SlideShare uma empresa Scribd logo
Um retrato atual da criança e do adolescente Brasileiro
Educando com a ajuda das Neurociências
Um retrato atual da criança e do adolescente Brasileiro
Educando com a ajuda das Neurociências
Os métodos de alfabetização não devem ser utilizados
de forma mecânica. O ensino deve ser apresentado à
criança de forma espontânea e divertida para que ela
possa conhecer, compreender e construir o seu
conhecimento.
Sandra Jacob
Mariana Luiza
Liliane Marilda
Letícia de Freitas
Isabela Fernandes
Irene Anselmo
Gladys Martins
Fernanda dos Santos
Fabiane Lemos
Um retrato atual da criança e do adolescente Brasileiro
Educando com a ajuda das Neurociências
Um retrato atual da criança e do adolescente Brasileiro
Educando com a ajuda das Neurociências
Para que a aprendizagem da leitura e da escrita transcorra de forma
eficiente,conhecer os métodos de alfabetização é de fundamental
importância.Por meio deles é possível assinalar quais as melhores
estratégias a serem usadas na aprendizagem da leitura e da escrita,de
forma a oferecer as condições para o aluno iniciar-se no mundo letrado.
Esta cartilha visa apresentar os métodos de alfabetização mais difundidos
no país, além de estimular a reflexão sobre a importância do lúdico como
método de alfabetização, que constitui condição para o desenvolvimento
infantil.O intuito é que o docente atente-se à necessidade de definir seus
objetivos educacionais, ciente de que o melhor método de alfabetização
seria a reinvenção de todos os outros, contextualizando-os e tornando sua
prática cada vez mais lúdica e eficaz.
ALFABETIZAR OU LETRAR?
1 2
Alfabetizar é o ato de ensinar o código da língua escrita, ensinando a ler e
escrever. É um processo de compreensão de significados por meio do
código escrito e é também um conjunto de habilidades.Letramento é o
resultado da ação de ensinar ou de aprender a ler e escrever, o estado ou
condição que adquire um grupo social ou um indivíduo como
consequência de ter se apropriado da escrita.Nesse sentido a alfabetização
possibilita à criança fazer parte da sociedade de forma crítica e
dinâmica.A alfabetização faz parte da constituição da personalidade.
Assim, alfabetizar não é uma tarefa exclusiva do 1° ano do Ensino
Fundamental. Esse processo também ocorre nos anos posteriores, sendo
de fundamental importância para a vida escolar da criança e para o viver
em sociedade. Alfabetizar na perspectiva do letramento é uma
determinação dos Parâmetros Curriculares Nacionais.
MÉTODOS SINTÉTICOS
Silábico - Fônico - Alfabético
Tem como proposta a progressão de unidades menores (letra, fonema, sílaba) a unidades
mais complexas (palavra, frase, texto).Seu enfoque é o processos de decodificação, análise
fonológica, relações entre fonemas (sons) e grafemas (letras). Possibilita a análise das
relações entre fonemas (sons ou unidades sonoras) e grafemas (letras ou grupo de letras).
Promove o desenvolvimento da consciência fonológica e os processos de codificação e
decodificação. Porém,desconsidera os usos e funções sociais da escrita. Em algum
momento, o aprendiz tem que se desvincular da fala para codificar (escrever) e decodificar
(ler) palavras, frases e textos, já que em alguns casos a escrita não representa os sons da
fala.
3
MÉTODOS ANALÍTICOS
Palavração - Sentenciação - Global de Contos
Tem como proposta a progressão de unidades de
sentido mais amplas (palavra, frase, texto) a unidades
menores (sílabas). Seu enfoque é a compreensão de
sentidos e aprendizagem ideovisual (reconheci-mento
global pela silhueta da palavra, frase ou texto). Possui
como vantagem o reconhecimento global e mais rápido
das palavras, possibilitando a leitura de unidades com
sentido desde o início da escolarização. Mas,se não
houver uma correta orientação do professor,pode
dificultar a leitura com sentido quando o texto apre-
sentar palavras completamente novas.Se não houver
uma orientação correta para a decodificação,corre-se o
risco do aluno utilizar do recurso da memorização sem
observar que as palavras são compostas de unidades
menores.
MÉTODO CONSTRUTIVISTA
Apresenta uma nova visão da aprendizagem, entendendo-a como um processo
contínuo de desenvolvimento.As aprendizagens dadas durante o período dos três aos
seis anos fazem parte do processo de alfabetização. Neste método a escrita, a leitura e a
linguagem oral não se desenvolvem separadamente, mas atuam de maneira
interdependente.O Construtivismo busca criar práticas para trabalhar em sala de aula, de
acordo com o nível intelectual em que a criança se encontra.
3 4
SUGESTÕES PARA O PROFESSOR
5 6
1. Use jogos educativos em suas aulas
2.Desenvolva atividades lúdicas com seus alunos
3.Procure introduzir os conteúdos de forma diferente
4. Na sala de aula, mude a posição de cadeiras e mesas
5.Motive os alunos a participarem
6.Modifique o ambiente das aulas
7.Explore cartazes, vídeos e filmes
8.Leve jornais e revistas para a sala de aula
9.Aproveite todo o ambiente escolar
10.Crie aulas diferentes e divertidas
11.Elabore situações problema
12.Busque auxílio nos meios de comunicação
13.Troque experiências com os colegas
14.Valorize as opiniões de seus alunos
15. Peça sugestões aos alunos para as aulas
16.Faça trabalhos em pequenos grupos
17.Solicite que os alunos avaliem suas aulas.
18.Estimule a aprendizagem de seus alunos
Deixe transparecer que
você acredita e valoriza o
seu trabalho.
É importante ressaltar que a Lei de Diretrizes
Básicas (LDB) garante o acesso de crianças, cada
vez mais cedo, no ambiente escolar formal,
representando um avanço na garantia de direitos.
No entanto, é preciso rever as práticas educativas,
que na maioria das vezes, limita a criatividade,
autoestima, autonomia e participação infantil,
fundamentais para o desenvolvimento da criança.
O processo de alfabetização da crianças deve ser realizado com prazer e construção e a
estratégia lúdica vem se configurando como uma importante ferramenta para o
desenvolvimento infantil e aquisições formais.
O lúdico aplicado à prática pedagógica
não apenas contribui para a
aprendizagem da criança,como possibilita
ao educador tornar suas aulas mais
dinâmicas e prazerosas.
É importante que as atividades lúdicas façam parte do planejamento do professor. Sem
propósito, seu uso se torna improdutivo, ineficiente, pois o planejamento define o
objetivo e norteia a ação do docente, podendo ser flexível para se adequar às diferentes
turmas,caso haja necessidade.
O DESAFIO DE ENSINAR A LER
Sugestões de Atividades
PARA A LEITURA DE PALAVRAS
1.BINGO DE LEITURA
Materiais: lápis, papel e fichas com as figuras correspondentes as palavras da lista
