SlideShare uma empresa Scribd logo
COMUNICAÇÃO ALTERNATIVA  F.ppt- pranchas
COMUNICAÇÃO ALTERNATIVA  F.ppt- pranchas
TEA E DESAFIOS E OS
DESAFIOS DA COMUNICAÇÃO
FONOAUDIÓLOGOS
PROFESSORES
devido ao seu papel na
comunicação humana.
03 / 19
Os sons são produzidos:
pulmões, laringe, cavidade
bucal, lábios, palato e
cavidade nasal Ainda, do
ponto de vista fisiológico
possui fases já conhecidas de desenvolvimento
linguagem
A linguagem depende do
desenvolvimento de áreas cerebrais
progressivas pela comunicação verbal
A comunicação um dos principais
déficits característico do TEA
COMUNICAÇÃO
PRINCIPAIS
ABORDAR O USO DA COMUNICAÇÃO ALTERNATIVA EM
CRIANÇAS COM AUTISMO, APRESENTANDO O SURGIMENTO
DO USO DO PECS NO BRASIL E SUAS VARIAÇÕES, COMO O
PECS-ADAPTADO (WALTER, 2000).
AUTISMO E AS DIFICULDADES DE COMUNICAÇÃO
Em 1943, o psiquiatra americano
Leo Kanner separou, pela
primeira vez, um conjunto de
comportamentos
aparentemente característicos e
que algumas das crianças que
investigava manifestavam. Esse
conjunto de comportamentos,
assim como as perturbações
que lhes dava origem, tornou-se
conhecido como a Síndrome do
Autismo, nome que mostrava e
afirmava o lado mais
característico das suas maneiras
de estar.
COMUNICAÇÃO ALTERNATIVA  F.ppt- pranchas
COMUNICAÇÃO ALTERNATIVA  F.ppt- pranchas
COMUNICAÇÃO ALTERNATIVA  F.ppt- pranchas
COMUNICAÇÃO ALTERNATIVA  F.ppt- pranchas
COMUNICAÇÃO ALTERNATIVA  F.ppt- pranchas
De acordo com AASSOCIAÇÃOAMERICANA
DEPSICOLOGIA(2003),
Autismo é um transtor no global do
desenvolvimento(TGD),tambémconhecidocomo
transtorno do espectro autista (TEA),
principalmente na literatura internacional,
caracterizado por dificuldades na interação
social e na comunicação verbal e não- verbal e
por comportamentos e interesses bastante
restritos e repetitivos, o que é conhecido como a
tríade de prejuízos
Existem vários sistemas de diagnósticos
para a classificação do autismo. Os
maiscomunssão:aClassificaçãoInternacion
aldeDoençasdaOrganizaçãoMundial de
Saúde, ou o CID-10, e o Manual de
Diagnóstico e Estatístico deDoenças
Mentais da Academia Americana de
Psiquiatria, ou DSM- V (versão atual). No
Reino Unido, também é utilizado o CHAT
(Checklist de Autismo em Bebês,
desenvolvido por Baron- Cohen, Allen e
Gilberg), que é uma escala de investigação
de autismo aos 18 meses deidade.
COMUNICAÇÃO ALTERNATIVA  F.ppt- pranchas
COMUNICAÇÃO ALTERNATIVA  F.ppt- pranchas
COMUNICAÇÃO ALTERNATIVA  F.ppt- pranchas
COMUNICAÇÃO ALTERNATIVA  F.ppt- pranchas
COMUNICAÇÃO ALTERNATIVA  F.ppt- pranchas
COMUNICAÇÃO ALTERNATIVA  F.ppt- pranchas
COMUNICAÇÃO ALTERNATIVA  F.ppt- pranchas
COMUNICAÇÃO ALTERNATIVA  F.ppt- pranchas
COMUNICAÇÃO ALTERNATIVA  F.ppt- pranchas
COMUNICAÇÃO ALTERNATIVA  F.ppt- pranchas
COMUNICAÇÃO ALTERNATIVA  F.ppt- pranchas
COMUNICAÇÃO ALTERNATIVA  F.ppt- pranchas
COMUNICAÇÃO ALTERNATIVA  F.ppt- pranchas
COMUNICAÇÃO ALTERNATIVA  F.ppt- pranchas
COMUNICAÇÃO ALTERNATIVA  F.ppt- pranchas
COMUNICAÇÃO ALTERNATIVA  F.ppt- pranchas
COMUNICAÇÃO ALTERNATIVA  F.ppt- pranchas
COMUNICAÇÃO ALTERNATIVA  F.ppt- pranchas
COMUNICAÇÃO ALTERNATIVA  F.ppt- pranchas

