SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 28
MÉTODOS E PROCESSOS
DE ALFABETIZAÇÃO
SECRETARIA DE ESTADO DE EDUCAÇÃO DE MINAS GERAIS
Caminho para se chegar a um fim;
Modo ordenado de fazer as coisas;
Conjunto de procedimentos técnicos e
científicos.
MÉTODOS
MÉTODOS DE ALFABETIZAÇÃO
Um conjunto de princípios teórico-procedimentais que
organizam o trabalho pedagógico em torno da
alfabetização.
Um conjunto de saberes práticos ou de princípios
organizadores do processo de alfabetização,
(re)criados pelo professor em seu trabalho pedagógico.
.
“É difícil comprovar a superioridade absoluta
de um método sobre outro.
(..) uma turma x pode obter maiores ou menores
resultados dependendo do que se considera como
“bons resultados” em matéria de leitura: capacidade
de decodificar quaisquer novas combinações de
letras? Leitura oral ou fluente? Interpretação do
significado?”
CARVALHO, Marlene. Guia Prático do Alfabetizador.4.ed.
São Paulo: Ática, p.35-42
Qual é o melhor método
para ensinar a ler?
Se todos os métodos servem para aprender a
ler, tanto faz escolher um ou outro?
“Não, absolutamente. (...) Exemplo: pessoas
recém-alfabetizadas por métodos sintéticos são
em geral mais atentas à decodificação integral
do texto, que é lido palavra por palavra, sem
omissões ou substituições. Contudo, são
menos preparadas para a tarefa de
interpretação”.
CARVALHO, Marlene. Guia Prático do Alfabetizador.4.ed. São Paulo:
Ática, p.35-42.
O que deve ser levado em conta no
momento de escolher um método?
“Simples: estude o método antes de aplicá-lo. É melhor
refletir antes do que corrigir depois.
Recomendações:
considere os fundamentos teóricos (...),
as etapas de aplicação (...),
o material necessário (...),
os resultados previsíveis (...)”.
CARVALHO, Marlene. Guia Prático do Alfabetizador.4.ed. São Paulo: Ática, p.35-42.
SINTÉTICOS
Método Alfabético
(Soletração)
Método Fônico
Método Silábico
ANALÍTICOS
Palavração
Sentenciação
Global de Contos/Textos
MÉTODOS DE ALFABETIZAÇÃO
MÉTODOS SINTÉTICOS
(alfabético, silábico, fônico)
(Orientações da SEE, cad. 3, pg.36)
PROPOSTA ENFOQUE VANTAGENS LIMITAÇÕES
Progressão de
unidades
menores (letra,
fonema, sílaba) a
unidades mais
complexas
(palavra, frase,
texto).
Processos de
decodificação,
análise
fonológica,
relações entre
fonemas (sons) e
grafemas (letras)
Possibilita a análise
das relações entre
fonemas (sons ou
unidades sonoras) e
grafemas (letras ou
grupo de letras)
Promove o
desenvolvimento da
consciência fonológica
e os processos de
codificação e
decodificação.
Desconsidera os usos e
funções sociais da
escrita.
Em algum momento, o
aprendiz tem que se
desvincular da fala para
codificar (escrever) e
decodificar (ler)
palavras, frases e textos,
já que em alguns casos
a escrita não representa
os sons da fala.
MÉTODOS ANALÍTICOS (cad.3)
(palavração, sentenciação, global contos/textos)
(Orientações da SEE, cad. 3, pg.36)
PROPOSTA
ENFOQUE VANTAGENS
LIMITAÇÕES
Progressão de
unidades de
sentido mais
amplas (palavra,
frase, texto) a
unidades
menores (sílabas
e sua
decomposição
em grafemas e
fonemas).
Compreensão
de sentidos e
aprendizagem
ideovisual
(reconheci-
mento global
pela silhueta
da palavra,
frase ou texto).
Reconhecimento
global e mais
rápido das
palavras,
possibilitando a
leitura de
unidades com
sentido desde o
início da
escolarização.
Se não houver uma correta
orientação do professor:
Pode dificultar a leitura com
sentido quando o texto apre-
sentar palavras completamente
novas.
Se não houver uma orientação
correta para a decodificação,
corre-se o risco do aluno utilizar
do recurso da memorização sem
observar que as palavras são
compostas de unidades menores.
MARCHA
1º Passo: Memorização do nome das letras;
2º Passo: Representação gráfica;
3º Passo: Representação famílias silábicas (b+a=ba; b+e=be, b+i=bi)
4º Passo: Monossílabos, dissílabos, trissílabos e sílabas não canônicas.
5º Passo: Textos segmentados (a ca sa a ma re la na flo res ta)
MÉTODO ALFABÉTICO (SOLETRAÇÃO)
(SINTÉTICO)
MARCHA
1º passo: Vogais: nome e som das letras são iguais
2º passo: palavras formadas apenas por vogais
3º passo: apresentação dos fonemas regulares (d, b, f, j,m,n...) de
forma isolada e processualmente os irregulares
4º passo: junção dos fonemas regulares e, processualmente os
irregulares, com as vogais, formando sílabas
5º passo: formação de palavras
6º passo: formação de frases
7º passo: formação de textos
MÉTODO FÔNICO
(SINTÉTICO)
MARCHA
1º passo: Apresenta-se as vogais, com ajuda de ilustrações e palavras como
“o” de OVO; “e” de ELEFANTE;
2º passo: Apresentam-se as sílabas canônicas, utilizando palavras e ilustrações
e destacando a sílaba na palavra: ma de macaco, na de navio, pa de
panela, e as não canônicas, de forma processual;
3º passo: Famílias silábicas da sílaba em destaque na palavra;
4º passo: Formação de palavras;
5º passo: Formação de frases;
6º passo: Formação de pequenos textos.
MÉTODO SILÁBICO
(SINTÉTICO)
MARCHA
1º passo: Apresentação de palavras ilustradas que fazem parte do universo
infantil;
2º passo: Memorização (leitura e escrita da palavra)
3º passo: divisão silábica das palavras
4º passo: formação de novas palavras com as sílabas estudadas;
5º passo: estudo e análise de grafemas/fonemas
6º passo: formação de frases
7º passo: formação de textos
PALAVRAÇÃO
(ANALÍTICO)
MARCHA
1º passo: Apresentação de frases que fazem parte do universo
infantil;
2º passo: Memorização (leitura e escrita da frase);
3º passo: Observação de palavras semelhantes dentro da sentença;
4º passo: Formação de grupo de palavras;
5º passo: Isolamento de elementos conhecidos dentro da palavra
(sílaba);
