SlideShare uma empresa Scribd logo
Eurico Dias - eurico@gmail.com
1 | P r o j e t o F u t u r o M i l i t a r – w w w . f u t u r o m i l i t a r . c o m . b r
Exercícios de Química
Colégio Naval
01 - O átomo é algo tão minúsculo que até hoje, com toda
a tecnologia existente, nenhum ser humano conseguiu ver
como realmente é um átomo. Por isso essa pequena
estrutura é tão misteriosa e para entendê-la melhor,
alguns pesquisadores desenvolveram modelos atômicos.
Sobre os modelos atômicos e seus autores, assinale a
alternativa correta:
a) Com a descoberta da radioatividade, Demócrito e
Leucipo formularam o modelo que ficou conhecido como
“Pudim de Passas”.
b) Thomson foi o primeiro a admitir a existência dos
nêutrons como partículas sub-atômicas.
c) Rutherford, com o seu experimento, provou a existência
de muito espaço vazio nos átomos.
d) Bohr não soube explicar porque os elétrons não se
chocavam com o núcleo, já que estes apresentam cargas
opostas.
02 - São dados três elementos distintos X, Y e Z. O átomo X
tem número atômico 75 e número de massa 150. O átomo
Z tem 64 nêutrons, sendo isótopo de X. O átomo Y é
isóbaro de Z e isótono de X. Logo, o número de elétrons do
átomo Y será igual a:
a) 54 b) 64 c)74 d)84
03 - Das alternativas abaixo, a única que representa um
fenômeno químico é:
a) Oxidação do ferro b) Dissolução do sal de cozinha
c) Sublimação da naftalina d) Fusão do gelo
04 - Classifique (SS) para Substância Simples, (SC) para
Substância Composta e
(M) para Mistura.
I. ( ) Gás Hidrogênio II. ( ) Ar atmosférico
III. ( ) Gás carbônico IV. ( ) Leite V. ( )
Diamante
A seqüência correta indicada nos parêntesis acima é:
a) SC, M, SC, M, SS b) SS, SC, SS, M, SC
c) SS, M, SC, M, SS d) SS, M, SS, SC, SC
05 –
O Átomo
Todas as substâncias são formadas de
pequenas partículas chamadas átomos. Para se ter uma
idéia, eles são tão pequenos que uma cabeça de alfinete
pode conter 60 milhões deles.
Os gregos antigos foram os primeiros a saber que
a matéria é formada por tais partículas, as quais chamaram
átomo, que significa indivisível. Os átomos, porém, são
compostos de partículas menores: os prótons, os nêutrons
e os elétrons. No átomo, os elétrons giram em torno do
núcleo, que contém prótons e nêutrons.
Prótons, nêutrons e elétrons possuem carga
elétrica, respectivamente:
a) negativa, positiva e nula b) positiva, negativa e nula
c) positiva, nula e nula d) positiva, nula e negativa
06 - A água é uma substância que pode existir em três
estados físicos, esses estados podem mudar caso ocorra
trânsito de energia.
Observe:
Essa figura mostra as possíveis mudanças de fase de uma
substância. Quais os nomes desses processos de
transformação? Marque o item correspondente a sua
análise.
a) 1.sublimação 2.liquefação 3.fusão 4.liquefação
5.solidificação 6.sublimação
b) 1.vaporização 2.liquefação 3.vaporização
4.liquefação 5.solificação 6.sublimação
c) 1.sublimação 2.fusão 3.gaseificação 4.liquefação
5.solidificação 6.metasolidificação
d) 1.sublimação 2.fusão 3.vaporização 4.liquefação
5.solidificação 6.sublimação
07 - Quando colocamos um refrigerante ou um champagne
em um copo, observamos a formação de bolhas. O gás
contido nessas bolhas é o:
a) dióxido de carbono; b) hidrogênio;
c) nitrogênio; d) oxigênio
08 - Assinale a afirmação verdadeira sobre os elementos
sombreados nesta Tabela Periódica
a) pertencem ao Período 6; b) pertencem ao Grupo 16;
c) são chamados de halogênios; d) todos eles são metais
09 - Na representação abaixo, os círculos de uma mesma
cor representam átomos de um mesmo elemento.
A equação química que poderia corresponder a esta
representação de esferas é:
a) Cl2 + O2 → 2 ClO
b) N2 + O2 → 2 NO
Eurico Dias - eurico@gmail.com
2 | P r o j e t o F u t u r o M i l i t a r – w w w . f u t u r o m i l i t a r . c o m . b r
c) 2SO2 + O2 → 2 SO3
d) N2 + 2 O2 → 2 NO2
10 - O nome “ferro” deriva do latim “ferrum”. Muitas são
as aplicações do ferro no nosso cotidiano. O símbolo
químico do Ferro é:
Este símbolo químico nos indica:
a) 26 átomos de ferro de número de massa 56.
b) 26 átomos grama de ferro de número de massa 56.
c) Um átomo de Ferro com 26 prótons e número de massa
56.
d) 26 nêutrons e número de massa 26 em um átomo de
Ferro.
O texto apresentado abaixo será utilizado nas questões 11
e 12.
Às 22h do dia 20 de abril de 2010, uma explosão
destruiu a plataforma petrolífera Deepwater Horizon e
vitimou 11 pessoas. É difícil estimar o montante do
petróleo que vazou. Os impactos desta explosão no golfo
do México serão sentidos muito mais longe e por muito
mais tempo. Parte do petróleo derramado, principalmente
alguns de seus componentes mais tóxicos, podem também
estar se espalhando pelo fundo do oceano, alcançando
distâncias de até 50 km do poço danificado.
Há uma considerável variação nas composições
entre diferentes amostras de petróleo. Apesar de serem
ricas em hidrocarbonetos, algumas dessas composições
ainda não são totalmente conhecidas; outras possuem
compostos carcinogênicos e mutagênicos. Além disso,
quando o petróleo é derramado em uma área, ele se
espalha sobre a superfície da água, sofrendo modificações
que transformam seus componentes.
Especialistas afirmam que a exposição de
organismos marinhos a esses produtos tóxicos pode se
estender durante longos períodos. A eliminação desses
componentes depende da ação de microrganismos e é um
processo muito lento, que demora anos.
11 - De acordo com o texto acima, o petróleo:
A) é uma mistura.
B) é uma substância tóxica.
C) se dissolve rapidamente na água.
D) não deveria ser extraído de águas profundas.
12 - Derramamentos de grandes quantidades de petróleo
no mar:
A) liberam substâncias que não são nocivas aos seres
humanos.
B) podem gerar novos compostos devido à exposição ao ar
e ao calor.
C) afetam apenas a vida marinha em regiões próximas à
superfície da água.
D) trazem consequências ecológicas e econômicas, mas
que são rapidamente contornadas.
13. (PUC-MG) A tabela apresenta algumas características e
aplicações de alguns ácidos:
Nome do ácido Aplicações e características
Ácido muriático
Limpeza doméstica e de
peças metálicas
(decapagem)
Ácido fosfórico
Usado como acidulante em
refrigerantes, balas e goma
de mascar.
Ácido sulfúrico
Desidratante, solução de
bateria
Ácido nítrico
Indústria de explosivos e
corantes