Mais conteúdo relacionado

Semelhante a COMUNICAÇÃO ALTERNATIVA F.ppt- pranchas

Introdução à Psicologia - Robert Feldman Linguagem e Inteligência.pdf
Introdução à Psicologia - Robert Feldman Linguagem e Inteligência.pdfIntrodução à Psicologia - Robert Feldman Linguagem e Inteligência.pdf
Introdução à Psicologia - Robert Feldman Linguagem e Inteligência.pdf
NauendieleAlencar
 
Parte1 - O que é linguística? Ivani Viotti
Parte1 - O que é linguística? Ivani ViottiParte1 - O que é linguística? Ivani Viotti
Parte1 - O que é linguística? Ivani Viotti
Mariana Correia
 
Desenvolvimento da linguagem
Desenvolvimento da linguagemDesenvolvimento da linguagem
Desenvolvimento da linguagem
Fabricio Batistoni
 
Linguagem características gerais
Linguagem   características geraisLinguagem   características gerais
Linguagem características gerais
Gisele Cortoni Calia
 
Ppt dos sons às palavras
Ppt dos sons às palavrasPpt dos sons às palavras
Ppt dos sons às palavras
ascotas
 
Deficiência Auditiva
Deficiência AuditivaDeficiência Auditiva
Deficiência Auditiva
Christian Venzon
 
Ppt dos sons às palavras
Ppt dos sons às palavrasPpt dos sons às palavras
Ppt dos sons às palavras
ascotas
 
Ppt dos sons às palavras
Ppt dos sons às palavrasPpt dos sons às palavras
Ppt dos sons às palavras
ascotas
 
Modulo II final .pdf
Modulo II final .pdfModulo II final .pdf
Modulo II final .pdf
iranmedeirossouza
 
O desenvolvimento da linguagem e principais sinais de alerta: a importância d...
O desenvolvimento da linguagem e principais sinais de alerta: a importância d...O desenvolvimento da linguagem e principais sinais de alerta: a importância d...
O desenvolvimento da linguagem e principais sinais de alerta: a importância d...
Ana Catarina Baptista
 
aspectos_teoricos__linguisticos_da_libras.ppt
aspectos_teoricos__linguisticos_da_libras.pptaspectos_teoricos__linguisticos_da_libras.ppt
aspectos_teoricos__linguisticos_da_libras.ppt
profzacviana
 
Faculdade Evangélica do Meio Norte-FAEME
Faculdade Evangélica do Meio Norte-FAEMEFaculdade Evangélica do Meio Norte-FAEME
Faculdade Evangélica do Meio Norte-FAEME
UFMA e UEMA
 
Fissura Labiopalatina
Fissura LabiopalatinaFissura Labiopalatina
Fissura Labiopalatina
hyguer
 
Ah ubm izabel 2
Ah ubm izabel 2Ah ubm izabel 2
Ah ubm izabel 2
Prof. Noe Assunção
 
FENEIS: FUNDAÇÃO E PRIMEIROS ANOS
FENEIS: FUNDAÇÃO E PRIMEIROS ANOSFENEIS: FUNDAÇÃO E PRIMEIROS ANOS
FENEIS: FUNDAÇÃO E PRIMEIROS ANOS
EDITORA ARARA AZUL
 
Parte 1 linguística geral apresentação
Parte 1   linguística geral apresentaçãoParte 1   linguística geral apresentação
Parte 1 linguística geral apresentação
Mariana Correia
 
Aquisiçao e desenvolvimento da linguagem dificuldades que podem surgir ness...
Aquisiçao e desenvolvimento da linguagem   dificuldades que podem surgir ness...Aquisiçao e desenvolvimento da linguagem   dificuldades que podem surgir ness...
Aquisiçao e desenvolvimento da linguagem dificuldades que podem surgir ness...
Darlyane Barros
 
Autismo
AutismoAutismo
Autismo
lidia76
 
Projeto.exemplo de elaboracao monografia
Projeto.exemplo de elaboracao monografiaProjeto.exemplo de elaboracao monografia
Projeto.exemplo de elaboracao monografia
Jorge Menezes
 
