SlideShare uma empresa Scribd logo
O PROFESSOR NO
ATUAL CONTEXTO
 PROFISSIONAL

  Prof° Ms. Valdriano F. do
         Nasimento
Por que escolhi ser
    professor(a)?
 Qual o perfil de um bom
 professor no contexto
         atual ?
Os alunos de hoje não são
 mais os mesmos.
Competência


Habilidades


Compromisso
Formação para a cidadania:
    Construção contínua e coletiva

Atuar na condição de professor crítico-reflexivo

  Reflexão na ação – reflexão sobre a ação –
        reflexão sobre a reflexão na ação
INDAGAÇÕES A SEREM
  CONSIDERADAS NO PROCESSO DE
      REFLEXÃO DA PRÁTICA

 A formação que tenho basta para a
 efetivação do meu trabalho?

 O que estou fazendo? É suficiente?

 Preciso mostrar para os outros aquilo que
 faço e sei fazer sozinho?
 Que significado tem o que faço?

 Os modelos teóricos que embasam minha
 prática são suficientes para responder a
 problemática que o contexto social
 apresenta? Ou existem outros?

 Como cheguei a ser ou agir desta
 maneira?

 Como poderia fazer as coisas de um
 modo diferente?
PERSPECTIVA PARA A FORMAÇÃO (NA
 PRÁTICA) DO PROFESSOR CRÍTICO-
           REFLEXIVO.
       O professor tem de assumir uma postura
       de    empenhamento      autoformativo     e
       autonomizante, tem de descobrir em si as
       potencialidades que detém. Tem de
       conseguir ir buscar ao seu passado aquilo
       que já sabe e que já é e, sobre isso
       constituir o seu presente e o seu futuro,
       tem se ser capaz de interpretar o que vê
       fazer, de imitar sem copiar, de recriar, de
       transformar. Só o conseguirá se refletir
       sobre o que faz e sobre o que vê fazer.
       (ALARCÃO apud AQUINO & MUSSI, 2001,
       p.219).
- A reflexão deve se efetivar na relação entre
educadores sobre sua prática individual, mas
considerando as diversas dimensões no contexto
social global;


           A prática reflexiva enquanto prática
           social só pode se realizar em coletivos,
           o que leva a necessidade de transformar
           as escolas em comunidades de
           aprendizagem, nas quais os professores
           se apóiem e si estimulem mutuamente.
           (ZEICHNER citado por PIMENTA, 2002,
           p.26).
A questão metodológica
       Modelos de transmissão/construção do
       conhecimento para o desenvolvimento de
       competências e habilidades

1.   Modelo Positivista:
     CC – Descontextualizado
                                            Sociedade
                                     (Problematizada/Contextualizada
                                                    )
        CE – Descontextualizado


           CI – Descontextualizado
Transposição didática:
 Professor → conhecimento/ informação → aluno
  Currículo por conteúdo: professor emissor →
  mensagem → aluno receptor
          Limites e possibilidades:
 Definição– exemplos – exercícios (erro deve
 ser evitado) – falta de conhecimento;
 Fácil preparação – grande número de
 sujeitos atendidos – demanda grande
 motivação;
2.   Modelo Científico/dialético:
                             Sociedade

         Antigo                Fase de                  Novo
      conhecimento           desequilíbrio          conhecimento




- Processo histórico de construção do conhecimento científico;
- Problema     -     construção    -   definição;
- 1º momento: permite que o aluno invista nos conhecimentos
              anteriores;
- 2º momento: compreender a influência desse conhecimento;
- 3º momento: construir novos conhecimentos.
 POSITIVISTA    DIALÉTICO

 DEFINIÇÃO       PROBLEMA
                 CONSTRUÇÃO
                 DEFINIÇÃO
 EXEMPLOS

 EXERCÍCIOS
 DE FIXAÇÃO
 promover     aprendizagens efetivas implica em
  fazer com que o aluno construa conhecimento
  significativo a partir do estabelecimento de
  relações com situações problemas;
 Princípio pedagógico: Interdisciplinaridade na
  prática pedagógica;
 Contextualização:

  - Ressignificação de estudos disciplinares;
  - Relação do saber científico com o escolar;
  - Relação com o ambiente social dos alunos –
  ponto de partida;
  - Relação com a realidade social global;
   Apropriação de metodologias de ação e resolução de
    problemas em sala de aula;

