SlideShare uma empresa Scribd logo
Consulte a Tabela Periódica, tabelas de constantes e formulários sempre que necessário e salvo indicação em contrário.
1. Observe as representações de várias estruturas, nas quais estão indicadas as respetivas dimensões.
a) Indique o nome da estrutura de menor tamanho.
b) A altura de uma criança de 40 cm pode representar-se por:
(A) 4000 m.
(B) 400 m.
(C) 4,0 m.
(D) 0,40 m.
c) Um micrómetro (1 μm) é a milésima parte do milímetro o que significa que o tamanho de um
glóbulo vermelho é:
(A) 0,7 mm. (B) 0,07 mm. (C) 0,007 mm. (D) 0,0007 mm.
d) Sobre o Sol e a Terra podemos afirmar que um diâmetro:
(A) solar, 1 400 000 km, está mais próximo de dez milhões de quilómetros do que de um
milhão de quilómetros.
(B) solar, 1 400 000 km, está mais próximo de um milhão de quilómetros do que de dez milhões
de quilómetros.
(C) terrestre, 12 700 km, está mais próximo de dez mil quilómetros do que de doze mil
quilómetros.
(D) terrestre, 12 700 km, está mais próximo de doze mil quilómetros do que de treze mil
quilómetros.
e) O tamanho do óvulo humano está mais próximo de qual dos seguintes valores?
(A) 100
μm.
(B) 101
μm.
(C) 102
μm.
(D) 103
μm.
f) Indique a ordem de grandeza expressa em metros, do diâmetro da Terra, da célula da pele e do átomo
de berílio.
NOME ___________________________________________________ Turma______ Número______
Ficha 1 – Massa e tamanho dos átomos
Domínio 1: Elementos químicos e sua organização
1400000 km
Sol
12700 km
Terra
Terra
Sol
40 a 170 cm
Ser humano
Terra
Terra
Sol
35 μm
Óvulo
Ser humano
Terra
Terra
Sol
7 μm
Célula da pele
Óvulo
Ser humano
Terra
Terra
Sol
134 pm
Glóbulo
vermelho
Célula da pele
Óvulo
Ser humano
Terra
Terra
Sol
120 μm
Átomo
de berílio
Célula da pele
Óvulo
Ser humano
Terra
Terra
Sol
2. Indique o número de protões, neutrões e eletrões:
a) em Ne, S e Al .
b) em 63
Cu e na prata-107.
c) no isótopo mais abundante do titânio, da figura.
d) indique a posição relativa dos protões, neutrões e eletrões num átomo ou num ião.
3. Observe a imagem obtida por STM (Scanning
Tunneling Microscope), uma técnica de micros-
copia aplicada à escala atómica, para um cristal
do cloreto de sódio.
a) Determine, em unidade SI, o valor
aproximado do raio iónico do ião cloreto.
b) O raio iónico do ião cloreto, obtido através de
mapas de densidade eletrónica de elevada
resolução, é 1,64 Å. Compare com o
resultado obtido em a) com referência às
respetivas ordens de grandeza.
4. A figura permite fazer uma ideia da pequenez das
unidades estruturais, átomos e moléculas.
Em 18 g de água existem 602 300 000 000 000 000 000 000 moléculas de água e, como se
compreende, não é prático escrever o número de moléculas desta forma.
a) Indique qual é o número de moléculas de
água que existe em 36 g de água.
b) A massa de uma molécula de estearina é:
(A)
6,023
890 × 1023 g (B)
, ×
g
(C)
×
,
g (D)
890
6,023 × 1023 g
c) Um átomo de mercúrio é mais:
(A) leve que uma molécula de água e mais pesado que uma molécula de sacarose.
(B) leve que uma molécula de água e que uma molécula de sacarose.
(C) pesado que uma molécula de água e mais leve que uma molécula de sacarose.
(D) pesado que uma molécula de água e que uma molécula de sacarose.
Isótopos
e abundância
relativa
d) Determine o número de átomos que existe em 36 g de água.
e) Indique a massa atómica relativa do mercúrio e relacione-a com a duodécima parte da massa
do átomo de carbono-12.
5. Na tabela encontram-se informações sobre o silício.
Isótopo Massa isotópica Abundância relativa/Fração
30
Si 29,973770 0,03092
29
Si 28,976495 0,04685
28
Si 27,976927 0,92223
a) Determine a massa atómica relativa média do silício.
Apresente o resultado com cinco algarismos significativos.
b) O valor da massa atómica relativa média para o silício é apresentado na Tabela Periódica no
formato 28,084; 28,086. Tal significa que é válida a expressão:
(A) Ar(Si)  28,084.
(B) Ar(Si)  28,086.
(C) 28,084  Ar(Si)  28,086.
(D) 28,084  Ar(Si)  28,086.
c) Relacione o resultado obtido em a) com a informação dada em b).
d) Interprete a proximidade do valor da massa atómica relativa do silício com o valor da massa
isotópica do Si-28.
6. Determine a quantidade (número de moles) de átomos que existem em 23,04 g etanol, C2H6O.
7. Identifique, pelo nome, a substância de fórmula química (Uu)2SO4 sabendo que a massa molar é
142,01 g/mol, e que Uu não representa o verdadeiro símbolo químico do elemento.
8. De 28,87 g de uma amostra de ar, 6,72 g são de oxigénio, O2. Considere que o ar da amostra é
constituído apenas por oxigénio e nitrogénio, N2.
a) Determine a fração molar de cada componente na amostra de ar.
b) Determine a fração mássica de cada componente na amostra de ar.
Ficha 1 – Massa e tamanho dos átomos
Domínio 1: Elementos químicos e sua organização
1. a) Átomo de berílio. b) (D) 0,40 m. c) (C) 0,007 mm.
d) (B) solar, 1 400 000 km, está mais próximo de um milhão de quilómetros que de dez milhões de
quilómetros.
e) (B) 101
μm. f) Diâmetro da Terra 107
m, célula da pele
10-5
m, átomo de Be 10-10
m.
2. a) Ne (10,12,10),
234
16 S (16, 18, 18) e
327
13 Al (13,14,10).
b) 29, 34 e 29 em 63
Cu e 47, 60 e 47 na prata-107.
c) 22, 26 e 22 no Ti-48.
d) Os protões e os neutrões no núcleo e os eletrões à volta deste.
3. a) Aproximadamente 2,0 x 10–10
m.
b) O valor obtido em a) é 1,21 vezes superior sendo da mesma ordem de grandeza que é 10-10
m.
4. a) 12,046 × 1023
moléculas. b) (C)
890 × 10–23
6,023
g
c) (C) pesado que uma molécula de água e mais leve que uma molécula de sacarose.
d) 3,614 x 1024
átomos.
e) 200,59. A massa dos átomos de mercúrio é, em média, 200,59 vezes superior à massa de 1/12 do
átomo de carbono-12.
5. a) 28,085. b) (D) 28,084  Ar(Si)  28,086.
c) O resultado obtido em a), 28,085, encontra-se no intervalo de valores possíveis para a massa atómica
relativa do Si,
28,084; 28,086.
d) A massa atómica relativa é mais próxima da massa do isótopo mais abundante, neste caso Si-28, pois
o seu valor resulta da média ponderada das massas isotópicas tendo maior contributo a massa do isótopo
mais abundante.
6. 4,5 mol.
7. Sulfato de sódio.
8. a) 0,21 e 0,79. b) 0,23 e 0,77.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Teste avaliação Química 10_3
 Teste avaliação Química 10_3 Teste avaliação Química 10_3
Teste avaliação Química 10_3
ana paula candeias
 
