SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 2
Baixar para ler offline
PODER JUDICIÁRIO
        TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SÃO PAULO



                                                          TRIBUNAL DE JUSTIÇA DE SAO PAULO
                                                           ACÓRDÃO/DECISÃO MONOCRATICA
                                                                REGISTRADO(A) SOB N°


                                     ACÓRDÃO


                                          CONTRATO - Convenção de arbitragem - Regularidade
                                          - Inocorrência de violação ao art. 4 o , §2°, da Lei n°
                                          9.307/96 - Pactuação entre as partes que não se deu por
                                          adesão -      Validade da cláusula compromissária
                                          reconhecida - Recurso desprovido - Sentença mantida.




                 Vistos, relatados e discutidos estes autos de
APELAÇÃO N° 991.09.027972-8, da Comarca de JABOTICABAL, sendo
apelante INSETIMAX INDUSTRIA QUÍMICA LTDA ME e apelado UZINAS
CHIMICAS BRASILEIRAS S/A UCB.


                   ACORDAM, em Vigésima Primeira Câmara de Direito
Privado do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo, por votação unânime,
negar provimento ao recurso.


                    Trata-se de ação revisional de contrato de mútuo com
cláusula compromissária, cumulada com pedido de perdas e danos e
antecipação de tutela.
                     Pela r. sentença de fls. 708/716, cujo relatório se adota, o
processo foi extinto sem julgamento de mérito, com fundamento no art. 267,
inciso VII, do Código de Processo Civil.
                     Apelou a autora (fls. 718/730). Aduz a adesividade do
contrato firmado entre as partes, mas que a ré tentou maquiá-lo, dando a
aparência de que tinha plena liberdade de discutir as cláusulas avençadas,
impondo-lhe condições excessivamente onerosas, sem que ela mesma
cumprisse sua parte no contrato. Afirma que a cláusula compromissária não
teve o destaque necessário, contrariando a Lei n° 9.307/96, em seu art. 4 o , §2°.
Diz que a ré usou de má-fé, firmando o contrato com o verdadeiro intuito de
comprar de forma forçada a empresa autora, aniquilando seu ativo e sua
clientela, para alcançar seu objetivo.
                   Pede a suspensão de todas as ações ajuizadas pela ré, a
declaração de nulidade do contrato e a condenação da ré por perdas e danos,
tendo em vista sua má gestão em vendas, incluindo danos morais, e, por fim, a
exclusão de seu nome de cadastros de inadimplentes.
                    Recurso bem processado, com contra-razões.
                    É o relatório.
PODER JUDICIÁRIO
        TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SÃO PAULO


                    O recurso não merece provimento.
                  A autora celebrou contrato de mútuo, pelo qual receberia da
ré a quantia de R$ 160.000,00, a ser paga em nove parcelas, cada qual no
valor de R$20.523,36.
                   O dinheiro lhe foi entregue, de acordo com o pactuado, mas
descumprida sua parte na avença, pretende a anulação do contrato, bem como
da cláusula compromissoria, que impede a discussão dos termos contratuais
em juízo, alegando a má-fé da requerida, bem como o fato de ser o contrato "de
adesão", como forma de isentar-se da obrigação que livremente assumiu.
                   Os documentos trazidos pela própria autora (fls. 308/312 e
388/399), dão conta das negociações entre as partes para avaliação e parceria
entre as empresas. De sua leitura, resta claro não se tratar de contrato de
adesão.
                  As partes discutiram intensamente toda a contratação, nada
havendo nos autos a demonstrar que a autora tenha sido coagida a assiná-lo,
ou que desconhecia seu inteiro teor.
                   Aliás, a apelante não fez prova alguma de que seus direitos
foram lesados pela apelada de forma dolosa, ou mesmo culposa, ao contrário,
traz no bojo da petição inicial, e de suas razões de apelação, assertivas
completamente destituídas de amparo fático e jurídico, quando sabia que ser
seu o ônus de provar a adesividade do contrato, - que teria por conseqüência o
descumprimento do art. 4, §2°, da Lei n° 9.307/96 -, bem como todos os vícios a
ele concernentes. Essa é a regra constante do art. 333, I, do CPC.
                      Sendo assim, como a cláusula oitava do contrato, que
prevê o compromisso arbitrai, está plenamente de acordo com as disposições
da Lei n° 9.307/96, correto o entendimento da nobre magistrada sentenciante,
ao extinguir o feito sem julgamento de mérito, nos termos do inciso VII, do artigo
267, do Código de Processo Civil.
                     Diante do exposto, nega-se provimento ao recurso.
                 Presidiu o julgamento o Desembargador SILVEIRA
PAULILO (Revisor), e dele participou o desembargador ITAMAR GAINO.