     O professor aprende com o aluno como ele consegue
        aprender e ensina aquilo que ele precisa saber

   Teoria e prática são inseparáveis no plano da
    subjetividade docente;
   Prática docente investigativa considerando os saberes
    da experiência, do conhecimento e pedagógicos,
    envolvidos na construção de sua identidade;
   Condição de aprendiz permanente em ofício;
   Reflexão coletiva constante sobre: “saber quem si é
    profissionalmente”, “dever ser”, “saber sobre”, “saber
    como”, e do “saber por que”.
   A ação reflexiva compreendida em sua
    totalidade, dentro e fora da escola em suas
    diversas e mútuas dimensões, começa a ser
    tomada como objeto de estudo da Didática
    colocando interessantes possibilidades de
    indagações no sentido de ler, interpretar,
    compreender e intervir de forma crítica,
    ensejando a formação permanente do educador
    e possibilidade de uma prática pedagógica
    significativa, humanizadora e emancipatória.
    (NASCIMENTO, 2007)


     Têm-se um educador crítico-reflexivo que na
     sua subjetividade já não é o “antes”, mas, ao
     mesmo tempo, ainda não sabe seu “depois”.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Cartilha Quilombola - Prof. Eliane
Cartilha Quilombola - Prof. ElianeCartilha Quilombola - Prof. Eliane
Cartilha Quilombola - Prof. Eliane
Alexandre da Rosa
 
Isabel Alarcão - Professores Reflexivos em uma Escola Reflexiva
Isabel Alarcão -  Professores Reflexivos em uma Escola ReflexivaIsabel Alarcão -  Professores Reflexivos em uma Escola Reflexiva
Isabel Alarcão - Professores Reflexivos em uma Escola Reflexiva
Valdeci Correia
 
Ler E Escrever Na Escola
Ler E Escrever Na EscolaLer E Escrever Na Escola
Ler E Escrever Na Escola
Maristela Couto
 
Tardif o trabalho docente resumido (1)
Tardif   o trabalho docente resumido (1)Tardif   o trabalho docente resumido (1)
Tardif o trabalho docente resumido (1)
Eduardo Lopes
 
Processo histórico da EJA no Brasil - IFMA
Processo histórico da EJA no Brasil - IFMAProcesso histórico da EJA no Brasil - IFMA
Processo histórico da EJA no Brasil - IFMA
Leandro Marques
 
Power point, leitura é...
Power point, leitura é...Power point, leitura é...
Power point, leitura é...
Fan Santos
 
Formação continuada de professores.
Formação continuada de professores.Formação continuada de professores.
Formação continuada de professores.
Magda Marques
 
Slides da reunião com professores
Slides da reunião com professoresSlides da reunião com professores
Slides da reunião com professores
driminas
 
Avaliação da aprendizagem
Avaliação da aprendizagemAvaliação da aprendizagem
Avaliação da aprendizagem
Cleyton Carvalho
 
AlfabetizaçãO E Letramento
AlfabetizaçãO E LetramentoAlfabetizaçãO E Letramento
AlfabetizaçãO E Letramento
henriqueocarvalho
 
Adaptação curricular
Adaptação curricularAdaptação curricular
Adaptação curricular
Karen Araki
 
4. avaliação
4. avaliação4. avaliação
4. avaliação
Lilian Moreira
 
Ser professor na educação infantil
Ser professor na educação infantilSer professor na educação infantil
Ser professor na educação infantil
VIROUCLIPTAQ
 
FREIRE, Paulo. Pedagogia da autonomia: saberes necessários à prática educativ...
FREIRE, Paulo. Pedagogia da autonomia: saberes necessários à prática educativ...FREIRE, Paulo. Pedagogia da autonomia: saberes necessários à prática educativ...
FREIRE, Paulo. Pedagogia da autonomia: saberes necessários à prática educativ...
Carolina Cândido
 
Organização do trabalho pedagógico
Organização do trabalho pedagógicoOrganização do trabalho pedagógico
Organização do trabalho pedagógico
Renata Peruce
 
Alfabetização e letramento
Alfabetização e letramentoAlfabetização e letramento
Alfabetização e letramento
Helena Zanotto
 
