SlideShare uma empresa Scribd logo
CADERNO DE QUESTÕES
CADERNO DE QUESTÕES
o
N. DE ORDEM:

o
N. DE INSCRIÇÃO:

NOME DO CANDIDATO:

IINSTRUÇÕES PARA A REALIIZAÇÃO DA PROVA
NSTRUÇÕES PARA A REAL ZAÇÃO DA PROVA
o
o
1. Confira os campos N. DE ORDEM, N. DE INSCRIÇÃO e
NOME, que constam na etiqueta fixada em sua carteira.

2. Confira se o número do gabarito deste caderno
corresponde ao constante na etiqueta fixada em sua
carteira. Se houver divergência, avise, imediatamente, o
fiscal.
3. É proibido folhear o Caderno de Questões antes do
sinal, às 14 horas.
4. Após o sinal, confira se este caderno contém 40 questões
objetivas e/ou qualquer tipo de defeito. Qualquer
problema, avise, imediatamente, o fiscal.

9. Transcreva as respostas deste
caderno para a Folha de Respostas.
A resposta será a soma dos
números associados às alternativas
corretas. Para cada questão,
preencha sempre dois alvéolos: um
na coluna das dezenas e um na
coluna das unidades, conforme
exemplo ao lado: questão 13,
resposta 09 (soma das proposições
01 e 08).

5. Durante a realização da prova, é proibido o uso de
dicionário, de calculadora eletrônica, bem como a
consulta a qualquer material adicional. Também é
proibido o uso de boné, de relógio, de celulares, de bips,
de aparelhos de surdez, de MP3 player ou de aparelhos
similares.

10. Se desejar, transcreva as respostas deste caderno no
Rascunho para Anotação das Respostas constante
abaixo e destaque-o, para recebê-lo hoje, ao término da
prova, no horário das 19h15min às 19h30min, mediante
apresentação do documento de identificação. Após esse
período, não haverá devolução. O Caderno de Questões
não será devolvido.

6. A comunicação ou o trânsito de qualquer material entre
os candidatos são proibidos. A comunicação, se
necessária, somente poderá ser estabelecida por
intermédio dos fiscais.

11. Ao término da prova, levante o braço e aguarde
atendimento. Entregue ao fiscal este caderno, a Folha
de Respostas, o Rascunho para Anotação das
Respostas e o Caderno Versão Definitiva da Redação.

7. O tempo mínimo de permanência na sala é de 2 horas,
após o início da prova.

12. A desobediência a qualquer uma das determinações dos
fiscais poderá implicar a anulação da sua prova.

8. No tempo destinado a esta prova (5 horas), está incluído
o de preenchimento da Folha de Respostas.

13. São de responsabilidade única do participante a leitura e
a conferência de todas as informações contidas no
Caderno de Questões e na Folha de Respostas.

...........................................................................................................
Corte na linha pontilhada.

RASCUNHO PARA ANOTAÇÃO DAS RESPOSTAS -- PAS--UEM//2011 -- ETAPA 3
RASCUNHO PARA ANOTAÇÃO DAS RESPOSTAS PAS UEM 2011 ETAPA 3
o
N. DE ORDEM:

NOME:

01

02

03

04

05

06

07

08

09

10

11

12

13

14

15

16

17

18

19

20

21

22

23

24

25

26

27

28

29

30

31

32

33

34

35

36

37

38

39

40

UEM – Comissão Central do Vestibular Unificado

GABARITO 1
Questão

BIOLOGIA
Questão

31 / 36

Nos oceanos, os organismos formam três grandes
grupos: plâncton, bentos e nécton. O plâncton é
constituído por seres flutuantes, como as algas
microscópicas, os protozoários e larvas de
moluscos, equinodermos e peixes. Organismos
errantes (caranguejos, camarões, polvos e estrelasdo-mar), que se alimentam de detritos orgânicos e
organismos sésseis (algas macroscópicas e
peixes), constituem o grupo dos bentos. O nécton
está constituído por animais que se locomovem
ativamente na água, entre eles, as baleias e os
tubarões, que se alimentam de peixes herbívoros e
carnívoros. Todos esses organismos formam uma
teia alimentar complexa. Com as informações do
texto e baseando-se em conceitos ecológicos,
assinale o que for correto.
01) O plâncton engloba todos os organismos
produtores, constituindo o primeiro nível trófico
da cadeia alimentar.
02) Os peixes herbívoros e as baleias formam uma
população de consumidores secundários.
04) Os tubarões são consumidores que participam
de diferentes níveis tróficos, pois se alimentam
de peixes herbívoros e de peixes carnívoros.
08) Anêmonas, camarões, caranguejos, polvos e
estrelas-do-mar constituem organismos de
diferentes populações que formam uma
comunidade.
16) Os organismos oceânicos ocupam o mesmo
habitat e, por isso, apresentam o mesmo nicho
ecológico.

32 / 37

A respeito da teoria moderna ou teoria sintética da
evolução, que incorpora os conceitos modernos da
genética às ideias essenciais de evolução por
seleção natural, assinale o que for correto.
01) Os principais fatores evolutivos da teoria
moderna da evolução são: mutação gênica, lei
do uso e desuso e transmissão das
características adquiridas.
02) Segundo a teoria moderna, se uma mutação
gênica for adaptativa e a seleção natural a
mantiver ao longo do tempo, a sua frequência
tende a aumentar na população.
04) A recombinação gênica é um fator que
condiciona a variabilidade das espécies e a
evolução e ocorre através de dois processos: a
permutação ou crossing-over e a segregação
independente dos cromossomos. Ambos
ocorrem durante a divisão celular para
formação das células somáticas.
08) Características,
como
adaptação
visual,
camuflagem e mimetismo, podem ser
consideradas resultado da seleção natural.
16) As mutações cromossômicas favorecem a
manutenção da variabilidade genética de
populações naturais, embora, no processo
evolutivo, tenham menor influência do que as
mutações gênicas.