Deficiência Auditiva Aspectos Gerais Históricos Educacionais Linguísticos
Deficiência Auditiva Aspectos Gerais Históricos Educacionais LinguísticosDeficiência Auditiva Aspectos Gerais Históricos Educacionais Linguísticos
Deficiência Auditiva Aspectos Gerais Históricos Educacionais Linguísticos
Universidade Estadual de Londrina - UEL
 

Semelhante a COMUNICAÇÃO ALTERNATIVA F.ppt- pranchas (20)

Introdução à Psicologia - Robert Feldman Linguagem e Inteligência.pdf
Introdução à Psicologia - Robert Feldman Linguagem e Inteligência.pdfIntrodução à Psicologia - Robert Feldman Linguagem e Inteligência.pdf
Introdução à Psicologia - Robert Feldman Linguagem e Inteligência.pdf
 
Parte1 - O que é linguística? Ivani Viotti
Parte1 - O que é linguística? Ivani ViottiParte1 - O que é linguística? Ivani Viotti
Parte1 - O que é linguística? Ivani Viotti
 
Desenvolvimento da linguagem
Desenvolvimento da linguagemDesenvolvimento da linguagem
Desenvolvimento da linguagem
 
Linguagem características gerais
Linguagem   características geraisLinguagem   características gerais
Linguagem características gerais
 
Ppt dos sons às palavras
Ppt dos sons às palavrasPpt dos sons às palavras
Ppt dos sons às palavras
 
Deficiência Auditiva
Deficiência AuditivaDeficiência Auditiva
Deficiência Auditiva
 
Ppt dos sons às palavras
Ppt dos sons às palavrasPpt dos sons às palavras
Ppt dos sons às palavras
 
Ppt dos sons às palavras
Ppt dos sons às palavrasPpt dos sons às palavras
Ppt dos sons às palavras
 
Modulo II final .pdf
Modulo II final .pdfModulo II final .pdf
Modulo II final .pdf
 
O desenvolvimento da linguagem e principais sinais de alerta: a importância d...
O desenvolvimento da linguagem e principais sinais de alerta: a importância d...O desenvolvimento da linguagem e principais sinais de alerta: a importância d...
O desenvolvimento da linguagem e principais sinais de alerta: a importância d...
 
aspectos_teoricos__linguisticos_da_libras.ppt
aspectos_teoricos__linguisticos_da_libras.pptaspectos_teoricos__linguisticos_da_libras.ppt
aspectos_teoricos__linguisticos_da_libras.ppt
 
Faculdade Evangélica do Meio Norte-FAEME
Faculdade Evangélica do Meio Norte-FAEMEFaculdade Evangélica do Meio Norte-FAEME
Faculdade Evangélica do Meio Norte-FAEME
 
Fissura Labiopalatina
Fissura LabiopalatinaFissura Labiopalatina
Fissura Labiopalatina
 
Ah ubm izabel 2
Ah ubm izabel 2Ah ubm izabel 2
Ah ubm izabel 2
 
FENEIS: FUNDAÇÃO E PRIMEIROS ANOS
FENEIS: FUNDAÇÃO E PRIMEIROS ANOSFENEIS: FUNDAÇÃO E PRIMEIROS ANOS
FENEIS: FUNDAÇÃO E PRIMEIROS ANOS
 
Parte 1 linguística geral apresentação
Parte 1   linguística geral apresentaçãoParte 1   linguística geral apresentação
Parte 1 linguística geral apresentação
 
Aquisiçao e desenvolvimento da linguagem dificuldades que podem surgir ness...
Aquisiçao e desenvolvimento da linguagem   dificuldades que podem surgir ness...Aquisiçao e desenvolvimento da linguagem   dificuldades que podem surgir ness...
Aquisiçao e desenvolvimento da linguagem dificuldades que podem surgir ness...
 
