SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 19
Profª Aline Cristina Souza dos Santos
aline.engenheira@hotmail.com
GOVERNO DO ESTADO DE MATO GROSSO
SECRETARIA DE ESTADO E CIÊNCIA E TECNOLOGIA - SECITEC
ESCOLA TÉCNICA ESTADUAL DE SINOP
O que é PLANEJAR?
“...um processo de previsão de decisões, que envolve
o estabelecimento de metas e a definição dos
recursos necessários para atingí-las.”
PLANEJAMENTO
PROCESSOS
METASRECURSOS
O planejamento envolve:
 Definir as pessoas envolvidas e suas responsabilidades;
 Definir e coletar informações a serem utilizadas;
 Estabelecer o prazo para realizar o empreendimento;
 Definir as metas e grau de detalhe a serem atingidos;
 Definir os recursos necessários para o realização.
Planejamento de Obra é...
“...um plano de ação que contém a definição
antecipada das decisões que deverão ser tomadas
durante o processo produtivo (construção).”
DIRETRIZES PARA A
AÇÃO CONSTRUTIVA!
Planejamento exige CONTROLE
Metodologia PDCA
• Monitorar e medir
os processos,
relatando
resultados
• Executar ações
para melhorar
desempenho
• Implementar
os processos,
executar
• Definir
metas e
método
construtivo
Plan
(planejar)
Do
(fazer)
Check
(checar)
Act
(agir)
SOFTWARES PARA OBRAS
• PINI
SistemasVOLARE
• MicrosoftMS PROJECT
• ArkisoftPRESTO
• Multiplus
Softwares
Técnicos
ARQUIMEDES
• EngWherePREVISO
O que precisamos saber?
O que o cliente
QUER fazer?
O que o cliente
PODE fazer?
ENTREVISTA COM CLIENTE
1) DADOS DO CLIENTE
2) DADOS DO TERRENO
3) DADOS DA OBRA
4) NECESSIDADES DOS
MORADORES
5) SERVIÇOS DE CONSTRUÇÃO
ENTREVISTA COM CLIENTE
1) DADOS DO CLIENTE
2) DADOS DO TERRENO
3) DADOS DA OBRA
4) NECESSIDADES DOS
MORADORES
5) SERVIÇOS DE CONSTRUÇÃO
 Nome
 Ocupação
 Endereço
 Telefone / Email
 Estado civil
 Futuros ocupantes
 Idade
 Gênero
 Atividade
ENTREVISTA COM CLIENTE
1) DADOS DO CLIENTE
2) DADOS DO TERRENO
3) DADOS DA OBRA
4) NECESSIDADES DOS
MORADORES
5) SERVIÇOS DE CONSTRUÇÃO
 Endereço / Localização
 Situação de propriedade
 Dimensões / Metragem
 Inclinações
 Benfeitorias existentes
 Utilidades públicas existentes
 Água
 Energia
 Pavimentação
 Padrão das construções
próximas
 Restrições por Poder
Municipal ou Comunidade
ENTREVISTA COM CLIENTE
1) DADOS DO CLIENTE
2) DADOS DO TERRENO
3) DADOS DA OBRA
4) NECESSIDADES DOS
MORADORES
5) SERVIÇOS DE CONSTRUÇÃO
 Finalidade e tipo
 Metragem total
 Valor e forma de
financiamento da construção
 Tipos e dimensões dos
cômodos
 Materiais empregados
 Pisos
 Paredes
 Forro
 Teto
 Instalações Elétricas
 Instalações Hidrossanitárias
ENTREVISTA COM CLIENTE
1) DADOS DO CLIENTE
2) DADOS DO TERRENO
3) DADOS DA OBRA
4) NECESSIDADES DOS
OCUPANTES
5) SERVIÇOS DE CONSTRUÇÃO
 Veículos
 Visitantes frequentes
 Animais de estimação
 Vegetação desejada
 Rotinas dos ocupantes
 Preferências de:
 Estilo arquitetônico
 Acabamentos
 Cômodos mais importantes
 Móveis
 Necessidades especiais
ENTREVISTA COM CLIENTE
1) DADOS DO CLIENTE
2) DADOS DO TERRENO
3) DADOS DA OBRA
4) NECESSIDADES DOS
MORADORES
5) SERVIÇOS DE CONSTRUÇÃO
 Profissionais já contratados
 Projeto
 Execução
 Profissional a serem
contratados
 Projeto
 Execução
 Serviços solicitados
 Preferência de forma de
pagamento
 Prazos para projeto e
execução
VÍDEO: Tipos de Clientes
CANAL DO YOUTUBE: Parafernalha
https://www.youtube.com/watch?v=8iq2SK3s1kw
REFERÊNCIAS
AZEREDO, Hélio Alves de. Edifício até sua cobertura. 2. Ed. São Paulo:
Edgard Blücher Ltda. 1997.
BORGES, Alberto de Campos; LEITE, Jaime Lopes; MONTEFUSCO,
Elizabeth. Prática das pequenas construções, Volume 1. 8. Ed. rev e
ampl. – São Paulo: Edgard Blücher, 2004.
VARALLA, Ruy. Planejamento e controle de obras. Coleção primeiros
passos da qualidade no canteiro de obras – São Paulo: O Nome da
Rosa, 2003.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Mais procurados (20)