GABARITO 1

UEM/CVU – PAS/2011 Etapa 3
Caderno de Questões

2
Questão

33 / 38

Questão

Genética é a área da Biologia que estuda a herança
biológica, ou hereditária. Apoiando-se em seus
conhecimentos
sobre
a
transmissão
de
características hereditárias, assinale o que for
correto.
01) A segunda lei de Mendel pressupõe que as
características genéticas são herdadas em
igual quantidade da mãe e do pai. Os fatores de
cada par segregam, independentemente,
quando o indivíduo produz gametas.
02) O fenótipo não é determinado exclusivamente
pelo genótipo, mas, sim, pela interação entre
genótipo e fatores ambientais diversos.
04) Em cebolas, a cor do bulbo é resultado da ação
de dois pares de genes. O gene C, dominante,
determina bulbo colorido e seu recessivo c
determina bulbo incolor. O gene B, dominante,
determina bulbo vermelho e seu recessivo b,
bulbo
amarelo.
Cruzando-se
indivíduos
heterozigotos para os dois pares de genes,
obter-se-ão
descendentes
na
seguinte
proporção: 9 vermelhos : 3 amarelos : 4
brancos. A herança em questão é exemplo de
dominância incompleta.
08) Considerando um casal cujo homem tenha
grupo sanguíneo O e a mulher tipo sanguíneo
AB, a probabilidade de o primeiro filho do casal
ser do sexo masculino e com tipo sanguíneo A
é de 1/4.
16) Como a hemofilia é uma doença recessiva
ligada ao cromossomo sexual X, uma criança
do sexo masculino com hemofilia, filho de pais
sem a doença, pode ter recebido o gene da
hemofilia da mãe ou do pai.

34 / 39

Assinale o que for correto sobre o ciclo da matéria
e a transformação da energia na natureza.
01) Nas cadeias alimentares, a matéria tem fluxo
unidirecional enquanto a energia tem fluxo
cíclico.
02) Bactérias
e
fungos
são
organismos
decompositores da matéria orgânica que fazem
a reciclagem dos elementos químicos
importantes para a manutenção das cadeias
alimentares.
04) Animais, plantas, bactérias e fungos participam
dos ciclos do nitrogênio, do carbono e do
fósforo.
08) Os organismos quimiossintetizantes, assim
como os fotossintetizantes, são autótrofos,
porque sintetizam substâncias orgânicas a
partir da energia solar.
16) A maioria dos organismos não utiliza o
nitrogênio
atmosférico,
porém
algumas
espécies de bactérias são capazes de
incorporar esse elemento em substâncias
orgânicas.

Questão

35 / 40

Assinale o que for correto.
01) Durante a produção de gametas um indivíduo
de genótipo AaBbCCDd apresentará 6 tipos de
gametas diferentes.
02) De acordo com a segunda lei de Mendel, se
dois indivíduos de genótipos TtRrSs forem
cruzados, a proporção de descendentes de
genótipo ttRrSS será de 1:64.
04) O cruzamento de um indivíduo com genótipo
AaBb com outro de genótipo AAbb deverá
produzir descendentes na proporção de 1 AABb
: 1 AAbb : 1 AaBb : 1 Aabb.
08) Uma das anomalias genéticas mais conhecidas
é a síndrome de Turner, caracterizada pela falta
de um cromossomo. O cariótipo desses
indivíduos pode ser representado por 45,X0.
16) A proporção entre machos e fêmeas resultantes
do cruzamento de uma drosófila fêmea,
heterozigota para um gene letal recessivo,
situado no cromossomo X, com um macho
normal é de 2 fêmeas : 1 macho.

GABARITO 1

UEM/CVU – PAS/2011 Etapa 3
Caderno de Questões

3

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

SSA_2_dia
SSA_2_diaSSA_2_dia
SSA_2_dia
Portal NE10
 
Prova seriado 2_ano_caderno_ii_segundo_dia
Prova seriado 2_ano_caderno_ii_segundo_diaProva seriado 2_ano_caderno_ii_segundo_dia
Prova seriado 2_ano_caderno_ii_segundo_dia
Isaquel Silva
 
Ae bg10 teste_avaliacao_4_mar2021
Ae bg10 teste_avaliacao_4_mar2021Ae bg10 teste_avaliacao_4_mar2021
Ae bg10 teste_avaliacao_4_mar2021
AprenderIngls1
 
Teste de Biologia (3º Teste) - Global - correcção
Teste de Biologia (3º Teste) - Global - correcçãoTeste de Biologia (3º Teste) - Global - correcção
Teste de Biologia (3º Teste) - Global - correcção
Isaura Mourão
 
Teste 1 versão ii
Teste 1 versão iiTeste 1 versão ii
Teste 1 versão ii
joseeira
 
FT 4 - CICLOS DE VIDA
FT 4 - CICLOS DE VIDAFT 4 - CICLOS DE VIDA
FT 4 - CICLOS DE VIDA
sandranascimento
 
Teste Global de Biologia 1
Teste Global de Biologia 1Teste Global de Biologia 1
Teste Global de Biologia 1
Isaura Mourão
 
Biologia 11 exercícios
Biologia 11   exercíciosBiologia 11   exercícios
Biologia 11 exercícios
Nuno Correia
 
Teste_1
Teste_1Teste_1
Aval bio 4bi_2012
Aval bio 4bi_2012Aval bio 4bi_2012
Aval bio 4bi_2012
Wilson Lopes
 
Teste 2 versão ii
Teste 2 versão iiTeste 2 versão ii
Teste 2 versão ii
joseeira
 
Correção Unesp 1 fase inverno 2015
Correção Unesp 1 fase inverno 2015Correção Unesp 1 fase inverno 2015
Correção Unesp 1 fase inverno 2015
Carlos Priante
 
Prova de avaliação pratica
Prova de avaliação praticaProva de avaliação pratica
Prova de avaliação pratica
emanuelcarvalhal765
 
AV1 - ciências humanas e naturais- II bimestre
AV1  - ciências humanas e naturais- II bimestreAV1  - ciências humanas e naturais- II bimestre
AV1 - ciências humanas e naturais- II bimestre
emanuel
 
