SlideShare uma empresa Scribd logo
A Democracia
Participativa e a
 Construção da
 Escola Popular
ENCONTRO DOS COORDENADORES
DAS ELEIÇÕES PARA OS DELEGADOS
     QUE PARTICIPARÃO DO XIV
    CONGRESSO ESTADUAL DOS
  TRABALHADORES EM EDUCAÇÃO
CONGRESSO SINDICAL ESTATUTÁRIO
 É norma estatutária que o SINTESE realize o Congresso a cada 2
(dois) anos, sendo o mesmo a instância máxima para aprovação do
Plano de Lutas e reforma do Estatuto do sindicato.

A IMPORTÂNCIA DO XIV CONGRESSO
 Avaliar a situação política, econômica e social internacional,
nacional e local, identificando as consequências para os
trabalhadores em educação, bem como debater políticas públicas de
educação;

 Avaliar às lutas em defesa dos profissionais da educação, a
organização sindical do SINTESE, as ações para promover a
qualidade social da educação pública e preparar o Magistério Público
para enfrentar e superar os desafios do próximo biênio.
OBJETIVOS DO XIV CONGRESSO DO SINTESE
 Refletir e debater sobre o tema central: “A democracia participativa
e a Construção da Escola Popular”;
 Construir e aprovar o Plano de Lutas e a Pauta de Reivindicações
para o próximo biênio;
 Apresentar, debater e deliberar sobre a proposta "Escola
Democrática e Popular: a educação que queremos".

TESES PARA O XIV CONGRESSO DO SINTESE
 As teses deverão ser inscritas até 18 horas do dia 10 de outubro de
2012, na sede Central do SINTESE, localizado à Rua Campos, nº
107, Bairro São José, em Aracaju. O texto-base da tese deve conter
os seguintes temas: Conjuntura; Balanço; Política Educacional;
Plano de Lutas e, se for o caso, propostas alternativas para reforma
estatutária. As teses devem ser assinadas pelos seus signatários e
conter, no mínimo, 60 (sessenta) assinaturas de filiados do
SINTESE.
PARTICIPANTES DO XIV CONGRESSO DO SINTESE
DELEGADOS(AS) ELEITOS(AS):
 São os educadores(as) filiados(as) ao SINTESE, quites com as
suas obrigações sindicais e eleitos(as) em seus locais de trabalho.

DELEGADOS(AS) NATOS(AS):
De acordo com o Artigo 15 do Estatuto do SINTESE, são os
membros do Conselho Estadual de Representantes do SINTESE-
CERES; os integrantes do Conselho Fiscal do SINTESE e os
Delegados Sindicais Titulares das Redes Estadual e Municipais.

OBSERVADORES(AS):
 Ficam asseguradas 250 (duzentos e cinqüenta) vagas para
Observadores(as), respeitado o critério de que sejam Profissionais
da Educação filiados(as) ao SINTESE.
CRITÉRIOS PARA ELEIÇÃO DOS DELEGADO(A)S

Os Delegados (as) ao XIV Congresso Estadual dos Trabalhadores em
Educação Básica da Rede Pública de Sergipe, serão eleitos nos locais de
trabalho, respeitando o número de filiados na base, na proporção de 1 (um)
Delegado(a) para cada 10 (dez) filiados, nos termos dos preceitos do artigo
9º do Estatuto do SINTESE, no período de 27/08 a 11/10/2012, da seguinte
forma:

• As plenárias, por local de trabalho, ocorrerão somente nas escolas ou
órgãos que tenham número igual ou acima de 06 (seis) filiados, respeitada a
proporção de trabalhadores filiados na base;

•Poderão votar e ser votados todos os filiados que estiverem quites com as
suas obrigações sindicais no ato da plenária, inclusive, aqueles filiados que
não estão descontando a contribuição sindical, embora o ente público não
venha fazendo o devido repasse para o SINTESE.
CRITÉRIOS PARA ELEIÇÃO DOS DELEGADO(A)S

•No ato da eleição dos Delegados (a)s titulares, serão também escolhidos os
suplentes, em quantidade nunca superior a 50% (cinqüenta por cento) das
vagas, observando-se o resultado da votação para fins de definição da ordem
dos suplentes;

•Nos locais de trabalho que tenham até 10 (dez) filiados será eleito 01 (um)
Delegado (a); a partir daí, para cada 10 (dez), ou fração igual ou superior a
05 (cinco), a plenária escolherá mais um Delegado (a);
CRITÉRIOS PARA ELEIÇÃO DOS DELEGADO(A)S

•No caso das escolas pequenas que tenham até 05 (cinco) filiados haverá
plenárias unificadas de escolas, por município, para que seja procedida a
eleição dos Delegados (as), na mesma proporção de trabalhadores na base,
da seguinte forma:

•Nas plenárias unificadas, para cada 10 (dez) filiados, será eleito 01 (um)
Delegado (a) e, em caso de fração igual ou superior a 05 (cinco), a plenária
escolherá mais um Delegado (a);

•Poderão ser realizadas, dentro do mesmo município, plenárias regionais das
escolas que possuem até 05 (cinco) filiados, respeitado o critério de
proximidade geográfica;

•Nos municípios, cuja totalização dos filiados das escolas seja inferior a 10
(dez) sindicalizados, será eleito 01 (um) Delegado (a);
ELEIÇÃO DOS DELEGADO(A)S APOSENTADOS

Os filiados aposentados serão convocados pelo correio visando à eleição dos
Delegados (as) para o XIV Congresso, obedecendo-se aos seguintes
critérios:

•As plenárias para a eleição dos Delegados (as) aposentados ocorrerão nos
municípios;
•A escolha dos Delegados (as) aposentados será de 01 (um) Delegado (a)
para cada 10 (dez) sindicalizados, devendo-se escolher mais um, para os
casos de fração igual ou superior a 05 (cinco);
•Participam da plenária, no município, os filiados aposentados das redes
estadual e municipal.
ATAS DE ELEIÇÃO DOS
DELEGADO(A)S

