SlideShare uma empresa Scribd logo
O  Cinema o Triunfo do sonho e do mito uma nova linguagem
Nascido num tempo de mudanças profundas, quer a nível estético, quer a nível técnico, o cinema surgiu como sequência do aparecimento da fotografia em movimento. A ‘invenção’ do cinema é atribuída aos irmãos Lumière, que em 1894 e 1895 filmaram  A Saída dos Operários de uma Fábrica  e  O Grande Café de Paris. O escritor André Malraux dizia que  “o cinema não é senão o aspecto mais evoluído do realismo plástico que começa com o Renascimento.”
O cinema aparece como resultado final da procura da fidelidade de representação, conseguida através do movimento, mas também de uma cada vez mais linguagem específica.
O cinema necessitou de um suporte fotográfico transparente, flexível e resistente, que possibilitasse  o acumular de quilómetros de fotogramas, que  rodariam em bobinas e dariam a ilusão de movimento. E na realidade o cinema é ilusão: podemos facilmente imaginar as reacções de deslumbramento, mas também de pânico, que se registaram durante as primeiras projecções dos irmãos Lumière, no interior de salas escuras. Griffith –  O Nascimento de uma Nação
Se as primeiras imagens do cinema descrevem pequenos episódios da vida quotidiana, rapidamente se desvia para a ficção (Viagem à Lua) e para a reportagem documental, estimulado pela Primeira Guerra Mundial e por algumas grandes viagens, como a expedição de Scott ao Pólo Sul. Georges Méliès (1861-1938) foi um dos pioneiros do cinema mudo, e realizou em 1902 a primeira ficção cinematográfica:”Viagem à Lua”.
Lillian y Dorothy Gish   Mary Pickford   Wallace Reid Na sua essência, e como linguagem específica, o cinema é mudo. No entanto, Edison criou o ‘sonoro’ e o cinema tornou-se indústria: afirmou-se através de códigos próprios na dicotomia arte/indústria, acompanhando durante todo o séc. XX, alguns grandes movimentos estéticos: Luis Buñuel teve a colaboração de Salvador Dalí em  O Cão Andaluz ; Sergei Eisenstein esteve ao serviço da revolução soviética com obras-primas como  O Couraçado de Potemkine  ou  Ivan, o Terrível ;  Murnau, com o seu Nosferatu, Lenni Riffenstal serviu a ideologia nazi, e Vittorio de Sica fez  O Ladrão de Bicicletas , que é o primeiro filme do Neo-realismo italiano.
 
estudios Carl Laemmle  Adolph Zukor   William Fox
Thomas Ince (1882-1924)
Mack Sennett
The surf girl, 1916 The Rounders filmes
Charlot patina Charlot al balneari Charlot encarregat del basar
Buster Keaton
El moderno Sherlock Holmes  (1924) One week  (1920)
 
My wonderful World of Splapstick”   (1960)
Harry Langdon
“ El mimado de la abuelita” (1922)  Un tenorio tímido”  (1924)   “ El estudiante novato” (1925).
Cecille Blount de Mille
Cleopatra (1934) The crusades (1935  ) The squaw man
Eric Von Stroheim
( 1923  ) Greed (1920  )
Robert flaherty
Louisiana Store(1948). Tabu, 1931   Mano of Aran 1934
Allan Dwan
Roben de los bosques (1922)   Heidi (1957)
Fred Niblo   director de Ben-Hur
Personatge infantil Jackie Coogan   Rin tin tin
Charles Spencer Chaplin

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

A história do cinema no Brasil
A história do cinema no BrasilA história do cinema no Brasil
A história do cinema no Brasil
João da Mata
 
Aula de arte urbana
Aula de arte urbanaAula de arte urbana
Aula de arte urbana
CLEBER LUIS DAMACENO
 
Pop Art
Pop ArtPop Art
Futurismo
FuturismoFuturismo
Futurismo
Michele Pó
 
Vanguardas europeias slides
Vanguardas europeias slidesVanguardas europeias slides
Vanguardas europeias slides
Eline Lima
 
Art história do cinema
Art   história do cinemaArt   história do cinema
Art história do cinema
sergioborgato
 
