Necessidades das crianças

887 visualizações

Publicada em

Para mais informações:

pastorander@hotmail.com

https://www.facebook.com/pastorander

Publicada em: Espiritual
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
887
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
25
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Necessidades das crianças

  1. 1. As Necessidades da Criança Como tornar nossos filhos adultos vencedores
  2. 2. A Primeira Necessidade: Amor  O amor tem de ser altruísta ou sacrificial.  O amor tem der terno e expressivo.  O amor tem de ser incondicional.  O amor tem de ser firme.
  3. 3. 1. O amor é sacrificial e altruísta     Os pais que verdadeiramente amam estão dispostos a sacrificar-se por causa de seus filhos. Estão dispostos a criar um ambiente de harmonia no lar no qual o pequenino possa se sentir aceito. Muitos dizem que amam seus filhos, mas não estão dispostas a sacrificar a carreira profissional por causa deles. Isto não é amor. Há pais que amam seus filhos, mas não ao ponto de permanecerem casados com suas esposas. Esses pais possuem um bom instinto paternal ou maternal, mas mão possuem o verdadeiro amor, o amor que se
  4. 4. 2. O amor é terno e expressivo  O amor possui suas linguagens próprias: a. O amor se expressa encorajamento b. O amor se expressa prático c. O amor se expressa presentes d. O amor se expressa qualidade e. O amor se expressa em Palavras de em ações de serviço quando damos em tempo de em toque físico e
  5. 5. 3. O amor é incondicional   Os pais não devem amar seus filhos apenas quando são simpáticos, talentosos ou inteligentes. Os que agem assim estão apenas admirando os filhos. Precisamos amá-los quando resmungam, quando nos desafiam, quando fazem birra, etc.
  6. 6. 4. O amor é firme     O amor terno e expressivo é maravilhoso. Todos gostamos de carinho, de presentes, de palavras de elogio e de tempo de qualidade, mas tendemos a pensar que o amor nunca é firme. A criança necessita de firmeza, mas firmeza com ternura. Se for para o bem do outro e isto estiver claro, podemos ser muito firmes. Isto nos introduz na próxima necessidade da criança.
  7. 7. A Segunda Necessidade: Disciplina  O princípio do exemplo  O princípio da coerência  O princípio da autoridades dos limites
  8. 8. 1. O princípio do Exemplo    Nossos filhos são moldados pelas nossas atitudes e comportamentos. A disciplina de nossos filhos começa pela nossa própria disciplina. Nós precisamos nos educar para depois educar nossos filhos. Agindo assim estabeleceremos o padrão, o exemplo que eles deverão imitar.
  9. 9. 2. O princípio da Coerência  Coerência significa harmonia entre o nosso falar e o nosso fazer. Não adianta falar uma coisa e fazer outra.   Não adianta tentar fazer com que nossos filhos tenham mais educação que nós próprios. Nós somos o seu limite. Coerência também significa que nossas regras possuem constância, isto é, aquilo que é errado hoje continuará sendo errado amanhã.  Quando nossas regras mudam de acordo com nossas conveniências, nossa incoerência tira a nossa autoridade.
  10. 10. 3. O princípio da autoridade ou dos limites  Autoridade das leis da saúde  Autoridade do tempo  Autoridade do lugar  Autoridade da limitação  Autoridade de nossas forças e fraquezas
  11. 11. 3. O princípio da autoridade ou dos limites  Autoridade dos costumes sociais  Autoridade do dinheiro  Autoridade da lei civil  Autoridade de Deus
  12. 12. Como exercer a disciplina a. Nunca permita o desrespeito Se existe uma regra básica para a educação de filhos é esta. Se não temos o respeito de nossos filhos, não temos coisa alguma. a. b. c. O melhor momento de comunicar princípios é depois da disciplina Estabeleça um equilíbrio entre amor e disciplina Controle a criança sem irritá-la
