Textos de opinião dos alunos 9.ºano

15.647 visualizações

Publicada em

Textos de opinião de alunos do 9.ºAno

Publicada em: Educação
  • Seja o primeiro a comentar

Textos de opinião dos alunos 9.ºano

  1. 1. Agrupamento de Escolas Dr. Bissaya Barreto – Castanheira de Pera Português – 9.ºA e 9.ºB 2014/2015 TEXTOS DE OPINIÃO Tema: Há pessoas que funcionam como verdadeiros Anjos da Guarda Outubro 2014
  2. 2. 2 Há pessoas que funcionam como verdadeiros Anjos da Guarda Sim, há pessoas, na nossa vida, que funcionam como verdadeiros anjos da guarda. Penso que, por vezes, as pessoas mais próximas de nós, que falecem, passam a ser os nossos anjos da guarda - para o bem e para o mal. Para mim, os meus anjos da guarda são os meus três avós que já partiram. São eles que me protegem do mal e me incentivam ao bem. Em tempos, foram eles que me viram nascer, a tornar-me jovem, a tornar- me homem. Foram eles que mais tempo passaram comigo. E, por isso, eles serem os meus anjos da guarda. Orgulho-me de ter tido os avós que tive. Sempre presentes e propostos a ajudar, a aturar as birras e as trafulhices dos netos... Conhecem-nos como ninguém... Sei que fizeram tudo pelos netos e que faziam o sacrifício de nos levar à escola para nos tornarmos, no futuro, homens com educação - fizesse sol, chuva trovoada... Queriam sempre o melhor para nós. Por vezes, mal uma ferida num joelho ou cotovelo, a minha avó rezava logo o terço, a pedir a Deus as nossas rápidas melhoras... E são essas grandes coisas que me fazem ter orgulho dos super-avós que eu tive! Sem dúvida que estes meus avós funcionaram e funcionam como verdadeiros Anjos da Guarda! Anónimo
  3. 3. 3 Há pessoas que funcionam como verdadeiros Anjos da Guarda Na minha opinião, há anjos da guarda nas nossas vidas. Os médicos e enfermeiros tratam da nossa vida, por exemplo; dão-nos medicamentos, operam-nos, fazem raios x, levam-nos para o hospital quando nós estamos doentes ou nos aleijamos. Os dentistas também são anjos da guarda porque nos tratam dos dentes quando eles têm cáries e estão estragados. Os oftalmologistas também são anjos da guarda porque tratam-nos dos olhos. Os otorrinolaringologistas também são anjos da guarda porque nos tratam dos ouvidos. Os bombeiros também tratam de apagar os fogos, salvar a vida das pessoas, limpar-lhes a casa quando há inundações. Os polícias, juízes e magistrados também salvam a vida das pessoas, porque, no caso dos primeiros, apanham os criminosos e, por sua vez, os segundos julgam-nos e, até, às vezes, os condenam a anos de prisão. Os pais também são anjos da guarda porque, quando há alguma coisa que corre mal, eles salvam-nos (especialmente a nossa mãe é anjo da guarda, porque nos trouxe ao mundo e faz-nos a comida, lava a nossa roupa e trata de nós quando estamos doentes). Também acho que os professores e as professoras são anjos da guarda porque nos dão educação e nos ensinam até à Universidade. Chego à conclusão que existem mesmo anjos da guarda nas nossas vidas. Rodrigo Neves, 9.ºA
  4. 4. 4 Para mim, os anjos existem. Não sei explicar o que sustenta esta minha opinião, mas sou daquelas pessoas que não tem de ver ou ouvir para acreditar em certas coisas, basta senti-las. Para mim, um anjo é qualquer coisa de sobrenatural... Acho que ser um anjo é fazer ou ser parte de um momento, é fazer um ação tão pura, tão mágica, tão honesta que supera a própria realidade. Mas, mesmo sendo uma coisa tão pura, acho, e gosto de acreditar, que todos nós o conseguimos ser. Rita Moreira Neves, N.º12 – 9.ºA
