Professor: Jean Carlos Nunes da Paixão
Graduado em História
DEFINIÇÃO.....
 NOME DADO, partir do século XV, sob a liderança de
portugueses e espanhóis, um processo de intensa
global...
 Antecedentes.....
 1) Renascimento Cultural: movimento cultural que
criou uma nova visão de mundo no período. Contestou...
3) Renascimento Comercial:
Era necessário abastecer o comércio europeu, no
entanto a “única” rota conhecida era pelo mar
m...
4) O mundo antes do século XV
Para compreender o que foi a Expansão
Marítima Europeia, precisamos fazer um
exercício: imag...
O mundo conhecido.
 O mundo conhecido até o século XV compreendia a
Europa, Norte da África e parte do continente Asiátic...
O Oceano Atlântico era conhecido como “Mar Tenebroso” com
temperaturas escaldantes, povoado por monstros e outros perigos....
 Na época, acreditava-
-se que a Terra era
plana (semelhante ao
formato de um prato) e
que os navios, quando
chegavam ao ...
SINTETIZANDO
 CAUSAS:
 CRISE DO FEUDALISMO:
 RENASCIMENTO CULTURAL
 FORMAÇÃO DAS MONARQUIAS EUROPEIAS
ATRAVÉS DA ALI...
 O MUNDO CONHECIDO PELOS EUROPEUS SE
RESUMIA AO NORTE DA ÁFRICA, EUROPA E CO
CONTINENTE ASIÁTICO
 MUITAS EMBARCAÇÕES AO ...
Principais Causas
 “PRECOSSE” FORMAÇÃO POLÍTICA DE PORTUGAL
 GOSTO PELAS ESPECIARIAS, TÊMPEROS EM
GERAL, RARAS NA EUROPA...
 A BUSCA DE NOVOS “FIÉIS” PELA IGREJA
CATÓLICA QUE APOIOU, PRINCIPALMENTE APÓS
A REFORMA PROTESTANTE, A EXPANSÃO
MARÍTIMA...
NAVEGAÇÕES PORTUGUESAS
 OS PORTUGUESES EM BUSCA DE UM CAMINHO
ALTERNATIVO AS ÍNDIAS ORIENTAIS. PARA TAL
FEITO SE LANCARAM...
 O SUL DA ÁFRICA FOI CONTORNADO PELO
NAVEGADO BARTOLOMEU DIASÉM 1488. ANTES
DE TAL FEITO A REGIÃO ERA DENOMINADA
CABO DAS...
 EM 20 DE MAIO DE 1498 VASCO DA GAMA CHEGA
AS ÍNDIAS ORIENTAIS.
 NA SUA VOLTA DE PARA PORTUGAL O LUCRO DE
SUA VIAGEM CHE...
 EM 22 DE ABRIL DE 1500 PEDRO ALVARES CABRAL
CHEGOU AO NORDESTE BRASILEIRO.
 NO CAMPO HISTORIOGRÁFICO EXISTEM DUAS
VERSÕ...
IMAGEM DA CARTA DE PERO VAZ
DE CAMINHA
AS NAVEGAÇÕES ESPANHOLAS
 A ESPANHA ENTROU NAS GRANDES NAVEGAÇÕES
NO SÉCULO XV COM A SUA UNIFICAÇÃO
POLÍTICA APÓS A EXPUL...
Cristóvão Colombo
A DIVISÃO DO MUNDO ENTRE
PORTUGAL E ESPANHA
 Para dividir as terras conquistadas (Novo Mundo) entre Portugal e Espanha,
f...
Ingleses e Franceses
 O REI DA FRANÇA, FRANCISCO I, AFIRMOU QUE
“Gostaria de ver a cláusula do testamento de Adão que
me ...
Encorajados pelas conquistas dos portugueses e dos
espanhóis, lançaram-se ao mar.
 Muitas vezes, desrespeitaram o Tratado...
Diferenças entre Portugal e Espanha
na colonização do Novo mundo.
 Portugueses: fixavam-se no litoral das terras
conquist...
Expansão marítima européia
Expansão marítima européia
Expansão marítima européia
Expansão marítima européia
Expansão marítima européia
Expansão marítima européia
Expansão marítima européia
Expansão marítima européia
Expansão marítima européia
Expansão marítima européia
Expansão marítima européia
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Expansão marítima européia

513 visualizações

Publicada em

Slide sobre a Expansão marítima europeia, contendo as causas e as conquistas do Período.

