SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 25
Trabalho
            de artes
              Tema:
            Cinema


Grupo: Gustavo L., Aline, Mariana e , Sunamita
                     2C26
cinema...

‽Definido como a sétima arte, o cinema é um
sistema de reprodução de imagens registradas em
filme ou digitalmente e projetadas sobre uma
tela.

‽Seu nome deriva da palavra cinematógrafo.

‽Representa uma das mais populares expressões
culturais da humanidade.
A história do cinema E seus
     antecedentes...
Jogos de sombras:                                                  5000 a.C.

‽Jogos de sombras surgiram na China, com a projeção, sobre paredes ou telas de linho,
de figuras humanas, animais ou objetos recortados e manipulados. O operador narra a
ação, quase sempre envolvendo príncipes, guerreiros e dragões.




 Câmara escura                                                      (XV)

 ‽A câmara escura, criada por Leonardo da Vinci, introduz os princípios do que viria a
 ser a projeção cinematográfica
Lanterna mágica                                                 (XVII)

‽Desenvolvida pelo alemão Athanasius Kircher, em meados do século, a lanterna
mágica era composta de uma caixa cilíndrica iluminada a vela, que projetava as
imagens desenhadas em uma lâmina de vidro.




Phantascope                                                        1789

‽O belga Étienne-Gaspard Robertson apresenta o phantascope, um aperfeiçoamento
da lanterna mágica.




Cinetoscópio                                                       1894

‽Vários inventos precedem o que seria o cinema propriamente dito, todos baseados no
fenômeno da persistência retiniana ( fração de segundo em que a imagem permanece
na retina), descoberto pelo inglês Peter Mark Roget, em 1826. Em 1891, o norte-
americano Thomas Edison cria o cinetoscópio, aparelho que permite a um único
espectador assistir à projeção de um filme num visor.
Jogos de sombras, 5000 a.C                    Câmara escura, XV




Lanterna mágica, XVII                                  Cinetoscópio, 1894
                             Phantascope , 1789
O cinema é criado em
         1895
‽ O cinema foi inventado no final do século XIX, em 1895, na França, pelos
irmãos Louis e Auguste Lumière.

‽ Já vem dos primórdios da humanidade de registrar movimentos através de
´pinturas e desenhos nas paredes.

‽Em 1890 Thomas Edison projeta o primeiro filme da história do cinema
chamado “Black Maria”. È a partir do Cinetoscópio também criado com ele
que ao ser aperfeiçoado pelos irmãos Lumière.

‽ Louis Lumière foi o primeiro cineasta a realizar documentários em curta
metragem na istória do cinema.
Cinema mudo
‽ Os primeiros momentos da evolução do cinema foram
conhecidos como “período mudo”. Pois desde o início, inventores
e produtores tentaram casar a imagem com uma som
sincronizado, mas até a década de 20 nada dera certo.

‽ Durante 30 anos os filmes eram praticamente silenciosos sendo
acompanhados muitas vezes de música ao vivo, outras vezes de
efeitos especiais e narração de diálogos escritos presentes entre
cenas.

‽ Os atores pioneiros nesta modalidade foram Charlie Chaplin,
Buston Keaton e Harold Lloyd, nem mesmo o advento do som
apagou da história este período inesquecível da trajetória do
cinema.
Cinema: anos 20

‽Com a I Guerra Mundial, assiste-se ao declínio da
produção europeia e à ascensão da norte-
americana.

‽Um grupo de produtores instala-se no povoado
de Hollywood, ao lado de Los Angeles, e nasce ali a
meca do cinema.
‽ O Nascimento de uma Nação (1915), David
Griffith
                                                      Buster Keaton- Um dos grandes e diretores
‽ Intenso desenvolvimento da comédia em torno
                                                      das comédias do cinema mudo
de nomes como Buster Keaton e Charles Chaplin.
Cinema: anos 30

Filmes:

‽Históricos e blíbicos. “ Os dez mandamentos”.

‽Gangster. “ Little Caesar”.

‽Ficção cienífica. “Drácula” e “Frankenstein”.

‽Carmen Miranda estreou no filme “ Alô,Alô
Carnaval” de 1936.
Cinema: anos 40
Segunda Guerra Mundial

‽Patriotismo e movimentos antinazistas, “Casa Blanca”, 1943
com o ator Humphrev Bogart.
‽Orson Welles lançou o filme “ Citizen Kane” e Frank
‽Capra lançou o filme “ It’s a wonderful life” ambos
estão classificados entre os melhores de todos os
tempos por suas características inovadoras.
‽Opressão a diretores acusados de propagar o
comunismo.
‽Neo-realismo na Itália, que buscava a maior
naturalidade. “ O ladrão de bicicletas”.

‽No Brasil, em 1941, é criada a Atlântida
‽Em 1949, é fundada a Companhia Vera Cruz, em São Paulo. Uma de suas estrelas é o
comediante Amácio Mazzaropi.
Cinema: anos 50

‽O início da década de 50 marcou uma enorme
reviravolta. Embora a Atlântida tenha se consagrado
 na décaa anterior como uma das mais fortes
indústrias cinematográficas do país, ainda assim
as produções eram tanto desleixadas.

‽Primeiras tentativas de filmes em 3D com
“ House of Wax” de 1953.

‽O cinema Indiano cresce.
Cinema: anos 60
‽ Na França, a nouvelle vague.
‽Jean-Luc Godard, com Acossado (1960).
‽Alain Resnais, autor de Hiroshima Mon
Amour (1959).
‽Na Itália,Michelangelo Antonioni, de A Noite
(1961),Federico Fellini, de A Doce Vida (1960), e
‽Pier Paolo Pasolini, deTeorema (1968).
‽Nos EUA, Alfred Hitchcock lança Psicose
 (1960).
‽ Diretores underground rodam filmes em 16
                                                    De repente num domingo- cena do filme François
milímetros.                                         Truffaut 1983
‽ Doutor Fantástico (1964), de Stanley Kubrick.
‽ Odisseia no Espaço (1968), que revoluciona o cinema de ficção científica.

‽No Brasil, Anselmo Duarte dirige O Pagador de Promessas (1962)
‽ Vidas Secas (1963), de Nelson Pereira dos Santos
‽ Glauber Rocha, diretor de Deus e o Diabo na Terra do Sol (1963) eTerra em
Transe (1967).
‽ José Mojica Marins roda À Meia-Noite Levarei Sua Alma (1964)
Cinema: anos 70

‽ Poderoso Chefão (1972), Franis Ford Coppola.