6º passo: Estudo e análise de grafemas/fonemas
SENTENCIAÇÃO
(ANALÍTICO)
MARCHA
1º passo: Apresentação de partes do texto com sentido completo,
em cartazes;
2º passo: Memorização - leitura e escrita do texto;
3º passo: Decomposição do texto estudado em frases, (iniciando-
se o estudo do 2º cartaz)‫;‏‬
4º passo: Decomposição das frases em palavras;
5º passo: Decomposição das palavras em sílabas;
6º passo: Formação de novas palavras com as sílabas estudadas;
7º passo: Estudo e análise de grafemas/fonemas.
GLOBAL DE TEXTOS/CONTOS
(ANALÍTICO)
MÉTODOS DE ALFABETIZAÇÃO
(equilíbrio e articulação)
• princípios de decodificação e de organização
do sistema alfabético-ortográfico da escrita;
• princípios de compreensão, reconhecimento
global e construção de sentidos em contextos
de usos sociais da escrita e da leitura;
• princípios pertinentes à progressão das
capacidades das crianças, com ênfase em
intervenções para avanços.
Caderno 3 SEE/MG
E hoje, que critérios observar na escolha
dos métodos de alfabetização?
- Qualquer que seja o método escolhido,
deve ser observado um envolvimento
sistemático dos alunos com a escrita em
muitas situações sociais.
- Qualquer que seja o método, o
reconhecimento da dimensão fonológica
da língua é indispensável para a aquisição
da base alfabética.
Orientações para a Organização do
Ciclo Inicial de Alfabetização
(Caderno 1 – p.22)
“As metodologias de ensino, por si
mesmas, não são suficientes para
assegurar resultados positivos, pois
dependem sempre do professor, de sua
sensibilidade para interpretar as
necessidades dos alunos –
particularmente daqueles queparticularmente daqueles que
apresentam dificuldades no processoapresentam dificuldades no processo
de aprendizagem”.de aprendizagem”. (grifo nosso)(grifo nosso)
“Mais do que pensar em métodos, é preciso
compreender os processos de aprendizagem
da criança ao tentar reconstruir a
representação do sistema alfabético”.
EMÍLIA FERREIRO
TEORIA X MÉTODO
Caminho para chegar a um fim;
Modo ordenado de fazer as
coisas;
Conjunto de procedimentos
técnicos e científicos.
Forma de pensar e
entender algum
fenômeno.
MÉTODOTEORIA
ALFABETIZAÇÃO E
LETRAMENTO (Magda Soares,
1998)
O PAPEL DO PROFESSOR É ENSINAR A LER E
ESCREVER NO CONTEXTO DAS PRÁTICAS
SOCIAIS DE LEITURA E ESCRITA, DE MODO
QUE O INDIVÍDUO SE TORNE, AO MESMO
TEMPO, ALFABETIZADO E LETRADO.
MÉTODOS DE
ALFABETIZAÇÃO
Longe de estarem aqui para nos
confundir, para determinar nossa
personalidade ou nossa prática
como professores,estão aqui para
nos darem suporte e nos ajudar a
alcançar nossas metas!
Eu educo hoje,
Com os valores que eu recebi ontem
Para as pessoas que são o amanhã.
Os valores de ontem eu conheço,
Os de hoje, percebo alguns
Dos de amanhã, não sei.
Se só uso os de hoje,não educo: complico
Se só uso os de ontem, não educo: condiciono.
Se só uso os de amanhã, não educo
Faço experiências as custas das crianças
EDUCAR EM TRÊS TEMPOS
Se uso os três, sofro, mas educo
Por isto educar é perder sempre, sem perder-se.
Educa quem fundi ontens, hojes e amanhãs
Transformando-os num presente
Onde o amor e o livre arbítrio
Sejam as bases.
Terezinha Matheus Andrade
Para saber mais sobre métodos...
Orientações para a Organização do
Ciclo Inicial de Alfabetização
Caderno 1, p.22 - Um problema de método?
Caderno 2, p.11 – Concepção de alfabetização e letramento
Caderno 3, p.35 – O lugar da discussão metodológica no
conjunto de decisões relacionadas à alfabetização
Cantalelê
Caderno do Professor, p.2 – A disputa entre os métodos de
alfabetização.
REFERÊNCIAS E
SUGESTÕES BIBLIOGRÁFICAS
 CARVALHO, Marlene. Guia prático do alfabetizador. São Paulo: Ática, 1999. 95p.
 Centro de Alfabetização, Leitura e Escrita. Orientações para a organização do
ciclo inicial de alfabetização. Belo Horizonte: Secretaria de Estado da Educação
de Minas Gerais, 2003. 6 vol.
 ELIAS, Marisa Del Cioppo. De Emilio a Emilia: a trajetória de alfabetização.
 FERREIRO, Emília. Reflexões sobre alfabetização. São Paulo: Cortez,
1991.103p.
 FONTANA, Roseli; CRUZ, Nazaré. Psicologia e trabalho pedagógico. São Paulo:
Atual, 1997. 231p.
 FRADE, Isabel Cristina Alves da Silva. METODOLOGIA e didáticas de
alfabetização: história, características e modos de fazer de professores. Belo
Horizonte: CEALE, 2005.
 Guia do Alfabetizador. Belo Horizonte: 2008.
 MADI, Sônia. Cantalelê.
 LEMLE, Miriam. Guia teórico do alfabetizador. São Paulo: Ática, 2000. 70p.
 LUCK, Heloísa. Pedagogia interdisciplinar: fundamentos teórico-metodológicos.
São Paulo: Vozes, 1994. 90p.
REFERÊNCIAS E
SUGESTÕES BIBLIOGRÁFICAS
 MENDONÇA, Onaide Schwartz; MENDONÇA, Olympio Correa. Alfabetização:
método sociolinguístico: consciência social, silábica e alfabética em Paulo
Freire. São Paulo: Cortez, 2007.150p.
 OLIVEIRA, Marta Kohl de. Vygotsky: aprendizado e desenvolvimento: um
processo sócio-histórico. São Paulo: Scipione 1997. 111p.
 Parâmetros Curriculares Nacionais: introdução aos parâmetros curriculares
nacionais/Secretaria de Educação Fundamental. Rio de Janeiro: DP&A, 2000.
126p.
 RIZZO, Gilda. Alfabetização natural. Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 1998, 336p
 SEE. Resolução 1086/2008. Belo Horizonte: 16/04/2008.
 SOARES, Magda. Letramento: um tema em três gêneros. Belo Horizonte:
Autêntica, 1999.124p.
 VEREDAS, Coleção. Formação Superior de Professores. Módulo 5, vol. 1,
SEE/MG, pg. 27.
 www.google.com.br, pesquisa baseada nos termos: História dos Métodos de
Alfabetização, Vygotsky, Métodos de Alfabetização, Piaget, Construtivismo,
Comenius, Paulo Freire,entre outros.
portal.mec.gov.br, em História dos Métodos de Alfabetização no Brasil, de Maria
do Rosário Longo Mortatti

