O slideshow foi denunciado.
Seu SlideShare está sendo baixado. ×

cartas de Paulo - glossario.pptx

Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Próximos SlideShares
15 Filemom.pptx
15 Filemom.pptx
Carregando em…3
×

Confira estes a seguir

1 de 68 Anúncio
Anúncio

Mais Conteúdo rRelacionado

Mais de FranciscoTudela2 (15)

Mais recentes (20)

Anúncio

cartas de Paulo - glossario.pptx

  1. 1. CARTAS DEPAULO EBD - ESCOLA BÍBLICA DISCIPULADORA – 2022 – 2º SEMESTRE - Facilitador Francisco Tudela GLOSSÁRIO TRATADO NAS AULAS E PARTILHAS SUGERIDAS PARA POSTAR NO GRUPO WHATSAPP O glossário e as partilhas foram tratados nas aulas com complementos (explicações, exemplificações, testemunhos...), pelo facilitador e pelos alunos.
  2. 2. JUSTIFICATIVA Nas primeiras aulas fomos questionados sobre nossas práticas religiosas e no que cremos e as 1ª avaliações conceituais sinalizaram a necessidade de sintetizar o que fora exposto ao longo dos 15 encontros: um glossário. O Glossário foi composto de slides compilados das aulas que tratavam das questões abordadas na avaliação, assim, ele faz sentido aos que frequentaram as aulas, ou as estudaram, pois foram postadas no grupo e no site www.escolabiblicavirtual.com.br. ALGUMAS AVALIAÇÕES CONCEITUAIS DOS ALUNOS QUE NOS ALERTARAM 32. O QUE É FÉ? A) Confiar que você alcançará seus objetivos “andar com fé eu vou, que a fé não costuma faiar” – 17,6% B) Confiar em alguém – 82,4%
  3. 3. 35. ONDE ENCONTRAMOS A DESCRIÇÃO DO QUE É A JUSTIÇA DIVINA? A) Na sabedoria que adquirimos ao longo da vida cristã – 4,8% B) Numa revelação especial do Espírito Santo, após o batismo C) Na Bíblia – 95,2% 36. DEUS SE IRA? A) Sim, contra toda a impiedade e injustiça – 90,5% B) Nunca, pois Deus é amor C) Não, pois Deus perdoa a todos – 9,5% 37. DE QUE SOMOS SALVOS? A) Do pecado – 47,6% B) Da penalidade dos pecados – 52,4% C) De irmos para o inferno
  4. 4. 38. PERDE-SE A SALVAÇÃO? A) Sim – 9,5% B) Talvez – 4,8% C) Não – 85,7% 40. O QUE É BÊNÇÃO DE DEUS? A) É quando desejamos sucesso e proteção para alguém – 5,3% B) São os benefícios espirituais dos crentes em Jesus – 94,7% C) É conquistar algo que foi muito desejado 41. O QUE GRAÇA DE DEUS? A) É receber o perdão, a vida eterna... – 95% B) É receber um objeto muito desejado sem pagar nada C) É receber bênçãos materiais – 5%
  5. 5. 42. QUAL A FINALIDADE DA BÍBLIA? A) Mostrar que somos pecadores – 5% B) Orientar como o homem pode voltar a se relacionar com Deus – 95% C) Mostrar as maldades que se faziam antes de Jesus GLOSSÁRIO TRATADO NAS AULAS Do latim glossarĭum, o glossário é um catálogo de palavras que pertencem a um mesmo campo de estudo, em que são definidas, explicadas ou comentadas.
  6. 6. ÍNDICE Nº pg. Tema 1) 7 O que é fé? 2) 8 O que é o pecado? 3) 13 O que é a glória de Deus? 4) 17 Onde está descrita a justiça divina? 5) 18 Deus se ira? 6) 19 Do que somos justificados? 7) 21 De que somos salvos? 8) 24 Nova natureza e santificação 9) 27 Predestinação, eleição, livre arbítrio 10) 29 Quem não herda o reino de Deus 11) 30 O que é o reino de Deus? 12) 31 Dons 13) 33 Morreu! Acabou? 14) 36 Bênção 15) 37 Graça 16) 38 Shabat 17) 39 Corpo, alma e espírito 18) 40 Sagrado, profano, religião 19) 41 Gnosticismo evangélico, bullying religioso, fundamentalismo evangélico 20) 44 Como o mundo distorce o amor 21) 45 O dia do Senhor 22) 48 Falando com Deus 23) 49 Humor, alegria e felicidade 24) 51 Desvios do caráter Bíblico 25) 53 A Escritura - finalidade 26) 55 Amar o mundo 27) 56 Quem éramos, quem nos transformou e agora quem somos 28) 57 O caráter da liderança da igreja 29) 61 Partilhas
  7. 7. 7 Rm 3.10 “.. oramos para que possamos vê-los pessoalmente e suprir o que falta à sua fé.” Lc 17.5 “Os apóstolos disseram ao Senhor: "Aumenta a nossa fé! “ P. Falta algo à sua fé? No que sua fé pode estar incompleta? R. Paulo quer dar instruções, mais conhecimento das doutrinas do evangelho. Por ex: damos aos olhos o status de serem meios válidos de conhecimento com relação à forma e cor das coisas, e o fazemos por crermos na fidelidade deles, já que não temos outro órgão de percepção que valide a constatação feita por eles, nem a lógica pode fazê-lo. Veja Tomé - Jo 20.25 “Se eu não vir as marcas dos pregos nas suas mãos, não colocar o meu dedo onde estavam os pregos e não puser a minha mão no seu lado, NÃO CREREI". Há pessoas com um transtorno no crer, o chamado Transtorno Obsessivo Compulsivo, TOC. Por ex: a pessoa lava as mãos por horas, acreditando que estão sujas ainda que os olhos mostrem estarem limpas, a condição faltante é crer, sem a qual o conhecimento não ocorre. No campo espiritual as coisas complicam pois nossos sentidos não validam o certo, o justo,... Fé será optar em confiar numa pessoa, na esperança de que suas promessas se cumprirão. Hb 11.1 “...fé é a certeza de coisas que se esperam, a convicção de fatos que se não veem (ARA)
  8. 8. O QUE É O PECADO? Gn 2.9 “O Senhor Deus fez nascer então do solo todo tipo de árvores agradáveis aos olhos e boas para alimento. E no meio do jardim estavam a árvore da vida e a árvore do conhecimento do bem e do mal.” Note a importância dessas duas árvores, pois foram colocadas no centro do jardim. Adão recebe a ordem para não comer de uma das duas árvores: Gn 2.17 “mas não coma da árvore do conhecimento do bem e do mal, porque no dia em que dela comer, certamente VOCÊ MORRERÁ“ Neste momento Adão desconhecia a morte física e espiritual e Eva ainda não existia. Mesmo no Éden o homem dependia de DEUS alimentando-se da “árvore da vida”* Destaque: na nova terra somente estará a árvore da vida. Ap 22.2 “...De cada lado do rio estava a árvore da vida...” Mas havia um 4º personagem: Ap 20.2 “...a antiga serpente, que é o diabo, Satanás” * https://www.portalbrasil.net/2012/colunas/religiao/setembro_30.htm 8
  9. 9. QUAL O PLANO DO DIABO: interferir na obra de Deus. Gn 3.1-6 “...a serpente perguntou à mulher: “...que Deus disse?”...Respondeu...‘Não comam do fruto da árvore que está no meio do jardim...vocês morrerão’. Disse a serpente .."Certamente não morrerão!**Deus sabe que...dele comerem, seus olhos se abrirão, e vocês serão como Deus...” Quando a mulher viu que a árvore parecia agradável ao paladar...atraente aos olhos... desejável para obter dela discernimento, tomou do seu fruto, comeu-o e o deu a seu marido, que comeu...” Adão e Eva optam por DESOBEDECER A DEUS E ISTO É O PECADO. O PECADO É COMETIDO E NÃO HERDADO; É UMA AÇÃO DE DESOBEDIÊNCIA A DEUS. Ecl 7.20 “...não há...ninguém que pratique o bem e nunca peque.” Nascemos com liberdade e sem pecado, porém, dominados por ele, de modo que escolhemos entre o bem e o mal segundo nossa vontade e não a vontade de Deus. https://veja.abril.com.br/ciencia/bebes-ja-fazem-escolhas-morais-diz-psicologo/ (31/8/2014) 9