EJA
EJA EJA
Tipos de avaliacao
Tipos de avaliacaoTipos de avaliacao
Tipos de avaliacao
Kajdy Ejdy
 
Fundamentos teóricos e metodológicos da educação de jovens
Fundamentos teóricos e metodológicos da educação de jovensFundamentos teóricos e metodológicos da educação de jovens
Fundamentos teóricos e metodológicos da educação de jovens
Gizelia Reboucas
 
Metodologias Ativas
Metodologias AtivasMetodologias Ativas

Mais procurados (20)

Cartilha Quilombola - Prof. Eliane
Cartilha Quilombola - Prof. ElianeCartilha Quilombola - Prof. Eliane
Cartilha Quilombola - Prof. Eliane
 
Isabel Alarcão - Professores Reflexivos em uma Escola Reflexiva
Isabel Alarcão -  Professores Reflexivos em uma Escola ReflexivaIsabel Alarcão -  Professores Reflexivos em uma Escola Reflexiva
Isabel Alarcão - Professores Reflexivos em uma Escola Reflexiva
 
Ler E Escrever Na Escola
Ler E Escrever Na EscolaLer E Escrever Na Escola
Ler E Escrever Na Escola
 
Tardif o trabalho docente resumido (1)
Tardif   o trabalho docente resumido (1)Tardif   o trabalho docente resumido (1)
Tardif o trabalho docente resumido (1)
 
Processo histórico da EJA no Brasil - IFMA
Processo histórico da EJA no Brasil - IFMAProcesso histórico da EJA no Brasil - IFMA
Processo histórico da EJA no Brasil - IFMA
 
Power point, leitura é...
Power point, leitura é...Power point, leitura é...
Power point, leitura é...
 
Formação continuada de professores.
Formação continuada de professores.Formação continuada de professores.
Formação continuada de professores.
 
Slides da reunião com professores
Slides da reunião com professoresSlides da reunião com professores
Slides da reunião com professores
 
Avaliação da aprendizagem
Avaliação da aprendizagemAvaliação da aprendizagem
Avaliação da aprendizagem
 
AlfabetizaçãO E Letramento
AlfabetizaçãO E LetramentoAlfabetizaçãO E Letramento
AlfabetizaçãO E Letramento
 
Adaptação curricular
Adaptação curricularAdaptação curricular
Adaptação curricular
 
4. avaliação
4. avaliação4. avaliação
4. avaliação
 
Ser professor na educação infantil
Ser professor na educação infantilSer professor na educação infantil
Ser professor na educação infantil
 
FREIRE, Paulo. Pedagogia da autonomia: saberes necessários à prática educativ...
FREIRE, Paulo. Pedagogia da autonomia: saberes necessários à prática educativ...FREIRE, Paulo. Pedagogia da autonomia: saberes necessários à prática educativ...
FREIRE, Paulo. Pedagogia da autonomia: saberes necessários à prática educativ...
 
Organização do trabalho pedagógico
Organização do trabalho pedagógicoOrganização do trabalho pedagógico
Organização do trabalho pedagógico
 
Alfabetização e letramento
Alfabetização e letramentoAlfabetização e letramento
Alfabetização e letramento
 
EJA
EJA EJA
EJA
 
Tipos de avaliacao
Tipos de avaliacaoTipos de avaliacao
Tipos de avaliacao
 
Fundamentos teóricos e metodológicos da educação de jovens
Fundamentos teóricos e metodológicos da educação de jovensFundamentos teóricos e metodológicos da educação de jovens
Fundamentos teóricos e metodológicos da educação de jovens
 
Metodologias Ativas
Metodologias AtivasMetodologias Ativas
Metodologias Ativas
 

Semelhante a O professor no atual contexto profissional

PITEC Elaboração de Projetos - Beti Prado
PITEC Elaboração de Projetos - Beti PradoPITEC Elaboração de Projetos - Beti Prado
PITEC Elaboração de Projetos - Beti Prado
Fabiano Sulligo
 
Slide do pitec
Slide do pitecSlide do pitec
Slide do pitec
SEDUC - MT
 
PROJECTO EFA
PROJECTO EFAPROJECTO EFA
PROJECTO EFA
innog
 
Alarcão, isabel professores reflexivos em uma escola refle
Alarcão, isabel   professores reflexivos em uma escola refleAlarcão, isabel   professores reflexivos em uma escola refle
Alarcão, isabel professores reflexivos em uma escola refle
marcaocampos
 
