SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 52
Morfologia da folha
As folhas são órgãos vegetativos das
plantas, geralmente verdes, cujas
principais funções são
- fotossíntese ;
- transpiração;
- sudação ou gutação
Transpiração : eliminação da água em
forma de vapor – estômatos;

Sudação : eliminação da água em forma
de gotículas – hidatódios – ocorre quando
o solo está bem suprido de água.
Transpiração - Estômatos


                   1- células guardas
                   2- Ostíolo
Sudação




hidatódios : tipos de poros encontrados
nas margens das folhas
Origem

 As folhas se originam de primórdios foliares
 localizados nas extremidades dos caules e dos
 ramos.
  Seu crescimento é limitado, parando de crescer
 depois de algum tempo, com exceção para as
 folhas das samambaias que, muitas vezes, têm
 crescimento indeterminado.
NÓ = região do caule onde
surgem as folhas
Morfologia externa
Organização
Tipos: simples e compostas
Classificação da Lâmina: forma, margem,
indumento
Venação
Filotaxia
Modificações foliares
Folha completa
 Uma folha completa é formada por:

   Pecíolo - é a haste que sustenta a folha e a liga ao
   caule
   Limbo - é a parte achatada e dilatada da folha
   especializada para receber a luz do sol e para
   realizar as trocas gasosas com o ambiente,
   Bainha - expansão achatada do pecíolo para
   aumentar a fixação
   Estípulas - pequenos apêndices localizados na base
   do pecíolo, podem servir para aumentar a área
   fotossintetizante ou se transformam em espinhos
Tipos de folhas

 Folhas incompletas são aquelas em que falta ou pecíolo,
 ou estípulas ou baínha.

 Folhas com ócrea são folhas em que as estípulas são
 grandes e se abraçam ao redor do caule

 Folha invaginante é a que têm bainha grande para
 aumentar sua fixação

 Folha séssil é a que é a que apenas limbo, pelo qual se
 fixa diretamente ao caule
Folhas simples e compostas

Todas as folhas têm uma camada, junto ao caule, por
onde caem. Esta camada é chamada de camada de
abscisão.

São chamadas de folhas simples aquelas que possuem
o limbo inteiro e de compostas aquelas que têm o limbo
dividido em partes menores, denominadas de folíolos.
Folhas simples




      Allamanda chartatica Apocinaceae
Folhas compostas:   Lâmina constituída por folíolos e
raque




                                     Rosa
                                     Rosaceae
Folhas compostas




             Chamaecrista desvauxii
             Leguminosae
Timbaúva – Enterolobium
contortisiliquum
Jacaranda copaia
Classificação do limbo
Forma
Ápice
Margem
Base
Indumento ou superfície
Forma da lâmina/ limbo
Forma de ápices e bases
Forma da margem
Indumento ou superfície
Folhas pilosas
Venação

      ANGIOSPERMAS
Victoria amazonica
Nymphaeaceae
Filotaxia

Opostas (opostas cruzadas)
Alternas
Verticiladas
Opostas cruzadas




              Calotropis procera
              Apocynaceae
verticiladas




          Allamanda cathartica
          Apocynaceae
Alternas espiraladas




                  Echeveria
                  Crassulaceae
Folhas modificadas
  São folhas que têm funções especiais e, por isso mesmo, suas
  formas se adaptam a essas especializações. São exemplos:

  Espinho - folha modificada para proteção e redução da
  transpiração (cactos)
  Escama - folha geralmente subterrânea modificada que protege
  brotos, como, por exemplo, no lírio
  Catáfilo - folha subterrânea modificada que protege o broto nos
  bulbos tunicados, como na cebola
  Gavinha - folha modificada para permitir a fixação dos caules
  Bráctea - folha modificada que acompanha as flores com
  função de proteção ou atração
  Espata - bráctea especial que protege as inflorescências do
  copo-de-leite e do antúrio
  Carnívorora ou insetívora - folha adaptada para atrair, capturar
  e digerir pequenos animais que vão ser utilizados como adubo
BRÁCTEAS
Euphorbia pulcherrima, Euphorbiaceae
ESPINHOS
GAVINHAS




