SlideShare uma empresa Scribd logo
Oswald De Andrade 
Anabel 
Jaqueline 
Marcelo 3ºD 
Pedro 
Vanessa
Introdução 
• José Oswald de Sousa Andrade 
• São Paulo - SP 
• Nascimento 11/01/1890
Trajetória 
1900 - Inicia seus estudos na Escola Modelo Caetano de 
Campos, e mais tarde transferiu-se para o Colégio São Bento; 
1908 - Formou em Bacharel de Humanidades; 
1909 – Começa trabalhando como jornalista e também como 
crítico teatral para o Diário Popular; 
1910 – Lança “O Pirralho”; 
1912 - Partiu para a Europa, retornar ao Brasil volta 
acompanhada da estudante francesa Kamiá; 
1914 – Nasce seu filho José Oswald Antônio Andrade (Nonê) e 
se tornou Bacharel em Ciências e Letras; 
1917 - Conhece o escritor Mário de Andrade, defende Anita 
Malfatti das criticas de Monteiro Lobato;
Semana de 1922 
• Em fevereiro de 1922, 
juntamente com outros nomes 
como Mário de Andrade, 
Menotti del Picchia, Luis 
Aranha, Tarsila do Amaral, Anita 
Malfatti, Di Cavalcanti e Victor 
Brecheret, entre outros, 
promovem a Semana da Arte 
Moderna, com o objetivo de 
discutir a identidade nacional e 
implementar novos rumos das 
artes na cultura brasileira.
Tarsila do Amaral 
None 
Ruda 
filhos 
• 1923 – Viajamos para a 
Europa; 
• 1926 - Oficializamos o nosso 
casamento ; 
• 1929 – Se separar.
Pagú 
Partido Comunista Brasileiro
Trajetória 
1936 – Casa- se com a poetisa Julieta 
Bárbara; 
1939 – Viaja para a Europa, para 
participar do Congresso do Pen Club, 
em Estocolmo; 
1940 - Começou a escrever no Jornal 
da Manhã, sobre a vida econômica, 
política e social de São Paulo; 
1942 - Passou a publicar diversas 
obras; 
1943 – Casa- se com Maria Antonia 
d´Alkmin; 
1956 – Morre em São Paulo.
Filhos 
None Ruda
Principais Obras 
Humor: 
Revista “O Pirralho” — crônicas em português macarrônico sob 
o pseudônimo de Annibale Scipione (1912 — 1917) 
Poesia: 
Pau-Brasil (1925) 
Primeiro caderno do aluno de poesia Oswald de Andrade (1927) 
Cântico dos cânticos para flauta e violão (1945) 
O escaravelho de ouro (1946)
Principais Obras 
Romance: 
A trilogia do exílio: I — Os condenados, II —A estrela de absinto, 
III — A escada vermelha (1922-1934) 
Memórias sentimentais de João Miramar (1924) 
Serafim Ponte Grande (1933) 
Marco Zero: I - A revolução melancólica, II — Chão (1943). 
Memórias: Um homem sem profissão (1954)
Principais Obras 
Teatro: 
A recusa (1913) 
Théâtre Brésilien — Mon coeur balance e Leur Âme (1916) (com 
Guilherme de Almeida) 
O homem e o cavalo (1934) 
A morta (1937); 
O rei da vela (1937). 
O rei floquinhos (1953)
Principais Obras 
Manifestos: 
Manifesto da Poesia Pau-Brasil (1924) 
Manifesto Antropófago (1928) 
Manifesto Ordem e Progresso (1931) 
Teses, artigos e conferências publicadas: 
O meu poeta futurista (1921) 
A Arcádia e a Inconfidência (1945) 
A sátira na poesia brasileira (1945)
Publicações Póstumas 
A utopia antropofágica – Globo 
Ponta de lança – Globo 
O rei da vela – Globo 
Pau Brasil – Obras completas – Globo 
O santeiro do mangue e outros poemas – Globo 
Obras completas – Um homem sem profissão – Memórias e confissões sob as ordens de mamãe – 
Globo 
Telefonema – Globo 
Dicionário de bolso – Globo 
O perfeito cozinheiro das almas desse mundo – Globo 
Os condenados – A trilogia do exílio – Globo 
Primeiro caderno do aluno de poesia Oswald de Andrade – Globo 
Os dentes do dragão – Globo 
Mon coeur balance – Le Âme - Globo
Manifesto da Poesia Pau Brasil
O Rei da Vela
Sua influencia nos dias atuais
Referencias Bibliográficas 
• http://www.releituras.com/oandrade_bio.asp 
• http://www.suapesquisa.com/biografias/oswalddeandrade/ 
• http://www.infoescola.com/literatura/oswald-de-andrade/ 
• http://profjosepsantos.wordpress.com/2011/03/08/pagu-uma- 
jovem-mulher-a-frente-de-seu-tempo/ 
• http://clovisbarbosa.blogspot.com.br/2011/06/e-o-amor.html 
• http://www1.folha.uol.com.br/livrariadafolha/1047657- 
conheca-vida-e-obra-de-oswald-de-andrade.shtml 
• http://www.tvsinopse.kinghost.net/art/o/oswald.htm 
• http://ascoresdasruas.blogspot.com.br/2011/10/oswaldo-de-andrade- 
entre-dois-amores.html

