SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 28
PARALELISMO ENTRE ISRAEL
ANTIGO E A IGREJA ADVENTISTA
• Essas coisas aconteceram a eles (Israel) como
exemplos e foram escritas como advertência para
nós, sobre quem tem chegado o fim dos tempos.1
Coríntios 10:11
• “O Israel moderno está em maior perigo de
esquecer-se de Deus e ser levado à idolatria do que
o antigo povo de Deus. ... Os pecados e iniquidades
do rebelde Israel foram registrados e se
apresentam diante de nós como advertência,
mostrando-nos que se imitarmos seus exemplo
transgressor e nos afastarmos de Deus,
certamente cairemos como eles. ... I Cor. 10:11.”
(Testemunhos vol.1 p. 609).
• “Foi-me mostrado que o
espírito do mundo está
levedando rapidamente a
igreja. Vocês estão seguindo o
mesmo caminho que o antigo
Israel.” (Testemunhos para
igreja, vol.5, p.75,76).
• “A história da vida de Israel no deserto foi
registrada para o benefício do Israel de Deus até o
final do tempo. O registro do trato de Deus aos
errantes no deserto, em todas as suas marchas de
um para outro lado, em sua exposição a fome, sede
e cansaço, e nas notáveis manifestações de Seu
poder em auxílio deles, acha-se repleto de
advertências e instruções para o Seu povo, em todos
os tempos. A experiência variada dos hebreus era
uma escola preparatória para o seu lar prometido
em Canaã. Deus quer que Seu povo nestes dias
reveja com humilde coração e espírito dócil as
provações pelas quais passou o antigo Israel, a fim
de que possa instruir-se em seu preparo para a
Canaã celestial.” (Patriarcas e Profetas, p. 293).
•
Deus deu no Sinai ... a sua Lei os dez
mandamentos.
Mineápolis 1888– Teve 12 principais lideres:
George I. Butler, H. Grant, Stephen Haskell, J.P.
Henderson, Dewitt Hottel, Alonzo T. Jones, Ellet
J.Waggoner, R.M. Kilgore, J.H. Morrison, Uriah
Smith, R.A. Underwood, Isaac Van Horn. 10 foram
contra Waggoner e Jones que apresentaram a
mensagem da justiça pela fé no poder criador da
palavra no momento da tentação.
(Fonte: ww.adventistheritage.org)
O povo ameaça apedrejar
Josué, Calebe e Moisés!
Por causa disso o povo teve
que andar no deserto por 40
anos!
Os juízes executam os
príncipes...
Quando o membro – que deseja ser fiel –
entende que a administração –
[pastores] – de sua querida Igreja opõe-
se à mensagem de 1888, é óbvio que
esses líderes perdem a influência,
anteriormente exercida sobre ele!
Cumpre-se, assim, o paralelismo de
Números 25: É a consciência do membro
– que deseja ser fiel – que ‘executa os
príncipes’, ao se livrar da influência
deles.
Corá, Datã e Abirão, reuniu duzentos e
cinqüenta príncipes da assembléia, famoso na
congregação, homens de renome: E se
congregaram contra Moisés e Arão.
“Estes(os rebeldes) tinham lisonjeado as pessoas
em geral a acreditar que eles estavam certos, e
que todos os seus problemas surgiu a partir de
Moisés seu governante... As pessoas pensavam
que Corá poderia levá-los ... para a frente no
deserto, para a terra prometida”. (Spiritual Gifts,
Vol.4, p.31).
“Satanás tem levado pessoas a imitarem o
exemplo de Coré, Datã e Abirão, em suscitar
rebelião entre o povo de Deus. Os que se
permitem levantar-se em oposição ao claro
testemunho, enganam-se a si mesmos...”.
(Conselhos Sobre o Regime Alimentar, 428).
Em 1955-57, Leroy Edwin
Froom, Roy Allan “Anderson e
W.E.Read (líderes da
Conferência Geral ), publicou
um livro chamado
E antes de
publicá-lo, eles o enviou para
250 líderes mundiais da IASD
para darem sua opinião. Todos
concordaram com o livro.
Os líderes de Israel desviaram o povo para a
falsa adoração ao sol.
Esses líderes eram 25 homens:
“E disse-me: Vês isto, filho do homem? Ainda
tornarás a ver abominações maiores do que
estas. E levou-me para o átrio interior da
casa do Senhor, e eis que estavam à entrada
do templo do Senhor, entre o pórtico e o altar,
cerca de vinte e cinco homens, de costas para
o templo do Senhor, e com os rostos para o
oriente; e eles, virados para o oriente
adoravam o sol”. Ezequiel 8:15-16
O numero de ministros que
compõem a comissão da
Associação Geral é de 25 homens.
"A comissão executiva desta
assembléia terá o número de 25...“
(Boletim da Associação geral dos
Adventistas do Sétimo dia de 1901,
pág 379 art. 4).
Diz Ellen White: “Eu indago
àqueles em posições de
responsabilidade em Battle Creek (
sede da Associação Geral na
época), o que estais fazendo?
Tendes virado as
costas e não os vossos rostos para o
Senhor". (Test. P/ Ministros pág.
89).
ADORAÇÃO A BAAL NO
HINARIO ADVENTISTA
"
HOSPITAL ADVENTISTA
EXIBE CRUZ DE BAAL
IASD de Spencerville, distante uns 8 Km da C.G.
Ted Wilson e todos os diretores da
Conferência Geral ajoelhados diante da