Testes Intermédios 10ºano
Testes Intermédios 10ºanoTestes Intermédios 10ºano
Testes Intermédios 10ºano
sandranascimento
 
Biologia 10º Unidade inicial e Obtenção de matéria exercicios com solucoes
Biologia 10º Unidade inicial e Obtenção de matéria exercicios com solucoesBiologia 10º Unidade inicial e Obtenção de matéria exercicios com solucoes
Biologia 10º Unidade inicial e Obtenção de matéria exercicios com solucoes
Fernando Bação
 
Teste rochas 7º ano
Teste rochas 7º anoTeste rochas 7º ano
Teste rochas 7º ano
Sofia Ribeiro
 
Ondas sísmicas e descontinuidades
Ondas sísmicas e descontinuidadesOndas sísmicas e descontinuidades
Ondas sísmicas e descontinuidades
Ana Castro
 
Caderno de Apoio ao Professor-10F.pdf
Caderno de Apoio ao Professor-10F.pdfCaderno de Apoio ao Professor-10F.pdf
Caderno de Apoio ao Professor-10F.pdf
Vini Venci
 
Exercícios de Exames de Geologia de 10º ano
Exercícios de Exames de Geologia de 10º anoExercícios de Exames de Geologia de 10º ano
Exercícios de Exames de Geologia de 10º ano
Catir
 
Caderno de apoio ao professor 10 f
Caderno de apoio ao professor 10 fCaderno de apoio ao professor 10 f
Caderno de apoio ao professor 10 f
Silvia Couto
 