‽ Apocalypse Now (1979).

‽Tubarão, de Steven Spielberg.
‽Guerra nas estrelas, de George Lucas.

‽O último tango em Paris (1972), de Bernardo Bertolucci.

‽No Brasil, O trapalhão no Planalto dos Macacos (1975),
sucesso do grupo Os Trapalhões.
Cinema: anos 80

‽ Tron, uma Odisseia Eletrônica (1982), de Steven
Lisberger com sequências em computação gráfica.

‽Daunbailó (1986), de Jim Jarmusch, marca a
ascensão do cinema norte-americano.

‽O filme Eles Não Usam Black-Tie (1981),
de Leon Hirszman.

‽ Suzana Amaral filma A Hora da Estrela(1985) e a
protagonista, Marcélia Cartaxo, é eleita a melhor atriz no
Festival de Berlim.
Cinema: anos 90
‽ A Índia se destaca como a maior produtora de filmes do mundo –
apelidada de Bollywood.
‽ O neorrealismo de Abbas Kiarostami projeta o cinema iraniano
para o mundo.
‽Titanic (1997), dirigido por James Cameron.

‽ No Brasil, com a extinção da Embra-filme no governo Collor, o
cinema passa por um período crítico.

‽ Em 1998, as Organizações Globo criam a Globo Filmes. Depois
de obter o Urso de Ouro no Festival de Berlim, entre outros
prêmios, Central do Brasil, de Walter Salles, é indicado ao Oscar de
melhor filme estrangeiro de 1999, e Fernanda Montenegro, ao de
melhor atriz.
Cinema de computação
        gráfica
‽Pode ser definida como: a área da computação
destinada à geração de imagens em geral, em forma de
representação de dados e informação, ou em forma de
recriação do mundo real.

‽Nos anos 2000, é confirmada a evolução tecnológica da
indústria cinematográfica com a produção de imagens em
três dimensões.

‽No cinema é utilizada para produção de efeitos especiais,
retoques nas imagens do filme, e filmes de animação. Um
dos primeiros filmes a utilizar efeitos em pessoas e
elementos foi Exterminador do Futuro, o primeiro filme à
utilizar efeitos especiais em animais foi Jurassic Park.
Gêneros do cinema
DOCUMENTÁRIO - Em 1896 os Lumière equipam alguns fotógrafos com aparelhos cinematográficos e os
enviam para vários países, com a incumbência de trazer novas imagens e também exibir as que levam de Paris.



FICÇÃO - O grande roubo do trem, o primeiro grande clássico do cinema americano. Despontam, então, dois
grandes nomes dos primórdios do cinema: Georges Méliès e David Griffith.




  COMÉDIA - Baseada na sátira de pequenas cenas do cotidiano, a comédia americana dos anos 20 privilegia
lugares, situações e objetos que retratam a vida urbana e a “civilização das máquinas”. Destacam-se os tipos
desenvolvidos por Ben Turpin, Buster Keaton, Harold Lloyd e Charles Chaplin.



TERROR - São várias as tendências dos filmes de terror, que têm em comum o desequilíbrio e a
transgressão do real. Em 1931, Drácula e Frankenstein entram em cena.
MUSICAL - Surge em Hollywood na década de 30 e se caracteriza por roteiros musicais que
mesclam danças, cantos e músicas. O mágico de Oz um dos filmes que ganharam notoriedade.




POLICIAL - O filme policial surge na França, no começo do século, mas é nos Estados Unidos, a
partir da década de 30, que o gênero se firma. O filme noir – como os franceses o
denominaram.



ANIMAÇÃO – O surgimento desse tipo de gênero de filme surge no início do século com o
Emile Cohl. O seu auge se deu de 40 a 50 anos atrás e hoje em dia, ele não para de evoluir
devida à chegada de novas tecnologias com os computadores gráficos.
Grandes cineastas
‽George Méliès nasceu em 1861, se tornaria também, o criador do primeiro filme de
ficção científica da história, “Viagem à Lua” (de 1902).
‽Méliès filmou cerca de 500 filmes em toda sua vida), incluindo o filme “Orquestra de um
Homem Só”.
‽ Méliès morreu em 1938. Falido, sem sucesso, sem mágica.


‽Charles Spencer Chaplin nasceu em 1889, em Londres.
‽Filho de uma atriz de comédia, Lili Harley,e de um músico. Começou a vida artística aos
cinco anos de idade no teatro popular.
‽Em 1915, no filme “O Vagabundo”, lança o personagem Carlitos. Casou-se quatros
vezes, perseguido pelo macarthismo nos EUA, Chaplin foi viver em Corsier-sur-Verey, na
Suíça. Dirigiu e atuou em mais de 60 filmes, faleceu em 25 de dezembro de 1977.
‽ Pedro Almodóvar Caballero nasceu em Calzada de Calatrava no dia 24 de setembro de
1949.
‽Seu cinema, reconhecido pelo público e pela crítica, que lhe concedeu o privilégio de ser o
primeiro de seu país a concorrer ao Oscar de melhor diretor.
‽Nos seus filmes o afeto sempre conduz o espectador à compreensão dos atos das figuras
que desfilam nas telas, se baseia no procedimento comportamental de cada ser e o traduz
em versões cinematográficas.
‽ Almodóvar traduz cenicamente os movimentos da vida comum.




‽O diretor norteamericano Martin Scorsese nasceu em Nova York no dia 17 de novembro
de 1942.
‽Trabalhou como ator, produtor e roteirista.
‽Tinha descendência italiana e cresceu em Little Italy, um bairro perigoso onde conheceu
os arquétipos que criou em muitos de seus filmes.
‽Na época, a grande paixão do pequeno Scorsese era o mundo cinematográfico.
‽Havia pequenas matinées organizadas pelo cinema de seu bairro e Martin era figura
constante nas salas de exibição.
Premiações...

‽No século XX, diversos países criaram premiações para o cinema, como forma de estimular a
produção de filmes nacionais e divulgar sua cultura no exterior.