As fórmulas dos ácidos da tabela são, respectivamente:
a) HCl, H3PO4, H2SO4, HNO3
b) HClO, H3PO3, H2SO4, HNO2
c) HCl, H3PO3, H2SO4, HNO3
d) HClO2, H4P2O7, H2SO3, HNO2
e) HClO, H3PO4, H2SO3, HNO3
14. O esquema a seguir mostra uma aparelhagem utilizada
para testar a força de eletrólitos:
Quando uma substância X é adicionada ao frasco com
água, verificamos que, dependendo da natureza de X,
poderemos observar, ou não, o acendimento da lâmpada,
com maior ou menor intensidade. A substância X que não
permitirá o acendimento é:
a) HCl
b) NaOH
c) NaCl
d) Na2SO4
e) C2H6O
15. (ESPM-SP) Sejam os produtos:
I) água de bateria
II) água mineral com gás
III) ácido muriático
Os ácidos presentes nesses produtos são,
respectivamente:
a) HCl, H2CO3, H2SO4
b) H3PO4, H2SO4, HCl
c) H2SO4, H3PO4, HCl
Eurico Dias - eurico@gmail.com
3 | P r o j e t o F u t u r o M i l i t a r – w w w . f u t u r o m i l i t a r . c o m . b r
d) HCl, H2CO3, HF
e) H2SO4, H2CO3, HCl
16. (PUC-RS) A soda cáustica se comporta diante da
fenolfaleína da mesma forma que:
a) o amoníaco
b) a água da chuva
c) a urina
d) os refrigerantes gaseificados
e) o suco de laranja
17. (UFSE) O gás carbônico, CO2, é absorvido por soluções
básica. Para isso, pode-se utilizar uma solução aquosa de:
a) NH4Cl
b) C3H7OH
c) HCl
d) KOH
e) Na2SO4
18. (F. A. Champagnat-MG) Na indústria de sabão duro
usa-se um glicerídeo que é hidrolisado por uma base forte.
Assinale nas alternativas abaixo a base usada na fabricação
de sabão duro:
a) H2CO3
b) KMnO4
c) MnO2
d) NaOH
e) CaO
19. Entre as bases listadas a seguir, indique qual(quais)
é(são) praticamente insolúveis em água:
I) KOH
II) Mg(OH)2
III) NaOH
IV) Al(OH)3
V) LiOH
a) V e IV
b) IV e III
c) II, III e IV
d) I, IV, V e II
e) IV
20. (Fuvest) Assinale a alternativa que apresenta dois
produtos caseiros com propriedades alcalinas:
a) detergente e vinagre
b) sal e coalhada
c) leite de magnésia e sabão
d) bicarbonato e açúcar
e) coca-cola e água de cal
21. (Cesgranrio) As indústrias de produção de vidro
utilizam a areia como principal fonte de sílica SiO2 para
conferir o estado vítreo. Utilizam, ainda, com a finalidade
de reduzir a temperatura de fusão da sílica, os fundentes
Na2O, K2O e Li2O. A escolha dos óxidos de sódio, potássio e
lítio para reagir com a sílica e dar origem a um produto
vítreo de menor ponto de fusão deve-se ao fato de esses
óxidos manifestarem caráter:
a) básico.
b) neutro.
c) ácido.
d) misto.
e) anfótero.
22. (ENEM) Suponha que um agricultor esteja interessado
em fazer uma plantação de girassóis. Procurando
informação, leu a seguinte reportagem:
Solo ácido não favorece plantio
Alguns cuidados devem se tomados por quem decide
iniciar o cultivo do girassol. A oleaginosa deve ser plantada
em solos descompactados, com pH acima de 5,2 (que
indica menor acidez da terra). Conforme as recomendação
da Embrapa, o agricultor deve colocar, por hectare, 40 kg a
60 kg de nitrogênio, 40 kg a 80 kg de potássio e 40 kg a 80
kg de fósforo.
O pH do solo, na região do agricultor, é de 4,8. Dessa
forma, o agricultor deverá fazer a “calagem”.
(Folha de S. Paulo, 25/09/1996.)
Suponha que o agricultor vá fazer a calagem (aumento do
pH do solo por adição de cal virgem - CaO). De maneira
simplificada, a diminuição da acidez se dá pela interação
da cal (CaO) com a água presente no solo, gerando
hidróxido de cálcio (Ca(OH)2), que reage com os íons H
+
(dos ácidos), ocorrendo, então, a formação de água e
deixando íons Ca
2+
no solo.
Considere as seguintes equações:
I) CaO + 2H2O  Ca(OH)3
II) CaO + H2O  Ca(OH)2
III) Ca(OH)2 + 2H
+
 Ca
2+
+ 2H2O
IV) Ca(OH)2 + H
+
 CaO + H2O
O processo de calagem descrito acima pode ser
representado pelas equações:
a) I e II
b) I e IV
c) II e III
d) II e IV
e) III e IV
23. (Cesgranrio) O consumidor brasileiro já está informado
de que os alimentos industrializados que ingere contêm
substâncias cuja função básica é a de preservá-los da
deterioração. Alguns exemplos dessas substâncias são:
conservantes - ácido bórico (P.II) e anidrido sulfuroso (P.V);
antioxidante -ácido fosfórico (A.III); antiumectantes —
carbonato de cálcio (Au.I) e dióxido de silício (Au.VIII).
Eurico Dias - eurico@gmail.com
4 | P r o j e t o F u t u r o M i l i t a r – w w w . f u t u r o m i l i t a r . c o m . b r
Marque a opção que indica a fórmula de cada substância
na ordem apresentada no texto.
a) H2BO4; SO3; H3PO3; K2CO3;Si2O
b) H3BO3;SO2;H3PO3;K2CO3; SiO2
c) H3BO3;SAO2; H3PO4;CaCO3;SiO2
d) H3BO3;SO3; H3PO4; CaCO3; Si2O
e) H3BO4;SO2;H3PO3;CaCO3;SiO2
24. Um fungicida inorgânico de fácil preparação é a calda
bordalesa, feita com sulfato de cobre II e hidróxido de
cálcio em água. As fórmulas dos dois primeiros são,
respectivamente:
a) CuS e Ca(OH)2.
b) Cu2SO4 e Ca(OH)2.
c) CuSO3 e Ca(OH)2.
d) CuSO4 e Ca(OH)2.
e) CuSO3 e CaOH.
25. Alúmens são sulfatos duplos (sais) representados pela
fórmula geral XY(S04)2.12H2O, em que X e Y são cátions
metálicos com números de carga diferentes. Assim, X e Y
podem ser:
a) cromo e alumínio.
b) potássio e cromo.
c) potássio e sódio.
d) cálcio e magnésio.
e) potássio e magnésio.
26. (Mack) Combinando-se entre si os íons ClO3
-
, SO3
2-
,
Fe
3+
e Zn
2+
a seqüência que apresenta os nomes das
substâncias correta é:
a) cloreto de ferro e sulfato de zinco.
b) clorato de zinco e sulfito férrico.
c) clorito de zinco e sulfato de ferro III.
d) cloreto ferroso e sulfito de zinco.
e) perclorato férrico e sulfato de ferro III.
27. (UECE) Associe corretamente a coluna da esquerda
com a da direita:
I) NaClO
II) Na2SO3
III) NaClO2
IV) Na2S2O3
( ) Tissulfato de sódio, usado como
fixador na revelação de filmes
fotográficos.
( ) Hipoclorito de sódio, usado no
tratamento da água.
( ) Sulfito de sódio, usado na
conservação de alimentos.
( ) Clorito de sódio, usado como agente
oxidante no tratamento de água
potável, para retirada de gosto e
odores.
A ordem correta é:
a) IV, I, II e III.
b) II, I, IV e III.
c) IV, III, II e I
d) II, III, IV e I.
28. (UERJ) Uma das substâncias responsáveis pelo odor
desagradável em banheiros de muita freqüência é o gás
amoníaco (NH3), resultante da degradação da uréia.
Dentre as substâncias abaixo, aquela que poderia ser
utilizada na neutralização do NH3 é:
a) H2O c) KOH
b) HCl d) NaCl
29. (UERJ) Um caminhão transportando ácido sulfúrico
capotou, derramando o ácido na estrada. O ácido foi