           Cobaea scandens
           Polemoniaceae
CATÁFILOS
Plantas carnívoras (enzimas proteolíticas nos tricomas)



                                       Drosera capensis
                                       Droseraceae
Heterofilia
É o caso em que em um
vegetal existem diversos
tipos de folhas, surgindo
cada    tipo    em     um
ambiente diferente.
Com relação ao pecíolo, as folhas podem ser
classificadas em:

peciolada, quando o pecíolo está presente;

séssil, quando não há pecíolo e a lâmina
prende-se diretamente ao caule, e

peltada, quando o pecíolo une-se à folha pela
região central desta.
Folha peltada
Um movimento vegetal bastante conhecido é o da sensitiva.
Quando tocada, seus folíolos fecham-se e as folhas
inclinam-se.
Esse movimento se deve à perda de água de pequenos
órgãos (pulvinos) situados na base dos folíolos e da folha.
Quando estão com suas células túrgidas (cheias de água), os
pulvinos mantêm os folíolos abertos e as folhas levantadas.
PULVINO: PORÇÃO ESPESSADA DA BASE FOLIAR
Estrutura geralmente intumescida que ocorre na base e ou
no ápice do pecíolo . Possui tecidos mais plásticos que os
demais do pecíolo dando certa mobilidade à folha.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Estudo das Folhas- Biologia
Estudo das Folhas- BiologiaEstudo das Folhas- Biologia
Estudo das Folhas- BiologiaMartha Gislayne
 
Morfologia vegetal da inflorescência
Morfologia vegetal da inflorescênciaMorfologia vegetal da inflorescência
Morfologia vegetal da inflorescênciaJoseanny Pereira
 
Frutos e sementes
Frutos e sementesFrutos e sementes
Frutos e sementesUERGS
 
Morfologia da flor agronomia
Morfologia da flor agronomiaMorfologia da flor agronomia
Morfologia da flor agronomiaHenrique Zini
 
Classificação das folhas características e tipos ii
Classificação das folhas   características e tipos iiClassificação das folhas   características e tipos ii
Classificação das folhas características e tipos iiWelton Fontes
 
Slides da aula de Biologia (Renato) sobre Folha
Slides da aula de Biologia (Renato) sobre FolhaSlides da aula de Biologia (Renato) sobre Folha
Slides da aula de Biologia (Renato) sobre FolhaTurma Olímpica
 
Órgãos Vegetativos
Órgãos VegetativosÓrgãos Vegetativos
Órgãos VegetativosJézili Dias
 
Aula 8 Folha_anatomia cca312.pdf
Aula 8 Folha_anatomia cca312.pdfAula 8 Folha_anatomia cca312.pdf
Aula 8 Folha_anatomia cca312.pdfJusselioJunior
 
Morfologia vegetal, semente raiz caule e folha
Morfologia vegetal, semente raiz caule e folhaMorfologia vegetal, semente raiz caule e folha
Morfologia vegetal, semente raiz caule e folhaMarcos Albuquerque
 
As Plantas, Folha E Flor
As Plantas, Folha E FlorAs Plantas, Folha E Flor
As Plantas, Folha E FlorTânia Reis
 
Morfologia vegetal da flor
Morfologia vegetal da florMorfologia vegetal da flor
Morfologia vegetal da florJoseanny Pereira
 

Mais procurados (20)

Estudo das Folhas- Biologia
Estudo das Folhas- BiologiaEstudo das Folhas- Biologia
Estudo das Folhas- Biologia
 
Folhas
FolhasFolhas
Folhas
 
Morfologia floral
Morfologia floralMorfologia floral
Morfologia floral
 
Morfologia vegetal da inflorescência
Morfologia vegetal da inflorescênciaMorfologia vegetal da inflorescência
Morfologia vegetal da inflorescência
 