Trabalho cinema
Trabalho  cinemaTrabalho  cinema
Trabalho cinema
Franciscab25
 
CINEMA - Parte 2 (Desenvolvimento e indústria)
CINEMA - Parte 2 (Desenvolvimento e indústria)CINEMA - Parte 2 (Desenvolvimento e indústria)
CINEMA - Parte 2 (Desenvolvimento e indústria)
Mauricio Mallet Duprat
 
Cubismo
CubismoCubismo
Cubismo
Carlos Vieira
 
Unidade A3 - Breve história do cinema BRASILEIRO.pdf
Unidade A3 - Breve história do cinema BRASILEIRO.pdfUnidade A3 - Breve história do cinema BRASILEIRO.pdf
Unidade A3 - Breve história do cinema BRASILEIRO.pdf
Thiago Assumpção
 
História da Arte: Realismo
História da Arte: RealismoHistória da Arte: Realismo
História da Arte: Realismo
Raphael Lanzillotte
 
Trabalho sobre o Surrealismo (Pesquisa)
Trabalho sobre o Surrealismo (Pesquisa)Trabalho sobre o Surrealismo (Pesquisa)
Trabalho sobre o Surrealismo (Pesquisa)
claudiowww
 
Neoclassicismo - Arte Neoclássica
Neoclassicismo - Arte NeoclássicaNeoclassicismo - Arte Neoclássica
Neoclassicismo - Arte Neoclássica
Andrea Dressler
 
Fauvismo
FauvismoFauvismo
Fauvismo
Carlos Vieira
 
Pop Art
Pop ArtPop Art
Pop Art
Bruna M
 
Futurismo
Futurismo Futurismo
Futurismo
Dominique Dariva
 
Fauvismo
FauvismoFauvismo
Fauvismo
Michele Pó
 
A História da Música
A História da MúsicaA História da Música
A História da Música
Meire Falco
 
Dadaísmo
DadaísmoDadaísmo
Dadaísmo
CEF16
 

Mais procurados (20)

A história do cinema no Brasil
A história do cinema no BrasilA história do cinema no Brasil
A história do cinema no Brasil
 
Aula de arte urbana
Aula de arte urbanaAula de arte urbana
Aula de arte urbana
 
Pop Art
Pop ArtPop Art
Pop Art
 
Futurismo
FuturismoFuturismo
Futurismo
 
Vanguardas europeias slides
Vanguardas europeias slidesVanguardas europeias slides
Vanguardas europeias slides
 
Art história do cinema
Art   história do cinemaArt   história do cinema
Art história do cinema
 
Trabalho cinema
Trabalho  cinemaTrabalho  cinema
Trabalho cinema
 
CINEMA - Parte 2 (Desenvolvimento e indústria)
CINEMA - Parte 2 (Desenvolvimento e indústria)CINEMA - Parte 2 (Desenvolvimento e indústria)
CINEMA - Parte 2 (Desenvolvimento e indústria)
 
Cubismo
CubismoCubismo
Cubismo
 
Unidade A3 - Breve história do cinema BRASILEIRO.pdf
Unidade A3 - Breve história do cinema BRASILEIRO.pdfUnidade A3 - Breve história do cinema BRASILEIRO.pdf
Unidade A3 - Breve história do cinema BRASILEIRO.pdf
 
História da Arte: Realismo
História da Arte: RealismoHistória da Arte: Realismo
História da Arte: Realismo
 
Trabalho sobre o Surrealismo (Pesquisa)
Trabalho sobre o Surrealismo (Pesquisa)Trabalho sobre o Surrealismo (Pesquisa)
Trabalho sobre o Surrealismo (Pesquisa)
 
Neoclassicismo - Arte Neoclássica
Neoclassicismo - Arte NeoclássicaNeoclassicismo - Arte Neoclássica
Neoclassicismo - Arte Neoclássica
 
Fauvismo
FauvismoFauvismo
Fauvismo
 
Pop Art
Pop ArtPop Art
Pop Art
 
Futurismo
Futurismo Futurismo
Futurismo
 
Fauvismo
FauvismoFauvismo
Fauvismo
 
A História da Música
A História da MúsicaA História da Música
A História da Música
 