Imagem da Trindade, e de frente para o
Oriente!
Pai
Filho
E.S.
Vitral com o esboço da Trindade
“Levou-me para o átrio de dentro da
Casa do Senhor, e eis que estavam
à entrada do templo do Senhor,
entre o pórtico e o altar, cerca de
vinte e cinco homens, de costas
para o templo do Senhor e com o
rosto para o oriente; adorando o sol,
virados para o oriente.” Ez. 8:16.
Cumpre-se a profecia!
Frente
Púlpito
Vitral – imagem do Sol e da
Trindade
ORIENTE
Sol nascente
PRESTE ATENÇÃO NESSES SÍMBOLOS
COM AS LETRAS
DE ONDE ELES TIRARAM ESSE SÍMBOLO?
DAS RELIGIÕES PAGÃS ADORADORA DO
SOL DA LUA E ESTRELAS
=
SIMBOLO DO HUMANISMO E ADORAÇÃO AO SOL
FONTE: http://en.wikipedia.org/wiki/Happy_Human
HOPE CHANNEL
E TV NOVO
TEMPO BRASIL
IASD lança “nova igreja” só para ricos! NOVA SEMENTE é o
nome da “dissidência” oficial, que privilegia a classe AAA.
Esse é o novo endereço para os dízimos dos irmãos adventistas
do Brasil... Um projeto que visa “evangelizar” a classe alta da
sociedade.
Pastor Kleber de Oliveira Gonçalves
O LADO ECUMÊNICO DA
“NOVA SEMENTE”
Culto Ecumênico celebra o 58º
aniversário da AFRESP (Asso-
ciação dos Agentes Fiscais de
Rendas do Estado de São Paulo)
O culto ecumênico foi dirigido
pelo vigário Rui Melate Alexandri-
no, da Paróquia São Luiz Gonza-
ga; reverendo Cezar Fernandes
Alves da Igreja Episcopal Anglica-
na do Brasil e o pastor Cléber
Gonçalves, da Igreja Adventista
do Sétimo Dia.
IASD trocou o seu logotipo dos três anjos pela cruz,
símbolo do Ecumenismo
“Os romanistas colocam cruzes sobre as
igrejas, sobre os altares e sobre as
vestes. Por toda parte se vê a insígnia
da cruz. Por toda parte é ela exterior-
mente honrada e exaltada.” EGW. O
Grande Conflito, pág. 568.
ADORANDO A CRUZ
Jezabel (casamento com Acabe) I Rei 16:30-33
IGREJA DE TIATIRA (538-1517) 4ª IGREJA.
“Mas algumas poucas coisas tenho contra ti que deixas Jezabel, mulher que
se diz profetisa, ensinar e enganar os meus servos, para que forniquem e
comam dos sacrifícios da idolatria”. Apocalipse 2:20
QUEM É ESSA MULHER?
IGREJA CATÓLICA
NO TEMPO DE ELIAS JEZABEL REINOU 3 ,5 (TRÊS ANOS E MEIO)
JEZABEL SIMBÓLICA O PAPADO REINOU 3;5 (TRÊS ANOS E MEIO) OU 1260
ANOS.
E AGORA NA NOVA ORDEM MUNDIAL JEZABELVAI REINAR 3,5 (TRÊS
ANOS E MEIO)
JEZABEL É UM SIMBOLO DA IGREJA
CATÓLICA NA BÍBLIA
ELIAS AMEAÇADO POR JEZABEL FOGE PARA O DESERTO=
POVO DE DEUS AMEAÇADO PELA IGREJA CATÓLICA , A JEZABEL MODERNA,
TAMBÉM FOGE PARA O DESERTO.
ELIAS ALIMENTADO PELOS CORVOS = POVO DE DEUS SUSTENADO PELOS
ANJOS NO TEMPO DE ANGÚSTIA.
I REIS 18:44
Elias e a nuvenzinha, a pós os 3,5 e meio =
Representa os 144 mil e a nuvem branca na volta de Jesus, que a principio era
pequena do tamanho da mão de um homem.
I REIS 18:45 A CHUVA DE ELIAS = CHUVA SERÔDIA SOBRE O POVO DE DEUS.
A TRASLADAÇÃO DE ELIAS = TRASLADAÇÃO DOS 144 MIL
ELIAS=144 MIL
“Jerusalém é uma representação do que a igreja será se ela se recusar a andar na luz
que Deus deu.” (Testemunhos para Igreja, vol.8, p.74)
“E tu, Cafarnaum [adventistas do sétimo dia que tiveram grande luz], que te ergues
até aos céus [com referência a privilégios], serás abatida até aos infernos; porque, se
em Sodoma tivessem sido feitos os prodígios que em ti se operaram, teria ela
permanecido até hoje." (Review and Herald, 1º de agosto de 1893).
"Quando Deus executar Sua estranha obra sobre a Terra, quando mãos santas não
mais conduzirem a arca, a desgraça cairá sobre Seu povo.“ (Testemunhos para
Igreja vol.5, p.77)
DESTRUIÇÃO DO MUNDO:
“A profecia do Salvador relativa aos juízos que deveriam cair sobre Jerusalém há de ter
outro cumprimento, do qual aquela terrível desolação não foi senão tênue sombra. Na
sorte da cidade escolhida podemos contemplar a condenação de um mundo que
rejeitou a misericórdia de Deus e calcou a pés a Sua lei”. O Grande Conflito, pág. 36.
DESTRUIÇÃO DE JERUSALÉM = DESTRUIÇÃO
DA IASD
 “Aproximando-nos do final do tempo, ao achar-se o
povo de Deus nas fronteiras da Canaã celestial,
Satanás redobrará, como fez antigamente, os seus
esforços para os impedir de entrar na boa terra.
Arma as suas ciladas a toda a alma. Não é
simplesmente o ignorante ou sem letras que
necessita de ser guardado; ele preparará suas
tentações para os que se encontram nas mais
elevadas posições, no mais santo mister; se ele os
puder levar a poluir a alma, poderá por meio deles
destruir a muitos. E ele agora emprega os mesmos
fatores que empregou há três mil anos atrás. Por
meio de amizades mundanas, pelos encantos da
beleza, pela procura de prazeres, folguedos, festins
ou bebidas, tenta ele à violação do sétimo
mandamento”. (Patriarcas e Profetas, p.458, 459)
Paralelismo entre israel antigo e a igreja adventista