  10. 10. DECLARAÇÃO DOUTRINÁRIA DA CONVENÇÃO BATISTA BRASILEIRA IV - O Pecado 1. No princípio o homem vivia em estado de inocência e mantinha perfeita comunhão com Deus. Ref. Gn 2.15-17; 3.8-10; Ec 7.29 2. Mas, cedendo à tentação de Satanás, num ato livre de desobediência contra seu Criador, o homem caiu no pecado e assim perdeu a comunhão com Deus e dele ficou separado. Ref. 2. Gn 3; Rm 5.12-19; Ef 2.12; Rm 3.23 3. Em consequência da queda de nossos primeiros pais, todos somos, por natureza, pecadores e inclinados à prática do mal. Ref. 3. Gn 3.12; Rm 5.12; Sl 51.15; Is 53.6; Jr 17.5; Rm 1.18-27; 3.10-19; 7.14-25; Gl 3.22; Ef 2.1-3 4. Todo pecado é cometido contra Deus, sua pessoa, sua vontade e sua lei. Ref. 4. Sl 51.4; Mt 6.14; Rm 8.7-22 5. Mas o mal praticado pelo homem atinge também o seu próximo. Ref. 5. Mt 6.14,15; 18.21-35; 1Co 8.12; Tg 5.16
  11. 11. 6. O pecado maior consiste em não crer na pessoa de Jesus Cristo, o Filho de Deus, como salvador pessoal. Ref. 6. Jo 3.36; 16.9; 1Jo 5.10-12 7. Como resultado do pecado, da incredulidade e da desobediência do homem contra Deus, ele está sujeito à morte e à condenação eterna, além de se tornar inimigo do próximo e da própria criação de Deus. Ref. 7. Rm 5.12-19; 6.23; Ef 2.5; Gn 3.18; Rm 8.22 8. Separado de Deus, o homem é absolutamente incapaz de salvar-se a si mesmo e assim depende da graça de Deus para ser salvo. Ref. Rm 3.20; Gl 3.10,11; Ef 2.8,9
  12. 12. 12 TEOLOGIA DO PECADO HERDADO OU SE É ESCRAVO DE SI MESMO (compulsões, vícios,...) OU SE É ESCRAVO DE CRISTO 1Co 6.18 “Vocês foram libertados do pecado e tornaram-se escravos da justiça.” Somos todos escravos e assim permaneceremos até o fim dos tempos, só muda o senhorio; não há como fugir da servidão, mas há como escapar do preço pago por quem é escravo do pecado: a morte Não significa que estamos livres do pecado, continuamos a ser tentados, mas a LIBERDADE DO SEU DOMÍNIO está disponível A QUEM CRER EM JESUS. 1Co 6.12 ”...não permitam que o pecado continue dominando os seus corpos mortais, fazendo que vocês obedeçam aos seus desejos.” 1Co 6.14 “Pois o pecado não os dominará, porque vocês não estão debaixo da lei, mas debaixo da graça.” Aceitar a proposta do evangelho é viver realizando escolhas e ações aprovadas por Deus, que nem sempre serão as que escolheríamos segundo nossa vontade “carnal”
  13. 13. 3 O QUE É A GLÓRIA DE DEUS? A) Sl 19.1 “Os céus declaram a glória de Deus; o firmamento proclama a obra...” Estar destituído da glória de Deus, é estar afastado, privado de desfrutar de tudo o que era bom no princípio, isto é, NÃO TER UMA VIDA PLENA, equilibrada. B) Ex 33.18,19 “Então disse Moisés: "Peço-te que me mostres a tua glória". E Deus respondeu: "Diante de você farei passar toda a minha bondade, e diante de você proclamarei o meu nome: o Senhor. Terei misericórdia de quem eu quiser ter misericórdia, e terei compaixão de quem eu quiser ter compaixão". Estar destituído da glória de Deus, é ESTAR PRIVADO DO CUIDADO DE DEUS, do seu poder onde é preciso proteção, perdão... DECLARAÇÃO DOUTRINÁRIA DA CONVENÇÃO BATISTA BRASILEIRA A glorificação é o ponto culminante da obra da salvação. É o estado final, permanente, da felicidade dos que são redimidos pelo sangue de Cristo.
  14. 14. PAULO NOS DIZ PARA GLORIFICARMOS A DEUS: Rm 1.21 “...não o glorificaram como Deus, nem lhe renderam graças...” Glorificar significa exaltar, engrandecer, fazer glorioso, dignificar e honrar. A principal finalidade do homem é glorificar o Senhor pelo que Ele é, e dar-Lhe graças pelo que Ele tem feito. (reconhecer que tudo vem de Deus) A ideia hebraica de glória está no valor que damos a DEUS POR SER O CRIADOR. A ideia grega de glória está no valor que damos a DEUS PELA SUA CRIAÇÃO. Is 43.7“..todo o que é chamado pelo meu nome, a quem criei PARA A MINHA GLÓRIA, a quem formei e fiz.” Mesmo que o significado mais limitado aqui seja "Eu trouxe Israel à existência para a minha glória", o uso das palavras "criado", "formado", e "feito" apontam para a criação, assim, A CRIAÇÃO FOI FEITA PARA GLORIFICAR A DEUS
  15. 15. COMO REVERTER A PUNIÇÃO E GLORIFICAR A DEUS? Escolhendo seguir a Jesus. Deixar a antiga humanidade de Adão e entrar na nova humanidade de Jesus. (O batismo representa que nossa velha humanidade morreu por Jesus e uma nova humanidade ressuscita com Jesus para uma vida plena da glória de Deus.) Ao aceitar a Jesus, recuperamos a glória de Deus (vida plena, proteção, perdão, sua presença, o que é justo...) e em consequência disso temos um novo modo de viver, retomando o propósito de quando nos criou, que é glorificá-lo. Jo 17.4 “Eu te glorifiquei na terra, completando a obra que me deste para fazer.” Jesus glorificou ao Pai cumprindo seu propósito e nós assim também o fazemos. Um viver glorioso é aquele que pratica as obras de Deus É quando manifestamos os frutos do espírito descritos em Gl 5.22,23. Temos praticado a VIDA GLORIOSA como Jesus praticou?
  16. 16. Trata do propósito para a vida. Assim como Jesus fez milagres para que todos vissem que ele era Deus, o vídeo mostra "milagres" que também podemos fazer para que vejam Jesus em nós e a diferença que Ele faz. https://www.youtube.com/watch?v=bTmYYye4fxM
  17. 17. ONDE ESTÁ DESCRITA A JUSTIÇA DIVINA? Rm 1.17 “Porque NO EVANGELHO É REVELADA A JUSTIÇA DE DEUS, uma justiça que do princípio ao fim é pela fé, como está escrito: "O justo viverá pela fé“.” Hc 2.4 O motivo da justiça ser tão importante está no fato do homem não possuí-la e é necessário que tome essa consciência, e isso requer fé, pois Deus revela Sua justiça na Bíblia para os que nele confiam, isto é, que têm fé. 1Co 3.10,20 “Como está escrito: "Não há nenhum justo, nem um sequer...Portanto, ninguém será declarado justo diante dele baseando-se na obediência à lei” Pv 14.12 “Há caminho que parece certo ao homem, mas no final conduz à morte.” Um homem que cumpra as exigências de ser justo por considerar, por ex., ser algo nobre, não terá uma vida plena, de descanso, por não ter a certeza de estar praticando a verdadeira justiça, e tampouco a vida eterna após a morte terrena. Rm 3.21,22 “Mas agora se manifestou uma justiça que provém de Deus, independente da lei...justiça de Deus mediante a fé em Jesus Cristo para todos os que creem.”