• As atas de eleição de Delegado
(as) deverão ser encaminhadas
pelas Sub-Sedes Regionais e
Delegacias Sindicais para a sede
central do SINTESE, até o dia
01/10/2012;
HOSPEDAGEM E ALIMENTAÇÃO:
• A Resolução convocatória do XIV CONGRESSO, estabelece que o SINTESE
assumirá as despesas de hospedagem dos(as) delegados(as) residentes no
interior, com exceção daqueles(as) procedentes de Aracaju e da Região
Metropolitana;
• Somente será assegurada hospedagem para os(as) delegados(as), residentes
em municípios do interior do Estado, cuja solicitação esteja registrada na ata da
plenária que o elegeu e que tenha confirmado o pedido de reserva em hotel para a
Comissão de Acolhimento do XIV CONGRESSO, até o dia 19/10/2012;
•A diária do hotel inclui somente o café da manhã. O SINTESE não assumirá
nenhuma despesa com frigobar, telefone, lavagem de roupa, almoço ou jantar;
• Os delegados residentes em Aracaju, São Cristóvão, Nossa Senhora do Socorro
e Barra dos Coqueiros não terão direito hospedagem. Excepcionalmente a
Comissão Organizadora analisará as solicitações de hospedagem de filiados
residentes em locais de difícil acesso do município de Laranjeiras;
• As despesas de alimentação serão assumidas integralmente pelos participantes
do XIV CONGRESSO.
TRANSPORTE:
• A organização do XIV CONGRESSO assegurará a contratação de empresas
especializadas em transporte de passageiros para a contratação de ônibus ou vans,
com o objetivo de assegurar o traslado dos delegados do interior, de forma coletiva e
organizados através de caravanas;

• O SINTESE não assumirá o reembolso individual de passagens de nenhum
delegado;

• O SINTESE não reembolsará as despesas de combustível de nenhum delegado;
• Os delegados residentes em Aracaju, São Cristóvão, Nossa Senhora do Socorro,
Barra dos Coqueiros e Laranjeiras não serão reembolsados nas despesas de
transporte coletivo;

• As solicitações para transporte, desde que coletivas, não previstas nesta
Resolução, deverão ser requeridas por escrito para a Comissão Organizadora do XIV
CONGRESSO, até 19/10/2012, que analisará o pleito e comunicará a decisão,
sempre por escrito, aos requerentes.
TITULAÇÃO

• Os certificados de participação no XIV CONGRESSO serão emitidos pela
Universidade Federal de Sergipe, nos termos do convênio celebrado entre o
SINTESE e a UFS;

• Os certificados, cuja participação dos(as) delegados(as) ou observadores(as) em
plenário ou trabalho em grupos for inferior a 20 (vinte) horas serão emitidos pelo
SINTESE;

• Os certificados, cuja participação dos(as) delegados(as) ou observadores(as) em
plenário ou trabalho em grupos for igual ou superior a 20 (vinte) horas serão
emitidos pela UFS;
TITULAÇÃO

•O controle de freqüência será feito
de forma ininterrupta, cabendo ao
participante o livre arbítrio para
decidir os horários de entrada e
saída do plenário;

• Para efeito de emissão de
certificados, a carga horária máxima
é de 28 (vinte e oito) horas para
os(as) Delegados(as) e
Observadores(as).
PAGAMENTO DA TAXA DE INSCRIÇÃO DE DELEGADOS(AS) E
OBSERVADORES(AS):
O pagamento da taxa de inscrição obedecerá os seguintes critérios:
PAGAMENTO DA TAXA DE INSCRIÇÃO DE DELEGADOS(AS) E
OBSERVADORES(AS):

 O PAGAMENTO DA TAXA DE INSCRIÇÃO do XIV CONGRESSO poderá ser
efetuado em uma das contas bancárias especificadas abaixo, a favor do SINTESE,
através de DEPÓSITO IDENTIFICADO COM CPF :




                                             048
PAGAMENTO DA TAXA DE INSCRIÇÃO DE DELEGADOS(AS) E
OBSERVADORES(AS):

• O pagamento da Taxa de Inscrição não dispensa o preenchimento da ficha de
inscrição.

• O comprovante do pagamento da taxa de inscrição deverá ser apresentado no
ATO DO CREDENCIAMENTO.
PARTICIPAÇÃO DE
OBSERVADORES(AS
• Profissionais da Educação da rede pública,
não sindicalizados, que efetuem a sua filiação
ao SINTESE poderão inscrever-se como
Observadores (as);
• Os observadores (as) participam dos trabalhos
dos grupos temáticos de debate da Tese Guia e
das plenárias deliberativas sem direito a voto.
•Tendo em vista que os Observadores (as) não
possuem direito a voto, os mesmos serão
identificados(as) com crachás em cores
distintas dos(as) Delegados(as);
•O SINTESE não assumirá nenhuma despesa
de transporte, alimentação ou hospedagem dos
(as) Observadores (as).
CREDENCIAMENTO
O credenciamento dos Delegados(as) e Observadores(as) dar-se-á:

•Nos dias 03, 05 e 06 de novembro de 2012, na sede do SINTESE, situado à Rua
Campos, 107, Bairro São José, no horário das 8:30 às 18 h;
•No dia 07/11/2012, das 8h às 18h, o credenciamento será no Iate Clube de Aracaju;
•Na desistência dos(as) Delegados (as) titulares será feita a inscrição do(a)
Delegado(a) suplente, correspondente ao mesmo local de trabalho, observando-se a
ordem da suplência e desde que o nome conste na ata de eleição de Delegados(as).
•Em caso de desistência anterior ao prazo definido para o credenciamento, o
suplente somente será inscrito mediante apresentação, por escrito, de Termo de
Desistência, devidamente assinado pelo (a) Delegado (a) titular, de acordo com o
modelo distribuído por ocasião da plenária para eleição dos(as) Delegado(a)s(as);
•Fica proibido o credenciamento de Delegados (as) titulares e suplentes, após o
prazo final acima estabelecido (18h do dia 07/11/12);
•Os(As) Coordenadores(as) das Regionais e o(as)s Coordenadore(as)s municipais
não adstritos às Sub-Sedes, poderão realizar o credenciamento dos(as) Delegados
(as) dos seus respectivos municípios, desde que comprovem o pagamento da taxa
de inscrição.
CRECHE
• Objetivando assegurar o direito à plena
participação das Mulheres Professoras,
particularmente das mães de crianças de 0 a
6 anos, o SINTESE disponibilizará a estrutura
da "Creche RECRIAR" no CENTRO
CULTURAL DO SINTESE (Av. Augusto
Maynard nº322, Bairro São José) oferecendo,
inclusive, espaço para amamentação;
CRECHE
• As Professoras participantes do
XIV CONGRESSO que
necessitarem de creche para os(as)
seus(suas) filhos(as) deverão
requerer, através do preenchimento
na Ata de Eleição e na Ficha de
Inscrição até o dia 19/10/2012;

