SlideShare uma empresa Scribd logo
ARTE
BARROCA
•O Barroco foi um período do século XVI marcado pela crise dos
valores Renascentistas, gerando uma nova visão de mundo através
de lutas religiosas e dualismos entre espírito e razão.
•Uma das propostas desse movimento foi a tradução da Bíblia para
os idiomas nacionais, deixando a Igreja enfraquecida. Em 1563 tem
início a Contrarreforma, que tinha como objetivo combater a
expansão do protestantismo e recuperar os domínios perdidos.
Portanto, a Europa do século XVII reflete a crise religiosa do século
anterior. O homem europeu se vê dividido entre duas forças
opostas: o antropocentrismo e o teocentrismo. O Barroco é a
estética que reflete essa oposição.
LITERATURA BARROCA
Massacre de São
Bartolomeu
A tela do pintor francês registra a fatídica
noite de 1572, em que milhares de
protestantes foram mortos em Paris a
mando dos reis católicos franceses.
CARACTERÍSTICAS
• O barroco tem, em sua estética, uma busca pela novidade e pela surpresa e,
além disso, o gosto pela dificuldade. Pregava-se, neste estilo, que nada é
estável e que tudo deve ser decifrado. Entre suas características, encontramos
ainda a tendência ao artifício e ao engenho, e a noção de que o ideal supremo
de uma obra artística reside no inacabado.
• Com linguagem dramática apoiada nas figuras de linguagem, hipérboles,
metáforas, anacolutos e antíteses, o barroco era a arte do contraste e do
conflito. Fé versus razão, corpo versus alma, vida versus morte, entre outros.
Em todas as produções deste estilo essa característica é marcante, mas nem
sempre expondo apenas os contrários, mas integrando um ao outro – usando
figuras de linguagem para fundi-las.
BARROCO NO BRASIL
• As primeiras manifestações da literatura barroca brasileira ocorreram na Bahia.
Para muitos especialistas, os primórdios da literatura brasileira remontam a
esse período. A justificativa é que, no século XVII, os escritores já nascidos na
colônia teriam adaptado pela primeira vez uma estética europeia à realidade
brasileira, colocando em prática uma espécie de “abrasileiramento” da
linguagem literária.
• Gregório de Matos (1633-1695)
• Graças à sua poesia satírica, com termos de baixo calão e críticas abertas à
sociedade baiana, o poeta ganhou o apelido de “Boca do Inferno”. Além de
abordar temas clássicos do Barroco europeu, como a religiosidade, Gregório de
Matos também se dedicou à lírica filosófica, explorando temas como o CARPE
DIEM, lema latino cuja tradução seria “aproveite o dia”.
Gregório de Matos
• Salvador, 23 de dezembro de
1636
• Recife, 26 de novembro de
1696
• Em Portugal, o Barroco, também chamado Seiscentismo (por ter sido estilo que teve
início no final do século XVI), tem como marco inicial a Unificação da Península Ibérica
sob o domínio espanhol em 1580, estendendo-se até por volta da primeira metade do
século XVIII, quando ocorre a fundação da Arcádia Lusitana, em 1756 e tem início o
Arcadismo.
• O Barroco corresponde a um período de grande turbulência político-econômica, social, e
principalmente religiosa. A incerteza e a crise tomam conta da vida portuguesa. Fatos
importantes como: o término do Ciclo das Grandes Navegações, a Reforma Protestante,
liderada Lutero (na Alemanha) e Calvino (na França) e o Movimento Católico de
Contrarreforma, marcam o contexto histórico do período e colaboram com a criação do
"Mito do Sebastianismo", crença segundo a qual D. Sebastião, rei de Portugal (aquele a
quem Camões dedicou Os Lusíadas), não havia morrido, em 1578, na Batalha de Alcácer
Quibir, mas que estava apenas "encoberto" e que voltaria para transformar Portugal no
Quinto Império de que falam as Escrituras Sagradas.
A ORIGEM DO BARROCO
FIM
ALUNOS:
• DANIEL FERREIRA;
• KLUYV RONEY;
• WELLINGTON SOUZA;
• JOÃO PAULO.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