trabalhada. Procedimento: Cada aluno ou grupo de aluno recebe um pedaço de papel,
escolhe quatro palavras da lista e as escreve. O professor passa a sortear as fichas,
mostrando-as e repetindo seu nome várias vezes. Caso a criança ou grupo tenha a palavra
correspondente em sua cartela deverá marcá-la. Vence aquele que marcar, primeiro, todas as
palavras da cartela.
2.PREGUICINHA
Materiais: envelopes de colorset com abertura nas duas extremidades, cartões com palavras
de uma lista já trabalhada. Procedimento: Esconder o cartão no envelope e propor a
adivinhação da palavra, mostrando lentamente ora a letra inicial, ora a letra final até que as
crianças descubram a palavra escondida.
3.MEMÓRIA COLETIVA
Materiais: Quadro de cinco pregas; seis pares de cartões com as palavras da lista e as figuras
correspondentes; cartões numerados de 01 a 04 e cartões com as letras A, B, C e D.
Procedimento: Dividir a turma em pequenos grupos. Organizar na primeira linha do quadro
de pregas os cartões numerados e na primeira coluna os cartões com letras. Completar as
linhas e colunas com os cartões de figuras e de palavras embaralhados e voltados para trás.
Cada grupo, na sua vez de jogar escolhe um par ordenado. O grupo que encontrar mais pares
vence a partida.
PARA A LEITURA DE LETRAS
BINGO DE LETRAS
Materiais: lápis, papel e cartões com as letras do alfabeto. Procedimento: Cada aluno ou
grupo de aluno recebe um pedaço de papel e escreve uma das palavras da lista trabalhada.
O professor passa a sortear as letras, mostrando-as e repetindo seu nome várias vezes.
Caso a criança ou grupo tenha a letra sorteada em sua cartela deverá marcá-la. Vence
aquele que marcar, primeiro, todas as letras da cartela.
7 8
PARA A LEITURA DE PALAVRAS
4.CERTO OU ERRADO
Materiais: Quadro de várias pregas; 02 cartões com os títulos das categorias de listas
trabalhadas em sala de aula e cartões com as palavras destas listas. Procedimento: Cada
grupo é desafiado a organizar os cartões de acordo com a categoria. A conferência deve ser
feita coletivamente.
5.PASSA OU REPASSA
Materiais: Cartões com palavras de várias categorias de listas trabalhadas em sala de aula.
Procedimento: A turma deverá ser organizada em dois grupos. Cada grupo indica um
participante, que deverá se posicionar de frente para seu oponente, em volta de uma mesa e
com as mãos na cabeça. O professor sorteia uma categoria e mostra a primeira palavra. Ao
seu comando os jogadores devem bater na mesa o mais rápido que conseguirem. Aquele
que bater primeiro terá o direito de fazer a leitura da palavra. Se estiver certo, marca ponto
para o grupo e desafia outro oponente. O jogo segue até que todos tenham participado.
PARA A LEITURA DE FRASES
FRASES EMBARALHADAS
Materiais: Quadro de 01 prega; tiras com palavras que possibilitem a formação de frases.
Procedimento: Cada grupo é desafiado a organizar uma frase. O sentido da frase é conferido
coletivamente.
PARA A LEITURA DE TEXTO
1. TEXTO FATIADO
Materiais: Quadro de várias pregas; tiras de cartões com frases que compõe um pequeno texto
conhecido de memória. Procedimento: Cada grupo é desafiado a organizar o texto. A
conferência deve ser feita coletivamente.
2. LEITURA EXPLOSIVA
Materiais: Quadro de 01 prega; envelopes com adivinhas; cartões com as respostas
correspondentes às adivinhas e balões coloridos. Procedimento: Cada grupo elege um
representante que receberá uma das bolas de aniversário e funcionará como cronômetro para
um grupo adversário. Na sua vez de jogar, o grupo recebe um envelope com uma adivinha que
deverá ser lida para todos. O grupo se põe a procurar a resposta entre os cartões que deverão
estar espalhados sobre a mesa, enquanto o representante do outro grupo se põe a assoprar a
bola. Assim que encontrar a palavra deverá colocá-la no quadro de pregas. Se o grupo
demorar a encontrar a resposta e a bola estourar, perde a rodada. Se errar a palavra pode fazer
mais duas tentativas enquanto a bola não estoura. Se acertar a palavra, o adversário deverá
segurar a bola, sem esvaziá-la, aguardando a nova partida para continuar a assoprá-la.
9 10
A ALFABETIZAÇÃO LÚDICA ATENDE AOS
4 PILARES DA EDUCAÇÃO :
APRENDER A SER
Forjar o corpo integral : Espírito e corpo
Desenvolver a autonomia
Assumir responsabilidades
Valorizar potencialidades
11 12
APRENDER A CONVIVER
Descobrir o outro
Perceber a independência humana
Gerenciar conflitos
Valorizar o pluralismo cultural
Participar, cooperar, partilhar
APRENDER A FAZER
Aplicar saberes
Acessar às tecnologias digitais
Aceder ao mundo do trabalho
APRENDER A CONHECER
Dominar os instrumentos do conhecimento
Desenvolver capacidades e competências
Ampliar as possibilidades de comunicação
Despertar para a curiosidade intelectual
Promover o diálogo: saber popular e científico
“A ludicidade, tão importante para a saúde mental do ser humano, precisa ser mais
considerada; o espaço lúdico da criança está merecendo maior atenção, pois é o espaço
para a expressão mais genuína do ser, é o espaço do exercícioda relação afetiva com o
mundo, com as pessoas, e com os objetos.”
Nylse H. da Silva Cunha ( Psicóloga )
REFERÊNCIAS
BRASIL. Governo do estado de São Paulo; Secretaria de educação ; Projeto Nordeste.
Ler e escrever: livro de textos do aluno. São Paulo: FDE. 3 ed., 2010.
BRASIL. Ministério da educação e cultura; Secretaria de educação fundamental;Projeto
nordeste. Advinhações,cantigas de roda, parlendas, poemas, quadrinhas e trava-
línguas. Brasília: MEC/SEF, 2000.
BRASIL. Ministério da educação e cultura; Secretaria de educação fundamental;Projeto
nordeste. Textos informativos, textos instrucionais e biografias. Brasília: MEC/SEF,
2000.
BRASIL. Ministério da educação e cultura; Secretaria de educação continuada,
alfabetização e diversidade; Programa escola ativa. Caderno do educador:
alfabetização e letramento. Brasília: MEC/SEF. 2 ed., 2010.
BRASIL. Ministério da educação e cultura; Secretaria de educaçãobásica; Diretoria de
apoio à gestão educacional. Pacto Nacional pela alfabetização na idade certa: a
criança no ciclo de alfabetização. Brasília: MEC/SEB. 2, 2015.
Universidade Federal de Minas Gerais; Faculdade de educação;Centro de alfabetização,
leitura e escrita. Orientações para a organização do ciclo inicial da alfabetização:
alfabetizando/caderno 2.Belo Horizonte: Ceale/Fae/UFMG, 2000.
13
“Brincar com a criança não é perder tempo, é ganhá-lo; se é triste
ver menino sem escola, mais triste ainda é vê-los sentados,
tolhinhos e enfileirados em uma sala de aula sem ar, com atividades
mecanizadas, exercícios estéreis, sem valor para a formação dos
homens críticos e transformadores de uma sociedade”.
Carlos Drummond Andrade