• O material de higiene pessoal,
vestuário (inclusive fraldas e toalha),
medicamentos e alimentação
deverão ser fornecidos pelas mães.
CALENDÁRIO ORGANIZATIVO DO XIV CONGRESSO
CALENDÁRIO ORGANIZATIVO DO XIV CONGRESSO
CALENDÁRIO ORGANIZATIVO DO XIV CONGRESSO

Mais conteúdo relacionado

Semelhante a Orientações gerais - XIV CONGRESSO ESTADUAL DE EDUCAÇÃO

6. Conselho Escolar Jose Luiz
6. Conselho Escolar Jose Luiz6. Conselho Escolar Jose Luiz
6. Conselho Escolar Jose Luiz
Sandra Luccas
 
Lei municipal nº 809 de 22 de junho de 2006 cmec
Lei municipal nº 809 de 22 de junho de 2006   cmecLei municipal nº 809 de 22 de junho de 2006   cmec
Lei municipal nº 809 de 22 de junho de 2006 cmec
EMBcae consultoria e assessoria educacional
 
LAB.RIO - Chamada pública - Conselho da Juventude da Cidade
LAB.RIO - Chamada pública - Conselho da Juventude da CidadeLAB.RIO - Chamada pública - Conselho da Juventude da Cidade
LAB.RIO - Chamada pública - Conselho da Juventude da Cidade
Colaborativismo
 
Apresentação Cohab SP
Apresentação Cohab SPApresentação Cohab SP
Apresentação Cohab SP
Associação Cohabs
 
Edital de Eleição - Diretoria Executiva e Conselho Consultivo CEEMPRE Jr 2011
Edital de Eleição - Diretoria Executiva e Conselho Consultivo CEEMPRE Jr 2011Edital de Eleição - Diretoria Executiva e Conselho Consultivo CEEMPRE Jr 2011
Edital de Eleição - Diretoria Executiva e Conselho Consultivo CEEMPRE Jr 2011
CEEMPRE
 
Edital de Eleição - Diretoria Executiva e Conselho Consultivo CEEMPRE Jr 2011
Edital de Eleição - Diretoria Executiva e Conselho Consultivo CEEMPRE Jr 2011Edital de Eleição - Diretoria Executiva e Conselho Consultivo CEEMPRE Jr 2011
Edital de Eleição - Diretoria Executiva e Conselho Consultivo CEEMPRE Jr 2011
CEEMPRE
 
Lei 4130 2001 sobre cec cuiabá
Lei 4130 2001 sobre cec cuiabáLei 4130 2001 sobre cec cuiabá
Lei 4130 2001 sobre cec cuiabá
educagil
 
Lei nº 1410, de 14 de Abril de 1998 Criação.
Lei nº 1410, de 14 de Abril de 1998 Criação.Lei nº 1410, de 14 de Abril de 1998 Criação.
Lei nº 1410, de 14 de Abril de 1998 Criação.
Imprensa-semec
 
EleiçAo Diretores Ijuí
EleiçAo Diretores IjuíEleiçAo Diretores Ijuí
EleiçAo Diretores Ijuí
José Augusto Fiorin
 
Resolução cmec nº 001 de 5 de maio de 2014
Resolução cmec nº 001 de 5 de maio de 2014Resolução cmec nº 001 de 5 de maio de 2014
Resolução cmec nº 001 de 5 de maio de 2014
EMBcae consultoria e assessoria educacional
 
Plano de ação: Revitalização do Colegiado Escolar
Plano de ação: Revitalização do Colegiado EscolarPlano de ação: Revitalização do Colegiado Escolar
Plano de ação: Revitalização do Colegiado Escolar
Maisaro
 
Lei nº 4998 2007 g democrática creche cuiabá
Lei nº 4998 2007 g democrática creche cuiabáLei nº 4998 2007 g democrática creche cuiabá
Lei nº 4998 2007 g democrática creche cuiabá
educagil
 
Regimento do IV CONSERM
Regimento do IV CONSERMRegimento do IV CONSERM
Regimento do IV CONSERM
Luan Matheus
 
O trabalho dos jovens senadores
O trabalho dos jovens senadoresO trabalho dos jovens senadores
O trabalho dos jovens senadores
jovemsenador
 
Par208 14 - representacao discente - anexo
Par208 14 - representacao discente - anexoPar208 14 - representacao discente - anexo
Par208 14 - representacao discente - anexo
Silvio Corrêa
 
Minuta de projeto de lei em substituição à lei nº 913 de 13.12.2011 conselho...
Minuta de projeto de lei em substituição à lei nº 913 de 13.12.2011  conselho...Minuta de projeto de lei em substituição à lei nº 913 de 13.12.2011  conselho...
Minuta de projeto de lei em substituição à lei nº 913 de 13.12.2011 conselho...
EMBcae consultoria e assessoria educacional
 
Regimento dos Conselhos Locais de Saúde de Feira de Santana-BA
Regimento dos Conselhos Locais de Saúde de Feira de Santana-BARegimento dos Conselhos Locais de Saúde de Feira de Santana-BA
Regimento dos Conselhos Locais de Saúde de Feira de Santana-BA
Iranildo Ribeiro
 
Minuta resolucao diretor_campus
Minuta resolucao diretor_campusMinuta resolucao diretor_campus
Minuta resolucao diretor_campus
Maria Lucia Vinha
 