Flores 2012 aula
Flores 2012 aulaFlores 2012 aula
Flores 2012 aula
 
Frutos e sementes
Frutos e sementesFrutos e sementes
Frutos e sementes
 
Folhas 2012 aula
Folhas 2012 aulaFolhas 2012 aula
Folhas 2012 aula
 
Anatomia foliar
Anatomia foliarAnatomia foliar
Anatomia foliar
 
Morfologia da flor agronomia
Morfologia da flor agronomiaMorfologia da flor agronomia
Morfologia da flor agronomia
 
Classificação das folhas características e tipos ii
Classificação das folhas   características e tipos iiClassificação das folhas   características e tipos ii
Classificação das folhas características e tipos ii
 
Aula sistematica vegetal
Aula sistematica vegetalAula sistematica vegetal
Aula sistematica vegetal
 
Slides da aula de Biologia (Renato) sobre Folha
Slides da aula de Biologia (Renato) sobre FolhaSlides da aula de Biologia (Renato) sobre Folha
Slides da aula de Biologia (Renato) sobre Folha
 
Órgãos Vegetativos
Órgãos VegetativosÓrgãos Vegetativos
Órgãos Vegetativos
 
Aula 8 Folha_anatomia cca312.pdf
Aula 8 Folha_anatomia cca312.pdfAula 8 Folha_anatomia cca312.pdf
Aula 8 Folha_anatomia cca312.pdf
 
A folha
A folhaA folha
A folha
 
Morfologia vegetal, semente raiz caule e folha
Morfologia vegetal, semente raiz caule e folhaMorfologia vegetal, semente raiz caule e folha
Morfologia vegetal, semente raiz caule e folha
 
Nomenclatura botânica
Nomenclatura botânicaNomenclatura botânica
Nomenclatura botânica
 
As Plantas, Folha E Flor
As Plantas, Folha E FlorAs Plantas, Folha E Flor
As Plantas, Folha E Flor
 
Organografia
OrganografiaOrganografia
Organografia
 
Morfologia vegetal da flor
Morfologia vegetal da florMorfologia vegetal da flor
Morfologia vegetal da flor
 

Destaque

Destaque (20)

Classificação das folhas
Classificação das folhasClassificação das folhas
Classificação das folhas
 
Folhas
FolhasFolhas
Folhas
 
Raiz, Caule e Folha
Raiz, Caule e FolhaRaiz, Caule e Folha
Raiz, Caule e Folha
 
Trabalho sobre folhas - Duarte
Trabalho sobre folhas - DuarteTrabalho sobre folhas - Duarte
Trabalho sobre folhas - Duarte
 
Classificação das folhas características e tipos
Classificação das folhas   características e tiposClassificação das folhas   características e tipos
Classificação das folhas características e tipos
 
Folha
FolhaFolha
Folha
 
Hojas morfologia
Hojas morfologiaHojas morfologia
Hojas morfologia
 
As folhas - Mariana Guedes
As folhas - Mariana GuedesAs folhas - Mariana Guedes
As folhas - Mariana Guedes
 
3 morfologia vegetal_folhas
3 morfologia vegetal_folhas3 morfologia vegetal_folhas
3 morfologia vegetal_folhas
 
As folhas - Ana Perna
As folhas - Ana PernaAs folhas - Ana Perna
As folhas - Ana Perna
 
Diversidade das plantas
Diversidade das plantasDiversidade das plantas
Diversidade das plantas
 
As Folhas - Classificação
As Folhas - ClassificaçãoAs Folhas - Classificação
As Folhas - Classificação
 
Aula 8 - Folha
Aula 8 - FolhaAula 8 - Folha
Aula 8 - Folha
 
Folhas
FolhasFolhas
Folhas
 
Família botânica - Malvaceae
Família botânica - MalvaceaeFamília botânica - Malvaceae
Família botânica - Malvaceae
 
