SlideShare uma empresa Scribd logo
CONJUNÇÕES
    COORDENATIVAS
          CONJUNÇÃO É A PALAVRA QUE:
       MORFOLOGICAMENTE É INVARIÁVEL;
SINTATICAMENTE RELACIONA ORAÇÕES OU TERMOS
           DE IGUAL VALOR SINTÁTICO;
   SEMANTICAMENTE É CAPAZ DE ESTABELECER
     RELAÇÕES LÓGICAS ENTRE AS ORAÇÕES.
ADITIVA (RELAÇÃO DE SOMA)
• Ligam dois termos ou   • A praça continuava
  duas orações,            ensolarada e havia
  expressando idéia de     babás com crianças.
  adição, soma ou        • O médico não só
  acréscimo: e, nem (e     examinou o cliente,
  não), mas ainda, mas     mas ainda
  também, e como           prescreveu-lhe uma
  também (empregadas       dieta.
  depois de não só),
  etc.
ADVERSATIVAS (RELAÇÃO DE
 OPOSIÇÃO, DE CONTRASTE)
• ESTABELECEM UMA      • MARIANA REVIROU
  RELAÇÃO DE             TODAS AS GAVETAS,
  OPOSIÇÃO,              PORÉM NÃO
  CONTRASTE OU           ENCONTROU NADA.
  SENTIDO ADVERSO      • AMO; NO ENTANTO,
  ENTRE DOIS TERMOS      NÃO SOU
  OU DUAS ORAÇÕES:       CORRESPONDIDA.
  MAS, PORÉM,          • O SAPATO SERVIU-LHE
  CONTUDO, TODAVIA,      COM PERFEIÇÃO,
  SENÃO, ENTRETANTO,     CONTUDO A CLIENTE
  NO ENTANTO, NÃO        NÃO FICOU
  OBSTANTE, E (COM       SATISFEITA.
  VALOR DE MAS).
ALTERNATIVAS (RELAÇÃO DE ALTERNÂNCIA,
          DE EXCLUSÃO, DE ESCOLHA)
•    LIGAM PALAVRAS OU        •   A CRIANÇA ORA AGITAVA-
     ORAÇÕES,                     SE NO BERÇO, ORA
     ESTABELECENDO ENTRE          ADORMECIA FEBRIL.
     ELAS UMA RELAÇÃO DE      •   FICARÃO JUNTOS, QUER A
     ALTERNÂNCIA, ESCOLHA,        A VIAGEM SEJA DE ÔNIBUS,
     OPÇÃO OU EXCLUSÃO: OU,       QUER SEJA DE AVIÃO.
     OU ...OU, ORA...ORA,     •   OU VOCÊ ESTUDA, OU
     QUER... QUER, JÁ...JÁ,       NADA ENTENDERÁ.
     SEJA...SEJA,
                              •   NÃO SEI SE CASO OU SE
                                  COMPRO UMA BICICLETA.
CONCLUSIVAS (CONCLUSÃO A PARTIR DO
   QUE SE AFIRMA NA OUTRA ORAÇÃO)
• INICIAM ORAÇÕES QUE    • NÃO GUARDOU
  EXPRESSAM UMA            NENHUMA ECONOMIA,
  CONCLUSÃO OU UMA         LOGO VIVE DE
  IDÉIA CONSEQÜENTE        FAVORES.
  DO QUE SE DISSE        • A CHUVA CAÍRA
  ANTERIORMENTE:           MANSA DURANTE
  LOGO, PORTANTO,          DIAS; ACABARA, POIS,
  ASSIM, POR ISSO, POR     A SECA.
  CONSEGUINTE, POIS      • EU ESTUDEI MUITO,
  (POSPOSTO AO             PORTANTO ESTOU
  VERBO), ETC.             PREPARADO PARA A
                           PROVA.
EXPLICATIVAS (EXPLICAÇÃO PARA O QUE SE
       AFIRMA NA OUTRA ORAÇÃO)
• OCORRE QUANDO A                • OS HÓSPEDES
  SEGUNDA ORAÇÃO DÁ UMA            FICARAM
  EXPLICAÇÃO SOBRE O
  MOTIVO OU A RAZÃO DO
                                   SATISFEITOS, POIS
  QUE SE AFIRMOU NA                FORAM BEM
  PRIMEIRA: QUE (=PORQUE),         ATENDIDOS.
  POIS (ANTEPOSTO AO             • NÃO INSISTA, QUE ELE
  VERBO), PORQUE,
  PORQUANTO.                       NÃO IRÁ AO
OBS.: Geralmente, o verbo da       ENCONTRO.
  primeira oração está no modo   • SAIA, PORQUE O
  imperativo.                      PROFESSOR ESTÁ
                                   PEDINDO.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Pronomes Relativos.
Pronomes Relativos.Pronomes Relativos.
Pronomes Relativos.
EstudareLegal
 