Estatutos da apl
Estatutos da aplEstatutos da apl
Estatutos da apl
Sandra Costa
 
APRES_MUNICIPIOS_3_AMPL.pptx
APRES_MUNICIPIOS_3_AMPL.pptxAPRES_MUNICIPIOS_3_AMPL.pptx
APRES_MUNICIPIOS_3_AMPL.pptx
EleonoraVaccarezza
 

Semelhante a Orientações gerais - XIV CONGRESSO ESTADUAL DE EDUCAÇÃO (20)

6. Conselho Escolar Jose Luiz
6. Conselho Escolar Jose Luiz6. Conselho Escolar Jose Luiz
6. Conselho Escolar Jose Luiz
 
Lei municipal nº 809 de 22 de junho de 2006 cmec
Lei municipal nº 809 de 22 de junho de 2006   cmecLei municipal nº 809 de 22 de junho de 2006   cmec
Lei municipal nº 809 de 22 de junho de 2006 cmec
 
LAB.RIO - Chamada pública - Conselho da Juventude da Cidade
LAB.RIO - Chamada pública - Conselho da Juventude da CidadeLAB.RIO - Chamada pública - Conselho da Juventude da Cidade
LAB.RIO - Chamada pública - Conselho da Juventude da Cidade
 
Apresentação Cohab SP
Apresentação Cohab SPApresentação Cohab SP
Apresentação Cohab SP
 
Edital de Eleição - Diretoria Executiva e Conselho Consultivo CEEMPRE Jr 2011
Edital de Eleição - Diretoria Executiva e Conselho Consultivo CEEMPRE Jr 2011Edital de Eleição - Diretoria Executiva e Conselho Consultivo CEEMPRE Jr 2011
Edital de Eleição - Diretoria Executiva e Conselho Consultivo CEEMPRE Jr 2011
 
Edital de Eleição - Diretoria Executiva e Conselho Consultivo CEEMPRE Jr 2011
Edital de Eleição - Diretoria Executiva e Conselho Consultivo CEEMPRE Jr 2011Edital de Eleição - Diretoria Executiva e Conselho Consultivo CEEMPRE Jr 2011
Edital de Eleição - Diretoria Executiva e Conselho Consultivo CEEMPRE Jr 2011
 
Lei 4130 2001 sobre cec cuiabá
Lei 4130 2001 sobre cec cuiabáLei 4130 2001 sobre cec cuiabá
Lei 4130 2001 sobre cec cuiabá
 
Lei nº 1410, de 14 de Abril de 1998 Criação.
Lei nº 1410, de 14 de Abril de 1998 Criação.Lei nº 1410, de 14 de Abril de 1998 Criação.
Lei nº 1410, de 14 de Abril de 1998 Criação.
 
EleiçAo Diretores Ijuí
EleiçAo Diretores IjuíEleiçAo Diretores Ijuí
EleiçAo Diretores Ijuí
 
Resolução cmec nº 001 de 5 de maio de 2014
Resolução cmec nº 001 de 5 de maio de 2014Resolução cmec nº 001 de 5 de maio de 2014
Resolução cmec nº 001 de 5 de maio de 2014
 
Plano de ação: Revitalização do Colegiado Escolar
Plano de ação: Revitalização do Colegiado EscolarPlano de ação: Revitalização do Colegiado Escolar
Plano de ação: Revitalização do Colegiado Escolar
 
Lei nº 4998 2007 g democrática creche cuiabá
Lei nº 4998 2007 g democrática creche cuiabáLei nº 4998 2007 g democrática creche cuiabá
Lei nº 4998 2007 g democrática creche cuiabá
 
Regimento do IV CONSERM
Regimento do IV CONSERMRegimento do IV CONSERM
Regimento do IV CONSERM
 
O trabalho dos jovens senadores
O trabalho dos jovens senadoresO trabalho dos jovens senadores
O trabalho dos jovens senadores
 
Par208 14 - representacao discente - anexo
Par208 14 - representacao discente - anexoPar208 14 - representacao discente - anexo
Par208 14 - representacao discente - anexo
 
Minuta de projeto de lei em substituição à lei nº 913 de 13.12.2011 conselho...
Minuta de projeto de lei em substituição à lei nº 913 de 13.12.2011  conselho...Minuta de projeto de lei em substituição à lei nº 913 de 13.12.2011  conselho...
Minuta de projeto de lei em substituição à lei nº 913 de 13.12.2011 conselho...
 
Regimento dos Conselhos Locais de Saúde de Feira de Santana-BA
Regimento dos Conselhos Locais de Saúde de Feira de Santana-BARegimento dos Conselhos Locais de Saúde de Feira de Santana-BA
Regimento dos Conselhos Locais de Saúde de Feira de Santana-BA
 
Minuta resolucao diretor_campus
Minuta resolucao diretor_campusMinuta resolucao diretor_campus
Minuta resolucao diretor_campus
 
Estatutos da apl
Estatutos da aplEstatutos da apl
Estatutos da apl
 
APRES_MUNICIPIOS_3_AMPL.pptx
APRES_MUNICIPIOS_3_AMPL.pptxAPRES_MUNICIPIOS_3_AMPL.pptx
APRES_MUNICIPIOS_3_AMPL.pptx
 

Mais de Sintese Sergipe

Denúncia: Estado de Sergipe poderia ter economizado mais de R$3 milhões na co...
Denúncia: Estado de Sergipe poderia ter economizado mais de R$3 milhões na co...Denúncia: Estado de Sergipe poderia ter economizado mais de R$3 milhões na co...
Denúncia: Estado de Sergipe poderia ter economizado mais de R$3 milhões na co...
Sintese Sergipe
 
Coletiva de imprensa: a realidade da educação pública estadual em Sergipe
Coletiva de imprensa: a realidade da educação pública estadual em SergipeColetiva de imprensa: a realidade da educação pública estadual em Sergipe
Coletiva de imprensa: a realidade da educação pública estadual em Sergipe
Sintese Sergipe
 