Arte Conceitual
Arte ConceitualArte Conceitual
Arte Conceitual
 
Dadaísmo
DadaísmoDadaísmo
Dadaísmo
 

Semelhante a Evolução do Cinema

Cinema 2c16 2012
Cinema 2c16 2012Cinema 2c16 2012
Cinema 2c16 2012
www.historiadasartes.com
 
Grandes mestres do cinema
Grandes mestres do cinemaGrandes mestres do cinema
Grandes mestres do cinema
sergioborgato
 
Cinema ana martins8c
Cinema ana martins8cCinema ana martins8c
Cinema ana martins8c
navegananet
 
história_cinema
história_cinemahistória_cinema
história_cinema
ladybru
 
Cinema
CinemaCinema
Fotografia cinematografica
Fotografia cinematograficaFotografia cinematografica
Fotografia cinematografica
Gleimeson Souza
 
Cinema, filosofia e sociedade.pptx
Cinema, filosofia e sociedade.pptx   Cinema, filosofia e sociedade.pptx
Cinema, filosofia e sociedade.pptx
gabiimedeiros
 
A Era do Cinema mudo
A Era do Cinema mudoA Era do Cinema mudo
A Era do Cinema mudo
Luryan da Silva F.
 
cinemamudo-150112180744-conversion-gate02.pdf
cinemamudo-150112180744-conversion-gate02.pdfcinemamudo-150112180744-conversion-gate02.pdf
cinemamudo-150112180744-conversion-gate02.pdf
WeslleyDias8
 
Neto a emergencia da fotografia e do cinema
Neto   a emergencia da fotografia e do cinemaNeto   a emergencia da fotografia e do cinema
Neto a emergencia da fotografia e do cinema
Pedro Pereira Neto
 
A origem do cinema
A origem do cinemaA origem do cinema
A origem do cinema
olivia57
 
curso de animacao 2d Senac-George Alberto
curso de animacao 2d Senac-George Albertocurso de animacao 2d Senac-George Alberto
curso de animacao 2d Senac-George Alberto
George Alberto F. Cavalcante
 
Historia do Cinema, quando surgiu ate os dias atuais
Historia do Cinema, quando surgiu ate os dias atuaisHistoria do Cinema, quando surgiu ate os dias atuais
Historia do Cinema, quando surgiu ate os dias atuais
malviana1
 
Cinema
CinemaCinema
Cinema
riclaetb
 
Imagens na-historia
Imagens na-historiaImagens na-historia
Imagens na-historia
William Meirelles
 
apresentao1-ppt-121016100934-phpapp01.pdf
apresentao1-ppt-121016100934-phpapp01.pdfapresentao1-ppt-121016100934-phpapp01.pdf
apresentao1-ppt-121016100934-phpapp01.pdf
MaxLEspinosa
 
Primórdios da Fotografia
Primórdios da FotografiaPrimórdios da Fotografia
Primórdios da Fotografia
Michele Pó
 
Componente Curricular Eletiva HUMANASEDUCAODIGITAL.pdf
Componente Curricular Eletiva HUMANASEDUCAODIGITAL.pdfComponente Curricular Eletiva HUMANASEDUCAODIGITAL.pdf
Componente Curricular Eletiva HUMANASEDUCAODIGITAL.pdf
PauloPaulo83
 
Roberto rossellini
Roberto rosselliniRoberto rossellini
Roberto rossellini
aniliria
 
Trabalho artes (carina)
Trabalho artes (carina)Trabalho artes (carina)
Trabalho artes (carina)
Adriano Capilupe
 

Semelhante a Evolução do Cinema (20)

Cinema 2c16 2012
Cinema 2c16 2012Cinema 2c16 2012
Cinema 2c16 2012
 
Grandes mestres do cinema
Grandes mestres do cinemaGrandes mestres do cinema
Grandes mestres do cinema
 
Cinema ana martins8c
Cinema ana martins8cCinema ana martins8c
Cinema ana martins8c
 
história_cinema
história_cinemahistória_cinema
história_cinema
 
Cinema
CinemaCinema
Cinema
 
Fotografia cinematografica
Fotografia cinematograficaFotografia cinematografica
Fotografia cinematografica
 