Orações Subordinadas Adverbiais
Orações Subordinadas AdverbiaisOrações Subordinadas Adverbiais
Orações Subordinadas Adverbiais
Fábio Guimarães
 
Orações Coordenadas Assindéticas e Sindéticas
Orações Coordenadas Assindéticas e SindéticasOrações Coordenadas Assindéticas e Sindéticas
Orações Coordenadas Assindéticas e Sindéticas
Caroline Capellari
 
Concordancia verbal-slide-adriana
Concordancia verbal-slide-adrianaConcordancia verbal-slide-adriana
Concordancia verbal-slide-adriana
Lucilene Barcelos
 
Apresentação Adverbios
Apresentação AdverbiosApresentação Adverbios
Apresentação Adverbios
Leisiane Jesus
 
Crase
CraseCrase
Revisão sintaxe
Revisão   sintaxeRevisão   sintaxe
Revisão sintaxe
Leonardo Monteiro
 
Figura de linguagem conotativo x denotativo
Figura de linguagem conotativo x denotativoFigura de linguagem conotativo x denotativo
Figura de linguagem conotativo x denotativo
Juliana Oliveira
 
Uso dos porquês
Uso dos porquêsUso dos porquês
Uso dos porquês
Sabrina Paiva
 
Período composto por coordenação
Período composto por coordenaçãoPeríodo composto por coordenação
Período composto por coordenação
Carolina Loçasso Pereira
 
Período Composto por Coordenação e Subordinação
Período Composto por Coordenação e SubordinaçãoPeríodo Composto por Coordenação e Subordinação
Período Composto por Coordenação e Subordinação
Joyce de Oliveira
 
Concordancia verbal e nominal
Concordancia verbal e nominalConcordancia verbal e nominal
Concordancia verbal e nominal
Rebeca Kaus
 
Adjunto Adnominal
Adjunto AdnominalAdjunto Adnominal
Adjunto Adnominal
Aliffer Murillo Laguna
 
Aposto e vocativo
Aposto e vocativoAposto e vocativo
Aposto e vocativo
Cynthia Funchal
 
ColocaçãO Pronominal
ColocaçãO PronominalColocaçãO Pronominal
ColocaçãO Pronominal
guest0cbfe
 
Flexão de Grau dos Adjetivos
Flexão de Grau dos AdjetivosFlexão de Grau dos Adjetivos
Flexão de Grau dos Adjetivos
aninhalm
 
Semântica
SemânticaSemântica
Semântica
Cláudia Heloísa
 
Encontros vocálicos
Encontros vocálicosEncontros vocálicos
Encontros vocálicos
Graziela Pimentel
 
VariaçãO LinguíStica
VariaçãO LinguíSticaVariaçãO LinguíStica
VariaçãO LinguíStica
Elza Silveira
 
Regência nominal e verbal
Regência nominal e verbalRegência nominal e verbal
Regência nominal e verbal
Sadrak Silva
 

Mais procurados (20)

Pronomes Relativos.
Pronomes Relativos.Pronomes Relativos.
Pronomes Relativos.
 