Autismo
AutismoAutismo
Autismo
 
Projeto.exemplo de elaboracao monografia
Projeto.exemplo de elaboracao monografiaProjeto.exemplo de elaboracao monografia
Projeto.exemplo de elaboracao monografia
 
Deficiência Auditiva Aspectos Gerais Históricos Educacionais Linguísticos
Deficiência Auditiva Aspectos Gerais Históricos Educacionais LinguísticosDeficiência Auditiva Aspectos Gerais Históricos Educacionais Linguísticos
Deficiência Auditiva Aspectos Gerais Históricos Educacionais Linguísticos
 

Mais de DouglasVasconcelosMa

BENEFÍCIOS DA NEUROPSICOPEDAGOGIA educacional
BENEFÍCIOS DA NEUROPSICOPEDAGOGIA educacionalBENEFÍCIOS DA NEUROPSICOPEDAGOGIA educacional
BENEFÍCIOS DA NEUROPSICOPEDAGOGIA educacional
DouglasVasconcelosMa
 
DEPENDENCIA AFETIVA- emocional e apego a outro
DEPENDENCIA AFETIVA-  emocional  e apego a outroDEPENDENCIA AFETIVA-  emocional  e apego a outro
DEPENDENCIA AFETIVA- emocional e apego a outro
DouglasVasconcelosMa
 
COMO ESTRUTURAR A AVALIAÇÃO psicopedagogica
COMO ESTRUTURAR A AVALIAÇÃO psicopedagogicaCOMO ESTRUTURAR A AVALIAÇÃO psicopedagogica
COMO ESTRUTURAR A AVALIAÇÃO psicopedagogica
DouglasVasconcelosMa
 
SOCIO EMOCIONAL- listagem da verificação
SOCIO EMOCIONAL- listagem da verificaçãoSOCIO EMOCIONAL- listagem da verificação
SOCIO EMOCIONAL- listagem da verificação
DouglasVasconcelosMa
 
MODELO Resumo esquemático de Relatório escolar
MODELO Resumo esquemático de Relatório escolarMODELO Resumo esquemático de Relatório escolar
MODELO Resumo esquemático de Relatório escolar
DouglasVasconcelosMa
 
INTRODUÇÃO À NEUROPSICOPEDA - escolar e clinica
INTRODUÇÃO À NEUROPSICOPEDA  - escolar e clinicaINTRODUÇÃO À NEUROPSICOPEDA  - escolar e clinica
INTRODUÇÃO À NEUROPSICOPEDA - escolar e clinica
DouglasVasconcelosMa
 
Psicopedagogia, introodução, o que é como seguir
Psicopedagogia, introodução, o que é como seguirPsicopedagogia, introodução, o que é como seguir
Psicopedagogia, introodução, o que é como seguir
DouglasVasconcelosMa
 
educação especia, tea el autismo educare.pdf
educação especia, tea el autismo educare.pdfeducação especia, tea el autismo educare.pdf
educação especia, tea el autismo educare.pdf
DouglasVasconcelosMa
 
INTRODUÇÃO À NEUROPSICOPEDAGOGIA - leitura
INTRODUÇÃO À NEUROPSICOPEDAGOGIA  - leituraINTRODUÇÃO À NEUROPSICOPEDAGOGIA  - leitura
INTRODUÇÃO À NEUROPSICOPEDAGOGIA - leitura
DouglasVasconcelosMa
 
FUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - material
FUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - materialFUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - material
FUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - material
DouglasVasconcelosMa
 
CAA-PECS - Comunicação Alternativa - baici e alto custo
CAA-PECS - Comunicação Alternativa - baici e alto custoCAA-PECS - Comunicação Alternativa - baici e alto custo
CAA-PECS - Comunicação Alternativa - baici e alto custo
DouglasVasconcelosMa
 
o modelo DIRFloortime usado no desenvolvimento de crianças com autismo (1).pptx
o modelo DIRFloortime usado no desenvolvimento de crianças com autismo (1).pptxo modelo DIRFloortime usado no desenvolvimento de crianças com autismo (1).pptx
o modelo DIRFloortime usado no desenvolvimento de crianças com autismo (1).pptx
DouglasVasconcelosMa
 
Aperfeiçoamento . Alfabetização e Letramento DI
Aperfeiçoamento . Alfabetização e Letramento DIAperfeiçoamento . Alfabetização e Letramento DI
Aperfeiçoamento . Alfabetização e Letramento DI
DouglasVasconcelosMa
 
HTPF : PAUTA FORMATIVA: PROJETO LEITURA.
HTPF : PAUTA FORMATIVA: PROJETO LEITURA.HTPF : PAUTA FORMATIVA: PROJETO LEITURA.
HTPF : PAUTA FORMATIVA: PROJETO LEITURA.
DouglasVasconcelosMa
 