‽Algumas premiações, com o tempo, ganharam caráter e prestígio internacionais, com
destaque para o Oscar, nos Estados Unidos, e os festivais de Berlim, na Alemanha, de Cannes,
na França, e de Veneza, na Itália.
‽No Brasil, destacam-se os festivais de cinema de Gramado e de Brasília, de animação Anima
Mundi .
Festival de cinema de gramado-
            Prêmio kikito
‽Criado em 1973, teve em 2011 a 39ª edição. No fim dos anos 1990, o festival
passou por reformulações de categoria, unindo longas-metragens estrangeiros e
brasileiros em uma premiação única. Em 2001, a premiação de filmes estrangeiros
e brasileiros foi novamente separada.

‽Kikito 2011 • Longa-metragem brasileiro: Uma Longa Viagem (Lúcia Murat);
diretor: Gustavo Pizzi (Riscado).

‽ Longa-metragem estrangeiro:Medianeiras –
Buenos Aires na Era do Amor Virtual
(Gustavo Taretto).
The oscar goes to...
‽O prêmio anual é concedido pela Academia de Artes e
Ciências Cinematográficas dos Estados Unidos desde 1929.

‽A primeira edição contemplou produções dos dois anos
anteriores.

‽Atualmente, há prêmios para 24 categorias, e geralmente
são feitas até cinco indicações para cada uma.

‽A premiação para o melhor filme em língua estrangeira
teve início apenas em 1949, e,
desde então, o Brasil já concorreu com quatro filmes.
Filmes que receberam
              mais estatuetas...
‽1° lugar: 11 estatuetas (14 indicações)
Titanic (Titanic)-(1998)                       ‽6°lugar 9 estatuetas (12 indicações)
                                               O Paciente Inglês - (1997)
‽2° lugar: 11 estatuetas (12 indicações)
Ben-Hur (Ben-Hur)-(1960)                       ‽7°lugar 9 estatueta (9 indicações)
                                               Gigi (Gigi) -(1959) –
‽3° lugar 11estatuetas (11 indicações)
O Senhor dos Anéis: o Retorno do Rei- (2004)   ‽8°lugar 9 estatuetas (9 indicações)
                                               O Último Imperador -(1988)
‽4°lugar 10 estatuetas (11 indicações)
Amor, Sublime Amor (West Side Story)-          ‽9°lugar 8 estatuetas (13 indicções)
(1962)                                         A um Passo da Eternidade- (1954)

‽5°lugar 8 estatuetas (13 indicações) e        ‽10°lugar 8 estatuetas (12 indicações)
01 prêmio especial                             Sindicato de Ladrões (1955)
E o Vento Levou -(1940)
https://almanaque.abril.com.br/cultura/4e08a11bef86d8368a0000c0

http://tudibao.com.br/2010/08/generos-do-cinema.html

http://www.basegeek.com.br/2847/cinema/a-historia-da-computacao-
grafica-cg-no-cinema/#

 http://www.infoescola.com/biografias/george-melies/

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Edição e Montagem - Aulas 4 e 5
Edição e Montagem - Aulas 4 e 5Edição e Montagem - Aulas 4 e 5
Edição e Montagem - Aulas 4 e 5
Mauricio Fonteles
 
História da fotografia
História da fotografiaHistória da fotografia
História da fotografia
Tatiana Aneas
 
Evolução do Cinema
Evolução do CinemaEvolução do Cinema
Evolução do Cinema
Michele Pó
 
História do cinema blog
História do cinema blogHistória do cinema blog
História do cinema blog
Over Lane
 

Mais procurados (20)

Cinema
CinemaCinema
Cinema
 
Montagem e edição no cinema
Montagem e edição no cinemaMontagem e edição no cinema
Montagem e edição no cinema
 
Origem cinema
Origem cinemaOrigem cinema
Origem cinema
 
Edição e Montagem - Aulas 4 e 5
Edição e Montagem - Aulas 4 e 5Edição e Montagem - Aulas 4 e 5
Edição e Montagem - Aulas 4 e 5
 
História do cinema
História do cinemaHistória do cinema
História do cinema
 
História da fotografia
História da fotografiaHistória da fotografia
História da fotografia
 
AULA 2: História da Animação
AULA 2: História da AnimaçãoAULA 2: História da Animação
AULA 2: História da Animação
 
Evolução do Cinema
Evolução do CinemaEvolução do Cinema
Evolução do Cinema
 
História da Animação
História da AnimaçãoHistória da Animação
História da Animação
 
Cinema
CinemaCinema
Cinema
 
Aula 4 Griffith
Aula 4 GriffithAula 4 Griffith
Aula 4 Griffith
 
4. Montagem e continuidade
4. Montagem e continuidade4. Montagem e continuidade
4. Montagem e continuidade
 
Evolução do Cinema
Evolução do CinemaEvolução do Cinema
Evolução do Cinema
 
Breve historia-da-fotografia
 Breve historia-da-fotografia Breve historia-da-fotografia
Breve historia-da-fotografia
 
A film története
A film története A film története
A film története
 
Le cinema
Le cinemaLe cinema
Le cinema
 
Direção de Arte e Fotografia no Cinema
Direção de Arte e Fotografia no CinemaDireção de Arte e Fotografia no Cinema
Direção de Arte e Fotografia no Cinema
 
História do cinema blog
História do cinema blogHistória do cinema blog
História do cinema blog
 
3. Mise-en-scène
3. Mise-en-scène3. Mise-en-scène
3. Mise-en-scène
 
A Arte da Animação: História da Animação e Técnicas de Animação
A Arte da Animação: História da Animação e Técnicas de AnimaçãoA Arte da Animação: História da Animação e Técnicas de Animação
A Arte da Animação: História da Animação e Técnicas de Animação
 

Destaque

Slide Anos 60
Slide Anos 60Slide Anos 60
Slide Anos 60
Fernanda
 
A cultura do cinema
A cultura do cinema   A cultura do cinema
A cultura do cinema
Ana Barreiros
 

Destaque (16)

Nuno Ramos 2C26
Nuno Ramos 2C26Nuno Ramos 2C26
Nuno Ramos 2C26
 
Nuno ramos
Nuno ramosNuno ramos
Nuno ramos
 
Questão aula
Questão aulaQuestão aula
Questão aula
 
Nuno ramos
Nuno ramosNuno ramos
Nuno ramos
 
Palavra chave liberdade
Palavra chave liberdadePalavra chave liberdade
Palavra chave liberdade
 
Fordismo e Pós-Fordismo
Fordismo e Pós-FordismoFordismo e Pós-Fordismo
Fordismo e Pós-Fordismo
 
Apresentação henry ford
Apresentação henry fordApresentação henry ford
Apresentação henry ford
 
Pre-produção AV - Guiões Literários, Técnicos e Storyboard
Pre-produção AV - Guiões Literários, Técnicos e StoryboardPre-produção AV - Guiões Literários, Técnicos e Storyboard
Pre-produção AV - Guiões Literários, Técnicos e Storyboard
 
O Que é Um GuiãO
O Que é Um GuiãOO Que é Um GuiãO
O Que é Um GuiãO
 
Museu...Programa de Criança?
Museu...Programa de Criança?Museu...Programa de Criança?
Museu...Programa de Criança?
 