Malvaceae
MalvaceaeMalvaceae
Malvaceae
 
V.4 Angiospermas - raiz, caule e folha
V.4 Angiospermas - raiz, caule e folhaV.4 Angiospermas - raiz, caule e folha
V.4 Angiospermas - raiz, caule e folha
 
Guia Fotográfico de Identificação de Plantas
Guia Fotográfico de Identificação de PlantasGuia Fotográfico de Identificação de Plantas
Guia Fotográfico de Identificação de Plantas
 
Morfologia vegetal, semente raiz caule e folha
Morfologia vegetal, semente raiz caule e folhaMorfologia vegetal, semente raiz caule e folha
Morfologia vegetal, semente raiz caule e folha
 
Plantas
PlantasPlantas
Plantas
 

Semelhante a Morfologia da folha

Semelhante a Morfologia da folha (20)

óRgãos e tecidos vegetais
óRgãos e tecidos vegetaisóRgãos e tecidos vegetais
óRgãos e tecidos vegetais
 
óRgãos e tecidos vegetais
óRgãos e tecidos vegetaisóRgãos e tecidos vegetais
óRgãos e tecidos vegetais
 
MorfologiaVegeta, descricao egetall.pptx
MorfologiaVegeta, descricao egetall.pptxMorfologiaVegeta, descricao egetall.pptx
MorfologiaVegeta, descricao egetall.pptx
 
dendrologia Folha.pptx
dendrologia Folha.pptxdendrologia Folha.pptx
dendrologia Folha.pptx
 
MorfologiaVegetal.ppt
MorfologiaVegetal.pptMorfologiaVegetal.ppt
MorfologiaVegetal.ppt
 
Reino Vegetal Tema:Folha
Reino Vegetal Tema:FolhaReino Vegetal Tema:Folha
Reino Vegetal Tema:Folha
 
Ciências da natureza3
Ciências da natureza3Ciências da natureza3
Ciências da natureza3
 
Raiz
RaizRaiz
Raiz
 
Morfologia vegetal 2o.m
Morfologia vegetal 2o.mMorfologia vegetal 2o.m
Morfologia vegetal 2o.m
 
Folha
FolhaFolha
Folha
 
2 caule e folhas
2 caule e folhas2 caule e folhas
2 caule e folhas
 
Folha Órgão Vegetativo - Ciências EIA - 2016 (8º ano)
Folha Órgão Vegetativo - Ciências   EIA - 2016 (8º ano)Folha Órgão Vegetativo - Ciências   EIA - 2016 (8º ano)
Folha Órgão Vegetativo - Ciências EIA - 2016 (8º ano)
 
Caule 2012 aula
Caule 2012 aulaCaule 2012 aula
Caule 2012 aula
 
Caule
CauleCaule
Caule
 
Caule
CauleCaule
Caule
 
Biologia
BiologiaBiologia
Biologia
 
Morfologia e anatomia de caule e raíz
Morfologia e anatomia de caule e raízMorfologia e anatomia de caule e raíz
Morfologia e anatomia de caule e raíz
 
7º ano cap 12 e 13 angiospermas - órgãos
7º ano cap 12 e 13   angiospermas - órgãos7º ano cap 12 e 13   angiospermas - órgãos
7º ano cap 12 e 13 angiospermas - órgãos
 
Ppoint.anatomia.vegetal.raiz.1
Ppoint.anatomia.vegetal.raiz.1Ppoint.anatomia.vegetal.raiz.1
Ppoint.anatomia.vegetal.raiz.1
 
Diversidade nas plantas
Diversidade nas plantasDiversidade nas plantas
Diversidade nas plantas
 

Mais de Henrique Zini

Nomenclatura dos compostos_org_nicos
Nomenclatura dos compostos_org_nicosNomenclatura dos compostos_org_nicos
Nomenclatura dos compostos_org_nicosHenrique Zini
 
Artropodes agronomia
Artropodes agronomiaArtropodes agronomia
Artropodes agronomiaHenrique Zini
 