                    São Paulo, 11 de março de 2010.




                       ^        ABEMIR BENEDITO
                                          Relator




                APEL.N0 991.09.027972-8 - JABOTICABAL - VOTO 23370 - MARIANA

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Mais procurados (15)

Execução de cheque deve ser processada no mesmo local da agência sacada
Execução de cheque deve ser processada no mesmo local da agência sacadaExecução de cheque deve ser processada no mesmo local da agência sacada
Execução de cheque deve ser processada no mesmo local da agência sacada
 
Peticao de excecao pre-executividade
Peticao de excecao pre-executividadePeticao de excecao pre-executividade
Peticao de excecao pre-executividade
 
Ação de execução de cheque
Ação de execução de chequeAção de execução de cheque
Ação de execução de cheque
 
Ações redibitorias
Ações redibitoriasAções redibitorias
Ações redibitorias
 
Acordao 2007 1122080
Acordao 2007 1122080Acordao 2007 1122080
Acordao 2007 1122080
 
Bemol
BemolBemol
Bemol
 
Ceu Incorporacao Estudo De Caso 090811 Acordao Embargos De Declaracao...
Ceu   Incorporacao   Estudo De Caso   090811   Acordao Embargos De Declaracao...Ceu   Incorporacao   Estudo De Caso   090811   Acordao Embargos De Declaracao...
Ceu Incorporacao Estudo De Caso 090811 Acordao Embargos De Declaracao...
 
A.i. 70010662740
A.i. 70010662740A.i. 70010662740
A.i. 70010662740
 
Ceu Incorporacao Estudo De Caso 090811 Acordao Apelacao
Ceu   Incorporacao   Estudo De Caso   090811   Acordao ApelacaoCeu   Incorporacao   Estudo De Caso   090811   Acordao Apelacao
Ceu Incorporacao Estudo De Caso 090811 Acordao Apelacao
 
Busca e apreensão
Busca e apreensãoBusca e apreensão
Busca e apreensão
 
1103 civel - emenda á imissão de posse cc tutela antecipada
1103   civel - emenda á imissão de posse cc tutela antecipada1103   civel - emenda á imissão de posse cc tutela antecipada
1103 civel - emenda á imissão de posse cc tutela antecipada
 
Acordao Embargos
Acordao EmbargosAcordao Embargos
Acordao Embargos
 
Emenda à Reintegração de Posse Cc Medida Liminar (Cível)
Emenda à Reintegração de Posse Cc Medida Liminar (Cível)Emenda à Reintegração de Posse Cc Medida Liminar (Cível)
Emenda à Reintegração de Posse Cc Medida Liminar (Cível)
 
Acordao 2010 820344
Acordao 2010 820344Acordao 2010 820344
Acordao 2010 820344
 
Acordao 2010 820344
Acordao 2010 820344Acordao 2010 820344
Acordao 2010 820344
 

Destaque

Bypass gastri corregidoo[1]
Bypass gastri corregidoo[1]Bypass gastri corregidoo[1]
Bypass gastri corregidoo[1]
presentacion14
 
Kutipan & dp
Kutipan & dpKutipan & dp
Kutipan & dp
Afifahs
 
Mi credo pedagógico. artículo 2. lo que es la escuela
Mi credo pedagógico. artículo 2. lo que es la escuelaMi credo pedagógico. artículo 2. lo que es la escuela
Mi credo pedagógico. artículo 2. lo que es la escuela
Raquel Castellanos López
 
Ben ce sound recording glossary version 2
Ben ce sound recording glossary version 2Ben ce sound recording glossary version 2
Ben ce sound recording glossary version 2
BenCom1
 
Los vasos sanguineos
Los vasos sanguineosLos vasos sanguineos
Los vasos sanguineos
gutiSantder
 
A PRESENTATION BY AYESHA
A PRESENTATION BY AYESHAA PRESENTATION BY AYESHA
A PRESENTATION BY AYESHA
Santhosh Nani
 
монголын түүх судлал
монголын түүх судлалмонголын түүх судлал
монголын түүх судлал
tungalag
 