O pré modernismo
O pré modernismoO pré modernismo
O pré modernismo
Ana Batista
 
Trovadorismo I
Trovadorismo ITrovadorismo I
Trovadorismo I
Cláudia Heloísa
 
Barroco no brasil
Barroco no brasilBarroco no brasil
Barroco no brasil
Ivana Mayrink
 
Barroco
Barroco   Barroco
O barroco
O barrocoO barroco
Barroco
BarrocoBarroco
Barroco
Lú Carvalho
 
O Pré-Modernismo
O Pré-ModernismoO Pré-Modernismo
O Pré-Modernismo
Luciene Gomes
 
Simbolismo
SimbolismoSimbolismo
Simbolismo
Anjo da Luz
 
Arcadismo no Brasil
Arcadismo no BrasilArcadismo no Brasil
Arcadismo no Brasil
Bruna Wagner
 
O Barroco No Brasil
O Barroco No BrasilO Barroco No Brasil
O Barroco No Brasil
Alessandra Oliveira
 
Modernismo 2 fase (geração de 30)
Modernismo 2 fase (geração de 30)Modernismo 2 fase (geração de 30)
Modernismo 2 fase (geração de 30)
Josie Ubiali
 
Modernismo no Brasil
Modernismo no BrasilModernismo no Brasil
Modernismo no Brasil
alinesantana1422
 
Barroco no Brasil
Barroco no BrasilBarroco no Brasil
Barroco no Brasil
Diego Barcelar
 
Barroco
BarrocoBarroco
Parnasianismo brasileiro
Parnasianismo brasileiroParnasianismo brasileiro
Parnasianismo brasileiro
Andréia Peixoto
 
Ppt realismo (1)
Ppt realismo (1)Ppt realismo (1)
Ppt realismo (1)
Equipemundi2014
 
Pré modernismo
Pré  modernismoPré  modernismo
Pré modernismo
Gerlane Galvao
 
Literatura contemporânea
Literatura contemporâneaLiteratura contemporânea
Literatura contemporânea
Beatriz Araujo
 
Realismo e Naturalismo - Literatura
Realismo e Naturalismo - LiteraturaRealismo e Naturalismo - Literatura
Realismo e Naturalismo - Literatura
Cynthia Funchal
 
Literatura brasileira
Literatura brasileiraLiteratura brasileira
Literatura brasileira
Fernando Henning
 

Mais procurados (20)

O pré modernismo
O pré modernismoO pré modernismo
O pré modernismo
 
Trovadorismo I
Trovadorismo ITrovadorismo I
Trovadorismo I
 
Barroco no brasil
Barroco no brasilBarroco no brasil
Barroco no brasil
 
Barroco
Barroco   Barroco
Barroco
 
O barroco
O barrocoO barroco
O barroco
 
Barroco
BarrocoBarroco
Barroco
 
O Pré-Modernismo
O Pré-ModernismoO Pré-Modernismo
O Pré-Modernismo
 
Simbolismo
SimbolismoSimbolismo
Simbolismo
 
Arcadismo no Brasil
Arcadismo no BrasilArcadismo no Brasil
Arcadismo no Brasil
 
O Barroco No Brasil
O Barroco No BrasilO Barroco No Brasil
O Barroco No Brasil
 
Modernismo 2 fase (geração de 30)
Modernismo 2 fase (geração de 30)Modernismo 2 fase (geração de 30)
Modernismo 2 fase (geração de 30)
 
Modernismo no Brasil
Modernismo no BrasilModernismo no Brasil
Modernismo no Brasil
 
Barroco no Brasil
Barroco no BrasilBarroco no Brasil
Barroco no Brasil
 
Barroco
BarrocoBarroco
Barroco
 
Parnasianismo brasileiro
Parnasianismo brasileiroParnasianismo brasileiro
Parnasianismo brasileiro
 
Ppt realismo (1)
Ppt realismo (1)Ppt realismo (1)
Ppt realismo (1)
 
Pré modernismo
Pré  modernismoPré  modernismo
Pré modernismo
 
Literatura contemporânea
Literatura contemporâneaLiteratura contemporânea
Literatura contemporânea
 
