo - Anunciou-lhe as boas novas de Jesus 7.Avalie o que ele aprendeu - Você pode, se crê de todo o coração 8.Diplome-o - Filipe o batizou
  • 9. Um só Evangelho para diferentes etnias ESCOLA BÍBLICA DISCIPULADORA - ATOS 7:50 9 • Os samaritanos eram uma raça mista que só aceitava a Lei de Moisés, já o etíope era um africano rico que lia os profetas rejeitados pelos samaritanos, e apesar das diferenças, Felipe apresentou a ambos a mesma mensagem e o resultado foi igual. � PERGUNTA 17: O que você responderia a uma pessoa que aparentemente não apresenta os padrões esperados de um cristão que lhe pergunta-se: Que me impede de ser batizado? Responderia com uma longa preleção teológica? • Uma única condição exigida: crer de todo o coração em Jesus. • O cristianismo não é um complexo sistema de ideias que é preciso aprender , mas a ligação renovadora da vida com Jesus, que é alcançada pela fé Nele
  • 10. Os casos de arrebatamento na Bíblia ESCOLA BÍBLICA DISCIPULADORA - ATOS 7:50 10 8,39,40 “Quando saíram da água, o Espírito do Senhor ARREBATOU FILIPE repentinamente. O eunuco não o viu mais e, cheio de alegria, seguiu o seu caminho. Filipe, porém, apareceu em Azoto ...” Há 4 casos de arrebatamento descritos na bíblia: Filipe, Enoque, Elias e Paulo. Hb 11.5 “Pela fé Enoque foi arrebatado, de modo que não experimentou a morte;” 2Rs 2.11 “... Elias foi levado aos céus num redemoinho.” 2Co 12.2 “Conheço um homem em Cristo que ... foi arrebatado ao terceiro céu.”
  • 11. A perseguição aos cristãos ESCOLA BÍBLICA DISCIPULADORA - ATOS 7:50 11 • Damasco era um centro comercial para onde convergiam caravanas de todas as direções, residência de muitos judeus e onde a fé cristã começou a florescer. • Paulo percebeu que de Damasco o Evangelho se espalharia por todo o mundo. 9.1,2 “Enquanto isso, Saulo ainda respirava ameaças de morte contra os discípulos do Senhor. Dirigindo-se ao sumo sacerdote, pediu-lhe cartas para as sinagogas de Damasco, de maneira que, caso encontrasse ali homens ou mulheres que PERTENCESSEM AO CAMINHO, pudesse levá-los presos para Jerusalém.” • Os primeiros cristãos eram identificados como PERTENCENTES AO CAMINHO: • Jesus como o Caminho: Jo 14.6 "Eu sou o caminho ...” • Uma nova maneira de viver: o caminho no amor a Deus e ao próximo. • Uma jornada contínua: o caminho de fé, buscando se aproximar do caráter de Cristo e viver de acordo com seus ensinos. (santificação).
  • 12. ANO 34 – A CONVERSÃO E O BATISMO DE PAULO ESCOLA BÍBLICA DISCIPULADORA - ATOS 7:50 12 • Para quem desejava levar prisioneiros de Damasco a Jerusalém, agora é levado para Damasco prisioneiro da cegueira. 9.3-5,8,9 “de repente brilhou ao seu redor uma luz vinda do céu. Ele caiu por terra e ouviu uma voz que lhe dizia: "Saulo, Saulo, por que você me persegue? “ Saulo perguntou: "Quem és tu, Senhor? " Ele respondeu: "Eu sou Jesus, a quem você persegue.”... Saulo levantou-se do chão e, abrindo os olhos, não conseguia ver nada. E eles o levaram pela mão até Damasco. Por três dias ele esteve cego, não comeu nem bebeu.” 9.10,11 “Em Damasco havia um discípulo chamado Ananias. O Senhor o chamou numa visão: "ANANIAS! ...Vá à casa de Judas, na rua chamada Direita, e pergunte por um homem de Tarso chamado Saulo.
  • 13. ANO 34 – A CONVERSÃO E O BATISMO DE PAULO ESCOLA BÍBLICA DISCIPULADORA - ATOS 7:50 13 • Ananias, sem conhecer, chamou Saulo de irmão. • Uma pessoa que crê precisa ser batizada para integrar-se à igreja. 9.17,18 “Então Ananias foi, entrou na casa, impôs as mãos sobre Saulo e disse: "IRMÃO SAULO, o Senhor Jesus, que lhe apareceu no caminho por onde você vinha, enviou-me para que você volte a ver e seja cheio do Espírito Santo". Imediatamente, algo como escamas caiu dos olhos de Saulo e ele passou a ver novamente. Levantando-se, foi batizado” 9.19,20 “...Saulo passou vários dias com os discípulos em Damasco. Logo começou a pregar nas sinagogas que Jesus é o Filho de Deus. 9.23-25 “Decorridos muitos dias, os judeus decidiram de comum acordo matá-lo, mas Saulo ficou sabendo do plano deles...Mas os seus discípulos o levaram de noite e o fizeram descer num cesto, através de uma abertura na muralha.” • Flávio Josefo, historiador romano do séc. 1 d.C., diz que as muralhas de Damasco tinham 24 m.