Nuestros Desayunos Power Point
Nuestros Desayunos Power PointNuestros Desayunos Power Point
Nuestros Desayunos Power Point
san juan de dios
 

Destaque (19)

Course outline
Course outlineCourse outline
Course outline
 
Work1
Work1Work1
Work1
 
Bypass gastri corregidoo[1]
Bypass gastri corregidoo[1]Bypass gastri corregidoo[1]
Bypass gastri corregidoo[1]
 
Kutipan & dp
Kutipan & dpKutipan & dp
Kutipan & dp
 
Mi credo pedagógico. artículo 2. lo que es la escuela
Mi credo pedagógico. artículo 2. lo que es la escuelaMi credo pedagógico. artículo 2. lo que es la escuela
Mi credo pedagógico. artículo 2. lo que es la escuela
 
Ben ce sound recording glossary version 2
Ben ce sound recording glossary version 2Ben ce sound recording glossary version 2
Ben ce sound recording glossary version 2
 
Los vasos sanguineos
Los vasos sanguineosLos vasos sanguineos
Los vasos sanguineos
 
Nit 86
Nit  86Nit  86
Nit 86
 
Nils summer of my life
Nils summer of my lifeNils summer of my life
Nils summer of my life
 
Skate
SkateSkate
Skate
 
Sales Managers Summit 2009 060409a
Sales Managers Summit 2009 060409aSales Managers Summit 2009 060409a
Sales Managers Summit 2009 060409a
 
Corazon
CorazonCorazon
Corazon
 
Sec2707
Sec2707Sec2707
Sec2707
 
JJ invite
JJ inviteJJ invite
JJ invite
 
A PRESENTATION BY AYESHA
A PRESENTATION BY AYESHAA PRESENTATION BY AYESHA
A PRESENTATION BY AYESHA
 
монголын түүх судлал
монголын түүх судлалмонголын түүх судлал
монголын түүх судлал
 
INFORMATICA APLICADA
INFORMATICA APLICADAINFORMATICA APLICADA
INFORMATICA APLICADA
 
Nuestros Desayunos Power Point
Nuestros Desayunos Power PointNuestros Desayunos Power Point
Nuestros Desayunos Power Point
 
How to build your ecosystem for your crowdfunding campaign at CEMS 2013
How to build your ecosystem for your crowdfunding campaign at CEMS 2013How to build your ecosystem for your crowdfunding campaign at CEMS 2013
How to build your ecosystem for your crowdfunding campaign at CEMS 2013
 

Semelhante a Acórdão.sp

Acordao 2008 1692009
Acordao 2008 1692009Acordao 2008 1692009
Acordao 2008 1692009
pedromatte
 
Competência conexão foro regional
Competência   conexão foro regionalCompetência   conexão foro regional
Competência conexão foro regional
Vitoria Queija Alvar
 
Apel. cível 70015727472
Apel. cível 70015727472Apel. cível 70015727472
Apel. cível 70015727472
kduferraro
 
Ação anulatória de sentença arbitral
Ação anulatória de sentença arbitralAção anulatória de sentença arbitral
Ação anulatória de sentença arbitral
Alyssondrg
 
Ação anulatoria sentença arbitral
Ação anulatoria sentença arbitralAção anulatoria sentença arbitral
Ação anulatoria sentença arbitral
Alyssondrg
 
Ag.interno 70016959397
Ag.interno 70016959397Ag.interno 70016959397
Ag.interno 70016959397
kduferraro
 
Ag. 70016959397
Ag. 70016959397Ag. 70016959397
Ag. 70016959397
kduferraro
 
Tjsp des moura ribeiro 11ª câmara - 7
Tjsp des moura ribeiro   11ª câmara - 7Tjsp des moura ribeiro   11ª câmara - 7
Tjsp des moura ribeiro 11ª câmara - 7
professoradolfo
 
Acordao 2010 820344
Acordao 2010 820344Acordao 2010 820344
Acordao 2010 820344
pedromatte
 
Acordao 2010 820344
Acordao 2010 820344Acordao 2010 820344
Acordao 2010 820344
pedromatte
 