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Sistema de Escrita Alfabética - PNAIC
Sistema de Escrita Alfabética - PNAICSistema de Escrita Alfabética - PNAIC
Sistema de Escrita Alfabética - PNAIC
Vera Marlize Schröer
 
JOGOS PARA TRABALHAR OS NÍVEIS DE LEITURA E ESCRITA
JOGOS PARA TRABALHAR OS NÍVEIS DE LEITURA E ESCRITAJOGOS PARA TRABALHAR OS NÍVEIS DE LEITURA E ESCRITA
JOGOS PARA TRABALHAR OS NÍVEIS DE LEITURA E ESCRITA
Fabiana Lopes
 
Hipóteses da psicogênese da língua escrita segundo emília
Hipóteses da psicogênese da língua escrita segundo emíliaHipóteses da psicogênese da língua escrita segundo emília
Hipóteses da psicogênese da língua escrita segundo emília
profeannecunha
 
Proposta curricular para o 2º ano do ensino fundamental
Proposta curricular para o 2º ano do ensino fundamentalProposta curricular para o 2º ano do ensino fundamental
Proposta curricular para o 2º ano do ensino fundamental
Rosemary Batista
 
Varal Literário: Todas as Leituras
Varal Literário: Todas as LeiturasVaral Literário: Todas as Leituras
Varal Literário: Todas as Leituras
Escola Andre Zenere
 
Sequencia didática de Matemática Alfabetizadora Eva Anilda Silveira
Sequencia didática de Matemática Alfabetizadora Eva Anilda Silveira Sequencia didática de Matemática Alfabetizadora Eva Anilda Silveira
Sequencia didática de Matemática Alfabetizadora Eva Anilda Silveira
Solange Goulart
 
Relatório sequência didática silvania
Relatório sequência didática   silvaniaRelatório sequência didática   silvania
Relatório sequência didática silvania
weleslima
 
Alfabeto da boquinha
Alfabeto da boquinhaAlfabeto da boquinha
Alfabeto da boquinha
cibelegelinskitoledo
 
Apresentação planejamento psicogênese da língua escrita
Apresentação planejamento   psicogênese da língua escritaApresentação planejamento   psicogênese da língua escrita
Apresentação planejamento psicogênese da língua escrita
Alekson Morais
 
Como fazer o teste das quatro palavras e uma frase de emilia ferreiro
Como fazer o teste das quatro palavras e uma frase de emilia ferreiroComo fazer o teste das quatro palavras e uma frase de emilia ferreiro
Como fazer o teste das quatro palavras e uma frase de emilia ferreiro
Carilusa Branchi
 
Sequência Didática - Letra Cursiva
Sequência Didática - Letra CursivaSequência Didática - Letra Cursiva
Sequência Didática - Letra Cursiva
Carla Melo
 