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

AlfabetizaçãO E Letramento
AlfabetizaçãO E LetramentoAlfabetizaçãO E Letramento
AlfabetizaçãO E Letramentohenriqueocarvalho
 
Organização do trabalho pedagógico
Organização do trabalho pedagógicoOrganização do trabalho pedagógico
Organização do trabalho pedagógicoMagda Marques
 
Sea sistema de escrita alfabética slide
Sea   sistema de escrita alfabética  slideSea   sistema de escrita alfabética  slide
Sea sistema de escrita alfabética slidetlfleite
 
Encontro pedagógico
Encontro pedagógicoEncontro pedagógico
Encontro pedagógicoMagda Marques
 
Slides planejamento escolar
Slides planejamento escolarSlides planejamento escolar
Slides planejamento escolarAnanda Lima
 
HISTÓRIA DA ALFABETIZAÇÃO
HISTÓRIA DA ALFABETIZAÇÃOHISTÓRIA DA ALFABETIZAÇÃO
HISTÓRIA DA ALFABETIZAÇÃOEdlauva Santos
 
Gestão de sala de aula
Gestão de sala de aula Gestão de sala de aula
Gestão de sala de aula mtolentino1507
 
Projeto Político Pedagógico - PPP
Projeto Político Pedagógico - PPPProjeto Político Pedagógico - PPP
Projeto Político Pedagógico - PPPHebert Arcanjo
 
1 apresentação reunião de pais
1 apresentação reunião de pais1 apresentação reunião de pais
1 apresentação reunião de paisColmanetti
 
Tipos de avaliacao
Tipos de avaliacaoTipos de avaliacao
Tipos de avaliacaoKajdy Ejdy
 
Sequencia didatica
Sequencia didaticaSequencia didatica
Sequencia didaticashs_oliveira
 
Alfabetização e letramento (slide)
Alfabetização e letramento (slide)Alfabetização e letramento (slide)
Alfabetização e letramento (slide)PamelaAschoff
 
Processo de aquisição da leitura e escrita
Processo de aquisição da leitura e escritaProcesso de aquisição da leitura e escrita
Processo de aquisição da leitura e escritaequipeanosiniciais
 
Planejamento pedagógico alinhado à BNCC
Planejamento pedagógico alinhado à BNCCPlanejamento pedagógico alinhado à BNCC
Planejamento pedagógico alinhado à BNCCThalesSantos36
 
Sistema de Escrita Alfabética - PNAIC
Sistema de Escrita Alfabética - PNAICSistema de Escrita Alfabética - PNAIC
Sistema de Escrita Alfabética - PNAICVera Marlize Schröer
 

Mais procurados (20)

Alfabetização e letramento
Alfabetização e letramentoAlfabetização e letramento
Alfabetização e letramento
 
BNCC na prática
BNCC na práticaBNCC na prática
BNCC na prática
 
AlfabetizaçãO E Letramento
AlfabetizaçãO E LetramentoAlfabetizaçãO E Letramento
AlfabetizaçãO E Letramento
 
Organização do trabalho pedagógico
Organização do trabalho pedagógicoOrganização do trabalho pedagógico
Organização do trabalho pedagógico
 
4. avaliação
4. avaliação4. avaliação
4. avaliação
 
Sea sistema de escrita alfabética slide
Sea   sistema de escrita alfabética  slideSea   sistema de escrita alfabética  slide
Sea sistema de escrita alfabética slide
 
Encontro pedagógico
Encontro pedagógicoEncontro pedagógico
Encontro pedagógico
 
Slides planejamento escolar
Slides planejamento escolarSlides planejamento escolar
Slides planejamento escolar
 
HISTÓRIA DA ALFABETIZAÇÃO
HISTÓRIA DA ALFABETIZAÇÃOHISTÓRIA DA ALFABETIZAÇÃO
HISTÓRIA DA ALFABETIZAÇÃO
 
Projeto politico pedagogico PPP
Projeto politico pedagogico PPPProjeto politico pedagogico PPP
Projeto politico pedagogico PPP
 
Gestão de sala de aula
Gestão de sala de aula Gestão de sala de aula
Gestão de sala de aula
 
Projeto Político Pedagógico - PPP
Projeto Político Pedagógico - PPPProjeto Político Pedagógico - PPP
Projeto Político Pedagógico - PPP
 
1 apresentação reunião de pais
1 apresentação reunião de pais1 apresentação reunião de pais
1 apresentação reunião de pais
 
Tipos de avaliacao
Tipos de avaliacaoTipos de avaliacao
Tipos de avaliacao
 
Sequencia didatica
Sequencia didaticaSequencia didatica
Sequencia didatica
 
Alfabetização e letramento (slide)
Alfabetização e letramento (slide)Alfabetização e letramento (slide)
Alfabetização e letramento (slide)
 
Processo de aquisição da leitura e escrita
Processo de aquisição da leitura e escritaProcesso de aquisição da leitura e escrita
Processo de aquisição da leitura e escrita
 
Planejamento pedagógico alinhado à BNCC
Planejamento pedagógico alinhado à BNCCPlanejamento pedagógico alinhado à BNCC
Planejamento pedagógico alinhado à BNCC
 
Educação 5.0 e Metodologias Ativas e Inovadoras
Educação 5.0 e Metodologias Ativas e InovadorasEducação 5.0 e Metodologias Ativas e Inovadoras
Educação 5.0 e Metodologias Ativas e Inovadoras
 
Sistema de Escrita Alfabética - PNAIC
Sistema de Escrita Alfabética - PNAICSistema de Escrita Alfabética - PNAIC
Sistema de Escrita Alfabética - PNAIC
 

Destaque

Como funcionam os métodos de alfabetização
Como funcionam os métodos de alfabetizaçãoComo funcionam os métodos de alfabetização
Como funcionam os métodos de alfabetizaçãoRoxana Alhadas
 