totalmente neutralizado por uma solução aquosa de
hidróxido de sódio. Essa neutralização pode ser
corretamente representada pelas equações abaixo.
H2SO4 + 2NaOH  X + 2H2O
H2SO4 + NaOH  Y + H2O
As substâncias X e Y são, respectivamente:
a) Na2SO4/NaHSO4
b) NaHSO4/Na2SO4
c) Na2SO3/Na2SO4
d) Na2SO4/NaHSO3
e) NaHSO3/Na2SO4
30. O ponto de ebulição anormal da água, em relação aos
demais hidretos dos elementos da mesma família do
oxigênio é uma conseqüência:
a) do baixo peso molecular da água.
b) da baixa condutibilidade elétrica da água.
c) das ligações covalentes existentes na molécula de
água.
d) das pontes de hidrogênio existentes entre as moléculas
de água.
e) n.d.a.
31. (Mackenzie) A observação e o estudo da natureza das
substâncias e de seu comportamento são intrigantes e por
isso fascinantes. Leia com atenção os fatos reais relatados
a seguir e assinale a alternativa incorreta que está
relacionada a esses fatos.
 A água, ao contrário da maioria das substâncias,
aumenta de volume ao se solidificar.
 A água, apesar de líquida nas condições
ambientes, pode ser obtida pela reação entre os
gases hidrogênio e oxigênio.
a) A estrutura hexagonal da água mantida pelas pontes de
hidrogênio no estado sólido provoca “um vazio” dentro do
cristal de gelo, tornando-o mais volumoso.
b) A existência de dipolos elétricos na água faz com que
as moléculas se atraiam fortemente, levando-as ao estado
líquido.
c) Ao contrário do que ocorre na água, substâncias
Eurico Dias - eurico@gmail.com
5 | P r o j e t o F u t u r o M i l i t a r – w w w . f u t u r o m i l i t a r . c o m . b r
simples como o hidrogênio apresentam grande força de
atração entre suas moléculas, portanto são gases.
d) Substâncias simples como o hidrogênio e o oxigênio
possuem forças de atração fracas entre suas moléculas,
portanto são gases.
e) O estado físico das substâncias depende das forças de
atração entre suas moléculas.
32. Óleo de soja não se dissolve em água. A partir dessa
informação, é possível concluir que:
a) as moléculas de óleo são menores do que as de água.
b) os elementos químicos presentes nas moléculas de
óleo são totalmente diferentes dos presentes nas de água.
c) as moléculas do óleo de soja devem ser apolares.
d) o óleo de soja possui moléculas extremamente polares.
e) o número de átomos nas moléculas de óleo deve ser
igual a 3.
33. (PUC-MG) A gasolina gelatinizada contendo fósforo
branco foi lançada em pessoas e casas durante a guerra do
Vietnã. Após a evaporação da gasolina, as casas
incendiavam. As pessoas sofriam queimaduras dolorosas.
Mergulhavam-se nas águas para evitar a ação do
componente provocador das queimaduras. Logo que a
água evaporava do corpo, a ação do elemento incendiário
voltava a se manifestar.
Conforme o que foi exposto anteriormente, é correto
concluir, exceto:
a) Gasolina e fósforo branco são apolares.
b) A reação da gasolina com o fósforo branco provoca
incêndio e queimaduras.
c) O fósforo branco reage com o oxigênio do ar.
d) A água não reage com o fósforo branco.
e) O fósforo branco é apolar e a água polar.
34. (UniCEUB) 7,0g de nitrogênio reagem com quantidade
suficiente de hidrogênio produzindo amônia, segundo a
equação química não balanceada:
N2 + H2  NH3
A massa de amônia produzida nesta reação será:
a) 34g
b) 17g
c) 15g
d) 7,5g
e) 8,5g
Dados: N – 14 u e H – 1 u.
35. (UniCEUB) A eletrólise da bauxita, um minério de
alumínio, pode ser representada pela equação:
Al2O3  Al + O2
Quando 0,2 mols de bauxita são eletrolisados (nas CNTP)
obtêm-se:
a) 10,8 g de Al e 6,72 litros de O2
b) 5,4 g de Al e 6,72 litros de O2
c) 27 g de Al e 22,4 litros de O2
d) 54 g de Al e 33,6 litros de O2
e) 10,8 g de Al e 33,6 litros de O2
Dados: Volume molar nas CNTP = 22,4 L;
M(Al) = 27g/mol
36. (UFMG) Um ser humano adulto sedentário libera, ao
respirar, em média, 0,880 mol de CO2 por hora. A massa de
CO2 pode ser calculada, medindo-se a quantidade de
BaCO3(s), produzido pela reação:
Ba(OH)2(aq) + CO2(g)  BaCO3(s) + H2O(l)
Suponha que a liberação de CO2 seja uniforme nos
períodos de sono e de vigília. A alternativa que indica a
massa de carbonato de bário que seria formada pela
reação do hidróxido de bário com o CO2(g), produzido
durante 30 minutos, é aproximadamente:
a) 197g
b) 173g
c) 112g
d) 86,7g
e) 0,440g
Dados: Massas atômicas: Ba = 137; C = 12;
O = 16
37. (Cesgranrio) Um funileiro usa um maçarico de acetileno
para soldar uma panela. O gás acetileno é obtido na hora,
através da seguinte reação química:
CaC2 + 2H2O  Ca(OH)2 + C2H2
Qual a massa aproximada de carbureto de cálcio (CaC2)
que será necessária para obter 12,31 L de acetileno (C2H2)
a 1 atm e 27ºC?
a) 64g
b) 16g
c) 3,2g
d) 32g
e) 6,4g
38. (IME-RJ) No aparelho conhecido como ozonizador,
através de uma descarga elétrica, ocorre a seguinte
transformação: 3O2(g)  2O3(g). Partindo de 48g de gás
oxigênio (O2) a massa e o volume nas CNTP de gás ozônio
(O3) obtido são, respectivamente:
a) 32g – 11,355L
b) 48g – 22,71L
c) 64g – 34,065L
d) 80g – 45,42L
e) 96g – 56,775L
Eurico Dias - eurico@gmail.com
6 | P r o j e t o F u t u r o M i l i t a r – w w w . f u t u r o m i l i t a r . c o m . b r
39. (Fuvest) Na combustão de um mol de etanol (C2H5OH)
a dióxido de carbono e água, ambos no estado gasoso,
formam-se a 1 atmosfera e 100ºC, os seguintes volumes de
CO2 e H2O, em litros:
a) 15,3 e 30,6
b) 30,6 e 30,6
c) 30,6 e 61,2
d) 61,2 e 61,2
e) 61,2 e 91,8
Dados: volume molar dos gases a 100ºC e 1 atmosfera =
30,6L
40. (Fuvest-SP) Uma das maneiras de impedir que o SO2,
um dos responsáveis pela “chuva ácida”, seja liberado para
a atmosfera é tratá-lo previamente com óxido de
magnésio, em presença de ar, como equacionado a seguir:
SO2 + MgO = 1/2O2  MgSO4
Quantas toneladas de óxido de magnésio são consumidas
no tratamento de 9,6 x 10
3
toneladas de SO2?
Massas molares: SO2 = 64 g/mol; MgO = 40g/mol
a) 1,5 x 10
2
b) 3,0 x 10
2
c) 1,0 x 10
3
d) 6,0 x 10
3
e) 2,5 x 10
4
Eurico Dias - eurico@gmail.com
7 | P r o j e t o F u t u r o M i l i t a r – w w w . f u t u r o m i l i t a r . c o m . b r
Gabarito
1. C
2. B
3. A
4. C
5. D
6. D
7. A
8. B
9. D
10. C
11. A
12. B
13. A
14. E
15. E
16. A
17. D
18. D
19. E
20. C
21. A
22. C
23. C
24. D
25. B
26. B
27. A
28. B
29. A
30. D
31. C
32. C
33. B
34. E
35. A
36. D
37. D
38. B
39. E
40. D