LIBRAS Cartaz 4 trabalhando com surdos saudações
LIBRAS Cartaz 4 trabalhando com surdos saudaçõesLIBRAS Cartaz 4 trabalhando com surdos saudações
LIBRAS Cartaz 4 trabalhando com surdos saudações
Nelinha Soares
 
Psicogênese da língua escrita segundo maria emilia ferreiro
Psicogênese da língua escrita segundo maria emilia ferreiroPsicogênese da língua escrita segundo maria emilia ferreiro
Psicogênese da língua escrita segundo maria emilia ferreiro
RoseParre
 
Níveis de escrita (1)pnaic
Níveis de escrita (1)pnaicNíveis de escrita (1)pnaic
Níveis de escrita (1)pnaic
Edeil Reis do Espírito Santo
 
SISTEMA DE ESCRITA ALFABÉTICA - SEA
SISTEMA DE ESCRITA ALFABÉTICA - SEA SISTEMA DE ESCRITA ALFABÉTICA - SEA
SISTEMA DE ESCRITA ALFABÉTICA - SEA
Claudio Pessoa
 
Discutindo diagnósticos de escrita (SLIDES 3ª Formação NUALFA)
Discutindo diagnósticos de escrita (SLIDES 3ª Formação NUALFA)Discutindo diagnósticos de escrita (SLIDES 3ª Formação NUALFA)
Discutindo diagnósticos de escrita (SLIDES 3ª Formação NUALFA)
Edeil Reis do Espírito Santo
 
PNAIC - MATEMÁTICA - Caderno 3 construção snd
PNAIC - MATEMÁTICA - Caderno 3   construção sndPNAIC - MATEMÁTICA - Caderno 3   construção snd
PNAIC - MATEMÁTICA - Caderno 3 construção snd
ElieneDias
 
Plano de aula 1º ano
Plano de aula 1º anoPlano de aula 1º ano
Plano de aula 1º ano
Marione Haack
 
Apostila de atividades para criança autista 3
Apostila de atividades para criança autista 3Apostila de atividades para criança autista 3
Apostila de atividades para criança autista 3
Elisangela Terra
 
Para PNAIC - Atividades Sequenciadas-2
Para PNAIC - Atividades Sequenciadas-2Para PNAIC - Atividades Sequenciadas-2
Para PNAIC - Atividades Sequenciadas-2
Graça Sousa
 

Mais procurados (20)

Sistema de Escrita Alfabética - PNAIC
Sistema de Escrita Alfabética - PNAICSistema de Escrita Alfabética - PNAIC
Sistema de Escrita Alfabética - PNAIC
 
JOGOS PARA TRABALHAR OS NÍVEIS DE LEITURA E ESCRITA
JOGOS PARA TRABALHAR OS NÍVEIS DE LEITURA E ESCRITAJOGOS PARA TRABALHAR OS NÍVEIS DE LEITURA E ESCRITA
JOGOS PARA TRABALHAR OS NÍVEIS DE LEITURA E ESCRITA
 
Hipóteses da psicogênese da língua escrita segundo emília
Hipóteses da psicogênese da língua escrita segundo emíliaHipóteses da psicogênese da língua escrita segundo emília
Hipóteses da psicogênese da língua escrita segundo emília
 
Proposta curricular para o 2º ano do ensino fundamental
Proposta curricular para o 2º ano do ensino fundamentalProposta curricular para o 2º ano do ensino fundamental
Proposta curricular para o 2º ano do ensino fundamental
 
Varal Literário: Todas as Leituras
Varal Literário: Todas as LeiturasVaral Literário: Todas as Leituras
Varal Literário: Todas as Leituras
 
Sequencia didática de Matemática Alfabetizadora Eva Anilda Silveira
Sequencia didática de Matemática Alfabetizadora Eva Anilda Silveira Sequencia didática de Matemática Alfabetizadora Eva Anilda Silveira
Sequencia didática de Matemática Alfabetizadora Eva Anilda Silveira
 
Relatório sequência didática silvania
Relatório sequência didática   silvaniaRelatório sequência didática   silvania
Relatório sequência didática silvania
 
Alfabeto da boquinha
Alfabeto da boquinhaAlfabeto da boquinha
Alfabeto da boquinha
 
Apresentação planejamento psicogênese da língua escrita
Apresentação planejamento   psicogênese da língua escritaApresentação planejamento   psicogênese da língua escrita
Apresentação planejamento psicogênese da língua escrita
 
Como fazer o teste das quatro palavras e uma frase de emilia ferreiro
Como fazer o teste das quatro palavras e uma frase de emilia ferreiroComo fazer o teste das quatro palavras e uma frase de emilia ferreiro
Como fazer o teste das quatro palavras e uma frase de emilia ferreiro
 
Sequência Didática - Letra Cursiva
Sequência Didática - Letra CursivaSequência Didática - Letra Cursiva
Sequência Didática - Letra Cursiva
 
LIBRAS Cartaz 4 trabalhando com surdos saudações
LIBRAS Cartaz 4 trabalhando com surdos saudaçõesLIBRAS Cartaz 4 trabalhando com surdos saudações
LIBRAS Cartaz 4 trabalhando com surdos saudações
 
Psicogênese da língua escrita segundo maria emilia ferreiro
Psicogênese da língua escrita segundo maria emilia ferreiroPsicogênese da língua escrita segundo maria emilia ferreiro
Psicogênese da língua escrita segundo maria emilia ferreiro
 
Níveis de escrita (1)pnaic
Níveis de escrita (1)pnaicNíveis de escrita (1)pnaic
Níveis de escrita (1)pnaic
 
