7aula vestibular - filosofia

355 visualizações

Publicada em

Aulas de Filosofia do Programa Maranhão Profissional - Coordenador URE São João dos Patos: Walter Alencar de Sousa

Publicada em: Educação
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
355
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
31
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
6
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

7aula vestibular - filosofia

  1. 1. 1
  2. 2. Etapa Pré -Vestibular FILOSOFIA ANTROPOLOGIA FILOSÓFICA 2 Coordenador Regional: Walter Alencar de Sousa maranhaoprofissionaluresjp.blogspot.com
  3. 3. Etapa Pré -Vestibular A palavra Antropologia – dois termos gregos antropos (humano, ou homem) + logos (pensamento ou razão). É a ciência que estuda o homem, as implicações e características de sua evolução física (Antropologia Biológica), social (Antropologia Social), ou cultural (Antropologia Cultural). Antropologia Cultural – estudo da evolução dos costumes, linguagens e crenças de diversas Coordenador Regional: Walter Alencar de Sousa sociedades. maranhaoprofissionaluresjp.blogspot.com 3 Prof.º Flaviano Menezes
  4. 4. Etapa Pré -Vestibular Manifestação dos hábitos, rotinas ou costumes de um povo. Caracteriza-se por: - Não depende do grau de processo de racionalização do grupo social para se fazer presente; - Os mitos e as crenças sempre estão presentes; - Diversas classes sociais podem ser orientadas por uma mesma cultura. E esta pode ser interpretada de diversas formas. Prof.º Flaviano Menezes Coordenador Regional: Walter Alencar de Sousa maranhaoprofissionaluresjp.blogspot.com 4
  5. 5. Etapa Pré -Vestibular No plano artístico e científico tem-se a distinção de cultura erudita (elite) e cultura popular (ingênua). Cultura popular - cultura não oficial do povo comum. É a cultura popular. Cultura erudita – desenvolvida por uma elite social. Seus produtores fazem parte de uma elite econômica, política e cultural que pode ter associado a escrita, aos livros e discurso os seus pontos-de-vista. Prof.º Flaviano Menezes 5 Coordenador Regional: Walter Alencar de Sousa maranhaoprofissionaluresjp.blogspot.com
  6. 6. Etapa Pré -Vestibular Prof.º Flaviano Menezes Fonte: www.aen.pr.gov.br 6 Coordenador Regional: Walter Alencar de Sousa maranhaoprofissionaluresjp.blogspot.com
  7. 7. Etapa Pré -Vestibular Para alguns filósofos e sociólogos, não é possível pensar em cultura puramente popular ou puramente erudita. - É impossível definir a cultura erudita, porque os elementos culturais surgem de lugares diferentes; - Igualmente, é impossível dar à cultura popular um caráter único, consideradas as produções, classes sociais e a própria Industria popular. Prof.º Flaviano Menezes 7 Coordenador Regional: Walter Alencar de Sousa maranhaoprofissionaluresjp.blogspot.com
  8. 8. Etapa Pré -Vestibular Prof.º Flaviano Menezes 8 Coordenador Regional: Walter Alencar de Sousa maranhaoprofissionaluresjp.blogspot.com
  9. 9. Etapa Pré -Vestibular - A etimologia da palavra folclore nos leva à dois termos em inglês: Folk e lore, cujos significados são respectivamente: povo e conhecimento. - O dicionário Aurélio: “1.Conjunto das tradições, conhecimentos ou crenças populares expressas em provérbios, contos ou canções., (AURÉLIO, 2005). Prof.º Flaviano Menezes 9 Coordenador Regional: Walter Alencar de Sousa maranhaoprofissionaluresjp.blogspot.com
  10. 10. Etapa Pré -Vestibular - Características do folclore: - A espontaneidade; - O anonimato; - A oralidade - A tradicionalidade, de geração à geração; - A aceitação coletiva - A popularidade - na esfera popular. Prof.º Flaviano Menezes 10 Coordenador Regional: Walter Alencar de Sousa maranhaoprofissionaluresjp.blogspot.com
  11. 11. Etapa Pré -Vestibular Prof.º Flaviano Menezes 11 Coordenador Regional: Walter Alencar de Sousa maranhaoprofissionaluresjp.blogspot.com