Os métodos de alfabetização sme
Os métodos  de alfabetização  smeOs métodos  de alfabetização  sme
Os métodos de alfabetização smeMariluce Padilha
 
Atividade 3 5_eunice slides a formiga e a neve c
Atividade 3 5_eunice slides a formiga e  a neve   cAtividade 3 5_eunice slides a formiga e  a neve   c
Atividade 3 5_eunice slides a formiga e a neve cEunice Mendes de Oliveira
 
Pnaic oficial encontro 5 Fabiana Esteves Duque de Caxias
Pnaic oficial encontro 5 Fabiana Esteves Duque de CaxiasPnaic oficial encontro 5 Fabiana Esteves Duque de Caxias
Pnaic oficial encontro 5 Fabiana Esteves Duque de CaxiasFabiana Esteves
 
Corrigido planejando as visitas às salas de aula -
Corrigido planejando as visitas às salas de aula -Corrigido planejando as visitas às salas de aula -
Corrigido planejando as visitas às salas de aula -Eunice Mendes de Oliveira
 
Expandindo a qualidade da educação pública de minas gerais
Expandindo a qualidade da educação pública de minas geraisExpandindo a qualidade da educação pública de minas gerais
Expandindo a qualidade da educação pública de minas geraisEunice Mendes de Oliveira
 
DIA D 2014 - A COMUNIDADE ESCOLAR - O dia d e o pip 2
DIA D 2014 - A COMUNIDADE ESCOLAR - O dia d e o pip 2DIA D 2014 - A COMUNIDADE ESCOLAR - O dia d e o pip 2
DIA D 2014 - A COMUNIDADE ESCOLAR - O dia d e o pip 2Eunice Mendes de Oliveira
 
PNAIC - Ano 3 unidade 3
PNAIC - Ano 3 unidade 3PNAIC - Ano 3 unidade 3
PNAIC - Ano 3 unidade 3ElieneDias
 
Ano 2 pnaic 3º encontro blog2
Ano 2 pnaic 3º encontro blog2Ano 2 pnaic 3º encontro blog2
Ano 2 pnaic 3º encontro blog2miesbella
 
Pnaic unidade 3 sea - sistema de escrita alfabetica 1º encontro
Pnaic unidade 3   sea - sistema de escrita alfabetica  1º encontroPnaic unidade 3   sea - sistema de escrita alfabetica  1º encontro
Pnaic unidade 3 sea - sistema de escrita alfabetica 1º encontrotlfleite
 

Destaque (20)

Como funcionam os métodos de alfabetização
Como funcionam os métodos de alfabetizaçãoComo funcionam os métodos de alfabetização
Como funcionam os métodos de alfabetização
 
Alfabetizao métodos
Alfabetizao   métodosAlfabetizao   métodos
Alfabetizao métodos
 
Os métodos de alfabetização sme
Os métodos  de alfabetização  smeOs métodos  de alfabetização  sme
Os métodos de alfabetização sme
 
Trabahando com crianças do berçário
Trabahando com crianças do berçárioTrabahando com crianças do berçário
Trabahando com crianças do berçário
 
Atividade 3 5_eunice slides a formiga e a neve c
Atividade 3 5_eunice slides a formiga e  a neve   cAtividade 3 5_eunice slides a formiga e  a neve   c
Atividade 3 5_eunice slides a formiga e a neve c
 
Pnaic oficial encontro 5 Fabiana Esteves Duque de Caxias
Pnaic oficial encontro 5 Fabiana Esteves Duque de CaxiasPnaic oficial encontro 5 Fabiana Esteves Duque de Caxias
Pnaic oficial encontro 5 Fabiana Esteves Duque de Caxias
 
Mensagem dia dos pais
Mensagem dia dos paisMensagem dia dos pais
Mensagem dia dos pais
 
Corrigido planejando as visitas às salas de aula -
Corrigido planejando as visitas às salas de aula -Corrigido planejando as visitas às salas de aula -
Corrigido planejando as visitas às salas de aula -
 
Dona Licinha conto1
Dona Licinha    conto1Dona Licinha    conto1
Dona Licinha conto1
 
Expandindo a qualidade da educação pública de minas gerais
Expandindo a qualidade da educação pública de minas geraisExpandindo a qualidade da educação pública de minas gerais
Expandindo a qualidade da educação pública de minas gerais
 
Apresentação flexibilização curricular
Apresentação flexibilização curricularApresentação flexibilização curricular
Apresentação flexibilização curricular
 
Letra uber
Letra uberLetra uber
Letra uber
 
1 power~1
1 power~11 power~1
1 power~1
 
DIA D 2014 - A COMUNIDADE ESCOLAR - O dia d e o pip 2
DIA D 2014 - A COMUNIDADE ESCOLAR - O dia d e o pip 2DIA D 2014 - A COMUNIDADE ESCOLAR - O dia d e o pip 2
DIA D 2014 - A COMUNIDADE ESCOLAR - O dia d e o pip 2
 
PNAIC - Ano 3 unidade 3
PNAIC - Ano 3 unidade 3PNAIC - Ano 3 unidade 3
PNAIC - Ano 3 unidade 3
 
Falarcomdeu sco
Falarcomdeu scoFalarcomdeu sco
Falarcomdeu sco
 
Ano 2 pnaic 3º encontro blog2
Ano 2 pnaic 3º encontro blog2Ano 2 pnaic 3º encontro blog2
Ano 2 pnaic 3º encontro blog2
 
A arte de contar histórias
A arte de contar históriasA arte de contar histórias
A arte de contar histórias
 
Devocional diario (1)
Devocional diario (1)Devocional diario (1)
Devocional diario (1)
 
Pnaic unidade 3 sea - sistema de escrita alfabetica 1º encontro
Pnaic unidade 3   sea - sistema de escrita alfabetica  1º encontroPnaic unidade 3   sea - sistema de escrita alfabetica  1º encontro
Pnaic unidade 3 sea - sistema de escrita alfabetica 1º encontro
 

Semelhante a Metodos

2º encontro da unidade 1 avaliação
2º encontro da unidade 1   avaliação2º encontro da unidade 1   avaliação
2º encontro da unidade 1 avaliaçãoBete Feliciano
 
Paradigmas de alfabetização (slides formação núcleo de alfabetização) (1)
Paradigmas de alfabetização (slides formação núcleo de alfabetização) (1)Paradigmas de alfabetização (slides formação núcleo de alfabetização) (1)
Paradigmas de alfabetização (slides formação núcleo de alfabetização) (1)Edeil Reis do Espírito Santo
 