SISTEMA DE ESCRITA ALFABÉTICA - SEA
SISTEMA DE ESCRITA ALFABÉTICA - SEA SISTEMA DE ESCRITA ALFABÉTICA - SEA
SISTEMA DE ESCRITA ALFABÉTICA - SEA
 
Discutindo diagnósticos de escrita (SLIDES 3ª Formação NUALFA)
Discutindo diagnósticos de escrita (SLIDES 3ª Formação NUALFA)Discutindo diagnósticos de escrita (SLIDES 3ª Formação NUALFA)
Discutindo diagnósticos de escrita (SLIDES 3ª Formação NUALFA)
 
PNAIC - MATEMÁTICA - Caderno 3 construção snd
PNAIC - MATEMÁTICA - Caderno 3   construção sndPNAIC - MATEMÁTICA - Caderno 3   construção snd
PNAIC - MATEMÁTICA - Caderno 3 construção snd
 
Plano de aula 1º ano
Plano de aula 1º anoPlano de aula 1º ano
Plano de aula 1º ano
 
Apostila de atividades para criança autista 3
Apostila de atividades para criança autista 3Apostila de atividades para criança autista 3
Apostila de atividades para criança autista 3
 
Para PNAIC - Atividades Sequenciadas-2
Para PNAIC - Atividades Sequenciadas-2Para PNAIC - Atividades Sequenciadas-2
Para PNAIC - Atividades Sequenciadas-2
 

Destaque

Apostila alfabetizacao completa_metodo_fonico
Apostila alfabetizacao completa_metodo_fonicoApostila alfabetizacao completa_metodo_fonico
Apostila alfabetizacao completa_metodo_fonico
silvinha331
 
94071757 caderno-de-atividades-alfabetizacao
94071757 caderno-de-atividades-alfabetizacao94071757 caderno-de-atividades-alfabetizacao
94071757 caderno-de-atividades-alfabetizacao
Eduardo Lopes
 
Alfabetização
AlfabetizaçãoAlfabetização
Alfabetização
Ana Paula
 
Apostilaadaptadadudu2 130720215443-phpapp01
Apostilaadaptadadudu2 130720215443-phpapp01Apostilaadaptadadudu2 130720215443-phpapp01
Apostilaadaptadadudu2 130720215443-phpapp01
Fabi Duarte
 
Apostila de alfabetização._alice
Apostila de alfabetização._aliceApostila de alfabetização._alice
Apostila de alfabetização._alice
Susana Felix
 
Cartilha de leitura lêda
Cartilha de leitura lêdaCartilha de leitura lêda
Cartilha de leitura lêda
Eduardo Lopes
 
CARTILHAS ANTIGAS
CARTILHAS ANTIGASCARTILHAS ANTIGAS
CARTILHAS ANTIGAS
JotaCicero
 
Inglês para Crianças
Inglês para CriançasInglês para Crianças
Inglês para Crianças
Lusoinfo II Multimédia
 
Texto interpretação 2 ano
Texto interpretação 2 anoTexto interpretação 2 ano
Texto interpretação 2 ano
Teka Pitta
 
10 dicas reforço escolar
10 dicas reforço escolar10 dicas reforço escolar
10 dicas reforço escolar
Terc Cre
 
Leitura e interpretação de texto para alfabetização
Leitura e interpretação de texto para alfabetizaçãoLeitura e interpretação de texto para alfabetização
Leitura e interpretação de texto para alfabetização
Lorena Lopes
 
Apostila matemática em pdf
Apostila  matemática em pdfApostila  matemática em pdf
Apostila matemática em pdf
Isa ...
 
Cartilha letramento[1]
Cartilha  letramento[1]Cartilha  letramento[1]
Cartilha letramento[1]
Maria Clara Catanho
 
Alfabetização_28 palavras completa
Alfabetização_28 palavras completaAlfabetização_28 palavras completa
Alfabetização_28 palavras completa
Isa ...
 
Reforço escolar, alunos do 6 e 7 ano escolar
Reforço escolar, alunos do 6 e 7 ano escolarReforço escolar, alunos do 6 e 7 ano escolar
Reforço escolar, alunos do 6 e 7 ano escolar
Fatima Liutheviciene
 
Cartilhas
CartilhasCartilhas
Cartilhas
Bianca Giannotti
 
184832283 cartilha-de-alfabetizacao-pirulito-140827163123-phpapp02
184832283 cartilha-de-alfabetizacao-pirulito-140827163123-phpapp02184832283 cartilha-de-alfabetizacao-pirulito-140827163123-phpapp02
184832283 cartilha-de-alfabetizacao-pirulito-140827163123-phpapp02
Edilene De Lima Mouzinho
 
Apostila de atividades para o 1º ano
Apostila de atividades para o 1º anoApostila de atividades para o 1º ano
Apostila de atividades para o 1º ano
Valéria Poubell
 
Atividades para 1º ano - alfabetização
Atividades para 1º ano - alfabetizaçãoAtividades para 1º ano - alfabetização
Atividades para 1º ano - alfabetização
Eliete Soares E Soares
 
Jogo das sílabas - Ivana Kaiper
Jogo das sílabas - Ivana KaiperJogo das sílabas - Ivana Kaiper
Jogo das sílabas - Ivana Kaiper
Susana Felix
 

Destaque (20)

Apostila alfabetizacao completa_metodo_fonico
Apostila alfabetizacao completa_metodo_fonicoApostila alfabetizacao completa_metodo_fonico
Apostila alfabetizacao completa_metodo_fonico
 
94071757 caderno-de-atividades-alfabetizacao
94071757 caderno-de-atividades-alfabetizacao94071757 caderno-de-atividades-alfabetizacao
94071757 caderno-de-atividades-alfabetizacao
 