Realismo e Naturalismo - Literatura
Realismo e Naturalismo - LiteraturaRealismo e Naturalismo - Literatura
Realismo e Naturalismo - Literatura
 
Literatura brasileira
Literatura brasileiraLiteratura brasileira
Literatura brasileira
 

Destaque

La criminologia_IAFJSR
La criminologia_IAFJSRLa criminologia_IAFJSR
La criminologia_IAFJSR
Mauri Rojas
 
Express yourself - QUESTION (L)
Express yourself - QUESTION (L)Express yourself - QUESTION (L)
Express yourself - QUESTION (L)
Michele Mauceri
 
Ray-Ban
Ray-BanRay-Ban
Impressionismo (Segunda Série)
Impressionismo (Segunda Série)Impressionismo (Segunda Série)
Impressionismo (Segunda Série)
Rodrigo Retka
 
Criminologia critica_IAFJSR
Criminologia critica_IAFJSRCriminologia critica_IAFJSR
Criminologia critica_IAFJSR
Mauri Rojas
 
Использование технологии ТРИЗ на занятиях
Использование технологии ТРИЗ на занятияхИспользование технологии ТРИЗ на занятиях
Использование технологии ТРИЗ на занятиях
andreyfel
 
Mundo fabuloso
Mundo fabulosoMundo fabuloso
Mundo fabuloso
CrisBiagio
 
Прайс лист каталога Фаберлик №5 2017 года - цены для партнёров
Прайс лист каталога Фаберлик №5 2017 года - цены для партнёровПрайс лист каталога Фаберлик №5 2017 года - цены для партнёров
Прайс лист каталога Фаберлик №5 2017 года - цены для партнёров
Garik Yenokyan
 
Waikiki tranportation study 2013
Waikiki tranportation study 2013Waikiki tranportation study 2013
Waikiki tranportation study 2013
kamanao
 
E twinning e tool per la didattica digitale
E twinning e tool per la didattica digitaleE twinning e tool per la didattica digitale
E twinning e tool per la didattica digitale
Daniela Corvino
 
Clase 3 decimo
Clase 3 decimoClase 3 decimo
CAE - Information
CAE  - InformationCAE  - Information
CAE - Information
Matfermar marin
 
Tugasan 4
Tugasan 4Tugasan 4
Technovation - Intro to UX
Technovation - Intro to UXTechnovation - Intro to UX
Technovation - Intro to UX
John Carpenter
 
Database management system
Database management systemDatabase management system
Database management system
Simran Kaur
 
Criminologia critica DIEGO MOLINA
Criminologia critica DIEGO MOLINACriminologia critica DIEGO MOLINA
Criminologia critica DIEGO MOLINA
DIEGO MOLINA
 
2.3. criminología crítica y crítica del derecho penal
2.3. criminología crítica y crítica del derecho penal2.3. criminología crítica y crítica del derecho penal
2.3. criminología crítica y crítica del derecho penal
Laura O. Eguia Magaña
 
Romantismo - As 3 gerações - Resumo Completo
Romantismo - As 3 gerações - Resumo CompletoRomantismo - As 3 gerações - Resumo Completo
Romantismo - As 3 gerações - Resumo Completo
Faell Vasconcelos
 
Criminología
CriminologíaCriminología
Criminología
clinio
 
Créer sa boutique en ligne avec Citruseo
Créer sa boutique en ligne avec CitruseoCréer sa boutique en ligne avec Citruseo
Créer sa boutique en ligne avec Citruseo
Citruseo
 

Destaque (20)

La criminologia_IAFJSR
La criminologia_IAFJSRLa criminologia_IAFJSR
La criminologia_IAFJSR
 
Express yourself - QUESTION (L)
Express yourself - QUESTION (L)Express yourself - QUESTION (L)
Express yourself - QUESTION (L)
 
Ray-Ban
Ray-BanRay-Ban
Ray-Ban
 
Impressionismo (Segunda Série)
Impressionismo (Segunda Série)Impressionismo (Segunda Série)
Impressionismo (Segunda Série)
 
Criminologia critica_IAFJSR
Criminologia critica_IAFJSRCriminologia critica_IAFJSR
Criminologia critica_IAFJSR
 