  12. 12. Etapa Pré -Vestibular FILOSOFIA ANTROPOLOGIA FILOSÓFICA Linguagem e Pensamento 12 Coordenador Regional: Walter Alencar de Sousa maranhaoprofissionaluresjp.blogspot.com
  13. 13. Etapa Pré -Vestibular - O homem se HUMANIZA? - -0 homem tem a oportunidade de se humanizar ? - O homem é, inicialmente, um ser instintivo; - A ação instintiva é regida por leis biológicas, idênticas na espécie e invariáveis de indivíduo para indivíduo. Prof.º Flaviano Menezes 13 Coordenador Regional: Walter Alencar de Sousa maranhaoprofissionaluresjp.blogspot.com
  14. 14. Etapa Pré -Vestibular Porém, ao contrário da rigidez dos instintos dos outros animais, a resposta aos problemas dada pelo homem é uma resposta inteligente, pode nascer da IMPROVISAÇÃO pessoal e criativa Obs.: os animais possuem instinto, reflexo e estímulos , não um ato de inteligência. Prof.º Flaviano Menezes 14 Coordenador Regional: Walter Alencar de Sousa maranhaoprofissionaluresjp.blogspot.com
  15. 15. Etapa Pré -Vestibular No homem, o instinto acrescentado do Intelecto proporciona a EXPERIÊNCIA. Os animais não inventam um instrumento, não o aperfeiçoa, nem o conserva para uso posterior. Nos animais, o gesto útil não tem sequência. Prof.º Flaviano Menezes 15 Coordenador Regional: Walter Alencar de Sousa maranhaoprofissionaluresjp.blogspot.com
  16. 16. Etapa Pré -Vestibular Uma das principais características que comprova a evolução do homem com relação aos outros seres é a LINGUAGEM. - O homem é um ser que fala. - Os animais possuem linguagem chamamos de Linguagem Programada Biologicamente. Prof.º Flaviano Menezes 16 Coordenador Regional: Walter Alencar de Sousa maranhaoprofissionaluresjp.blogspot.com
  17. 17. Etapa Pré -Vestibular A linguagem é um instrumento, que nos permite pensar e comunicar o pensamento, estabelecer diálogos com nossos semelhantes e dar sentido a realidade que nos cerca. A linguagem é um sistema simbólico. O homem é o único animal capaz de criar símbolos. No momento em que damos nome a qualquer objeto da natureza, nós o diferenciamos do resto que o cerca; ele passa a existir para a nossa consciência. Prof.º Flaviano Menezes 17 Coordenador Regional: Walter Alencar de Sousa maranhaoprofissionaluresjp.blogspot.com
  18. 18. Etapa Pré -Vestibular No Conceito de um objeto temos a Extensão e a Compreensão. Ao número de "objetos" abrangidos pelo conceito chama-se EXTENSÃO. Imaginem a classe de objetos que esse mesmo conceito representa. (ex. Mamífero: ser humano, leão, cão, baleia...) Ás "qualidades específicas" contidas num conceito chamamos COMPREENSÃO. Serão as propriedades que definem esse mesmo conceito. Por exemplo, no termo mamífero: vertebrados + glândulas mamárias + alimentados a leite na primeira fase da vida... Prof.º Flaviano Menezes 18 Coordenador Regional: Walter Alencar de Sousa maranhaoprofissionaluresjp.blogspot.com
  19. 19. Etapa Pré -Vestibular O nome é o símbolo dos objetos que existem no mundo natural e das entidades abstratas que só têm existência no nosso pensamento (por exemplo, ações, estados ou qualidades como tristeza, beleza, liberdade). Toda linguagem é um sistema de signos. O signo é uma coisa que está em lugar de outra, sob algum aspecto. Por exemplo, o gesto de levantar o braço e abanar a mão pode estar no lugar de um cumprimento ou de um adeus; ele é signo dessas duas coisas. Coordenador Regional: Walter Alencar de Sousa maranhaoprofissionaluresjp.blogspot.com 19 rof.º Flaviano Menezes
  20. 20. Etapa Pré -Vestibular Amigos, leiam (em voz alta) o nome da cor com que cada palavra estar escrita. De cima para baixa, da esquerda para a direita. rof.º Flaviano Menezes 20 Coordenador Regional: Walter Alencar de Sousa maranhaoprofissionaluresjp.blogspot.com