Cae vale do cotinguiba
Cae  vale do cotinguibaCae  vale do cotinguiba
Cae vale do cotinguiba
Sintese Sergipe
 
Situação da alimentação escolar em 8 escolas da rede estadual de Sergipe
Situação da alimentação escolar em 8 escolas da rede estadual de Sergipe Situação da alimentação escolar em 8 escolas da rede estadual de Sergipe
Situação da alimentação escolar em 8 escolas da rede estadual de Sergipe
Sintese Sergipe
 
Dados Sócio Educacionais Salgado Sergipe
Dados Sócio Educacionais Salgado SergipeDados Sócio Educacionais Salgado Sergipe
Dados Sócio Educacionais Salgado Sergipe
Sintese Sergipe
 
DOE 14 maio 2014 pag 02
DOE 14 maio 2014 pag 02DOE 14 maio 2014 pag 02
DOE 14 maio 2014 pag 02
Sintese Sergipe
 
Tabela salarial do magistério estadual de Sergipe mai/14
Tabela salarial do magistério estadual de Sergipe mai/14Tabela salarial do magistério estadual de Sergipe mai/14
Tabela salarial do magistério estadual de Sergipe mai/14
Sintese Sergipe
 
Queda de Matrícula Região Centro Sul de Sergipe - 1999-2013
Queda de Matrícula Região Centro Sul de Sergipe - 1999-2013Queda de Matrícula Região Centro Sul de Sergipe - 1999-2013
Queda de Matrícula Região Centro Sul de Sergipe - 1999-2013
Sintese Sergipe
 
Sergipe no Mais Cultura nas Escolas
Sergipe no Mais Cultura nas EscolasSergipe no Mais Cultura nas Escolas
Sergipe no Mais Cultura nas Escolas
Sintese Sergipe
 
Coletiva nota prova final 2013
Coletiva nota prova final 2013Coletiva nota prova final 2013
Coletiva nota prova final 2013
Sintese Sergipe
 
Confira a Programação Completa da XI CONFERÊNCIA
Confira a Programação Completa da XI CONFERÊNCIAConfira a Programação Completa da XI CONFERÊNCIA
Confira a Programação Completa da XI CONFERÊNCIA
Sintese Sergipe
 
Agamenon Sobral confirma que a irmã que assinou documento com papel timbrado ...
Agamenon Sobral confirma que a irmã que assinou documento com papel timbrado ...Agamenon Sobral confirma que a irmã que assinou documento com papel timbrado ...
Agamenon Sobral confirma que a irmã que assinou documento com papel timbrado ...
Sintese Sergipe
 
O GOVERNO PODE P
O GOVERNO PODE PO GOVERNO PODE P
O GOVERNO PODE P
Sintese Sergipe
 
Presidente do Sintese avalia política estadual de educação na Alese
Presidente do Sintese avalia política estadual de educação na AlesePresidente do Sintese avalia política estadual de educação na Alese
Presidente do Sintese avalia política estadual de educação na Alese
Sintese Sergipe
 
Princípios que orientam o Projeto "A escola democrática e popular"
Princípios que orientam o Projeto "A escola democrática e popular"Princípios que orientam o Projeto "A escola democrática e popular"
Princípios que orientam o Projeto "A escola democrática e popular"
Sintese Sergipe
 
O que é o Projeto "A ESCOLA DEMOCRÁTICA E POPULAR"
O que é o Projeto "A ESCOLA DEMOCRÁTICA E POPULAR"O que é o Projeto "A ESCOLA DEMOCRÁTICA E POPULAR"
O que é o Projeto "A ESCOLA DEMOCRÁTICA E POPULAR"
Sintese Sergipe
 
Apresentação conjuntura 4º congresso do fetrafesc 6.12.12
Apresentação conjuntura 4º congresso do fetrafesc   6.12.12Apresentação conjuntura 4º congresso do fetrafesc   6.12.12
Apresentação conjuntura 4º congresso do fetrafesc 6.12.12
Sintese Sergipe
 
Congresso edep 10_11_2012
Congresso edep 10_11_2012Congresso edep 10_11_2012
Congresso edep 10_11_2012Sintese Sergipe
 
Retrato das Escolas Públicas Municipais de Neópolis
Retrato das Escolas Públicas Municipais de NeópolisRetrato das Escolas Públicas Municipais de Neópolis
Retrato das Escolas Públicas Municipais de Neópolis
Sintese Sergipe
 
Proposta resolução de impasse
Proposta resolução de impasseProposta resolução de impasse
Proposta resolução de impasse
Sintese Sergipe
 

Mais de Sintese Sergipe (20)

Denúncia: Estado de Sergipe poderia ter economizado mais de R$3 milhões na co...
Denúncia: Estado de Sergipe poderia ter economizado mais de R$3 milhões na co...Denúncia: Estado de Sergipe poderia ter economizado mais de R$3 milhões na co...
Denúncia: Estado de Sergipe poderia ter economizado mais de R$3 milhões na co...
 
Coletiva de imprensa: a realidade da educação pública estadual em Sergipe
Coletiva de imprensa: a realidade da educação pública estadual em SergipeColetiva de imprensa: a realidade da educação pública estadual em Sergipe
Coletiva de imprensa: a realidade da educação pública estadual em Sergipe
 
Cae vale do cotinguiba
Cae  vale do cotinguibaCae  vale do cotinguiba
Cae vale do cotinguiba
 
Situação da alimentação escolar em 8 escolas da rede estadual de Sergipe
Situação da alimentação escolar em 8 escolas da rede estadual de Sergipe Situação da alimentação escolar em 8 escolas da rede estadual de Sergipe
Situação da alimentação escolar em 8 escolas da rede estadual de Sergipe
 
Dados Sócio Educacionais Salgado Sergipe
Dados Sócio Educacionais Salgado SergipeDados Sócio Educacionais Salgado Sergipe
Dados Sócio Educacionais Salgado Sergipe
 
DOE 14 maio 2014 pag 02
DOE 14 maio 2014 pag 02DOE 14 maio 2014 pag 02
DOE 14 maio 2014 pag 02
 