Orações Subordinadas Adverbiais
Orações Subordinadas AdverbiaisOrações Subordinadas Adverbiais
Orações Subordinadas Adverbiais
 
Orações Coordenadas Assindéticas e Sindéticas
Orações Coordenadas Assindéticas e SindéticasOrações Coordenadas Assindéticas e Sindéticas
Orações Coordenadas Assindéticas e Sindéticas
 
Concordancia verbal-slide-adriana
Concordancia verbal-slide-adrianaConcordancia verbal-slide-adriana
Concordancia verbal-slide-adriana
 
Apresentação Adverbios
Apresentação AdverbiosApresentação Adverbios
Apresentação Adverbios
 
Crase
CraseCrase
Crase
 
Revisão sintaxe
Revisão   sintaxeRevisão   sintaxe
Revisão sintaxe
 
Figura de linguagem conotativo x denotativo
Figura de linguagem conotativo x denotativoFigura de linguagem conotativo x denotativo
Figura de linguagem conotativo x denotativo
 
Uso dos porquês
Uso dos porquêsUso dos porquês
Uso dos porquês
 
Período composto por coordenação
Período composto por coordenaçãoPeríodo composto por coordenação
Período composto por coordenação
 
Período Composto por Coordenação e Subordinação
Período Composto por Coordenação e SubordinaçãoPeríodo Composto por Coordenação e Subordinação
Período Composto por Coordenação e Subordinação
 
Concordancia verbal e nominal
Concordancia verbal e nominalConcordancia verbal e nominal
Concordancia verbal e nominal
 
Adjunto Adnominal
Adjunto AdnominalAdjunto Adnominal
Adjunto Adnominal
 
Aposto e vocativo
Aposto e vocativoAposto e vocativo
Aposto e vocativo
 
ColocaçãO Pronominal
ColocaçãO PronominalColocaçãO Pronominal
ColocaçãO Pronominal
 
Flexão de Grau dos Adjetivos
Flexão de Grau dos AdjetivosFlexão de Grau dos Adjetivos
Flexão de Grau dos Adjetivos
 
Semântica
SemânticaSemântica
Semântica
 
Encontros vocálicos
Encontros vocálicosEncontros vocálicos
Encontros vocálicos
 
VariaçãO LinguíStica
VariaçãO LinguíSticaVariaçãO LinguíStica
VariaçãO LinguíStica
 
Regência nominal e verbal
Regência nominal e verbalRegência nominal e verbal
Regência nominal e verbal
 

Destaque

Conjunções Coordenativas
Conjunções CoordenativasConjunções Coordenativas
Conjunções Coordenativas
Polly
 
Conjunções
ConjunçõesConjunções
Conjunções
guest6e3949
 
Conjunções coordenativas e subordinativas
Conjunções coordenativas e subordinativasConjunções coordenativas e subordinativas
Conjunções coordenativas e subordinativas
Lidiane Rodrigues
 
Conjunções
ConjunçõesConjunções
Conjunções
nixsonmachado
 
Conjunções e locuções conjuncionais (orações)
Conjunções e locuções conjuncionais (orações) Conjunções e locuções conjuncionais (orações)
Conjunções e locuções conjuncionais (orações)
Pework
 
Oracoes Coordenadas
Oracoes CoordenadasOracoes Coordenadas
Oracoes Coordenadas
guest7174ad
 
Dez erros comuns de Português
Dez erros comuns de PortuguêsDez erros comuns de Português
Dez erros comuns de Português
Tracto Content Marketing
 
100 erros de Português
100 erros de Português100 erros de Português
100 erros de Português
Paulo Cabral
 
Conjunções
ConjunçõesConjunções
Conjunções
Ronan Gomes
 
Textualidade (erros grosseiros cometidos na língua portuguesa)
Textualidade (erros grosseiros cometidos na língua portuguesa)Textualidade (erros grosseiros cometidos na língua portuguesa)
Textualidade (erros grosseiros cometidos na língua portuguesa)
Katielly Vila Verde
 