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Simulado01share
Simulado01shareSimulado01share
Simulado01share
Fábio Oisiovici
 
Exercícios - ref. Aulas 1 a 5
Exercícios - ref. Aulas 1 a 5Exercícios - ref. Aulas 1 a 5
Exercícios - ref. Aulas 1 a 5
Maiquel Vieira
 
Nox e Reações de Óxido Redução
Nox e Reações de Óxido ReduçãoNox e Reações de Óxido Redução
Nox e Reações de Óxido Redução
Fábio Oisiovici
 
Inor parte 1
Inor parte 1Inor parte 1
Inor parte 1
Fábio Oisiovici
 
1º Simulado Revisão ENEM QUIMICA 2013 - Referente aulas 1 a 6
1º Simulado Revisão ENEM QUIMICA 2013 -  Referente aulas 1 a 61º Simulado Revisão ENEM QUIMICA 2013 -  Referente aulas 1 a 6
1º Simulado Revisão ENEM QUIMICA 2013 - Referente aulas 1 a 6
Maiquel Vieira
 
mol, massa molar,etc
mol, massa molar,etcmol, massa molar,etc
mol, massa molar,etc
Fábio Oisiovici
 
Inor parte 2
Inor parte 2Inor parte 2
Inor parte 2
Fábio Oisiovici
 
Estequiometria simples
Estequiometria simplesEstequiometria simples
Estequiometria simples
Rodrigo Sampaio
 
Lista de exercícios III Funções Inorgânicas
Lista de exercícios III Funções InorgânicasLista de exercícios III Funções Inorgânicas
Lista de exercícios III Funções Inorgânicas
Carlos Priante
 
Lista 2 recuperacao
Lista 2   recuperacaoLista 2   recuperacao
Lista 2 recuperacao
Rodrigo Sampaio
 
Claudiacinara exercíciosrevisão 08072013_gabarito
Claudiacinara exercíciosrevisão 08072013_gabaritoClaudiacinara exercíciosrevisão 08072013_gabarito
Claudiacinara exercíciosrevisão 08072013_gabarito
ProCLAUDIA/LUCIANE MEIJON/SOARES
 
Exercícios funções inorgânicas
Exercícios funções inorgânicasExercícios funções inorgânicas
Exercícios funções inorgânicas
Leonardo Carneiro
 
Lista radioatividade
Lista radioatividadeLista radioatividade
Lista radioatividade
Fábio Oisiovici
 
Alotropia share
Alotropia shareAlotropia share
Alotropia share
Fábio Oisiovici
 
Sais e óxidos
Sais e óxidosSais e óxidos
4. lista grupo 4
4. lista grupo 44. lista grupo 4
4. lista grupo 4
Marcos Júnior
 
Ácidos e Bases Exercícios de Vestibulares
Ácidos e Bases Exercícios de VestibularesÁcidos e Bases Exercícios de Vestibulares
Ácidos e Bases Exercícios de Vestibulares
Bio Sem Limites
 
revisão enem cálculos químicos
revisão enem cálculos químicosrevisão enem cálculos químicos
revisão enem cálculos químicos
Fábio Oisiovici
 
áCidos e bases completo
áCidos e bases completoáCidos e bases completo
áCidos e bases completo
Aline Brasil
 
GABARITO EXERCÍCIOS SUPLEMENTAR
GABARITO EXERCÍCIOS SUPLEMENTARGABARITO EXERCÍCIOS SUPLEMENTAR
GABARITO EXERCÍCIOS SUPLEMENTAR
Claudia Cinara Braga
 

Mais procurados (20)

Simulado01share
Simulado01shareSimulado01share
Simulado01share
 
Exercícios - ref. Aulas 1 a 5
Exercícios - ref. Aulas 1 a 5Exercícios - ref. Aulas 1 a 5
Exercícios - ref. Aulas 1 a 5
 
Nox e Reações de Óxido Redução
Nox e Reações de Óxido ReduçãoNox e Reações de Óxido Redução
Nox e Reações de Óxido Redução
 
Inor parte 1
Inor parte 1Inor parte 1
Inor parte 1
 
1º Simulado Revisão ENEM QUIMICA 2013 - Referente aulas 1 a 6
1º Simulado Revisão ENEM QUIMICA 2013 -  Referente aulas 1 a 61º Simulado Revisão ENEM QUIMICA 2013 -  Referente aulas 1 a 6
1º Simulado Revisão ENEM QUIMICA 2013 - Referente aulas 1 a 6
 
mol, massa molar,etc
mol, massa molar,etcmol, massa molar,etc
mol, massa molar,etc
 
Inor parte 2
Inor parte 2Inor parte 2
Inor parte 2
 
Estequiometria simples
Estequiometria simplesEstequiometria simples
Estequiometria simples
 
Lista de exercícios III Funções Inorgânicas
Lista de exercícios III Funções InorgânicasLista de exercícios III Funções Inorgânicas
Lista de exercícios III Funções Inorgânicas
 
Lista 2 recuperacao
Lista 2   recuperacaoLista 2   recuperacao
Lista 2 recuperacao
 
Claudiacinara exercíciosrevisão 08072013_gabarito
Claudiacinara exercíciosrevisão 08072013_gabaritoClaudiacinara exercíciosrevisão 08072013_gabarito
Claudiacinara exercíciosrevisão 08072013_gabarito
 
Exercícios funções inorgânicas
Exercícios funções inorgânicasExercícios funções inorgânicas
Exercícios funções inorgânicas
 
Lista radioatividade
Lista radioatividadeLista radioatividade
Lista radioatividade
 
Alotropia share
Alotropia shareAlotropia share
Alotropia share
 
Sais e óxidos
Sais e óxidosSais e óxidos
Sais e óxidos
 
4. lista grupo 4
4. lista grupo 44. lista grupo 4
4. lista grupo 4
 
Ácidos e Bases Exercícios de Vestibulares
Ácidos e Bases Exercícios de VestibularesÁcidos e Bases Exercícios de Vestibulares
Ácidos e Bases Exercícios de Vestibulares
 
revisão enem cálculos químicos
revisão enem cálculos químicosrevisão enem cálculos químicos
revisão enem cálculos químicos
 
áCidos e bases completo
áCidos e bases completoáCidos e bases completo
áCidos e bases completo
 
GABARITO EXERCÍCIOS SUPLEMENTAR
GABARITO EXERCÍCIOS SUPLEMENTARGABARITO EXERCÍCIOS SUPLEMENTAR
GABARITO EXERCÍCIOS SUPLEMENTAR
 

Semelhante a Exercicios gerais

Exercícios de química sbts pura e mistura
Exercícios de química sbts pura e misturaExercícios de química sbts pura e mistura
Exercícios de química sbts pura e mistura
Universidade Tecnológica Federal do Paraná
 
Lista 01 quimica
Lista 01   quimicaLista 01   quimica
Lista 01 quimica
universidade upt
 
Lista 35 funções inorgânicas - difícil
Lista 35   funções inorgânicas - difícilLista 35   funções inorgânicas - difícil
Lista 35 funções inorgânicas - difícil
Colegio CMC
 
Pucmg2007
Pucmg2007Pucmg2007
Pucmg2007
Junior Dou
 
Quimica ligacoes quimicas_exercicios
Quimica ligacoes quimicas_exerciciosQuimica ligacoes quimicas_exercicios
Quimica ligacoes quimicas_exercicios
Water Rodrigues
 
Lista de exercicio química
Lista de exercicio químicaLista de exercicio química
Lista de exercicio química
Jonas Santos
 
Lista de exercícios básicos para simulado 1
Lista de exercícios básicos para simulado 1Lista de exercícios básicos para simulado 1
Lista de exercícios básicos para simulado 1
Leonardo Carneiro
 