SLIDE APRESENTAÇÃO TCC :O ATENDIMENTO EDUCACIONAL ESPECIALIZADO NO PROCESSO E...
SLIDE APRESENTAÇÃO TCC :O ATENDIMENTO EDUCACIONAL ESPECIALIZADO NO PROCESSO E...SLIDE APRESENTAÇÃO TCC :O ATENDIMENTO EDUCACIONAL ESPECIALIZADO NO PROCESSO E...
SLIDE APRESENTAÇÃO TCC :O ATENDIMENTO EDUCACIONAL ESPECIALIZADO NO PROCESSO E...
DouglasVasconcelosMa
 
Projeto leitura HTPC abril - FORMAÇÃP SOBRE O PROJETO
Projeto leitura HTPC abril - FORMAÇÃP SOBRE O PROJETOProjeto leitura HTPC abril - FORMAÇÃP SOBRE O PROJETO
Projeto leitura HTPC abril - FORMAÇÃP SOBRE O PROJETO
DouglasVasconcelosMa
 
Língua Portuguesa - 4º bimestre - Ficha técnica e Dígrafos.docx
Língua Portuguesa - 4º bimestre - Ficha técnica e Dígrafos.docxLíngua Portuguesa - 4º bimestre - Ficha técnica e Dígrafos.docx
Língua Portuguesa - 4º bimestre - Ficha técnica e Dígrafos.docx
DouglasVasconcelosMa
 
CRONOGRAMA: AÇÕES DO PROJETO ESTAÇÃO LEITURA
CRONOGRAMA: AÇÕES DO PROJETO ESTAÇÃO LEITURACRONOGRAMA: AÇÕES DO PROJETO ESTAÇÃO LEITURA
CRONOGRAMA: AÇÕES DO PROJETO ESTAÇÃO LEITURA
DouglasVasconcelosMa
 

Mais de DouglasVasconcelosMa (18)

BENEFÍCIOS DA NEUROPSICOPEDAGOGIA educacional
BENEFÍCIOS DA NEUROPSICOPEDAGOGIA educacionalBENEFÍCIOS DA NEUROPSICOPEDAGOGIA educacional
BENEFÍCIOS DA NEUROPSICOPEDAGOGIA educacional
 
DEPENDENCIA AFETIVA- emocional e apego a outro
DEPENDENCIA AFETIVA-  emocional  e apego a outroDEPENDENCIA AFETIVA-  emocional  e apego a outro
DEPENDENCIA AFETIVA- emocional e apego a outro
 
COMO ESTRUTURAR A AVALIAÇÃO psicopedagogica
COMO ESTRUTURAR A AVALIAÇÃO psicopedagogicaCOMO ESTRUTURAR A AVALIAÇÃO psicopedagogica
COMO ESTRUTURAR A AVALIAÇÃO psicopedagogica
 
SOCIO EMOCIONAL- listagem da verificação
SOCIO EMOCIONAL- listagem da verificaçãoSOCIO EMOCIONAL- listagem da verificação
SOCIO EMOCIONAL- listagem da verificação
 
MODELO Resumo esquemático de Relatório escolar
MODELO Resumo esquemático de Relatório escolarMODELO Resumo esquemático de Relatório escolar
MODELO Resumo esquemático de Relatório escolar
 
INTRODUÇÃO À NEUROPSICOPEDA - escolar e clinica
INTRODUÇÃO À NEUROPSICOPEDA  - escolar e clinicaINTRODUÇÃO À NEUROPSICOPEDA  - escolar e clinica
INTRODUÇÃO À NEUROPSICOPEDA - escolar e clinica
 
Psicopedagogia, introodução, o que é como seguir
Psicopedagogia, introodução, o que é como seguirPsicopedagogia, introodução, o que é como seguir
Psicopedagogia, introodução, o que é como seguir
 
educação especia, tea el autismo educare.pdf
educação especia, tea el autismo educare.pdfeducação especia, tea el autismo educare.pdf
educação especia, tea el autismo educare.pdf
 
INTRODUÇÃO À NEUROPSICOPEDAGOGIA - leitura
INTRODUÇÃO À NEUROPSICOPEDAGOGIA  - leituraINTRODUÇÃO À NEUROPSICOPEDAGOGIA  - leitura
INTRODUÇÃO À NEUROPSICOPEDAGOGIA - leitura
 
FUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - material
FUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - materialFUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - material
FUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - material
 