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Lição 12 – Vivendo em Constante Vigilância
Lição 12 – Vivendo em Constante VigilânciaLição 12 – Vivendo em Constante Vigilância
Lição 12 – Vivendo em Constante VigilânciaÉder Tomé
 
A Igreja que queremos ser
A Igreja que queremos serA Igreja que queremos ser
A Igreja que queremos serHugo Machado
 
10 Discipulado Sef
10 Discipulado Sef10 Discipulado Sef
10 Discipulado Sefchucho1943
 
Escatologia o Estudo das Últimas Coisas.
Escatologia o Estudo das Últimas Coisas.Escatologia o Estudo das Últimas Coisas.
Escatologia o Estudo das Últimas Coisas.Márcio Martins
 
As obras da carne e do Espírito
As obras da carne e do EspíritoAs obras da carne e do Espírito
As obras da carne e do EspíritoJoselito Machado
 
Uma juventude forte
Uma juventude forteUma juventude forte
Uma juventude forteEid Marques
 
estudo biblico
estudo biblicoestudo biblico
estudo biblicovalmarques
 
Lição 11 - O governo do anticristo e o falso profeta
Lição 11 - O governo do anticristo e o falso profetaLição 11 - O governo do anticristo e o falso profeta
Lição 11 - O governo do anticristo e o falso profetaSergio Silva
 
Os Perigos das Obras da Carne
Os Perigos das Obras da CarneOs Perigos das Obras da Carne
Os Perigos das Obras da CarneMárcio Martins
 
Esperando a volta de jesus
Esperando a volta de jesusEsperando a volta de jesus
Esperando a volta de jesusMárcio Martins
 
Lição 09 a vinda de jesus em glória
Lição   09 a vinda de jesus em glóriaLição   09 a vinda de jesus em glória
Lição 09 a vinda de jesus em glóriaRODRIGO FERREIRA
 
6000anosdepecado 130617170102-phpapp02 (1)
6000anosdepecado 130617170102-phpapp02 (1)6000anosdepecado 130617170102-phpapp02 (1)
6000anosdepecado 130617170102-phpapp02 (1)O ÚLTIMO CHAMADO
 

Mais procurados (20)

Lição 12 – Vivendo em Constante Vigilância
Lição 12 – Vivendo em Constante VigilânciaLição 12 – Vivendo em Constante Vigilância
Lição 12 – Vivendo em Constante Vigilância
 
29. O profeta Isaías
29. O profeta Isaías29. O profeta Isaías
29. O profeta Isaías
 
A Igreja que queremos ser
A Igreja que queremos serA Igreja que queremos ser
A Igreja que queremos ser
 
10 Discipulado Sef
10 Discipulado Sef10 Discipulado Sef
10 Discipulado Sef
 
Escatologia o Estudo das Últimas Coisas.
Escatologia o Estudo das Últimas Coisas.Escatologia o Estudo das Últimas Coisas.
Escatologia o Estudo das Últimas Coisas.
 
As obras da carne e do Espírito
As obras da carne e do EspíritoAs obras da carne e do Espírito
As obras da carne e do Espírito
 
Educação cristã
Educação cristãEducação cristã
Educação cristã
 
O tribunal de cristo
O tribunal de cristoO tribunal de cristo
O tribunal de cristo
 
Uma juventude forte
Uma juventude forteUma juventude forte
Uma juventude forte
 
Dons espirituais
Dons espirituaisDons espirituais
Dons espirituais
 
4. O Evangelho Segundo Marcos
4. O Evangelho Segundo Marcos4. O Evangelho Segundo Marcos
4. O Evangelho Segundo Marcos
 
7. arrebatamento
7. arrebatamento7. arrebatamento
7. arrebatamento
 
estudo biblico
estudo biblicoestudo biblico
estudo biblico
 
Pos modernidade e cristianismo
Pos modernidade e cristianismoPos modernidade e cristianismo
Pos modernidade e cristianismo
 
Lição 11 - O governo do anticristo e o falso profeta
Lição 11 - O governo do anticristo e o falso profetaLição 11 - O governo do anticristo e o falso profeta
Lição 11 - O governo do anticristo e o falso profeta
 
Os Perigos das Obras da Carne
Os Perigos das Obras da CarneOs Perigos das Obras da Carne
Os Perigos das Obras da Carne
 
Esperando a volta de jesus
Esperando a volta de jesusEsperando a volta de jesus
Esperando a volta de jesus
 
Lição 09 a vinda de jesus em glória
Lição   09 a vinda de jesus em glóriaLição   09 a vinda de jesus em glória
Lição 09 a vinda de jesus em glória
 
6000anosdepecado 130617170102-phpapp02 (1)
6000anosdepecado 130617170102-phpapp02 (1)6000anosdepecado 130617170102-phpapp02 (1)
6000anosdepecado 130617170102-phpapp02 (1)
 
Interpretação bíblica método oica
Interpretação bíblica   método oicaInterpretação bíblica   método oica
Interpretação bíblica método oica
 

Destaque

Ellen white pratica o vegetarianismo
Ellen white pratica o vegetarianismoEllen white pratica o vegetarianismo
Ellen white pratica o vegetarianismoEfraim Ben Tzion
 
06 Apocalipse Diz Que Jesus Voltará
06   Apocalipse Diz Que Jesus Voltará06   Apocalipse Diz Que Jesus Voltará
06 Apocalipse Diz Que Jesus Voltaráarlete.becker
 
Todos os adventistas receberão luz sobre a questão de uma não TRINDADE?
Todos os adventistas receberão luz sobre a questão de uma não TRINDADE?Todos os adventistas receberão luz sobre a questão de uma não TRINDADE?
Todos os adventistas receberão luz sobre a questão de uma não TRINDADE?Eduardo Sousa Gomes
 
Justiça e reconciliação
Justiça e reconciliaçãoJustiça e reconciliação
Justiça e reconciliaçãoIvanei Silveira
 
A cruz, o sacerdócio de jesus e
A cruz, o sacerdócio de jesus eA cruz, o sacerdócio de jesus e
A cruz, o sacerdócio de jesus eEduardo Sousa Gomes
 
10 podemosserperfeitos-111028202507-phpapp01
10 podemosserperfeitos-111028202507-phpapp0110 podemosserperfeitos-111028202507-phpapp01
10 podemosserperfeitos-111028202507-phpapp01netirfreitas
 
As Bestas do Apocalipse
As Bestas do ApocalipseAs Bestas do Apocalipse
As Bestas do Apocalipseorkubbe
 