Fuvest2014 prova
Fuvest2014 provaFuvest2014 prova
Fuvest2014 prova
Ricardo Sousa Alves
 
Provas do segundo dia do SSA2 da UPE
Provas do segundo dia do SSA2 da UPEProvas do segundo dia do SSA2 da UPE
Provas do segundo dia do SSA2 da UPE
Luiza Freitas
 
1.vírus e bactérias + ecossistemas biosfera
1.vírus e bactérias + ecossistemas biosfera1.vírus e bactérias + ecossistemas biosfera
1.vírus e bactérias + ecossistemas biosfera
Regina Silva
 
Ciclos de vida - exercicios
Ciclos de vida - exerciciosCiclos de vida - exercicios
Ciclos de vida - exercicios
emanuelcarvalhal765
 
Lista de exercícios bio com gabarito 3ºano 2ºbim - colégio domínius -profo james
Lista de exercícios bio com gabarito 3ºano 2ºbim - colégio domínius -profo jamesLista de exercícios bio com gabarito 3ºano 2ºbim - colégio domínius -profo james
Lista de exercícios bio com gabarito 3ºano 2ºbim - colégio domínius -profo james
James Martins
 
Ficha de trabalho 5
Ficha de trabalho 5Ficha de trabalho 5
Ficha de trabalho 5
joseeira
 

Mais procurados (20)

SSA_2_dia
SSA_2_diaSSA_2_dia
SSA_2_dia
 
Prova seriado 2_ano_caderno_ii_segundo_dia
Prova seriado 2_ano_caderno_ii_segundo_diaProva seriado 2_ano_caderno_ii_segundo_dia
Prova seriado 2_ano_caderno_ii_segundo_dia
 
Ae bg10 teste_avaliacao_4_mar2021
Ae bg10 teste_avaliacao_4_mar2021Ae bg10 teste_avaliacao_4_mar2021
Ae bg10 teste_avaliacao_4_mar2021
 
Teste de Biologia (3º Teste) - Global - correcção
Teste de Biologia (3º Teste) - Global - correcçãoTeste de Biologia (3º Teste) - Global - correcção
Teste de Biologia (3º Teste) - Global - correcção
 
Teste 1 versão ii
Teste 1 versão iiTeste 1 versão ii
Teste 1 versão ii
 
FT 4 - CICLOS DE VIDA
FT 4 - CICLOS DE VIDAFT 4 - CICLOS DE VIDA
FT 4 - CICLOS DE VIDA
 
Teste Global de Biologia 1
Teste Global de Biologia 1Teste Global de Biologia 1
Teste Global de Biologia 1
 
Biologia 11 exercícios
Biologia 11   exercíciosBiologia 11   exercícios
Biologia 11 exercícios
 
Teste_1
Teste_1Teste_1
Teste_1
 
Aval bio 4bi_2012
Aval bio 4bi_2012Aval bio 4bi_2012
Aval bio 4bi_2012
 
Teste 2 versão ii
Teste 2 versão iiTeste 2 versão ii
Teste 2 versão ii
 
Correção Unesp 1 fase inverno 2015
Correção Unesp 1 fase inverno 2015Correção Unesp 1 fase inverno 2015
Correção Unesp 1 fase inverno 2015
 
Prova de avaliação pratica
Prova de avaliação praticaProva de avaliação pratica
Prova de avaliação pratica
 
AV1 - ciências humanas e naturais- II bimestre
AV1  - ciências humanas e naturais- II bimestreAV1  - ciências humanas e naturais- II bimestre
AV1 - ciências humanas e naturais- II bimestre
 
Fuvest2014 prova
Fuvest2014 provaFuvest2014 prova
Fuvest2014 prova
 
Provas do segundo dia do SSA2 da UPE
Provas do segundo dia do SSA2 da UPEProvas do segundo dia do SSA2 da UPE
Provas do segundo dia do SSA2 da UPE
 
1.vírus e bactérias + ecossistemas biosfera
1.vírus e bactérias + ecossistemas biosfera1.vírus e bactérias + ecossistemas biosfera
1.vírus e bactérias + ecossistemas biosfera
 
Ciclos de vida - exercicios
Ciclos de vida - exerciciosCiclos de vida - exercicios
Ciclos de vida - exercicios
 
Lista de exercícios bio com gabarito 3ºano 2ºbim - colégio domínius -profo james
Lista de exercícios bio com gabarito 3ºano 2ºbim - colégio domínius -profo jamesLista de exercícios bio com gabarito 3ºano 2ºbim - colégio domínius -profo james
Lista de exercícios bio com gabarito 3ºano 2ºbim - colégio domínius -profo james
 
Ficha de trabalho 5
Ficha de trabalho 5Ficha de trabalho 5
Ficha de trabalho 5
 

Destaque

pagina web Bandes
pagina web Bandespagina web Bandes
pagina web Bandes
novatastecno1
 
Windows7y8pdf 141011050826-conversion-gate02
Windows7y8pdf 141011050826-conversion-gate02Windows7y8pdf 141011050826-conversion-gate02
Windows7y8pdf 141011050826-conversion-gate02
IES.Miguel Romero Esteo
 
Apprenda 12.2015
Apprenda 12.2015Apprenda 12.2015
Apprenda 12.2015
Diego Laranjeira
 
Presentation_NEW.PPTX
Presentation_NEW.PPTXPresentation_NEW.PPTX
Presentation_NEW.PPTX
jameschloejames
 
antario pashto
antario pashtoantario pashto
antario pashto
riaz gul
 
Tanner-Martinez Logo
Tanner-Martinez LogoTanner-Martinez Logo
Tanner-Martinez Logo
Dustin Tanner
 
Derkson Safety Award
Derkson Safety AwardDerkson Safety Award
Derkson Safety AwardKelly Derkson
 