  18. 18. 18 DEUS SE IRA? 1Co 1.18,25 “Portanto, A IRA DE DEUS É revelada do céu CONTRA TODA IMPIEDADE E INJUSTIÇA dos homens que suprimem a verdade pela injustiça...TROCARAM A VERDADE DE DEUS PELA MENTIRA, E ADORARAM E SERVIRAM A COISAS E SERES CRIADOS, EM LUGAR DO CRIADOR,” O que fazem o ímpio e o justo em relação à injustiça? O ímpio usa da injustiça para realizar sua vontade ou para ocultar o que está fazendo, ou encobrir quem ele verdadeiramente é. O justo confia em Deus, pratica atos de justiça e combate a injustiça. Pv 20.7 “O homem justo leva uma vida íntegra;...” Íntegra é um adjetivo feminino e que classifica uma coisa completa, inteira, que se apresenta na sua totalidade sem desvios de conduta.
  19. 19. 19 DO QUE SOMOS JUSTIFICADOS? 1Co 6.6,7 “...nosso velho homem foi crucificado com ele, para que o corpo do pecado seja destruído, e não mais sejamos escravos do pecado; pois quem morreu, foi justificado do pecado!” 1Co 3.24-25 “sendo justificados gratuitamente por sua graça, por meio da redenção que há em Cristo Jesus. Deus o ofereceu como sacrifício para propiciação mediante a fé...” 1Co 5.1 “Tendo sido, pois, JUSTIFICADOS PELA FÉ, TEMOS PAZ COM DEUS...”  Jesus se tornou o que somos para que pudéssemos nos tornar o que Ele é.  Pelo que Jesus fez em nosso lugar podemos ter um relacionamento correto com Deus.  A pessoa que deposita sua fé em Jesus tem a esperança de um novo futuro através de uma vida transformada e recebe um lugar entre o povo de Deus. JUSTIFICADO: que teve provada ou reconhecida a inocência; REABILITADO. SOMOS JUSTIFICADOS DA IMPUTAÇÃO DA PENA DEVIDA AOS NOSSOS PECADOS.
  20. 20. 20 1Co 2.16 “sabemos que ninguém é justificado pela prática da lei, mas mediante a fé em Jesus Cristo. Assim, nós também cremos em Cristo Jesus para sermos justificados pela fé em Cristo, e não pela prática da lei, porque pela prática da lei ninguém será justificado.” Declaração Doutrinária da Convenção Batista Brasil “A justificação, que ocorre simultaneamente com a regeneração, é o ato pelo qual Deus, considerando os méritos do sacrifício de Cristo, absolve, no perdão, o homem de seus pecados e o declara justo, capacitando-o para uma vida de retidão diante de Deus e de correção diante dos homens.”
  21. 21. 21 DE QUE SOMOS SALVOS? 1Co 5.9 “Como agora fomos justificados por seu sangue, muito mais ainda seremos SALVOS DA IRA DE DEUS por meio dele!” Pecar é fazer algo em pensamento, palavra ou ação que contradiz o caráter de Deus; Quem pecar será julgado por Deus; Jesus pagou a PENALIDADE DOS PECADOS de quem nele crer; é disto que se é salvo. Deus veio como homem para pagar pelos nossos pecados e assim aplacar sua própria ira. É preciso fé para crer nisso. È essa fé que nos permite recomeçar após pecarmos: reconhecemos que pecamos, nos arrependemos, somos perdoados e assim continuar a viver em paz conosco e com Deus.
  22. 22. 22 DECLARAÇÃO DOUTRINÁRIA DA CONVENÇÃO BATISTA BRASILEIRA V - Salvação 1. A salvação é outorgada por Deus pela sua graça, mediante arrependimento do pecador e da sua fé em Jesus Cristo como único Salvador e Senhor. 2. O preço da redenção eterna do crente foi pago de uma vez por Jesus Cristo, pelo derramamento do seu sangue na cruz. 3. A salvação é individual e significa a redenção do homem na inteireza do seu ser. 4. É um dom gratuito que Deus oferece a todos os homens e que compreende a regeneração, a justificação, a santificação e a glorificação. 5. A regeneração é o ato inicial da salvação em que Deus faz nascer de novo o pecador perdido, dele fazendo uma nova criatura em Cristo. É obra do Espírito Santo em que o pecador recebe o perdão, a justificação, a adoção como filho de Deus, a vida eterna e o dom do Espírito Santo. Nesse ato o novo crente é batizado no Espírito Santo, é por ele selado para o dia da redenção final e é liberto do castigo eterno dos seus pecados.
  23. 23. 23 6. Há duas condições para o pecador ser regenerado: arrependimento e fé. O arrependimento implica mudança radical do homem interior, por força do que ele se afasta do pecado e se volta para Deus. A fé é a confiança e aceitação de Jesus Cristo como Salvador e a total entrega da personalidade a ele por parte do pecador. 7. Nessa experiência de conversão o homem perdido é reconciliado com Deus, que lhe concede perdão, justiça e paz. 8. A justificação, que ocorre simultaneamente com a regeneração, é o ato pelo qual Deus, considerando os méritos do sacrifício de Cristo, absolve, no perdão, o homem de seus pecados e o declara justo, capacitando-o para uma vida de retidão diante de Deus e de correção diante dos homens 9. Essa graça é concedida não por causa de quaisquer obras meritórias praticadas pelo homem mas por meio de sua fé em Cristo.
  24. 24. 24 NOVA NATUREZA E SANTIFICAÇÃO 1Co 8.10 “Mas se Cristo está em vocês, o corpo está morto por causa do pecado, mas o espírito está vivo por causa da justiça.” A diferença entre a nova natureza e a velha está: • Na consciência de que não há penalidade divina sobre o pecado, porém há consequências naturais de um relacionamento rompido, que é retomado após reconhecer o erro, se arrepender e se comprometer a não pecar mais. Lembrando que nosso pecado afeta outras pessoas e essas consequências devemos suportar. • Na atuação do Espírito Santo que nos guia 1Co 8.14 “porque todos os que são guiados pelo Espírito de Deus são filhos de Deus.” E como filhos não praticamos aquilo que desagrada o Pai. Amamos a Deus e desagradá-lo nos entristece, daí nos arrependermos Não nos arrependemos por Deus ser punidor e virmos a ser alvo de sua ira
  25. 25. 25 1Co 8.11,26-29 “E, se o Espírito daquele que ressuscitou Jesus dentre os mortos habita em vocês...nos ajuda em nossa fraqueza, pois não sabemos como orar (1), mas o próprio Espírito intercede por nós...de acordo com a vontade de Deus...Sabemos que Deus age em todas as coisas para o bem daqueles que o amam...para serem conformes à imagem de seu Filho...(2)” (1) A fraqueza mencionada é a nossa incapacidade para analisar situações adversas e orar inteligentemente sobre elas. (Moody) (2) Deus dirige a história e Sua prioridade não é a prosperidade financeira, a fama ou a saúde, mas a nossa semelhança com Cristo, assim, todas as coisas cooperam para fazer com que nosso caráter, desperto pelo ES, se pareça cada vez mais com o de Jesus. 1Ts 4.3 “A vontade de Deus é que vocês sejam santificados...”