Filo annelida Aula 4
Filo annelida Aula 4Filo annelida Aula 4
Filo annelida Aula 4Henrique Zini
 
Nomenclatura zoológica Aula 2
Nomenclatura zoológica Aula 2Nomenclatura zoológica Aula 2
Nomenclatura zoológica Aula 2Henrique Zini
 
Zoologia geral aulas 1
Zoologia geral aulas 1Zoologia geral aulas 1
Zoologia geral aulas 1Henrique Zini
 

Mais de Henrique Zini (10)

Família malvaceae
Família malvaceaeFamília malvaceae
Família malvaceae
 
Dados hantavirose
Dados hantaviroseDados hantavirose
Dados hantavirose
 
Bromeeliaceae
BromeeliaceaeBromeeliaceae
Bromeeliaceae
 
Nomenclatura dos compostos_org_nicos
Nomenclatura dos compostos_org_nicosNomenclatura dos compostos_org_nicos
Nomenclatura dos compostos_org_nicos
 
morfologia Aula 1
morfologia Aula 1morfologia Aula 1
morfologia Aula 1
 
Artropodes agronomia
Artropodes agronomiaArtropodes agronomia
Artropodes agronomia
 
Filo annelida Aula 4
Filo annelida Aula 4Filo annelida Aula 4
Filo annelida Aula 4
 
Nemathelminthes
NemathelminthesNemathelminthes
Nemathelminthes
 
Nomenclatura zoológica Aula 2
Nomenclatura zoológica Aula 2Nomenclatura zoológica Aula 2
Nomenclatura zoológica Aula 2
 
Zoologia geral aulas 1
Zoologia geral aulas 1Zoologia geral aulas 1
Zoologia geral aulas 1
 

Último

AVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZA
AVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZAAVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZA
AVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZAEdioFnaf
 
Linguagem verbal , não verbal e mista.pdf
Linguagem verbal , não verbal e mista.pdfLinguagem verbal , não verbal e mista.pdf
Linguagem verbal , não verbal e mista.pdfLaseVasconcelos1
 
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptxPOETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptxJMTCS
 
Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)Paula Meyer Piagentini
 
Free-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptx
Free-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptxFree-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptx
Free-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptxkarinasantiago54
 
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTREVACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTREIVONETETAVARESRAMOS
 
CRONOGRAMA: AÇÕES DO PROJETO ESTAÇÃO LEITURA
CRONOGRAMA: AÇÕES DO PROJETO ESTAÇÃO LEITURACRONOGRAMA: AÇÕES DO PROJETO ESTAÇÃO LEITURA
CRONOGRAMA: AÇÕES DO PROJETO ESTAÇÃO LEITURADouglasVasconcelosMa
 
Mini livro sanfona - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona  - Povos Indigenas BrasileirosMini livro sanfona  - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona - Povos Indigenas BrasileirosMary Alvarenga
 
Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.Paula Meyer Piagentini
 
Apreciação crítica -exercícios de escrita
Apreciação crítica -exercícios de escritaApreciação crítica -exercícios de escrita
Apreciação crítica -exercícios de escritaeliana862656
 
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptx
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptxSlides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptx
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
Projeto leitura HTPC abril - FORMAÇÃP SOBRE O PROJETO
Projeto leitura HTPC abril - FORMAÇÃP SOBRE O PROJETOProjeto leitura HTPC abril - FORMAÇÃP SOBRE O PROJETO
Projeto leitura HTPC abril - FORMAÇÃP SOBRE O PROJETODouglasVasconcelosMa
 
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...nexocan937
 
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptxSlides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
Revolução Industrial - Revolução Industrial .pptx
Revolução Industrial - Revolução Industrial .pptxRevolução Industrial - Revolução Industrial .pptx
Revolução Industrial - Revolução Industrial .pptxHlioMachado1
 