Tabela salarial do magistério estadual de Sergipe mai/14
Tabela salarial do magistério estadual de Sergipe mai/14Tabela salarial do magistério estadual de Sergipe mai/14
Tabela salarial do magistério estadual de Sergipe mai/14
 
Queda de Matrícula Região Centro Sul de Sergipe - 1999-2013
Queda de Matrícula Região Centro Sul de Sergipe - 1999-2013Queda de Matrícula Região Centro Sul de Sergipe - 1999-2013
Queda de Matrícula Região Centro Sul de Sergipe - 1999-2013
 
Sergipe no Mais Cultura nas Escolas
Sergipe no Mais Cultura nas EscolasSergipe no Mais Cultura nas Escolas
Sergipe no Mais Cultura nas Escolas
 
Coletiva nota prova final 2013
Coletiva nota prova final 2013Coletiva nota prova final 2013
Coletiva nota prova final 2013
 
Confira a Programação Completa da XI CONFERÊNCIA
Confira a Programação Completa da XI CONFERÊNCIAConfira a Programação Completa da XI CONFERÊNCIA
Confira a Programação Completa da XI CONFERÊNCIA
 
Agamenon Sobral confirma que a irmã que assinou documento com papel timbrado ...
Agamenon Sobral confirma que a irmã que assinou documento com papel timbrado ...Agamenon Sobral confirma que a irmã que assinou documento com papel timbrado ...
Agamenon Sobral confirma que a irmã que assinou documento com papel timbrado ...
 
O GOVERNO PODE P
O GOVERNO PODE PO GOVERNO PODE P
O GOVERNO PODE P
 
Presidente do Sintese avalia política estadual de educação na Alese
Presidente do Sintese avalia política estadual de educação na AlesePresidente do Sintese avalia política estadual de educação na Alese
Presidente do Sintese avalia política estadual de educação na Alese
 
Princípios que orientam o Projeto "A escola democrática e popular"
Princípios que orientam o Projeto "A escola democrática e popular"Princípios que orientam o Projeto "A escola democrática e popular"
Princípios que orientam o Projeto "A escola democrática e popular"
 
O que é o Projeto "A ESCOLA DEMOCRÁTICA E POPULAR"
O que é o Projeto "A ESCOLA DEMOCRÁTICA E POPULAR"O que é o Projeto "A ESCOLA DEMOCRÁTICA E POPULAR"
O que é o Projeto "A ESCOLA DEMOCRÁTICA E POPULAR"
 
Apresentação conjuntura 4º congresso do fetrafesc 6.12.12
Apresentação conjuntura 4º congresso do fetrafesc   6.12.12Apresentação conjuntura 4º congresso do fetrafesc   6.12.12
Apresentação conjuntura 4º congresso do fetrafesc 6.12.12
 
Congresso edep 10_11_2012
Congresso edep 10_11_2012Congresso edep 10_11_2012
Congresso edep 10_11_2012
 
Retrato das Escolas Públicas Municipais de Neópolis
Retrato das Escolas Públicas Municipais de NeópolisRetrato das Escolas Públicas Municipais de Neópolis
Retrato das Escolas Públicas Municipais de Neópolis
 
Proposta resolução de impasse
Proposta resolução de impasseProposta resolução de impasse
Proposta resolução de impasse
 

Último

Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escolaIntrodução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
Professor Belinaso
 
Slide de biologia aula2 2 bimestre no ano de 2024
Slide de biologia aula2  2 bimestre no ano de 2024Slide de biologia aula2  2 bimestre no ano de 2024
Slide de biologia aula2 2 bimestre no ano de 2024
vinibolado86
 
497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf
497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf
497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf
JoanaFigueira11
 
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptxReino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
CarinaSantos916505
 
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
DouglasMoraes54
 
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptxAtpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
joaresmonte3
 
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptxSlides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantilVogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
mamaeieby
 
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptxTreinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
MarcosPaulo777883
 
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGTUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
ProfessoraTatianaT
 
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptxRedação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
DECIOMAURINARAMOS
 
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
Mary Alvarenga
 
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua PortuguesaD20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
eaiprofpolly
 
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
GÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptxGÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptx
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
Marlene Cunhada
 
Fernão Lopes. pptx
Fernão Lopes.                       pptxFernão Lopes.                       pptx
Fernão Lopes. pptx
TomasSousa7
 
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
SILVIAREGINANAZARECA
 
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptxPP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdfUFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
Manuais Formação
 
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões.          pptxRimas, Luís Vaz de Camões.          pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
TomasSousa7
 
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
fran0410
 

Último (20)

Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escolaIntrodução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
 
Slide de biologia aula2 2 bimestre no ano de 2024
Slide de biologia aula2  2 bimestre no ano de 2024Slide de biologia aula2  2 bimestre no ano de 2024
Slide de biologia aula2 2 bimestre no ano de 2024
 
497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf
497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf
497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf
 
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptxReino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
 
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
 
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptxAtpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
 
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptxSlides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
 
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantilVogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
 
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptxTreinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
 
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGTUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
 
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptxRedação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
 
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
 
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua PortuguesaD20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
 
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
GÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptxGÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptx
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
 
Fernão Lopes. pptx
Fernão Lopes.                       pptxFernão Lopes.                       pptx
Fernão Lopes. pptx
 
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
 
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptxPP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
 
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdfUFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
 
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões.          pptxRimas, Luís Vaz de Camões.          pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
 