Aula 2 noções de orçamentos
Aula 2   noções de orçamentosAula 2   noções de orçamentos
Aula 2 noções de orçamentos
 
Aula 04 Planejamento e Controle de Obras
Aula 04 Planejamento e Controle de ObrasAula 04 Planejamento e Controle de Obras
Aula 04 Planejamento e Controle de Obras
 
Canteiro de obras
Canteiro de obrasCanteiro de obras
Canteiro de obras
 
84 slides gestão logística no canteiro de obra nov 2015
84  slides  gestão  logística  no  canteiro  de  obra  nov 201584  slides  gestão  logística  no  canteiro  de  obra  nov 2015
84 slides gestão logística no canteiro de obra nov 2015
 
Fundações e obras de terra - Parte 01
Fundações e obras de terra - Parte 01Fundações e obras de terra - Parte 01
Fundações e obras de terra - Parte 01
 
Planta baixa sue
Planta baixa suePlanta baixa sue
Planta baixa sue
 
Gestão de Obras
Gestão de ObrasGestão de Obras
Gestão de Obras
 
Alvenaria
AlvenariaAlvenaria
Alvenaria
 
Recalque (Fundações)
Recalque (Fundações)Recalque (Fundações)
Recalque (Fundações)
 
Orçamentação de obras palestra
Orçamentação de obras   palestraOrçamentação de obras   palestra
Orçamentação de obras palestra
 
Como melhorar a Qualidade da Obra?
Como melhorar a Qualidade da Obra?Como melhorar a Qualidade da Obra?
Como melhorar a Qualidade da Obra?
 
Gestão de Projetos na Construção Civil
Gestão de Projetos na Construção CivilGestão de Projetos na Construção Civil
Gestão de Projetos na Construção Civil
 
Planejamento e Gerenciamento da Construção Civil
Planejamento e Gerenciamento da Construção CivilPlanejamento e Gerenciamento da Construção Civil
Planejamento e Gerenciamento da Construção Civil
 
Cronograma de Obras em 4 Passos
Cronograma de Obras em 4 PassosCronograma de Obras em 4 Passos
Cronograma de Obras em 4 Passos
 
Etapas de um projeto de arquitetura
Etapas de um projeto de arquiteturaEtapas de um projeto de arquitetura
Etapas de um projeto de arquitetura
 
Aula unidade 3
Aula unidade 3Aula unidade 3
Aula unidade 3
 
Planejamento de Obras- Visão Geral-15Jun15
Planejamento de Obras- Visão Geral-15Jun15Planejamento de Obras- Visão Geral-15Jun15
Planejamento de Obras- Visão Geral-15Jun15
 
1. noções básicas de estrutura
1. noções básicas de estrutura1. noções básicas de estrutura
1. noções básicas de estrutura
 
Propriedades do Concreto - Materiais de Construção
Propriedades do Concreto - Materiais de ConstruçãoPropriedades do Concreto - Materiais de Construção
Propriedades do Concreto - Materiais de Construção
 
Materiais da construção civil1
Materiais da construção civil1Materiais da construção civil1
Materiais da construção civil1
 

Destaque

Planejamento de obras
Planejamento de obrasPlanejamento de obras
Planejamento de obras
Felix Magero
 
Etapas e execução de uma obra
Etapas e execução de uma obraEtapas e execução de uma obra
Etapas e execução de uma obra
Felipe_Freitas
 
áReas potencialmente viáveis para investimento no brasil
áReas  potencialmente   viáveis  para  investimento  no  brasiláReas  potencialmente   viáveis  para  investimento  no  brasil
áReas potencialmente viáveis para investimento no brasil
Augusto Paiva
 