Métodos de Alfabetização_Sandra Felício Roldão
Métodos de Alfabetização_Sandra Felício RoldãoMétodos de Alfabetização_Sandra Felício Roldão
Métodos de Alfabetização_Sandra Felício RoldãoSandra Roldão
 
CARTILHA : ALFABETIZAÇÃO
CARTILHA : ALFABETIZAÇÃOCARTILHA : ALFABETIZAÇÃO
CARTILHA : ALFABETIZAÇÃOSandra Lourenco
 
PNAIC - O trabalho com ortografia na escola
PNAIC - O trabalho com ortografia na escolaPNAIC - O trabalho com ortografia na escola
PNAIC - O trabalho com ortografia na escolaElieneDias
 
Recuperação Intensiva - Língua Portuguesa
Recuperação Intensiva - Língua PortuguesaRecuperação Intensiva - Língua Portuguesa
Recuperação Intensiva - Língua PortuguesaClaudia Elisabete Silva
 
Estrategias de suporte para os transtornos ou dificuldades de leitura e escri...
Estrategias de suporte para os transtornos ou dificuldades de leitura e escri...Estrategias de suporte para os transtornos ou dificuldades de leitura e escri...
Estrategias de suporte para os transtornos ou dificuldades de leitura e escri...EFIGÊNIA NERES
 
Estrategias de suporte para os transtornos ou dificuldades de leitura e escri...
Estrategias de suporte para os transtornos ou dificuldades de leitura e escri...Estrategias de suporte para os transtornos ou dificuldades de leitura e escri...
Estrategias de suporte para os transtornos ou dificuldades de leitura e escri...EFIGÊNIA NERES
 
Da Línguitica Aplicada ao Ensino de Línguas
Da Línguitica Aplicada ao Ensino de LínguasDa Línguitica Aplicada ao Ensino de Línguas
Da Línguitica Aplicada ao Ensino de LínguasWalber Abreu
 
Metodos de-alfabetizacao
Metodos de-alfabetizacaoMetodos de-alfabetizacao
Metodos de-alfabetizacaopac virgínia
 

Semelhante a Metodos (20)

Candida certo vilma
Candida certo vilmaCandida certo vilma
Candida certo vilma
 
2º encontro da unidade 1 avaliação
2º encontro da unidade 1   avaliação2º encontro da unidade 1   avaliação
2º encontro da unidade 1 avaliação
 
Https
HttpsHttps
Https
 
Paradigmas de alfabetização (slides formação núcleo de alfabetização) (1)
Paradigmas de alfabetização (slides formação núcleo de alfabetização) (1)Paradigmas de alfabetização (slides formação núcleo de alfabetização) (1)
Paradigmas de alfabetização (slides formação núcleo de alfabetização) (1)
 
Métodos de Alfabetização_Sandra Felício Roldão
Métodos de Alfabetização_Sandra Felício RoldãoMétodos de Alfabetização_Sandra Felício Roldão
Métodos de Alfabetização_Sandra Felício Roldão
 
52820 6190
52820 619052820 6190
52820 6190
 
CARTILHA : ALFABETIZAÇÃO
CARTILHA : ALFABETIZAÇÃOCARTILHA : ALFABETIZAÇÃO
CARTILHA : ALFABETIZAÇÃO
 
aula 5.doc
aula 5.docaula 5.doc
aula 5.doc
 
un-3-e-4-ano-2 (1).ppt
un-3-e-4-ano-2 (1).pptun-3-e-4-ano-2 (1).ppt
un-3-e-4-ano-2 (1).ppt
 
un-3-e-4-ano-2 (1).ppt
un-3-e-4-ano-2 (1).pptun-3-e-4-ano-2 (1).ppt
un-3-e-4-ano-2 (1).ppt
 
A eficiência do método
A eficiência do método A eficiência do método
A eficiência do método
 
PNAIC - O trabalho com ortografia na escola
PNAIC - O trabalho com ortografia na escolaPNAIC - O trabalho com ortografia na escola
PNAIC - O trabalho com ortografia na escola
 
DISLEXIA X ALFABETIZAÇÃO FÔNICA
DISLEXIA X ALFABETIZAÇÃO FÔNICADISLEXIA X ALFABETIZAÇÃO FÔNICA
DISLEXIA X ALFABETIZAÇÃO FÔNICA
 
Recuperação Intensiva - Língua Portuguesa
Recuperação Intensiva - Língua PortuguesaRecuperação Intensiva - Língua Portuguesa
Recuperação Intensiva - Língua Portuguesa
 
Estrategias de suporte para os transtornos ou dificuldades de leitura e escri...
Estrategias de suporte para os transtornos ou dificuldades de leitura e escri...Estrategias de suporte para os transtornos ou dificuldades de leitura e escri...
Estrategias de suporte para os transtornos ou dificuldades de leitura e escri...
 
Estrategias de suporte para os transtornos ou dificuldades de leitura e escri...
Estrategias de suporte para os transtornos ou dificuldades de leitura e escri...Estrategias de suporte para os transtornos ou dificuldades de leitura e escri...
Estrategias de suporte para os transtornos ou dificuldades de leitura e escri...
 
Ciencias da natureza e dissertação
Ciencias da natureza e dissertaçãoCiencias da natureza e dissertação
Ciencias da natureza e dissertação
 
TCC - Pedagogia
TCC - PedagogiaTCC - Pedagogia
TCC - Pedagogia
 
Da Línguitica Aplicada ao Ensino de Línguas
Da Línguitica Aplicada ao Ensino de LínguasDa Línguitica Aplicada ao Ensino de Línguas
Da Línguitica Aplicada ao Ensino de Línguas
 
Metodos de-alfabetizacao
Metodos de-alfabetizacaoMetodos de-alfabetizacao
Metodos de-alfabetizacao
 

Mais de adridaleffi121212

Encontros de outono com professores instituto tomie
Encontros de outono com professores   instituto tomieEncontros de outono com professores   instituto tomie
Encontros de outono com professores instituto tomieadridaleffi121212
 
Pauta -3º Encontro com Coordenadores Pedagógicos da Educação Infantil
Pauta -3º Encontro com Coordenadores Pedagógicos da Educação InfantilPauta -3º Encontro com Coordenadores Pedagógicos da Educação Infantil
Pauta -3º Encontro com Coordenadores Pedagógicos da Educação Infantiladridaleffi121212
 