Cinema, filosofia e sociedade.pptx
Cinema, filosofia e sociedade.pptx   Cinema, filosofia e sociedade.pptx
Cinema, filosofia e sociedade.pptx
 
A Era do Cinema mudo
A Era do Cinema mudoA Era do Cinema mudo
A Era do Cinema mudo
 
cinemamudo-150112180744-conversion-gate02.pdf
cinemamudo-150112180744-conversion-gate02.pdfcinemamudo-150112180744-conversion-gate02.pdf
cinemamudo-150112180744-conversion-gate02.pdf
 
Neto a emergencia da fotografia e do cinema
Neto   a emergencia da fotografia e do cinemaNeto   a emergencia da fotografia e do cinema
Neto a emergencia da fotografia e do cinema
 
A origem do cinema
A origem do cinemaA origem do cinema
A origem do cinema
 
curso de animacao 2d Senac-George Alberto
curso de animacao 2d Senac-George Albertocurso de animacao 2d Senac-George Alberto
curso de animacao 2d Senac-George Alberto
 
Historia do Cinema, quando surgiu ate os dias atuais
Historia do Cinema, quando surgiu ate os dias atuaisHistoria do Cinema, quando surgiu ate os dias atuais
Historia do Cinema, quando surgiu ate os dias atuais
 
Cinema
CinemaCinema
Cinema
 
Imagens na-historia
Imagens na-historiaImagens na-historia
Imagens na-historia
 
apresentao1-ppt-121016100934-phpapp01.pdf
apresentao1-ppt-121016100934-phpapp01.pdfapresentao1-ppt-121016100934-phpapp01.pdf
apresentao1-ppt-121016100934-phpapp01.pdf
 
Primórdios da Fotografia
Primórdios da FotografiaPrimórdios da Fotografia
Primórdios da Fotografia
 
Componente Curricular Eletiva HUMANASEDUCAODIGITAL.pdf
Componente Curricular Eletiva HUMANASEDUCAODIGITAL.pdfComponente Curricular Eletiva HUMANASEDUCAODIGITAL.pdf
Componente Curricular Eletiva HUMANASEDUCAODIGITAL.pdf
 
Roberto rossellini
Roberto rosselliniRoberto rossellini
Roberto rossellini
 
Trabalho artes (carina)
Trabalho artes (carina)Trabalho artes (carina)
Trabalho artes (carina)
 

Mais de Michele Pó

Sapta Dhatus - Os Sete Tecidos no Ayurveda por Verónica Silvestre
Sapta Dhatus - Os Sete Tecidos no Ayurveda por Verónica SilvestreSapta Dhatus - Os Sete Tecidos no Ayurveda por Verónica Silvestre
Sapta Dhatus - Os Sete Tecidos no Ayurveda por Verónica Silvestre
Michele Pó
 
Kaumara bhritya por Tânia Pires
Kaumara bhritya por Tânia PiresKaumara bhritya por Tânia Pires
Kaumara bhritya por Tânia Pires
Michele Pó
 
Vaji karana - Medicina Reprodutiva no Ayurveda por Pedro Sequeira
Vaji karana - Medicina Reprodutiva no Ayurveda por Pedro SequeiraVaji karana - Medicina Reprodutiva no Ayurveda por Pedro Sequeira
Vaji karana - Medicina Reprodutiva no Ayurveda por Pedro Sequeira
Michele Pó
 
Saúde da mulher por Maria Brito do Rio
Saúde da mulher por Maria Brito do RioSaúde da mulher por Maria Brito do Rio
Saúde da mulher por Maria Brito do Rio
Michele Pó
 
Os gunas e a mente no Ayurveda por Maria Afonso
Os gunas e a mente no Ayurveda por Maria AfonsoOs gunas e a mente no Ayurveda por Maria Afonso
Os gunas e a mente no Ayurveda por Maria Afonso
Michele Pó
 
Nadi Pariksha - Pulsologia no Ayurveda por Madalena Caeiro
Nadi Pariksha - Pulsologia no Ayurveda por Madalena CaeiroNadi Pariksha - Pulsologia no Ayurveda por Madalena Caeiro
Nadi Pariksha - Pulsologia no Ayurveda por Madalena Caeiro
Michele Pó
 