Jesus o filho literal de deus desde a eternidade
Jesus o filho literal de deus desde a eternidadeJesus o filho literal de deus desde a eternidade
Jesus o filho literal de deus desde a eternidadeEduardo Sousa Gomes
 
Mordomia Cristã na IASD - Apelo à unidade
Mordomia Cristã na IASD - Apelo à unidadeMordomia Cristã na IASD - Apelo à unidade
Mordomia Cristã na IASD - Apelo à unidadeC. Soares
 
Seminário mordomia cristã
Seminário   mordomia cristãSeminário   mordomia cristã
Seminário mordomia cristãSergio Silva
 

Destaque (20)

Ellen white pratica o vegetarianismo
Ellen white pratica o vegetarianismoEllen white pratica o vegetarianismo
Ellen white pratica o vegetarianismo
 
06 Apocalipse Diz Que Jesus Voltará
06   Apocalipse Diz Que Jesus Voltará06   Apocalipse Diz Que Jesus Voltará
06 Apocalipse Diz Que Jesus Voltará
 
Todos os adventistas receberão luz sobre a questão de uma não TRINDADE?
Todos os adventistas receberão luz sobre a questão de uma não TRINDADE?Todos os adventistas receberão luz sobre a questão de uma não TRINDADE?
Todos os adventistas receberão luz sobre a questão de uma não TRINDADE?
 
Justiça e reconciliação
Justiça e reconciliaçãoJustiça e reconciliação
Justiça e reconciliação
 
Mateus 28 falso ou verdadeiro
Mateus 28 falso ou verdadeiroMateus 28 falso ou verdadeiro
Mateus 28 falso ou verdadeiro
 
A cruz, o sacerdócio de jesus e
A cruz, o sacerdócio de jesus eA cruz, o sacerdócio de jesus e
A cruz, o sacerdócio de jesus e
 
10 podemosserperfeitos-111028202507-phpapp01
10 podemosserperfeitos-111028202507-phpapp0110 podemosserperfeitos-111028202507-phpapp01
10 podemosserperfeitos-111028202507-phpapp01
 
As Bestas do Apocalipse
As Bestas do ApocalipseAs Bestas do Apocalipse
As Bestas do Apocalipse
 
C01 batismo
C01 batismoC01 batismo
C01 batismo
 
Jesus o filho literal de deus desde a eternidade
Jesus o filho literal de deus desde a eternidadeJesus o filho literal de deus desde a eternidade
Jesus o filho literal de deus desde a eternidade
 
Perfeição cristã
Perfeição cristãPerfeição cristã
Perfeição cristã
 
Q1304 a reconciliacao
Q1304 a reconciliacaoQ1304 a reconciliacao
Q1304 a reconciliacao
 
Personalidade e esporte
Personalidade e esportePersonalidade e esporte
Personalidade e esporte
 
OPERAÇÃO ICEBERG
OPERAÇÃO ICEBERGOPERAÇÃO ICEBERG
OPERAÇÃO ICEBERG
 
Dois povos adventistas
Dois povos adventistasDois povos adventistas
Dois povos adventistas
 
Mordomia Cristã na IASD - Apelo à unidade
Mordomia Cristã na IASD - Apelo à unidadeMordomia Cristã na IASD - Apelo à unidade
Mordomia Cristã na IASD - Apelo à unidade
 
Mordomia Cristã
Mordomia CristãMordomia Cristã
Mordomia Cristã
 
Seminário mordomia cristã
Seminário   mordomia cristãSeminário   mordomia cristã
Seminário mordomia cristã
 
O que é Personalidade?
O que é Personalidade?O que é Personalidade?
O que é Personalidade?
 
Personalidade
PersonalidadePersonalidade
Personalidade
 

Semelhante a Paralelismo entre israel antigo e a igreja adventista

Eles têm a mesma idéia magé com fotos
Eles têm a mesma idéia   magé com fotosEles têm a mesma idéia   magé com fotos
Eles têm a mesma idéia magé com fotosJose Renato Pedroza
 
Tessalônica n dias de Paulo_Resumo_Liç_332012
Tessalônica n dias de Paulo_Resumo_Liç_332012Tessalônica n dias de Paulo_Resumo_Liç_332012
Tessalônica n dias de Paulo_Resumo_Liç_332012Gerson G. Ramos
 
❉ Respostas 2 - A crise (interna e externa)_GGR
❉ Respostas 2 - A crise (interna e externa)_GGR❉ Respostas 2 - A crise (interna e externa)_GGR
❉ Respostas 2 - A crise (interna e externa)_GGRGerson G. Ramos
 
2 - Os Críticos de Ellen White
2 - Os Críticos de Ellen White2 - Os Críticos de Ellen White
2 - Os Críticos de Ellen WhiteFábio Paradela
 
E.b.d jovens 3ºtrimestre 2016 lição 01 - cópia
E.b.d   jovens 3ºtrimestre 2016 lição 01 - cópiaE.b.d   jovens 3ºtrimestre 2016 lição 01 - cópia
E.b.d jovens 3ºtrimestre 2016 lição 01 - cópiaJoel Silva
 
1 apresentacao profetas do velho testamento
1   apresentacao profetas do velho testamento1   apresentacao profetas do velho testamento
1 apresentacao profetas do velho testamentoPIB Penha
 
15 Numeros 23 - 36.ppt
15 Numeros 23 - 36.ppt15 Numeros 23 - 36.ppt
15 Numeros 23 - 36.pptPIB Penha - SP
 
Lição 2 - A crise (interna e externa) + textos_GGR
Lição 2 - A crise (interna e externa) + textos_GGRLição 2 - A crise (interna e externa) + textos_GGR
Lição 2 - A crise (interna e externa) + textos_GGRGerson G. Ramos
 
Doispovosadventistas 121023180719-phpapp02
Doispovosadventistas 121023180719-phpapp02Doispovosadventistas 121023180719-phpapp02
Doispovosadventistas 121023180719-phpapp02Joao Jose
 
P5-Teologia gera metodologia.pptx
P5-Teologia gera metodologia.pptxP5-Teologia gera metodologia.pptx
P5-Teologia gera metodologia.pptxLuiz Gomes
 