Princípios Estratigráficos
Princípios EstratigráficosPrincípios Estratigráficos
Princípios Estratigráficos
Gabriela Bruno
 
livro filosofia soluções.pdf
livro filosofia soluções.pdflivro filosofia soluções.pdf
livro filosofia soluções.pdf
InesVieiraAluno
 
EXERCÍCIOS DE EXAMES
EXERCÍCIOS DE EXAMESEXERCÍCIOS DE EXAMES
EXERCÍCIOS DE EXAMES
sandranascimento
 
Teste de Biologia e Geologia 10º (1º Teste 2º Período) correcção
Teste de Biologia e Geologia 10º (1º Teste 2º Período) correcçãoTeste de Biologia e Geologia 10º (1º Teste 2º Período) correcção
Teste de Biologia e Geologia 10º (1º Teste 2º Período) correcção
Isaura Mourão
 
Sismologia
SismologiaSismologia
Sismologia
margaridabt
 
A terra e os seus subsistemas em interação
A terra e os seus subsistemas em interaçãoA terra e os seus subsistemas em interação
A terra e os seus subsistemas em interação
Marília Pereira
 
2º teste rochas 7º ano
2º teste rochas 7º ano2º teste rochas 7º ano
2º teste rochas 7º ano
Sofia Ribeiro
 
Digestão
DigestãoDigestão
Digestão
margaridabt
 
TESTES INTERMÉDIOS 11ºANO
TESTES INTERMÉDIOS 11ºANOTESTES INTERMÉDIOS 11ºANO
TESTES INTERMÉDIOS 11ºANO
sandranascimento
 
Aula 4 - CFQ - 7º ano
Aula 4 - CFQ - 7º anoAula 4 - CFQ - 7º ano
Aula 4 - CFQ - 7º ano
André Ferreira Freitas
 
Paisagens geológicas e os agentes que as modelam
Paisagens geológicas e os agentes que as modelamPaisagens geológicas e os agentes que as modelam
Paisagens geológicas e os agentes que as modelam
Tânia Reis
 
IAVE Biologia Geologia 2017
IAVE Biologia Geologia 2017IAVE Biologia Geologia 2017
IAVE Biologia Geologia 2017
Vitor Perfeito
 

Mais procurados (20)

Teste avaliação Química 10_3
 Teste avaliação Química 10_3 Teste avaliação Química 10_3
Teste avaliação Química 10_3
 
Testes Intermédios 10ºano
Testes Intermédios 10ºanoTestes Intermédios 10ºano
Testes Intermédios 10ºano
 
Biologia 10º Unidade inicial e Obtenção de matéria exercicios com solucoes
Biologia 10º Unidade inicial e Obtenção de matéria exercicios com solucoesBiologia 10º Unidade inicial e Obtenção de matéria exercicios com solucoes
Biologia 10º Unidade inicial e Obtenção de matéria exercicios com solucoes
 
Teste rochas 7º ano
Teste rochas 7º anoTeste rochas 7º ano
Teste rochas 7º ano
 
Ondas sísmicas e descontinuidades
Ondas sísmicas e descontinuidadesOndas sísmicas e descontinuidades
Ondas sísmicas e descontinuidades
 
Caderno de Apoio ao Professor-10F.pdf
Caderno de Apoio ao Professor-10F.pdfCaderno de Apoio ao Professor-10F.pdf
Caderno de Apoio ao Professor-10F.pdf
 
Exercícios de Exames de Geologia de 10º ano
Exercícios de Exames de Geologia de 10º anoExercícios de Exames de Geologia de 10º ano
Exercícios de Exames de Geologia de 10º ano
 
Caderno de apoio ao professor 10 f
Caderno de apoio ao professor 10 fCaderno de apoio ao professor 10 f
Caderno de apoio ao professor 10 f
 
Princípios Estratigráficos
Princípios EstratigráficosPrincípios Estratigráficos
Princípios Estratigráficos
 
livro filosofia soluções.pdf
livro filosofia soluções.pdflivro filosofia soluções.pdf
livro filosofia soluções.pdf
 
EXERCÍCIOS DE EXAMES
EXERCÍCIOS DE EXAMESEXERCÍCIOS DE EXAMES
EXERCÍCIOS DE EXAMES
 
Teste de Biologia e Geologia 10º (1º Teste 2º Período) correcção
Teste de Biologia e Geologia 10º (1º Teste 2º Período) correcçãoTeste de Biologia e Geologia 10º (1º Teste 2º Período) correcção
Teste de Biologia e Geologia 10º (1º Teste 2º Período) correcção
 