FORDISMO, TAYLORISMO E TOYOTISMO
FORDISMO, TAYLORISMO E TOYOTISMOFORDISMO, TAYLORISMO E TOYOTISMO
FORDISMO, TAYLORISMO E TOYOTISMO
 
Fordismo
FordismoFordismo
Fordismo
 
Fordismo E Taylorismo
Fordismo E TaylorismoFordismo E Taylorismo
Fordismo E Taylorismo
 
Taylorismo, fordismo e toyotismo 3 1
Taylorismo, fordismo e toyotismo 3 1Taylorismo, fordismo e toyotismo 3 1
Taylorismo, fordismo e toyotismo 3 1
 
Slide Anos 60
Slide Anos 60Slide Anos 60
Slide Anos 60
 
A cultura do cinema
A cultura do cinema   A cultura do cinema
A cultura do cinema
 

Semelhante a Cinema 2c16 2012

Cinema, filosofia e sociedade.pptx
Cinema, filosofia e sociedade.pptx   Cinema, filosofia e sociedade.pptx
Cinema, filosofia e sociedade.pptx
gabiimedeiros
 
Cinema ana martins8c
Cinema ana martins8cCinema ana martins8c
Cinema ana martins8c
navegananet
 
cinemamudo-150112180744-conversion-gate02.pdf
cinemamudo-150112180744-conversion-gate02.pdfcinemamudo-150112180744-conversion-gate02.pdf
cinemamudo-150112180744-conversion-gate02.pdf
WeslleyDias8
 
Fotografia cinematografica
Fotografia cinematograficaFotografia cinematografica
Fotografia cinematografica
Gleimeson Souza
 
apresentao1-ppt-121016100934-phpapp01.pdf
apresentao1-ppt-121016100934-phpapp01.pdfapresentao1-ppt-121016100934-phpapp01.pdf
apresentao1-ppt-121016100934-phpapp01.pdf
MaxLEspinosa
 
Neto a emergencia da fotografia e do cinema
Neto   a emergencia da fotografia e do cinemaNeto   a emergencia da fotografia e do cinema
Neto a emergencia da fotografia e do cinema
Pedro Pereira Neto
 
Grandes mestres do cinema
Grandes mestres do cinemaGrandes mestres do cinema
Grandes mestres do cinema
sergioborgato
 

Semelhante a Cinema 2c16 2012 (20)

Cinema, filosofia e sociedade.pptx
Cinema, filosofia e sociedade.pptx   Cinema, filosofia e sociedade.pptx
Cinema, filosofia e sociedade.pptx
 
Cinema
CinemaCinema
Cinema
 
história_cinema
história_cinemahistória_cinema
história_cinema
 
Setima arte
Setima arteSetima arte
Setima arte
 
Setima Arte
Setima ArteSetima Arte
Setima Arte
 
Cinema ana martins8c
Cinema ana martins8cCinema ana martins8c
Cinema ana martins8c
 
Trabalho artes (carina)
Trabalho artes (carina)Trabalho artes (carina)
Trabalho artes (carina)
 
A Era do Cinema mudo
A Era do Cinema mudoA Era do Cinema mudo
A Era do Cinema mudo
 
cinemamudo-150112180744-conversion-gate02.pdf
cinemamudo-150112180744-conversion-gate02.pdfcinemamudo-150112180744-conversion-gate02.pdf
cinemamudo-150112180744-conversion-gate02.pdf
 
Fotografia cinematografica
Fotografia cinematograficaFotografia cinematografica
Fotografia cinematografica
 
apresentao1-ppt-121016100934-phpapp01.pdf
apresentao1-ppt-121016100934-phpapp01.pdfapresentao1-ppt-121016100934-phpapp01.pdf
apresentao1-ppt-121016100934-phpapp01.pdf
 
A história do cinema
A história do cinemaA história do cinema
A história do cinema
 
Neto a emergencia da fotografia e do cinema
Neto   a emergencia da fotografia e do cinemaNeto   a emergencia da fotografia e do cinema
Neto a emergencia da fotografia e do cinema
 
curso de animacao 2d Senac-George Alberto
curso de animacao 2d Senac-George Albertocurso de animacao 2d Senac-George Alberto
curso de animacao 2d Senac-George Alberto
 
Seminario animacao
Seminario animacaoSeminario animacao
Seminario animacao
 
Breve história do cinema
Breve história do cinemaBreve história do cinema
Breve história do cinema
 
Cinema
CinemaCinema
Cinema
 
Cap 1 o cinema de Chris Rodrigues sob o olhar de Mérice Netto.
Cap 1 o cinema de Chris Rodrigues sob o olhar de Mérice Netto.Cap 1 o cinema de Chris Rodrigues sob o olhar de Mérice Netto.
Cap 1 o cinema de Chris Rodrigues sob o olhar de Mérice Netto.
 