Mais cedo -O anti-cristo _Mais Cedo_ DR PEDROSA
 Mais cedo -O anti-cristo _Mais Cedo_ DR PEDROSA Mais cedo -O anti-cristo _Mais Cedo_ DR PEDROSA
Mais cedo -O anti-cristo _Mais Cedo_ DR PEDROSAELIAS OMEGA
 

Semelhante a Paralelismo entre israel antigo e a igreja adventista (20)

Eles têm a mesma idéia magé com fotos
Eles têm a mesma idéia   magé com fotosEles têm a mesma idéia   magé com fotos
Eles têm a mesma idéia magé com fotos
 
Perdido esquecido e encontrado
Perdido esquecido e encontradoPerdido esquecido e encontrado
Perdido esquecido e encontrado
 
Tessalônica n dias de Paulo_Resumo_Liç_332012
Tessalônica n dias de Paulo_Resumo_Liç_332012Tessalônica n dias de Paulo_Resumo_Liç_332012
Tessalônica n dias de Paulo_Resumo_Liç_332012
 
❉ Respostas 2 - A crise (interna e externa)_GGR
❉ Respostas 2 - A crise (interna e externa)_GGR❉ Respostas 2 - A crise (interna e externa)_GGR
❉ Respostas 2 - A crise (interna e externa)_GGR
 
2 - Os Críticos de Ellen White
2 - Os Críticos de Ellen White2 - Os Críticos de Ellen White
2 - Os Críticos de Ellen White
 
Lição 9 a nova religiosidade ebd
Lição 9   a nova religiosidade ebdLição 9   a nova religiosidade ebd
Lição 9 a nova religiosidade ebd
 
E.b.d jovens 3ºtrimestre 2016 lição 01 - cópia
E.b.d   jovens 3ºtrimestre 2016 lição 01 - cópiaE.b.d   jovens 3ºtrimestre 2016 lição 01 - cópia
E.b.d jovens 3ºtrimestre 2016 lição 01 - cópia
 
Escatologia
Escatologia  Escatologia
Escatologia
 
Nova ordem mundial
Nova ordem mundialNova ordem mundial
Nova ordem mundial
 
1 apresentacao profetas do velho testamento
1   apresentacao profetas do velho testamento1   apresentacao profetas do velho testamento
1 apresentacao profetas do velho testamento
 
15 Numeros 23 - 36.ppt
15 Numeros 23 - 36.ppt15 Numeros 23 - 36.ppt
15 Numeros 23 - 36.ppt
 
Lição 2 - A crise (interna e externa) + textos_GGR
Lição 2 - A crise (interna e externa) + textos_GGRLição 2 - A crise (interna e externa) + textos_GGR
Lição 2 - A crise (interna e externa) + textos_GGR
 
Doispovosadventistas 121023180719-phpapp02
Doispovosadventistas 121023180719-phpapp02Doispovosadventistas 121023180719-phpapp02
Doispovosadventistas 121023180719-phpapp02
 
Palestra-Operação Iceberg
Palestra-Operação Iceberg Palestra-Operação Iceberg
Palestra-Operação Iceberg
 
P5-Teologia gera metodologia.pptx
P5-Teologia gera metodologia.pptxP5-Teologia gera metodologia.pptx
P5-Teologia gera metodologia.pptx
 
Mais cedo -O anti-cristo _Mais Cedo_ DR PEDROSA
 Mais cedo -O anti-cristo _Mais Cedo_ DR PEDROSA Mais cedo -O anti-cristo _Mais Cedo_ DR PEDROSA
Mais cedo -O anti-cristo _Mais Cedo_ DR PEDROSA
 
150 anos oficial
150 anos   oficial150 anos   oficial
150 anos oficial
 
17 igrejade deus
17 igrejade deus17 igrejade deus
17 igrejade deus
 
Estudo Livro de Apocalipse - aula II
Estudo Livro de Apocalipse - aula IIEstudo Livro de Apocalipse - aula II
Estudo Livro de Apocalipse - aula II
 
Os jesuitas na iasd
Os jesuitas na iasdOs jesuitas na iasd
Os jesuitas na iasd
 

Mais de Eduardo Sousa Gomes

A torre de babel e a nova ordem mundial
A torre de babel e a nova ordem mundialA torre de babel e a nova ordem mundial
A torre de babel e a nova ordem mundialEduardo Sousa Gomes
 
Os passos dado pelo papa em 2014
Os passos dado pelo papa em 2014Os passos dado pelo papa em 2014
Os passos dado pelo papa em 2014Eduardo Sousa Gomes
 
Divorcio e novo casamento grupo cotia
Divorcio e novo casamento grupo cotiaDivorcio e novo casamento grupo cotia
Divorcio e novo casamento grupo cotiaEduardo Sousa Gomes
 
Profecias cumpridas de ellen white
Profecias cumpridas de ellen whiteProfecias cumpridas de ellen white
Profecias cumpridas de ellen whiteEduardo Sousa Gomes
 
O santuário e a justiça de jesus cristo
O santuário e a justiça de jesus cristoO santuário e a justiça de jesus cristo
O santuário e a justiça de jesus cristoEduardo Sousa Gomes
 
O ataque da serpente ao dom de profecia de ellen white
O ataque da serpente ao dom de profecia de ellen whiteO ataque da serpente ao dom de profecia de ellen white
O ataque da serpente ao dom de profecia de ellen whiteEduardo Sousa Gomes
 
O fruto do espírito a essencia do carater cristão
O fruto do espírito a essencia do carater cristãoO fruto do espírito a essencia do carater cristão
O fruto do espírito a essencia do carater cristãoEduardo Sousa Gomes
 
Quais os fatores que influenciam o desenvolvimento espiritual
Quais os fatores que influenciam o desenvolvimento espiritualQuais os fatores que influenciam o desenvolvimento espiritual
Quais os fatores que influenciam o desenvolvimento espiritualEduardo Sousa Gomes
 
A antiga e atual abominação desoladora advertência para sair das cidades
A antiga e atual abominação desoladora advertência para sair das cidadesA antiga e atual abominação desoladora advertência para sair das cidades
A antiga e atual abominação desoladora advertência para sair das cidadesEduardo Sousa Gomes
 