Использование технологии ТРИЗ на занятиях
Использование технологии ТРИЗ на занятияхИспользование технологии ТРИЗ на занятиях
Использование технологии ТРИЗ на занятиях
 
Mundo fabuloso
Mundo fabulosoMundo fabuloso
Mundo fabuloso
 
Прайс лист каталога Фаберлик №5 2017 года - цены для партнёров
Прайс лист каталога Фаберлик №5 2017 года - цены для партнёровПрайс лист каталога Фаберлик №5 2017 года - цены для партнёров
Прайс лист каталога Фаберлик №5 2017 года - цены для партнёров
 
Waikiki tranportation study 2013
Waikiki tranportation study 2013Waikiki tranportation study 2013
Waikiki tranportation study 2013
 
E twinning e tool per la didattica digitale
E twinning e tool per la didattica digitaleE twinning e tool per la didattica digitale
E twinning e tool per la didattica digitale
 
Clase 3 decimo
Clase 3 decimoClase 3 decimo
Clase 3 decimo
 
CAE - Information
CAE  - InformationCAE  - Information
CAE - Information
 
Tugasan 4
Tugasan 4Tugasan 4
Tugasan 4
 
Technovation - Intro to UX
Technovation - Intro to UXTechnovation - Intro to UX
Technovation - Intro to UX
 
Database management system
Database management systemDatabase management system
Database management system
 
Criminologia critica DIEGO MOLINA
Criminologia critica DIEGO MOLINACriminologia critica DIEGO MOLINA
Criminologia critica DIEGO MOLINA
 
2.3. criminología crítica y crítica del derecho penal
2.3. criminología crítica y crítica del derecho penal2.3. criminología crítica y crítica del derecho penal
2.3. criminología crítica y crítica del derecho penal
 
Romantismo - As 3 gerações - Resumo Completo
Romantismo - As 3 gerações - Resumo CompletoRomantismo - As 3 gerações - Resumo Completo
Romantismo - As 3 gerações - Resumo Completo
 
Criminología
CriminologíaCriminología
Criminología
 
Créer sa boutique en ligne avec Citruseo
Créer sa boutique en ligne avec CitruseoCréer sa boutique en ligne avec Citruseo
Créer sa boutique en ligne avec Citruseo
 

Semelhante a Literatura barroca

Barroco em portugal
Barroco em portugalBarroco em portugal
Barroco em portugal
camilla1010
 
Barroco
BarrocoBarroco
Literatura slides
Literatura  slidesLiteratura  slides
Literatura slides
Ma Hildebrand de Araujo
 
Barroco em Portugal
Barroco em PortugalBarroco em Portugal
Barroco em Portugal
Andréia Peixoto
 
Barroco pdf
Barroco pdfBarroco pdf
Barroco pdf
André Lima
 
Aula 05 barroco em portugal e literatura informativa
Aula 05   barroco em portugal e literatura informativaAula 05   barroco em portugal e literatura informativa
Aula 05 barroco em portugal e literatura informativa
Jonatas Carlos
 
13650916 literatura-aula-05-barroco-em-portugal-e-literatura-informativa
13650916 literatura-aula-05-barroco-em-portugal-e-literatura-informativa13650916 literatura-aula-05-barroco-em-portugal-e-literatura-informativa
13650916 literatura-aula-05-barroco-em-portugal-e-literatura-informativa
Alecio Marcelo Vaz Vaz
 
Barroco
BarrocoBarroco
Barroco
0009222
 
Barroco
BarrocoBarroco
Barroco
Lú Carvalho
 
A linguagem do Barroco - João.docx
A linguagem do Barroco - João.docxA linguagem do Barroco - João.docx
A linguagem do Barroco - João.docx
RogrioMelo22
 
Barroco
Barroco Barroco
Barroco
peterloco
 
Barroco no brasil
Barroco no brasilBarroco no brasil
Barroco no brasil
Erika Renata
 
Características do barroco
Características do barrocoCaracterísticas do barroco
Características do barroco
Wesley Henrique
 
O barroco português
O barroco portuguêsO barroco português
O barroco português
gean caboclo
 