Lista de exercícios básicos para simulado 1
Lista de exercícios básicos para simulado 1Lista de exercícios básicos para simulado 1
Lista de exercícios básicos para simulado 1
Leonardo Carneiro
 
Lista de exercícios básicos para simulado 1
Lista de exercícios básicos para simulado 1Lista de exercícios básicos para simulado 1
Lista de exercícios básicos para simulado 1
Leonardo Carneiro
 
Lista de exercícios básicos para simulado 1
Lista de exercícios básicos para simulado 1Lista de exercícios básicos para simulado 1
Lista de exercícios básicos para simulado 1
Leonardo Carneiro
 
1º ano
1º ano1º ano
Lista de Exercícios: Distribuição Eletrônica e Tabela Periódica
Lista de Exercícios: Distribuição Eletrônica e Tabela PeriódicaLista de Exercícios: Distribuição Eletrônica e Tabela Periódica
Lista de Exercícios: Distribuição Eletrônica e Tabela Periódica
Hebertty Dantas
 
Quimica geral-classificacao-periodica
Quimica geral-classificacao-periodicaQuimica geral-classificacao-periodica
Quimica geral-classificacao-periodica
helygalvaojr
 
Lista 2 ano final nox
Lista 2 ano final noxLista 2 ano final nox
Lista 2 ano final nox
Renato Souza
 
Caderno de resposta 1º Simulado Revisão ENEM QUIMICA 2013 - Referente aulas 1...
Caderno de resposta 1º Simulado Revisão ENEM QUIMICA 2013 - Referente aulas 1...Caderno de resposta 1º Simulado Revisão ENEM QUIMICA 2013 - Referente aulas 1...
Caderno de resposta 1º Simulado Revisão ENEM QUIMICA 2013 - Referente aulas 1...
Maiquel Vieira
 
Lista de atividades distribuição eletronica e tabela periodica
Lista de atividades  distribuição eletronica e tabela periodicaLista de atividades  distribuição eletronica e tabela periodica
Lista de atividades distribuição eletronica e tabela periodica
Aninha Felix Vieira Dias
 
lista de questões - Volta são joão - COC
lista de questões - Volta são joão - COClista de questões - Volta são joão - COC
lista de questões - Volta são joão - COC
Rodrigo Sampaio
 
Ciências - 9º ano
Ciências -  9º anoCiências -  9º ano
Ciências - 9º ano
Patrícia Costa Grigório
 
Lista lq
Lista lqLista lq
Lista lq
Unioeste
 
Pru enem
Pru enemPru enem

Semelhante a Exercicios gerais (20)

Exercícios de química sbts pura e mistura
Exercícios de química sbts pura e misturaExercícios de química sbts pura e mistura
Exercícios de química sbts pura e mistura
 
Lista 01 quimica
Lista 01   quimicaLista 01   quimica
Lista 01 quimica
 
Lista 35 funções inorgânicas - difícil
Lista 35   funções inorgânicas - difícilLista 35   funções inorgânicas - difícil
Lista 35 funções inorgânicas - difícil
 
Pucmg2007
Pucmg2007Pucmg2007
Pucmg2007
 
Quimica ligacoes quimicas_exercicios
Quimica ligacoes quimicas_exerciciosQuimica ligacoes quimicas_exercicios
Quimica ligacoes quimicas_exercicios
 
Lista de exercicio química
Lista de exercicio químicaLista de exercicio química
Lista de exercicio química
 
Lista de exercícios básicos para simulado 1
Lista de exercícios básicos para simulado 1Lista de exercícios básicos para simulado 1
Lista de exercícios básicos para simulado 1
 
Lista de exercícios básicos para simulado 1
Lista de exercícios básicos para simulado 1Lista de exercícios básicos para simulado 1
Lista de exercícios básicos para simulado 1
 
Lista de exercícios básicos para simulado 1
Lista de exercícios básicos para simulado 1Lista de exercícios básicos para simulado 1
Lista de exercícios básicos para simulado 1
 
Lista de exercícios básicos para simulado 1
Lista de exercícios básicos para simulado 1Lista de exercícios básicos para simulado 1
Lista de exercícios básicos para simulado 1
 
1º ano
1º ano1º ano
1º ano
 
Lista de Exercícios: Distribuição Eletrônica e Tabela Periódica
Lista de Exercícios: Distribuição Eletrônica e Tabela PeriódicaLista de Exercícios: Distribuição Eletrônica e Tabela Periódica
Lista de Exercícios: Distribuição Eletrônica e Tabela Periódica
 
Quimica geral-classificacao-periodica
Quimica geral-classificacao-periodicaQuimica geral-classificacao-periodica
Quimica geral-classificacao-periodica
 
Lista 2 ano final nox
Lista 2 ano final noxLista 2 ano final nox
Lista 2 ano final nox
 
Caderno de resposta 1º Simulado Revisão ENEM QUIMICA 2013 - Referente aulas 1...
Caderno de resposta 1º Simulado Revisão ENEM QUIMICA 2013 - Referente aulas 1...Caderno de resposta 1º Simulado Revisão ENEM QUIMICA 2013 - Referente aulas 1...
Caderno de resposta 1º Simulado Revisão ENEM QUIMICA 2013 - Referente aulas 1...
 
Lista de atividades distribuição eletronica e tabela periodica
Lista de atividades  distribuição eletronica e tabela periodicaLista de atividades  distribuição eletronica e tabela periodica
Lista de atividades distribuição eletronica e tabela periodica
 
lista de questões - Volta são joão - COC
lista de questões - Volta são joão - COClista de questões - Volta são joão - COC
lista de questões - Volta são joão - COC
 
Ciências - 9º ano
Ciências -  9º anoCiências -  9º ano
Ciências - 9º ano
 
Lista lq
Lista lqLista lq
Lista lq
 
Pru enem
Pru enemPru enem
Pru enem
 

Último

Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sonsAula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
Érika Rufo
 
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões.          pptxRimas, Luís Vaz de Camões.          pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
TomasSousa7
 
Potenciação e Radiciação de Números Racionais
Potenciação e Radiciação de Números RacionaisPotenciação e Radiciação de Números Racionais
Potenciação e Radiciação de Números Racionais
wagnermorais28
 
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdfUFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
Manuais Formação
 
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - AlfabetinhoAtividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
MateusTavares54
 
REGULAMENTO DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
REGULAMENTO  DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...REGULAMENTO  DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
REGULAMENTO DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
Eró Cunha
 
Famílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do Assaré
Famílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do AssaréFamílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do Assaré
Famílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do Assaré
profesfrancleite
 
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantilVogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
mamaeieby
 
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdfUFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
Manuais Formação
 
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdfcronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
todorokillmepls
 
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
YeniferGarcia36
 
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
Educação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideiaEducação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideia
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
joseanesouza36
 
Pintura Romana .pptx
Pintura Romana                     .pptxPintura Romana                     .pptx
Pintura Romana .pptx
TomasSousa7
 
Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.pptEstrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
livrosjovert
 
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua PortuguesaD20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
eaiprofpolly
 
1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.
1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.
1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.
LeticiaRochaCupaiol
 
7133lllllllllllllllllllllllllllll67.pptx
7133lllllllllllllllllllllllllllll67.pptx7133lllllllllllllllllllllllllllll67.pptx
7133lllllllllllllllllllllllllllll67.pptx
LEANDROSPANHOL1
 
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
LucianaCristina58
 
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
Mary Alvarenga
 

Último (20)

Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sonsAula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
 
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões.          pptxRimas, Luís Vaz de Camões.          pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
 
Potenciação e Radiciação de Números Racionais
Potenciação e Radiciação de Números RacionaisPotenciação e Radiciação de Números Racionais
Potenciação e Radiciação de Números Racionais
 
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdfUFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
 
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - AlfabetinhoAtividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
 
REGULAMENTO DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
REGULAMENTO  DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...REGULAMENTO  DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
REGULAMENTO DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
 
Famílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do Assaré
Famílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do AssaréFamílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do Assaré
Famílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do Assaré
 
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantilVogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
 
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdfUFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
 
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdfcronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
 
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
 
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
 
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
Educação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideiaEducação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideia
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
 
Pintura Romana .pptx
Pintura Romana                     .pptxPintura Romana                     .pptx
Pintura Romana .pptx
 
Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.pptEstrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
 
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua PortuguesaD20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
 
1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.
1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.
1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.
 