Sismologia
SismologiaSismologia
Sismologia
 
A terra e os seus subsistemas em interação
A terra e os seus subsistemas em interaçãoA terra e os seus subsistemas em interação
A terra e os seus subsistemas em interação
 
2º teste rochas 7º ano
2º teste rochas 7º ano2º teste rochas 7º ano
2º teste rochas 7º ano
 
Digestão
DigestãoDigestão
Digestão
 
TESTES INTERMÉDIOS 11ºANO
TESTES INTERMÉDIOS 11ºANOTESTES INTERMÉDIOS 11ºANO
TESTES INTERMÉDIOS 11ºANO
 
Aula 4 - CFQ - 7º ano
Aula 4 - CFQ - 7º anoAula 4 - CFQ - 7º ano
Aula 4 - CFQ - 7º ano
 
Paisagens geológicas e os agentes que as modelam
Paisagens geológicas e os agentes que as modelamPaisagens geológicas e os agentes que as modelam
Paisagens geológicas e os agentes que as modelam
 
IAVE Biologia Geologia 2017
IAVE Biologia Geologia 2017IAVE Biologia Geologia 2017
IAVE Biologia Geologia 2017
 

Semelhante a Ficha 1: massa e tamanho dos átomos

Exam-865687.pdf
Exam-865687.pdfExam-865687.pdf
Exam-865687.pdf
Daaiane1
 
Provas modelo exames fq
Provas modelo exames fqProvas modelo exames fq
Provas modelo exames fq
paulabelisa
 
List2.doc
List2.docList2.doc
List2.doc
TiagoMiranda85
 
Química Geral Lista 01
Química Geral Lista 01Química Geral Lista 01
Química Geral Lista 01
Ednilsom Orestes
 
cáculos com mol
cáculos com molcáculos com mol
cáculos com mol
Fábio Oisiovici
 
mol, massa molar,etc
mol, massa molar,etcmol, massa molar,etc
mol, massa molar,etc
Fábio Oisiovici
 
Lista de exercícios mol eepmac
Lista de exercícios mol eepmacLista de exercícios mol eepmac
Lista de exercícios mol eepmac
InsertESSA
 
Modelo atómico exerccios 2
Modelo atómico exerccios 2Modelo atómico exerccios 2
Modelo atómico exerccios 2
Fidel Fernandes Teixeira
 
prova química geral
prova química geral prova química geral
prova química geral
Uilson Alves
 
Sólidos inscritos
Sólidos inscritosSólidos inscritos
Sólidos inscritos
KalculosOnline
 
Notação cientifica teoria 2013
Notação cientifica  teoria 2013Notação cientifica  teoria 2013
Notação cientifica teoria 2013
Meire de Fatima
 
notação
notaçãonotação
notação
Adriana Morgado
 
Exercicios ciencia dos metais
Exercicios   ciencia dos metaisExercicios   ciencia dos metais
Exercicios ciencia dos metais
Valdo Halib
 
1_2_dimensoes_à_escala_atómica.pdf
1_2_dimensoes_à_escala_atómica.pdf1_2_dimensoes_à_escala_atómica.pdf
1_2_dimensoes_à_escala_atómica.pdf
omeireles
 
1 e 2 testes
1 e 2 testes1 e 2 testes
02 estrutura introdução ciência materiais
02   estrutura introdução ciência materiais02   estrutura introdução ciência materiais
02 estrutura introdução ciência materiais
Breno Felipe Lopes
 
Trabalho de química 3° periodo
Trabalho de química 3° periodoTrabalho de química 3° periodo
Trabalho de química 3° periodo
nildeci nascimento
 
Apoio 2ªsuplementar
Apoio 2ªsuplementarApoio 2ªsuplementar
Apoio 2ªsuplementar
ProCLAUDIA/LUCIANE MEIJON/SOARES
 
Apoio 2ªsuplementar
Apoio 2ªsuplementarApoio 2ªsuplementar
Apoio 2ªsuplementar
ProCLAUDIA/LUCIANE MEIJON/SOARES
 
05
0505

Semelhante a Ficha 1: massa e tamanho dos átomos (20)

Exam-865687.pdf
Exam-865687.pdfExam-865687.pdf
Exam-865687.pdf
 
Provas modelo exames fq
Provas modelo exames fqProvas modelo exames fq
Provas modelo exames fq
 
List2.doc
List2.docList2.doc
List2.doc
 
Química Geral Lista 01
Química Geral Lista 01Química Geral Lista 01
Química Geral Lista 01
 
cáculos com mol
cáculos com molcáculos com mol
cáculos com mol
 
mol, massa molar,etc
mol, massa molar,etcmol, massa molar,etc
mol, massa molar,etc
 