Mais de Eduardo Sousa Gomes (20)

A torre de babel e a nova ordem mundial
A torre de babel e a nova ordem mundialA torre de babel e a nova ordem mundial
A torre de babel e a nova ordem mundial
 
OPERAÇÃO ICEBERG
OPERAÇÃO ICEBERGOPERAÇÃO ICEBERG
OPERAÇÃO ICEBERG
 
DECRETO DOMINICAL A VISTA
DECRETO DOMINICAL A VISTADECRETO DOMINICAL A VISTA
DECRETO DOMINICAL A VISTA
 
A escravidão financeira e
A escravidão financeira eA escravidão financeira e
A escravidão financeira e
 
Os passos dado pelo papa em 2014
Os passos dado pelo papa em 2014Os passos dado pelo papa em 2014
Os passos dado pelo papa em 2014
 
Divorcio e novo casamento grupo cotia
Divorcio e novo casamento grupo cotiaDivorcio e novo casamento grupo cotia
Divorcio e novo casamento grupo cotia
 
Qual o segredo para...
Qual o segredo para...Qual o segredo para...
Qual o segredo para...
 
Fundamentos
FundamentosFundamentos
Fundamentos
 
Profecias cumpridas de ellen white
Profecias cumpridas de ellen whiteProfecias cumpridas de ellen white
Profecias cumpridas de ellen white
 
O ato culminante
O ato culminanteO ato culminante
O ato culminante
 
O santuário e a justiça de jesus cristo
O santuário e a justiça de jesus cristoO santuário e a justiça de jesus cristo
O santuário e a justiça de jesus cristo
 
Desenhos satanimados
Desenhos satanimadosDesenhos satanimados
Desenhos satanimados
 
O selamento
O selamentoO selamento
O selamento
 
O ataque da serpente ao dom de profecia de ellen white
O ataque da serpente ao dom de profecia de ellen whiteO ataque da serpente ao dom de profecia de ellen white
O ataque da serpente ao dom de profecia de ellen white
 
A emoção do amor
A emoção do amorA emoção do amor
A emoção do amor
 
O fruto do espírito a essencia do carater cristão
O fruto do espírito a essencia do carater cristãoO fruto do espírito a essencia do carater cristão
O fruto do espírito a essencia do carater cristão
 
Casamento e divórcio revisado
Casamento e divórcio revisadoCasamento e divórcio revisado
Casamento e divórcio revisado
 
Quais os fatores que influenciam o desenvolvimento espiritual
Quais os fatores que influenciam o desenvolvimento espiritualQuais os fatores que influenciam o desenvolvimento espiritual
Quais os fatores que influenciam o desenvolvimento espiritual
 
A antiga e atual abominação desoladora advertência para sair das cidades
A antiga e atual abominação desoladora advertência para sair das cidadesA antiga e atual abominação desoladora advertência para sair das cidades
A antiga e atual abominação desoladora advertência para sair das cidades
 
O trigo e o joio
O trigo e o joioO trigo e o joio
O trigo e o joio
 

Último

Leandro Pires - O Eu Superior Nosso Verdadeiro Mestre.pdf
Leandro Pires - O Eu Superior Nosso Verdadeiro Mestre.pdfLeandro Pires - O Eu Superior Nosso Verdadeiro Mestre.pdf
Leandro Pires - O Eu Superior Nosso Verdadeiro Mestre.pdfFrancisco Baptista
 
Bíblia Sagrada - Daniel - slide powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada - Daniel - slide powerpoint.pptxBíblia Sagrada - Daniel - slide powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada - Daniel - slide powerpoint.pptxIgreja Jesus é o Verbo
 
Coletânea De Orações Cristãs Parte 2
Coletânea De Orações Cristãs Parte 2Coletânea De Orações Cristãs Parte 2
Coletânea De Orações Cristãs Parte 2Nilson Almeida
 
Boletim Espiral número 74, de abril de 2024
Boletim Espiral número 74, de abril de 2024Boletim Espiral número 74, de abril de 2024
Boletim Espiral número 74, de abril de 2024Fraternitas Movimento
 
Culto esboço de Pregação expositiva sermão em João.docx
Culto esboço de Pregação expositiva sermão em João.docxCulto esboço de Pregação expositiva sermão em João.docx
Culto esboço de Pregação expositiva sermão em João.docxManoel Candido Pires Junior
 
Bíblia Sagrada - Ezequiel - slides powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada - Ezequiel - slides powerpoint.pptxBíblia Sagrada - Ezequiel - slides powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada - Ezequiel - slides powerpoint.pptxIgreja Jesus é o Verbo
 
ESPECIALIDADES ARQUEOLOGIA BIBLICA DBV.pdf
ESPECIALIDADES ARQUEOLOGIA BIBLICA DBV.pdfESPECIALIDADES ARQUEOLOGIA BIBLICA DBV.pdf
ESPECIALIDADES ARQUEOLOGIA BIBLICA DBV.pdfDaddizinhaRodrigues
 

Último (7)

Leandro Pires - O Eu Superior Nosso Verdadeiro Mestre.pdf
Leandro Pires - O Eu Superior Nosso Verdadeiro Mestre.pdfLeandro Pires - O Eu Superior Nosso Verdadeiro Mestre.pdf
Leandro Pires - O Eu Superior Nosso Verdadeiro Mestre.pdf
 
Bíblia Sagrada - Daniel - slide powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada - Daniel - slide powerpoint.pptxBíblia Sagrada - Daniel - slide powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada - Daniel - slide powerpoint.pptx
 
Coletânea De Orações Cristãs Parte 2
Coletânea De Orações Cristãs Parte 2Coletânea De Orações Cristãs Parte 2
Coletânea De Orações Cristãs Parte 2
 
Boletim Espiral número 74, de abril de 2024
Boletim Espiral número 74, de abril de 2024Boletim Espiral número 74, de abril de 2024
Boletim Espiral número 74, de abril de 2024
 