  5. 5. 5 Os anjos da guarda protegem-nos e acompanham-nos no nosso dia-a-dia. Muitas pessoas pensam que eles são seres espirituais, mas, na verdade, eles também são seres humanos que estão entre nós. E a prova está bem em frente aos nossos olhos. Bombeiros, polícias, médicos, todos eles são anjos da comunidade! Prestam serviços que garantem a nossa saúde, segurança e proteção. Estas pessoas são os anjos de toda a população, mas, depois, cada um tem o seu próprio anjo da guarda. No meu caso, são os meus pais. Os meus pais, sem sombra de dúvida, são os meus maiores protetores! Confio-lhes tudo, pois sei que posso acreditar neles e que eles só querem o meu bem! Protetores, carinhosos, leais e confidentes, tudo o que fazem é para me verem feliz! Acredito que, sem eles, tudo seria muito mais difícil! Penso que os anjos da guarda têm um papel importante a desempenhar na nossa vida e cada um de nós tem, sem dúvida, o seu anjo da guarda! Nem que seja um familiar, amigo ou simples conhecido, como no caso do texto “O Anjo e o Cão”, de Mário Cláudio, no qual a figura do “rapazito descalço” se transforma em verdadeiro anjo da guarda.
  6. 6. 6 Há pessoas que funcionam como verdadeiros Anjos da Guarda Os anjos da guarda existem da forma como as pessoas entendem: umas acreditam, em seres sobrenaturais outras não, outras não sabem ao certo… Para mim, depende muito do estado de espirito da pessoa e também se essa pessoa tem sorte na vida ou não… O meu anjo da guarda é o meu falecido avô. Ele morreu há uns anos, mas foi ele que me ensinou quase tudo. Ensinou-me a jogar à bola, deu-me educação e ensinou-me muitas coisas sobre a vida. Eu tenho a certeza que ele está sempre comigo a acompanhar-me em tudo o que eu faço e em todas as decisões que eu tomo. Eu tenho muito orgulho no homem que ele era… Espero que ele continue sempre a olhar por mim e que, um dia, eu possa ser como ele, um grande homem. Anónimo
  7. 7. 7 Há pessoas que funcionam como verdadeiros Anjos da Guarda Eu acho que, de facto, há pessoas que, na vida, funcionam como verdadeiros anjos da guarda, embora haja quem os entenda como seres sobrenaturais, apenas. Existem algumas pessoas na vida terrena, que, às vezes, são mais que simples anjos da guarda, são verdadeiros heróis. É o caso dos bombeiros que se matam, literalmente, a apagar fogos/incêndios bastante perigosos; polícias que combatem e tentam abater os malfeitores que por aí andam a matar, a roubar e, até, a atentar pessoas e locais; e, também, médicos e enfermeiros, que fazem uma trabalheira tremenda para impedir as mortes das pessoas e quase a ressuscitar certos cidadãos. Mas, para além destas pessoas que trabalham por amor ou dedicação ou, também, por querer ganhar algum dinheiro, existem outras de qualquer tipo de idades, tanto muito novas como muito velhas, até animais, que numa mera situação do dia-a-dia, conseguem resolver certos problemas, tal como o rapazito do texto “O Anjo e o Cão”, que simplesmente trepou um muro para se tornar o herói do narrador. Ou, então, como, por exemplo, as que ajudam as pessoas de maior idade ou aquelas que dizem palavras mágicas como “Por favor”, “Obrigado” ou até um simples “Bom dia”. O que interessa é que não basta ser grande, forte, corajoso ou até musculado para se tornar um herói ou, neste caso, um anjo da guarda; o que interessa é que pessoas de bom coração são preciosas e vão sempre mais além. Duarte Vidal, 9.ºA, N.º2
  8. 8. 8 Há pessoas que funcionam como verdadeiros Anjos da Guarda Na minha opinião, acho que há, mesmo, pessoas que funcionam como grandes anjos da guarda. Quando há incêndios, as pessoas fogem das suas casas e bens, mas os bombeiros enfrentam o fogo sem medo. Quando há assaltos, os polícias também tentam salvar as vidas humanas dos assaltantes. Os médicos são, para mim, uma peça muito importante da nossa vida, porque são eles que nos ajudam quando não estamos na nossa melhor condição física, como constipados ou a necessitar de intervenções cirúrgicas e, sem saúde, não temos nada. Para mim, estes são grandes anjos da guarda, entre outros mais, essenciais à vida humana; quando estamos em apuros, eles normalmente ajudam-nos e, assim, podemos ter uma vida calma e serena. Jorge Medeiros, n.º8, 9.ºA

×