Salakya Tantra por Joana Nascimento
Salakya Tantra por   Joana NascimentoSalakya Tantra por   Joana Nascimento
Salakya Tantra por Joana Nascimento
Michele Pó
 
Bhuta vidya - Psiquiatria na medicina ayurvédica por Francisca Rebela
Bhuta vidya - Psiquiatria na medicina ayurvédica por Francisca RebelaBhuta vidya - Psiquiatria na medicina ayurvédica por Francisca Rebela
Bhuta vidya - Psiquiatria na medicina ayurvédica por Francisca Rebela
Michele Pó
 
Medicina Interna por Filipa Falcão
Medicina Interna por Filipa FalcãoMedicina Interna por Filipa Falcão
Medicina Interna por Filipa Falcão
Michele Pó
 
Rasayana - Longevidade e Revitalização Terapêutica por Elisângela Massochin
Rasayana - Longevidade e Revitalização Terapêutica por Elisângela MassochinRasayana - Longevidade e Revitalização Terapêutica por Elisângela Massochin
Rasayana - Longevidade e Revitalização Terapêutica por Elisângela Massochin
Michele Pó
 
Toxicologia ayurvédica por Élio Lampreia
Toxicologia ayurvédica por Élio LampreiaToxicologia ayurvédica por Élio Lampreia
Toxicologia ayurvédica por Élio Lampreia
Michele Pó
 
Oléos Medicados no Ayurveda por Ana Carvalho
Oléos Medicados no Ayurveda por Ana CarvalhoOléos Medicados no Ayurveda por Ana Carvalho
Oléos Medicados no Ayurveda por Ana Carvalho
Michele Pó
 
Princípios Activos e Terapêuticos Ayurvédicos da Pimenta Longa
Princípios Activos e Terapêuticos Ayurvédicos da Pimenta LongaPrincípios Activos e Terapêuticos Ayurvédicos da Pimenta Longa
Princípios Activos e Terapêuticos Ayurvédicos da Pimenta Longa
Michele Pó
 
Princípios Activos e Terapêuticos Ayurvédicos do Cravinho Eugenia caryophylus...
Princípios Activos e Terapêuticos Ayurvédicos do Cravinho Eugenia caryophylus...Princípios Activos e Terapêuticos Ayurvédicos do Cravinho Eugenia caryophylus...
Princípios Activos e Terapêuticos Ayurvédicos do Cravinho Eugenia caryophylus...
Michele Pó
 
Princípios Activos e Fitoterápicos Ayurvédicos da Trigonella foenum graecum l
Princípios Activos e Fitoterápicos Ayurvédicos da Trigonella foenum graecum lPrincípios Activos e Fitoterápicos Ayurvédicos da Trigonella foenum graecum l
Princípios Activos e Fitoterápicos Ayurvédicos da Trigonella foenum graecum l
Michele Pó
 
Princípios Activos e Fitoterápicos Ayurvédicos da Ferula Assafoetida
Princípios Activos e Fitoterápicos Ayurvédicos da Ferula Assafoetida Princípios Activos e Fitoterápicos Ayurvédicos da Ferula Assafoetida
Princípios Activos e Fitoterápicos Ayurvédicos da Ferula Assafoetida
Michele Pó
 
Princípios Activos e Fitoterápicos Ayurvédicos dos Cominhos
Princípios Activos e Fitoterápicos Ayurvédicos dos CominhosPrincípios Activos e Fitoterápicos Ayurvédicos dos Cominhos
Princípios Activos e Fitoterápicos Ayurvédicos dos Cominhos
Michele Pó
 
Princípios Activos e Fitoterápicos Ayurvédicos do Cardamomo
Princípios Activos e Fitoterápicos Ayurvédicos do CardamomoPrincípios Activos e Fitoterápicos Ayurvédicos do Cardamomo
Princípios Activos e Fitoterápicos Ayurvédicos do Cardamomo
Michele Pó
 