Agravo regimental, anulação de sentença a fim de afastar cláusula arbitral em...
Agravo regimental, anulação de sentença a fim de afastar cláusula arbitral em...Agravo regimental, anulação de sentença a fim de afastar cláusula arbitral em...
Agravo regimental, anulação de sentença a fim de afastar cláusula arbitral em...
Alyssondrg
 
ceu - incorporacao - estudo de caso - 090811 - acordao resp.pdf
ceu - incorporacao - estudo de caso - 090811 - acordao resp.pdfceu - incorporacao - estudo de caso - 090811 - acordao resp.pdf
ceu - incorporacao - estudo de caso - 090811 - acordao resp.pdf
Pedro Kurbhi
 

Semelhante a Acórdão.sp (20)

Acordao 2008 1692009
Acordao 2008 1692009Acordao 2008 1692009
Acordao 2008 1692009
 
TJSP determina que construtora devolva 80% das parcelas pagas, 100% da corret...
TJSP determina que construtora devolva 80% das parcelas pagas, 100% da corret...TJSP determina que construtora devolva 80% das parcelas pagas, 100% da corret...
TJSP determina que construtora devolva 80% das parcelas pagas, 100% da corret...
 
é Nula a alienação de bem imóvel, na constância da sociedade
é Nula a alienação de bem imóvel, na constância da sociedadeé Nula a alienação de bem imóvel, na constância da sociedade
é Nula a alienação de bem imóvel, na constância da sociedade
 
Competência conexão foro regional
Competência   conexão foro regionalCompetência   conexão foro regional
Competência conexão foro regional
 
Apel. cível 70015727472
Apel. cível 70015727472Apel. cível 70015727472
Apel. cível 70015727472
 
Ação anulatória de sentença arbitral
Ação anulatória de sentença arbitralAção anulatória de sentença arbitral
Ação anulatória de sentença arbitral
 
Ação anulatoria sentença arbitral
Ação anulatoria sentença arbitralAção anulatoria sentença arbitral
Ação anulatoria sentença arbitral
 
Ag.interno 70016959397
Ag.interno 70016959397Ag.interno 70016959397
Ag.interno 70016959397
 
Ag. 70016959397
Ag. 70016959397Ag. 70016959397
Ag. 70016959397
 
Tjsp des moura ribeiro 11ª câmara - 7
Tjsp des moura ribeiro   11ª câmara - 7Tjsp des moura ribeiro   11ª câmara - 7
Tjsp des moura ribeiro 11ª câmara - 7
 
1188- Embargos de Declaração 2
1188- Embargos de Declaração 21188- Embargos de Declaração 2
1188- Embargos de Declaração 2
 
Construtora de Porto Belo é multada por vender imóvel sem registro de incorpo...
Construtora de Porto Belo é multada por vender imóvel sem registro de incorpo...Construtora de Porto Belo é multada por vender imóvel sem registro de incorpo...
Construtora de Porto Belo é multada por vender imóvel sem registro de incorpo...
 
CONDOMÍNIO - CONTRATO - PAGAMENTO INDEVIDO
CONDOMÍNIO - CONTRATO - PAGAMENTO INDEVIDOCONDOMÍNIO - CONTRATO - PAGAMENTO INDEVIDO
CONDOMÍNIO - CONTRATO - PAGAMENTO INDEVIDO
 
Ação de Despejo e Separação Judicial
Ação de Despejo e Separação JudicialAção de Despejo e Separação Judicial
Ação de Despejo e Separação Judicial
 
Acordao 2010 820344
Acordao 2010 820344Acordao 2010 820344
Acordao 2010 820344
 
Acordao 2010 820344
Acordao 2010 820344Acordao 2010 820344
Acordao 2010 820344
 
Agravo regimental, anulação de sentença a fim de afastar cláusula arbitral em...
Agravo regimental, anulação de sentença a fim de afastar cláusula arbitral em...Agravo regimental, anulação de sentença a fim de afastar cláusula arbitral em...
Agravo regimental, anulação de sentença a fim de afastar cláusula arbitral em...
 