Lista de exercícios mol eepmac
Lista de exercícios mol eepmacLista de exercícios mol eepmac
Lista de exercícios mol eepmac
 
Modelo atómico exerccios 2
Modelo atómico exerccios 2Modelo atómico exerccios 2
Modelo atómico exerccios 2
 
prova química geral
prova química geral prova química geral
prova química geral
 
Sólidos inscritos
Sólidos inscritosSólidos inscritos
Sólidos inscritos
 
Notação cientifica teoria 2013
Notação cientifica  teoria 2013Notação cientifica  teoria 2013
Notação cientifica teoria 2013
 
notação
notaçãonotação
notação
 
Exercicios ciencia dos metais
Exercicios   ciencia dos metaisExercicios   ciencia dos metais
Exercicios ciencia dos metais
 
1_2_dimensoes_à_escala_atómica.pdf
1_2_dimensoes_à_escala_atómica.pdf1_2_dimensoes_à_escala_atómica.pdf
1_2_dimensoes_à_escala_atómica.pdf
 
1 e 2 testes
1 e 2 testes1 e 2 testes
1 e 2 testes
 
02 estrutura introdução ciência materiais
02   estrutura introdução ciência materiais02   estrutura introdução ciência materiais
02 estrutura introdução ciência materiais
 
Trabalho de química 3° periodo
Trabalho de química 3° periodoTrabalho de química 3° periodo
Trabalho de química 3° periodo
 
Apoio 2ªsuplementar
Apoio 2ªsuplementarApoio 2ªsuplementar
Apoio 2ªsuplementar
 
Apoio 2ªsuplementar
Apoio 2ªsuplementarApoio 2ªsuplementar
Apoio 2ªsuplementar
 
05
0505
05
 

Mais de Raquel Antunes

Química10: massa e tamanho do átomo
Química10: massa e tamanho do átomoQuímica10: massa e tamanho do átomo
Química10: massa e tamanho do átomo
Raquel Antunes
 
Figuras e Sólidos geométricos
Figuras e Sólidos geométricosFiguras e Sólidos geométricos
Figuras e Sólidos geométricos
Raquel Antunes
 
Tabela tpc
Tabela tpcTabela tpc
Tabela tpc
Raquel Antunes
 
Tabela de avaliação
Tabela de avaliaçãoTabela de avaliação
Tabela de avaliação
Raquel Antunes
 
Horário escolar saber+
Horário escolar saber+Horário escolar saber+
Horário escolar saber+
Raquel Antunes
 
Casos Notáveis da multiplicação
Casos Notáveis da multiplicaçãoCasos Notáveis da multiplicação
Casos Notáveis da multiplicação
Raquel Antunes
 
Lei do anulamento do produto
Lei do anulamento do produtoLei do anulamento do produto
Lei do anulamento do produto
Raquel Antunes
 
Teste de avaliação
Teste de avaliação Teste de avaliação
Teste de avaliação
Raquel Antunes
 
Mini-ficha_ funções
Mini-ficha_ funçõesMini-ficha_ funções
Mini-ficha_ funções
Raquel Antunes
 
Monómio
MonómioMonómio
Monómio
Raquel Antunes
 
Polinómio
PolinómioPolinómio
Polinómio
Raquel Antunes
 
Teste de avaliação
Teste de avaliação Teste de avaliação
Teste de avaliação
Raquel Antunes
 
Teste de avaliação
Teste de avaliação Teste de avaliação
Teste de avaliação
Raquel Antunes
 
Mini-ficha_ Vetores
Mini-ficha_ VetoresMini-ficha_ Vetores
Mini-ficha_ Vetores
Raquel Antunes
 
Mini-ficha_ Triângulo retângulo
Mini-ficha_ Triângulo retânguloMini-ficha_ Triângulo retângulo
Mini-ficha_ Triângulo retângulo
Raquel Antunes
 
Mini-ficha_Segmentos orientados
Mini-ficha_Segmentos orientadosMini-ficha_Segmentos orientados
Mini-ficha_Segmentos orientados
Raquel Antunes
 
Vetores
VetoresVetores
Simetria
SimetriaSimetria
Simetria
Raquel Antunes
 
Isometria
IsometriaIsometria
Isometria
Raquel Antunes
 
Função linear
Função linearFunção linear
Função linear
Raquel Antunes
 

Mais de Raquel Antunes (20)

Química10: massa e tamanho do átomo
Química10: massa e tamanho do átomoQuímica10: massa e tamanho do átomo
Química10: massa e tamanho do átomo
 