Culto esboço de Pregação expositiva sermão em João.docx
Culto esboço de Pregação expositiva sermão em João.docxCulto esboço de Pregação expositiva sermão em João.docx
Culto esboço de Pregação expositiva sermão em João.docx
 
Bíblia Sagrada - Ezequiel - slides powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada - Ezequiel - slides powerpoint.pptxBíblia Sagrada - Ezequiel - slides powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada - Ezequiel - slides powerpoint.pptx
 
ESPECIALIDADES ARQUEOLOGIA BIBLICA DBV.pdf
ESPECIALIDADES ARQUEOLOGIA BIBLICA DBV.pdfESPECIALIDADES ARQUEOLOGIA BIBLICA DBV.pdf
ESPECIALIDADES ARQUEOLOGIA BIBLICA DBV.pdf
 

Paralelismo entre israel antigo e a igreja adventista

  • 1. PARALELISMO ENTRE ISRAEL ANTIGO E A IGREJA ADVENTISTA
  • 2. • Essas coisas aconteceram a eles (Israel) como exemplos e foram escritas como advertência para nós, sobre quem tem chegado o fim dos tempos.1 Coríntios 10:11 • “O Israel moderno está em maior perigo de esquecer-se de Deus e ser levado à idolatria do que o antigo povo de Deus. ... Os pecados e iniquidades do rebelde Israel foram registrados e se apresentam diante de nós como advertência, mostrando-nos que se imitarmos seus exemplo transgressor e nos afastarmos de Deus, certamente cairemos como eles. ... I Cor. 10:11.” (Testemunhos vol.1 p. 609).
  • 3. • “Foi-me mostrado que o espírito do mundo está levedando rapidamente a igreja. Vocês estão seguindo o mesmo caminho que o antigo Israel.” (Testemunhos para igreja, vol.5, p.75,76).
  • 4. • “A história da vida de Israel no deserto foi registrada para o benefício do Israel de Deus até o final do tempo. O registro do trato de Deus aos errantes no deserto, em todas as suas marchas de um para outro lado, em sua exposição a fome, sede e cansaço, e nas notáveis manifestações de Seu poder em auxílio deles, acha-se repleto de advertências e instruções para o Seu povo, em todos os tempos. A experiência variada dos hebreus era uma escola preparatória para o seu lar prometido em Canaã. Deus quer que Seu povo nestes dias reveja com humilde coração e espírito dócil as provações pelas quais passou o antigo Israel, a fim de que possa instruir-se em seu preparo para a Canaã celestial.” (Patriarcas e Profetas, p. 293). •
  • 5.
  • 6. Deus deu no Sinai ... a sua Lei os dez mandamentos. Mineápolis 1888– Teve 12 principais lideres: George I. Butler, H. Grant, Stephen Haskell, J.P. Henderson, Dewitt Hottel, Alonzo T. Jones, Ellet J.Waggoner, R.M. Kilgore, J.H. Morrison, Uriah Smith, R.A. Underwood, Isaac Van Horn. 10 foram contra Waggoner e Jones que apresentaram a mensagem da justiça pela fé no poder criador da palavra no momento da tentação. (Fonte: ww.adventistheritage.org)
  • 7. O povo ameaça apedrejar Josué, Calebe e Moisés! Por causa disso o povo teve que andar no deserto por 40 anos!
  • 8.
  • 9. Os juízes executam os príncipes... Quando o membro – que deseja ser fiel – entende que a administração – [pastores] – de sua querida Igreja opõe- se à mensagem de 1888, é óbvio que esses líderes perdem a influência, anteriormente exercida sobre ele! Cumpre-se, assim, o paralelismo de Números 25: É a consciência do membro – que deseja ser fiel – que ‘executa os príncipes’, ao se livrar da influência deles.
  • 10. Corá, Datã e Abirão, reuniu duzentos e cinqüenta príncipes da assembléia, famoso na congregação, homens de renome: E se congregaram contra Moisés e Arão. “Estes(os rebeldes) tinham lisonjeado as pessoas em geral a acreditar que eles estavam certos, e que todos os seus problemas surgiu a partir de Moisés seu governante... As pessoas pensavam que Corá poderia levá-los ... para a frente no deserto, para a terra prometida”. (Spiritual Gifts, Vol.4, p.31). “Satanás tem levado pessoas a imitarem o exemplo de Coré, Datã e Abirão, em suscitar rebelião entre o povo de Deus. Os que se permitem levantar-se em oposição ao claro testemunho, enganam-se a si mesmos...”. (Conselhos Sobre o Regime Alimentar, 428). Em 1955-57, Leroy Edwin Froom, Roy Allan “Anderson e W.E.Read (líderes da Conferência Geral ), publicou um livro chamado E antes de publicá-lo, eles o enviou para 250 líderes mundiais da IASD para darem sua opinião. Todos concordaram com o livro.
  • 11. Os líderes de Israel desviaram o povo para a falsa adoração ao sol. Esses líderes eram 25 homens: “E disse-me: Vês isto, filho do homem? Ainda tornarás a ver abominações maiores do que estas. E levou-me para o átrio interior da casa do Senhor, e eis que estavam à entrada do templo do Senhor, entre o pórtico e o altar, cerca de vinte e cinco homens, de costas para o templo do Senhor, e com os rostos para o oriente; e eles, virados para o oriente adoravam o sol”. Ezequiel 8:15-16 O numero de ministros que compõem a comissão da Associação Geral é de 25 homens. "A comissão executiva desta assembléia terá o número de 25...“ (Boletim da Associação geral dos Adventistas do Sétimo dia de 1901, pág 379 art. 4). Diz Ellen White: “Eu indago àqueles em posições de responsabilidade em Battle Creek ( sede da Associação Geral na época), o que estais fazendo? Tendes virado as costas e não os vossos rostos para o Senhor". (Test. P/ Ministros pág. 89).