Princípios Activos e Fitoterápicos Ayurvédicos da Canela
Princípios Activos e Fitoterápicos Ayurvédicos da Canela Princípios Activos e Fitoterápicos Ayurvédicos da Canela
Princípios Activos e Fitoterápicos Ayurvédicos da Canela
Michele Pó
 
Kayachikitsa ayurveda andreia baptista
Kayachikitsa ayurveda andreia baptistaKayachikitsa ayurveda andreia baptista
Kayachikitsa ayurveda andreia baptista
Michele Pó
 

Mais de Michele Pó (20)

Sapta Dhatus - Os Sete Tecidos no Ayurveda por Verónica Silvestre
Sapta Dhatus - Os Sete Tecidos no Ayurveda por Verónica SilvestreSapta Dhatus - Os Sete Tecidos no Ayurveda por Verónica Silvestre
Sapta Dhatus - Os Sete Tecidos no Ayurveda por Verónica Silvestre
 
Kaumara bhritya por Tânia Pires
Kaumara bhritya por Tânia PiresKaumara bhritya por Tânia Pires
Kaumara bhritya por Tânia Pires
 
Vaji karana - Medicina Reprodutiva no Ayurveda por Pedro Sequeira
Vaji karana - Medicina Reprodutiva no Ayurveda por Pedro SequeiraVaji karana - Medicina Reprodutiva no Ayurveda por Pedro Sequeira
Vaji karana - Medicina Reprodutiva no Ayurveda por Pedro Sequeira
 
Saúde da mulher por Maria Brito do Rio
Saúde da mulher por Maria Brito do RioSaúde da mulher por Maria Brito do Rio
Saúde da mulher por Maria Brito do Rio
 
Os gunas e a mente no Ayurveda por Maria Afonso
Os gunas e a mente no Ayurveda por Maria AfonsoOs gunas e a mente no Ayurveda por Maria Afonso
Os gunas e a mente no Ayurveda por Maria Afonso
 
Nadi Pariksha - Pulsologia no Ayurveda por Madalena Caeiro
Nadi Pariksha - Pulsologia no Ayurveda por Madalena CaeiroNadi Pariksha - Pulsologia no Ayurveda por Madalena Caeiro
Nadi Pariksha - Pulsologia no Ayurveda por Madalena Caeiro
 
Salakya Tantra por Joana Nascimento
Salakya Tantra por   Joana NascimentoSalakya Tantra por   Joana Nascimento
Salakya Tantra por Joana Nascimento
 
Bhuta vidya - Psiquiatria na medicina ayurvédica por Francisca Rebela
Bhuta vidya - Psiquiatria na medicina ayurvédica por Francisca RebelaBhuta vidya - Psiquiatria na medicina ayurvédica por Francisca Rebela
Bhuta vidya - Psiquiatria na medicina ayurvédica por Francisca Rebela
 
Medicina Interna por Filipa Falcão
Medicina Interna por Filipa FalcãoMedicina Interna por Filipa Falcão
Medicina Interna por Filipa Falcão
 
Rasayana - Longevidade e Revitalização Terapêutica por Elisângela Massochin
Rasayana - Longevidade e Revitalização Terapêutica por Elisângela MassochinRasayana - Longevidade e Revitalização Terapêutica por Elisângela Massochin
Rasayana - Longevidade e Revitalização Terapêutica por Elisângela Massochin
 
Toxicologia ayurvédica por Élio Lampreia
Toxicologia ayurvédica por Élio LampreiaToxicologia ayurvédica por Élio Lampreia
Toxicologia ayurvédica por Élio Lampreia
 
Oléos Medicados no Ayurveda por Ana Carvalho
Oléos Medicados no Ayurveda por Ana CarvalhoOléos Medicados no Ayurveda por Ana Carvalho
Oléos Medicados no Ayurveda por Ana Carvalho
 
Princípios Activos e Terapêuticos Ayurvédicos da Pimenta Longa
Princípios Activos e Terapêuticos Ayurvédicos da Pimenta LongaPrincípios Activos e Terapêuticos Ayurvédicos da Pimenta Longa
Princípios Activos e Terapêuticos Ayurvédicos da Pimenta Longa
 
Princípios Activos e Terapêuticos Ayurvédicos do Cravinho Eugenia caryophylus...
Princípios Activos e Terapêuticos Ayurvédicos do Cravinho Eugenia caryophylus...Princípios Activos e Terapêuticos Ayurvédicos do Cravinho Eugenia caryophylus...
Princípios Activos e Terapêuticos Ayurvédicos do Cravinho Eugenia caryophylus...
 