Publicada em: Educação
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
513
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
129
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
24
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Expansão marítima européia

  1. 1. Professor: Jean Carlos Nunes da Paixão Graduado em História
  2. 2. DEFINIÇÃO.....  NOME DADO, partir do século XV, sob a liderança de portugueses e espanhóis, um processo de intensa globalização, cujo objetivo principal era descobrir uma nova rota de comércio para se chegar as Índias, principal fonte de ESPECIARIAS da época.  Especiarias eram os principais produtos cobiçados da época, escassos na Europa, como cravo, açúcar, pimenta, entre outros.
  3. 3.  Antecedentes.....  1) Renascimento Cultural: movimento cultural que criou uma nova visão de mundo no período. Contestou as tradições medievais ( Teocentrismo) inspirados na Cultura clássica. O homem passou a ser considerado o “centro da produção de conhecimento”.  2)Crise do feudalismo: - A economia feudal estava em decadência;  CRUZADAS: tentativa de conquistar terras no oriente médio pelos europeus fracassadas. No entanto neste período a Europa conheceu as chamadas “especiarias”.
  4. 4. 3) Renascimento Comercial: Era necessário abastecer o comércio europeu, no entanto a “única” rota conhecida era pelo mar mediterrâneo. Este caminho era controlado pelos comerciantes italianos, principalmente das cidades de Veneza e Gênova.
  5. 5. 4) O mundo antes do século XV Para compreender o que foi a Expansão Marítima Europeia, precisamos fazer um exercício: imaginar o mundo sem telefone, internet, televisão ou qualquer outra forma de comunicação imediata que conhecemos. Com isso em mente, vamos estudar o que os europeus do século XV sabiam sobre o mundo e o que passaram a conhecer com a Expansão Marítima
  6. 6. O mundo conhecido.  O mundo conhecido até o século XV compreendia a Europa, Norte da África e parte do continente Asiático.
  7. 7. O Oceano Atlântico era conhecido como “Mar Tenebroso” com temperaturas escaldantes, povoado por monstros e outros perigos. Para um europeu sem instrução, o que você acha que as imagens transmitiam? http://www.consciencia.org/grandes-navegacoes Imagem: Xilogravura de St. Brendan celebrando uma missa no corpo de um monstro marinho, século 15 / autor desconhecido / United States Public Domain. Imagem: Nau de Rui Vaz Pereira levantada por um monstro marinho / Victorcouto / Public domain.
  8. 8.  Na época, acreditava- -se que a Terra era plana (semelhante ao formato de um prato) e que os navios, quando chegavam ao fim do mundo (na linha do horizonte), caíam em um abismo sem fim.
  9. 9. SINTETIZANDO  CAUSAS:  CRISE DO FEUDALISMO:  RENASCIMENTO CULTURAL  FORMAÇÃO DAS MONARQUIAS EUROPEIAS ATRAVÉS DA ALIANÇA REI + BURGUESIA= A BURGUESIA PAGAVA IMPOSTOS AO REI QUE EM TROCA CRIAVA EXÉRCITOS, UNIFICAVA OS IMPOSTOS E O SISTEMA MONETÁRIO.   NA IDADE MÉDIA CADA SENHOR FEUDAL PODIA COBRAR IMPOSTOS, O QUE ERA UM EMPECILHO A ATIVIDADE COMERCIAL.
  10. 10.  O MUNDO CONHECIDO PELOS EUROPEUS SE RESUMIA AO NORTE DA ÁFRICA, EUROPA E CO CONTINENTE ASIÁTICO  MUITAS EMBARCAÇÕES AO SE AVENTURAREM MAR ABERTO,POR SEREM FRÁGEIS, NÃO RETORNAVAM E DISSEMINOU-SE INÚMERAS EXPLICAÇÕES. ERA ATRIBUÍDO AOS “MONSTROS” DO MAR, AO “ABISMO” DO FIM DO MUNDO ENTRE OUTROS.
  11. 11. Principais Causas  “PRECOSSE” FORMAÇÃO POLÍTICA DE PORTUGAL  GOSTO PELAS ESPECIARIAS, TÊMPEROS EM GERAL, RARAS NA EUROPA NO PERÍODO. ERAM ADQUIRIDAS SOMENTE ATRAVÉS DO COMERCIO COM O ORIENTE.  O MONOPÓLIO DOS ITALIANOS E ÁRABES SOBRE O ROTA DO MEDITERRÂNEO. OS COMERCIANTES ITALIANOS COBRAVAM IMPOSTOS SOBRE AS MERCADORIAS
  12. 12.  A BUSCA DE NOVOS “FIÉIS” PELA IGREJA CATÓLICA QUE APOIOU, PRINCIPALMENTE APÓS A REFORMA PROTESTANTE, A EXPANSÃO MARÍTIMA EUROPEIA.