Medida Cautelar, sentença de extinção sem julgamento de mérito reformada.
Medida Cautelar, sentença de extinção sem julgamento de mérito reformada.Medida Cautelar, sentença de extinção sem julgamento de mérito reformada.
Medida Cautelar, sentença de extinção sem julgamento de mérito reformada.
 
ceu - incorporacao - estudo de caso - 090811 - acordao resp.pdf
ceu - incorporacao - estudo de caso - 090811 - acordao resp.pdfceu - incorporacao - estudo de caso - 090811 - acordao resp.pdf
ceu - incorporacao - estudo de caso - 090811 - acordao resp.pdf
 
Itaú indenizará cliente por cobrar dívida inexistente
Itaú indenizará cliente por cobrar dívida inexistenteItaú indenizará cliente por cobrar dívida inexistente
Itaú indenizará cliente por cobrar dívida inexistente
 

Mais de pedromatte

A arbitragem como meio de solução dos conflitos trabalhistas
A arbitragem como meio de solução dos conflitos trabalhistasA arbitragem como meio de solução dos conflitos trabalhistas
A arbitragem como meio de solução dos conflitos trabalhistas
pedromatte
 
FR (2005/0031310-2)
FR (2005/0031310-2)FR (2005/0031310-2)
FR (2005/0031310-2)
pedromatte
 
SENTENÇA ESTRANGEIRA CONTESTADA Nº 831 - FR (2005/0031310-2)
SENTENÇA ESTRANGEIRA CONTESTADA Nº 831 - FR (2005/0031310-2)SENTENÇA ESTRANGEIRA CONTESTADA Nº 831 - FR (2005/0031310-2)
SENTENÇA ESTRANGEIRA CONTESTADA Nº 831 - FR (2005/0031310-2)
pedromatte
 
Homologação de sentença arbitral
Homologação de sentença arbitralHomologação de sentença arbitral
Homologação de sentença arbitral
pedromatte
 

Mais de pedromatte (20)

A arbitragem como meio de solução dos conflitos trabalhistas
A arbitragem como meio de solução dos conflitos trabalhistasA arbitragem como meio de solução dos conflitos trabalhistas
A arbitragem como meio de solução dos conflitos trabalhistas
 
Nº 885
Nº 885Nº 885
Nº 885
 
Notícia
NotíciaNotícia
Notícia
 
Sec507
Sec507Sec507
Sec507
 
Sec611
Sec611Sec611
Sec611
 
Sec839
Sec839Sec839
Sec839
 
Sec1210
Sec1210Sec1210
Sec1210
 
Sec1302
Sec1302Sec1302
Sec1302
 
SEC 831
SEC 831SEC 831
SEC 831
 
SEC 831
SEC 831SEC 831
SEC 831
 
FR (2005/0031310-2)
FR (2005/0031310-2)FR (2005/0031310-2)
FR (2005/0031310-2)
 
SENTENÇA ESTRANGEIRA CONTESTADA Nº 831 - FR (2005/0031310-2)
SENTENÇA ESTRANGEIRA CONTESTADA Nº 831 - FR (2005/0031310-2)SENTENÇA ESTRANGEIRA CONTESTADA Nº 831 - FR (2005/0031310-2)
SENTENÇA ESTRANGEIRA CONTESTADA Nº 831 - FR (2005/0031310-2)
 
Acórdão.sp
Acórdão.spAcórdão.sp
Acórdão.sp
 
Acórdão.sp
Acórdão.spAcórdão.sp
Acórdão.sp
 
Apelação.sp
Apelação.spApelação.sp
Apelação.sp
 
Nº 3.035
Nº 3.035Nº 3.035
Nº 3.035
 
Ita
ItaIta
Ita
 
Stj
StjStj
Stj
 
Homologação de sentença arbitral
Homologação de sentença arbitralHomologação de sentença arbitral
Homologação de sentença arbitral
 
STF
STFSTF
STF
 

Último

Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdfManual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
Pastor Robson Colaço
 
Slide Licao 4 - 2T - 2024 - CPAD ADULTOS - Retangular.pptx
Slide Licao 4 - 2T - 2024 - CPAD ADULTOS - Retangular.pptxSlide Licao 4 - 2T - 2024 - CPAD ADULTOS - Retangular.pptx
Slide Licao 4 - 2T - 2024 - CPAD ADULTOS - Retangular.pptx
sfwsoficial
 
PPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 final
PPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 finalPPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 final
PPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 final
carlaOliveira438
 

Último (20)

Meu corpo - Ruth Rocha e Anna Flora livro
Meu corpo - Ruth Rocha e Anna Flora livroMeu corpo - Ruth Rocha e Anna Flora livro
Meu corpo - Ruth Rocha e Anna Flora livro
 
Campanha 18 de. Maio laranja dds.pptx
Campanha 18 de.    Maio laranja dds.pptxCampanha 18 de.    Maio laranja dds.pptx
Campanha 18 de. Maio laranja dds.pptx
 
Movimento Negro Unificado , slide completo.pptx
Movimento Negro Unificado , slide completo.pptxMovimento Negro Unificado , slide completo.pptx
Movimento Negro Unificado , slide completo.pptx
 
Slides Lição 8, Betel, Ordenança para confessar os pecados e perdoar as ofens...
Slides Lição 8, Betel, Ordenança para confessar os pecados e perdoar as ofens...Slides Lição 8, Betel, Ordenança para confessar os pecados e perdoar as ofens...
Slides Lição 8, Betel, Ordenança para confessar os pecados e perdoar as ofens...
 