Sermão da sexagésima (slides)
Sermão da sexagésima (slides)Sermão da sexagésima (slides)
Sermão da sexagésima (slides)
Ana Paula
 
Barroco
BarrocoBarroco
Barroco
BarrocoBarroco
APznzaZt11G68BI2Z7sAqlkhput_WDQVoMnKH9sn1uZRiTdYK-4sZpD_WMbMtOzwilcbd-olo82bf...
APznzaZt11G68BI2Z7sAqlkhput_WDQVoMnKH9sn1uZRiTdYK-4sZpD_WMbMtOzwilcbd-olo82bf...APznzaZt11G68BI2Z7sAqlkhput_WDQVoMnKH9sn1uZRiTdYK-4sZpD_WMbMtOzwilcbd-olo82bf...
APznzaZt11G68BI2Z7sAqlkhput_WDQVoMnKH9sn1uZRiTdYK-4sZpD_WMbMtOzwilcbd-olo82bf...
LuKaoGames
 
Barroco 1 ano
Barroco 1 anoBarroco 1 ano
Barroco 1 ano
Marilene dos Santos
 
Barroco
BarrocoBarroco

Semelhante a Literatura barroca (20)

Barroco em portugal
Barroco em portugalBarroco em portugal
Barroco em portugal
 
Barroco
BarrocoBarroco
Barroco
 
Literatura slides
Literatura  slidesLiteratura  slides
Literatura slides
 
Barroco em Portugal
Barroco em PortugalBarroco em Portugal
Barroco em Portugal
 
Barroco pdf
Barroco pdfBarroco pdf
Barroco pdf
 
Aula 05 barroco em portugal e literatura informativa
Aula 05   barroco em portugal e literatura informativaAula 05   barroco em portugal e literatura informativa
Aula 05 barroco em portugal e literatura informativa
 
13650916 literatura-aula-05-barroco-em-portugal-e-literatura-informativa
13650916 literatura-aula-05-barroco-em-portugal-e-literatura-informativa13650916 literatura-aula-05-barroco-em-portugal-e-literatura-informativa
13650916 literatura-aula-05-barroco-em-portugal-e-literatura-informativa
 
Barroco
BarrocoBarroco
Barroco
 
Barroco
BarrocoBarroco
Barroco
 
A linguagem do Barroco - João.docx
A linguagem do Barroco - João.docxA linguagem do Barroco - João.docx
A linguagem do Barroco - João.docx
 
Barroco
Barroco Barroco
Barroco
 
Barroco no brasil
Barroco no brasilBarroco no brasil
Barroco no brasil
 
Características do barroco
Características do barrocoCaracterísticas do barroco
Características do barroco
 
O barroco português
O barroco portuguêsO barroco português
O barroco português
 
Sermão da sexagésima (slides)
Sermão da sexagésima (slides)Sermão da sexagésima (slides)
Sermão da sexagésima (slides)
 
Barroco
BarrocoBarroco
Barroco
 
Barroco
BarrocoBarroco
Barroco
 
APznzaZt11G68BI2Z7sAqlkhput_WDQVoMnKH9sn1uZRiTdYK-4sZpD_WMbMtOzwilcbd-olo82bf...
APznzaZt11G68BI2Z7sAqlkhput_WDQVoMnKH9sn1uZRiTdYK-4sZpD_WMbMtOzwilcbd-olo82bf...APznzaZt11G68BI2Z7sAqlkhput_WDQVoMnKH9sn1uZRiTdYK-4sZpD_WMbMtOzwilcbd-olo82bf...
APznzaZt11G68BI2Z7sAqlkhput_WDQVoMnKH9sn1uZRiTdYK-4sZpD_WMbMtOzwilcbd-olo82bf...
 