EXAMEN PRÁCTICO DE COMPUTACIÓN 2DO BIM
EXAMEN PRÁCTICO DE COMPUTACIÓN 2DO BIMEXAMEN PRÁCTICO DE COMPUTACIÓN 2DO BIM
EXAMEN PRÁCTICO DE COMPUTACIÓN 2DO BIM
Andres Medina Reinoso
 
Informe slideshare tema 7 sobre la ley orgánica contra la delincuencia organ...
Informe slideshare  tema 7 sobre la ley orgánica contra la delincuencia organ...Informe slideshare  tema 7 sobre la ley orgánica contra la delincuencia organ...
Informe slideshare tema 7 sobre la ley orgánica contra la delincuencia organ...
Yolimar Torres
 
07-2015_Heat
07-2015_Heat07-2015_Heat
07-2015_Heat
Melissa Hatley
 
Propuesta2
Propuesta2Propuesta2
FURNACE Liner Failure Corrosion HF
FURNACE Liner Failure Corrosion HFFURNACE Liner Failure Corrosion HF
FURNACE Liner Failure Corrosion HF
Steve Logelin
 
Impacto web
Impacto webImpacto web
Impacto web
Maryurie Reascos
 
Agronoegocio
AgronoegocioAgronoegocio
Agronoegocio
Wlisses Fontoura
 

Destaque (20)

pagina web Bandes
pagina web Bandespagina web Bandes
pagina web Bandes
 
Windows7y8pdf 141011050826-conversion-gate02
Windows7y8pdf 141011050826-conversion-gate02Windows7y8pdf 141011050826-conversion-gate02
Windows7y8pdf 141011050826-conversion-gate02
 
Apprenda 12.2015
Apprenda 12.2015Apprenda 12.2015
Apprenda 12.2015
 
Notifier Certification
Notifier CertificationNotifier Certification
Notifier Certification
 
Degree
DegreeDegree
Degree
 
Presentation_NEW.PPTX
Presentation_NEW.PPTXPresentation_NEW.PPTX
Presentation_NEW.PPTX
 
antario pashto
antario pashtoantario pashto
antario pashto
 
Tanner-Martinez Logo
Tanner-Martinez LogoTanner-Martinez Logo
Tanner-Martinez Logo
 
HOH safety
HOH safetyHOH safety
HOH safety
 
Logo
LogoLogo
Logo
 
Derkson Safety Award
Derkson Safety AwardDerkson Safety Award
Derkson Safety Award
 
B.Com Degree
B.Com DegreeB.Com Degree
B.Com Degree
 
EXAMEN PRÁCTICO DE COMPUTACIÓN 2DO BIM
EXAMEN PRÁCTICO DE COMPUTACIÓN 2DO BIMEXAMEN PRÁCTICO DE COMPUTACIÓN 2DO BIM
EXAMEN PRÁCTICO DE COMPUTACIÓN 2DO BIM
 
Informe slideshare tema 7 sobre la ley orgánica contra la delincuencia organ...
Informe slideshare  tema 7 sobre la ley orgánica contra la delincuencia organ...Informe slideshare  tema 7 sobre la ley orgánica contra la delincuencia organ...
Informe slideshare tema 7 sobre la ley orgánica contra la delincuencia organ...
 
07-2015_Heat
07-2015_Heat07-2015_Heat
07-2015_Heat
 
Propuesta2
Propuesta2Propuesta2
Propuesta2
 
FURNACE Liner Failure Corrosion HF
FURNACE Liner Failure Corrosion HFFURNACE Liner Failure Corrosion HF
FURNACE Liner Failure Corrosion HF
 
Potter SW
Potter SWPotter SW
Potter SW
 
Impacto web
Impacto webImpacto web
Impacto web
 
Agronoegocio
AgronoegocioAgronoegocio
Agronoegocio
 

Semelhante a Pasuem2011 3 em

Pasuem2012 3 em
Pasuem2012 3 emPasuem2012 3 em
Pasuem2012 3 em
César Milani
 
Biologia
BiologiaBiologia
Biologia
cavip
 
Cadernodequestoesprova02
Cadernodequestoesprova02Cadernodequestoesprova02
Cadernodequestoesprova02
José Alexandro
 
Lista de exercícios 2 - Biologia frente 1 e 2 - 1º bim - Profs James e Marian...
Lista de exercícios 2 - Biologia frente 1 e 2 - 1º bim - Profs James e Marian...Lista de exercícios 2 - Biologia frente 1 e 2 - 1º bim - Profs James e Marian...
Lista de exercícios 2 - Biologia frente 1 e 2 - 1º bim - Profs James e Marian...
James Martins
 
Prova FUVEST 2014 1 fase
Prova FUVEST 2014 1 faseProva FUVEST 2014 1 fase
Prova FUVEST 2014 1 fase
Rafael Freitas
 
Estudo dirigido núcleo, relaç e digestão - BIOLOGIA
Estudo dirigido núcleo, relaç e digestão - BIOLOGIAEstudo dirigido núcleo, relaç e digestão - BIOLOGIA
Estudo dirigido núcleo, relaç e digestão - BIOLOGIA
Lully Tener
 
Pasuem2010 etapa1 g1
Pasuem2010 etapa1 g1Pasuem2010 etapa1 g1
Pasuem2010 etapa1 g1
Waldir Henrique Fernandes
 
Canhos & manfio recursos microbiológicos para biotecnologia
Canhos & manfio   recursos microbiológicos para biotecnologiaCanhos & manfio   recursos microbiológicos para biotecnologia
Canhos & manfio recursos microbiológicos para biotecnologia
Watson Gama
 
Prova 2010 uerj biologia
Prova 2010 uerj biologiaProva 2010 uerj biologia
Prova 2010 uerj biologia
cavip
 
Lista de exercícios 2 - bio frente 1 e 2 - 1º bim - profs james e mariana 2016
Lista de exercícios 2 - bio frente 1 e 2 - 1º bim - profs james e mariana 2016Lista de exercícios 2 - bio frente 1 e 2 - 1º bim - profs james e mariana 2016
Lista de exercícios 2 - bio frente 1 e 2 - 1º bim - profs james e mariana 2016
James Martins
 