  • 12. ADORAÇÃO A BAAL NO HINARIO ADVENTISTA "
  • 14. IASD de Spencerville, distante uns 8 Km da C.G. Ted Wilson e todos os diretores da Conferência Geral ajoelhados diante da Imagem da Trindade, e de frente para o Oriente! Pai Filho E.S. Vitral com o esboço da Trindade “Levou-me para o átrio de dentro da Casa do Senhor, e eis que estavam à entrada do templo do Senhor, entre o pórtico e o altar, cerca de vinte e cinco homens, de costas para o templo do Senhor e com o rosto para o oriente; adorando o sol, virados para o oriente.” Ez. 8:16. Cumpre-se a profecia! Frente Púlpito Vitral – imagem do Sol e da Trindade ORIENTE Sol nascente
  • 15. PRESTE ATENÇÃO NESSES SÍMBOLOS COM AS LETRAS
  • 16. DE ONDE ELES TIRARAM ESSE SÍMBOLO? DAS RELIGIÕES PAGÃS ADORADORA DO SOL DA LUA E ESTRELAS =
  • 17. SIMBOLO DO HUMANISMO E ADORAÇÃO AO SOL FONTE: http://en.wikipedia.org/wiki/Happy_Human HOPE CHANNEL E TV NOVO TEMPO BRASIL
  • 18. IASD lança “nova igreja” só para ricos! NOVA SEMENTE é o nome da “dissidência” oficial, que privilegia a classe AAA. Esse é o novo endereço para os dízimos dos irmãos adventistas do Brasil... Um projeto que visa “evangelizar” a classe alta da sociedade. Pastor Kleber de Oliveira Gonçalves
  • 19. O LADO ECUMÊNICO DA “NOVA SEMENTE” Culto Ecumênico celebra o 58º aniversário da AFRESP (Asso- ciação dos Agentes Fiscais de Rendas do Estado de São Paulo) O culto ecumênico foi dirigido pelo vigário Rui Melate Alexandri- no, da Paróquia São Luiz Gonza- ga; reverendo Cezar Fernandes Alves da Igreja Episcopal Anglica- na do Brasil e o pastor Cléber Gonçalves, da Igreja Adventista do Sétimo Dia.
  • 20. IASD trocou o seu logotipo dos três anjos pela cruz, símbolo do Ecumenismo “Os romanistas colocam cruzes sobre as igrejas, sobre os altares e sobre as vestes. Por toda parte se vê a insígnia da cruz. Por toda parte é ela exterior- mente honrada e exaltada.” EGW. O Grande Conflito, pág. 568.
  • 22.
  • 23.
  • 24. Jezabel (casamento com Acabe) I Rei 16:30-33 IGREJA DE TIATIRA (538-1517) 4ª IGREJA. “Mas algumas poucas coisas tenho contra ti que deixas Jezabel, mulher que se diz profetisa, ensinar e enganar os meus servos, para que forniquem e comam dos sacrifícios da idolatria”. Apocalipse 2:20 QUEM É ESSA MULHER? IGREJA CATÓLICA NO TEMPO DE ELIAS JEZABEL REINOU 3 ,5 (TRÊS ANOS E MEIO) JEZABEL SIMBÓLICA O PAPADO REINOU 3;5 (TRÊS ANOS E MEIO) OU 1260 ANOS. E AGORA NA NOVA ORDEM MUNDIAL JEZABELVAI REINAR 3,5 (TRÊS ANOS E MEIO) JEZABEL É UM SIMBOLO DA IGREJA CATÓLICA NA BÍBLIA
  • 25. ELIAS AMEAÇADO POR JEZABEL FOGE PARA O DESERTO= POVO DE DEUS AMEAÇADO PELA IGREJA CATÓLICA , A JEZABEL MODERNA, TAMBÉM FOGE PARA O DESERTO. ELIAS ALIMENTADO PELOS CORVOS = POVO DE DEUS SUSTENADO PELOS ANJOS NO TEMPO DE ANGÚSTIA. I REIS 18:44 Elias e a nuvenzinha, a pós os 3,5 e meio = Representa os 144 mil e a nuvem branca na volta de Jesus, que a principio era pequena do tamanho da mão de um homem. I REIS 18:45 A CHUVA DE ELIAS = CHUVA SERÔDIA SOBRE O POVO DE DEUS. A TRASLADAÇÃO DE ELIAS = TRASLADAÇÃO DOS 144 MIL ELIAS=144 MIL
  • 26. “Jerusalém é uma representação do que a igreja será se ela se recusar a andar na luz que Deus deu.” (Testemunhos para Igreja, vol.8, p.74) “E tu, Cafarnaum [adventistas do sétimo dia que tiveram grande luz], que te ergues até aos céus [com referência a privilégios], serás abatida até aos infernos; porque, se em Sodoma tivessem sido feitos os prodígios que em ti se operaram, teria ela permanecido até hoje." (Review and Herald, 1º de agosto de 1893). "Quando Deus executar Sua estranha obra sobre a Terra, quando mãos santas não mais conduzirem a arca, a desgraça cairá sobre Seu povo.“ (Testemunhos para Igreja vol.5, p.77) DESTRUIÇÃO DO MUNDO: “A profecia do Salvador relativa aos juízos que deveriam cair sobre Jerusalém há de ter outro cumprimento, do qual aquela terrível desolação não foi senão tênue sombra. Na sorte da cidade escolhida podemos contemplar a condenação de um mundo que rejeitou a misericórdia de Deus e calcou a pés a Sua lei”. O Grande Conflito, pág. 36. DESTRUIÇÃO DE JERUSALÉM = DESTRUIÇÃO DA IASD
  • 27.  “Aproximando-nos do final do tempo, ao achar-se o povo de Deus nas fronteiras da Canaã celestial, Satanás redobrará, como fez antigamente, os seus esforços para os impedir de entrar na boa terra. Arma as suas ciladas a toda a alma. Não é simplesmente o ignorante ou sem letras que necessita de ser guardado; ele preparará suas tentações para os que se encontram nas mais elevadas posições, no mais santo mister; se ele os puder levar a poluir a alma, poderá por meio deles destruir a muitos. E ele agora emprega os mesmos fatores que empregou há três mil anos atrás. Por meio de amizades mundanas, pelos encantos da beleza, pela procura de prazeres, folguedos, festins ou bebidas, tenta ele à violação do sétimo mandamento”. (Patriarcas e Profetas, p.458, 459)