PROFESSOR INICIANTE: O SER E ESTAR NA PROFISSÃO DOCENTE
PROFESSOR INICIANTE: O SER E ESTAR NA PROFISSÃO DOCENTEPROFESSOR INICIANTE: O SER E ESTAR NA PROFISSÃO DOCENTE
PROFESSOR INICIANTE: O SER E ESTAR NA PROFISSÃO DOCENTE
ProfessorPrincipiante
 
O desafio do aprendiz autônomo no processo de construção do conhecimento.2
O desafio do aprendiz autônomo no processo de construção do conhecimento.2O desafio do aprendiz autônomo no processo de construção do conhecimento.2
O desafio do aprendiz autônomo no processo de construção do conhecimento.2
aninhaw2
 
Apresentação inicial agosto
Apresentação inicial agostoApresentação inicial agosto
Apresentação inicial agosto
Elvira Aliceda
 
Coll, césar e outros. o construtivismo na sala de aula.
Coll, césar e outros. o construtivismo na sala de aula.Coll, césar e outros. o construtivismo na sala de aula.
Coll, césar e outros. o construtivismo na sala de aula.
Manoela_93
 
20265 87941-1-pb
20265 87941-1-pb20265 87941-1-pb
20265 87941-1-pb
Mariana Correia
 
Resumo do livro pedagogia de autonomia
Resumo do livro pedagogia de autonomiaResumo do livro pedagogia de autonomia
Resumo do livro pedagogia de autonomia
Marciafaria13
 
FACELI - Disciplina Especial - Didática com Márcia Perini Valle - 06 - Prova ...
FACELI - Disciplina Especial - Didática com Márcia Perini Valle - 06 - Prova ...FACELI - Disciplina Especial - Didática com Márcia Perini Valle - 06 - Prova ...
FACELI - Disciplina Especial - Didática com Márcia Perini Valle - 06 - Prova ...
Jordano Santos Cerqueira
 
Andragogia.pptx
Andragogia.pptxAndragogia.pptx
Andragogia.pptx
Benedito32
 
Miguel fernández pérez pedagogia com projecto
Miguel fernández pérez pedagogia com projectoMiguel fernández pérez pedagogia com projecto
Miguel fernández pérez pedagogia com projecto
josematiasalves
 
A formação do professor refelxivo
A formação do professor refelxivoA formação do professor refelxivo
A formação do professor refelxivo
Marga Fadanelli Simionato
 
Centro De Ensino Unificado De Teresina
Centro De Ensino Unificado De TeresinaCentro De Ensino Unificado De Teresina
Centro De Ensino Unificado De Teresina
Selemerico Junior
 
Portflio..ajustado
Portflio..ajustadoPortflio..ajustado
Portflio..ajustado
Silviardeloreto
 
Portflio..ajustado
Portflio..ajustadoPortflio..ajustado
Portflio..ajustado
Silviardeloreto
 
Escola e sociedade
Escola e sociedadeEscola e sociedade
Escola e sociedade
cefaprodematupa
 
Resumo do livro de paulo freire pedagogia da autonomia
Resumo do livro de paulo freire pedagogia da autonomiaResumo do livro de paulo freire pedagogia da autonomia
Resumo do livro de paulo freire pedagogia da autonomia
Joka Luiz
 
Macedo, lino, como construir uma escola para todos
Macedo, lino, como construir uma escola para todosMacedo, lino, como construir uma escola para todos
Macedo, lino, como construir uma escola para todos
marcaocampos
 

Semelhante a O professor no atual contexto profissional (20)

PITEC Elaboração de Projetos - Beti Prado
PITEC Elaboração de Projetos - Beti PradoPITEC Elaboração de Projetos - Beti Prado
PITEC Elaboração de Projetos - Beti Prado
 
Slide do pitec
Slide do pitecSlide do pitec
Slide do pitec
 
PROJECTO EFA
PROJECTO EFAPROJECTO EFA
PROJECTO EFA
 
Alarcão, isabel professores reflexivos em uma escola refle
Alarcão, isabel   professores reflexivos em uma escola refleAlarcão, isabel   professores reflexivos em uma escola refle
Alarcão, isabel professores reflexivos em uma escola refle
 