  26. 26. 26 DECLARAÇÃO DOUTRINÁRIA DA CONVENÇÃO BATISTA BRASILEIRA 1. A santificação é o processo que, principiando na regeneração, leva o homem à realização dos propósitos de Deus para sua vida e o habilita a progredir em busca da perfeição moral e espiritual de Jesus Cristo, mediante a presença e o poder do Espírito Santo que nele habita. Ref. 1. Jo 17.17; 1Ts 4.3; 5.23; 4.7 2. Ela ocorre na medida da dedicação do crente e se manifesta através de um caráter marcado pela presença e pelo fruto do Espírito, bem como por uma vida de testemunho fiel e serviço consagrado a Deus e ao próximo. Ref. 2. Pv 4.18; Rm 12.1,2; Fp 2.12,13; 2Co 7.1; 3.18; Hb 12.14; Rm 6.19
  27. 27. PREDESTINAÇÃO, ELEIÇÃO E LIVRE ARBÍTRIO 1Co 8.29-30 “Pois aqueles que de antemão conheceu, também os predestinou para serem conformes à imagem de seu Filho, a fim de que ele seja o primogênito entre muitos irmãos. E aos que predestinou, também chamou; aos que chamou, também justificou; aos que justificou, também glorificou.” Adão ao pecar se afasta de Deus, e com ele toda a humanidade. Deus quer que todos se salvem, veja 2Pe 3.9 " O Senhor não demora em cumprir a sua promessa...não querendo que ninguém pereça, mas que todos cheguem ao arrependimento." Ora como todos estão separados de Deus desde Adão, não há injustiça em permitir que, por livre arbítrio, cada um opte ou não pela salvação. Deste modo concluímos que Deus é justo e fonte de amor.
  28. 28. C) DECLARAÇÃO DOUTRINÁRIA DA CONVENÇÃO BATISTA BRASILEIRA VI - Eleição 1. Eleição é a escolha feita por Deus, em Cristo, desde a eternidade, de pessoas para a vida eterna, não por qualquer mérito, mas segundo a riqueza da sua graça. 2. Antes da criação do mundo, Deus, no exercício da sua soberania divina e à luz de sua presciência de todas as coisas, elegeu, chamou, predestinou, justificou e glorificou aqueles que, no correr dos tempos, aceitariam livremente o dom da salvação. 3. Ainda que baseada na soberania de Deus, essa eleição está em perfeita consonância com o livre-arbítrio de cada um e de todos os homens. 4. A salvação do crente é eterna. Os salvos perseveram em Cristo e estão guardados pelo poder de Deus. 5. Nenhuma força ou circunstância tem poder para separar o crente do amor de Deus em Cristo Jesus. 6. O novo nascimento, o perdão, a justificação, a adoção como filhos de Deus, a eleição e o dom do Espírito Santo asseguram aos salvos a permanência na graça da salvação.
  29. 29. 29 QUEM NÃO HERDARÁ O REINO DE DEUS 2Co 6.9-10 “Vocês não sabem que os perversos não herdarão o REINO DE DEUS? Não se deixem enganar: nem imorais, nem idólatras, nem adúlteros, nem homossexuais passivos ou ativos, nem ladrões, nem avarentos, nem alcoólatras, nem caluniadores, nem trapaceiros herdarão o Reino de Deus.”  Há um determinismo na sociedade: “você nasceu assim”, ”você é assim” NO EVANGELHO SEMPRE HÁ SOLUÇÃO. 2Co 6.11,12 “Assim foram alguns de vocês. Mas vocês foram lavados... Santificados ... justificados no nome do Senhor Jesus Cristo e no Espírito de nosso Deus...tudo me é permitido, mas eu não deixarei que nada me domine.”
  30. 30. 30 11 O QUE É O REINO DE DEUS? É onde Jesus reina, e a lei é amar ao próximo. Lc 17.20 “... Jesus respondeu: "O Reino de Deus não vem de modo visível,” Col 1.13,14 “Pois Ele nos resgatou do domínio das trevas e nos transportou para o Reino do seu Filho amado, em quem temos a redenção, a saber, o perdão dos pecados.”
  31. 31. 31 12 DONS 2Co 12.4 “Há diferentes tipos de dons, mas o Espírito é o mesmo.” 2Co 12.8-10 “Pelo Espírito, a um é dada a palavra de sabedoria; a outro, a palavra de conhecimento...fé...dons de cura...poder para operar milagres...profecia... discernimento de espíritos...variedade de línguas...interpretação de línguas.” Entendendo os 9 DONS ESPIRITUAIS APLICADOS hoje DENTRO DA IGREJA  PALAVRA DE SABEDORIA – habilidade em acumular e reter a Palavra de Deus para atender a necessidades de aconselhamento e orientação.  PALAVRA DE CONHECIMENTO - uma visão clara do plano de salvação e das doutrinas e deveres do cristão e capacidade para comunicá-las.  FÉ – não a fé salvadora que todo o que crê tem, mas a fé para ir adiante em algum propósito, a confiança de que Deus está junto nos dirigindo.
  32. 32. 32  DONS DE CURA E OPERAR MILAGRES – habilidade em aplicar a Palavra adequada ao momento para a restauração da vida espiritual.  PROFECIA – ser inspirado pelo ES para partilhar a Palavra.  DISCERNIMENTO DE ESPÍRITOS - distinguir entre a verdade e o erro, os falsos dos verdadeiros ministros do evangelho.  VARIEDADE DE LÍNGUAS E SUA INTERPRETAÇÃO - Comunicar a palavra de Deus em outros idiomas; facilidade em aprender outro idioma. Ef 4.8,11-13 “…e deu dons aos homens...E ele designou alguns para APÓSTOLOS, outros para PROFETAS, outros para EVANGELISTAS, e outros para PASTORES E MESTRES, com o fim de preparar os santos para a obra do ministério...” APÓSTOLOS – No uso estrito do termo: aqueles que haviam estado com Jesus PROFETAS – Também no sentido estrito do termo: eram os porta-vozes de Deus EVANGELISTAS – levam o evangelho de forma clara e relevante para os descrentes PASTORES e MESTRES – cuidar das “ovelhas” alimentando-as com o ensino.
  33. 33. 33 13 MORREU! ACABOU? 2Co 15.13,14 “Ora, se está sendo pregado que Cristo ressuscitou dentre os mortos, como alguns de vocês estão dizendo que não existe ressurreição dos mortos? Se não há ressurreição dos mortos, então nem mesmo Cristo ressuscitou; e, se Cristo não ressuscitou, é inútil a nossa pregação, como também é inútil a fé que vocês têm.” 2Co 15.6 “Depois disso apareceu a mais de quinhentos irmãos de uma só vez, a maioria dos quais ainda vive, embora alguns já tenham adormecido.”  Alguns haviam morrido sem se batizar e pessoas estavam se batizando por eles. 2Co 15.29 “Se não há ressurreição, que farão aqueles que se batizam pelos mortos? Se absolutamente os mortos não ressuscitam, por que se batizam por eles?”
  34. 34. 34 DECLARAÇÃO DOUTRINÁRIA DA CONVENÇÃO BATISTA BRASILEIRA XVIII - Morte 1.Todos os homens são marcados pela finitude, de vez que, em consequência do pecado, a morte se estende a todos. 2.A Palavra de Deus assegura a continuidade da consciência e da identidade pessoais após a morte, bem como a necessidade de todos os homens aceitarem a graça de Deus em Cristo enquanto estão neste mundo. 3.Com a morte está definido o destino eterno de cada homem. 4.Pela fé nos méritos do sacrifício substitutivo de Cristo na cruz, a morte do crente deixa de ser tragédia, pois ela o transporta para um estado de completa e constante felicidade na presença de Deus. A esse estado de felicidade as Escrituras chamam “dormir no Senhor”. 5.Os incrédulos e impenitentes entram, a partir da morte, num estado de separação definitiva de Deus. 6.Na Palavra de Deus encontramos claramente expressa a proibição divina da busca de contato com os mortos, bem como a negação da eficácia de atos religiosos com relação aos que já morreram.