Vestibular2012 grupo2 prova_dia0411
Vestibular2012 grupo2 prova_dia0411Vestibular2012 grupo2 prova_dia0411
Vestibular2012 grupo2 prova_dia0411
Priscila Marins
 
Enem2009 ciencias da_natureza
Enem2009 ciencias da_naturezaEnem2009 ciencias da_natureza
Enem2009 ciencias da_natureza
quimicadacla
 
Simu enem inep 2009 cn e suas tecnologias
Simu enem   inep 2009 cn e suas tecnologiasSimu enem   inep 2009 cn e suas tecnologias
Simu enem inep 2009 cn e suas tecnologias
tioivys
 
Simuladoenem2009 Cienciasda Natureza
Simuladoenem2009 Cienciasda NaturezaSimuladoenem2009 Cienciasda Natureza
Simuladoenem2009 Cienciasda Natureza
Colégio Adventista de Planaltina CEAP
 
2009 simulado cienciasdanatureza
2009 simulado cienciasdanatureza2009 simulado cienciasdanatureza
2009 simulado cienciasdanatureza
newsevoce
 
Ciencias da natureza
Ciencias da naturezaCiencias da natureza
Ciencias da natureza
rafael
 
Simulado Enem 2009 CiêNcias Da Natureza 30 07 09
Simulado Enem 2009 CiêNcias Da Natureza 30 07 09Simulado Enem 2009 CiêNcias Da Natureza 30 07 09
Simulado Enem 2009 CiêNcias Da Natureza 30 07 09
BIOLOGO TOTAL
 
Ictio3
Ictio3Ictio3
54d82256-6e10-45c4-982f-f6c273b7908a.pdf
54d82256-6e10-45c4-982f-f6c273b7908a.pdf54d82256-6e10-45c4-982f-f6c273b7908a.pdf
54d82256-6e10-45c4-982f-f6c273b7908a.pdf
RefooOnline
 
Lista de exercícios - Biologia frente 1 e 2 - 2º bim - profs james e marcelo
Lista de exercícios - Biologia  frente 1 e 2 - 2º bim - profs james e marceloLista de exercícios - Biologia  frente 1 e 2 - 2º bim - profs james e marcelo
Lista de exercícios - Biologia frente 1 e 2 - 2º bim - profs james e marcelo
James Martins
 

Semelhante a Pasuem2011 3 em (20)

Pasuem2012 3 em
Pasuem2012 3 emPasuem2012 3 em
Pasuem2012 3 em
 
Biologia
BiologiaBiologia
Biologia
 
Cadernodequestoesprova02
Cadernodequestoesprova02Cadernodequestoesprova02
Cadernodequestoesprova02
 
Lista de exercícios 2 - Biologia frente 1 e 2 - 1º bim - Profs James e Marian...
Lista de exercícios 2 - Biologia frente 1 e 2 - 1º bim - Profs James e Marian...Lista de exercícios 2 - Biologia frente 1 e 2 - 1º bim - Profs James e Marian...
Lista de exercícios 2 - Biologia frente 1 e 2 - 1º bim - Profs James e Marian...
 
Prova FUVEST 2014 1 fase
Prova FUVEST 2014 1 faseProva FUVEST 2014 1 fase
Prova FUVEST 2014 1 fase
 
Estudo dirigido núcleo, relaç e digestão - BIOLOGIA
Estudo dirigido núcleo, relaç e digestão - BIOLOGIAEstudo dirigido núcleo, relaç e digestão - BIOLOGIA
Estudo dirigido núcleo, relaç e digestão - BIOLOGIA
 
Pasuem2010 etapa1 g1
Pasuem2010 etapa1 g1Pasuem2010 etapa1 g1
Pasuem2010 etapa1 g1
 
Canhos & manfio recursos microbiológicos para biotecnologia
Canhos & manfio   recursos microbiológicos para biotecnologiaCanhos & manfio   recursos microbiológicos para biotecnologia
Canhos & manfio recursos microbiológicos para biotecnologia
 
Prova 2010 uerj biologia
Prova 2010 uerj biologiaProva 2010 uerj biologia
Prova 2010 uerj biologia
 
Lista de exercícios 2 - bio frente 1 e 2 - 1º bim - profs james e mariana 2016
Lista de exercícios 2 - bio frente 1 e 2 - 1º bim - profs james e mariana 2016Lista de exercícios 2 - bio frente 1 e 2 - 1º bim - profs james e mariana 2016
Lista de exercícios 2 - bio frente 1 e 2 - 1º bim - profs james e mariana 2016
 
Vestibular2012 grupo2 prova_dia0411
Vestibular2012 grupo2 prova_dia0411Vestibular2012 grupo2 prova_dia0411
Vestibular2012 grupo2 prova_dia0411
 
Enem2009 ciencias da_natureza
Enem2009 ciencias da_naturezaEnem2009 ciencias da_natureza
Enem2009 ciencias da_natureza
 
Simu enem inep 2009 cn e suas tecnologias
Simu enem   inep 2009 cn e suas tecnologiasSimu enem   inep 2009 cn e suas tecnologias
Simu enem inep 2009 cn e suas tecnologias
 
Simuladoenem2009 Cienciasda Natureza
Simuladoenem2009 Cienciasda NaturezaSimuladoenem2009 Cienciasda Natureza
Simuladoenem2009 Cienciasda Natureza
 
2009 simulado cienciasdanatureza
2009 simulado cienciasdanatureza2009 simulado cienciasdanatureza
2009 simulado cienciasdanatureza
 
Ciencias da natureza
Ciencias da naturezaCiencias da natureza
Ciencias da natureza
 
Simulado Enem 2009 CiêNcias Da Natureza 30 07 09
Simulado Enem 2009 CiêNcias Da Natureza 30 07 09Simulado Enem 2009 CiêNcias Da Natureza 30 07 09
Simulado Enem 2009 CiêNcias Da Natureza 30 07 09
 