Trabalho de au
Trabalho de auTrabalho de au
Trabalho de au
 
Grandes mestres do cinema
Grandes mestres do cinemaGrandes mestres do cinema
Grandes mestres do cinema
 

Mais de www.historiadasartes.com

Mais de www.historiadasartes.com (20)

Releitura Fotográfica com Brinquedos
Releitura Fotográfica com BrinquedosReleitura Fotográfica com Brinquedos
Releitura Fotográfica com Brinquedos
 
Picasso super heroes
Picasso super heroesPicasso super heroes
Picasso super heroes
 
2c26 Impressionismo e Museu D'Orsay, Paris, França 2012
2c26 Impressionismo e Museu D'Orsay, Paris, França 20122c26 Impressionismo e Museu D'Orsay, Paris, França 2012
2c26 Impressionismo e Museu D'Orsay, Paris, França 2012
 
2c26 Expressionismo e Museu Van Gogh, Holanda 2012
2c26 Expressionismo e Museu Van Gogh, Holanda 20122c26 Expressionismo e Museu Van Gogh, Holanda 2012
2c26 Expressionismo e Museu Van Gogh, Holanda 2012
 
2c16 Realismo e Museu Hermitage, São Petersburgo, Rússia 2012
2c16 Realismo e Museu Hermitage, São Petersburgo, Rússia 20122c16 Realismo e Museu Hermitage, São Petersburgo, Rússia 2012
2c16 Realismo e Museu Hermitage, São Petersburgo, Rússia 2012
 
2c16 Impressionismo e Museu D'Orsay, Paris, França 2012
2c16 Impressionismo e Museu D'Orsay, Paris, França 20122c16 Impressionismo e Museu D'Orsay, Paris, França 2012
2c16 Impressionismo e Museu D'Orsay, Paris, França 2012
 
2c15 Impressionismo e Museu D'Orsay, Paris, França 2012
2c15 Impressionismo e Museu D'Orsay, Paris, França 20122c15 Impressionismo e Museu D'Orsay, Paris, França 2012
2c15 Impressionismo e Museu D'Orsay, Paris, França 2012
 
2c14 Expressionismo e Museu Van Gogh, Holanda 2012
2c14 Expressionismo e Museu Van Gogh, Holanda 20122c14 Expressionismo e Museu Van Gogh, Holanda 2012
2c14 Expressionismo e Museu Van Gogh, Holanda 2012
 
Realismo e Museu Hermitage, São Petersburgo, na Rússia, Turma 2c12
Realismo e Museu Hermitage, São Petersburgo, na Rússia, Turma 2c12Realismo e Museu Hermitage, São Petersburgo, na Rússia, Turma 2c12
Realismo e Museu Hermitage, São Petersburgo, na Rússia, Turma 2c12
 
2C26 Arte Gótica e British Museum 2012
2C26 Arte Gótica e British Museum 20122C26 Arte Gótica e British Museum 2012
2C26 Arte Gótica e British Museum 2012
 
2C16 Renascimento e Galeria de Uffizi, Itália 2012
2C16 Renascimento e Galeria de Uffizi, Itália 20122C16 Renascimento e Galeria de Uffizi, Itália 2012
2C16 Renascimento e Galeria de Uffizi, Itália 2012
 
2C16 Arte Gótica e British Museum 2012
2C16 Arte Gótica e British Museum 20122C16 Arte Gótica e British Museum 2012
2C16 Arte Gótica e British Museum 2012
 
2C16 Arte Barroca e Museu do Prado 2012
2C16 Arte Barroca e Museu do Prado 20122C16 Arte Barroca e Museu do Prado 2012
2C16 Arte Barroca e Museu do Prado 2012
 
2C15 Arte Romana e Museu do Louvre 2012
2C15 Arte Romana e Museu do Louvre 20122C15 Arte Romana e Museu do Louvre 2012
2C15 Arte Romana e Museu do Louvre 2012
 
2C14 Romantismo e National Gallery of Art of Washington 2012
2C14 Romantismo e National Gallery of Art of Washington 20122C14 Romantismo e National Gallery of Art of Washington 2012
2C14 Romantismo e National Gallery of Art of Washington 2012
 
Fotografia no Masp 2012
Fotografia no Masp 2012Fotografia no Masp 2012
Fotografia no Masp 2012
 
Introdução a Arte
Introdução a ArteIntrodução a Arte
Introdução a Arte
 
Análise Estética
Análise EstéticaAnálise Estética
Análise Estética
 
2c26 Arte Egito e Museu do Cairo 2012
2c26 Arte Egito e Museu do Cairo 20122c26 Arte Egito e Museu do Cairo 2012
2c26 Arte Egito e Museu do Cairo 2012
 
2c26 Arte Românica e National Gallery of London 2012
2c26 Arte Românica e National Gallery of London 20122c26 Arte Românica e National Gallery of London 2012
2c26 Arte Românica e National Gallery of London 2012
 

Último

Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdfManual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
Pastor Robson Colaço
 
O Reizinho Autista.pdf - livro maravilhoso
O Reizinho Autista.pdf - livro maravilhosoO Reizinho Autista.pdf - livro maravilhoso
O Reizinho Autista.pdf - livro maravilhoso
VALMIRARIBEIRO1
 
PPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 final
PPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 finalPPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 final
PPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 final
carlaOliveira438
 
clubinho-bio-2.pdf vacinas saúde importância
clubinho-bio-2.pdf vacinas saúde importânciaclubinho-bio-2.pdf vacinas saúde importância
clubinho-bio-2.pdf vacinas saúde importância
LuanaAlves940822
 
AS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdf
AS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdfAS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdf
AS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdf
ssuserbb4ac2
 

Último (20)

Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdfManual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
 
Memórias_póstumas_de_Brás_Cubas_ Machado_de_Assis
Memórias_póstumas_de_Brás_Cubas_ Machado_de_AssisMemórias_póstumas_de_Brás_Cubas_ Machado_de_Assis
Memórias_póstumas_de_Brás_Cubas_ Machado_de_Assis
 
O Reizinho Autista.pdf - livro maravilhoso
O Reizinho Autista.pdf - livro maravilhosoO Reizinho Autista.pdf - livro maravilhoso
O Reizinho Autista.pdf - livro maravilhoso
 
Planejamento 2024 - 1º ano - Matemática 38 a 62.pdf
Planejamento 2024 - 1º ano - Matemática  38 a 62.pdfPlanejamento 2024 - 1º ano - Matemática  38 a 62.pdf
Planejamento 2024 - 1º ano - Matemática 38 a 62.pdf
 
Aula 5 - Fluxo de matéria e energia nos ecossistemas.ppt
Aula 5 - Fluxo de matéria e energia nos ecossistemas.pptAula 5 - Fluxo de matéria e energia nos ecossistemas.ppt
Aula 5 - Fluxo de matéria e energia nos ecossistemas.ppt
 
Slides Lição 8, Betel, Ordenança para confessar os pecados e perdoar as ofens...
Slides Lição 8, Betel, Ordenança para confessar os pecados e perdoar as ofens...Slides Lição 8, Betel, Ordenança para confessar os pecados e perdoar as ofens...
Slides Lição 8, Betel, Ordenança para confessar os pecados e perdoar as ofens...
 