  35. 35. REAÇÃO DE DEUS À DESOBEDIÊNCIA QUE ATINGIRÁ A HUMANIDADE 1. MORTE FÍSICA: Gn 3.22 “...disse...Deus: "Agora o homem se tornou como um de nós, conhecendo o bem e o mal. Não se deve, pois, permitir que ele...viva para sempre“ Pv 14.12 “Há caminho que parece certo ao homem, mas no final conduz à morte.” 2. MORTE ESPIRITUAL AINDA EM VIDA: Rm 3.23 “pois todos pecaram e estão destituídos da glória de Deus,” Um tipo de morte caracterizada pela perda da glória de Deus. 3. MORTE ESPIRITUAL APÓS A MORTE FÍSICA: 2Ts 1.9 “sofrerão a pena de destruição eterna, a separação da presença do Senhor”
  36. 36. 14 BÊNÇÃO Bênção é uma declaração de boa vontade e desejo de sucesso para o outro. Quando alguém lhe diz “Deus te abençoe” não só deseja que você tire proveito das oportunidades que Deus lhe concede (capacidade para crescer espiritualmente, prosperar, ter paz e boa saúde...), mas também que agirá a seu favor neste sentido. o As bênçãos materiais de Deus se referem à sua criação, isto é, Deus capacita para bem nos apropriarmos dela segundo seus propósitos. o As bênçãos espirituais de Deus se referem aos benefícios que os crentes desfrutam por sua união com Cristo - justificação dos pecados, perdão e vida eterna – que em vida resultam em felicidade, paz, justiça, sabedoria, compaixão...
  37. 37. 15 GRAÇA A “Graça de Deus” se refere ao que Deus faz para redimir o homem do pecado 2Co 12.9 “Mas ele me disse: "Minha graça é suficiente para você...” Graça na Bíblia é um favor imerecido que Deus dá à humanidade para resgatá-la da punição devida aos pecados, disponível aos que creem em Jesus e seu sacrifício Tt 2.11,12 “Porque a graça de Deus se manifestou salvadora a todos os homens*. Ela (a graça) nos ensina a renunciar à impiedade e às paixões mundanas e a viver de maneira sensata, justa e piedosa nesta era presente,” * O texto se refere a pessoas crentes.
  38. 38. 16 SHABAT EM HEBRAICO = DESCANSO Mc 2.27,28 O sábado foi feito para o nosso benefício; não somos escravos do sábado. O Filho do Homem não é escravo do sábado: é o Senhor dele.” (Bíblia A mensagem) Gn 2.19 “ Você sofrerá para TRABALHAR durante toda a sua vida. A terra produzirá espinhos e mato, e, para você, será penoso CONSEGUIR ALIMENTO.” (Bíblia A mensagem) DESCANSO DO QUÊ? Dt 5.14 “o 7º dia é um sábado (shabat) para o Senhor, o teu Deus. Nesse dia não farás trabalho algum, nem tu nem teu filho ou filha, nem .... descansem como tu.” PD O QUE VOCÊ ENTENDE POR “UM DIA PARA O SENHOR”? Um dia dedicado a louvar a Deus pela sua criação, para visitação, para a vida familiar, para aprender mais de Deus para nossas escolhas,.... 38
  39. 39. 39 17 CORPO, ALMA E ESPÍRITO 1Ts 5.23a “Que todo o espírito, alma e corpo de vocês seja conservado irrepreensível.” (1) DO PÓ DA TERRA – O CORPO Faculdades: 5 sentidos (visão, audição, ...), instinto e expressão. (2) DO SER VIVENTE – A ALMA Faculdades: intelecto, sentimento, emoção e vontade. (3) DO FÔLEGO DA VIDA – O ESPÍRITO – é quem orienta a alma. Faculdades: fé, consciência e intuição.
  40. 40.  RELIGIÃO - um conjunto de conhecimentos, ações e estruturas que o homem usa para exprimir reconhecimento, dependência e veneração em relação ao Sagrado.  SAGRADO - o que é dedicado ou separado para Deus.  PROFANO - o que não está de acordo com os preceitos religiosos.  Segundo Worldwide Independent Network (2015), 63% da população mundial são religiosos, 11% são ateus e 22% não são religiosos  OS NÃO RELIGIOSOS creem em Deus mas não seguem regras de uma religião.  OS ATEUS não creem na religião nem em Deus.  DIALÉTICA entre o sagrado e o profano no amor, sexo, dinheiro, religião, ... 18
  41. 41. 19 Gnosticismo evangélico, bullying religioso, fundamentalismo evangélico Falsos mestres prometiam uma revelação especial e uma espiritualidade superior e assim a salvação seria alcançada pelo conhecimento (gnosis) e não pela fé. Col 2.2,3,4,8 “...o mistério de Deus, a saber, Cristo. Nele estão escondidos todos os tesouros da sabedoria e do conhecimento. Eu lhes digo isso para que NINGUÉM OS ENGANE com argumentos aparentemente convincentes...Tenham cuidado para que NINGUÉM OS ESCRAVIZE a filosofias vãs e enganosas, que se fundamentam nas tradições humanas e nos princípios elementares deste mundo, e não em Cristo.” Paulo condena filosofias (estudo sobre a sabedoria, conhecimento, valores...) que substituam a proposta redentora de Jesus. Filosofias baseadas nas “tradições humanas” nos “princípios elementares” e que em geral não são questionadas: “sempre foi assim, logo deve estar certo”. Dois tipos de pessoa que não devemos deixar que NOS ENGANEM OU ESCRAVIZEM: 1º O gnóstico que se acha superior alegando deter um conhecimento especial de Deus. 2º O que sente prazer em magoar o outro e para isso pratica o bullying religioso.
  42. 42. Não permitir que pessoas nos dominem com bullying religioso ou gnosticismo evangélico. 1º O bullying religioso se dá quando um irmão proeminente num grupo da igreja aponta, publicamente, as falhas de outro, segundo a sua ótica, para ridicularizar, diminuir, intimidar... 2º O gnosticismo evangélico se dá quando a igreja crê que o pastor é superior aos membros porque afirma ter recebido uma revelação especial do ES e oferece cura, prosperidade, livramento... “Em nome de Jesus eu ordeno....” em geral em troca de ofertas, aquisições, penitências.... 42 Líderes praticam o gnosticismo evangélico ao estabelecer regras de comportamento como a forma de se vestir, lugares que podem frequentar, o que é permitido como lazer, guardar um determinado dia... e cobram seu cumprimento como obrigação do verdadeiro crente.
  43. 43. Col 2.18,20-23 “Não permitam que ninguém que tenha prazer numa falsa humildade (praticando bullying) e na adoração de anjos os impeça de alcançar o prêmio. Já que vocês morreram com Cristo para os princípios elementares deste mundo, por que é que vocês, então, como se ainda pertencessem a ele, se submetem a regras: "Não manuseie! " "Não prove! " "Não toque! "? (fundamentalismo religioso)Todas essas coisas estão destinadas a perecer pelo uso, pois se baseiam em mandamentos e ensinos humanos. Essas regras têm, de fato, aparência de sabedoria, com sua pretensa religiosidade,(sem autoridade de Deus) falsa humildade e severidade com o corpo, mas não têm valor algum para refrear os impulsos da carne (nossas escolhas).” Mt 23.2,4 "Os mestres da lei e os fariseus...Eles atam fardos pesados e os colocam sobre os ombros dos homens.” OS “FARISEUS” NÃO ACABARAM NOS TEMPOS DE JESUS, O QUE É UMA PENA. Fundamentalismo religioso com regras, mandamentos, ritualismos, legalismos e superstições que hierarquizam o evangelho de modo que não seja inclusivo e assim homens valem mais que mulheres... uma pretensa religiosidade sem eficácia para mudar nossas escolhas. Somente o viver sob o controle do ES pode realizar esse milagre. Nisso cremos!