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024GleyceMoreiraXWeslle
 
c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.
c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.
c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.azulassessoria9
 
QUIZ – GEOGRAFIA - 8º ANO - PROVA MENSAL.pptx
QUIZ – GEOGRAFIA - 8º ANO - PROVA MENSAL.pptxQUIZ – GEOGRAFIA - 8º ANO - PROVA MENSAL.pptx
QUIZ – GEOGRAFIA - 8º ANO - PROVA MENSAL.pptxAntonioVieira539017
 
Gametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e femininoGametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e femininoCelianeOliveira8
 

Último (20)

AVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZA
AVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZAAVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZA
AVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZA
 
Linguagem verbal , não verbal e mista.pdf
Linguagem verbal , não verbal e mista.pdfLinguagem verbal , não verbal e mista.pdf
Linguagem verbal , não verbal e mista.pdf
 
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptxPOETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
 
Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)
 
“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE” _
“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE”       _“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE”       _
“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE” _
 
Free-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptx
Free-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptxFree-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptx
Free-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptx
 
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTREVACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
 
CRONOGRAMA: AÇÕES DO PROJETO ESTAÇÃO LEITURA
CRONOGRAMA: AÇÕES DO PROJETO ESTAÇÃO LEITURACRONOGRAMA: AÇÕES DO PROJETO ESTAÇÃO LEITURA
CRONOGRAMA: AÇÕES DO PROJETO ESTAÇÃO LEITURA
 
Mini livro sanfona - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona  - Povos Indigenas BrasileirosMini livro sanfona  - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona - Povos Indigenas Brasileiros
 
Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.
 
Apreciação crítica -exercícios de escrita
Apreciação crítica -exercícios de escritaApreciação crítica -exercícios de escrita
Apreciação crítica -exercícios de escrita
 
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptx
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptxSlides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptx
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptx
 
Projeto leitura HTPC abril - FORMAÇÃP SOBRE O PROJETO
Projeto leitura HTPC abril - FORMAÇÃP SOBRE O PROJETOProjeto leitura HTPC abril - FORMAÇÃP SOBRE O PROJETO
Projeto leitura HTPC abril - FORMAÇÃP SOBRE O PROJETO
 
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
 
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptxSlides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
 
Revolução Industrial - Revolução Industrial .pptx
Revolução Industrial - Revolução Industrial .pptxRevolução Industrial - Revolução Industrial .pptx
Revolução Industrial - Revolução Industrial .pptx
 
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
 
c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.
c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.
c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.
 
QUIZ – GEOGRAFIA - 8º ANO - PROVA MENSAL.pptx
QUIZ – GEOGRAFIA - 8º ANO - PROVA MENSAL.pptxQUIZ – GEOGRAFIA - 8º ANO - PROVA MENSAL.pptx
QUIZ – GEOGRAFIA - 8º ANO - PROVA MENSAL.pptx
 
Gametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e femininoGametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
 