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

A vanguarda europeia
A vanguarda europeiaA vanguarda europeia
A vanguarda europeia
Laboratório de Informática
 
Arte - Surrealismo
Arte - SurrealismoArte - Surrealismo
Arte - Surrealismo
Nathália Rodrigues
 
Modernismo em portugal
Modernismo em portugalModernismo em portugal
Modernismo em portugal
Clézio Nunes
 
Impressionismo
ImpressionismoImpressionismo
Impressionismo
Michele Pó
 
Biografia carlos drummond de andrade
Biografia carlos drummond de andradeBiografia carlos drummond de andrade
Biografia carlos drummond de andrade
Paulo RAPHAEL Marques
 
Arte contemporânea
Arte contemporâneaArte contemporânea
Arte contemporânea
VIVIAN TROMBINI
 
Modernismo no Brasil
Modernismo no BrasilModernismo no Brasil
Modernismo no Brasil
alinesantana1422
 
Modernismo e suas fases
Modernismo e suas fasesModernismo e suas fases
Modernismo e suas fases
Luan Victor
 
Modernismo em portugal
Modernismo em portugalModernismo em portugal
Modernismo em portugal
Jéssica Maria Bartnikowsky
 
Modernismo em portugal
Modernismo em portugalModernismo em portugal
Modernismo em portugal
João Ribeiro
 
Surrealismo
SurrealismoSurrealismo
Surrealismo
Michele Pó
 
A segunda geração modernista no brasil
A segunda geração modernista no brasilA segunda geração modernista no brasil
A segunda geração modernista no brasil
Maria De Lourdes Ramos
 
Semana de arte moderna
Semana de arte modernaSemana de arte moderna
Semana de arte moderna
Lucas Nascimento
 
Modernismo em Portugal
Modernismo em PortugalModernismo em Portugal
Modernismo em Portugal
Blog Estudo
 
Modernismo em portugal
Modernismo em portugalModernismo em portugal
Modernismo em portugal
Mara Virginia
 
Modernismo
ModernismoModernismo
Modernismo
Edu Oliveira
 
Semana de arte moderna
Semana de arte moderna Semana de arte moderna
Semana de arte moderna
licss
 
Modernismo primeira fase
Modernismo  primeira faseModernismo  primeira fase
Modernismo primeira fase
Gabriel Monteiro
 
Mário de andrade
Mário de andradeMário de andrade
Mário de andrade
enricobertolini
 
Semana de arte moderna
Semana de arte modernaSemana de arte moderna
Semana de arte moderna
Robson Oliveira
 

Mais procurados (20)

A vanguarda europeia
A vanguarda europeiaA vanguarda europeia
A vanguarda europeia
 
Arte - Surrealismo
Arte - SurrealismoArte - Surrealismo
Arte - Surrealismo
 
Modernismo em portugal
Modernismo em portugalModernismo em portugal
Modernismo em portugal
 
Impressionismo
ImpressionismoImpressionismo
Impressionismo
 
Biografia carlos drummond de andrade
Biografia carlos drummond de andradeBiografia carlos drummond de andrade
Biografia carlos drummond de andrade
 
Arte contemporânea
Arte contemporâneaArte contemporânea
Arte contemporânea
 
Modernismo no Brasil
Modernismo no BrasilModernismo no Brasil
Modernismo no Brasil
 
Modernismo e suas fases
Modernismo e suas fasesModernismo e suas fases
Modernismo e suas fases
 
Modernismo em portugal
Modernismo em portugalModernismo em portugal
Modernismo em portugal
 
Modernismo em portugal
Modernismo em portugalModernismo em portugal
Modernismo em portugal
 