Casa Popular Eficiente apresentação da ULBRA - FEISMA 2009
Casa Popular Eficiente apresentação da ULBRA - FEISMA 2009Casa Popular Eficiente apresentação da ULBRA - FEISMA 2009
Casa Popular Eficiente apresentação da ULBRA - FEISMA 2009
Larissa Pereira Mayer
 

Destaque (20)

Planejamento de obra aula 15 e 16
Planejamento de obra   aula 15 e 16Planejamento de obra   aula 15 e 16
Planejamento de obra aula 15 e 16
 
Planejamento de obra aula 17 e 18
Planejamento de obra   aula 17 e 18Planejamento de obra   aula 17 e 18
Planejamento de obra aula 17 e 18
 
Planejamento de obra aula 47 e 48
Planejamento de obra   aula 47 e 48Planejamento de obra   aula 47 e 48
Planejamento de obra aula 47 e 48
 
Planejamento de obra aula 41 e 42
Planejamento de obra   aula 41 e 42Planejamento de obra   aula 41 e 42
Planejamento de obra aula 41 e 42
 
Planejamento de obra aula 29 e 30
Planejamento de obra   aula 29 e 30Planejamento de obra   aula 29 e 30
Planejamento de obra aula 29 e 30
 
Planejamento de obra aula 19 e 20
Planejamento de obra   aula 19 e 20Planejamento de obra   aula 19 e 20
Planejamento de obra aula 19 e 20
 
Planejamento de obra aula 43 e 44
Planejamento de obra   aula 43 e 44Planejamento de obra   aula 43 e 44
Planejamento de obra aula 43 e 44
 
Planejamento de obra aula 45 e 46
Planejamento de obra   aula 45 e 46Planejamento de obra   aula 45 e 46
Planejamento de obra aula 45 e 46
 
Planejamento de obra aula 35 a 40
Planejamento de obra   aula 35 a 40Planejamento de obra   aula 35 a 40
Planejamento de obra aula 35 a 40
 
06 aula 02 atualizada 2012 resumida
06  aula 02 atualizada 2012 resumida06  aula 02 atualizada 2012 resumida
06 aula 02 atualizada 2012 resumida
 
Planejamento de obras
Planejamento de obrasPlanejamento de obras
Planejamento de obras
 
Etapas e execução de uma obra
Etapas e execução de uma obraEtapas e execução de uma obra
Etapas e execução de uma obra
 
Apostila mãos a obra
Apostila mãos a obraApostila mãos a obra
Apostila mãos a obra
 
R.U.P. - Razão Unitária de Produção na Construção Civil
R.U.P. - Razão Unitária de Produção na Construção CivilR.U.P. - Razão Unitária de Produção na Construção Civil
R.U.P. - Razão Unitária de Produção na Construção Civil
 
áReas potencialmente viáveis para investimento no brasil
áReas  potencialmente   viáveis  para  investimento  no  brasiláReas  potencialmente   viáveis  para  investimento  no  brasil
áReas potencialmente viáveis para investimento no brasil
 
Antônio roberto da costa entrega 50 casas populares
Antônio roberto da costa entrega 50 casas popularesAntônio roberto da costa entrega 50 casas populares
Antônio roberto da costa entrega 50 casas populares
 
Aula 1 componentes de canteiro de obra
Aula 1   componentes de canteiro de obraAula 1   componentes de canteiro de obra
Aula 1 componentes de canteiro de obra
 
Aula 02 escopo
Aula 02 escopoAula 02 escopo
Aula 02 escopo
 
Canteiro de obras
Canteiro de obrasCanteiro de obras
Canteiro de obras
 
Casa Popular Eficiente apresentação da ULBRA - FEISMA 2009
Casa Popular Eficiente apresentação da ULBRA - FEISMA 2009Casa Popular Eficiente apresentação da ULBRA - FEISMA 2009
Casa Popular Eficiente apresentação da ULBRA - FEISMA 2009
 

Semelhante a Planejamento de obra aula 01 e 02

Bibliografia introdução tc
Bibliografia introdução tcBibliografia introdução tc
Bibliografia introdução tc
Sandra Cezar
 
Edificacoes rev 2013 -2° sem
Edificacoes   rev 2013 -2° semEdificacoes   rev 2013 -2° sem
Edificacoes rev 2013 -2° sem
Mara Pedroso
 
Legislação ambiental conama 01 86-e_237_97_parte i
Legislação ambiental   conama 01 86-e_237_97_parte iLegislação ambiental   conama 01 86-e_237_97_parte i
Legislação ambiental conama 01 86-e_237_97_parte i
Fernandobbb
 