Princípios Activos e Fitoterápicos Ayurvédicos da Trigonella foenum graecum l
Princípios Activos e Fitoterápicos Ayurvédicos da Trigonella foenum graecum lPrincípios Activos e Fitoterápicos Ayurvédicos da Trigonella foenum graecum l
Princípios Activos e Fitoterápicos Ayurvédicos da Trigonella foenum graecum l
 
Princípios Activos e Fitoterápicos Ayurvédicos da Ferula Assafoetida
Princípios Activos e Fitoterápicos Ayurvédicos da Ferula Assafoetida Princípios Activos e Fitoterápicos Ayurvédicos da Ferula Assafoetida
Princípios Activos e Fitoterápicos Ayurvédicos da Ferula Assafoetida
 
Princípios Activos e Fitoterápicos Ayurvédicos dos Cominhos
Princípios Activos e Fitoterápicos Ayurvédicos dos CominhosPrincípios Activos e Fitoterápicos Ayurvédicos dos Cominhos
Princípios Activos e Fitoterápicos Ayurvédicos dos Cominhos
 
Princípios Activos e Fitoterápicos Ayurvédicos do Cardamomo
Princípios Activos e Fitoterápicos Ayurvédicos do CardamomoPrincípios Activos e Fitoterápicos Ayurvédicos do Cardamomo
Princípios Activos e Fitoterápicos Ayurvédicos do Cardamomo
 
Princípios Activos e Fitoterápicos Ayurvédicos da Canela
Princípios Activos e Fitoterápicos Ayurvédicos da Canela Princípios Activos e Fitoterápicos Ayurvédicos da Canela
Princípios Activos e Fitoterápicos Ayurvédicos da Canela
 
Kayachikitsa ayurveda andreia baptista
Kayachikitsa ayurveda andreia baptistaKayachikitsa ayurveda andreia baptista
Kayachikitsa ayurveda andreia baptista
 

Último

Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosasFotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
MariaJooSilva58
 
reconquista sobre a guerra de ibérica.docx
reconquista sobre a guerra de ibérica.docxreconquista sobre a guerra de ibérica.docx
reconquista sobre a guerra de ibérica.docx
felipescherner
 
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
marcos oliveira
 
Guerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibéricaGuerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibérica
felipescherner
 
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptxSlides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Matemática para Concursos - Teoria dos Conjuntos
Matemática para Concursos - Teoria dos ConjuntosMatemática para Concursos - Teoria dos Conjuntos
Matemática para Concursos - Teoria dos Conjuntos
Instituto Walter Alencar
 
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdfGeotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Falcão Brasil
 
escrita criativa utilizada na arteterapia
escrita criativa   utilizada na arteterapiaescrita criativa   utilizada na arteterapia
escrita criativa utilizada na arteterapia
shirleisousa9166
 
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UEInfografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Centro Jacques Delors
 
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdfUFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
Manuais Formação
 
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
Desafio matemático -  multiplicação e divisão.Desafio matemático -  multiplicação e divisão.
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
Mary Alvarenga
 
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdfEscola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
Falcão Brasil
 
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da TerraUma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Luiz C. da Silva
 
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
Espanhol Online
 
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsxNoite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Luzia Gabriele
 
FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24
FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24
FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24
Sandra Pratas
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
Sandra Pratas
 
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História. Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mary Alvarenga
 
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdfCaderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
shirleisousa9166
 

Último (20)

Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosasFotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
 
reconquista sobre a guerra de ibérica.docx
reconquista sobre a guerra de ibérica.docxreconquista sobre a guerra de ibérica.docx
reconquista sobre a guerra de ibérica.docx
 
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
 
Guerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibéricaGuerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibérica
 
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptxSlides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
 