Surrealismo
SurrealismoSurrealismo
Surrealismo
 
A segunda geração modernista no brasil
A segunda geração modernista no brasilA segunda geração modernista no brasil
A segunda geração modernista no brasil
 
Semana de arte moderna
Semana de arte modernaSemana de arte moderna
Semana de arte moderna
 
Modernismo em Portugal
Modernismo em PortugalModernismo em Portugal
Modernismo em Portugal
 
Modernismo em portugal
Modernismo em portugalModernismo em portugal
Modernismo em portugal
 
Modernismo
ModernismoModernismo
Modernismo
 
Semana de arte moderna
Semana de arte moderna Semana de arte moderna
Semana de arte moderna
 
Modernismo primeira fase
Modernismo  primeira faseModernismo  primeira fase
Modernismo primeira fase
 
Mário de andrade
Mário de andradeMário de andrade
Mário de andrade
 
Semana de arte moderna
Semana de arte modernaSemana de arte moderna
Semana de arte moderna
 

Destaque

Movimentos Literários
Movimentos LiteráriosMovimentos Literários
Movimentos Literários
Gabriel Andrade
 
Palazzo rucellai
Palazzo rucellaiPalazzo rucellai
Palazzo rucellai
vikashsaini78
 
Romantismo - 1ª geração - Literauta.
Romantismo - 1ª geração - Literauta.Romantismo - 1ª geração - Literauta.
Romantismo - 1ª geração - Literauta.
Julia Maldonado Garcia
 
Alvares de Azevedo - Macário
Alvares de Azevedo - MacárioAlvares de Azevedo - Macário
Alvares de Azevedo - Macário
Amanda Almeida Resende
 
Gonçalves Dias
Gonçalves DiasGonçalves Dias
Gonçalves Dias
Alexandre Rodrigues Nunes
 
Iracema slide pronto
Iracema   slide prontoIracema   slide pronto
Iracema slide pronto
Emanuelle Frazão
 
Gonçalves Dias
Gonçalves DiasGonçalves Dias
Gonçalves Dias
Marina Canever Pagliosa
 
Modernismo
Modernismo Modernismo
Modernismo
Cláudia Heloísa
 
Gonçalves dias
Gonçalves diasGonçalves dias
Gonçalves dias
Lany da Silva
 
Arcadismo no brasil
Arcadismo no brasilArcadismo no brasil
Arcadismo no brasil
UFMA, IFMA
 
Arcadismo (1768 1836)
Arcadismo (1768   1836)Arcadismo (1768   1836)
Arcadismo (1768 1836)
Dai Pinheiro
 
Análise de macário, de álvares de azevedo
Análise de macário, de álvares de azevedoAnálise de macário, de álvares de azevedo
Análise de macário, de álvares de azevedo
ma.no.el.ne.ves
 
Literatura romantismo
Literatura romantismoLiteratura romantismo
Literatura romantismo
Cristina Medina
 
Modernismo
ModernismoModernismo
Modernismo
Thalles Yvson
 
Apresentação Modernismo Brasileiro
Apresentação Modernismo BrasileiroApresentação Modernismo Brasileiro
Apresentação Modernismo Brasileiro
Kleiner Paulo Geraldi
 
LITERATURA: ESCOLAS LITERÁRIAS
LITERATURA: ESCOLAS LITERÁRIASLITERATURA: ESCOLAS LITERÁRIAS
LITERATURA: ESCOLAS LITERÁRIAS
Amelia Barros
 
Revisão de literatura - UEM - 2017
Revisão de literatura - UEM - 2017Revisão de literatura - UEM - 2017
Revisão de literatura - UEM - 2017
VIVIAN TROMBINI
 
Modernismo brasil 1ª fase
Modernismo brasil 1ª faseModernismo brasil 1ª fase
Modernismo brasil 1ª fase
rillaryalvesj
 
Gregório de Matos Guerra
Gregório de Matos GuerraGregório de Matos Guerra
Gregório de Matos Guerra
aluna1f
 
Gregório de matos
Gregório de matosGregório de matos

Destaque (20)

Movimentos Literários
Movimentos LiteráriosMovimentos Literários
Movimentos Literários
 
Palazzo rucellai
Palazzo rucellaiPalazzo rucellai
Palazzo rucellai
 
Romantismo - 1ª geração - Literauta.
Romantismo - 1ª geração - Literauta.Romantismo - 1ª geração - Literauta.
Romantismo - 1ª geração - Literauta.
 