Ictio3
Ictio3Ictio3
Ictio3
 
54d82256-6e10-45c4-982f-f6c273b7908a.pdf
54d82256-6e10-45c4-982f-f6c273b7908a.pdf54d82256-6e10-45c4-982f-f6c273b7908a.pdf
54d82256-6e10-45c4-982f-f6c273b7908a.pdf
 
Lista de exercícios - Biologia frente 1 e 2 - 2º bim - profs james e marcelo
Lista de exercícios - Biologia  frente 1 e 2 - 2º bim - profs james e marceloLista de exercícios - Biologia  frente 1 e 2 - 2º bim - profs james e marcelo
Lista de exercícios - Biologia frente 1 e 2 - 2º bim - profs james e marcelo
 

Mais de César Milani

ÁGUA E SAIS MINERAIS.pdf
ÁGUA E SAIS MINERAIS.pdfÁGUA E SAIS MINERAIS.pdf
ÁGUA E SAIS MINERAIS.pdf
César Milani
 
BIOTECNOLOGIA - APLICAÇÕES CONHECIMENT GENÉTICO.pdf
BIOTECNOLOGIA - APLICAÇÕES CONHECIMENT GENÉTICO.pdfBIOTECNOLOGIA - APLICAÇÕES CONHECIMENT GENÉTICO.pdf
BIOTECNOLOGIA - APLICAÇÕES CONHECIMENT GENÉTICO.pdf
César Milani
 
AUSENCIA DOM E GRUPOS SANG.pdf
AUSENCIA DOM E GRUPOS SANG.pdfAUSENCIA DOM E GRUPOS SANG.pdf
AUSENCIA DOM E GRUPOS SANG.pdf
César Milani
 
SISTEMA RESPIRATÓRIO.pdf
SISTEMA RESPIRATÓRIO.pdfSISTEMA RESPIRATÓRIO.pdf
SISTEMA RESPIRATÓRIO.pdf
César Milani
 
2a Lei de Mendel.pdf
2a Lei de Mendel.pdf2a Lei de Mendel.pdf
2a Lei de Mendel.pdf
César Milani
 
ÁCIDOS NUCLEICOS.pdf
ÁCIDOS NUCLEICOS.pdfÁCIDOS NUCLEICOS.pdf
ÁCIDOS NUCLEICOS.pdf
César Milani
 
ÁCIDOS NUCLÉICOS
ÁCIDOS NUCLÉICOSÁCIDOS NUCLÉICOS
ÁCIDOS NUCLÉICOS
César Milani
 
CÉLULAS TRONCO E EMBRIOLOGIA
CÉLULAS TRONCO E EMBRIOLOGIACÉLULAS TRONCO E EMBRIOLOGIA
CÉLULAS TRONCO E EMBRIOLOGIA
César Milani
 
AULÃO PAS - REVISÃO
AULÃO PAS - REVISÃOAULÃO PAS - REVISÃO
AULÃO PAS - REVISÃO
César Milani
 
Histologia humana epitelial e conjuntivo
Histologia humana   epitelial e conjuntivoHistologia humana   epitelial e conjuntivo
Histologia humana epitelial e conjuntivo
César Milani
 
Histologia humana - Tecido Epitelial
Histologia humana - Tecido Epitelial Histologia humana - Tecido Epitelial
Histologia humana - Tecido Epitelial
César Milani
 
Embriogênese - Tipos de ovos e segmentação
Embriogênese - Tipos de ovos e segmentaçãoEmbriogênese - Tipos de ovos e segmentação
Embriogênese - Tipos de ovos e segmentação
César Milani
 
Reprodução Animal
Reprodução AnimalReprodução Animal
Reprodução Animal
César Milani
 
Núcleo celular e Síntese de proteínas
Núcleo celular e Síntese de proteínasNúcleo celular e Síntese de proteínas
Núcleo celular e Síntese de proteínas
César Milani
 
Revestimentos e transporte atraves da membrana
Revestimentos e transporte atraves da membranaRevestimentos e transporte atraves da membrana
Revestimentos e transporte atraves da membrana
César Milani
 
POLIALELÍSMO - GRUPOS SANGUÍNEOS
POLIALELÍSMO - GRUPOS SANGUÍNEOSPOLIALELÍSMO - GRUPOS SANGUÍNEOS
POLIALELÍSMO - GRUPOS SANGUÍNEOS
César Milani
 
Roteiro estudos terceirão
Roteiro estudos terceirãoRoteiro estudos terceirão
Roteiro estudos terceirão
César Milani
 
SISTEMA NERVOSO
SISTEMA NERVOSOSISTEMA NERVOSO
SISTEMA NERVOSO
César Milani
 
Revestimentos celulares 3 a aula 6
Revestimentos celulares 3 a aula 6Revestimentos celulares 3 a aula 6
Revestimentos celulares 3 a aula 6
César Milani
 
Fotossíntese
FotossínteseFotossíntese
Fotossíntese
César Milani
 

Mais de César Milani (20)

ÁGUA E SAIS MINERAIS.pdf
ÁGUA E SAIS MINERAIS.pdfÁGUA E SAIS MINERAIS.pdf
ÁGUA E SAIS MINERAIS.pdf
 
BIOTECNOLOGIA - APLICAÇÕES CONHECIMENT GENÉTICO.pdf
BIOTECNOLOGIA - APLICAÇÕES CONHECIMENT GENÉTICO.pdfBIOTECNOLOGIA - APLICAÇÕES CONHECIMENT GENÉTICO.pdf
BIOTECNOLOGIA - APLICAÇÕES CONHECIMENT GENÉTICO.pdf
 
AUSENCIA DOM E GRUPOS SANG.pdf
AUSENCIA DOM E GRUPOS SANG.pdfAUSENCIA DOM E GRUPOS SANG.pdf
AUSENCIA DOM E GRUPOS SANG.pdf
 