  13. 13. A Terceira Necessidade: Respeito a. Personalidade b. Individualidade c. Auto-expressão d. Auto-satisfação
  14. 14. A quarta necessidade: Oportunidade de crescimento a. b. c. d. e. f. g. Oportunidade para crescer em conhecimento Oportunidade para crescer em experiência. Oportunidade para crescer em responsabilidade Oportunidade para avaliar corretamente as experiências Ela precisa desenvolver o senso de humor Oportunidade de descobrir aptidões Ela precisa aprender a apreciar a beleza
  15. 15. A quinta necessidade: Segurança espiritual a. b. c. d. e. f. Ela precisa aprender verdadeiro Ela precisa aprender pecado Ela precisa aprender olhos de Deus. Ela precisa aprender de escolha Ela precisa aprender de Deus Ela precisa aprender espirituais o conceito do Deus acerca do mal e do do seu valor aos sobre sua liberdade o plano da salvação as disciplinas
  16. 16. O que significa a consagração de uma criança      O que realmente significa para nós o ato de consagrarmos nossos filhos para Deus? Cada um precisa ter claro em sua mente que nós não batizamos crianças. Entendemos que o batismo é um sinal de arrependimento e as crianças ainda não possuem entendimento para se arrependerem e nem mesmo cometeram qualquer pecado do qual devam se arrepender. Ana, porém, não subiu e disse a seu marido: Quando for o menino desmamado, levá-lo-ei para ser apresentado perante o SENHOR e para lá ficar para sempre. 1 Samuel 1:22 Passados os dias da purificação deles segundo a Lei de Moisés, levaram-no a Jerusalém para o apresentarem ao Senhor. Lc. 2:22 Quando consagramos nossos filhos estamos publicamente demonstrando as seguintes significados:
  17. 17. O que significa a consagração de uma criança  1. É um dia de entrega   Estou entregando meu filho ao Senhor. De hoje em diante ele perenece a Deus e estou me comprometendo a ser um mordomo do Senhor e cuidar daquilo que agora pertence a ele, da melhor maneira possível. Muitos de nós já lidamos com a libertação de pessoas que foram consagradas a demônios quando crianças. Os demônios resistem dizendo que aquelas pessoas eram deles pois lhes foram dadas pelos pais. Se os demônios recebem crianças que lhes são consagradas, muito mais o Senhor receberá os nossos filhos quando os consagramos a ele.
  18. 18. O que significa a consagração de uma criança  2. É um dia de compromisso e aliança com Deus  Estarei firmando um compromisso diante da igreja de que vou ensinar meu filho o caminho do Senhor, a Palavra de Deus, enquanto ele estiver comigo. Estou estabelecendo o compromisso de ser um exemplo e padrão que ele possa imitar.
  19. 19. O que significa a consagração de uma criança  1. É um dia de entrega   Estou entregando meu filho ao Senhor. De hoje em diante ele perenece a Deus e estou me comprometendo a ser um mordomo do Senhor e cuidar daquilo que agora pertence a ele, da melhor maneira possível. Muitos de nós já lidamos com a libertação de pessoas que foram consagradas a demônios quando crianças. Os demônios resistem dizendo que aquelas pessoas eram deles pois lhes foram dadas pelos pais. Se os demônios recebem crianças que lhes são consagradas, muito mais o Senhor receberá os nossos filhos quando os consagramos a ele.
  20. 20. O que significa a consagração de uma criança  3. É um dia de quebra de maldição  Todas as maldições de nossos antepassados serão quebradas na vida de nossos filhos. Enquanto nossos filhos são pequenos e incapazes de fazerem escolhas por si eles próprios, eles são participantes de nossa aliança com Deus.
  21. 21. O que significa a consagração de uma criança  4. É um dia de liberação bênção  A consagração de nossos filhos é o momento onde nós, como pais, abençoamos e os autorizamos a prosperarem e também o momento de recebermos a bênção dos pastores e da igreja.

×