PROFESSOR INICIANTE: O SER E ESTAR NA PROFISSÃO DOCENTE
PROFESSOR INICIANTE: O SER E ESTAR NA PROFISSÃO DOCENTEPROFESSOR INICIANTE: O SER E ESTAR NA PROFISSÃO DOCENTE
PROFESSOR INICIANTE: O SER E ESTAR NA PROFISSÃO DOCENTE
 
O desafio do aprendiz autônomo no processo de construção do conhecimento.2
O desafio do aprendiz autônomo no processo de construção do conhecimento.2O desafio do aprendiz autônomo no processo de construção do conhecimento.2
O desafio do aprendiz autônomo no processo de construção do conhecimento.2
 
Apresentação inicial agosto
Apresentação inicial agostoApresentação inicial agosto
Apresentação inicial agosto
 
Coll, césar e outros. o construtivismo na sala de aula.
Coll, césar e outros. o construtivismo na sala de aula.Coll, césar e outros. o construtivismo na sala de aula.
Coll, césar e outros. o construtivismo na sala de aula.
 
20265 87941-1-pb
20265 87941-1-pb20265 87941-1-pb
20265 87941-1-pb
 
Resumo do livro pedagogia de autonomia
Resumo do livro pedagogia de autonomiaResumo do livro pedagogia de autonomia
Resumo do livro pedagogia de autonomia
 
FACELI - Disciplina Especial - Didática com Márcia Perini Valle - 06 - Prova ...
FACELI - Disciplina Especial - Didática com Márcia Perini Valle - 06 - Prova ...FACELI - Disciplina Especial - Didática com Márcia Perini Valle - 06 - Prova ...
FACELI - Disciplina Especial - Didática com Márcia Perini Valle - 06 - Prova ...
 
Andragogia.pptx
Andragogia.pptxAndragogia.pptx
Andragogia.pptx
 
Miguel fernández pérez pedagogia com projecto
Miguel fernández pérez pedagogia com projectoMiguel fernández pérez pedagogia com projecto
Miguel fernández pérez pedagogia com projecto
 
A formação do professor refelxivo
A formação do professor refelxivoA formação do professor refelxivo
A formação do professor refelxivo
 
Centro De Ensino Unificado De Teresina
Centro De Ensino Unificado De TeresinaCentro De Ensino Unificado De Teresina
Centro De Ensino Unificado De Teresina
 
Portflio..ajustado
Portflio..ajustadoPortflio..ajustado
Portflio..ajustado
 
Portflio..ajustado
Portflio..ajustadoPortflio..ajustado
Portflio..ajustado
 
Escola e sociedade
Escola e sociedadeEscola e sociedade
Escola e sociedade
 
Resumo do livro de paulo freire pedagogia da autonomia
Resumo do livro de paulo freire pedagogia da autonomiaResumo do livro de paulo freire pedagogia da autonomia
Resumo do livro de paulo freire pedagogia da autonomia
 
Macedo, lino, como construir uma escola para todos
Macedo, lino, como construir uma escola para todosMacedo, lino, como construir uma escola para todos
Macedo, lino, como construir uma escola para todos
 

Mais de Gerdian Teixeira

Boleto metodista
Boleto metodistaBoleto metodista
Boleto metodista
Gerdian Teixeira
 
Portal connectei apresentação
Portal connectei   apresentaçãoPortal connectei   apresentação
Portal connectei apresentação
Gerdian Teixeira
 
Aprentação connectei
Aprentação connecteiAprentação connectei
Aprentação connectei
Gerdian Teixeira
 
Aprentação connectei
Aprentação connecteiAprentação connectei
Aprentação connectei
Gerdian Teixeira
 
Plantões
PlantõesPlantões
Plantões
Gerdian Teixeira
 
Desing dos plantões
Desing dos plantõesDesing dos plantões
Desing dos plantões
Gerdian Teixeira
 
Jornal do josue
Jornal do josueJornal do josue
Jornal do josue
Gerdian Teixeira
 
Apresentação cecitec digital
Apresentação  cecitec digitalApresentação  cecitec digital
Apresentação cecitec digital
Gerdian Teixeira
 