SISTEMA RESPIRATÓRIO.pdf
SISTEMA RESPIRATÓRIO.pdfSISTEMA RESPIRATÓRIO.pdf
SISTEMA RESPIRATÓRIO.pdf
 
2a Lei de Mendel.pdf
2a Lei de Mendel.pdf2a Lei de Mendel.pdf
2a Lei de Mendel.pdf
 
ÁCIDOS NUCLEICOS.pdf
ÁCIDOS NUCLEICOS.pdfÁCIDOS NUCLEICOS.pdf
ÁCIDOS NUCLEICOS.pdf
 
ÁCIDOS NUCLÉICOS
ÁCIDOS NUCLÉICOSÁCIDOS NUCLÉICOS
ÁCIDOS NUCLÉICOS
 
CÉLULAS TRONCO E EMBRIOLOGIA
CÉLULAS TRONCO E EMBRIOLOGIACÉLULAS TRONCO E EMBRIOLOGIA
CÉLULAS TRONCO E EMBRIOLOGIA
 
AULÃO PAS - REVISÃO
AULÃO PAS - REVISÃOAULÃO PAS - REVISÃO
AULÃO PAS - REVISÃO
 
Histologia humana epitelial e conjuntivo
Histologia humana   epitelial e conjuntivoHistologia humana   epitelial e conjuntivo
Histologia humana epitelial e conjuntivo
 
Histologia humana - Tecido Epitelial
Histologia humana - Tecido Epitelial Histologia humana - Tecido Epitelial
Histologia humana - Tecido Epitelial
 
Embriogênese - Tipos de ovos e segmentação
Embriogênese - Tipos de ovos e segmentaçãoEmbriogênese - Tipos de ovos e segmentação
Embriogênese - Tipos de ovos e segmentação
 
Reprodução Animal
Reprodução AnimalReprodução Animal
Reprodução Animal
 
Núcleo celular e Síntese de proteínas
Núcleo celular e Síntese de proteínasNúcleo celular e Síntese de proteínas
Núcleo celular e Síntese de proteínas
 
Revestimentos e transporte atraves da membrana
Revestimentos e transporte atraves da membranaRevestimentos e transporte atraves da membrana
Revestimentos e transporte atraves da membrana
 
POLIALELÍSMO - GRUPOS SANGUÍNEOS
POLIALELÍSMO - GRUPOS SANGUÍNEOSPOLIALELÍSMO - GRUPOS SANGUÍNEOS
POLIALELÍSMO - GRUPOS SANGUÍNEOS
 
Roteiro estudos terceirão
Roteiro estudos terceirãoRoteiro estudos terceirão
Roteiro estudos terceirão
 
SISTEMA NERVOSO
SISTEMA NERVOSOSISTEMA NERVOSO
SISTEMA NERVOSO
 
Revestimentos celulares 3 a aula 6
Revestimentos celulares 3 a aula 6Revestimentos celulares 3 a aula 6
Revestimentos celulares 3 a aula 6
 