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
 

Orientações gerais - XIV CONGRESSO ESTADUAL DE EDUCAÇÃO

  • 1. A Democracia Participativa e a Construção da Escola Popular
  • 2. ENCONTRO DOS COORDENADORES DAS ELEIÇÕES PARA OS DELEGADOS QUE PARTICIPARÃO DO XIV CONGRESSO ESTADUAL DOS TRABALHADORES EM EDUCAÇÃO
  • 3. CONGRESSO SINDICAL ESTATUTÁRIO É norma estatutária que o SINTESE realize o Congresso a cada 2 (dois) anos, sendo o mesmo a instância máxima para aprovação do Plano de Lutas e reforma do Estatuto do sindicato. A IMPORTÂNCIA DO XIV CONGRESSO Avaliar a situação política, econômica e social internacional, nacional e local, identificando as consequências para os trabalhadores em educação, bem como debater políticas públicas de educação; Avaliar às lutas em defesa dos profissionais da educação, a organização sindical do SINTESE, as ações para promover a qualidade social da educação pública e preparar o Magistério Público para enfrentar e superar os desafios do próximo biênio.
  • 4. OBJETIVOS DO XIV CONGRESSO DO SINTESE Refletir e debater sobre o tema central: “A democracia participativa e a Construção da Escola Popular”; Construir e aprovar o Plano de Lutas e a Pauta de Reivindicações para o próximo biênio; Apresentar, debater e deliberar sobre a proposta "Escola Democrática e Popular: a educação que queremos". TESES PARA O XIV CONGRESSO DO SINTESE As teses deverão ser inscritas até 18 horas do dia 10 de outubro de 2012, na sede Central do SINTESE, localizado à Rua Campos, nº 107, Bairro São José, em Aracaju. O texto-base da tese deve conter os seguintes temas: Conjuntura; Balanço; Política Educacional; Plano de Lutas e, se for o caso, propostas alternativas para reforma estatutária. As teses devem ser assinadas pelos seus signatários e conter, no mínimo, 60 (sessenta) assinaturas de filiados do SINTESE.
  • 5. PARTICIPANTES DO XIV CONGRESSO DO SINTESE DELEGADOS(AS) ELEITOS(AS): São os educadores(as) filiados(as) ao SINTESE, quites com as suas obrigações sindicais e eleitos(as) em seus locais de trabalho. DELEGADOS(AS) NATOS(AS): De acordo com o Artigo 15 do Estatuto do SINTESE, são os membros do Conselho Estadual de Representantes do SINTESE- CERES; os integrantes do Conselho Fiscal do SINTESE e os Delegados Sindicais Titulares das Redes Estadual e Municipais. OBSERVADORES(AS): Ficam asseguradas 250 (duzentos e cinqüenta) vagas para Observadores(as), respeitado o critério de que sejam Profissionais da Educação filiados(as) ao SINTESE.
  • 6. CRITÉRIOS PARA ELEIÇÃO DOS DELEGADO(A)S Os Delegados (as) ao XIV Congresso Estadual dos Trabalhadores em Educação Básica da Rede Pública de Sergipe, serão eleitos nos locais de trabalho, respeitando o número de filiados na base, na proporção de 1 (um) Delegado(a) para cada 10 (dez) filiados, nos termos dos preceitos do artigo 9º do Estatuto do SINTESE, no período de 27/08 a 11/10/2012, da seguinte forma: • As plenárias, por local de trabalho, ocorrerão somente nas escolas ou órgãos que tenham número igual ou acima de 06 (seis) filiados, respeitada a proporção de trabalhadores filiados na base; •Poderão votar e ser votados todos os filiados que estiverem quites com as suas obrigações sindicais no ato da plenária, inclusive, aqueles filiados que não estão descontando a contribuição sindical, embora o ente público não venha fazendo o devido repasse para o SINTESE.
  • 7. CRITÉRIOS PARA ELEIÇÃO DOS DELEGADO(A)S •No ato da eleição dos Delegados (a)s titulares, serão também escolhidos os suplentes, em quantidade nunca superior a 50% (cinqüenta por cento) das vagas, observando-se o resultado da votação para fins de definição da ordem dos suplentes; •Nos locais de trabalho que tenham até 10 (dez) filiados será eleito 01 (um) Delegado (a); a partir daí, para cada 10 (dez), ou fração igual ou superior a 05 (cinco), a plenária escolherá mais um Delegado (a);
  • 8. CRITÉRIOS PARA ELEIÇÃO DOS DELEGADO(A)S •No caso das escolas pequenas que tenham até 05 (cinco) filiados haverá plenárias unificadas de escolas, por município, para que seja procedida a eleição dos Delegados (as), na mesma proporção de trabalhadores na base, da seguinte forma: •Nas plenárias unificadas, para cada 10 (dez) filiados, será eleito 01 (um) Delegado (a) e, em caso de fração igual ou superior a 05 (cinco), a plenária escolherá mais um Delegado (a); •Poderão ser realizadas, dentro do mesmo município, plenárias regionais das escolas que possuem até 05 (cinco) filiados, respeitado o critério de proximidade geográfica; •Nos municípios, cuja totalização dos filiados das escolas seja inferior a 10 (dez) sindicalizados, será eleito 01 (um) Delegado (a);
  • 9. ELEIÇÃO DOS DELEGADO(A)S APOSENTADOS Os filiados aposentados serão convocados pelo correio visando à eleição dos Delegados (as) para o XIV Congresso, obedecendo-se aos seguintes critérios: •As plenárias para a eleição dos Delegados (as) aposentados ocorrerão nos municípios; •A escolha dos Delegados (as) aposentados será de 01 (um) Delegado (a) para cada 10 (dez) sindicalizados, devendo-se escolher mais um, para os casos de fração igual ou superior a 05 (cinco); •Participam da plenária, no município, os filiados aposentados das redes estadual e municipal.
  • 10. ATAS DE ELEIÇÃO DOS DELEGADO(A)S • As atas de eleição de Delegado (as) deverão ser encaminhadas pelas Sub-Sedes Regionais e Delegacias Sindicais para a sede central do SINTESE, até o dia 01/10/2012;