Alvares de Azevedo - Macário
Alvares de Azevedo - MacárioAlvares de Azevedo - Macário
Alvares de Azevedo - Macário
 
Gonçalves Dias
Gonçalves DiasGonçalves Dias
Gonçalves Dias
 
Iracema slide pronto
Iracema   slide prontoIracema   slide pronto
Iracema slide pronto
 
Gonçalves Dias
Gonçalves DiasGonçalves Dias
Gonçalves Dias
 
Modernismo
Modernismo Modernismo
Modernismo
 
Gonçalves dias
Gonçalves diasGonçalves dias
Gonçalves dias
 
Arcadismo no brasil
Arcadismo no brasilArcadismo no brasil
Arcadismo no brasil
 
Arcadismo (1768 1836)
Arcadismo (1768   1836)Arcadismo (1768   1836)
Arcadismo (1768 1836)
 
Análise de macário, de álvares de azevedo
Análise de macário, de álvares de azevedoAnálise de macário, de álvares de azevedo
Análise de macário, de álvares de azevedo
 
Literatura romantismo
Literatura romantismoLiteratura romantismo
Literatura romantismo
 
Modernismo
ModernismoModernismo
Modernismo
 
Apresentação Modernismo Brasileiro
Apresentação Modernismo BrasileiroApresentação Modernismo Brasileiro
Apresentação Modernismo Brasileiro
 
LITERATURA: ESCOLAS LITERÁRIAS
LITERATURA: ESCOLAS LITERÁRIASLITERATURA: ESCOLAS LITERÁRIAS
LITERATURA: ESCOLAS LITERÁRIAS
 
Revisão de literatura - UEM - 2017
Revisão de literatura - UEM - 2017Revisão de literatura - UEM - 2017
Revisão de literatura - UEM - 2017
 
Modernismo brasil 1ª fase
Modernismo brasil 1ª faseModernismo brasil 1ª fase
Modernismo brasil 1ª fase
 
Gregório de Matos Guerra
Gregório de Matos GuerraGregório de Matos Guerra
Gregório de Matos Guerra
 
Gregório de matos
Gregório de matosGregório de matos
Gregório de matos
 

Semelhante a Oswald de andrade

1º fase do modernismo
1º fase do modernismo1º fase do modernismo
1º fase do modernismo
Yasmin Pessoa
 
Destaques enciclopédia 29-12-2014 a 04-01-2015
Destaques enciclopédia 29-12-2014 a 04-01-2015Destaques enciclopédia 29-12-2014 a 04-01-2015
Destaques enciclopédia 29-12-2014 a 04-01-2015
Umberto Neves
 
Oswalddeandrade
OswalddeandradeOswalddeandrade
Oswalddeandrade
Gustavo Victor
 
Oswald de Andrade
Oswald de AndradeOswald de Andrade
Oswald de Andrade
Beatriz Damasceno
 
Modernismo - 1ª Geração.docx
Modernismo - 1ª Geração.docxModernismo - 1ª Geração.docx
Modernismo - 1ª Geração.docx
CAMILACRISTINASILVAB
 
Oswald de Andrade
Oswald de AndradeOswald de Andrade
Oswald de Andrade
Kleb Willian
 
Autores de língua portuguesa
Autores de língua portuguesaAutores de língua portuguesa
Autores de língua portuguesa
Armanda Ribeiro
 
Modernismo ii fase
Modernismo ii faseModernismo ii fase
Modernismo ii fase
Emerson Castro
 
Primeira Geração Modernista
Primeira Geração ModernistaPrimeira Geração Modernista
Primeira Geração Modernista
Thiago Rodrigues
 
O modernismo no brasil
O modernismo no brasilO modernismo no brasil
O modernismo no brasil
Claudinei Jesus
 
Miguel Torga
Miguel TorgaMiguel Torga
Miguel Torga
Gabriela
 
Oswald De Andrade
Oswald De AndradeOswald De Andrade
Oswald De Andrade
martinsramon
 
Primeira Fase do Modernismo Brasileiro
Primeira Fase do Modernismo BrasileiroPrimeira Fase do Modernismo Brasileiro
Primeira Fase do Modernismo Brasileiro
Paula Meyer Piagentini
 
Modernismo: FASE HERÓICA
Modernismo: FASE HERÓICAModernismo: FASE HERÓICA
Modernismo: FASE HERÓICA
Letícia Gonçalves
 
Modernismono brasil ii fase
Modernismono brasil ii faseModernismono brasil ii fase
Modernismono brasil ii fase
rillaryalvesj
 
A semana de arte moderna
A semana de arte modernaA semana de arte moderna
A semana de arte moderna
Over Lane
 