  44. 44. 20 O AMOR UNE AS 7 VIRTUDES DO “POVO ESCOLHIDO DE DEUS”. Paulo lista 7 virtudes que o “povo escolhido de Deus” deve ter nos relacionamentos. Col 3.12-14 “...revistam-se (ação) de profunda compaixão, bondade, humildade, mansidão e paciência. Suportem-se (reação) uns aos outros e perdoem as queixas que tiverem uns contra os outros. Perdoem como o Senhor lhes perdoou. Acima de tudo, porém, revistam-se do amor, que é o elo perfeito.” Palavras gregas que significam amor Que o mundo distorce fazendo com que: • PHILEO: amor familiar O phileo seja motivado por interesse • EROS: amor sexual Seja pecaminoso e praticado fora do casamento • AGAPOS: amor incondicional Pessoas não se sintam dignas de receber o agapos • PRAGMA: amor condicional, racional Esse é o amor que o mundo ensina: casados até que o caráter nos separe, até que .... • STORGE: amor-amizade O confundam com o eros 44
  45. 45. 21 O DIA DO SENHOR 1Ts 5.3,4 “...vocês mesmos sabem perfeitamente que o dia do Senhor virá como ladrão à noite. Quando disserem: "Paz e segurança“(2), então, de repente, a destruição virá sobre eles (3), como dores à mulher grávida; e de modo nenhum escaparão. Mas vocês, irmãos, não estão nas trevas, para que esse dia os surpreenda (4) como ladrão.” 1.O Dia do Senhor ocorrerá quando o mundo estiver em paz e se sentir seguro 2.O Dia do Senhor destruirá os ímpios subitamente 3.O Dia do Senhor não surpreenderá o crente 2Ts 2.2 “que não se deixem abalar nem alarmar...quer por profecia, quer por palavra, quer por carta supostamente vinda de nós, como se o dia do Senhor já tivesse chegado.” “quer por profecia” - alguns querem adivinhar o dia da vinda de Jesus. “quer por palavra” - ensinavam que os sinais da volta de Cristo já haviam começado; “quer por carta” - refere-se a alguma carta supostamente atribuída a ele.
  46. 46. 1Ts 2.3 “NÃO DEIXEM QUE NINGUÉM OS ENGANE DE MODO ALGUM. Antes daquele dia virá a apostasia e, então, será revelado o homem do pecado, o filho da perdição.” Jesus não voltará até que venha a apostasia (rejeição/afastamento da fé Cristã). O Dia do Senhor já chegou? NÃO 1º A apostasia = rebelião contra Deus 2º O homem da iniquidade: rebelde, ambicioso e poderoso Iniquidade: Tornar normal o que é pecado, não sentir culpa pelo pecado cometido; de tanto cometer o mesmo pecado a pessoa não se arrepende, acha que é normal. 1Ts 2.9 “A vinda desse perverso é segundo a ação de Satanás, com todo o poder, com sinais e com maravilhas enganadoras.” Satanás é quem estará agindo para enviar o “perverso” Como será este homem que tem “todo o poder”, HOMEM DO PECADO / HOMEM PERVERSO / HOMEM DA INIQUIDADE / FILHO DA PERDIÇÃO / O ENGANADOR / O ANTICRISTO?
  47. 47. 1Ts 2.4 “Ele será contra tudo o que as pessoas adoram e contra tudo o que elas acham que é divino (1). Ele vai se colocar acima de todos e até mesmo vai entrar e sentar-se no Templo de Deus (2)e afirmar que é Deus(3)!” (NTLH) REBELDE - Homem que se opõe contra Deus (1). PODEROSO - Homem que se assentará no trono de Deus (2) ??? AMBICIOSO - Homem que ambiciona ser igual a Deus (3). HOMEM DA INIQUIDADE HOMEM PERVERSO ANTICRISTO CUIDADO - 2Jo 7 “De fato, muitos enganadores têm saído pelo mundo, os quais não confessam que Jesus Cristo veio em corpo. Tal é o enganador e o anticristo.”
  48. 48. 1Tm 2.1,2,8 “Antes de tudo, recomendo que se façam súplicas, orações, intercessões e ação de graças por todos os homens; pelos reis(1) e por todos os que exercem autoridade, para que tenhamos uma vida tranquila e pacífica, com toda a piedade e dignidade... Quero, pois, que os homens orem em todo lugar, levantando mãos (levantavam as palmas das mãos para o céu, como fazem aqueles que desejam ajuda) santas, sem ira e sem discussões.” 22 FALANDO COM DEUS: 1. Com súplicas: são petições feitas a Deus por nossas necessidades 2. Em oração: é diálogo pessoal com Deus para agradecer, pedir orientação... 3. Com intercessões: são petições feitas a Deus em favor dos outros. 4. Com ações de graças: são orações de gratidão pelo que Deus tem feito por nós. 5. Pedindo perdão a Deus para os nossos pecados 6. Reafirmando o compromisso com Deus em fazer a sua vontade e não a nossa vontade. (1) Nessa época, Nero era o imperador, responsável pela prisão e morte de Paulo, como também de enviar o apóstolo João para a ilha de Patmos. As intercessões devem ser feitas tanto por governantes ruins quanto por bons.
  49. 49.  O HUMOR tem origem no corpo, distúrbios de humor estão relacionados a desequilíbrios químicos no cérebro, a níveis altos e baixos de certos neurotransmissores A depressão é classificada como um transtorno de humor.  A FELICIDADE é determinada socialmente, por ex., para os ocidentais, cuja sociedade é consumista, ser feliz é ter coisas, fama, popularidade,... A sociedade determina um padrão e muitos tem isto como propósito de vida. A felicidade não depende do que nos falta, mas do bom uso do que Deus nos dá.  A ALEGRIA é determinada espiritualmente e é alcançada pela relação com Deus. O plano de Deus para que alcancemos as bênçãos espirituais, uma delas a alegria, é termos um relacionamento com Ele e como propósito, sentido da vida, viver para agradá-lo:  Obedecer a Deus (Sl 19.8 “Os preceitos do Senhor são justos, e dão alegria ao coração.”)  A alegria em realizar o que Deus espera de nós e em sua obra (Sl 92.4 “Tu me alegras, Senhor, com os teus feitos; as obras das tuas mãos levam-me a cantar de alegria.”). Evangelho da felicidade (teologia da prosperidade) x evangelho da alegria (o de Jesus Cristo) 23 A FELICIDADE VEM DE SERES HUMANOS, A ALEGRIA DE DEUS. 49
  50. 50. Note que a alegria de Paulo está atrelada ou ao evangelho, ou a Deus ou aos irmãos na fé: 1. Fp 1.4,5 “...sempre oro com alegria. por causa da cooperação ...ao evangelho” 2. Fp 1.18 “...Cristo está sendo pregado, e por isso me alegro...continuarei a alegrar-me,” 3. Fp. 1.25 “... Vou...continuar com todos vocês, para o seu progresso e alegria na fé,” 4. Fp. 2.2 “completem a minha alegria, tendo o mesmo modo de pensar...” 5. 2.17,18 “...o serviço que provém da fé que vocês têm, o sacrifício que oferecem a Deus, estou alegre e me regozijo com todos vocês. Estejam vocês também alegres...” 6. Fp 2.28,29 “...ficou doente e quase morreu...logo o enviarei, para que, quando o virem... fiquem alegres e eu tenha menos tristeza...o recebam no Senhor com grande alegria...” 7. Fp 3.1; 4.4 “Finalmente, meus irmãos, alegrem-se no Senhor...” 8. Fp 4.1 “...meus irmãos, a quem amo...tenho saudade, vocês que são a minha alegria...” 9. Fp 4.10 “Alegro-me...no Senhor, porque...vocês renovaram o seu interesse por mim...” Paulo não fez da alegria um propósito, um objetivo de vida, mas uma decorrência relacional. Sl 16.8,9 “Sempre tenho o Senhor diante de mim...Por isso o meu coração se alegra...” A alegria é um sentimento que demonstra o prazer de viver. 50
  51. 51. Desde de que o homem se afastou de Deus os sinais dos últimos dias passaram a existir. Paulo lista uma série de desvios do caráter biblico 2Tm 3.1-5 “...nos últimos dias sobrevirão tempos terríveis. Os homens serão egoístas, avarentos, presunçosos, arrogantes, blasfemos, desobedientes aos pais, ingratos, ímpios, sem amor pela família, irreconciliáveis, caluniadores, sem domínio próprio, cruéis, inimigos do bem, traidores, precipitados, soberbos, mais amantes dos prazeres do que amigos de Deus, tendo aparência de piedade, mas negando o seu poder. Afaste-se também destes.” Uma maneira de se distanciar das tentações é não conviver com elas. Deve se “afastar destes”, note que não trata de se isolar num mosteiro, numa comunidade… 1. EGOÍSTAS – só pensam em si mesmos 2. AVARENTOS – apegados ao dinheiro 3. PRESUNÇOSOS – eu me basto, se julgam melhores que os outros 4. ARROGANTES – se consideram superiores aos outros 5. BLASFEMOS – falam mal de Deus e do Evangelho 6. DESOBEDIENTES AOS PAIS – não há respeito no lar 24 DESVIOS DO CARÁTER BÍBLICO