Figuras e Sólidos geométricos
Figuras e Sólidos geométricosFiguras e Sólidos geométricos
Figuras e Sólidos geométricos
 
Tabela tpc
Tabela tpcTabela tpc
Tabela tpc
 
Tabela de avaliação
Tabela de avaliaçãoTabela de avaliação
Tabela de avaliação
 
Horário escolar saber+
Horário escolar saber+Horário escolar saber+
Horário escolar saber+
 
Casos Notáveis da multiplicação
Casos Notáveis da multiplicaçãoCasos Notáveis da multiplicação
Casos Notáveis da multiplicação
 
Lei do anulamento do produto
Lei do anulamento do produtoLei do anulamento do produto
Lei do anulamento do produto
 
Teste de avaliação
Teste de avaliação Teste de avaliação
Teste de avaliação
 
Mini-ficha_ funções
Mini-ficha_ funçõesMini-ficha_ funções
Mini-ficha_ funções
 
Monómio
MonómioMonómio
Monómio
 
Polinómio
PolinómioPolinómio
Polinómio
 
Teste de avaliação
Teste de avaliação Teste de avaliação
Teste de avaliação
 
Teste de avaliação
Teste de avaliação Teste de avaliação
Teste de avaliação
 
Mini-ficha_ Vetores
Mini-ficha_ VetoresMini-ficha_ Vetores
Mini-ficha_ Vetores
 
Mini-ficha_ Triângulo retângulo
Mini-ficha_ Triângulo retânguloMini-ficha_ Triângulo retângulo
Mini-ficha_ Triângulo retângulo
 
Mini-ficha_Segmentos orientados
Mini-ficha_Segmentos orientadosMini-ficha_Segmentos orientados
Mini-ficha_Segmentos orientados
 
Vetores
VetoresVetores
Vetores
 
Simetria
SimetriaSimetria
Simetria
 
Isometria
IsometriaIsometria
Isometria
 
Função linear
Função linearFunção linear
Função linear
 

Último

A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdfA Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
Falcão Brasil
 
A Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdf
A Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdfA Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdf
A Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdf
Falcão Brasil
 
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Centro Jacques Delors
 
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdfIntrodução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
valdeci17
 
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdfUFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
Manuais Formação
 
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdfAviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Falcão Brasil
 
Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...
Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...
Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...
Falcão Brasil
 
gestão_de_conflitos_no_ambiente_escolar.pdf
gestão_de_conflitos_no_ambiente_escolar.pdfgestão_de_conflitos_no_ambiente_escolar.pdf
gestão_de_conflitos_no_ambiente_escolar.pdf
Maria das Graças Machado Rodrigues
 
Slides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptxSlides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da TerraUma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Luiz C. da Silva
 
Plano_Aula_01_Introdução_com_Circuito_Piscar_LED
Plano_Aula_01_Introdução_com_Circuito_Piscar_LEDPlano_Aula_01_Introdução_com_Circuito_Piscar_LED
Plano_Aula_01_Introdução_com_Circuito_Piscar_LED
luggio9854
 
A Participação do Brasil nas Operações de Manutenção da Paz da ONU Passado, P...
A Participação do Brasil nas Operações de Manutenção da Paz da ONU Passado, P...A Participação do Brasil nas Operações de Manutenção da Paz da ONU Passado, P...
A Participação do Brasil nas Operações de Manutenção da Paz da ONU Passado, P...
Falcão Brasil
 
Intendência da Aeronáutica. Somos um, sou você Intendência!.pdf
Intendência da Aeronáutica. Somos um, sou você Intendência!.pdfIntendência da Aeronáutica. Somos um, sou você Intendência!.pdf
Intendência da Aeronáutica. Somos um, sou você Intendência!.pdf
Falcão Brasil
 
Endereços — Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia - ...
Endereços — Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia - ...Endereços — Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia - ...
Endereços — Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia - ...
Falcão Brasil
 
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdfMarinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Falcão Brasil
 
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsxOceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Luzia Gabriele
 
Análise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.ppt
Análise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.pptAnálise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.ppt
Análise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.ppt
Falcão Brasil
 
Os Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdf
Os Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdfOs Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdf
Os Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdf
Falcão Brasil
 
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
Desafio matemático -  multiplicação e divisão.Desafio matemático -  multiplicação e divisão.
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
Mary Alvarenga
 

Último (20)

A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdfA Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
 
A Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdf
A Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdfA Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdf
A Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdf
 
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
 
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdfIntrodução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
 
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdfUFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
 
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdfAviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
 
Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...
Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...
Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...
 