  21. 21. Etapa Pré -Vestibular O símbolo nasce da relação arbitrária entre objetos e signos, regida simplesmente por convenção. Por isso, um mesmo símbolo pode ter diversos significados, dependendo do grupo social. Triângulo: símbolo com várias interpretações: luz, trevas e tempo; passado, presente e futuro; sabedoria, força e beleza; nascimento, vida e morte; liberdade, igualdade e fraternidade. rof.º Flaviano Menezes Tridente: É um símbolo sagrado nos rituais de fertilidade. Arma do deus grego Poseidon e instrumento de Lúcifer. 21 Coordenador Regional: Walter Alencar de Sousa maranhaoprofissionaluresjp.blogspot.com
  22. 22. Etapa Pré -Vestibular 1 - Ícones: são signos que mantém uma relação de analogia com o objeto representado. Ex: desenhos figurativos, fotos, filmes, imitações, caricaturas. 2 - Índices: são signos que mantém relações causais com os objetos ou ideias que eles representam. Ex: fumaça para indicar fogo, talheres para indicar restaurante, sorrisos para indicar alegria, lágrimas para indicar tristeza, etc. 3 - Símbolos: são signos cujos significados são derivados de convenções. Ex: foi convencionado que um triângulo na pista significa carro com Coordenador Regional: Walter Alencar de Sousa problemas. maranhaoprofissionaluresjp.blogspot.com 22 rof.º Flaviano Menezes
  23. 23. Etapa Pré -Vestibular Há diversos tipos de linguagens criados pelo homem. Das linguagens matemáticas, linguagens de computador, passam pelas línguas diversas, pelas linguagens artísticas e chegando às linguagens gestuais, da moda, espaciais, dentre outras. Será que todas essas linguagens se estruturam da mesma forma? Será que o repertório de signos e as regras de combinação e de uso desses signos são iguais? rof.º Flaviano Menezes Coordenador Regional: Walter Alencar de Sousa maranhaoprofissionaluresjp.blogspot.com 23
  24. 24. Etapa Pré -Vestibular 1 Na Internet, tornou-se popular o uso de "emoticons", signos usados para representar emoções, :-) é o "emoticon" usado para representar felicidade e :-( é o "emoticon" usado para representar tristeza. Indique o tipo de signo que é um "emoticon" e a relação entre o "emoticon" e a emoção que ele representa. a) índice - causa e efeito. b) ícone – semelhança. c) símbolo – arbitrária. d) ícone - causa e efeito. e) índice – semelhança. Prof.º Flaviano Menezes Coordenador Regional: Walter Alencar de Sousa maranhaoprofissionaluresjp.blogspot.com 24
  25. 25. Etapa Pré -Vestibular 2 - Em filosofia da linguagem, costuma-se distinguir entre a extensão e a compreensão de um termo ou categoria. Considere, então, as seguintes afirmações: I - A extensão do termo zebra é o conjunto das zebras. II - A compreensão do termo zebra é dada pelo conjunto das zebras. III - A compreensão do termo zebra é fornecida por um conjunto de propriedades, como "animal mamífero, quadrúpede, da família dos equídeos, de crina ereta e pelagem esbranquiçada listrada de negro ou marrom-escuro". Está(ão) correta(s) a) apenas I. b) apenas II. c) apenas III. d) apenas I e II. e) apenas I e III. . Prof.º Flaviano Menezes 25 Coordenador Regional: Walter Alencar de Sousa maranhaoprofissionaluresjp.blogspot.com
  26. 26. Etapa Pré -Vestibular Platão, no livro X de República: "Sempre que um determinado número de indivíduos tem um nome comum supomos que tenham também uma ideia ou forma correspondente" ( 2001, p. 596 ) Os aspecto genérico da linguagem. rof.º Flaviano Menezes 26 Coordenador Regional: Walter Alencar de Sousa maranhaoprofissionaluresjp.blogspot.com
  27. 27. Etapa Pré -Vestibular Platão, no diálogo Crátilo: O instrumento do falar é o nome. O nome oficial das coisas serve para fugirmos do relativismo na nominação das coisas (usar nomes de forma arbitrária). rof.º Flaviano Menezes 27 Coordenador Regional: Walter Alencar de Sousa maranhaoprofissionaluresjp.blogspot.com