7133lllllllllllllllllllllllllllll67.pptx
7133lllllllllllllllllllllllllllll67.pptx7133lllllllllllllllllllllllllllll67.pptx
7133lllllllllllllllllllllllllllll67.pptx
 
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
 
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
 

Exercicios gerais

  • 1. Eurico Dias - eurico@gmail.com 1 | P r o j e t o F u t u r o M i l i t a r – w w w . f u t u r o m i l i t a r . c o m . b r Exercícios de Química Colégio Naval 01 - O átomo é algo tão minúsculo que até hoje, com toda a tecnologia existente, nenhum ser humano conseguiu ver como realmente é um átomo. Por isso essa pequena estrutura é tão misteriosa e para entendê-la melhor, alguns pesquisadores desenvolveram modelos atômicos. Sobre os modelos atômicos e seus autores, assinale a alternativa correta: a) Com a descoberta da radioatividade, Demócrito e Leucipo formularam o modelo que ficou conhecido como “Pudim de Passas”. b) Thomson foi o primeiro a admitir a existência dos nêutrons como partículas sub-atômicas. c) Rutherford, com o seu experimento, provou a existência de muito espaço vazio nos átomos. d) Bohr não soube explicar porque os elétrons não se chocavam com o núcleo, já que estes apresentam cargas opostas. 02 - São dados três elementos distintos X, Y e Z. O átomo X tem número atômico 75 e número de massa 150. O átomo Z tem 64 nêutrons, sendo isótopo de X. O átomo Y é isóbaro de Z e isótono de X. Logo, o número de elétrons do átomo Y será igual a: a) 54 b) 64 c)74 d)84 03 - Das alternativas abaixo, a única que representa um fenômeno químico é: a) Oxidação do ferro b) Dissolução do sal de cozinha c) Sublimação da naftalina d) Fusão do gelo 04 - Classifique (SS) para Substância Simples, (SC) para Substância Composta e (M) para Mistura. I. ( ) Gás Hidrogênio II. ( ) Ar atmosférico III. ( ) Gás carbônico IV. ( ) Leite V. ( ) Diamante A seqüência correta indicada nos parêntesis acima é: a) SC, M, SC, M, SS b) SS, SC, SS, M, SC c) SS, M, SC, M, SS d) SS, M, SS, SC, SC 05 – O Átomo Todas as substâncias são formadas de pequenas partículas chamadas átomos. Para se ter uma idéia, eles são tão pequenos que uma cabeça de alfinete pode conter 60 milhões deles. Os gregos antigos foram os primeiros a saber que a matéria é formada por tais partículas, as quais chamaram átomo, que significa indivisível. Os átomos, porém, são compostos de partículas menores: os prótons, os nêutrons e os elétrons. No átomo, os elétrons giram em torno do núcleo, que contém prótons e nêutrons. Prótons, nêutrons e elétrons possuem carga elétrica, respectivamente: a) negativa, positiva e nula b) positiva, negativa e nula c) positiva, nula e nula d) positiva, nula e negativa 06 - A água é uma substância que pode existir em três estados físicos, esses estados podem mudar caso ocorra trânsito de energia. Observe: Essa figura mostra as possíveis mudanças de fase de uma substância. Quais os nomes desses processos de transformação? Marque o item correspondente a sua análise. a) 1.sublimação 2.liquefação 3.fusão 4.liquefação 5.solidificação 6.sublimação b) 1.vaporização 2.liquefação 3.vaporização 4.liquefação 5.solificação 6.sublimação c) 1.sublimação 2.fusão 3.gaseificação 4.liquefação 5.solidificação 6.metasolidificação d) 1.sublimação 2.fusão 3.vaporização 4.liquefação 5.solidificação 6.sublimação 07 - Quando colocamos um refrigerante ou um champagne em um copo, observamos a formação de bolhas. O gás contido nessas bolhas é o: a) dióxido de carbono; b) hidrogênio; c) nitrogênio; d) oxigênio 08 - Assinale a afirmação verdadeira sobre os elementos sombreados nesta Tabela Periódica a) pertencem ao Período 6; b) pertencem ao Grupo 16; c) são chamados de halogênios; d) todos eles são metais 09 - Na representação abaixo, os círculos de uma mesma cor representam átomos de um mesmo elemento. A equação química que poderia corresponder a esta representação de esferas é: a) Cl2 + O2 → 2 ClO b) N2 + O2 → 2 NO
  • 2. Eurico Dias - eurico@gmail.com 2 | P r o j e t o F u t u r o M i l i t a r – w w w . f u t u r o m i l i t a r . c o m . b r c) 2SO2 + O2 → 2 SO3 d) N2 + 2 O2 → 2 NO2 10 - O nome “ferro” deriva do latim “ferrum”. Muitas são as aplicações do ferro no nosso cotidiano. O símbolo químico do Ferro é: Este símbolo químico nos indica: a) 26 átomos de ferro de número de massa 56. b) 26 átomos grama de ferro de número de massa 56. c) Um átomo de Ferro com 26 prótons e número de massa 56. d) 26 nêutrons e número de massa 26 em um átomo de Ferro. O texto apresentado abaixo será utilizado nas questões 11 e 12. Às 22h do dia 20 de abril de 2010, uma explosão destruiu a plataforma petrolífera Deepwater Horizon e vitimou 11 pessoas. É difícil estimar o montante do petróleo que vazou. Os impactos desta explosão no golfo do México serão sentidos muito mais longe e por muito mais tempo. Parte do petróleo derramado, principalmente alguns de seus componentes mais tóxicos, podem também estar se espalhando pelo fundo do oceano, alcançando distâncias de até 50 km do poço danificado. Há uma considerável variação nas composições entre diferentes amostras de petróleo. Apesar de serem ricas em hidrocarbonetos, algumas dessas composições ainda não são totalmente conhecidas; outras possuem compostos carcinogênicos e mutagênicos. Além disso, quando o petróleo é derramado em uma área, ele se espalha sobre a superfície da água, sofrendo modificações que transformam seus componentes. Especialistas afirmam que a exposição de organismos marinhos a esses produtos tóxicos pode se estender durante longos períodos. A eliminação desses componentes depende da ação de microrganismos e é um processo muito lento, que demora anos. 11 - De acordo com o texto acima, o petróleo: A) é uma mistura. B) é uma substância tóxica. C) se dissolve rapidamente na água. D) não deveria ser extraído de águas profundas. 12 - Derramamentos de grandes quantidades de petróleo no mar: A) liberam substâncias que não são nocivas aos seres humanos. B) podem gerar novos compostos devido à exposição ao ar e ao calor. C) afetam apenas a vida marinha em regiões próximas à superfície da água. D) trazem consequências ecológicas e econômicas, mas que são rapidamente contornadas. 13. (PUC-MG) A tabela apresenta algumas características e aplicações de alguns ácidos: Nome do ácido Aplicações e características Ácido muriático Limpeza doméstica e de peças metálicas (decapagem) Ácido fosfórico Usado como acidulante em refrigerantes, balas e goma de mascar. Ácido sulfúrico Desidratante, solução de bateria Ácido nítrico Indústria de explosivos e corantes As fórmulas dos ácidos da tabela são, respectivamente: a) HCl, H3PO4, H2SO4, HNO3 b) HClO, H3PO3, H2SO4, HNO2 c) HCl, H3PO3, H2SO4, HNO3 d) HClO2, H4P2O7, H2SO3, HNO2 e) HClO, H3PO4, H2SO3, HNO3 14. O esquema a seguir mostra uma aparelhagem utilizada para testar a força de eletrólitos: Quando uma substância X é adicionada ao frasco com água, verificamos que, dependendo da natureza de X, poderemos observar, ou não, o acendimento da lâmpada, com maior ou menor intensidade. A substância X que não permitirá o acendimento é: a) HCl b) NaOH c) NaCl d) Na2SO4 e) C2H6O 15. (ESPM-SP) Sejam os produtos: I) água de bateria II) água mineral com gás III) ácido muriático Os ácidos presentes nesses produtos são, respectivamente: a) HCl, H2CO3, H2SO4 b) H3PO4, H2SO4, HCl c) H2SO4, H3PO4, HCl