gestão_de_conflitos_no_ambiente_escolar.pdf
gestão_de_conflitos_no_ambiente_escolar.pdfgestão_de_conflitos_no_ambiente_escolar.pdf
gestão_de_conflitos_no_ambiente_escolar.pdf
 
Slides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptxSlides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptx
 
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da TerraUma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
 
Plano_Aula_01_Introdução_com_Circuito_Piscar_LED
Plano_Aula_01_Introdução_com_Circuito_Piscar_LEDPlano_Aula_01_Introdução_com_Circuito_Piscar_LED
Plano_Aula_01_Introdução_com_Circuito_Piscar_LED
 
A Participação do Brasil nas Operações de Manutenção da Paz da ONU Passado, P...
A Participação do Brasil nas Operações de Manutenção da Paz da ONU Passado, P...A Participação do Brasil nas Operações de Manutenção da Paz da ONU Passado, P...
A Participação do Brasil nas Operações de Manutenção da Paz da ONU Passado, P...
 
Intendência da Aeronáutica. Somos um, sou você Intendência!.pdf
Intendência da Aeronáutica. Somos um, sou você Intendência!.pdfIntendência da Aeronáutica. Somos um, sou você Intendência!.pdf
Intendência da Aeronáutica. Somos um, sou você Intendência!.pdf
 
Endereços — Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia - ...
Endereços — Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia - ...Endereços — Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia - ...
Endereços — Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia - ...
 
VIAGEM AO PASSADO -
VIAGEM AO PASSADO                        -VIAGEM AO PASSADO                        -
VIAGEM AO PASSADO -
 
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdfMarinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
 
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsxOceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
 
Análise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.ppt
Análise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.pptAnálise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.ppt
Análise dos resultados do desmatamento obtidos pelo SIAD.ppt
 
Os Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdf
Os Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdfOs Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdf
Os Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdf
 
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
Desafio matemático -  multiplicação e divisão.Desafio matemático -  multiplicação e divisão.
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
 