Barroco 1 ano
Barroco 1 anoBarroco 1 ano
Barroco 1 ano
 
Barroco
BarrocoBarroco
Barroco
 

Último

EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
Sandra Pratas
 
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdfA Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
Falcão Brasil
 
VOCÊ CONHECE AS HISTÓRIAS DA BIBLÍA - EMOJIES.pptx
VOCÊ CONHECE AS HISTÓRIAS DA BIBLÍA - EMOJIES.pptxVOCÊ CONHECE AS HISTÓRIAS DA BIBLÍA - EMOJIES.pptx
VOCÊ CONHECE AS HISTÓRIAS DA BIBLÍA - EMOJIES.pptx
mailabueno45
 
Caça-palavras - multiplicação
Caça-palavras  -  multiplicaçãoCaça-palavras  -  multiplicação
Caça-palavras - multiplicação
Mary Alvarenga
 
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Centro Jacques Delors
 
Conhecimento sobre Vestimenta Anti chamas
Conhecimento sobre Vestimenta Anti chamasConhecimento sobre Vestimenta Anti chamas
Conhecimento sobre Vestimenta Anti chamas
edusegtrab
 
Portfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdf
Portfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdfPortfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdf
Portfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdf
Falcão Brasil
 
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdfCaderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
shirleisousa9166
 
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdfIntrodução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
valdeci17
 
A Participação do Brasil nas Operações de Manutenção da Paz da ONU Passado, P...
A Participação do Brasil nas Operações de Manutenção da Paz da ONU Passado, P...A Participação do Brasil nas Operações de Manutenção da Paz da ONU Passado, P...
A Participação do Brasil nas Operações de Manutenção da Paz da ONU Passado, P...
Falcão Brasil
 
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdfEscola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
Falcão Brasil
 
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdfPortfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Falcão Brasil
 
Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀
Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀
Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀
Miguel Delamontagne
 
APRESENTAÇÃO CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
APRESENTAÇÃO  CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdfAPRESENTAÇÃO  CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
APRESENTAÇÃO CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
portaladministradores
 
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdfAviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Falcão Brasil
 
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
principeandregalli
 
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsxOceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Luzia Gabriele
 
Livro - Planejamento em Orientação Educacional - Heloísa Lück.pdf
Livro - Planejamento em Orientação Educacional - Heloísa Lück.pdfLivro - Planejamento em Orientação Educacional - Heloísa Lück.pdf
Livro - Planejamento em Orientação Educacional - Heloísa Lück.pdf
CarolineSaback2
 
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdfA Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
Falcão Brasil
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_CARLA MORAIS_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_CARLA MORAIS_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_CARLA MORAIS_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_CARLA MORAIS_22_23
Sandra Pratas
 

Último (20)

EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
 
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdfA Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
 
VOCÊ CONHECE AS HISTÓRIAS DA BIBLÍA - EMOJIES.pptx
VOCÊ CONHECE AS HISTÓRIAS DA BIBLÍA - EMOJIES.pptxVOCÊ CONHECE AS HISTÓRIAS DA BIBLÍA - EMOJIES.pptx
VOCÊ CONHECE AS HISTÓRIAS DA BIBLÍA - EMOJIES.pptx
 
Caça-palavras - multiplicação
Caça-palavras  -  multiplicaçãoCaça-palavras  -  multiplicação
Caça-palavras - multiplicação
 
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
 
Conhecimento sobre Vestimenta Anti chamas
Conhecimento sobre Vestimenta Anti chamasConhecimento sobre Vestimenta Anti chamas
Conhecimento sobre Vestimenta Anti chamas
 
Portfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdf
Portfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdfPortfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdf
Portfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdf
 
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdfCaderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
 
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdfIntrodução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
 
A Participação do Brasil nas Operações de Manutenção da Paz da ONU Passado, P...
A Participação do Brasil nas Operações de Manutenção da Paz da ONU Passado, P...A Participação do Brasil nas Operações de Manutenção da Paz da ONU Passado, P...
A Participação do Brasil nas Operações de Manutenção da Paz da ONU Passado, P...
 