Painel extensão
Painel extensãoPainel extensão
Painel extensão
Gerdian Teixeira
 
Etapas de pesquisa
Etapas de pesquisaEtapas de pesquisa
Etapas de pesquisa
Gerdian Teixeira
 
Abnt 2011
Abnt 2011Abnt 2011
Abnt 2011
Gerdian Teixeira
 
Abnt2011
Abnt2011Abnt2011
óTimo elaborando um_artigo_cientifico
óTimo elaborando um_artigo_cientificoóTimo elaborando um_artigo_cientifico
óTimo elaborando um_artigo_cientifico
Gerdian Teixeira
 
Como elaborar projetos científicos
Como elaborar projetos científicosComo elaborar projetos científicos
Como elaborar projetos científicos
Gerdian Teixeira
 
Ensino da lingua portuguesa
Ensino da  lingua portuguesaEnsino da  lingua portuguesa
Ensino da lingua portuguesa
Gerdian Teixeira
 
Literatura infantil
Literatura infantilLiteratura infantil
Literatura infantil
Gerdian Teixeira
 
Raiz
RaizRaiz
Introdução1
Introdução1Introdução1
Introdução1
Gerdian Teixeira
 
Formas das plantas
Formas das plantasFormas das plantas
Formas das plantas
Gerdian Teixeira
 
Folhas
FolhasFolhas

Mais de Gerdian Teixeira (20)

Boleto metodista
Boleto metodistaBoleto metodista
Boleto metodista
 
Portal connectei apresentação
Portal connectei   apresentaçãoPortal connectei   apresentação
Portal connectei apresentação
 
Aprentação connectei
Aprentação connecteiAprentação connectei
Aprentação connectei
 
Aprentação connectei
Aprentação connecteiAprentação connectei
Aprentação connectei
 
Plantões
PlantõesPlantões
Plantões
 
Desing dos plantões
Desing dos plantõesDesing dos plantões
Desing dos plantões
 
Jornal do josue
Jornal do josueJornal do josue
Jornal do josue
 
Apresentação cecitec digital
Apresentação  cecitec digitalApresentação  cecitec digital
Apresentação cecitec digital
 
Painel extensão
Painel extensãoPainel extensão
Painel extensão
 
Etapas de pesquisa
Etapas de pesquisaEtapas de pesquisa
Etapas de pesquisa
 
Abnt 2011
Abnt 2011Abnt 2011
Abnt 2011
 
Abnt2011
Abnt2011Abnt2011
Abnt2011
 
óTimo elaborando um_artigo_cientifico
óTimo elaborando um_artigo_cientificoóTimo elaborando um_artigo_cientifico
óTimo elaborando um_artigo_cientifico
 
Como elaborar projetos científicos
Como elaborar projetos científicosComo elaborar projetos científicos
Como elaborar projetos científicos
 
Ensino da lingua portuguesa
Ensino da  lingua portuguesaEnsino da  lingua portuguesa
Ensino da lingua portuguesa
 
Literatura infantil
Literatura infantilLiteratura infantil
Literatura infantil
 
Raiz
RaizRaiz
Raiz
 
Introdução1
Introdução1Introdução1
Introdução1
 
Formas das plantas
Formas das plantasFormas das plantas
Formas das plantas
 
Folhas
FolhasFolhas
Folhas
 

Último

Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdfAula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
AntonioAngeloNeves
 
Psicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptx
Psicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptxPsicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptx
Psicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptx
TiagoLouro8
 
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptxSlides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..
cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..
cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..
MatheusSousa716350
 
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGTUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
ProfessoraTatianaT
 
Planejamento BNCC - 4 ANO -TRIMESTRAL - ENSINO FUNDAMENTAL
Planejamento BNCC - 4 ANO -TRIMESTRAL - ENSINO FUNDAMENTALPlanejamento BNCC - 4 ANO -TRIMESTRAL - ENSINO FUNDAMENTAL
Planejamento BNCC - 4 ANO -TRIMESTRAL - ENSINO FUNDAMENTAL
katbrochier1
 
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdfO Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
silvamelosilva300
 
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
fran0410
 
Tabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasn
Tabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasnTabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasn
Tabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasn
CarlosJean21
 