  • 3. Eurico Dias - eurico@gmail.com 3 | P r o j e t o F u t u r o M i l i t a r – w w w . f u t u r o m i l i t a r . c o m . b r d) HCl, H2CO3, HF e) H2SO4, H2CO3, HCl 16. (PUC-RS) A soda cáustica se comporta diante da fenolfaleína da mesma forma que: a) o amoníaco b) a água da chuva c) a urina d) os refrigerantes gaseificados e) o suco de laranja 17. (UFSE) O gás carbônico, CO2, é absorvido por soluções básica. Para isso, pode-se utilizar uma solução aquosa de: a) NH4Cl b) C3H7OH c) HCl d) KOH e) Na2SO4 18. (F. A. Champagnat-MG) Na indústria de sabão duro usa-se um glicerídeo que é hidrolisado por uma base forte. Assinale nas alternativas abaixo a base usada na fabricação de sabão duro: a) H2CO3 b) KMnO4 c) MnO2 d) NaOH e) CaO 19. Entre as bases listadas a seguir, indique qual(quais) é(são) praticamente insolúveis em água: I) KOH II) Mg(OH)2 III) NaOH IV) Al(OH)3 V) LiOH a) V e IV b) IV e III c) II, III e IV d) I, IV, V e II e) IV 20. (Fuvest) Assinale a alternativa que apresenta dois produtos caseiros com propriedades alcalinas: a) detergente e vinagre b) sal e coalhada c) leite de magnésia e sabão d) bicarbonato e açúcar e) coca-cola e água de cal 21. (Cesgranrio) As indústrias de produção de vidro utilizam a areia como principal fonte de sílica SiO2 para conferir o estado vítreo. Utilizam, ainda, com a finalidade de reduzir a temperatura de fusão da sílica, os fundentes Na2O, K2O e Li2O. A escolha dos óxidos de sódio, potássio e lítio para reagir com a sílica e dar origem a um produto vítreo de menor ponto de fusão deve-se ao fato de esses óxidos manifestarem caráter: a) básico. b) neutro. c) ácido. d) misto. e) anfótero. 22. (ENEM) Suponha que um agricultor esteja interessado em fazer uma plantação de girassóis. Procurando informação, leu a seguinte reportagem: Solo ácido não favorece plantio Alguns cuidados devem se tomados por quem decide iniciar o cultivo do girassol. A oleaginosa deve ser plantada em solos descompactados, com pH acima de 5,2 (que indica menor acidez da terra). Conforme as recomendação da Embrapa, o agricultor deve colocar, por hectare, 40 kg a 60 kg de nitrogênio, 40 kg a 80 kg de potássio e 40 kg a 80 kg de fósforo. O pH do solo, na região do agricultor, é de 4,8. Dessa forma, o agricultor deverá fazer a “calagem”. (Folha de S. Paulo, 25/09/1996.) Suponha que o agricultor vá fazer a calagem (aumento do pH do solo por adição de cal virgem - CaO). De maneira simplificada, a diminuição da acidez se dá pela interação da cal (CaO) com a água presente no solo, gerando hidróxido de cálcio (Ca(OH)2), que reage com os íons H + (dos ácidos), ocorrendo, então, a formação de água e deixando íons Ca 2+ no solo. Considere as seguintes equações: I) CaO + 2H2O  Ca(OH)3 II) CaO + H2O  Ca(OH)2 III) Ca(OH)2 + 2H +  Ca 2+ + 2H2O IV) Ca(OH)2 + H +  CaO + H2O O processo de calagem descrito acima pode ser representado pelas equações: a) I e II b) I e IV c) II e III d) II e IV e) III e IV 23. (Cesgranrio) O consumidor brasileiro já está informado de que os alimentos industrializados que ingere contêm substâncias cuja função básica é a de preservá-los da deterioração. Alguns exemplos dessas substâncias são: conservantes - ácido bórico (P.II) e anidrido sulfuroso (P.V); antioxidante -ácido fosfórico (A.III); antiumectantes — carbonato de cálcio (Au.I) e dióxido de silício (Au.VIII).
  • 4. Eurico Dias - eurico@gmail.com 4 | P r o j e t o F u t u r o M i l i t a r – w w w . f u t u r o m i l i t a r . c o m . b r Marque a opção que indica a fórmula de cada substância na ordem apresentada no texto. a) H2BO4; SO3; H3PO3; K2CO3;Si2O b) H3BO3;SO2;H3PO3;K2CO3; SiO2 c) H3BO3;SAO2; H3PO4;CaCO3;SiO2 d) H3BO3;SO3; H3PO4; CaCO3; Si2O e) H3BO4;SO2;H3PO3;CaCO3;SiO2 24. Um fungicida inorgânico de fácil preparação é a calda bordalesa, feita com sulfato de cobre II e hidróxido de cálcio em água. As fórmulas dos dois primeiros são, respectivamente: a) CuS e Ca(OH)2. b) Cu2SO4 e Ca(OH)2. c) CuSO3 e Ca(OH)2. d) CuSO4 e Ca(OH)2. e) CuSO3 e CaOH. 25. Alúmens são sulfatos duplos (sais) representados pela fórmula geral XY(S04)2.12H2O, em que X e Y são cátions metálicos com números de carga diferentes. Assim, X e Y podem ser: a) cromo e alumínio. b) potássio e cromo. c) potássio e sódio. d) cálcio e magnésio. e) potássio e magnésio. 26. (Mack) Combinando-se entre si os íons ClO3 - , SO3 2- , Fe 3+ e Zn 2+ a seqüência que apresenta os nomes das substâncias correta é: a) cloreto de ferro e sulfato de zinco. b) clorato de zinco e sulfito férrico. c) clorito de zinco e sulfato de ferro III. d) cloreto ferroso e sulfito de zinco. e) perclorato férrico e sulfato de ferro III. 27. (UECE) Associe corretamente a coluna da esquerda com a da direita: I) NaClO II) Na2SO3 III) NaClO2 IV) Na2S2O3 ( ) Tissulfato de sódio, usado como fixador na revelação de filmes fotográficos. ( ) Hipoclorito de sódio, usado no tratamento da água. ( ) Sulfito de sódio, usado na conservação de alimentos. ( ) Clorito de sódio, usado como agente oxidante no tratamento de água potável, para retirada de gosto e odores. A ordem correta é: a) IV, I, II e III. b) II, I, IV e III. c) IV, III, II e I d) II, III, IV e I. 28. (UERJ) Uma das substâncias responsáveis pelo odor desagradável em banheiros de muita freqüência é o gás amoníaco (NH3), resultante da degradação da uréia. Dentre as substâncias abaixo, aquela que poderia ser utilizada na neutralização do NH3 é: a) H2O c) KOH b) HCl d) NaCl 