Alfabetização
AlfabetizaçãoAlfabetização
Alfabetização
 
Apostilaadaptadadudu2 130720215443-phpapp01
Apostilaadaptadadudu2 130720215443-phpapp01Apostilaadaptadadudu2 130720215443-phpapp01
Apostilaadaptadadudu2 130720215443-phpapp01
 
Apostila de alfabetização._alice
Apostila de alfabetização._aliceApostila de alfabetização._alice
Apostila de alfabetização._alice
 
Cartilha de leitura lêda
Cartilha de leitura lêdaCartilha de leitura lêda
Cartilha de leitura lêda
 
CARTILHAS ANTIGAS
CARTILHAS ANTIGASCARTILHAS ANTIGAS
CARTILHAS ANTIGAS
 
Inglês para Crianças
Inglês para CriançasInglês para Crianças
Inglês para Crianças
 
Texto interpretação 2 ano
Texto interpretação 2 anoTexto interpretação 2 ano
Texto interpretação 2 ano
 
10 dicas reforço escolar
10 dicas reforço escolar10 dicas reforço escolar
10 dicas reforço escolar
 
Leitura e interpretação de texto para alfabetização
Leitura e interpretação de texto para alfabetizaçãoLeitura e interpretação de texto para alfabetização
Leitura e interpretação de texto para alfabetização
 
Apostila matemática em pdf
Apostila  matemática em pdfApostila  matemática em pdf
Apostila matemática em pdf
 
Cartilha letramento[1]
Cartilha  letramento[1]Cartilha  letramento[1]
Cartilha letramento[1]
 
Alfabetização_28 palavras completa
Alfabetização_28 palavras completaAlfabetização_28 palavras completa
Alfabetização_28 palavras completa
 
Reforço escolar, alunos do 6 e 7 ano escolar
Reforço escolar, alunos do 6 e 7 ano escolarReforço escolar, alunos do 6 e 7 ano escolar
Reforço escolar, alunos do 6 e 7 ano escolar
 
Cartilhas
CartilhasCartilhas
Cartilhas
 
184832283 cartilha-de-alfabetizacao-pirulito-140827163123-phpapp02
184832283 cartilha-de-alfabetizacao-pirulito-140827163123-phpapp02184832283 cartilha-de-alfabetizacao-pirulito-140827163123-phpapp02
184832283 cartilha-de-alfabetizacao-pirulito-140827163123-phpapp02
 
Apostila de atividades para o 1º ano
Apostila de atividades para o 1º anoApostila de atividades para o 1º ano
Apostila de atividades para o 1º ano
 
Atividades para 1º ano - alfabetização
Atividades para 1º ano - alfabetizaçãoAtividades para 1º ano - alfabetização
Atividades para 1º ano - alfabetização
 
Jogo das sílabas - Ivana Kaiper
Jogo das sílabas - Ivana KaiperJogo das sílabas - Ivana Kaiper
Jogo das sílabas - Ivana Kaiper
 

Semelhante a CARTILHA : ALFABETIZAÇÃO

Jogo seducação infantil
Jogo seducação infantilJogo seducação infantil
Jogo seducação infantil
Denise Rodrigues
 
Estrategias de suporte para os transtornos ou dificuldades de leitura e escri...
Estrategias de suporte para os transtornos ou dificuldades de leitura e escri...Estrategias de suporte para os transtornos ou dificuldades de leitura e escri...
Estrategias de suporte para os transtornos ou dificuldades de leitura e escri...
EFIGÊNIA NERES
 
Estrategias de suporte para os transtornos ou dificuldades de leitura e escri...
Estrategias de suporte para os transtornos ou dificuldades de leitura e escri...Estrategias de suporte para os transtornos ou dificuldades de leitura e escri...
Estrategias de suporte para os transtornos ou dificuldades de leitura e escri...
EFIGÊNIA NERES
 
A intervenção do Psicopedagogo nas dificuldades de aprendizagens
A intervenção do Psicopedagogo nas dificuldades de aprendizagensA intervenção do Psicopedagogo nas dificuldades de aprendizagens
A intervenção do Psicopedagogo nas dificuldades de aprendizagens
helio123456
 
Esp. andressa jully bento de medeiros silva
Esp. andressa jully bento de medeiros silvaEsp. andressa jully bento de medeiros silva
Esp. andressa jully bento de medeiros silva
helio123456
 
Alfabetização na prática
Alfabetização na práticaAlfabetização na prática
Alfabetização na prática
EdileneBarbosa18
 
Projeto interdisciplinar
Projeto interdisciplinarProjeto interdisciplinar
Projeto interdisciplinar
AVM
 
Alfabetização slides
Alfabetização slidesAlfabetização slides
Alfabetização slides
AVM
 
O LÚDICO NO PROCESSO DE ALFABETIZAÇÃO DA CRIANÇA
O LÚDICO NO PROCESSO DE ALFABETIZAÇÃO DA CRIANÇAO LÚDICO NO PROCESSO DE ALFABETIZAÇÃO DA CRIANÇA
O LÚDICO NO PROCESSO DE ALFABETIZAÇÃO DA CRIANÇA
Sandra Lourenco
 
Berçário simone helen drumond
Berçário simone helen  drumondBerçário simone helen  drumond
Berçário simone helen drumond
SimoneHelenDrumond
 
Projeto teoria e prática da alfabetização
Projeto teoria e prática da alfabetizaçãoProjeto teoria e prática da alfabetização
Projeto teoria e prática da alfabetização
AlineGarotti
 