Encontros de outono com professores instituto tomie
Encontros de outono com professores   instituto tomieEncontros de outono com professores   instituto tomie
Encontros de outono com professores instituto tomieadridaleffi121212
 
Soares letramento e alfabetização
Soares   letramento e alfabetizaçãoSoares   letramento e alfabetização
Soares letramento e alfabetizaçãoadridaleffi121212
 
Slides pacto modulo ii rede municipal
Slides pacto modulo ii rede municipalSlides pacto modulo ii rede municipal
Slides pacto modulo ii rede municipaladridaleffi121212
 
Rojo como alfabetizar letrando
Rojo   como alfabetizar letrandoRojo   como alfabetizar letrando
Rojo como alfabetizar letrandoadridaleffi121212
 
Pro letramento alfa-e_linguagem-1
Pro letramento alfa-e_linguagem-1Pro letramento alfa-e_linguagem-1
Pro letramento alfa-e_linguagem-1adridaleffi121212
 
Morais concepções e metodologias de alfabetização
Morais   concepções e metodologias de alfabetizaçãoMorais   concepções e metodologias de alfabetização
Morais concepções e metodologias de alfabetizaçãoadridaleffi121212
 
Morais concepções e metodologias de alfabetização
Morais   concepções e metodologias de alfabetizaçãoMorais   concepções e metodologias de alfabetização
Morais concepções e metodologias de alfabetizaçãoadridaleffi121212
 
Marcuschi compreensão nos manuais didáticos
Marcuschi  compreensão nos manuais didáticosMarcuschi  compreensão nos manuais didáticos
Marcuschi compreensão nos manuais didáticosadridaleffi121212
 
Marcuschi compreensão de texto algumas reflexões
Marcuschi   compreensão de texto algumas reflexõesMarcuschi   compreensão de texto algumas reflexões
Marcuschi compreensão de texto algumas reflexõesadridaleffi121212
 
Mamapya 130324180351-phpapp02
Mamapya 130324180351-phpapp02Mamapya 130324180351-phpapp02
Mamapya 130324180351-phpapp02adridaleffi121212
 
Entrevista com bernadete abarrue
Entrevista com bernadete abarrueEntrevista com bernadete abarrue
Entrevista com bernadete abarrueadridaleffi121212
 
Cruz é possível alfabetizar letrando
Cruz   é possível alfabetizar letrandoCruz   é possível alfabetizar letrando
Cruz é possível alfabetizar letrandoadridaleffi121212
 
Candau multiculturalismo e educação desafios
Candau   multiculturalismo e educação desafiosCandau   multiculturalismo e educação desafios
Candau multiculturalismo e educação desafiosadridaleffi121212
 

Mais de adridaleffi121212 (20)

Encontros de outono com professores instituto tomie
Encontros de outono com professores   instituto tomieEncontros de outono com professores   instituto tomie
Encontros de outono com professores instituto tomie
 
Pauta -3º Encontro com Coordenadores Pedagógicos da Educação Infantil
Pauta -3º Encontro com Coordenadores Pedagógicos da Educação InfantilPauta -3º Encontro com Coordenadores Pedagógicos da Educação Infantil
Pauta -3º Encontro com Coordenadores Pedagógicos da Educação Infantil
 
Encontros de outono com professores instituto tomie
Encontros de outono com professores   instituto tomieEncontros de outono com professores   instituto tomie
Encontros de outono com professores instituto tomie
 
OFICINA-CEFAI
OFICINA-CEFAIOFICINA-CEFAI
OFICINA-CEFAI
 
Pauta 05-07-13
Pauta 05-07-13Pauta 05-07-13
Pauta 05-07-13
 
Callegari
CallegariCallegari
Callegari
 
Pauta 23 de maio
Pauta 23 de maioPauta 23 de maio
Pauta 23 de maio
 
Documentos da rede e mec
Documentos da rede e mecDocumentos da rede e mec
Documentos da rede e mec
 
Soares letramento e alfabetização
Soares   letramento e alfabetizaçãoSoares   letramento e alfabetização
Soares letramento e alfabetização
 
Slides pacto modulo ii rede municipal
Slides pacto modulo ii rede municipalSlides pacto modulo ii rede municipal
Slides pacto modulo ii rede municipal
 
Rojo como alfabetizar letrando
Rojo   como alfabetizar letrandoRojo   como alfabetizar letrando
Rojo como alfabetizar letrando
 
Pro letramento alfa-e_linguagem-1
Pro letramento alfa-e_linguagem-1Pro letramento alfa-e_linguagem-1
Pro letramento alfa-e_linguagem-1
 
Morais concepções e metodologias de alfabetização
Morais   concepções e metodologias de alfabetizaçãoMorais   concepções e metodologias de alfabetização
Morais concepções e metodologias de alfabetização
 
Morais concepções e metodologias de alfabetização
Morais   concepções e metodologias de alfabetizaçãoMorais   concepções e metodologias de alfabetização
Morais concepções e metodologias de alfabetização
 
Marcuschi compreensão nos manuais didáticos
Marcuschi  compreensão nos manuais didáticosMarcuschi  compreensão nos manuais didáticos
Marcuschi compreensão nos manuais didáticos
 
Marcuschi compreensão de texto algumas reflexões
Marcuschi   compreensão de texto algumas reflexõesMarcuschi   compreensão de texto algumas reflexões
Marcuschi compreensão de texto algumas reflexões
 
Mamapya 130324180351-phpapp02
Mamapya 130324180351-phpapp02Mamapya 130324180351-phpapp02
Mamapya 130324180351-phpapp02
 
Entrevista com bernadete abarrue
Entrevista com bernadete abarrueEntrevista com bernadete abarrue
Entrevista com bernadete abarrue
 
Cruz é possível alfabetizar letrando
Cruz   é possível alfabetizar letrandoCruz   é possível alfabetizar letrando
Cruz é possível alfabetizar letrando
 
Candau multiculturalismo e educação desafios
Candau   multiculturalismo e educação desafiosCandau   multiculturalismo e educação desafios
Candau multiculturalismo e educação desafios
 