CAA-PECS - Comunicação Alternativa - baici e alto custo
CAA-PECS - Comunicação Alternativa - baici e alto custoCAA-PECS - Comunicação Alternativa - baici e alto custo
CAA-PECS - Comunicação Alternativa - baici e alto custo
 
o modelo DIRFloortime usado no desenvolvimento de crianças com autismo (1).pptx
o modelo DIRFloortime usado no desenvolvimento de crianças com autismo (1).pptxo modelo DIRFloortime usado no desenvolvimento de crianças com autismo (1).pptx
o modelo DIRFloortime usado no desenvolvimento de crianças com autismo (1).pptx
 
Aperfeiçoamento . Alfabetização e Letramento DI
Aperfeiçoamento . Alfabetização e Letramento DIAperfeiçoamento . Alfabetização e Letramento DI
Aperfeiçoamento . Alfabetização e Letramento DI
 
HTPF : PAUTA FORMATIVA: PROJETO LEITURA.
HTPF : PAUTA FORMATIVA: PROJETO LEITURA.HTPF : PAUTA FORMATIVA: PROJETO LEITURA.
HTPF : PAUTA FORMATIVA: PROJETO LEITURA.
 
SLIDE APRESENTAÇÃO TCC :O ATENDIMENTO EDUCACIONAL ESPECIALIZADO NO PROCESSO E...
SLIDE APRESENTAÇÃO TCC :O ATENDIMENTO EDUCACIONAL ESPECIALIZADO NO PROCESSO E...SLIDE APRESENTAÇÃO TCC :O ATENDIMENTO EDUCACIONAL ESPECIALIZADO NO PROCESSO E...
SLIDE APRESENTAÇÃO TCC :O ATENDIMENTO EDUCACIONAL ESPECIALIZADO NO PROCESSO E...
 
Projeto leitura HTPC abril - FORMAÇÃP SOBRE O PROJETO
Projeto leitura HTPC abril - FORMAÇÃP SOBRE O PROJETOProjeto leitura HTPC abril - FORMAÇÃP SOBRE O PROJETO
Projeto leitura HTPC abril - FORMAÇÃP SOBRE O PROJETO
 
Língua Portuguesa - 4º bimestre - Ficha técnica e Dígrafos.docx
Língua Portuguesa - 4º bimestre - Ficha técnica e Dígrafos.docxLíngua Portuguesa - 4º bimestre - Ficha técnica e Dígrafos.docx
Língua Portuguesa - 4º bimestre - Ficha técnica e Dígrafos.docx
 
CRONOGRAMA: AÇÕES DO PROJETO ESTAÇÃO LEITURA
CRONOGRAMA: AÇÕES DO PROJETO ESTAÇÃO LEITURACRONOGRAMA: AÇÕES DO PROJETO ESTAÇÃO LEITURA
CRONOGRAMA: AÇÕES DO PROJETO ESTAÇÃO LEITURA
 

Último

Slide para aplicação da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
Slide para aplicação  da AVAL. FLUÊNCIA.pptxSlide para aplicação  da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
Slide para aplicação da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
LeilaVilasboas
 
Relatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdf
Falcão Brasil
 
Caderno 1 - Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
Caderno 1 -  Módulo Água JMS 2024 (1).pdfCaderno 1 -  Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
Caderno 1 - Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
SupervisoEMAC
 
Apostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdf
Apostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdfApostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdf
Apostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdf
pattyhsilva271204
 
CALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdf
CALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdfCALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdf
CALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdf
CristviaFerreira
 
Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTAEstudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
deboracorrea21
 
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
DirceuSilva26
 
FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24
FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24
FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24
Sandra Pratas
 
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptxSlides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
As Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
As Ideias Têm Consequências - Richard M. WeaverAs Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
As Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
C4io99
 
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
marcos oliveira
 
Texto e atividade - O que fazemos com a água que usamos.
Texto e atividade -  O que fazemos com a água que usamos.Texto e atividade -  O que fazemos com a água que usamos.
Texto e atividade - O que fazemos com a água que usamos.
Mary Alvarenga
 
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
Espanhol Online
 
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História. Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mary Alvarenga
 
Alfabetização de adultos.pdf
Alfabetização de             adultos.pdfAlfabetização de             adultos.pdf
Alfabetização de adultos.pdf
arodatos81
 
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e CaminhosAprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
Leonel Morgado
 