Modernismo e mail
Modernismo e mailModernismo e mail
Modernismo e mail
Valkiria Marks
 
A semana-da-arte-moderna
A semana-da-arte-modernaA semana-da-arte-moderna
A semana-da-arte-moderna
Mirceya Lima
 
10 escolas literarias_modernismo_1_2_3_geracoes
10 escolas literarias_modernismo_1_2_3_geracoes10 escolas literarias_modernismo_1_2_3_geracoes
10 escolas literarias_modernismo_1_2_3_geracoes
Nincia Teixeira
 
Folder Manuel Bandeira
Folder Manuel BandeiraFolder Manuel Bandeira
Folder Manuel Bandeira
maariane27
 

Semelhante a Oswald de andrade (20)

1º fase do modernismo
1º fase do modernismo1º fase do modernismo
1º fase do modernismo
 
Destaques enciclopédia 29-12-2014 a 04-01-2015
Destaques enciclopédia 29-12-2014 a 04-01-2015Destaques enciclopédia 29-12-2014 a 04-01-2015
Destaques enciclopédia 29-12-2014 a 04-01-2015
 
Oswalddeandrade
OswalddeandradeOswalddeandrade
Oswalddeandrade
 
Oswald de Andrade
Oswald de AndradeOswald de Andrade
Oswald de Andrade
 
Modernismo - 1ª Geração.docx
Modernismo - 1ª Geração.docxModernismo - 1ª Geração.docx
Modernismo - 1ª Geração.docx
 
Oswald de Andrade
Oswald de AndradeOswald de Andrade
Oswald de Andrade
 
Autores de língua portuguesa
Autores de língua portuguesaAutores de língua portuguesa
Autores de língua portuguesa
 
Modernismo ii fase
Modernismo ii faseModernismo ii fase
Modernismo ii fase
 
Primeira Geração Modernista
Primeira Geração ModernistaPrimeira Geração Modernista
Primeira Geração Modernista
 
O modernismo no brasil
O modernismo no brasilO modernismo no brasil
O modernismo no brasil
 
Miguel Torga
Miguel TorgaMiguel Torga
Miguel Torga
 
Oswald De Andrade
Oswald De AndradeOswald De Andrade
Oswald De Andrade
 
Primeira Fase do Modernismo Brasileiro
Primeira Fase do Modernismo BrasileiroPrimeira Fase do Modernismo Brasileiro
Primeira Fase do Modernismo Brasileiro
 
Modernismo: FASE HERÓICA
Modernismo: FASE HERÓICAModernismo: FASE HERÓICA
Modernismo: FASE HERÓICA
 
Modernismono brasil ii fase
Modernismono brasil ii faseModernismono brasil ii fase
Modernismono brasil ii fase
 
A semana de arte moderna
A semana de arte modernaA semana de arte moderna
A semana de arte moderna
 
Modernismo e mail
Modernismo e mailModernismo e mail
Modernismo e mail
 
A semana-da-arte-moderna
A semana-da-arte-modernaA semana-da-arte-moderna
A semana-da-arte-moderna
 
10 escolas literarias_modernismo_1_2_3_geracoes
10 escolas literarias_modernismo_1_2_3_geracoes10 escolas literarias_modernismo_1_2_3_geracoes
10 escolas literarias_modernismo_1_2_3_geracoes
 
Folder Manuel Bandeira
Folder Manuel BandeiraFolder Manuel Bandeira
Folder Manuel Bandeira
 

Mais de Anabel Aguiar

Solventes
Solventes Solventes
Solventes
Anabel Aguiar
 
Musica e poesia - comparação
Musica e poesia - comparaçãoMusica e poesia - comparação
Musica e poesia - comparação
Anabel Aguiar
 
Filme - Anjos e demônios - obra santa teresa em êxtase - bernini
Filme - Anjos e demônios - obra santa teresa em êxtase - berniniFilme - Anjos e demônios - obra santa teresa em êxtase - bernini
Filme - Anjos e demônios - obra santa teresa em êxtase - bernini
Anabel Aguiar
 
Frida kahlo
Frida kahloFrida kahlo
Frida kahlo
Anabel Aguiar
 
Luís vaz de camões
Luís vaz de camões Luís vaz de camões
Luís vaz de camões
Anabel Aguiar
 
Ciclo do carbono e nitrogênio
Ciclo do carbono e nitrogênio Ciclo do carbono e nitrogênio
Ciclo do carbono e nitrogênio
Anabel Aguiar
 