Metodos

  • 1. MÉTODOS E PROCESSOS DE ALFABETIZAÇÃO SECRETARIA DE ESTADO DE EDUCAÇÃO DE MINAS GERAIS
  • 2. Caminho para se chegar a um fim; Modo ordenado de fazer as coisas; Conjunto de procedimentos técnicos e científicos. MÉTODOS
  • 3. MÉTODOS DE ALFABETIZAÇÃO Um conjunto de princípios teórico-procedimentais que organizam o trabalho pedagógico em torno da alfabetização. Um conjunto de saberes práticos ou de princípios organizadores do processo de alfabetização, (re)criados pelo professor em seu trabalho pedagógico.
  • 4. . “É difícil comprovar a superioridade absoluta de um método sobre outro. (..) uma turma x pode obter maiores ou menores resultados dependendo do que se considera como “bons resultados” em matéria de leitura: capacidade de decodificar quaisquer novas combinações de letras? Leitura oral ou fluente? Interpretação do significado?” CARVALHO, Marlene. Guia Prático do Alfabetizador.4.ed. São Paulo: Ática, p.35-42 Qual é o melhor método para ensinar a ler?
  • 5. Se todos os métodos servem para aprender a ler, tanto faz escolher um ou outro? “Não, absolutamente. (...) Exemplo: pessoas recém-alfabetizadas por métodos sintéticos são em geral mais atentas à decodificação integral do texto, que é lido palavra por palavra, sem omissões ou substituições. Contudo, são menos preparadas para a tarefa de interpretação”. CARVALHO, Marlene. Guia Prático do Alfabetizador.4.ed. São Paulo: Ática, p.35-42.
  • 6. O que deve ser levado em conta no momento de escolher um método? “Simples: estude o método antes de aplicá-lo. É melhor refletir antes do que corrigir depois. Recomendações: considere os fundamentos teóricos (...), as etapas de aplicação (...), o material necessário (...), os resultados previsíveis (...)”. CARVALHO, Marlene. Guia Prático do Alfabetizador.4.ed. São Paulo: Ática, p.35-42.
  • 7. SINTÉTICOS Método Alfabético (Soletração) Método Fônico Método Silábico ANALÍTICOS Palavração Sentenciação Global de Contos/Textos MÉTODOS DE ALFABETIZAÇÃO
  • 8. MÉTODOS SINTÉTICOS (alfabético, silábico, fônico) (Orientações da SEE, cad. 3, pg.36) PROPOSTA ENFOQUE VANTAGENS LIMITAÇÕES Progressão de unidades menores (letra, fonema, sílaba) a unidades mais complexas (palavra, frase, texto). Processos de decodificação, análise fonológica, relações entre fonemas (sons) e grafemas (letras) Possibilita a análise das relações entre fonemas (sons ou unidades sonoras) e grafemas (letras ou grupo de letras) Promove o desenvolvimento da consciência fonológica e os processos de codificação e decodificação. Desconsidera os usos e funções sociais da escrita. Em algum momento, o aprendiz tem que se desvincular da fala para codificar (escrever) e decodificar (ler) palavras, frases e textos, já que em alguns casos a escrita não representa os sons da fala.
  • 9. MÉTODOS ANALÍTICOS (cad.3) (palavração, sentenciação, global contos/textos) (Orientações da SEE, cad. 3, pg.36) PROPOSTA ENFOQUE VANTAGENS LIMITAÇÕES Progressão de unidades de sentido mais amplas (palavra, frase, texto) a unidades menores (sílabas e sua decomposição em grafemas e fonemas). Compreensão de sentidos e aprendizagem ideovisual (reconheci- mento global pela silhueta da palavra, frase ou texto). Reconhecimento global e mais rápido das palavras, possibilitando a leitura de unidades com sentido desde o início da escolarização. Se não houver uma correta orientação do professor: Pode dificultar a leitura com sentido quando o texto apre- sentar palavras completamente novas. Se não houver uma orientação correta para a decodificação, corre-se o risco do aluno utilizar do recurso da memorização sem observar que as palavras são compostas de unidades menores.
  • 10. MARCHA 1º Passo: Memorização do nome das letras; 2º Passo: Representação gráfica; 3º Passo: Representação famílias silábicas (b+a=ba; b+e=be, b+i=bi) 4º Passo: Monossílabos, dissílabos, trissílabos e sílabas não canônicas. 5º Passo: Textos segmentados (a ca sa a ma re la na flo res ta) MÉTODO ALFABÉTICO (SOLETRAÇÃO) (SINTÉTICO)
  • 11. MARCHA 1º passo: Vogais: nome e som das letras são iguais 2º passo: palavras formadas apenas por vogais 3º passo: apresentação dos fonemas regulares (d, b, f, j,m,n...) de forma isolada e processualmente os irregulares 4º passo: junção dos fonemas regulares e, processualmente os irregulares, com as vogais, formando sílabas 5º passo: formação de palavras 6º passo: formação de frases 7º passo: formação de textos MÉTODO FÔNICO (SINTÉTICO)
  • 12. MARCHA 1º passo: Apresenta-se as vogais, com ajuda de ilustrações e palavras como “o” de OVO; “e” de ELEFANTE; 2º passo: Apresentam-se as sílabas canônicas, utilizando palavras e ilustrações e destacando a sílaba na palavra: ma de macaco, na de navio, pa de panela, e as não canônicas, de forma processual; 3º passo: Famílias silábicas da sílaba em destaque na palavra; 4º passo: Formação de palavras; 5º passo: Formação de frases; 6º passo: Formação de pequenos textos. MÉTODO SILÁBICO (SINTÉTICO)
  • 13. MARCHA 1º passo: Apresentação de palavras ilustradas que fazem parte do universo infantil; 2º passo: Memorização (leitura e escrita da palavra) 3º passo: divisão silábica das palavras 4º passo: formação de novas palavras com as sílabas estudadas; 5º passo: estudo e análise de grafemas/fonemas 6º passo: formação de frases 7º passo: formação de textos PALAVRAÇÃO (ANALÍTICO)
  • 14. MARCHA 1º passo: Apresentação de frases que fazem parte do universo infantil; 2º passo: Memorização (leitura e escrita da frase); 3º passo: Observação de palavras semelhantes dentro da sentença; 4º passo: Formação de grupo de palavras; 5º passo: Isolamento de elementos conhecidos dentro da palavra (sílaba); 6º passo: Estudo e análise de grafemas/fonemas SENTENCIAÇÃO (ANALÍTICO)