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptxIV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
Ligia Galvão
 
Caça-palavras - multiplicação
Caça-palavras  -  multiplicaçãoCaça-palavras  -  multiplicação
Caça-palavras - multiplicação
Mary Alvarenga
 
Relatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdf
Falcão Brasil
 

Último (20)

Slide para aplicação da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
Slide para aplicação  da AVAL. FLUÊNCIA.pptxSlide para aplicação  da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
Slide para aplicação da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
 
TALENTOS DA NOSSA ESCOLA .
TALENTOS DA NOSSA ESCOLA                .TALENTOS DA NOSSA ESCOLA                .
TALENTOS DA NOSSA ESCOLA .
 
Relatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdf
 
Caderno 1 - Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
Caderno 1 -  Módulo Água JMS 2024 (1).pdfCaderno 1 -  Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
Caderno 1 - Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
 
Apostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdf
Apostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdfApostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdf
Apostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdf
 
CALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdf
CALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdfCALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdf
CALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdf
 
Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTAEstudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
 
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
 
FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24
FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24
FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24
 
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptxSlides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
 
As Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
As Ideias Têm Consequências - Richard M. WeaverAs Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
As Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
 
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
 
Texto e atividade - O que fazemos com a água que usamos.
Texto e atividade -  O que fazemos com a água que usamos.Texto e atividade -  O que fazemos com a água que usamos.
Texto e atividade - O que fazemos com a água que usamos.
 
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
 
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História. Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
 
Alfabetização de adultos.pdf
Alfabetização de             adultos.pdfAlfabetização de             adultos.pdf
Alfabetização de adultos.pdf
 
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e CaminhosAprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
 
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptxIV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
 
Caça-palavras - multiplicação
Caça-palavras  -  multiplicaçãoCaça-palavras  -  multiplicação
Caça-palavras - multiplicação
 
Relatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdf
 

COMUNICAÇÃO ALTERNATIVA F.ppt- pranchas

  • 3. TEA E DESAFIOS E OS DESAFIOS DA COMUNICAÇÃO FONOAUDIÓLOGOS PROFESSORES devido ao seu papel na comunicação humana.
  • 4. 03 / 19 Os sons são produzidos: pulmões, laringe, cavidade bucal, lábios, palato e cavidade nasal Ainda, do ponto de vista fisiológico possui fases já conhecidas de desenvolvimento linguagem
  • 5. A linguagem depende do desenvolvimento de áreas cerebrais progressivas pela comunicação verbal A comunicação um dos principais déficits característico do TEA COMUNICAÇÃO PRINCIPAIS
  • 6. ABORDAR O USO DA COMUNICAÇÃO ALTERNATIVA EM CRIANÇAS COM AUTISMO, APRESENTANDO O SURGIMENTO DO USO DO PECS NO BRASIL E SUAS VARIAÇÕES, COMO O PECS-ADAPTADO (WALTER, 2000).
  • 7. AUTISMO E AS DIFICULDADES DE COMUNICAÇÃO
  • 8. Em 1943, o psiquiatra americano Leo Kanner separou, pela primeira vez, um conjunto de comportamentos aparentemente característicos e que algumas das crianças que investigava manifestavam. Esse conjunto de comportamentos, assim como as perturbações que lhes dava origem, tornou-se conhecido como a Síndrome do Autismo, nome que mostrava e afirmava o lado mais característico das suas maneiras de estar.
  • 14. De acordo com AASSOCIAÇÃOAMERICANA DEPSICOLOGIA(2003), Autismo é um transtor no global do desenvolvimento(TGD),tambémconhecidocomo transtorno do espectro autista (TEA), principalmente na literatura internacional, caracterizado por dificuldades na interação social e na comunicação verbal e não- verbal e por comportamentos e interesses bastante restritos e repetitivos, o que é conhecido como a tríade de prejuízos Existem vários sistemas de diagnósticos para a classificação do autismo. Os maiscomunssão:aClassificaçãoInternacion aldeDoençasdaOrganizaçãoMundial de Saúde, ou o CID-10, e o Manual de Diagnóstico e Estatístico deDoenças Mentais da Academia Americana de Psiquiatria, ou DSM- V (versão atual). No Reino Unido, também é utilizado o CHAT (Checklist de Autismo em Bebês, desenvolvido por Baron- Cohen, Allen e Gilberg), que é uma escala de investigação de autismo aos 18 meses deidade.