Vanguarda
Vanguarda Vanguarda
Vanguarda
Anabel Aguiar
 
Checklist de hudson couto
Checklist de hudson couto Checklist de hudson couto
Checklist de hudson couto
Anabel Aguiar
 
Industrialização - MWM
Industrialização - MWMIndustrialização - MWM
Industrialização - MWM
Anabel Aguiar
 
Contrato - Segurança do trabalho
Contrato - Segurança do trabalhoContrato - Segurança do trabalho
Contrato - Segurança do trabalho
Anabel Aguiar
 
Hipótese gaia
Hipótese gaiaHipótese gaia
Hipótese gaia
Anabel Aguiar
 
Àcidos e bases
Àcidos e basesÀcidos e bases
Àcidos e bases
Anabel Aguiar
 

Mais de Anabel Aguiar (12)

Solventes
Solventes Solventes
Solventes
 
Musica e poesia - comparação
Musica e poesia - comparaçãoMusica e poesia - comparação
Musica e poesia - comparação
 
Filme - Anjos e demônios - obra santa teresa em êxtase - bernini
Filme - Anjos e demônios - obra santa teresa em êxtase - berniniFilme - Anjos e demônios - obra santa teresa em êxtase - bernini
Filme - Anjos e demônios - obra santa teresa em êxtase - bernini
 
Frida kahlo
Frida kahloFrida kahlo
Frida kahlo
 
Luís vaz de camões
Luís vaz de camões Luís vaz de camões
Luís vaz de camões
 
Ciclo do carbono e nitrogênio
Ciclo do carbono e nitrogênio Ciclo do carbono e nitrogênio
Ciclo do carbono e nitrogênio
 
Vanguarda
Vanguarda Vanguarda
Vanguarda
 
Checklist de hudson couto
Checklist de hudson couto Checklist de hudson couto
Checklist de hudson couto
 
Industrialização - MWM
Industrialização - MWMIndustrialização - MWM
Industrialização - MWM
 
Contrato - Segurança do trabalho
Contrato - Segurança do trabalhoContrato - Segurança do trabalho
Contrato - Segurança do trabalho
 
Hipótese gaia
Hipótese gaiaHipótese gaia
Hipótese gaia
 
Àcidos e bases
Àcidos e basesÀcidos e bases
Àcidos e bases
 

Último

Relatório de Atividades 2020 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2020 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2020 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2020 CENSIPAM.pdf
Falcão Brasil
 
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
DirceuSilva26
 
Slide para aplicação da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
Slide para aplicação  da AVAL. FLUÊNCIA.pptxSlide para aplicação  da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
Slide para aplicação da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
LeilaVilasboas
 
As Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
As Ideias Têm Consequências - Richard M. WeaverAs Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
As Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
C4io99
 
Caça-palavras e cruzadinha - Encontros consonantais.
Caça-palavras e cruzadinha -  Encontros consonantais.Caça-palavras e cruzadinha -  Encontros consonantais.
Caça-palavras e cruzadinha - Encontros consonantais.
Mary Alvarenga
 
Caderno 1 - Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
Caderno 1 -  Módulo Água JMS 2024 (1).pdfCaderno 1 -  Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
Caderno 1 - Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
SupervisoEMAC
 
Relatório de Atividades 2009 CENSIPAM
Relatório de Atividades 2009 CENSIPAM Relatório de Atividades 2009 CENSIPAM
Relatório de Atividades 2009 CENSIPAM
Falcão Brasil
 
Ideais do Ministério jovem Adventista pdf
Ideais do Ministério jovem Adventista pdfIdeais do Ministério jovem Adventista pdf
Ideais do Ministério jovem Adventista pdf
Anesio2
 
escrita criativa utilizada na arteterapia
escrita criativa   utilizada na arteterapiaescrita criativa   utilizada na arteterapia
escrita criativa utilizada na arteterapia
shirleisousa9166
 
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptxA perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
marcos oliveira
 
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e CaminhosAprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
Leonel Morgado
 
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UEInfografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Centro Jacques Delors
 
Caça - palavras e cruzadinha com dígrafos
Caça - palavras  e cruzadinha   com  dígrafosCaça - palavras  e cruzadinha   com  dígrafos
Caça - palavras e cruzadinha com dígrafos
Mary Alvarenga
 
farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...
farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...
farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...
AngelicaCostaMeirele2
 
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptxSlides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Painel para comemerorar odia dos avós grátis.pdf
Painel  para comemerorar odia dos avós grátis.pdfPainel  para comemerorar odia dos avós grátis.pdf
Painel para comemerorar odia dos avós grátis.pdf
marcos oliveira
 