  • 15. MARCHA 1º passo: Apresentação de partes do texto com sentido completo, em cartazes; 2º passo: Memorização - leitura e escrita do texto; 3º passo: Decomposição do texto estudado em frases, (iniciando- se o estudo do 2º cartaz)‫;‏‬ 4º passo: Decomposição das frases em palavras; 5º passo: Decomposição das palavras em sílabas; 6º passo: Formação de novas palavras com as sílabas estudadas; 7º passo: Estudo e análise de grafemas/fonemas. GLOBAL DE TEXTOS/CONTOS (ANALÍTICO)
  • 16. MÉTODOS DE ALFABETIZAÇÃO (equilíbrio e articulação) • princípios de decodificação e de organização do sistema alfabético-ortográfico da escrita; • princípios de compreensão, reconhecimento global e construção de sentidos em contextos de usos sociais da escrita e da leitura; • princípios pertinentes à progressão das capacidades das crianças, com ênfase em intervenções para avanços. Caderno 3 SEE/MG
  • 17. E hoje, que critérios observar na escolha dos métodos de alfabetização? - Qualquer que seja o método escolhido, deve ser observado um envolvimento sistemático dos alunos com a escrita em muitas situações sociais. - Qualquer que seja o método, o reconhecimento da dimensão fonológica da língua é indispensável para a aquisição da base alfabética.
  • 18.
  • 19. Orientações para a Organização do Ciclo Inicial de Alfabetização (Caderno 1 – p.22) “As metodologias de ensino, por si mesmas, não são suficientes para assegurar resultados positivos, pois dependem sempre do professor, de sua sensibilidade para interpretar as necessidades dos alunos – particularmente daqueles queparticularmente daqueles que apresentam dificuldades no processoapresentam dificuldades no processo de aprendizagem”.de aprendizagem”. (grifo nosso)(grifo nosso)
  • 20. “Mais do que pensar em métodos, é preciso compreender os processos de aprendizagem da criança ao tentar reconstruir a representação do sistema alfabético”. EMÍLIA FERREIRO
  • 21. TEORIA X MÉTODO Caminho para chegar a um fim; Modo ordenado de fazer as coisas; Conjunto de procedimentos técnicos e científicos. Forma de pensar e entender algum fenômeno. MÉTODOTEORIA
  • 22. ALFABETIZAÇÃO E LETRAMENTO (Magda Soares, 1998) O PAPEL DO PROFESSOR É ENSINAR A LER E ESCREVER NO CONTEXTO DAS PRÁTICAS SOCIAIS DE LEITURA E ESCRITA, DE MODO QUE O INDIVÍDUO SE TORNE, AO MESMO TEMPO, ALFABETIZADO E LETRADO.
  • 23. MÉTODOS DE ALFABETIZAÇÃO Longe de estarem aqui para nos confundir, para determinar nossa personalidade ou nossa prática como professores,estão aqui para nos darem suporte e nos ajudar a alcançar nossas metas!
  • 24. Eu educo hoje, Com os valores que eu recebi ontem Para as pessoas que são o amanhã. Os valores de ontem eu conheço, Os de hoje, percebo alguns Dos de amanhã, não sei. Se só uso os de hoje,não educo: complico Se só uso os de ontem, não educo: condiciono. Se só uso os de amanhã, não educo Faço experiências as custas das crianças EDUCAR EM TRÊS TEMPOS
  • 25. Se uso os três, sofro, mas educo Por isto educar é perder sempre, sem perder-se. Educa quem fundi ontens, hojes e amanhãs Transformando-os num presente Onde o amor e o livre arbítrio Sejam as bases. Terezinha Matheus Andrade
  • 26. Para saber mais sobre métodos... Orientações para a Organização do Ciclo Inicial de Alfabetização Caderno 1, p.22 - Um problema de método? Caderno 2, p.11 – Concepção de alfabetização e letramento Caderno 3, p.35 – O lugar da discussão metodológica no conjunto de decisões relacionadas à alfabetização Cantalelê Caderno do Professor, p.2 – A disputa entre os métodos de alfabetização.
  • 27. REFERÊNCIAS E SUGESTÕES BIBLIOGRÁFICAS  CARVALHO, Marlene. Guia prático do alfabetizador. São Paulo: Ática, 1999. 95p.  Centro de Alfabetização, Leitura e Escrita. Orientações para a organização do ciclo inicial de alfabetização. Belo Horizonte: Secretaria de Estado da Educação de Minas Gerais, 2003. 6 vol.  ELIAS, Marisa Del Cioppo. De Emilio a Emilia: a trajetória de alfabetização.  FERREIRO, Emília. Reflexões sobre alfabetização. São Paulo: Cortez, 1991.103p.  FONTANA, Roseli; CRUZ, Nazaré. Psicologia e trabalho pedagógico. São Paulo: Atual, 1997. 231p.  FRADE, Isabel Cristina Alves da Silva. METODOLOGIA e didáticas de alfabetização: história, características e modos de fazer de professores. Belo Horizonte: CEALE, 2005.  Guia do Alfabetizador. Belo Horizonte: 2008.  MADI, Sônia. Cantalelê.  LEMLE, Miriam. Guia teórico do alfabetizador. São Paulo: Ática, 2000. 70p.  LUCK, Heloísa. Pedagogia interdisciplinar: fundamentos teórico-metodológicos. São Paulo: Vozes, 1994. 90p.
  • 28. REFERÊNCIAS E SUGESTÕES BIBLIOGRÁFICAS  MENDONÇA, Onaide Schwartz; MENDONÇA, Olympio Correa. Alfabetização: método sociolinguístico: consciência social, silábica e alfabética em Paulo Freire. São Paulo: Cortez, 2007.150p.  OLIVEIRA, Marta Kohl de. Vygotsky: aprendizado e desenvolvimento: um processo sócio-histórico. São Paulo: Scipione 1997. 111p.  Parâmetros Curriculares Nacionais: introdução aos parâmetros curriculares nacionais/Secretaria de Educação Fundamental. Rio de Janeiro: DP&A, 2000. 126p.  RIZZO, Gilda. Alfabetização natural. Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 1998, 336p  SEE. Resolução 1086/2008. Belo Horizonte: 16/04/2008.  SOARES, Magda. Letramento: um tema em três gêneros. Belo Horizonte: Autêntica, 1999.124p.  VEREDAS, Coleção. Formação Superior de Professores. Módulo 5, vol. 1, SEE/MG, pg. 27.  www.google.com.br, pesquisa baseada nos termos: História dos Métodos de Alfabetização, Vygotsky, Métodos de Alfabetização, Piaget, Construtivismo, Comenius, Paulo Freire,entre outros. portal.mec.gov.br, em História dos Métodos de Alfabetização no Brasil, de Maria do Rosário Longo Mortatti