Fotossíntese
FotossínteseFotossíntese
Fotossíntese
 

Pasuem2011 3 em

  • 1. CADERNO DE QUESTÕES CADERNO DE QUESTÕES o N. DE ORDEM: o N. DE INSCRIÇÃO: NOME DO CANDIDATO: IINSTRUÇÕES PARA A REALIIZAÇÃO DA PROVA NSTRUÇÕES PARA A REAL ZAÇÃO DA PROVA o o 1. Confira os campos N. DE ORDEM, N. DE INSCRIÇÃO e NOME, que constam na etiqueta fixada em sua carteira. 2. Confira se o número do gabarito deste caderno corresponde ao constante na etiqueta fixada em sua carteira. Se houver divergência, avise, imediatamente, o fiscal. 3. É proibido folhear o Caderno de Questões antes do sinal, às 14 horas. 4. Após o sinal, confira se este caderno contém 40 questões objetivas e/ou qualquer tipo de defeito. Qualquer problema, avise, imediatamente, o fiscal. 9. Transcreva as respostas deste caderno para a Folha de Respostas. A resposta será a soma dos números associados às alternativas corretas. Para cada questão, preencha sempre dois alvéolos: um na coluna das dezenas e um na coluna das unidades, conforme exemplo ao lado: questão 13, resposta 09 (soma das proposições 01 e 08). 5. Durante a realização da prova, é proibido o uso de dicionário, de calculadora eletrônica, bem como a consulta a qualquer material adicional. Também é proibido o uso de boné, de relógio, de celulares, de bips, de aparelhos de surdez, de MP3 player ou de aparelhos similares. 10. Se desejar, transcreva as respostas deste caderno no Rascunho para Anotação das Respostas constante abaixo e destaque-o, para recebê-lo hoje, ao término da prova, no horário das 19h15min às 19h30min, mediante apresentação do documento de identificação. Após esse período, não haverá devolução. O Caderno de Questões não será devolvido. 6. A comunicação ou o trânsito de qualquer material entre os candidatos são proibidos. A comunicação, se necessária, somente poderá ser estabelecida por intermédio dos fiscais. 11. Ao término da prova, levante o braço e aguarde atendimento. Entregue ao fiscal este caderno, a Folha de Respostas, o Rascunho para Anotação das Respostas e o Caderno Versão Definitiva da Redação. 7. O tempo mínimo de permanência na sala é de 2 horas, após o início da prova. 12. A desobediência a qualquer uma das determinações dos fiscais poderá implicar a anulação da sua prova. 8. No tempo destinado a esta prova (5 horas), está incluído o de preenchimento da Folha de Respostas. 13. São de responsabilidade única do participante a leitura e a conferência de todas as informações contidas no Caderno de Questões e na Folha de Respostas. ........................................................................................................... Corte na linha pontilhada. RASCUNHO PARA ANOTAÇÃO DAS RESPOSTAS -- PAS--UEM//2011 -- ETAPA 3 RASCUNHO PARA ANOTAÇÃO DAS RESPOSTAS PAS UEM 2011 ETAPA 3 o N. DE ORDEM: NOME: 01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 32 33 34 35 36 37 38 39 40 UEM – Comissão Central do Vestibular Unificado GABARITO 1
  • 2. Questão BIOLOGIA Questão 31 / 36 Nos oceanos, os organismos formam três grandes grupos: plâncton, bentos e nécton. O plâncton é constituído por seres flutuantes, como as algas microscópicas, os protozoários e larvas de moluscos, equinodermos e peixes. Organismos errantes (caranguejos, camarões, polvos e estrelasdo-mar), que se alimentam de detritos orgânicos e organismos sésseis (algas macroscópicas e peixes), constituem o grupo dos bentos. O nécton está constituído por animais que se locomovem ativamente na água, entre eles, as baleias e os tubarões, que se alimentam de peixes herbívoros e carnívoros. Todos esses organismos formam uma teia alimentar complexa. Com as informações do texto e baseando-se em conceitos ecológicos, assinale o que for correto. 01) O plâncton engloba todos os organismos produtores, constituindo o primeiro nível trófico da cadeia alimentar. 02) Os peixes herbívoros e as baleias formam uma população de consumidores secundários. 04) Os tubarões são consumidores que participam de diferentes níveis tróficos, pois se alimentam de peixes herbívoros e de peixes carnívoros. 08) Anêmonas, camarões, caranguejos, polvos e estrelas-do-mar constituem organismos de diferentes populações que formam uma comunidade. 16) Os organismos oceânicos ocupam o mesmo habitat e, por isso, apresentam o mesmo nicho ecológico. 32 / 37 A respeito da teoria moderna ou teoria sintética da evolução, que incorpora os conceitos modernos da genética às ideias essenciais de evolução por seleção natural, assinale o que for correto. 01) Os principais fatores evolutivos da teoria moderna da evolução são: mutação gênica, lei do uso e desuso e transmissão das características adquiridas. 02) Segundo a teoria moderna, se uma mutação gênica for adaptativa e a seleção natural a mantiver ao longo do tempo, a sua frequência tende a aumentar na população. 04) A recombinação gênica é um fator que condiciona a variabilidade das espécies e a evolução e ocorre através de dois processos: a permutação ou crossing-over e a segregação independente dos cromossomos. Ambos ocorrem durante a divisão celular para formação das células somáticas. 08) Características, como adaptação visual, camuflagem e mimetismo, podem ser consideradas resultado da seleção natural. 16) As mutações cromossômicas favorecem a manutenção da variabilidade genética de populações naturais, embora, no processo evolutivo, tenham menor influência do que as mutações gênicas. GABARITO 1 UEM/CVU – PAS/2011 Etapa 3 Caderno de Questões 2
  • 3. Questão 33 / 38 Questão Genética é a área da Biologia que estuda a herança biológica, ou hereditária. Apoiando-se em seus conhecimentos sobre a transmissão de características hereditárias, assinale o que for correto. 01) A segunda lei de Mendel pressupõe que as características genéticas são herdadas em igual quantidade da mãe e do pai. Os fatores de cada par segregam, independentemente, quando o indivíduo produz gametas. 02) O fenótipo não é determinado exclusivamente pelo genótipo, mas, sim, pela interação entre genótipo e fatores ambientais diversos. 04) Em cebolas, a cor do bulbo é resultado da ação de dois pares de genes. O gene C, dominante, determina bulbo colorido e seu recessivo c determina bulbo incolor. O gene B, dominante, determina bulbo vermelho e seu recessivo b, bulbo amarelo. Cruzando-se indivíduos heterozigotos para os dois pares de genes, obter-se-ão descendentes na seguinte proporção: 9 vermelhos : 3 amarelos : 4 brancos. A herança em questão é exemplo de dominância incompleta. 08) Considerando um casal cujo homem tenha grupo sanguíneo O e a mulher tipo sanguíneo AB, a probabilidade de o primeiro filho do casal ser do sexo masculino e com tipo sanguíneo A é de 1/4. 16) Como a hemofilia é uma doença recessiva ligada ao cromossomo sexual X, uma criança do sexo masculino com hemofilia, filho de pais sem a doença, pode ter recebido o gene da hemofilia da mãe ou do pai. 34 / 39 Assinale o que for correto sobre o ciclo da matéria e a transformação da energia na natureza. 01) Nas cadeias alimentares, a matéria tem fluxo unidirecional enquanto a energia tem fluxo cíclico. 02) Bactérias e fungos são organismos decompositores da matéria orgânica que fazem a reciclagem dos elementos químicos importantes para a manutenção das cadeias alimentares. 04) Animais, plantas, bactérias e fungos participam dos ciclos do nitrogênio, do carbono e do fósforo. 08) Os organismos quimiossintetizantes, assim como os fotossintetizantes, são autótrofos, porque sintetizam substâncias orgânicas a partir da energia solar. 16) A maioria dos organismos não utiliza o nitrogênio atmosférico, porém algumas espécies de bactérias são capazes de incorporar esse elemento em substâncias orgânicas. Questão 35 / 40 Assinale o que for correto. 01) Durante a produção de gametas um indivíduo de genótipo AaBbCCDd apresentará 6 tipos de gametas diferentes. 02) De acordo com a segunda lei de Mendel, se dois indivíduos de genótipos TtRrSs forem cruzados, a proporção de descendentes de genótipo ttRrSS será de 1:64. 04) O cruzamento de um indivíduo com genótipo AaBb com outro de genótipo AAbb deverá produzir descendentes na proporção de 1 AABb : 1 AAbb : 1 AaBb : 1 Aabb. 08) Uma das anomalias genéticas mais conhecidas é a síndrome de Turner, caracterizada pela falta de um cromossomo. O cariótipo desses indivíduos pode ser representado por 45,X0. 16) A proporção entre machos e fêmeas resultantes do cruzamento de uma drosófila fêmea, heterozigota para um gene letal recessivo, situado no cromossomo X, com um macho normal é de 2 fêmeas : 1 macho. GABARITO 1 UEM/CVU – PAS/2011 Etapa 3 Caderno de Questões 3