Oficina de bases de dados - Dimensions.pdf
Oficina de bases de dados - Dimensions.pdfOficina de bases de dados - Dimensions.pdf
Oficina de bases de dados - Dimensions.pdf
beathrizalves131
 

Último (20)

RECORDANDO BONS MOMENTOS! _
RECORDANDO BONS MOMENTOS!               _RECORDANDO BONS MOMENTOS!               _
RECORDANDO BONS MOMENTOS! _
 
TALENTOS DA NOSSA ESCOLA .
TALENTOS DA NOSSA ESCOLA                .TALENTOS DA NOSSA ESCOLA                .
TALENTOS DA NOSSA ESCOLA .
 
Relatório de Atividades 2020 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2020 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2020 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2020 CENSIPAM.pdf
 
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
 
Slide para aplicação da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
Slide para aplicação  da AVAL. FLUÊNCIA.pptxSlide para aplicação  da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
Slide para aplicação da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
 
As Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
As Ideias Têm Consequências - Richard M. WeaverAs Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
As Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
 
Caça-palavras e cruzadinha - Encontros consonantais.
Caça-palavras e cruzadinha -  Encontros consonantais.Caça-palavras e cruzadinha -  Encontros consonantais.
Caça-palavras e cruzadinha - Encontros consonantais.
 
Caderno 1 - Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
Caderno 1 -  Módulo Água JMS 2024 (1).pdfCaderno 1 -  Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
Caderno 1 - Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
 
Relatório de Atividades 2009 CENSIPAM
Relatório de Atividades 2009 CENSIPAM Relatório de Atividades 2009 CENSIPAM
Relatório de Atividades 2009 CENSIPAM
 
Ideais do Ministério jovem Adventista pdf
Ideais do Ministério jovem Adventista pdfIdeais do Ministério jovem Adventista pdf
Ideais do Ministério jovem Adventista pdf
 
escrita criativa utilizada na arteterapia
escrita criativa   utilizada na arteterapiaescrita criativa   utilizada na arteterapia
escrita criativa utilizada na arteterapia
 
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptxA perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
 
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e CaminhosAprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
 
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UEInfografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
 
Caça - palavras e cruzadinha com dígrafos
Caça - palavras  e cruzadinha   com  dígrafosCaça - palavras  e cruzadinha   com  dígrafos
Caça - palavras e cruzadinha com dígrafos
 
farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...
farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...
farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...
 
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptxSlides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
 
Painel para comemerorar odia dos avós grátis.pdf
Painel  para comemerorar odia dos avós grátis.pdfPainel  para comemerorar odia dos avós grátis.pdf
Painel para comemerorar odia dos avós grátis.pdf
 
Oficina de bases de dados - Dimensions.pdf
Oficina de bases de dados - Dimensions.pdfOficina de bases de dados - Dimensions.pdf
Oficina de bases de dados - Dimensions.pdf
 
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO .
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO                .FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO                .
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO .
 