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdfManual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
 
Alemanha vs União Soviética - Livro de Adolf Hitler
Alemanha vs União Soviética - Livro de Adolf HitlerAlemanha vs União Soviética - Livro de Adolf Hitler
Alemanha vs União Soviética - Livro de Adolf Hitler
 
Slide Licao 4 - 2T - 2024 - CPAD ADULTOS - Retangular.pptx
Slide Licao 4 - 2T - 2024 - CPAD ADULTOS - Retangular.pptxSlide Licao 4 - 2T - 2024 - CPAD ADULTOS - Retangular.pptx
Slide Licao 4 - 2T - 2024 - CPAD ADULTOS - Retangular.pptx
 
Produção de poemas - Reciclar é preciso
Produção  de  poemas  -  Reciclar é precisoProdução  de  poemas  -  Reciclar é preciso
Produção de poemas - Reciclar é preciso
 
HISTORIA DA XILOGRAVURA A SUA IMPORTANCIA
HISTORIA DA XILOGRAVURA A SUA IMPORTANCIAHISTORIA DA XILOGRAVURA A SUA IMPORTANCIA
HISTORIA DA XILOGRAVURA A SUA IMPORTANCIA
 
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande""Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
 
Multiplicação - Caça-número
Multiplicação - Caça-número Multiplicação - Caça-número
Multiplicação - Caça-número
 
As Mil Palavras Mais Usadas No Inglês (Robert de Aquino) (Z-Library).pdf
As Mil Palavras Mais Usadas No Inglês (Robert de Aquino) (Z-Library).pdfAs Mil Palavras Mais Usadas No Inglês (Robert de Aquino) (Z-Library).pdf
As Mil Palavras Mais Usadas No Inglês (Robert de Aquino) (Z-Library).pdf
 
MARCHA HUMANA. UM ESTUDO SOBRE AS MARCHAS
MARCHA HUMANA. UM ESTUDO SOBRE AS MARCHASMARCHA HUMANA. UM ESTUDO SOBRE AS MARCHAS
MARCHA HUMANA. UM ESTUDO SOBRE AS MARCHAS
 
PPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 final
PPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 finalPPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 final
PPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 final
 
Sismologia_7ºano_causas e consequencias.pptx
Sismologia_7ºano_causas e consequencias.pptxSismologia_7ºano_causas e consequencias.pptx
Sismologia_7ºano_causas e consequencias.pptx
 
Nós Propomos! Sertã 2024 - Geografia C - 12º ano
Nós Propomos! Sertã 2024 - Geografia C - 12º anoNós Propomos! Sertã 2024 - Geografia C - 12º ano
Nós Propomos! Sertã 2024 - Geografia C - 12º ano
 
Descrever e planear atividades imersivas estruturadamente
Descrever e planear atividades imersivas estruturadamenteDescrever e planear atividades imersivas estruturadamente
Descrever e planear atividades imersivas estruturadamente
 
Livro infantil: A onda da raiva. pdf-crianças
Livro infantil: A onda da raiva. pdf-criançasLivro infantil: A onda da raiva. pdf-crianças
Livro infantil: A onda da raiva. pdf-crianças
 
o-homem-que-calculava-malba-tahan-1_123516.pdf
o-homem-que-calculava-malba-tahan-1_123516.pdfo-homem-que-calculava-malba-tahan-1_123516.pdf
o-homem-que-calculava-malba-tahan-1_123516.pdf
 
Atividade do poema sobre mãe de mário quintana.pdf
Atividade do poema sobre mãe de mário quintana.pdfAtividade do poema sobre mãe de mário quintana.pdf
Atividade do poema sobre mãe de mário quintana.pdf
 