Semelhante a Planejamento de obra aula 01 e 02 (20)

Construtora Papini Faria Vaz (PRJ Terminal Rod e Vest)
Construtora Papini Faria Vaz (PRJ Terminal Rod e Vest)Construtora Papini Faria Vaz (PRJ Terminal Rod e Vest)
Construtora Papini Faria Vaz (PRJ Terminal Rod e Vest)
 
PORTIFÓLIO FABIO DANTAS.pptx
PORTIFÓLIO FABIO DANTAS.pptxPORTIFÓLIO FABIO DANTAS.pptx
PORTIFÓLIO FABIO DANTAS.pptx
 
PROJETO DE PESQUISA: PROJETO MUNDO MELHOR
PROJETO DE PESQUISA: PROJETO MUNDO MELHORPROJETO DE PESQUISA: PROJETO MUNDO MELHOR
PROJETO DE PESQUISA: PROJETO MUNDO MELHOR
 
Sanca GreenHouse
Sanca GreenHouseSanca GreenHouse
Sanca GreenHouse
 
Bibliografia introdução tc
Bibliografia introdução tcBibliografia introdução tc
Bibliografia introdução tc
 
Prison Keep
Prison KeepPrison Keep
Prison Keep
 
Edificacoes rev 2013 -2° sem
Edificacoes   rev 2013 -2° semEdificacoes   rev 2013 -2° sem
Edificacoes rev 2013 -2° sem
 
Aterro Sanitário.PDF
Aterro Sanitário.PDFAterro Sanitário.PDF
Aterro Sanitário.PDF
 
Caderno de normas tecnicas para projetos saa e ses cagece(v2)
Caderno de normas tecnicas para projetos saa e ses   cagece(v2)Caderno de normas tecnicas para projetos saa e ses   cagece(v2)
Caderno de normas tecnicas para projetos saa e ses cagece(v2)
 
Gerencia de projetos
Gerencia de projetosGerencia de projetos
Gerencia de projetos
 
Apresentacao pbqp h
Apresentacao pbqp hApresentacao pbqp h
Apresentacao pbqp h
 
Tendências da Construção Civil - Perspectivas para 15 anos
Tendências da Construção Civil - Perspectivas para 15 anosTendências da Construção Civil - Perspectivas para 15 anos
Tendências da Construção Civil - Perspectivas para 15 anos
 
COMPLEXO PARA TERCEIRA IDADE CAIXEIROS VIAJANTES
COMPLEXO PARA TERCEIRA IDADE CAIXEIROS VIAJANTESCOMPLEXO PARA TERCEIRA IDADE CAIXEIROS VIAJANTES
COMPLEXO PARA TERCEIRA IDADE CAIXEIROS VIAJANTES
 
Projeto Kasa
Projeto KasaProjeto Kasa
Projeto Kasa
 
Legislação ambiental conama 01 86-e_237_97_parte i
Legislação ambiental   conama 01 86-e_237_97_parte iLegislação ambiental   conama 01 86-e_237_97_parte i
Legislação ambiental conama 01 86-e_237_97_parte i
 
Cronograma físico financeiro, tutorial
Cronograma físico financeiro, tutorialCronograma físico financeiro, tutorial
Cronograma físico financeiro, tutorial
 
Artigo 1
Artigo 1Artigo 1
Artigo 1
 
Condomínio Virgem Maria
Condomínio Virgem MariaCondomínio Virgem Maria
Condomínio Virgem Maria
 
Contrução de um Galpão
Contrução de um GalpãoContrução de um Galpão
Contrução de um Galpão
 
Desc cargos1
Desc cargos1Desc cargos1
Desc cargos1
 

Último

AE01 -ESTUDO CONTEMPORÂNEO E TRANSVERSAL -COMUNICAÇÃO ASSERTIVA E INTERPESSOA...
AE01 -ESTUDO CONTEMPORÂNEO E TRANSVERSAL -COMUNICAÇÃO ASSERTIVA E INTERPESSOA...AE01 -ESTUDO CONTEMPORÂNEO E TRANSVERSAL -COMUNICAÇÃO ASSERTIVA E INTERPESSOA...
AE01 -ESTUDO CONTEMPORÂNEO E TRANSVERSAL -COMUNICAÇÃO ASSERTIVA E INTERPESSOA...
Consultoria Acadêmica
 