Morfologia da folha

  • 2. As folhas são órgãos vegetativos das plantas, geralmente verdes, cujas principais funções são - fotossíntese ; - transpiração; - sudação ou gutação
  • 3. Transpiração : eliminação da água em forma de vapor – estômatos; Sudação : eliminação da água em forma de gotículas – hidatódios – ocorre quando o solo está bem suprido de água.
  • 4. Transpiração - Estômatos 1- células guardas 2- Ostíolo
  • 5. Sudação hidatódios : tipos de poros encontrados nas margens das folhas
  • 6. Origem As folhas se originam de primórdios foliares localizados nas extremidades dos caules e dos ramos. Seu crescimento é limitado, parando de crescer depois de algum tempo, com exceção para as folhas das samambaias que, muitas vezes, têm crescimento indeterminado.
  • 7.
  • 8. NÓ = região do caule onde surgem as folhas
  • 9. Morfologia externa Organização Tipos: simples e compostas Classificação da Lâmina: forma, margem, indumento Venação Filotaxia Modificações foliares
  • 10. Folha completa Uma folha completa é formada por: Pecíolo - é a haste que sustenta a folha e a liga ao caule Limbo - é a parte achatada e dilatada da folha especializada para receber a luz do sol e para realizar as trocas gasosas com o ambiente, Bainha - expansão achatada do pecíolo para aumentar a fixação Estípulas - pequenos apêndices localizados na base do pecíolo, podem servir para aumentar a área fotossintetizante ou se transformam em espinhos
  • 11.
  • 12. Tipos de folhas Folhas incompletas são aquelas em que falta ou pecíolo, ou estípulas ou baínha. Folhas com ócrea são folhas em que as estípulas são grandes e se abraçam ao redor do caule Folha invaginante é a que têm bainha grande para aumentar sua fixação Folha séssil é a que é a que apenas limbo, pelo qual se fixa diretamente ao caule
  • 13.
  • 14. Folhas simples e compostas Todas as folhas têm uma camada, junto ao caule, por onde caem. Esta camada é chamada de camada de abscisão. São chamadas de folhas simples aquelas que possuem o limbo inteiro e de compostas aquelas que têm o limbo dividido em partes menores, denominadas de folíolos.
  • 15.
  • 16.
  • 17.
  • 18.
  • 19. Folhas simples Allamanda chartatica Apocinaceae
  • 20. Folhas compostas: Lâmina constituída por folíolos e raque Rosa Rosaceae
  • 21. Folhas compostas Chamaecrista desvauxii Leguminosae
  • 23.
  • 27. Forma de ápices e bases
  • 29.
  • 30.
  • 33. Venação ANGIOSPERMAS
  • 35.
  • 37. Opostas cruzadas Calotropis procera Apocynaceae
  • 38. verticiladas Allamanda cathartica Apocynaceae
  • 39. Alternas espiraladas Echeveria Crassulaceae
  • 40. Folhas modificadas São folhas que têm funções especiais e, por isso mesmo, suas formas se adaptam a essas especializações. São exemplos: Espinho - folha modificada para proteção e redução da transpiração (cactos) Escama - folha geralmente subterrânea modificada que protege brotos, como, por exemplo, no lírio Catáfilo - folha subterrânea modificada que protege o broto nos bulbos tunicados, como na cebola Gavinha - folha modificada para permitir a fixação dos caules Bráctea - folha modificada que acompanha as flores com função de proteção ou atração Espata - bráctea especial que protege as inflorescências do copo-de-leite e do antúrio Carnívorora ou insetívora - folha adaptada para atrair, capturar e digerir pequenos animais que vão ser utilizados como adubo
  • 44. GAVINHAS Cobaea scandens Polemoniaceae
  • 46. Plantas carnívoras (enzimas proteolíticas nos tricomas) Drosera capensis Droseraceae
  • 47.
  • 48. Heterofilia É o caso em que em um vegetal existem diversos tipos de folhas, surgindo cada tipo em um ambiente diferente.
  • 49. Com relação ao pecíolo, as folhas podem ser classificadas em: peciolada, quando o pecíolo está presente; séssil, quando não há pecíolo e a lâmina prende-se diretamente ao caule, e peltada, quando o pecíolo une-se à folha pela região central desta.
  • 51. Um movimento vegetal bastante conhecido é o da sensitiva. Quando tocada, seus folíolos fecham-se e as folhas inclinam-se. Esse movimento se deve à perda de água de pequenos órgãos (pulvinos) situados na base dos folíolos e da folha. Quando estão com suas células túrgidas (cheias de água), os pulvinos mantêm os folíolos abertos e as folhas levantadas.
  • 52. PULVINO: PORÇÃO ESPESSADA DA BASE FOLIAR Estrutura geralmente intumescida que ocorre na base e ou no ápice do pecíolo . Possui tecidos mais plásticos que os demais do pecíolo dando certa mobilidade à folha.