Acórdão.sp

  • 1. PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SÃO PAULO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DE SAO PAULO ACÓRDÃO/DECISÃO MONOCRATICA REGISTRADO(A) SOB N° ACÓRDÃO CONTRATO - Convenção de arbitragem - Regularidade - Inocorrência de violação ao art. 4 o , §2°, da Lei n° 9.307/96 - Pactuação entre as partes que não se deu por adesão - Validade da cláusula compromissária reconhecida - Recurso desprovido - Sentença mantida. Vistos, relatados e discutidos estes autos de APELAÇÃO N° 991.09.027972-8, da Comarca de JABOTICABAL, sendo apelante INSETIMAX INDUSTRIA QUÍMICA LTDA ME e apelado UZINAS CHIMICAS BRASILEIRAS S/A UCB. ACORDAM, em Vigésima Primeira Câmara de Direito Privado do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo, por votação unânime, negar provimento ao recurso. Trata-se de ação revisional de contrato de mútuo com cláusula compromissária, cumulada com pedido de perdas e danos e antecipação de tutela. Pela r. sentença de fls. 708/716, cujo relatório se adota, o processo foi extinto sem julgamento de mérito, com fundamento no art. 267, inciso VII, do Código de Processo Civil. Apelou a autora (fls. 718/730). Aduz a adesividade do contrato firmado entre as partes, mas que a ré tentou maquiá-lo, dando a aparência de que tinha plena liberdade de discutir as cláusulas avençadas, impondo-lhe condições excessivamente onerosas, sem que ela mesma cumprisse sua parte no contrato. Afirma que a cláusula compromissária não teve o destaque necessário, contrariando a Lei n° 9.307/96, em seu art. 4 o , §2°. Diz que a ré usou de má-fé, firmando o contrato com o verdadeiro intuito de comprar de forma forçada a empresa autora, aniquilando seu ativo e sua clientela, para alcançar seu objetivo. Pede a suspensão de todas as ações ajuizadas pela ré, a declaração de nulidade do contrato e a condenação da ré por perdas e danos, tendo em vista sua má gestão em vendas, incluindo danos morais, e, por fim, a exclusão de seu nome de cadastros de inadimplentes. Recurso bem processado, com contra-razões. É o relatório.
  • 2. PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SÃO PAULO O recurso não merece provimento. A autora celebrou contrato de mútuo, pelo qual receberia da ré a quantia de R$ 160.000,00, a ser paga em nove parcelas, cada qual no valor de R$20.523,36. O dinheiro lhe foi entregue, de acordo com o pactuado, mas descumprida sua parte na avença, pretende a anulação do contrato, bem como da cláusula compromissoria, que impede a discussão dos termos contratuais em juízo, alegando a má-fé da requerida, bem como o fato de ser o contrato "de adesão", como forma de isentar-se da obrigação que livremente assumiu. Os documentos trazidos pela própria autora (fls. 308/312 e 388/399), dão conta das negociações entre as partes para avaliação e parceria entre as empresas. De sua leitura, resta claro não se tratar de contrato de adesão. As partes discutiram intensamente toda a contratação, nada havendo nos autos a demonstrar que a autora tenha sido coagida a assiná-lo, ou que desconhecia seu inteiro teor. Aliás, a apelante não fez prova alguma de que seus direitos foram lesados pela apelada de forma dolosa, ou mesmo culposa, ao contrário, traz no bojo da petição inicial, e de suas razões de apelação, assertivas completamente destituídas de amparo fático e jurídico, quando sabia que ser seu o ônus de provar a adesividade do contrato, - que teria por conseqüência o descumprimento do art. 4, §2°, da Lei n° 9.307/96 -, bem como todos os vícios a ele concernentes. Essa é a regra constante do art. 333, I, do CPC. Sendo assim, como a cláusula oitava do contrato, que prevê o compromisso arbitrai, está plenamente de acordo com as disposições da Lei n° 9.307/96, correto o entendimento da nobre magistrada sentenciante, ao extinguir o feito sem julgamento de mérito, nos termos do inciso VII, do artigo 267, do Código de Processo Civil. Diante do exposto, nega-se provimento ao recurso. Presidiu o julgamento o Desembargador SILVEIRA PAULILO (Revisor), e dele participou o desembargador ITAMAR GAINO. São Paulo, 11 de março de 2010. ^ ABEMIR BENEDITO Relator APEL.N0 991.09.027972-8 - JABOTICABAL - VOTO 23370 - MARIANA