A evolução dos computadores
A evolução dos computadoresA evolução dos computadores
A evolução dos computadores
Florise Abreu Seabra
 
ConjunçõEs E LocuçõEs Conjuncionais
ConjunçõEs E LocuçõEs ConjuncionaisConjunçõEs E LocuçõEs Conjuncionais
ConjunçõEs E LocuçõEs Conjuncionais
Rosalina Simão Nunes
 
Gêneros textuais – notícia, hq, cartum
Gêneros textuais – notícia, hq, cartumGêneros textuais – notícia, hq, cartum
Gêneros textuais – notícia, hq, cartum
Maria das Dores Justo
 
Frase oracao-periodo blog
Frase oracao-periodo blogFrase oracao-periodo blog
Frase oracao-periodo blog
Jaqueline Segalla
 
G. Literários
G. LiteráriosG. Literários
G. Literários
Roberta Savana
 
Classes de palavras - Conjunção
Classes de palavras - ConjunçãoClasses de palavras - Conjunção
Classes de palavras - Conjunção
Arthur Wenderson
 
USO DA CRASE
USO DA CRASEUSO DA CRASE
USO DA CRASE
claudianavegante
 
Exercícios processos de formação de palavras I
Exercícios processos de formação de palavras IExercícios processos de formação de palavras I
Exercícios processos de formação de palavras I
ProfFernandaBraga
 
Classes de palavras abertas e fechadas
Classes de palavras abertas e fechadasClasses de palavras abertas e fechadas
Classes de palavras abertas e fechadas
Teresa Rocha
 
Novela
NovelaNovela
Novela
Blairvll
 

Destaque (20)

Conjunções Coordenativas
Conjunções CoordenativasConjunções Coordenativas
Conjunções Coordenativas
 
Conjunções
ConjunçõesConjunções
Conjunções
 
Conjunções coordenativas e subordinativas
Conjunções coordenativas e subordinativasConjunções coordenativas e subordinativas
Conjunções coordenativas e subordinativas
 
Conjunções
ConjunçõesConjunções
Conjunções
 
Conjunções e locuções conjuncionais (orações)
Conjunções e locuções conjuncionais (orações) Conjunções e locuções conjuncionais (orações)
Conjunções e locuções conjuncionais (orações)
 
Oracoes Coordenadas
Oracoes CoordenadasOracoes Coordenadas
Oracoes Coordenadas
 
Dez erros comuns de Português
Dez erros comuns de PortuguêsDez erros comuns de Português
Dez erros comuns de Português
 
100 erros de Português
100 erros de Português100 erros de Português
100 erros de Português
 
Conjunções
ConjunçõesConjunções
Conjunções
 
Textualidade (erros grosseiros cometidos na língua portuguesa)
Textualidade (erros grosseiros cometidos na língua portuguesa)Textualidade (erros grosseiros cometidos na língua portuguesa)
Textualidade (erros grosseiros cometidos na língua portuguesa)
 
A evolução dos computadores
A evolução dos computadoresA evolução dos computadores
A evolução dos computadores
 
ConjunçõEs E LocuçõEs Conjuncionais
ConjunçõEs E LocuçõEs ConjuncionaisConjunçõEs E LocuçõEs Conjuncionais
ConjunçõEs E LocuçõEs Conjuncionais
 
Gêneros textuais – notícia, hq, cartum
Gêneros textuais – notícia, hq, cartumGêneros textuais – notícia, hq, cartum
Gêneros textuais – notícia, hq, cartum
 
Frase oracao-periodo blog
Frase oracao-periodo blogFrase oracao-periodo blog
Frase oracao-periodo blog
 
G. Literários
G. LiteráriosG. Literários
G. Literários
 
Classes de palavras - Conjunção
Classes de palavras - ConjunçãoClasses de palavras - Conjunção
Classes de palavras - Conjunção
 