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdfEscola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
 
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdfPortfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
 
Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀
Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀
Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀
 
APRESENTAÇÃO CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
APRESENTAÇÃO  CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdfAPRESENTAÇÃO  CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
APRESENTAÇÃO CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
 
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdfAviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
 
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
 
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsxOceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
 
Livro - Planejamento em Orientação Educacional - Heloísa Lück.pdf
Livro - Planejamento em Orientação Educacional - Heloísa Lück.pdfLivro - Planejamento em Orientação Educacional - Heloísa Lück.pdf
Livro - Planejamento em Orientação Educacional - Heloísa Lück.pdf
 
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdfA Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_CARLA MORAIS_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_CARLA MORAIS_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_CARLA MORAIS_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_CARLA MORAIS_22_23
 

Literatura barroca

  • 2. •O Barroco foi um período do século XVI marcado pela crise dos valores Renascentistas, gerando uma nova visão de mundo através de lutas religiosas e dualismos entre espírito e razão. •Uma das propostas desse movimento foi a tradução da Bíblia para os idiomas nacionais, deixando a Igreja enfraquecida. Em 1563 tem início a Contrarreforma, que tinha como objetivo combater a expansão do protestantismo e recuperar os domínios perdidos. Portanto, a Europa do século XVII reflete a crise religiosa do século anterior. O homem europeu se vê dividido entre duas forças opostas: o antropocentrismo e o teocentrismo. O Barroco é a estética que reflete essa oposição. LITERATURA BARROCA
  • 3. Massacre de São Bartolomeu A tela do pintor francês registra a fatídica noite de 1572, em que milhares de protestantes foram mortos em Paris a mando dos reis católicos franceses.
  • 4. CARACTERÍSTICAS • O barroco tem, em sua estética, uma busca pela novidade e pela surpresa e, além disso, o gosto pela dificuldade. Pregava-se, neste estilo, que nada é estável e que tudo deve ser decifrado. Entre suas características, encontramos ainda a tendência ao artifício e ao engenho, e a noção de que o ideal supremo de uma obra artística reside no inacabado. • Com linguagem dramática apoiada nas figuras de linguagem, hipérboles, metáforas, anacolutos e antíteses, o barroco era a arte do contraste e do conflito. Fé versus razão, corpo versus alma, vida versus morte, entre outros. Em todas as produções deste estilo essa característica é marcante, mas nem sempre expondo apenas os contrários, mas integrando um ao outro – usando figuras de linguagem para fundi-las.
  • 5. BARROCO NO BRASIL • As primeiras manifestações da literatura barroca brasileira ocorreram na Bahia. Para muitos especialistas, os primórdios da literatura brasileira remontam a esse período. A justificativa é que, no século XVII, os escritores já nascidos na colônia teriam adaptado pela primeira vez uma estética europeia à realidade brasileira, colocando em prática uma espécie de “abrasileiramento” da linguagem literária. • Gregório de Matos (1633-1695) • Graças à sua poesia satírica, com termos de baixo calão e críticas abertas à sociedade baiana, o poeta ganhou o apelido de “Boca do Inferno”. Além de abordar temas clássicos do Barroco europeu, como a religiosidade, Gregório de Matos também se dedicou à lírica filosófica, explorando temas como o CARPE DIEM, lema latino cuja tradução seria “aproveite o dia”.
  • 6. Gregório de Matos • Salvador, 23 de dezembro de 1636 • Recife, 26 de novembro de 1696
  • 7. • Em Portugal, o Barroco, também chamado Seiscentismo (por ter sido estilo que teve início no final do século XVI), tem como marco inicial a Unificação da Península Ibérica sob o domínio espanhol em 1580, estendendo-se até por volta da primeira metade do século XVIII, quando ocorre a fundação da Arcádia Lusitana, em 1756 e tem início o Arcadismo. • O Barroco corresponde a um período de grande turbulência político-econômica, social, e principalmente religiosa. A incerteza e a crise tomam conta da vida portuguesa. Fatos importantes como: o término do Ciclo das Grandes Navegações, a Reforma Protestante, liderada Lutero (na Alemanha) e Calvino (na França) e o Movimento Católico de Contrarreforma, marcam o contexto histórico do período e colaboram com a criação do "Mito do Sebastianismo", crença segundo a qual D. Sebastião, rei de Portugal (aquele a quem Camões dedicou Os Lusíadas), não havia morrido, em 1578, na Batalha de Alcácer Quibir, mas que estava apenas "encoberto" e que voltaria para transformar Portugal no Quinto Império de que falam as Escrituras Sagradas. A ORIGEM DO BARROCO
  • 8. FIM ALUNOS: • DANIEL FERREIRA; • KLUYV RONEY; • WELLINGTON SOUZA; • JOÃO PAULO.