Matemática para Concursos - Teoria dos Conjuntos
Matemática para Concursos - Teoria dos ConjuntosMatemática para Concursos - Teoria dos Conjuntos
Matemática para Concursos - Teoria dos Conjuntos
 
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdfGeotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
 
escrita criativa utilizada na arteterapia
escrita criativa   utilizada na arteterapiaescrita criativa   utilizada na arteterapia
escrita criativa utilizada na arteterapia
 
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UEInfografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
 
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdfUFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
 
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
Desafio matemático -  multiplicação e divisão.Desafio matemático -  multiplicação e divisão.
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
 
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdfEscola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
 
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da TerraUma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
 
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
 
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO .
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO                .FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO                .
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO .
 
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsxNoite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
 
FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24
FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24
FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
 
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História. Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
 
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdfCaderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
 

Evolução do Cinema

  • 1. O Cinema o Triunfo do sonho e do mito uma nova linguagem
  • 2. Nascido num tempo de mudanças profundas, quer a nível estético, quer a nível técnico, o cinema surgiu como sequência do aparecimento da fotografia em movimento. A ‘invenção’ do cinema é atribuída aos irmãos Lumière, que em 1894 e 1895 filmaram A Saída dos Operários de uma Fábrica e O Grande Café de Paris. O escritor André Malraux dizia que “o cinema não é senão o aspecto mais evoluído do realismo plástico que começa com o Renascimento.”
  • 3. O cinema aparece como resultado final da procura da fidelidade de representação, conseguida através do movimento, mas também de uma cada vez mais linguagem específica.
  • 4. O cinema necessitou de um suporte fotográfico transparente, flexível e resistente, que possibilitasse o acumular de quilómetros de fotogramas, que rodariam em bobinas e dariam a ilusão de movimento. E na realidade o cinema é ilusão: podemos facilmente imaginar as reacções de deslumbramento, mas também de pânico, que se registaram durante as primeiras projecções dos irmãos Lumière, no interior de salas escuras. Griffith – O Nascimento de uma Nação
  • 5. Se as primeiras imagens do cinema descrevem pequenos episódios da vida quotidiana, rapidamente se desvia para a ficção (Viagem à Lua) e para a reportagem documental, estimulado pela Primeira Guerra Mundial e por algumas grandes viagens, como a expedição de Scott ao Pólo Sul. Georges Méliès (1861-1938) foi um dos pioneiros do cinema mudo, e realizou em 1902 a primeira ficção cinematográfica:”Viagem à Lua”.
  • 6. Lillian y Dorothy Gish Mary Pickford Wallace Reid Na sua essência, e como linguagem específica, o cinema é mudo. No entanto, Edison criou o ‘sonoro’ e o cinema tornou-se indústria: afirmou-se através de códigos próprios na dicotomia arte/indústria, acompanhando durante todo o séc. XX, alguns grandes movimentos estéticos: Luis Buñuel teve a colaboração de Salvador Dalí em O Cão Andaluz ; Sergei Eisenstein esteve ao serviço da revolução soviética com obras-primas como O Couraçado de Potemkine ou Ivan, o Terrível ; Murnau, com o seu Nosferatu, Lenni Riffenstal serviu a ideologia nazi, e Vittorio de Sica fez O Ladrão de Bicicletas , que é o primeiro filme do Neo-realismo italiano.
  • 7.  
  • 8. estudios Carl Laemmle Adolph Zukor William Fox
  • 11. The surf girl, 1916 The Rounders filmes
  • 12. Charlot patina Charlot al balneari Charlot encarregat del basar
  • 14. El moderno Sherlock Holmes (1924) One week (1920)
  • 15.  
  • 16. My wonderful World of Splapstick” (1960)
  • 18. “ El mimado de la abuelita” (1922) Un tenorio tímido” (1924) “ El estudiante novato” (1925).
  • 20. Cleopatra (1934) The crusades (1935 ) The squaw man
  • 22. ( 1923 ) Greed (1920 )
  • 24. Louisiana Store(1948). Tabu, 1931 Mano of Aran 1934
  • 26. Roben de los bosques (1922) Heidi (1957)
  • 27. Fred Niblo director de Ben-Hur
  • 28. Personatge infantil Jackie Coogan Rin tin tin