ATIVIDADE 2 - PSICOLOGIA ORGANIZACIONAL - ok.pdf
ATIVIDADE 2 - PSICOLOGIA ORGANIZACIONAL - ok.pdfATIVIDADE 2 - PSICOLOGIA ORGANIZACIONAL - ok.pdf
ATIVIDADE 2 - PSICOLOGIA ORGANIZACIONAL - ok.pdf
Colaborar Educacional
 
AE02 - MAQUINAS TÉRMICAS UNICESUMAR 52/2024
AE02 - MAQUINAS TÉRMICAS UNICESUMAR 52/2024AE02 - MAQUINAS TÉRMICAS UNICESUMAR 52/2024
AE02 - MAQUINAS TÉRMICAS UNICESUMAR 52/2024
Consultoria Acadêmica
 

Último (8)

Checklist de renovação de AVCB -Auto de Vistoria do Corpo de Bombeiros.pdf
Checklist de renovação de AVCB -Auto de Vistoria do Corpo de Bombeiros.pdfChecklist de renovação de AVCB -Auto de Vistoria do Corpo de Bombeiros.pdf
Checklist de renovação de AVCB -Auto de Vistoria do Corpo de Bombeiros.pdf
 
AE01 - ESTUDO CONTEMPORÂNEO E TRANSVERSAL RELACOES DE CONSUMO E SUSTENTABILI...
AE01 - ESTUDO CONTEMPORÂNEO E TRANSVERSAL  RELACOES DE CONSUMO E SUSTENTABILI...AE01 - ESTUDO CONTEMPORÂNEO E TRANSVERSAL  RELACOES DE CONSUMO E SUSTENTABILI...
AE01 - ESTUDO CONTEMPORÂNEO E TRANSVERSAL RELACOES DE CONSUMO E SUSTENTABILI...
 
aula-7sobre tipos de-grafos-eulerianos.pdf
aula-7sobre tipos de-grafos-eulerianos.pdfaula-7sobre tipos de-grafos-eulerianos.pdf
aula-7sobre tipos de-grafos-eulerianos.pdf
 
AE01 -ESTUDO CONTEMPORÂNEO E TRANSVERSAL -COMUNICAÇÃO ASSERTIVA E INTERPESSOA...
AE01 -ESTUDO CONTEMPORÂNEO E TRANSVERSAL -COMUNICAÇÃO ASSERTIVA E INTERPESSOA...AE01 -ESTUDO CONTEMPORÂNEO E TRANSVERSAL -COMUNICAÇÃO ASSERTIVA E INTERPESSOA...
AE01 -ESTUDO CONTEMPORÂNEO E TRANSVERSAL -COMUNICAÇÃO ASSERTIVA E INTERPESSOA...
 
aula_1_manutenÇÃo_industrial_de_equipamentos
aula_1_manutenÇÃo_industrial_de_equipamentosaula_1_manutenÇÃo_industrial_de_equipamentos
aula_1_manutenÇÃo_industrial_de_equipamentos
 
ST 2024 Statum Apresentação Comercial - VF
ST 2024 Statum Apresentação Comercial - VFST 2024 Statum Apresentação Comercial - VF
ST 2024 Statum Apresentação Comercial - VF
 
ATIVIDADE 2 - PSICOLOGIA ORGANIZACIONAL - ok.pdf
ATIVIDADE 2 - PSICOLOGIA ORGANIZACIONAL - ok.pdfATIVIDADE 2 - PSICOLOGIA ORGANIZACIONAL - ok.pdf
ATIVIDADE 2 - PSICOLOGIA ORGANIZACIONAL - ok.pdf
 
AE02 - MAQUINAS TÉRMICAS UNICESUMAR 52/2024
AE02 - MAQUINAS TÉRMICAS UNICESUMAR 52/2024AE02 - MAQUINAS TÉRMICAS UNICESUMAR 52/2024
AE02 - MAQUINAS TÉRMICAS UNICESUMAR 52/2024
 