Enunciado_da_Avaliacao_1__Sociedade_Cultura_e_Contemporaneidade_(ED70200).pdf
Enunciado_da_Avaliacao_1__Sociedade_Cultura_e_Contemporaneidade_(ED70200).pdfEnunciado_da_Avaliacao_1__Sociedade_Cultura_e_Contemporaneidade_(ED70200).pdf
Enunciado_da_Avaliacao_1__Sociedade_Cultura_e_Contemporaneidade_(ED70200).pdf
 
PPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 final
PPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 finalPPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 final
PPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 final
 
clubinho-bio-2.pdf vacinas saúde importância
clubinho-bio-2.pdf vacinas saúde importânciaclubinho-bio-2.pdf vacinas saúde importância
clubinho-bio-2.pdf vacinas saúde importância
 
análise obra Nós matamos o cão Tinhoso.pdf
análise obra Nós matamos o cão Tinhoso.pdfanálise obra Nós matamos o cão Tinhoso.pdf
análise obra Nós matamos o cão Tinhoso.pdf
 
Produção de poemas - Reciclar é preciso
Produção  de  poemas  -  Reciclar é precisoProdução  de  poemas  -  Reciclar é preciso
Produção de poemas - Reciclar é preciso
 
Enunciado_da_Avaliacao_1__Direito_e_Legislacao_Social_(IL60174).pdf
Enunciado_da_Avaliacao_1__Direito_e_Legislacao_Social_(IL60174).pdfEnunciado_da_Avaliacao_1__Direito_e_Legislacao_Social_(IL60174).pdf
Enunciado_da_Avaliacao_1__Direito_e_Legislacao_Social_(IL60174).pdf
 
Nós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos Animais
Nós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos AnimaisNós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos Animais
Nós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos Animais
 
Campanha 18 de. Maio laranja dds.pptx
Campanha 18 de.    Maio laranja dds.pptxCampanha 18 de.    Maio laranja dds.pptx
Campanha 18 de. Maio laranja dds.pptx
 
Diálogo Crátilo de Platão sócrates daspdf
Diálogo Crátilo de Platão sócrates daspdfDiálogo Crátilo de Platão sócrates daspdf
Diálogo Crátilo de Platão sócrates daspdf
 
Enunciado_da_Avaliacao_1__Sistemas_de_Informacoes_Gerenciais_(IL60106).pdf
Enunciado_da_Avaliacao_1__Sistemas_de_Informacoes_Gerenciais_(IL60106).pdfEnunciado_da_Avaliacao_1__Sistemas_de_Informacoes_Gerenciais_(IL60106).pdf
Enunciado_da_Avaliacao_1__Sistemas_de_Informacoes_Gerenciais_(IL60106).pdf
 
Apresentação sobre as etapas do desenvolvimento infantil
Apresentação sobre as etapas do desenvolvimento infantilApresentação sobre as etapas do desenvolvimento infantil
Apresentação sobre as etapas do desenvolvimento infantil
 
AS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdf
AS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdfAS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdf
AS COLUNAS B E J E SUAS POSICOES CONFORME O RITO.pdf
 
Slides Lição 9, CPAD, Resistindo à Tentação no Caminho, 2Tr24.pptx
Slides Lição 9, CPAD, Resistindo à Tentação no Caminho, 2Tr24.pptxSlides Lição 9, CPAD, Resistindo à Tentação no Caminho, 2Tr24.pptx
Slides Lição 9, CPAD, Resistindo à Tentação no Caminho, 2Tr24.pptx
 
Exercícios de Clima no brasil e no mundo.pdf
Exercícios de Clima no brasil e no mundo.pdfExercícios de Clima no brasil e no mundo.pdf
Exercícios de Clima no brasil e no mundo.pdf
 