  • 14. ANO 37 – Início do ministério de Paulo ESCOLA BÍBLICA DISCIPULADORA - ATOS 7:50 14 • Paulo foi o maior evangelista, missionário, pastor, pregador, teólogo e plantador de igrejas da história do cristianismo. • Voltamos a falar de Pedro: 9.28-30 “Assim, Saulo ficou com eles, e andava com liberdade em Jerusalém, pregando corajosamente em nome do Senhor. Falava e discutia com os judeus de fala grega, mas estes tentavam matá-lo. Sabendo disso, os irmãos o levaram para Cesaréia e o enviaram para Tarso. 9.32-35 “Viajando por toda parte, Pedro foi visitar os santos que viviam em Lida. Ali encontrou um paralítico chamado Enéias, que estava acamado fazia oito anos. Disse-lhe Pedro: "Enéias, Jesus Cristo vai curá-lo! Levante-se e arrume a sua cama". Ele se levantou imediatamente. Todos os que viviam em Lida e Sarona o VIRAM E SE CONVERTERAM AO SENHOR.” • Enéias se levantou pela fé que Jesus iria curá-lo.
  • 15. Pedro ressuscita Tabita (Dorcas) ESCOLA BÍBLICA DISCIPULADORA - ATOS 7:50 15 9.36-42 “Em Jope havia uma discípula chamada Tabita ... que se dedicava a praticar boas obras e dar esmolas... ficou doente e morreu ... Lida ficava perto de Jope, e quando os discípulos ouviram falar que Pedro estava em Lida, mandaram ... dizer-lhe: "Não se demore em vir até nós"... quando chegou ... mandou que todos saíssem do quarto; depois, ajoelhou-se e orou. Voltando-se para a mulher morta, disse: "Tabita, levante-se". Ela abriu os olhos e, vendo Pedro, sentou-se. Tomando-a pela mão, ajudou-a a pôr-se de pé. Então, chamando os santos e as viúvas, apresentou-a viva. Este fato se tornou conhecido em toda a cidade de Jope, e muitos creram no Senhor... •Jope era um porto (atualmente Jaffa, ao sul de Tel Aviv) a 60 km de Jerusalém. •Tabita, neste momento, nem sabe o porquê da sua cura. •Pedro não diz “eu ordeno que vivas”, não impôs as mãos, ...
  • 16. O Evangelho para todas as etinias ESCOLA BÍBLICA DISCIPULADORA - ATOS 7:50 16 • Simão lidava com peles de animais, logo tocava em animais mortos. 9.43 “Pedro ficou em Jope durante algum tempo, com um curtidor de couro chamado Simão.” PERGUNTA 18: Como cristão você aceitaria trabalhar numa empresa que fabrica coisas que são maléficas ao homem, por exemplo numa fábrica de cigarros? Lv 5.2 “Se alguém tocar qualquer coisa impura, seja um cadáver de animal selvagem ou de animal do rebanho ou de uma das pequenas criaturas que povoam a terra, ainda que não tenha consciência disso, ele se tornará impuro e será culpado.” • Um judeu jamais aceitaria ficar na casa de um curtidor. • Deus já estava levando Pedro a quebrar seus preconceitos e tabus.
  • 17. Capítulo 10 – O centurião Cornélio. ESCOLA BÍBLICA DISCIPULADORA - ATOS 7:50 17 • Itália era o centro do império romano e como seu exército era composto por soldados de diversas origens, é possível que o termo "italiano" fosse usado para distinguir o regimento de Cornélio de outros que não eram romanos. 10.1 “Havia em Cesaréia um homem chamado Cornélio, centurião do regimento conhecido como Italiano. 10.2 “Ele e toda a sua família eram piedosos e tementes a Deus; dava muitas esmolas ao povo e orava continuamente a Deus. • Não há informações de como passou a acreditar em um único Deus e se tornou um judeu prosélito (prosélito é alguém que saiu de uma religião e aderiu ao Judaísmo).