Oswald de andrade

  • 1. Oswald De Andrade Anabel Jaqueline Marcelo 3ºD Pedro Vanessa
  • 2. Introdução • José Oswald de Sousa Andrade • São Paulo - SP • Nascimento 11/01/1890
  • 3. Trajetória 1900 - Inicia seus estudos na Escola Modelo Caetano de Campos, e mais tarde transferiu-se para o Colégio São Bento; 1908 - Formou em Bacharel de Humanidades; 1909 – Começa trabalhando como jornalista e também como crítico teatral para o Diário Popular; 1910 – Lança “O Pirralho”; 1912 - Partiu para a Europa, retornar ao Brasil volta acompanhada da estudante francesa Kamiá; 1914 – Nasce seu filho José Oswald Antônio Andrade (Nonê) e se tornou Bacharel em Ciências e Letras; 1917 - Conhece o escritor Mário de Andrade, defende Anita Malfatti das criticas de Monteiro Lobato;
  • 4. Semana de 1922 • Em fevereiro de 1922, juntamente com outros nomes como Mário de Andrade, Menotti del Picchia, Luis Aranha, Tarsila do Amaral, Anita Malfatti, Di Cavalcanti e Victor Brecheret, entre outros, promovem a Semana da Arte Moderna, com o objetivo de discutir a identidade nacional e implementar novos rumos das artes na cultura brasileira.
  • 5. Tarsila do Amaral None Ruda filhos • 1923 – Viajamos para a Europa; • 1926 - Oficializamos o nosso casamento ; • 1929 – Se separar.
  • 7. Trajetória 1936 – Casa- se com a poetisa Julieta Bárbara; 1939 – Viaja para a Europa, para participar do Congresso do Pen Club, em Estocolmo; 1940 - Começou a escrever no Jornal da Manhã, sobre a vida econômica, política e social de São Paulo; 1942 - Passou a publicar diversas obras; 1943 – Casa- se com Maria Antonia d´Alkmin; 1956 – Morre em São Paulo.
  • 9. Principais Obras Humor: Revista “O Pirralho” — crônicas em português macarrônico sob o pseudônimo de Annibale Scipione (1912 — 1917) Poesia: Pau-Brasil (1925) Primeiro caderno do aluno de poesia Oswald de Andrade (1927) Cântico dos cânticos para flauta e violão (1945) O escaravelho de ouro (1946)
  • 10. Principais Obras Romance: A trilogia do exílio: I — Os condenados, II —A estrela de absinto, III — A escada vermelha (1922-1934) Memórias sentimentais de João Miramar (1924) Serafim Ponte Grande (1933) Marco Zero: I - A revolução melancólica, II — Chão (1943). Memórias: Um homem sem profissão (1954)
  • 11. Principais Obras Teatro: A recusa (1913) Théâtre Brésilien — Mon coeur balance e Leur Âme (1916) (com Guilherme de Almeida) O homem e o cavalo (1934) A morta (1937); O rei da vela (1937). O rei floquinhos (1953)
  • 12. Principais Obras Manifestos: Manifesto da Poesia Pau-Brasil (1924) Manifesto Antropófago (1928) Manifesto Ordem e Progresso (1931) Teses, artigos e conferências publicadas: O meu poeta futurista (1921) A Arcádia e a Inconfidência (1945) A sátira na poesia brasileira (1945)
  • 13. Publicações Póstumas A utopia antropofágica – Globo Ponta de lança – Globo O rei da vela – Globo Pau Brasil – Obras completas – Globo O santeiro do mangue e outros poemas – Globo Obras completas – Um homem sem profissão – Memórias e confissões sob as ordens de mamãe – Globo Telefonema – Globo Dicionário de bolso – Globo O perfeito cozinheiro das almas desse mundo – Globo Os condenados – A trilogia do exílio – Globo Primeiro caderno do aluno de poesia Oswald de Andrade – Globo Os dentes do dragão – Globo Mon coeur balance – Le Âme - Globo
  • 14. Manifesto da Poesia Pau Brasil
  • 15. O Rei da Vela
  • 16. Sua influencia nos dias atuais
  • 17. Referencias Bibliográficas • http://www.releituras.com/oandrade_bio.asp • http://www.suapesquisa.com/biografias/oswalddeandrade/ • http://www.infoescola.com/literatura/oswald-de-andrade/ • http://profjosepsantos.wordpress.com/2011/03/08/pagu-uma- jovem-mulher-a-frente-de-seu-tempo/ • http://clovisbarbosa.blogspot.com.br/2011/06/e-o-amor.html • http://www1.folha.uol.com.br/livrariadafolha/1047657- conheca-vida-e-obra-de-oswald-de-andrade.shtml • http://www.tvsinopse.kinghost.net/art/o/oswald.htm • http://ascoresdasruas.blogspot.com.br/2011/10/oswaldo-de-andrade- entre-dois-amores.html

Notas do Editor

  1. Tarsila encantou Oswaldo de Andrade com quem foi casada quatro anos. Essa parceria contribuiu para que ambos alavancassem suas produções; ela na pintura e ele na literatura. A paixão dos dois resultou em frutos eternos: a “musa do modernismo” inventou o conceito de brasilidade e o idealizador do Manifesto de mesmo nome abriu as portas para o que hoje conhecemos de antropofagia.
  2. Oswald de Andrade e Pagu O escritor era casado com a pintora Tarsila do Amaral: os dois eram o casal símbolo do modernismo, tanto que ficaram conhecidos como Tarsiwald, como se fossem uma pessoa só. Oswald, porém, acabou se apaixonando por uma jovem escritora, chamada Patrícia Galvão (a Pagu). No início, parece que Tarsila até aceitou o triângulo amoroso (e intelectual), mas não demorou muito para o casal se separar. Tarsila se sentia traída por Oswald, mas principalmente por Pagu, a quem chamou pejorativamente de “a normalista”. Fonte: livro Amores proibidos na história do Brasil.