USO DA CRASE
USO DA CRASEUSO DA CRASE
USO DA CRASE
 
Exercícios processos de formação de palavras I
Exercícios processos de formação de palavras IExercícios processos de formação de palavras I
Exercícios processos de formação de palavras I
 
Classes de palavras abertas e fechadas
Classes de palavras abertas e fechadasClasses de palavras abertas e fechadas
Classes de palavras abertas e fechadas
 
Novela
NovelaNovela
Novela
 

Mais de Blog Estudo

Dissertacao portais baucavalo
Dissertacao portais baucavaloDissertacao portais baucavalo
Dissertacao portais baucavalo
Blog Estudo
 
Modernismo Brasileiro (1ª fase)
Modernismo Brasileiro (1ª fase)Modernismo Brasileiro (1ª fase)
Modernismo Brasileiro (1ª fase)
Blog Estudo
 
Modernismo em Portugal
Modernismo em PortugalModernismo em Portugal
Modernismo em Portugal
Blog Estudo
 
Pré-Modernismo no Brasil
Pré-Modernismo no BrasilPré-Modernismo no Brasil
Pré-Modernismo no Brasil
Blog Estudo
 
Concordância Verbal
Concordância VerbalConcordância Verbal
Concordância Verbal
Blog Estudo
 
Concordância Nominal
Concordância NominalConcordância Nominal
Concordância Nominal
Blog Estudo
 
Advérbios e preposições
Advérbios e preposiçõesAdvérbios e preposições
Advérbios e preposições
Blog Estudo
 
Orações Subordinadas Adverbiais
Orações Subordinadas AdverbiaisOrações Subordinadas Adverbiais
Orações Subordinadas Adverbiais
Blog Estudo
 
Português orações subordinadas adjetivas
Português   orações subordinadas adjetivasPortuguês   orações subordinadas adjetivas
Português orações subordinadas adjetivas
Blog Estudo
 
Orações Subordinadas Substantivas
Orações Subordinadas SubstantivasOrações Subordinadas Substantivas
Orações Subordinadas Substantivas
Blog Estudo
 

Mais de Blog Estudo (10)

Dissertacao portais baucavalo
Dissertacao portais baucavaloDissertacao portais baucavalo
Dissertacao portais baucavalo
 
Modernismo Brasileiro (1ª fase)
Modernismo Brasileiro (1ª fase)Modernismo Brasileiro (1ª fase)
Modernismo Brasileiro (1ª fase)
 
Modernismo em Portugal
Modernismo em PortugalModernismo em Portugal
Modernismo em Portugal
 
Pré-Modernismo no Brasil
Pré-Modernismo no BrasilPré-Modernismo no Brasil
Pré-Modernismo no Brasil
 
Concordância Verbal
Concordância VerbalConcordância Verbal
Concordância Verbal
 
Concordância Nominal
Concordância NominalConcordância Nominal
Concordância Nominal
 
Advérbios e preposições
Advérbios e preposiçõesAdvérbios e preposições
Advérbios e preposições
 
Orações Subordinadas Adverbiais
Orações Subordinadas AdverbiaisOrações Subordinadas Adverbiais
Orações Subordinadas Adverbiais
 
Português orações subordinadas adjetivas
Português   orações subordinadas adjetivasPortuguês   orações subordinadas adjetivas
Português orações subordinadas adjetivas
 
Orações Subordinadas Substantivas
Orações Subordinadas SubstantivasOrações Subordinadas Substantivas
Orações Subordinadas Substantivas
 