-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt
-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt
-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt
fagnerlopes11
 
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptxPP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdfUFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
Manuais Formação
 
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
ANDRÉA FERREIRA
 
Pedagogia universitária em ciência e tecnologia
Pedagogia universitária em ciência e tecnologiaPedagogia universitária em ciência e tecnologia
Pedagogia universitária em ciência e tecnologia
Nertan Dias
 
filosofia e Direito- É a teoria que explica como a sociedade se organizou co...
filosofia e Direito- É a teoria que explica como a sociedade se organizou  co...filosofia e Direito- É a teoria que explica como a sociedade se organizou  co...
filosofia e Direito- É a teoria que explica como a sociedade se organizou co...
SidneySilva523387
 
Loteria - Adição, subtração, multiplicação e divisão.
Loteria - Adição,  subtração,  multiplicação e divisão.Loteria - Adição,  subtração,  multiplicação e divisão.
Loteria - Adição, subtração, multiplicação e divisão.
Mary Alvarenga
 
Aula 1 - Ordem Mundial Aula de Geografia
Aula 1 - Ordem Mundial Aula de GeografiaAula 1 - Ordem Mundial Aula de Geografia
Aula 1 - Ordem Mundial Aula de Geografia
WELTONROBERTOFREITAS
 
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdfUFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
Manuais Formação
 
As sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativasAs sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativas
rloureiro1
 
MAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdf
MAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdfMAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdf
MAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdf
GracinhaSantos6
 

Último (20)

Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdfAula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
 
Psicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptx
Psicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptxPsicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptx
Psicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptx
 
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptxSlides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
 
cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..
cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..
cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..
 
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGTUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
 
Planejamento BNCC - 4 ANO -TRIMESTRAL - ENSINO FUNDAMENTAL
Planejamento BNCC - 4 ANO -TRIMESTRAL - ENSINO FUNDAMENTALPlanejamento BNCC - 4 ANO -TRIMESTRAL - ENSINO FUNDAMENTAL
Planejamento BNCC - 4 ANO -TRIMESTRAL - ENSINO FUNDAMENTAL
 
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdfO Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
 
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
 
Tabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasn
Tabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasnTabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasn
Tabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasn
 
-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt
-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt
-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt
 
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptxPP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
 
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdfUFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
 
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
 
Pedagogia universitária em ciência e tecnologia
Pedagogia universitária em ciência e tecnologiaPedagogia universitária em ciência e tecnologia
Pedagogia universitária em ciência e tecnologia
 
filosofia e Direito- É a teoria que explica como a sociedade se organizou co...
filosofia e Direito- É a teoria que explica como a sociedade se organizou  co...filosofia e Direito- É a teoria que explica como a sociedade se organizou  co...
filosofia e Direito- É a teoria que explica como a sociedade se organizou co...
 
Loteria - Adição, subtração, multiplicação e divisão.
Loteria - Adição,  subtração,  multiplicação e divisão.Loteria - Adição,  subtração,  multiplicação e divisão.
Loteria - Adição, subtração, multiplicação e divisão.
 
Aula 1 - Ordem Mundial Aula de Geografia
Aula 1 - Ordem Mundial Aula de GeografiaAula 1 - Ordem Mundial Aula de Geografia
Aula 1 - Ordem Mundial Aula de Geografia
 
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdfUFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
 
As sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativasAs sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativas
 
MAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdf
MAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdfMAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdf
MAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdf
 