  13. 13. NAVEGAÇÕES PORTUGUESAS  OS PORTUGUESES EM BUSCA DE UM CAMINHO ALTERNATIVO AS ÍNDIAS ORIENTAIS. PARA TAL FEITO SE LANCARAM NO OCEANO ATLÂNTICO NAVEGANDO PELO CHAMADO PÉRIPLO AFRICANO( NOME DADO A COSTA OCIDENTAL DA ÁFRICA).  EM 1415 CONSEGUIRAM CONQUISTAR CELTA, UMA CIDADE DO NORTE DA ÁFRICA.
  14. 14.  O SUL DA ÁFRICA FOI CONTORNADO PELO NAVEGADO BARTOLOMEU DIASÉM 1488. ANTES DE TAL FEITO A REGIÃO ERA DENOMINADA CABO DAS TORMENTAS PASSANDO POSTERIOMENTE A SER DESIGNADO COMO CABO DA BOA ESPERANÇA.
  15. 15.  EM 20 DE MAIO DE 1498 VASCO DA GAMA CHEGA AS ÍNDIAS ORIENTAIS.  NA SUA VOLTA DE PARA PORTUGAL O LUCRO DE SUA VIAGEM CHEGOU A 6.000%.  APÓS QUASE UM SÉCULO DE NAVEGAÇÃO NO PÉRRIPLO AFRICANOS OS PORTUGUESES FINALMENTE CONSEGUIRAM CHEGAR AS ÍNDIAS ORIENTAIS, PRINCIPAL FONTE DE ESPECIARIAS.
  16. 16.  EM 22 DE ABRIL DE 1500 PEDRO ALVARES CABRAL CHEGOU AO NORDESTE BRASILEIRO.  NO CAMPO HISTORIOGRÁFICO EXISTEM DUAS VERSÕES SOBRE O FATO:  CAUSUALIDADE: CABRAL TERIA CHEGADO CASUALMENTE DEVIDO A UM ERRO NA ROTA OCASIONADO POR UMA TEMPESTADE .  INTENCIONALIDADE: OS PORTUGUESES JÁ TERIAM CONHECIMENTO DAS TERRAS AMÉRICANAS E CABRAL VEIO APENAS CONFIRMAR. UMA PROVA DISSO É A ASSINATURA DO TRATADO DE TORDESILHAS. PORTUGAL SABIA QUE A 370 LÉGAS ... EXISTIA TERRITÓRIO INEXPLORADO.  A PRINCIPAL FONTE SOBRE A CHEGADA DE CABRAL É A CARTA DE PERO VAZ DE CAMINHA.
  17. 17. IMAGEM DA CARTA DE PERO VAZ DE CAMINHA
  18. 18. AS NAVEGAÇÕES ESPANHOLAS  A ESPANHA ENTROU NAS GRANDES NAVEGAÇÕES NO SÉCULO XV COM A SUA UNIFICAÇÃO POLÍTICA APÓS A EXPULSÃO DO MOUROS.  OS PRINCIPAIS NOMES QUE REPRESENTARAM A ESPANHA NESTE PERÍODO FORAM:  1492 – Colombo chegou a América.  1519 – Fernão de Magalhães – Iniciou a primeira viagem em torno do mundo – circunavegação – no entanto morreu durante a viagem, completada por Sebastião Del Cano
  19. 19. Cristóvão Colombo
  20. 20. A DIVISÃO DO MUNDO ENTRE PORTUGAL E ESPANHA  Para dividir as terras conquistadas (Novo Mundo) entre Portugal e Espanha, foram criados dois documentos:  1479 – Tratado de Alcáçovas - que garantia a Portugal a posse de todas as ilhas do Oceano Atlântico  Bula Intercoetera: foi assinada em 1493, pelo papa Alexandre VI, e dividia as novas terras através de um meridiano situado a 100 léguas da ilha de Cabo Verde. Portugal não se beneficiava com esta divisão, e exigiu um novo documento.  Tratado de Tordesilhas: foi assinado em 1494, por pressões de Portugal. Estabelecia um meridiano situado a 370 léguas a partir da ilha de CaboVerde.  Tratado de Saragoças: Assinado em 1529, definia as áreas de influência luso- espanholas no continente asiático.  Estes documentos foram questionados por outros países europeus que não participaram desta divisão
  21. 21. Ingleses e Franceses  O REI DA FRANÇA, FRANCISCO I, AFIRMOU QUE “Gostaria de ver a cláusula do testamento de Adão que me afastou da partilha do mundo”. NOTA-SE QUE SEU OBJETIVO NÃO ERA DE RESPEITAR AS DETERMINAÇOES DO TRATADO DE TORDESILHAS.
  22. 22. Encorajados pelas conquistas dos portugueses e dos espanhóis, lançaram-se ao mar.  Muitas vezes, desrespeitaram o Tratado de Tordesilhas o que gerou muitos conflitos.  Chegaram em muitas terras da América do Norte, mas a importância da França e da Inglaterra no processo de colonização só cresceu no século XVII spanhóis, lançaram-se ao mar.  Muitas vezes, desrespeitaram o Tratado de Tordesilhas o que gerou muitos conflitos.  Chegaram em muitas terras da América do Norte, mas a importância da França e da Inglaterra no processo de colonização só cresceu no século XVII
  23. 23. Diferenças entre Portugal e Espanha na colonização do Novo mundo.  Portugueses: fixavam-se no litoral das terras conquistadas. A mão de obra usada primeiramente os índios, em seguida, devido ao lucro utilizaram os escravos africanos  Espanhóis: procuravam explorar o interior. Assim, com o trabalho forçado da população nativa conseguiram explorar minas de ouro e prata para enriquecer a metrópole.  A Espanha conquistou a supremacia europeia

×