29. (UERJ) Um caminhão transportando ácido sulfúrico capotou, derramando o ácido na estrada. O ácido foi totalmente neutralizado por uma solução aquosa de hidróxido de sódio. Essa neutralização pode ser corretamente representada pelas equações abaixo. H2SO4 + 2NaOH  X + 2H2O H2SO4 + NaOH  Y + H2O As substâncias X e Y são, respectivamente: a) Na2SO4/NaHSO4 b) NaHSO4/Na2SO4 c) Na2SO3/Na2SO4 d) Na2SO4/NaHSO3 e) NaHSO3/Na2SO4 30. O ponto de ebulição anormal da água, em relação aos demais hidretos dos elementos da mesma família do oxigênio é uma conseqüência: a) do baixo peso molecular da água. b) da baixa condutibilidade elétrica da água. c) das ligações covalentes existentes na molécula de água. d) das pontes de hidrogênio existentes entre as moléculas de água. e) n.d.a. 31. (Mackenzie) A observação e o estudo da natureza das substâncias e de seu comportamento são intrigantes e por isso fascinantes. Leia com atenção os fatos reais relatados a seguir e assinale a alternativa incorreta que está relacionada a esses fatos.  A água, ao contrário da maioria das substâncias, aumenta de volume ao se solidificar.  A água, apesar de líquida nas condições ambientes, pode ser obtida pela reação entre os gases hidrogênio e oxigênio. a) A estrutura hexagonal da água mantida pelas pontes de hidrogênio no estado sólido provoca “um vazio” dentro do cristal de gelo, tornando-o mais volumoso. b) A existência de dipolos elétricos na água faz com que as moléculas se atraiam fortemente, levando-as ao estado líquido. c) Ao contrário do que ocorre na água, substâncias
  • 5. Eurico Dias - eurico@gmail.com 5 | P r o j e t o F u t u r o M i l i t a r – w w w . f u t u r o m i l i t a r . c o m . b r simples como o hidrogênio apresentam grande força de atração entre suas moléculas, portanto são gases. d) Substâncias simples como o hidrogênio e o oxigênio possuem forças de atração fracas entre suas moléculas, portanto são gases. e) O estado físico das substâncias depende das forças de atração entre suas moléculas. 32. Óleo de soja não se dissolve em água. A partir dessa informação, é possível concluir que: a) as moléculas de óleo são menores do que as de água. b) os elementos químicos presentes nas moléculas de óleo são totalmente diferentes dos presentes nas de água. c) as moléculas do óleo de soja devem ser apolares. d) o óleo de soja possui moléculas extremamente polares. e) o número de átomos nas moléculas de óleo deve ser igual a 3. 33. (PUC-MG) A gasolina gelatinizada contendo fósforo branco foi lançada em pessoas e casas durante a guerra do Vietnã. Após a evaporação da gasolina, as casas incendiavam. As pessoas sofriam queimaduras dolorosas. Mergulhavam-se nas águas para evitar a ação do componente provocador das queimaduras. Logo que a água evaporava do corpo, a ação do elemento incendiário voltava a se manifestar. Conforme o que foi exposto anteriormente, é correto concluir, exceto: a) Gasolina e fósforo branco são apolares. b) A reação da gasolina com o fósforo branco provoca incêndio e queimaduras. c) O fósforo branco reage com o oxigênio do ar. d) A água não reage com o fósforo branco. e) O fósforo branco é apolar e a água polar. 34. (UniCEUB) 7,0g de nitrogênio reagem com quantidade suficiente de hidrogênio produzindo amônia, segundo a equação química não balanceada: N2 + H2  NH3 A massa de amônia produzida nesta reação será: a) 34g b) 17g c) 15g d) 7,5g e) 8,5g Dados: N – 14 u e H – 1 u. 35. (UniCEUB) A eletrólise da bauxita, um minério de alumínio, pode ser representada pela equação: Al2O3  Al + O2 Quando 0,2 mols de bauxita são eletrolisados (nas CNTP) obtêm-se: a) 10,8 g de Al e 6,72 litros de O2 b) 5,4 g de Al e 6,72 litros de O2 c) 27 g de Al e 22,4 litros de O2 d) 54 g de Al e 33,6 litros de O2 e) 10,8 g de Al e 33,6 litros de O2 Dados: Volume molar nas CNTP = 22,4 L; M(Al) = 27g/mol 36. (UFMG) Um ser humano adulto sedentário libera, ao respirar, em média, 0,880 mol de CO2 por hora. A massa de CO2 pode ser calculada, medindo-se a quantidade de BaCO3(s), produzido pela reação: Ba(OH)2(aq) + CO2(g)  BaCO3(s) + H2O(l) Suponha que a liberação de CO2 seja uniforme nos períodos de sono e de vigília. A alternativa que indica a massa de carbonato de bário que seria formada pela reação do hidróxido de bário com o CO2(g), produzido durante 30 minutos, é aproximadamente: a) 197g b) 173g c) 112g d) 86,7g e) 0,440g Dados: Massas atômicas: Ba = 137; C = 12; O = 16 37. (Cesgranrio) Um funileiro usa um maçarico de acetileno para soldar uma panela. O gás acetileno é obtido na hora, através da seguinte reação química: CaC2 + 2H2O  Ca(OH)2 + C2H2 Qual a massa aproximada de carbureto de cálcio (CaC2) que será necessária para obter 12,31 L de acetileno (C2H2) a 1 atm e 27ºC? a) 64g b) 16g c) 3,2g d) 32g e) 6,4g 38. (IME-RJ) No aparelho conhecido como ozonizador, através de uma descarga elétrica, ocorre a seguinte transformação: 3O2(g)  2O3(g). Partindo de 48g de gás oxigênio (O2) a massa e o volume nas CNTP de gás ozônio (O3) obtido são, respectivamente: a) 32g – 11,355L b) 48g – 22,71L c) 64g – 34,065L d) 80g – 45,42L e) 96g – 56,775L
  • 6. Eurico Dias - eurico@gmail.com 6 | P r o j e t o F u t u r o M i l i t a r – w w w . f u t u r o m i l i t a r . c o m . b r 39. (Fuvest) Na combustão de um mol de etanol (C2H5OH) a dióxido de carbono e água, ambos no estado gasoso, formam-se a 1 atmosfera e 100ºC, os seguintes volumes de CO2 e H2O, em litros: a) 15,3 e 30,6 b) 30,6 e 30,6 c) 30,6 e 61,2 d) 61,2 e 61,2 e) 61,2 e 91,8 Dados: volume molar dos gases a 100ºC e 1 atmosfera = 30,6L 40. (Fuvest-SP) Uma das maneiras de impedir que o SO2, um dos responsáveis pela “chuva ácida”, seja liberado para a atmosfera é tratá-lo previamente com óxido de magnésio, em presença de ar, como equacionado a seguir: SO2 + MgO = 1/2O2  MgSO4 Quantas toneladas de óxido de magnésio são consumidas no tratamento de 9,6 x 10 3 toneladas de SO2? Massas molares: SO2 = 64 g/mol; MgO = 40g/mol a) 1,5 x 10 2 b) 3,0 x 10 2 c) 1,0 x 10 3 d) 6,0 x 10 3 e) 2,5 x 10 4
  • 7. Eurico Dias - eurico@gmail.com 7 | P r o j e t o F u t u r o M i l i t a r – w w w . f u t u r o m i l i t a r . c o m . b r Gabarito 1. C 2. B 3. A 4. C 5. D 6. D 7. A 8. B 9. D 10. C 11. A 12. B 13. A 14. E 15. E 16. A 17. D 18. D 19. E 20. C 21. A 22. C 23. C 24. D 25. B 26. B 27. A 28. B 29. A 30. D 31. C 32. C 33. B 34. E 35. A 36. D 37. D 38. B 39. E 40. D