  28. 28. Etapa Pré -Vestibular Platão, no diálogo Crátilo: O homem deve conhecer primeiro os seres para depois dar nomes a eles. Parece contraditório, mas confiar nos nomes para conhecer os seres pode nos levar a enganos e ilusões, já que a imitação não é sempre perfeita. Nem também se deve deixar de fazer a imitação, já que parece ser o único modo de construir a realidade. rof.º Flaviano Menezes 28 Coordenador Regional: Walter Alencar de Sousa maranhaoprofissionaluresjp.blogspot.com
  29. 29. Etapa Pré -Vestibular Aristóteles, em sua Metafísica: "E assim, poder-se-ia até levantar a questão de saber se as palavras caminhar, ter saúde, sentar , implicam que cada uma dessas coisas seja existente, e do mesmo modo em outros casos deste gênero; pois nenhuma delas subsiste por si própria nem é capaz de manter-se separada da substância mas, antes, se realmente é alguma coisa, é aquilo que anda, ou se senta ou é saudável que é uma coisa existente. Ora, tais palavras são tidas na conta de mais reais porque existe algo definido que lhes é subjacente” rof.º Flaviano Menezes Coordenador Regional: Walter Alencar de So2u9sa maranhaoprofissionaluresjp.blogspot.com
  30. 30. Etapa Pré -Vestibular Aristóteles, em sua Metafísica: Aristóteles parte do fato de que nunca usamos verbos a não ser em conexão com sujeitos, de que não dizemos "Senta", "Caminha" etc., mas, antes, "Ele está sentado" ou "Ela caminha". Deste fato conclui que as substâncias, as "coisas", têm uma espécie independente de existência que as ações não têm, que as substâncias são ontologicamente mais fundamentais do que as ações.” rof.º Flaviano Menezes 30 Coordenador Regional: Walter Alencar de Sousa maranhaoprofissionaluresjp.blogspot.com
  31. 31. Etapa Pré -Vestibular Aristóteles, em sua Metafísica: rof.º Flaviano Menezes 31 Coordenador Regional: Walter Alencar de Sousa maranhaoprofissionaluresjp.blogspot.com
  32. 32. Etapa Pré -Vestibular A lógica é o ramo da filosofia que trata das inferência, das proposições, das afirmações. É a tentativa de criação de critérios para distinguir as inferências válidas das inválidas. Inferência válida – é aquela na qual sempre que as premissas sejam verdadeiras a conclusão também o é, necessariamente. Prof.º Flaviano Menezes 32 Coordenador Regional: Walter Alencar de Sousa maranhaoprofissionaluresjp.blogspot.com
  33. 33. Etapa Pré -Vestibular Todo homem é mortal. 1ªpremissa Sócrates é homem. 2ª premissa Logo, Sócrates é mortal. Conclusão Todo homem é mortal. Sócrates é gordo. Logo, Sócrates é mortal. Faltou o Termo Médio que dialogasse com o primeiro. Este argumento é chamado de argumento lógico não válido. Só podemos concluir que Sócrates é gordo! Prof.º Flaviano Menezes 33 Coordenador Regional: Walter Alencar de Sousa maranhaoprofissionaluresjp.blogspot.com
  34. 34. Etapa Pré -Vestibular 1. João vende apólices de seguro em nossa cidade. João pertence ao Clube de pais da cidade. Portanto, João não só vende apólices de seguro em nossa cidade, como pertence ao Clube de pais da cidade. 1. 2. Alguém vende apólices de seguro em nossa cidade. Alguém pertence ao Clube de pais da cidade. Portanto, alguém vende apólices de seguro em nossa cidade e ao Clube de pais da cidade. Prof.º Flaviano Menezes 34 Coordenador Regional: Walter Alencar de Sousa maranhaoprofissionaluresjp.blogspot.com
  35. 35. Etapa Pré -Vestibular Ludwig Wittgenstein (1889-1951) - pensador do século XX (Filosofia Contemporânea). Em vida apenas editou uma obra “Tratado Lógico-Filosófico” (1921). 35 Coordenador Regional: Walter Alencar de Sousa maranhaoprofissionaluresjp.blogspot.com rof.º Flaviano Menezes http://filosofonet.wordpress.com
  36. 36. Etapa Pré -Vestibular A linguagem e os seus limites é o tema central do Tratado. Wittgenstein, Russell e outros filósofos seus contemporâneos estavam convencidos que que grande parte dos problemas da filosofia resultavam de um uso imperfeito da linguagem corrente, o que levava a frequentes confusões. rof.º Flaviano Menezes 36 Coordenador Regional: Walter Alencar de Sousa maranhaoprofissionaluresjp.blogspot.com

×