Planejamento de obra aula 31 a 34

679 visualizações

Publicada em

Aula de Planejamento de Obras: O orçamento como ferramenta de planejamento de obras e a estimativa de custo baseado no CUB brasileiro.

Publicada em: Engenharia
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
679
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
11
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
97
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Planejamento de obra aula 31 a 34

  1. 1. Profª Aline Cristina Souza dos Santos aline.engenheira@hotmail.com GOVERNO DO ESTADO DE MATO GROSSO SECRETARIA DE ESTADO E CIÊNCIA E TECNOLOGIA - SECITEC ESCOLA TÉCNICA ESTADUAL DE SINOP
  2. 2. DEFINIÇÕES • Consiste na organização para a execução, incluindo o orçamento e a programação da obra. PLANEJAMENTO • É uma previsão (ou estimativa) do custo ou do preço de uma obra. ORÇAMENTO
  3. 3. ORÇAMENTO O QUE ELE NÃO É • Adivinhação • Chute • Aposta O QUE ELE É • Ferramenta de planejamento • Peça chave de processo de Licitação • Ferramenta de controle de produção
  4. 4. • Valor correspondente à soma de todos os gastos necessários para a execução de obra. CUSTO • É igual ao custo acrescido da margem de lucro. PREÇO CUSTO LUCRO E IMPOSTOS PREÇO
  5. 5. VALORES EMBUTIDOS CUSTO DIRETO • Mão de Obra • Materiais • Equipamentos CUSTO INDIRETO • Pessoal Administrativo • Despesas Gerais • Despesas com Imprevistos IMPOSTOS LUCRO
  6. 6. GRAUS DE ORÇAMENTO Estimativa de Custo Orçamento Preliminar Orçamento Detalhado
  7. 7. TIPO MARGEM DE ERRO ELEMENTOS TÉCNICOS NECESSÁRIOS ESTIMATIVA DE CUSTO  ±30% a ±15% Anteprojeto ou projeto indicativo Especificações genéricas Área de Construção Padrão de Acabamento Custo unitário de obra semelhante ou Custo Unitário Básico (CUB) ORÇAMENTO PRELIMINAR  ±15% a ±10% Projeto Executivo Especificações sucintas, mas definidas Composições de preços de serviços genéricos Preços de Insumos de referência ORÇAMENTO DETALHADO  ±10% a ±5% Projeto Executivo e Projetos Complementares Especificações precisas Composições de preços de serviços específicas Preços de insumos de acordo com a escala do serviço Planejamento da Obra
  8. 8. FASES DE PROJETO CONCEPÇÃO CONSOLIDAÇÃO DESENVOLVIMENTO PROJETO OFICIAL
  9. 9. FASES DE PROJETO CONCEPÇÃO Termos de Referência Estudo Preliminar Ante-Projeto CONSOLIDAÇÃO Projeto Básico Análise de Viabilidade DESENVOLVIMENTO Projeto Executivo Detalhamento de Projeto Projetos Complementares Especificação Técnica Memorial Descritivo Caderno de Encargos PROJETO OFICIAL Projeto para Legalização RIMA
  10. 10. CONSTRUÇÃO CONVENCIONAL Projeto tradicional Serviços bem conhecidos pela construtora Registros de obras similares Sem grandes indefinições e interferências
  11. 11. CONSTRUÇÃO CONVENCIONAL Casas Populares Edifícios Residenciais Adutoras de Água Linhas de Distribuição de Energia Elétrica
  12. 12. CONSTRUÇÃO CONVENCIONAL Casas Populares Edifícios Residenciais Adutoras de Água Linhas de Distribuição de Energia Elétrica
  13. 13. CONSTRUÇÃO CONVENCIONAL Casas Populares Edifícios Residenciais Adutoras de Água Linhas de Distribuição de Energia Elétrica
  14. 14. CONSTRUÇÃO CONVENCIONAL Casas Populares Edifícios Residenciais Adutoras de Água Linhas de Distribuição de Energia Elétrica
  15. 15. CONSTRUÇÃO NÃO CONVENCIONAL Projeto sem precedentes Design inovador Tecnologia construtiva pouco usada Grandes indefinições e interferências
  16. 16. CONSTRUÇÃO NÃO CONVENCIONAL
  17. 17. CONSTRUÇÃO NÃO CONVENCIONAL
  18. 18. CONSTRUÇÃO NÃO CONVENCIONAL
  19. 19. CONSTRUÇÃO NÃO CONVENCIONAL
  20. 20. CONSTRUÇÃO NÃO CONVENCIONAL
  21. 21. ESTIMATIVA DE CUSTOS “Avaliação expedita com base em custos históricos e comparação com projetos similares.” (MATOS, 2006) Custo do metro quadrado construído R$/m² Custo por metro linear de rede de drenagem ou esgoto R$/mL Custo por hectare de urbanização R$/he Custo por megawatt de energia instalado R$/MW Custo por quilômetro de estrada R$/Km A Estimativa de Custos não elimina a necessidade de fazer o Orçamento Detalhado!
  22. 22. LEI 4.591/64 Atribui à ABNT a tarefa de padronizar critérios e normas para cálculo de Custos Unitários de construção, execução de orçamento e avaliação global da obra.
  23. 23. NBR 12721/2006 Critérios de coleta, cálculo, insumos representativos e os pesos de acordo com os padrões de construção. Padrões de construção • Baixo • Normal • Alto Condições de acabamento Qualidade do material Equipamentos existentes
  24. 24. CUB Custo Unitário Básico da Construção Civil Custo por m² de construção Calculado utilizando coeficientes da NBR 12721 Preços unitários de insumos fruto de pesquisa mensal Feito pelos SINDUSCON com divulgação pública
  25. 25. www.cub.org.br
  26. 26. CUB NÃO LEVA EM CONTA.... Cartilha do CUB www.cub.org.br/docs/cartilha_CUB_NET.pdf
  27. 27. REFERÊNCIAS AZEREDO, Hélio Alves de. Edifício até sua cobertura. 2. Ed. São Paulo: Edgard Blücher Ltda. 1997. BORGES, Alberto de Campos; LEITE, Jaime Lopes; MONTEFUSCO, Elizabeth. Prática das pequenas construções, Volume 1. 8. Ed. rev e ampl. – São Paulo: Edgard Blücher, 2004. VARALLA, Ruy. Planejamento e controle de obras. Coleção primeiros passos da qualidade no canteiro de obras – São Paulo: O Nome da Rosa, 2003.

×