Aula 09 história do design gráfico

521 visualizações

Publicada em

História do Design.

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
521
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
30
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Aula 09 história do design gráfico

  1. 1. HISTÓRIA DO DESIGN GRÁFICO Prof. Ms. Elizeu N. Silva
  2. 2. A década de 1970 se destaca pelo design corporativo e pelas capas de disco e cartazes de espetáculos. O primeiro, turbinado pelo crescimento econômico e pelo surgimento de empresas públicas das mais diversas áreas. Para os segundos a explicação é mais complexa: vigorava o regime repressivo da ditadura militar implantada no país desde 1964. Vivia-se o auge da repressão, mas paradoxalmente a produção cultural aflorava com vigor e criatividade.
  3. 3. O escritório de Aloísio Magalhães (PVDI – Programação Visual Desenho Industrial) domina o cenário do design corporativo, com sólidos negócios com o gmoilvitearrn. o O PVDI foi responsável pelo desenvolvimento das cédulas do cruzeiro, que começaram a circular em 1970. O próprio Aloísio chegou a ocupar cargo no governo equivalente ao de Ministro da Cultura.
  4. 4. Banco Nacional
  5. 5. Em São Paulo Cauduro Martino cumpria o papel de formador de designers e centro da produção de maior destaque da época. Em boa parte das produções, preferia a família de tipos Univers devido à legibilidade e facilidade de aplicação.
  6. 6. O alemão Hans Donner chega ao Brasil como recém formado e logo inicia um longo vínculo com a TV Globo – à época, uma jovem emissora com 20 anos de existência. Com uma proposta de tridimensionalidade, Donner cria um logotipo para a Globo que se transforma em sucesso imediato.
  7. 7. O tropicalismo representou ousadia e experimentação também no design das capas de disco. As capas expressam discursos gráficos inovadores e criativos a ponto de se tornarem um ponto alto no design da época. Um dos caminhos experimentados foi o dos recortes fotográficos, objetivando acentuar a sensualidade.
  8. 8. O disco “Transa”, de Caetano Veloso, inaugura o conceito de “discobjeto”, conforme descrito nos créditos. Ao ser aberta, a capa se transforma em um prisma que mais parece arte conceitual. A descrição do disco diz que “transa é uma coisa mental”.
  9. 9. Referências MELO, Chico Homem; RAMOS, Elaine (Orgs.) Linha do tempo do design gráfico no Brasil. Ed. Cosac Naify, São Paulo, 2011

×