  • 18. A conversão de Cornélio ESCOLA BÍBLICA DISCIPULADORA - ATOS 7:50 18 • Cornélio era conhecido na terra e no céu, pois foi chamado pelo nome. • Note que o anjo não lhe pregou o Evangelho, pois isto é uma tarefa humana. • Na oferta memorial busca-se o perdão de Deus. 10.3-5 “... por volta das três horas da tarde, ele teve uma visão. Viu claramente um anjo de Deus que se aproximava dele e dizia: "Cornélio!" Suas orações e esmolas subiram como oferta memorial diante de Deus. Agora, mande alguns homens a Jope para trazerem um certo Simão, também conhecido como Pedro, " Lv 5.12 “Ele a trará ao sacerdote, que apanhará um punhado dela como porção memorial e queimará essa porção no altar ... É oferta pelo pecado.”
  • 19. O relevância do sacrifício em nossos dias ESCOLA BÍBLICA DISCIPULADORA - ATOS 7:50 19 • Visão Judaica: No Judaísmo, ofertas memoriais (chamadas de "korbanot") eram parte integrante do sistema sacrificial prescrito na Torá. Essas ofertas expiavam pecados e aproximavam o povo de Deus. No entanto, com a destruição do Segundo Templo em 70 d.C., o sistema sacrificial judaico foi suspenso. • Visão Cristã: No Cristianismo, a morte e ressurreição de Jesus Cristo são consideradas o sacrifício final que expiou os pecados de toda a humanidade. • Na Igreja Católica Apostólica Romana, a oferta memorial é feita pagando por uma missa dedicada a um ente querido falecido, ou em dinheiro, flores e outros bens. O objetivo da oferta memorial é ajudar a alma do falecido querido a alcançar a purificação no purgatório e obter a salvação eterna. • A Bula Papal, promulgada pelo Papa Clemente VI em 6 de novembro de 1349, que institui a Oferta Memorial na Igreja Católica é a "Cum Sanctissima",. � PERGUNTA 19: Você acha que hoje são válidas / necessárias ofertas memoriais para ser perdoado? Ou por algum outro motivo?
  • 20. A conversão de Cornélio 7:50 20 10.7,8 “...Cornélio chamou dois dos seus servos e um soldado piedoso ..contando-lhes ...o que tinha acontecido, enviou-os a Jope.” 10.9-16,28 “Pedro subiu ao terraço para orar. Tendo fome, queria comer; enquanto a refeição estava sendo preparada, caiu em êxtase. Viu o céu aberto e algo semelhante a um grande lençol que descia à terra, preso pelas quatro pontas, contendo toda espécie de quadrúpedes, bem como de répteis da terra e aves do céu. Então uma voz lhe disse: "Levante-se, Pedro; mate e coma". Mas Pedro respondeu: "De modo nenhum, Senhor! Jamais comi algo impuro ou imundo! " A voz lhe falou segunda vez: "Não chame impuro ao que Deus purificou". Isso aconteceu três vezes, e em seguida o lençol foi recolhido ao céu.... e lhes disse: "Vocês sabem muito bem que é contra a nossa lei um judeu associar-se a um gentio ou mesmo visitá-lo. Mas Deus me mostrou que eu não deveria chamar impuro ou imundo a homem nenhum.”
  • 21. A conversão de Cornélio 7:50 21 10.22,23 “Os homens responderam: "Viemos da parte do centurião Cornélio. Ele é um homem justo e temente a Deus, RESPEITADO POR TODO O POVO JUDEU. Um santo anjo lhe disse que o chamasse à sua casa, para que ele ouça o que você tem para dizer". Pedro os convidou a entrar e os hospedou. No dia seguinte Pedro partiu com eles, e alguns dos irmãos de Jope o acompanharam.” • Não há informações de como passou a acreditar em um único Deus e se tornou um judeu prosélito. • prosélito é alguém que saiu de uma religião pagã e aderiu ao Judaísmo.
  • 22. As boas obras não são suficientes para salvação ESCOLA BÍBLICA DISCIPULADORA - ATOS 7:50 22 • Cornélio confundiu a criatura com o Criador e o evangelista com o evangelho. • A resposta à pergunta de Pedro é que Cornélio dava um testemunho exemplar dentro e fora de casa; orava, dava esmolas e era respeitado por toda a nação, mas ainda não estava salvo. 10.25-29 “Quando Pedro ia entrando na casa, Cornélio dirigiu-se a ele e prostrou-se aos seus pés, adorando-o. Mas Pedro o fez levantar-se, dizendo: "Levante-se, eu sou homem como você". Conversando com ele, Pedro entrou e encontrou ali reunidas muitas pessoas e lhes disse: "Vocês sabem muito bem que é contra a nossa lei um judeu associar-se a um gentio ou mesmo visitá-lo. Mas Deus me mostrou que eu não deveria chamar impuro ou imundo a homem nenhum. Por isso, quando fui procurado, vim sem qualquer objeção. Posso perguntar por que vocês me mandaram buscar? “
  • 23. A descida do Espírito Santo 7:50 23 10.43 “Todos os profetas dão testemunho dele, de que todo aquele que nele crê recebe o perdão dos pecados mediante o seu nome". 10.44-48 “Enquanto Pedro ainda estava falando estas palavras, o Espírito Santo desceu sobre todos os que ouviam a mensagem. Os judeus convertidos que vieram com Pedro ficaram admirados de que o dom do Espírito Santo fosse derramado até sobre os gentios, POIS OS OUVIAM FALANDO EM(OUTRAS) LÍNGUAS E EXALTANDO A DEUS. A seguir Pedro disse: "Pode alguém negar a água(ser batizado), impedindo que estes sejam batizados? Eles receberam o Espírito Santo como nós! " Então ordenou que fossem batizados em nome de Jesus Cristo.“ Deus concedeu o ES antes de professarem publicamente sua fé em Jesus. Em At 17.28 “Pois nele vivemos, nos movemos e existimos,” Paulo cita Epimênides(a) para afirmar que Deus cuida e guia a todos, independente da crença religiosa.