Cinema 2c16 2012

  • 1. Trabalho de artes Tema: Cinema Grupo: Gustavo L., Aline, Mariana e , Sunamita 2C26
  • 2. cinema... ‽Definido como a sétima arte, o cinema é um sistema de reprodução de imagens registradas em filme ou digitalmente e projetadas sobre uma tela. ‽Seu nome deriva da palavra cinematógrafo. ‽Representa uma das mais populares expressões culturais da humanidade.
  • 3. A história do cinema E seus antecedentes... Jogos de sombras: 5000 a.C. ‽Jogos de sombras surgiram na China, com a projeção, sobre paredes ou telas de linho, de figuras humanas, animais ou objetos recortados e manipulados. O operador narra a ação, quase sempre envolvendo príncipes, guerreiros e dragões. Câmara escura (XV) ‽A câmara escura, criada por Leonardo da Vinci, introduz os princípios do que viria a ser a projeção cinematográfica
  • 4. Lanterna mágica (XVII) ‽Desenvolvida pelo alemão Athanasius Kircher, em meados do século, a lanterna mágica era composta de uma caixa cilíndrica iluminada a vela, que projetava as imagens desenhadas em uma lâmina de vidro. Phantascope 1789 ‽O belga Étienne-Gaspard Robertson apresenta o phantascope, um aperfeiçoamento da lanterna mágica. Cinetoscópio 1894 ‽Vários inventos precedem o que seria o cinema propriamente dito, todos baseados no fenômeno da persistência retiniana ( fração de segundo em que a imagem permanece na retina), descoberto pelo inglês Peter Mark Roget, em 1826. Em 1891, o norte- americano Thomas Edison cria o cinetoscópio, aparelho que permite a um único espectador assistir à projeção de um filme num visor.
  • 5. Jogos de sombras, 5000 a.C Câmara escura, XV Lanterna mágica, XVII Cinetoscópio, 1894 Phantascope , 1789
  • 6. O cinema é criado em 1895 ‽ O cinema foi inventado no final do século XIX, em 1895, na França, pelos irmãos Louis e Auguste Lumière. ‽ Já vem dos primórdios da humanidade de registrar movimentos através de ´pinturas e desenhos nas paredes. ‽Em 1890 Thomas Edison projeta o primeiro filme da história do cinema chamado “Black Maria”. È a partir do Cinetoscópio também criado com ele que ao ser aperfeiçoado pelos irmãos Lumière. ‽ Louis Lumière foi o primeiro cineasta a realizar documentários em curta metragem na istória do cinema.
  • 7. Cinema mudo ‽ Os primeiros momentos da evolução do cinema foram conhecidos como “período mudo”. Pois desde o início, inventores e produtores tentaram casar a imagem com uma som sincronizado, mas até a década de 20 nada dera certo. ‽ Durante 30 anos os filmes eram praticamente silenciosos sendo acompanhados muitas vezes de música ao vivo, outras vezes de efeitos especiais e narração de diálogos escritos presentes entre cenas. ‽ Os atores pioneiros nesta modalidade foram Charlie Chaplin, Buston Keaton e Harold Lloyd, nem mesmo o advento do som apagou da história este período inesquecível da trajetória do cinema.
  • 8. Cinema: anos 20 ‽Com a I Guerra Mundial, assiste-se ao declínio da produção europeia e à ascensão da norte- americana. ‽Um grupo de produtores instala-se no povoado de Hollywood, ao lado de Los Angeles, e nasce ali a meca do cinema. ‽ O Nascimento de uma Nação (1915), David Griffith Buster Keaton- Um dos grandes e diretores ‽ Intenso desenvolvimento da comédia em torno das comédias do cinema mudo de nomes como Buster Keaton e Charles Chaplin.
  • 9. Cinema: anos 30 Filmes: ‽Históricos e blíbicos. “ Os dez mandamentos”. ‽Gangster. “ Little Caesar”. ‽Ficção cienífica. “Drácula” e “Frankenstein”. ‽Carmen Miranda estreou no filme “ Alô,Alô Carnaval” de 1936.
  • 10. Cinema: anos 40 Segunda Guerra Mundial ‽Patriotismo e movimentos antinazistas, “Casa Blanca”, 1943 com o ator Humphrev Bogart. ‽Orson Welles lançou o filme “ Citizen Kane” e Frank ‽Capra lançou o filme “ It’s a wonderful life” ambos estão classificados entre os melhores de todos os tempos por suas características inovadoras. ‽Opressão a diretores acusados de propagar o comunismo. ‽Neo-realismo na Itália, que buscava a maior naturalidade. “ O ladrão de bicicletas”. ‽No Brasil, em 1941, é criada a Atlântida ‽Em 1949, é fundada a Companhia Vera Cruz, em São Paulo. Uma de suas estrelas é o comediante Amácio Mazzaropi.
  • 11. Cinema: anos 50 ‽O início da década de 50 marcou uma enorme reviravolta. Embora a Atlântida tenha se consagrado na décaa anterior como uma das mais fortes indústrias cinematográficas do país, ainda assim as produções eram tanto desleixadas. ‽Primeiras tentativas de filmes em 3D com “ House of Wax” de 1953. ‽O cinema Indiano cresce.
  • 12. Cinema: anos 60 ‽ Na França, a nouvelle vague. ‽Jean-Luc Godard, com Acossado (1960). ‽Alain Resnais, autor de Hiroshima Mon Amour (1959). ‽Na Itália,Michelangelo Antonioni, de A Noite (1961),Federico Fellini, de A Doce Vida (1960), e ‽Pier Paolo Pasolini, deTeorema (1968). ‽Nos EUA, Alfred Hitchcock lança Psicose (1960). ‽ Diretores underground rodam filmes em 16 De repente num domingo- cena do filme François milímetros. Truffaut 1983 ‽ Doutor Fantástico (1964), de Stanley Kubrick. ‽ Odisseia no Espaço (1968), que revoluciona o cinema de ficção científica. ‽No Brasil, Anselmo Duarte dirige O Pagador de Promessas (1962) ‽ Vidas Secas (1963), de Nelson Pereira dos Santos ‽ Glauber Rocha, diretor de Deus e o Diabo na Terra do Sol (1963) eTerra em Transe (1967). ‽ José Mojica Marins roda À Meia-Noite Levarei Sua Alma (1964)
  • 13. Cinema: anos 70 ‽ Poderoso Chefão (1972), Franis Ford Coppola. ‽ Apocalypse Now (1979). ‽Tubarão, de Steven Spielberg. ‽Guerra nas estrelas, de George Lucas. ‽O último tango em Paris (1972), de Bernardo Bertolucci. ‽No Brasil, O trapalhão no Planalto dos Macacos (1975), sucesso do grupo Os Trapalhões.
  • 14. Cinema: anos 80 ‽ Tron, uma Odisseia Eletrônica (1982), de Steven Lisberger com sequências em computação gráfica. ‽Daunbailó (1986), de Jim Jarmusch, marca a ascensão do cinema norte-americano. ‽O filme Eles Não Usam Black-Tie (1981), de Leon Hirszman. ‽ Suzana Amaral filma A Hora da Estrela(1985) e a protagonista, Marcélia Cartaxo, é eleita a melhor atriz no Festival de Berlim.
  • 15. Cinema: anos 90 ‽ A Índia se destaca como a maior produtora de filmes do mundo – apelidada de Bollywood. ‽ O neorrealismo de Abbas Kiarostami projeta o cinema iraniano para o mundo. ‽Titanic (1997), dirigido por James Cameron. ‽ No Brasil, com a extinção da Embra-filme no governo Collor, o cinema passa por um período crítico. ‽ Em 1998, as Organizações Globo criam a Globo Filmes. Depois de obter o Urso de Ouro no Festival de Berlim, entre outros prêmios, Central do Brasil, de Walter Salles, é indicado ao Oscar de melhor filme estrangeiro de 1999, e Fernanda Montenegro, ao de melhor atriz.