Ficha 1: massa e tamanho dos átomos

  • 1. Consulte a Tabela Periódica, tabelas de constantes e formulários sempre que necessário e salvo indicação em contrário. 1. Observe as representações de várias estruturas, nas quais estão indicadas as respetivas dimensões. a) Indique o nome da estrutura de menor tamanho. b) A altura de uma criança de 40 cm pode representar-se por: (A) 4000 m. (B) 400 m. (C) 4,0 m. (D) 0,40 m. c) Um micrómetro (1 μm) é a milésima parte do milímetro o que significa que o tamanho de um glóbulo vermelho é: (A) 0,7 mm. (B) 0,07 mm. (C) 0,007 mm. (D) 0,0007 mm. d) Sobre o Sol e a Terra podemos afirmar que um diâmetro: (A) solar, 1 400 000 km, está mais próximo de dez milhões de quilómetros do que de um milhão de quilómetros. (B) solar, 1 400 000 km, está mais próximo de um milhão de quilómetros do que de dez milhões de quilómetros. (C) terrestre, 12 700 km, está mais próximo de dez mil quilómetros do que de doze mil quilómetros. (D) terrestre, 12 700 km, está mais próximo de doze mil quilómetros do que de treze mil quilómetros. e) O tamanho do óvulo humano está mais próximo de qual dos seguintes valores? (A) 100 μm. (B) 101 μm. (C) 102 μm. (D) 103 μm. f) Indique a ordem de grandeza expressa em metros, do diâmetro da Terra, da célula da pele e do átomo de berílio. NOME ___________________________________________________ Turma______ Número______ Ficha 1 – Massa e tamanho dos átomos Domínio 1: Elementos químicos e sua organização 1400000 km Sol 12700 km Terra Terra Sol 40 a 170 cm Ser humano Terra Terra Sol 35 μm Óvulo Ser humano Terra Terra Sol 7 μm Célula da pele Óvulo Ser humano Terra Terra Sol 134 pm Glóbulo vermelho Célula da pele Óvulo Ser humano Terra Terra Sol 120 μm Átomo de berílio Célula da pele Óvulo Ser humano Terra Terra Sol
  • 2. 2. Indique o número de protões, neutrões e eletrões: a) em Ne, S e Al . b) em 63 Cu e na prata-107. c) no isótopo mais abundante do titânio, da figura. d) indique a posição relativa dos protões, neutrões e eletrões num átomo ou num ião. 3. Observe a imagem obtida por STM (Scanning Tunneling Microscope), uma técnica de micros- copia aplicada à escala atómica, para um cristal do cloreto de sódio. a) Determine, em unidade SI, o valor aproximado do raio iónico do ião cloreto. b) O raio iónico do ião cloreto, obtido através de mapas de densidade eletrónica de elevada resolução, é 1,64 Å. Compare com o resultado obtido em a) com referência às respetivas ordens de grandeza. 4. A figura permite fazer uma ideia da pequenez das unidades estruturais, átomos e moléculas. Em 18 g de água existem 602 300 000 000 000 000 000 000 moléculas de água e, como se compreende, não é prático escrever o número de moléculas desta forma. a) Indique qual é o número de moléculas de água que existe em 36 g de água. b) A massa de uma molécula de estearina é: (A) 6,023 890 × 1023 g (B) , × g (C) × , g (D) 890 6,023 × 1023 g c) Um átomo de mercúrio é mais: (A) leve que uma molécula de água e mais pesado que uma molécula de sacarose. (B) leve que uma molécula de água e que uma molécula de sacarose. (C) pesado que uma molécula de água e mais leve que uma molécula de sacarose. (D) pesado que uma molécula de água e que uma molécula de sacarose. Isótopos e abundância relativa
  • 3. d) Determine o número de átomos que existe em 36 g de água. e) Indique a massa atómica relativa do mercúrio e relacione-a com a duodécima parte da massa do átomo de carbono-12. 5. Na tabela encontram-se informações sobre o silício. Isótopo Massa isotópica Abundância relativa/Fração 30 Si 29,973770 0,03092 29 Si 28,976495 0,04685 28 Si 27,976927 0,92223 a) Determine a massa atómica relativa média do silício. Apresente o resultado com cinco algarismos significativos. b) O valor da massa atómica relativa média para o silício é apresentado na Tabela Periódica no formato 28,084; 28,086. Tal significa que é válida a expressão: (A) Ar(Si)  28,084. (B) Ar(Si)  28,086. (C) 28,084  Ar(Si)  28,086. (D) 28,084  Ar(Si)  28,086. c) Relacione o resultado obtido em a) com a informação dada em b). d) Interprete a proximidade do valor da massa atómica relativa do silício com o valor da massa isotópica do Si-28. 6. Determine a quantidade (número de moles) de átomos que existem em 23,04 g etanol, C2H6O. 7. Identifique, pelo nome, a substância de fórmula química (Uu)2SO4 sabendo que a massa molar é 142,01 g/mol, e que Uu não representa o verdadeiro símbolo químico do elemento. 8. De 28,87 g de uma amostra de ar, 6,72 g são de oxigénio, O2. Considere que o ar da amostra é constituído apenas por oxigénio e nitrogénio, N2. a) Determine a fração molar de cada componente na amostra de ar. b) Determine a fração mássica de cada componente na amostra de ar.
  • 4. Ficha 1 – Massa e tamanho dos átomos Domínio 1: Elementos químicos e sua organização 1. a) Átomo de berílio. b) (D) 0,40 m. c) (C) 0,007 mm. d) (B) solar, 1 400 000 km, está mais próximo de um milhão de quilómetros que de dez milhões de quilómetros. e) (B) 101 μm. f) Diâmetro da Terra 107 m, célula da pele 10-5 m, átomo de Be 10-10 m. 2. a) Ne (10,12,10), 234 16 S (16, 18, 18) e 327 13 Al (13,14,10). b) 29, 34 e 29 em 63 Cu e 47, 60 e 47 na prata-107. c) 22, 26 e 22 no Ti-48. d) Os protões e os neutrões no núcleo e os eletrões à volta deste. 3. a) Aproximadamente 2,0 x 10–10 m. b) O valor obtido em a) é 1,21 vezes superior sendo da mesma ordem de grandeza que é 10-10 m. 4. a) 12,046 × 1023 moléculas. b) (C) 890 × 10–23 6,023 g c) (C) pesado que uma molécula de água e mais leve que uma molécula de sacarose. d) 3,614 x 1024 átomos. e) 200,59. A massa dos átomos de mercúrio é, em média, 200,59 vezes superior à massa de 1/12 do átomo de carbono-12. 5. a) 28,085. b) (D) 28,084  Ar(Si)  28,086. c) O resultado obtido em a), 28,085, encontra-se no intervalo de valores possíveis para a massa atómica relativa do Si, 28,084; 28,086. d) A massa atómica relativa é mais próxima da massa do isótopo mais abundante, neste caso Si-28, pois o seu valor resulta da média ponderada das massas isotópicas tendo maior contributo a massa do isótopo mais abundante. 6. 4,5 mol. 7. Sulfato de sódio. 8. a) 0,21 e 0,79. b) 0,23 e 0,77.