Planejamento de obra aula 01 e 02

  • 1. Profª Aline Cristina Souza dos Santos aline.engenheira@hotmail.com GOVERNO DO ESTADO DE MATO GROSSO SECRETARIA DE ESTADO E CIÊNCIA E TECNOLOGIA - SECITEC ESCOLA TÉCNICA ESTADUAL DE SINOP
  • 2.
  • 3. O que é PLANEJAR? “...um processo de previsão de decisões, que envolve o estabelecimento de metas e a definição dos recursos necessários para atingí-las.”
  • 5. O planejamento envolve:  Definir as pessoas envolvidas e suas responsabilidades;  Definir e coletar informações a serem utilizadas;  Estabelecer o prazo para realizar o empreendimento;  Definir as metas e grau de detalhe a serem atingidos;  Definir os recursos necessários para o realização.
  • 6. Planejamento de Obra é... “...um plano de ação que contém a definição antecipada das decisões que deverão ser tomadas durante o processo produtivo (construção).” DIRETRIZES PARA A AÇÃO CONSTRUTIVA!
  • 8. Metodologia PDCA • Monitorar e medir os processos, relatando resultados • Executar ações para melhorar desempenho • Implementar os processos, executar • Definir metas e método construtivo Plan (planejar) Do (fazer) Check (checar) Act (agir)
  • 9. SOFTWARES PARA OBRAS • PINI SistemasVOLARE • MicrosoftMS PROJECT • ArkisoftPRESTO • Multiplus Softwares Técnicos ARQUIMEDES • EngWherePREVISO
  • 10.
  • 11. O que precisamos saber? O que o cliente QUER fazer? O que o cliente PODE fazer?
  • 12. ENTREVISTA COM CLIENTE 1) DADOS DO CLIENTE 2) DADOS DO TERRENO 3) DADOS DA OBRA 4) NECESSIDADES DOS MORADORES 5) SERVIÇOS DE CONSTRUÇÃO
  • 13. ENTREVISTA COM CLIENTE 1) DADOS DO CLIENTE 2) DADOS DO TERRENO 3) DADOS DA OBRA 4) NECESSIDADES DOS MORADORES 5) SERVIÇOS DE CONSTRUÇÃO  Nome  Ocupação  Endereço  Telefone / Email  Estado civil  Futuros ocupantes  Idade  Gênero  Atividade
  • 14. ENTREVISTA COM CLIENTE 1) DADOS DO CLIENTE 2) DADOS DO TERRENO 3) DADOS DA OBRA 4) NECESSIDADES DOS MORADORES 5) SERVIÇOS DE CONSTRUÇÃO  Endereço / Localização  Situação de propriedade  Dimensões / Metragem  Inclinações  Benfeitorias existentes  Utilidades públicas existentes  Água  Energia  Pavimentação  Padrão das construções próximas  Restrições por Poder Municipal ou Comunidade
  • 15. ENTREVISTA COM CLIENTE 1) DADOS DO CLIENTE 2) DADOS DO TERRENO 3) DADOS DA OBRA 4) NECESSIDADES DOS MORADORES 5) SERVIÇOS DE CONSTRUÇÃO  Finalidade e tipo  Metragem total  Valor e forma de financiamento da construção  Tipos e dimensões dos cômodos  Materiais empregados  Pisos  Paredes  Forro  Teto  Instalações Elétricas  Instalações Hidrossanitárias
  • 16. ENTREVISTA COM CLIENTE 1) DADOS DO CLIENTE 2) DADOS DO TERRENO 3) DADOS DA OBRA 4) NECESSIDADES DOS OCUPANTES 5) SERVIÇOS DE CONSTRUÇÃO  Veículos  Visitantes frequentes  Animais de estimação  Vegetação desejada  Rotinas dos ocupantes  Preferências de:  Estilo arquitetônico  Acabamentos  Cômodos mais importantes  Móveis  Necessidades especiais
  • 17. ENTREVISTA COM CLIENTE 1) DADOS DO CLIENTE 2) DADOS DO TERRENO 3) DADOS DA OBRA 4) NECESSIDADES DOS MORADORES 5) SERVIÇOS DE CONSTRUÇÃO  Profissionais já contratados  Projeto  Execução  Profissional a serem contratados  Projeto  Execução  Serviços solicitados  Preferência de forma de pagamento  Prazos para projeto e execução
  • 18. VÍDEO: Tipos de Clientes CANAL DO YOUTUBE: Parafernalha https://www.youtube.com/watch?v=8iq2SK3s1kw
  • 19. REFERÊNCIAS AZEREDO, Hélio Alves de. Edifício até sua cobertura. 2. Ed. São Paulo: Edgard Blücher Ltda. 1997. BORGES, Alberto de Campos; LEITE, Jaime Lopes; MONTEFUSCO, Elizabeth. Prática das pequenas construções, Volume 1. 8. Ed. rev e ampl. – São Paulo: Edgard Blücher, 2004. VARALLA, Ruy. Planejamento e controle de obras. Coleção primeiros passos da qualidade no canteiro de obras – São Paulo: O Nome da Rosa, 2003.