  • 16. Cinema de computação gráfica ‽Pode ser definida como: a área da computação destinada à geração de imagens em geral, em forma de representação de dados e informação, ou em forma de recriação do mundo real. ‽Nos anos 2000, é confirmada a evolução tecnológica da indústria cinematográfica com a produção de imagens em três dimensões. ‽No cinema é utilizada para produção de efeitos especiais, retoques nas imagens do filme, e filmes de animação. Um dos primeiros filmes a utilizar efeitos em pessoas e elementos foi Exterminador do Futuro, o primeiro filme à utilizar efeitos especiais em animais foi Jurassic Park.
  • 17. Gêneros do cinema DOCUMENTÁRIO - Em 1896 os Lumière equipam alguns fotógrafos com aparelhos cinematográficos e os enviam para vários países, com a incumbência de trazer novas imagens e também exibir as que levam de Paris. FICÇÃO - O grande roubo do trem, o primeiro grande clássico do cinema americano. Despontam, então, dois grandes nomes dos primórdios do cinema: Georges Méliès e David Griffith. COMÉDIA - Baseada na sátira de pequenas cenas do cotidiano, a comédia americana dos anos 20 privilegia lugares, situações e objetos que retratam a vida urbana e a “civilização das máquinas”. Destacam-se os tipos desenvolvidos por Ben Turpin, Buster Keaton, Harold Lloyd e Charles Chaplin. TERROR - São várias as tendências dos filmes de terror, que têm em comum o desequilíbrio e a transgressão do real. Em 1931, Drácula e Frankenstein entram em cena.
  • 18. MUSICAL - Surge em Hollywood na década de 30 e se caracteriza por roteiros musicais que mesclam danças, cantos e músicas. O mágico de Oz um dos filmes que ganharam notoriedade. POLICIAL - O filme policial surge na França, no começo do século, mas é nos Estados Unidos, a partir da década de 30, que o gênero se firma. O filme noir – como os franceses o denominaram. ANIMAÇÃO – O surgimento desse tipo de gênero de filme surge no início do século com o Emile Cohl. O seu auge se deu de 40 a 50 anos atrás e hoje em dia, ele não para de evoluir devida à chegada de novas tecnologias com os computadores gráficos.
  • 19. Grandes cineastas ‽George Méliès nasceu em 1861, se tornaria também, o criador do primeiro filme de ficção científica da história, “Viagem à Lua” (de 1902). ‽Méliès filmou cerca de 500 filmes em toda sua vida), incluindo o filme “Orquestra de um Homem Só”. ‽ Méliès morreu em 1938. Falido, sem sucesso, sem mágica. ‽Charles Spencer Chaplin nasceu em 1889, em Londres. ‽Filho de uma atriz de comédia, Lili Harley,e de um músico. Começou a vida artística aos cinco anos de idade no teatro popular. ‽Em 1915, no filme “O Vagabundo”, lança o personagem Carlitos. Casou-se quatros vezes, perseguido pelo macarthismo nos EUA, Chaplin foi viver em Corsier-sur-Verey, na Suíça. Dirigiu e atuou em mais de 60 filmes, faleceu em 25 de dezembro de 1977.
  • 20. ‽ Pedro Almodóvar Caballero nasceu em Calzada de Calatrava no dia 24 de setembro de 1949. ‽Seu cinema, reconhecido pelo público e pela crítica, que lhe concedeu o privilégio de ser o primeiro de seu país a concorrer ao Oscar de melhor diretor. ‽Nos seus filmes o afeto sempre conduz o espectador à compreensão dos atos das figuras que desfilam nas telas, se baseia no procedimento comportamental de cada ser e o traduz em versões cinematográficas. ‽ Almodóvar traduz cenicamente os movimentos da vida comum. ‽O diretor norteamericano Martin Scorsese nasceu em Nova York no dia 17 de novembro de 1942. ‽Trabalhou como ator, produtor e roteirista. ‽Tinha descendência italiana e cresceu em Little Italy, um bairro perigoso onde conheceu os arquétipos que criou em muitos de seus filmes. ‽Na época, a grande paixão do pequeno Scorsese era o mundo cinematográfico. ‽Havia pequenas matinées organizadas pelo cinema de seu bairro e Martin era figura constante nas salas de exibição.
  • 21. Premiações... ‽No século XX, diversos países criaram premiações para o cinema, como forma de estimular a produção de filmes nacionais e divulgar sua cultura no exterior. ‽Algumas premiações, com o tempo, ganharam caráter e prestígio internacionais, com destaque para o Oscar, nos Estados Unidos, e os festivais de Berlim, na Alemanha, de Cannes, na França, e de Veneza, na Itália. ‽No Brasil, destacam-se os festivais de cinema de Gramado e de Brasília, de animação Anima Mundi .
  • 22. Festival de cinema de gramado- Prêmio kikito ‽Criado em 1973, teve em 2011 a 39ª edição. No fim dos anos 1990, o festival passou por reformulações de categoria, unindo longas-metragens estrangeiros e brasileiros em uma premiação única. Em 2001, a premiação de filmes estrangeiros e brasileiros foi novamente separada. ‽Kikito 2011 • Longa-metragem brasileiro: Uma Longa Viagem (Lúcia Murat); diretor: Gustavo Pizzi (Riscado). ‽ Longa-metragem estrangeiro:Medianeiras – Buenos Aires na Era do Amor Virtual (Gustavo Taretto).
  • 23. The oscar goes to... ‽O prêmio anual é concedido pela Academia de Artes e Ciências Cinematográficas dos Estados Unidos desde 1929. ‽A primeira edição contemplou produções dos dois anos anteriores. ‽Atualmente, há prêmios para 24 categorias, e geralmente são feitas até cinco indicações para cada uma. ‽A premiação para o melhor filme em língua estrangeira teve início apenas em 1949, e, desde então, o Brasil já concorreu com quatro filmes.
  • 24. Filmes que receberam mais estatuetas... ‽1° lugar: 11 estatuetas (14 indicações) Titanic (Titanic)-(1998) ‽6°lugar 9 estatuetas (12 indicações) O Paciente Inglês - (1997) ‽2° lugar: 11 estatuetas (12 indicações) Ben-Hur (Ben-Hur)-(1960) ‽7°lugar 9 estatueta (9 indicações) Gigi (Gigi) -(1959) – ‽3° lugar 11estatuetas (11 indicações) O Senhor dos Anéis: o Retorno do Rei- (2004) ‽8°lugar 9 estatuetas (9 indicações) O Último Imperador -(1988) ‽4°lugar 10 estatuetas (11 indicações) Amor, Sublime Amor (West Side Story)- ‽9°lugar 8 estatuetas (13 indicções) (1962) A um Passo da Eternidade- (1954) ‽5°lugar 8 estatuetas (13 indicações) e ‽10°lugar 8 estatuetas (12 indicações) 01 prêmio especial Sindicato de Ladrões (1955) E o Vento Levou -(1940)