O professor no atual contexto profissional

  • 1. O PROFESSOR NO ATUAL CONTEXTO PROFISSIONAL Prof° Ms. Valdriano F. do Nasimento
  • 2. Por que escolhi ser professor(a)? Qual o perfil de um bom professor no contexto atual ? Os alunos de hoje não são mais os mesmos.
  • 4.
  • 5. Formação para a cidadania: Construção contínua e coletiva Atuar na condição de professor crítico-reflexivo Reflexão na ação – reflexão sobre a ação – reflexão sobre a reflexão na ação
  • 6. INDAGAÇÕES A SEREM CONSIDERADAS NO PROCESSO DE REFLEXÃO DA PRÁTICA  A formação que tenho basta para a efetivação do meu trabalho?  O que estou fazendo? É suficiente?  Preciso mostrar para os outros aquilo que faço e sei fazer sozinho?
  • 7.  Que significado tem o que faço?  Os modelos teóricos que embasam minha prática são suficientes para responder a problemática que o contexto social apresenta? Ou existem outros?  Como cheguei a ser ou agir desta maneira?  Como poderia fazer as coisas de um modo diferente?
  • 8. PERSPECTIVA PARA A FORMAÇÃO (NA PRÁTICA) DO PROFESSOR CRÍTICO- REFLEXIVO. O professor tem de assumir uma postura de empenhamento autoformativo e autonomizante, tem de descobrir em si as potencialidades que detém. Tem de conseguir ir buscar ao seu passado aquilo que já sabe e que já é e, sobre isso constituir o seu presente e o seu futuro, tem se ser capaz de interpretar o que vê fazer, de imitar sem copiar, de recriar, de transformar. Só o conseguirá se refletir sobre o que faz e sobre o que vê fazer. (ALARCÃO apud AQUINO & MUSSI, 2001, p.219).
  • 9. - A reflexão deve se efetivar na relação entre educadores sobre sua prática individual, mas considerando as diversas dimensões no contexto social global; A prática reflexiva enquanto prática social só pode se realizar em coletivos, o que leva a necessidade de transformar as escolas em comunidades de aprendizagem, nas quais os professores se apóiem e si estimulem mutuamente. (ZEICHNER citado por PIMENTA, 2002, p.26).
  • 10. A questão metodológica Modelos de transmissão/construção do conhecimento para o desenvolvimento de competências e habilidades 1. Modelo Positivista: CC – Descontextualizado Sociedade (Problematizada/Contextualizada ) CE – Descontextualizado CI – Descontextualizado
  • 11. Transposição didática: Professor → conhecimento/ informação → aluno Currículo por conteúdo: professor emissor → mensagem → aluno receptor Limites e possibilidades:  Definição– exemplos – exercícios (erro deve ser evitado) – falta de conhecimento;  Fácil preparação – grande número de sujeitos atendidos – demanda grande motivação;
  • 12. 2. Modelo Científico/dialético: Sociedade Antigo Fase de Novo conhecimento desequilíbrio conhecimento - Processo histórico de construção do conhecimento científico; - Problema - construção - definição; - 1º momento: permite que o aluno invista nos conhecimentos anteriores; - 2º momento: compreender a influência desse conhecimento; - 3º momento: construir novos conhecimentos.
  • 13.  POSITIVISTA  DIALÉTICO DEFINIÇÃO PROBLEMA CONSTRUÇÃO DEFINIÇÃO EXEMPLOS EXERCÍCIOS DE FIXAÇÃO
  • 14.  promover aprendizagens efetivas implica em fazer com que o aluno construa conhecimento significativo a partir do estabelecimento de relações com situações problemas;  Princípio pedagógico: Interdisciplinaridade na prática pedagógica;  Contextualização: - Ressignificação de estudos disciplinares; - Relação do saber científico com o escolar; - Relação com o ambiente social dos alunos – ponto de partida; - Relação com a realidade social global;
  • 15. Apropriação de metodologias de ação e resolução de problemas em sala de aula; O professor aprende com o aluno como ele consegue aprender e ensina aquilo que ele precisa saber  Teoria e prática são inseparáveis no plano da subjetividade docente;  Prática docente investigativa considerando os saberes da experiência, do conhecimento e pedagógicos, envolvidos na construção de sua identidade;  Condição de aprendiz permanente em ofício;  Reflexão coletiva constante sobre: “saber quem si é profissionalmente”, “dever ser”, “saber sobre”, “saber como”, e do “saber por que”.
  • 16. A ação reflexiva compreendida em sua totalidade, dentro e fora da escola em suas diversas e mútuas dimensões, começa a ser tomada como objeto de estudo da Didática colocando interessantes possibilidades de indagações no sentido de ler, interpretar, compreender e intervir de forma crítica, ensejando a formação permanente do educador e possibilidade de uma prática pedagógica significativa, humanizadora e emancipatória. (NASCIMENTO, 2007) Têm-se um educador crítico-reflexivo que na sua subjetividade já não é o “antes”, mas, ao mesmo tempo, ainda não sabe seu “depois”.