Conjunções coordenativas

  • 1. CONJUNÇÕES COORDENATIVAS CONJUNÇÃO É A PALAVRA QUE: MORFOLOGICAMENTE É INVARIÁVEL; SINTATICAMENTE RELACIONA ORAÇÕES OU TERMOS DE IGUAL VALOR SINTÁTICO; SEMANTICAMENTE É CAPAZ DE ESTABELECER RELAÇÕES LÓGICAS ENTRE AS ORAÇÕES.
  • 2. ADITIVA (RELAÇÃO DE SOMA) • Ligam dois termos ou • A praça continuava duas orações, ensolarada e havia expressando idéia de babás com crianças. adição, soma ou • O médico não só acréscimo: e, nem (e examinou o cliente, não), mas ainda, mas mas ainda também, e como prescreveu-lhe uma também (empregadas dieta. depois de não só), etc.
  • 3. ADVERSATIVAS (RELAÇÃO DE OPOSIÇÃO, DE CONTRASTE) • ESTABELECEM UMA • MARIANA REVIROU RELAÇÃO DE TODAS AS GAVETAS, OPOSIÇÃO, PORÉM NÃO CONTRASTE OU ENCONTROU NADA. SENTIDO ADVERSO • AMO; NO ENTANTO, ENTRE DOIS TERMOS NÃO SOU OU DUAS ORAÇÕES: CORRESPONDIDA. MAS, PORÉM, • O SAPATO SERVIU-LHE CONTUDO, TODAVIA, COM PERFEIÇÃO, SENÃO, ENTRETANTO, CONTUDO A CLIENTE NO ENTANTO, NÃO NÃO FICOU OBSTANTE, E (COM SATISFEITA. VALOR DE MAS).
  • 4. ALTERNATIVAS (RELAÇÃO DE ALTERNÂNCIA, DE EXCLUSÃO, DE ESCOLHA) • LIGAM PALAVRAS OU • A CRIANÇA ORA AGITAVA- ORAÇÕES, SE NO BERÇO, ORA ESTABELECENDO ENTRE ADORMECIA FEBRIL. ELAS UMA RELAÇÃO DE • FICARÃO JUNTOS, QUER A ALTERNÂNCIA, ESCOLHA, A VIAGEM SEJA DE ÔNIBUS, OPÇÃO OU EXCLUSÃO: OU, QUER SEJA DE AVIÃO. OU ...OU, ORA...ORA, • OU VOCÊ ESTUDA, OU QUER... QUER, JÁ...JÁ, NADA ENTENDERÁ. SEJA...SEJA, • NÃO SEI SE CASO OU SE COMPRO UMA BICICLETA.
  • 5. CONCLUSIVAS (CONCLUSÃO A PARTIR DO QUE SE AFIRMA NA OUTRA ORAÇÃO) • INICIAM ORAÇÕES QUE • NÃO GUARDOU EXPRESSAM UMA NENHUMA ECONOMIA, CONCLUSÃO OU UMA LOGO VIVE DE IDÉIA CONSEQÜENTE FAVORES. DO QUE SE DISSE • A CHUVA CAÍRA ANTERIORMENTE: MANSA DURANTE LOGO, PORTANTO, DIAS; ACABARA, POIS, ASSIM, POR ISSO, POR A SECA. CONSEGUINTE, POIS • EU ESTUDEI MUITO, (POSPOSTO AO PORTANTO ESTOU VERBO), ETC. PREPARADO PARA A PROVA.
  • 6. EXPLICATIVAS (EXPLICAÇÃO PARA O QUE SE AFIRMA NA OUTRA ORAÇÃO) • OCORRE QUANDO A • OS HÓSPEDES SEGUNDA ORAÇÃO DÁ UMA FICARAM EXPLICAÇÃO SOBRE O MOTIVO OU A RAZÃO DO SATISFEITOS, POIS QUE SE AFIRMOU NA FORAM BEM PRIMEIRA: QUE (=PORQUE), ATENDIDOS. POIS (ANTEPOSTO AO • NÃO INSISTA, QUE ELE VERBO), PORQUE, PORQUANTO. NÃO IRÁ AO OBS.: Geralmente, o verbo da ENCONTRO. primeira oração está no modo • SAIA, PORQUE O imperativo. PROFESSOR ESTÁ PEDINDO.