  • 24. A pregação de Pedro 7:50 24 A combinação de falar em línguas e ser entendido por outros tem a finalidade de transcender barreiras linguísticas e unir pessoas de diferentes culturas, isto é, a compreensão mútua entre os presentes era o aspecto mais significativo. Is 50.4 “ O Soberano Senhor deu-me uma língua instruída, para conhecer a palavra que sustém o exausto.” Note que a comunicação se deu em grupo e não a um indivíduo.  Comparação entre a conversão de Saulo e a conversão de Cornélio •Quanto a origem: um era judeu e o outro gentio; •Quanto à cultura, um era erudito e o outro um soldado; •Quanto à religião, um era fariseu radical e o outro um simpatizante do judaísmo. •Ambos foram salvos por iniciativa de Deus, receberam o perdão de seus pecados e o ES, foram batizados e recebidos na família cristã em igualdade de condições.
  • 25. 7:50 25 Deus permitiu que pessoas passassem pela vida de Saulo, o perseguidor; e as circunstâncias moldaram quem ele é, Paulo, o apóstolo de Cristo. � PERGUNTA 20: Responda no WhatsApp Identifique uma pessoa ou circunstância que influenciou sua maneira de ser e agir CONCLUSÃO: Deus transformou a vida de Saulo, de perseguidor do Evangelho a um dos maiores Evangelista, vencendo todos os obstáculos colocados por Satanás. Permita eu Deus cumpra Seus propósitos na sua vida. Lição de casa: 1.Rever o estudo de hoje 2.Responder as questões no WhatsApp 3.Comentar as perguntas em classe 4.Ler At. 11 ao 13
  • 26.
  • 27. BIBLIOGRAFIA 1. Bíblia NVI – Editora Vida – 2000 2. Comentário Bíblico do professor – Lawrence Richards – 3ª Ed. Vida - SP 3. Comentário Bíblico Moody – Charles F Pfieffer – Ed. Batista Regular,2017 4. Comentário Bíblico Popular - MacDonald, Willian, SP, Ed. Mundo Cristão, 2008 5. Comentário Bíblico NVI -. BRUCCE, F. F, SP, Ed. Vida, 1ª edição, 2008 6. Atos dos Apóstolos: Texto e Comentário, por F. F. Bruce (Editora Cultura Cristã) 7. Atos dos Apóstolos: Uma Perspectiva Pastoral, por Hernandes Dias Lopes (Ed. Hagnos) 8. Atos dos Apóstolos: A Missão do Espírito Santo, por Luiz Sayão (Ed. Vida Nova) 9. Atos dos Apóstolos: Uma História da Igreja, por Augustus Nicodemus Lopes (Ed. Cultura Cristã) 10.Atos dos Apóstolos: Um Estudo Bíblico, por Hernandes Dias Lopes (Ed. Hagnos) 11.Bible Project 12.Reflexões extraídas da World Wide Web 13.ROTA 66, Rádio Transmundial, Sayão, Luiz, https://www.rtmbrasil.org.br/radio/programas/rota- 66/pagina/1>. 14.Esta apresentação está disponível no site: www.escolabiblicavirtual.com.br ESCOLA BÍBLICA DISCIPULADORA - ATOS 7:50 27

Notas do Editor

  1. Uma Bula papal - é um documento selado com o timbre do papa, onde ele se manifesta sobre determinado assunto administrativo da Igreja, seja religioso ou político. O nome vem do selo em formato redondo que chancela o documento, bulla em latim quer dizer círculo.
  2. “O homem não vive só para si. Vive tanto para proveito dos demais como para o proveito próprio. Todos têm deveres a cumprir, tanto o rico como pobre. Para alguns a vida é um gozo, para outros é uma dor. Porém, os homens não vivem só para gozar nem para ganhar fama. O que os move é a esperança de serem úteis para uma boa causa.” Samuel Smiles (23/12/1812 - 16/04/1904)