  52. 52. 7. INGRATOS – recebem tudo como se lhes fosse devido 8. ÍMPIOS – que são contrários a Deus e sua Lei, injustos 9. SEM AMOR PELA FAMÍLIA– desafeiçoados, não cuidam dos parentes 10. IRRECONCILIÁVEIS – guardam mágoa, não perdoam 11. CALUNIADORES – difamam as pessoas 12. SEM DOMÍNIO PRÓPRIO – sem autocontrole, intempestivos 13. CRUÉIS – tem prazer em causar sofrimento 14. INIMIGOS DO BEM – fazem de tudo para prejudicar os outros 15. TRAIDORES – sem palavra, infiéis 16. PRECIPITADOS – agem sem pensar nas consequências 17. ORGULHOSOS – tem um conceito exagerado de si mesmo (orgull) 18. AMANTES DOS PRAZERES – suas vidas se resumem em obter prazer em tudo
  53. 53. 25 FINALIDADE DA ESCRITURA 2Tm 3.16,17 “Toda a Escritura é inspirada por Deus e útil para o ensino (1), para a repreensão (2), para a correção (3) e para a instrução na justiça (4), para que o homem de Deus seja apto e plenamente preparado para toda boa obra.(5)” (1) ENSINO – dizendo-me coisas que não sabia antes. (2) REPREENSÃO – para mostrar que não vivo aquilo que acredito. (3) CORREÇÃO – corrigir as formas confusas de pensar e me comportar. (4) INSTRUÇÃO NA JUSTIÇA – treinar na integridade mostrando uma nova forma de ser verdadeiramente humano. (5) PREPARADO – capacitado para evangelizar e realizar obras de amor ao próximo 2Tm 4.2 “Pregue a palavra (1), esteja preparado a tempo (for solicitado) e fora de tempo (houver oportunidade), repreenda (2), corrija (3), exorte (4) com toda a paciência e doutrina.”
  54. 54. Declaração Doutrinária da Convenção Batista BrasilEIRA I - Escrituras Sagradas  A Bíblia é a Palavra de Deus em linguagem humana.  É o registro da revelação que Deus fez de si mesmo aos homens.  Sendo Deus seu verdadeiro autor, foi escrita por homens inspirados e dirigidos pelo Espírito Santo.  Tem por finalidade revelar os propósitos de Deus, levar os pecadores à salvação, edificar os crentes e promover a glória de Deus.  Seu conteúdo é a verdade, sem mescla de erro, e por isso é um perfeito tesouro de instrução divina.  Revela o destino final do mundo e os critérios pelo qual Deus julgará todos os homens.  A Bíblia é a autoridade única em matéria de religião, fiel padrão pelo qual devem ser aferidas as doutrinas e a conduta dos homens.  Ela deve ser interpretada sempre à luz da pessoa e dos ensinos de Jesus Cristo.
  55. 55. 26 AMAR O MUNDO 2Tm 4.9,10 “Procure vir logo...pois Demas, amando este mundo, abandonou-me e foi para Tessalônica...” Demas (popular) é mencionado por Paulo como um de seus cooperadores e, talvez, interesses pessoais o motivaram a ir para Tessalônica (talvez fosse tessalonicense). Col 4.14 "Lucas, o médico amado, e Demas, enviam saudações." Fl 1.24 “Marcos, Aristarco, Demas e Lucas, meus cooperadores." O mundo é um SISTEMA de valores, ideologias e comportamentos influenciados por satanás e, portanto, contrário a Jesus, assim amar o mundo é: 1. Optar por este SISTEMA. 2. Deixar ser dominado pelo SISTEMA e isso lhe impedir de crescer em santidade. 3. É ceder às ofertas, ou dificuldades, do SISTEMA, assim o texto poderia ser lido: "Demas me abandonou escolhendo fazer o que lhe agradava, ou por temor.“
  56. 56. 27 QUEM ÉRAMOS, QUEM NOS TRANSFORMOU E AGORA QUEM SOMOS. Tt 3.3-5 “Houve tempo em que nós também éramos insensatos e desobedientes, vivíamos enganados e escravizados por toda espécie de paixões e prazeres. Vivíamos na maldade e na inveja, sendo detestáveis e odiando-nos uns aos outros. (quem éramos) Mas quando se manifestaram a bondade e o amor pelos homens da parte de Deus, nosso Salvador, (quem nos transformou) não por causa de atos de justiça por nós praticados, mas devido à sua misericórdia, ele nos salvou pelo lavar regenerador e renovador do Espírito Santo, que ele derramou sobre nós generosamente, por meio de Jesus Cristo, nosso Salvador. Ele o fez a fim de que, justificados por sua graça, nos tornemos seus herdeiros, tendo a esperança da vida eterna. (quem somos)” A mudança de comportamento não é uma questão de resolução pessoal (I can), mas é pela ação do Espírito Santo.
  57. 57. 28 Tt 1.6-9 - O CARÁTER DO LÍDER – pastor, ministro, diácono, professor … 1. Irrepreensível – não se acha em sua conduta algo que mereça repreensão ou censura que o coloque em descrédito. 2. Marido de uma só mulher – fidelidade conjugal 3. Não orgulhoso – ser humilde, não se considera autosuficiente “eu me basto” 4. Não é briguento – não incita a contenda 5. Não é apegado ao vinho – não é dominado pelo álcool 6. Não é violento – ver tabela 7. Nem ávido (muito desejoso) por lucros desonestos PARTILHA 19: Há diferença entre lucro e negócio desonestos? Ex: maximizar lucros em detrimento da qualidade, lucrar sem produzir nada, honesto x ético, explorar o operário (pago o que todos pagam), agiotagem…
  58. 58. 8. Hospitaleiro – ex. Acolher refugiados, visitantes… 9. Amigo do bem – optar pelas coisas boas e relacionamentos saudáveis 10. Sensato – se comporta e pensa de modo cauteloso, com bom senso, equilibrado 11. Justo – pratica o que é certo sob a ótica de Deus; rejeita o pecado 12. Consagrado – dedicado ao trabalho de Deus. 13. Tem domínio próprio – tem autocontrole, não é intempestivo 14. Apegado firmemente à mensagem fiel, da maneira como foi ensinada E OS FILHOS DO LÍDER DEVEM SER: 15. Crentes – crêem em Jesus e manifestam a sua crença religiosa. 16. Não sejam libertinos – respeitam limites e regras e usam a liberdade para não pecar. 17. Não sejam insubmissos – obedientes à palavra de Deus
  59. 59. 59 Tipos de violência Atos de violência Violência física •Golpes •Ferimentos •Submissões físicas (puxões, empurrões, imobilização, etc.) Violência psicológica •Ameaças •Humilhações •Intimidações Violência moral •Difamações •Calúnias •Chantagens Violência econômica Subtração de bens ou imposição de dependência econômica •Retenção de bens ou capital •Roubo •Furto •Sovinice Violência social Repressão ou opressão de grupos minoritários •Discriminação •Segregação •Intolerância Violência sexual Imposição de cunho sexual sem consentimento •Abusos •Assédio •Estupro •Exposição da ou à nudez •Prática de atos sexuais indesejados
  60. 60.  Sobre líderes que não respeitam a orientação pastoral nem os ensinamentos da Palavra e têm um discurso envolvente que engana pela eloquência. 1.10 “Pois há muitos insubordinados, que não passam de faladores e enganadores, especialmente os do grupo da circuncisão.”  Líderes que não se preocupam com a essência do evangelho, mas com seu próprio entendimento, prejudicando financeiramente famílias, tudo por dinheiro. 1.11 “É necessário que eles sejam silenciados, pois estão arruinando famílias inteiras, ensinando coisas que não devem, e tudo por ganância.”  Paulo critica os líderes que se apoiam no legalismo judaico acrescido de praticas ascéticas (proibições e regras limitantes) 1.15 “Para os puros, todas as coisas são puras; mas para os impuros e descrentes, nada é puro. De fato, tanto a mente como a consciência deles estão corrompidas.” PARTILHA 20: Vc acha que tudo o que a sociedade oferece é impuro, que foi adulterado, ou está contaminado pelo pecado e deve ser rejeitado?