  • 11. HOSPEDAGEM E ALIMENTAÇÃO: • A Resolução convocatória do XIV CONGRESSO, estabelece que o SINTESE assumirá as despesas de hospedagem dos(as) delegados(as) residentes no interior, com exceção daqueles(as) procedentes de Aracaju e da Região Metropolitana; • Somente será assegurada hospedagem para os(as) delegados(as), residentes em municípios do interior do Estado, cuja solicitação esteja registrada na ata da plenária que o elegeu e que tenha confirmado o pedido de reserva em hotel para a Comissão de Acolhimento do XIV CONGRESSO, até o dia 19/10/2012; •A diária do hotel inclui somente o café da manhã. O SINTESE não assumirá nenhuma despesa com frigobar, telefone, lavagem de roupa, almoço ou jantar; • Os delegados residentes em Aracaju, São Cristóvão, Nossa Senhora do Socorro e Barra dos Coqueiros não terão direito hospedagem. Excepcionalmente a Comissão Organizadora analisará as solicitações de hospedagem de filiados residentes em locais de difícil acesso do município de Laranjeiras; • As despesas de alimentação serão assumidas integralmente pelos participantes do XIV CONGRESSO.
  • 12. TRANSPORTE: • A organização do XIV CONGRESSO assegurará a contratação de empresas especializadas em transporte de passageiros para a contratação de ônibus ou vans, com o objetivo de assegurar o traslado dos delegados do interior, de forma coletiva e organizados através de caravanas; • O SINTESE não assumirá o reembolso individual de passagens de nenhum delegado; • O SINTESE não reembolsará as despesas de combustível de nenhum delegado; • Os delegados residentes em Aracaju, São Cristóvão, Nossa Senhora do Socorro, Barra dos Coqueiros e Laranjeiras não serão reembolsados nas despesas de transporte coletivo; • As solicitações para transporte, desde que coletivas, não previstas nesta Resolução, deverão ser requeridas por escrito para a Comissão Organizadora do XIV CONGRESSO, até 19/10/2012, que analisará o pleito e comunicará a decisão, sempre por escrito, aos requerentes.
  • 13. TITULAÇÃO • Os certificados de participação no XIV CONGRESSO serão emitidos pela Universidade Federal de Sergipe, nos termos do convênio celebrado entre o SINTESE e a UFS; • Os certificados, cuja participação dos(as) delegados(as) ou observadores(as) em plenário ou trabalho em grupos for inferior a 20 (vinte) horas serão emitidos pelo SINTESE; • Os certificados, cuja participação dos(as) delegados(as) ou observadores(as) em plenário ou trabalho em grupos for igual ou superior a 20 (vinte) horas serão emitidos pela UFS;
  • 14. TITULAÇÃO •O controle de freqüência será feito de forma ininterrupta, cabendo ao participante o livre arbítrio para decidir os horários de entrada e saída do plenário; • Para efeito de emissão de certificados, a carga horária máxima é de 28 (vinte e oito) horas para os(as) Delegados(as) e Observadores(as).
  • 15. PAGAMENTO DA TAXA DE INSCRIÇÃO DE DELEGADOS(AS) E OBSERVADORES(AS): O pagamento da taxa de inscrição obedecerá os seguintes critérios:
  • 16. PAGAMENTO DA TAXA DE INSCRIÇÃO DE DELEGADOS(AS) E OBSERVADORES(AS): O PAGAMENTO DA TAXA DE INSCRIÇÃO do XIV CONGRESSO poderá ser efetuado em uma das contas bancárias especificadas abaixo, a favor do SINTESE, através de DEPÓSITO IDENTIFICADO COM CPF : 048
  • 17. PAGAMENTO DA TAXA DE INSCRIÇÃO DE DELEGADOS(AS) E OBSERVADORES(AS): • O pagamento da Taxa de Inscrição não dispensa o preenchimento da ficha de inscrição. • O comprovante do pagamento da taxa de inscrição deverá ser apresentado no ATO DO CREDENCIAMENTO.
  • 18. PARTICIPAÇÃO DE OBSERVADORES(AS • Profissionais da Educação da rede pública, não sindicalizados, que efetuem a sua filiação ao SINTESE poderão inscrever-se como Observadores (as); • Os observadores (as) participam dos trabalhos dos grupos temáticos de debate da Tese Guia e das plenárias deliberativas sem direito a voto. •Tendo em vista que os Observadores (as) não possuem direito a voto, os mesmos serão identificados(as) com crachás em cores distintas dos(as) Delegados(as); •O SINTESE não assumirá nenhuma despesa de transporte, alimentação ou hospedagem dos (as) Observadores (as).
  • 19. CREDENCIAMENTO O credenciamento dos Delegados(as) e Observadores(as) dar-se-á: •Nos dias 03, 05 e 06 de novembro de 2012, na sede do SINTESE, situado à Rua Campos, 107, Bairro São José, no horário das 8:30 às 18 h; •No dia 07/11/2012, das 8h às 18h, o credenciamento será no Iate Clube de Aracaju; •Na desistência dos(as) Delegados (as) titulares será feita a inscrição do(a) Delegado(a) suplente, correspondente ao mesmo local de trabalho, observando-se a ordem da suplência e desde que o nome conste na ata de eleição de Delegados(as). •Em caso de desistência anterior ao prazo definido para o credenciamento, o suplente somente será inscrito mediante apresentação, por escrito, de Termo de Desistência, devidamente assinado pelo (a) Delegado (a) titular, de acordo com o modelo distribuído por ocasião da plenária para eleição dos(as) Delegado(a)s(as); •Fica proibido o credenciamento de Delegados (as) titulares e suplentes, após o prazo final acima estabelecido (18h do dia 07/11/12); •Os(As) Coordenadores(as) das Regionais e o(as)s Coordenadore(as)s municipais não adstritos às Sub-Sedes, poderão realizar o credenciamento dos(as) Delegados (as) dos seus respectivos municípios, desde que comprovem o pagamento da taxa de inscrição.
  • 20. CRECHE • Objetivando assegurar o direito à plena participação das Mulheres Professoras, particularmente das mães de crianças de 0 a 6 anos, o SINTESE disponibilizará a estrutura da "Creche RECRIAR" no CENTRO CULTURAL DO SINTESE (Av. Augusto Maynard nº322, Bairro São José) oferecendo, inclusive, espaço para amamentação;
  • 21. CRECHE • As Professoras participantes do XIV CONGRESSO que necessitarem de creche para os(as) seus(suas) filhos(as) deverão requerer, através do preenchimento na Ata de Eleição e na Ficha de Inscrição até o dia 19/10/2012; • O material de higiene pessoal, vestuário (inclusive fraldas e toalha), medicamentos e alimentação deverão ser fornecidos pelas mães.