  61. 61. CARTAS DEPAULO EBD - ESCOLA BÍBLICA DISCIPULADORA – 2022 – 2º SEMESTRE - Facilitador Francisco Tudela 22 PARTILHAS SUGERIDAS, POSTADAS NO GRUPO WHATSAPP
  62. 62. PARTILHA 1 : Qual é a sua causa? Saúde, família, sustento (trabalho), estudo, igreja... PARTILHA 2 : Somos pecadores e vc percebe que fez uma ação como uma das 20 abaixo descritas, quais serão seus passos para corrigi-la? Rm 1.29-31 “Tornaram-se cheios de toda sorte de injustiça, maldade, ganância e depravação... inveja, homicídio, rivalidades, engano e malícia. São bisbilhoteiros, caluniadores, inimigos de Deus, insolentes, arrogantes e presunçosos; inventam maneiras de praticar o mal; desobedecem a seus pais; são insensatos, desleais, sem amor pela família, implacáveis.” PARTILHA 3: Se alguém da família (cônjuge, filho, parente), do trabalho (colega, chefe), da igreja (irmão, líder) for “um vaso para uso desonroso”, qual será a sua reação em relação: a) A Deus – questionará por que faz essas coisas? b) A sua fé – questionará como isto contribui para “o bem daqueles que O amam”? c) A pessoa - se afastará, aceitará como ela é, tentará mudá-la, a discriminará, ...? d) Ao convívio com ela - será agressivo, contestador, mal-humorado, grosseiro...?
  63. 63. PARTILHA 4 Você acha que aquele que dá mais dízimos e ofertas recebe mais bênçãos materiais de Deus? Justifique biblicamente. PARTILHA 5 Você acha que Deus abençoa a: A. Quem não crê em Deus? B. Quem crê em outros deuses? C. Só quem crê em Deus? D. Quem nunca ouviu falar de Deus? Se sim diga como e por quê? PARTILHA 6 - Tema: Se antes os escravizados eram propriedade de um senhor, hoje é a vulnerabilidade socioeconômica que leva os trabalhadores a situações de dominação e exploração. Partilha 7 – Tema: Quando se trata do “ide e pregai”, os fins justificam os meios?
  64. 64. Partilha 8: A) O que tem mais valor para Deus, o trabalho sagrado ou o secular? B) Justifique seu entendimento para cada afirmação a seguir: 1. Um missionário se “sacrifica” por estar em uma terra distante e por isso agrada mais a Deus do que o cristão que “apenas” congrega na igreja. 2. Um pastor está num nível espiritual inalcançável. 3. Um crente fiel não pode se divertir, pois todo o investimento de tempo e dinheiro deve ser aplicado na igreja. 4. As obras que glorificam a Deus devem ser difíceis e dolorosas 5. O crente não deve ver beleza na arte se feita por não-cristãos. 6. Quem faz um curso de música o faz para unicamente participar no louvor da igreja. 7. Tendo um dom ou chamado não é necessário estudar em ambientes acadêmicos, pois Deus dará a capacitação necessária.
  65. 65. Partilha 9 – Tema: O que você entende por “um dia para o Senhor”? Partilha 10: Col 3.16 “Habite ricamente em vocês a palavra de Cristo; ensinem e aconselhem-se uns aos outros COM TODA A SABEDORIA, e cantem salmos, hinos e cânticos espirituais com gratidão a Deus em seus corações.” 1) Como adquirir “toda a sabedoria” para ensinar e aconselhar? 2) O que vc entende por cantar com gratidão a Deus? Partilha 11: ver próxima página Partilha 12: Tarefa: no link da reportagem do jornal espanhol El Pais, apontar os erros doutrinários, as heresias e as falhas de caráter, justificando com textos bíblicos: https://brasil.elpais.com/brasil/2018/02/23/opinion/1519395917_716577.html Partilha 13 – Escreva uma intercessão específica em favor do próximo presidente. Partilha 14 – 1Tm 4.8 “O exercício físico (renúncia ao prazer) é de pouco proveito.” Você acha o jejum um exercício físico de pouco proveito? Por quê? Partilha 15 – Você acha que a igreja deve cuidar dos idosos sem recurso familiar?
  66. 66. Partilha 11: A) Se vc tivesse a certeza de que Jesus voltará em uma semana, o que faria? 1) Pararia de trabalhar; 2) Arrumaria a casa, afinal jesus virá; 3) Doaria seus bens para a ABAPE, missões... Ser generoso antes tarde que nunca; 4) Aprender aramaico; 5) Evangelizar; 6) Cuidar dos desamparados; 7) Ir para a igreja e ficar louvando a Deus e estudando a bíblia; 8) Vender o carro e pagar todas as dívidas 9) Se reconciliar, pedir perdão e perdoar, etc... B) A QUE CONCLUSÃO VC CHEGA? PARTILHA 16: 2Tm 3.14 “Quanto a você, porém, permaneça (não entre na onda) nas coisas que aprendeu (das Escrituras). Entrando na onda.....vc acha que a Bíblia deve ser “atualizada”?
  67. 67. PARTILHA 17: 1Ts 4.2 “Pregue a palavra, esteja preparado a tempo e fora de tempo.” Vc está preparado a tempo (for solicitado) e fora de tempo (houver oportunidade) para pregar o Evangelho a quem não o conhece? O que lhe falta? PARTILHA 18: Como vc acha que a igreja deve discutir, à luz do Evangelho, os valores, ideologias e comportamentos que vão surgindo na sociedade? PARTILHA 19: Tt 1.7.b “nem ávido (muito desejoso) por lucro desonesto.” Há diferença entre lucro e negócio desonestos? (maximizar lucros, lucrar sem produzir, negócio honesto x negócio ético…) PARTILHA 20: Vc acha que tudo o que a sociedade oferece é impuro, que foi adulterado, ou está contaminado pelo pecado e deve ser rejeitado? PARTILHA 21: Como você tem praticado boas obras, como auxílio aos necessitados? PARTILHA 22: Vc acha que a Bíblia lhe é insuficiente? Há um certo “pastor” que acha a carta a Filemom insuficiente e que devemos olhar a Bíblia como uma revelação insuficiente de Deus.
  68. 68. BIBLIOGRAFIA 1. Bíblia NVI – Editora Vida – 2000 2. Comentário Bíblico do professor – Lawrence Richards – 3ª Ed. Vida - SP 3. Revista Compromisso - impressa pela Convicção Editora 4. Estudo Panorâmico da Bíblia –. Mears, Henrietta C.- SP: Editora Vida, 2006. 5. Comentário Bíblico Moody – Charles F Pfieffer – Ed. Batista Regular,2017 6. Comentário Bíblico Popular - MacDonald, Willian, SP, Ed. Mundo Cristão, 1ª, 2008 7. Comentário Bíblico NVI -. BRUCCE, F. F, SP, Ed. Vida, 1ª edição, 2008 8. Passo a Passo pelo AT – Wailon B & Tom H.- Ed. LifeWay Brasil – SP - 2004 9. Reflexões extraídas da World Wide Web 10. Bible Project 11. Programa ROTA 66 – Sayão, Luiz – Rádio transmundial 12. Declaração Doutrinária da Convenção Batista do Brasil Esta apresentação está disponível no site: www.escolabiblicavirtual.com.br 68

×