PRODUTO.pdf
PRODUTO.pdfPRODUTO.pdf
PRODUTO.pdf
PRODUTO.pdfPRODUTO.pdf
Metodologia e processo da alfabetizacão das séries iniciais
Metodologia e processo da alfabetizacão das séries iniciaisMetodologia e processo da alfabetizacão das séries iniciais
Metodologia e processo da alfabetizacão das séries iniciais
cefaprodematupa
 
aula 5.doc
aula 5.docaula 5.doc
aula 5.doc
IVYCARON2
 
Alfabetização
AlfabetizaçãoAlfabetização
Alfabetização
Nelma Andrade
 
Pacto nacional pela alfabetização na idade certa
Pacto nacional pela alfabetização na idade certaPacto nacional pela alfabetização na idade certa
Pacto nacional pela alfabetização na idade certa
Cida Nenê Leite
 
Reunião com Educadores do 1º Seg 16/03
Reunião com Educadores do 1º Seg 16/03Reunião com Educadores do 1º Seg 16/03
Reunião com Educadores do 1º Seg 16/03
CENFOP - Ipatinga
 
Lições de lp para o 5º ano
Lições de lp para o 5º anoLições de lp para o 5º ano
Lições de lp para o 5º ano
Maria Leticia Rocha Rocha
 
Alfabetizao educaçao na ed infantl
Alfabetizao educaçao na ed infantlAlfabetizao educaçao na ed infantl
Alfabetizao educaçao na ed infantl
Alice Soares
 

Semelhante a CARTILHA : ALFABETIZAÇÃO (20)

Jogo seducação infantil
Jogo seducação infantilJogo seducação infantil
Jogo seducação infantil
 
Estrategias de suporte para os transtornos ou dificuldades de leitura e escri...
Estrategias de suporte para os transtornos ou dificuldades de leitura e escri...Estrategias de suporte para os transtornos ou dificuldades de leitura e escri...
Estrategias de suporte para os transtornos ou dificuldades de leitura e escri...
 
Estrategias de suporte para os transtornos ou dificuldades de leitura e escri...
Estrategias de suporte para os transtornos ou dificuldades de leitura e escri...Estrategias de suporte para os transtornos ou dificuldades de leitura e escri...
Estrategias de suporte para os transtornos ou dificuldades de leitura e escri...
 
A intervenção do Psicopedagogo nas dificuldades de aprendizagens
A intervenção do Psicopedagogo nas dificuldades de aprendizagensA intervenção do Psicopedagogo nas dificuldades de aprendizagens
A intervenção do Psicopedagogo nas dificuldades de aprendizagens
 
Esp. andressa jully bento de medeiros silva
Esp. andressa jully bento de medeiros silvaEsp. andressa jully bento de medeiros silva
Esp. andressa jully bento de medeiros silva
 
Alfabetização na prática
Alfabetização na práticaAlfabetização na prática
Alfabetização na prática
 
Projeto interdisciplinar
Projeto interdisciplinarProjeto interdisciplinar
Projeto interdisciplinar
 
Alfabetização slides
Alfabetização slidesAlfabetização slides
Alfabetização slides
 
O LÚDICO NO PROCESSO DE ALFABETIZAÇÃO DA CRIANÇA
O LÚDICO NO PROCESSO DE ALFABETIZAÇÃO DA CRIANÇAO LÚDICO NO PROCESSO DE ALFABETIZAÇÃO DA CRIANÇA
O LÚDICO NO PROCESSO DE ALFABETIZAÇÃO DA CRIANÇA
 
Berçário simone helen drumond
Berçário simone helen  drumondBerçário simone helen  drumond
Berçário simone helen drumond
 
Projeto teoria e prática da alfabetização
Projeto teoria e prática da alfabetizaçãoProjeto teoria e prática da alfabetização
Projeto teoria e prática da alfabetização
 
PRODUTO.pdf
PRODUTO.pdfPRODUTO.pdf
PRODUTO.pdf
 
PRODUTO.pdf
PRODUTO.pdfPRODUTO.pdf
PRODUTO.pdf
 
Metodologia e processo da alfabetizacão das séries iniciais
Metodologia e processo da alfabetizacão das séries iniciaisMetodologia e processo da alfabetizacão das séries iniciais
Metodologia e processo da alfabetizacão das séries iniciais
 
aula 5.doc
aula 5.docaula 5.doc
aula 5.doc
 
Alfabetização
AlfabetizaçãoAlfabetização
Alfabetização
 
Pacto nacional pela alfabetização na idade certa
Pacto nacional pela alfabetização na idade certaPacto nacional pela alfabetização na idade certa
Pacto nacional pela alfabetização na idade certa
 
Reunião com Educadores do 1º Seg 16/03
Reunião com Educadores do 1º Seg 16/03Reunião com Educadores do 1º Seg 16/03
Reunião com Educadores do 1º Seg 16/03
 
Lições de lp para o 5º ano
Lições de lp para o 5º anoLições de lp para o 5º ano
Lições de lp para o 5º ano
 
Alfabetizao educaçao na ed infantl
Alfabetizao educaçao na ed infantlAlfabetizao educaçao na ed infantl
Alfabetizao educaçao na ed infantl
 

Último

karl marx biografia resumida com suas obras e história de vida
karl marx biografia resumida com suas obras e história de vidakarl marx biografia resumida com suas obras e história de vida
karl marx biografia resumida com suas obras e história de vida
KleginaldoPaz2
 
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdfO Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
silvamelosilva300
 
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - AlfabetinhoAtividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
MateusTavares54
 
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões.          pptxRimas, Luís Vaz de Camões.          pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
TomasSousa7
 
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdfTestes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
lveiga112
 
As sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativasAs sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativas
rloureiro1
 
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdfcronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
todorokillmepls
 
Fernão Lopes. pptx
Fernão Lopes.                       pptxFernão Lopes.                       pptx
Fernão Lopes. pptx
TomasSousa7
 
1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.
1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.
1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.
LeticiaRochaCupaiol
 
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptxRedação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
DECIOMAURINARAMOS
 
Atividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º anoAtividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º ano
fernandacosta37763
 
Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.pptEstrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
livrosjovert
 
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Famílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do Assaré
Famílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do AssaréFamílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do Assaré
Famílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do Assaré
profesfrancleite
 
Leis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.ppt
Leis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.pptLeis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.ppt
Leis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.ppt
PatriciaZanoli
 
slides de Didática 2.pdf para apresentar
slides de Didática 2.pdf para apresentarslides de Didática 2.pdf para apresentar
slides de Didática 2.pdf para apresentar
JoeteCarvalho
 
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo FreireLivro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
WelberMerlinCardoso
 
2020_09_17 - Biomas Mundiais [Salvo automaticamente].pptx
2020_09_17 - Biomas Mundiais [Salvo automaticamente].pptx2020_09_17 - Biomas Mundiais [Salvo automaticamente].pptx
2020_09_17 - Biomas Mundiais [Salvo automaticamente].pptx
PatriciaZanoli
 
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptxAula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
LILIANPRESTESSCUDELE
 

Último (20)

karl marx biografia resumida com suas obras e história de vida
karl marx biografia resumida com suas obras e história de vidakarl marx biografia resumida com suas obras e história de vida
karl marx biografia resumida com suas obras e história de vida
 
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
 
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdfO Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
 
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - AlfabetinhoAtividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
 
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões.          pptxRimas, Luís Vaz de Camões.          pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
 
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdfTestes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
 
As sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativasAs sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativas
 
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdfcronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
 
Fernão Lopes. pptx
Fernão Lopes.                       pptxFernão Lopes.                       pptx
Fernão Lopes. pptx
 
1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.
1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.
1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.
 
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptxRedação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
 
Atividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º anoAtividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º ano
 
Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.pptEstrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
 
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
 
Famílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do Assaré
Famílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do AssaréFamílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do Assaré
Famílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do Assaré
 
Leis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.ppt
Leis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.pptLeis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.ppt
Leis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.ppt
 
slides de Didática 2.pdf para apresentar
slides de Didática 2.pdf para apresentarslides de Didática 2.pdf para apresentar
slides de Didática 2.pdf para apresentar
 
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo FreireLivro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
 
2020_09_17 - Biomas Mundiais [Salvo automaticamente].pptx
2020_09_17 - Biomas Mundiais [Salvo automaticamente].pptx2020_09_17 - Biomas Mundiais [Salvo automaticamente].pptx
2020_09_17 - Biomas Mundiais [Salvo automaticamente].pptx
 
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptxAula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
 

CARTILHA : ALFABETIZAÇÃO

  • 1. Um retrato atual da criança e do adolescente Brasileiro Educando com a ajuda das Neurociências Um retrato atual da criança e do adolescente Brasileiro Educando com a ajuda das Neurociências Os métodos de alfabetização não devem ser utilizados de forma mecânica. O ensino deve ser apresentado à criança de forma espontânea e divertida para que ela possa conhecer, compreender e construir o seu conhecimento. Sandra Jacob Mariana Luiza Liliane Marilda Letícia de Freitas Isabela Fernandes Irene Anselmo Gladys Martins Fernanda dos Santos Fabiane Lemos
  • 2. Um retrato atual da criança e do adolescente Brasileiro Educando com a ajuda das Neurociências Um retrato atual da criança e do adolescente Brasileiro Educando com a ajuda das Neurociências Para que a aprendizagem da leitura e da escrita transcorra de forma eficiente,conhecer os métodos de alfabetização é de fundamental importância.Por meio deles é possível assinalar quais as melhores estratégias a serem usadas na aprendizagem da leitura e da escrita,de forma a oferecer as condições para o aluno iniciar-se no mundo letrado. Esta cartilha visa apresentar os métodos de alfabetização mais difundidos no país, além de estimular a reflexão sobre a importância do lúdico como método de alfabetização, que constitui condição para o desenvolvimento infantil.O intuito é que o docente atente-se à necessidade de definir seus objetivos educacionais, ciente de que o melhor método de alfabetização seria a reinvenção de todos os outros, contextualizando-os e tornando sua prática cada vez mais lúdica e eficaz. ALFABETIZAR OU LETRAR? 1 2 Alfabetizar é o ato de ensinar o código da língua escrita, ensinando a ler e escrever. É um processo de compreensão de significados por meio do código escrito e é também um conjunto de habilidades.Letramento é o resultado da ação de ensinar ou de aprender a ler e escrever, o estado ou condição que adquire um grupo social ou um indivíduo como consequência de ter se apropriado da escrita.Nesse sentido a alfabetização possibilita à criança fazer parte da sociedade de forma crítica e dinâmica.A alfabetização faz parte da constituição da personalidade. Assim, alfabetizar não é uma tarefa exclusiva do 1° ano do Ensino Fundamental. Esse processo também ocorre nos anos posteriores, sendo de fundamental importância para a vida escolar da criança e para o viver em sociedade. Alfabetizar na perspectiva do letramento é uma determinação dos Parâmetros Curriculares Nacionais.
  • 3. MÉTODOS SINTÉTICOS Silábico - Fônico - Alfabético Tem como proposta a progressão de unidades menores (letra, fonema, sílaba) a unidades mais complexas (palavra, frase, texto).Seu enfoque é o processos de decodificação, análise fonológica, relações entre fonemas (sons) e grafemas (letras). Possibilita a análise das relações entre fonemas (sons ou unidades sonoras) e grafemas (letras ou grupo de letras). Promove o desenvolvimento da consciência fonológica e os processos de codificação e decodificação. Porém,desconsidera os usos e funções sociais da escrita. Em algum momento, o aprendiz tem que se desvincular da fala para codificar (escrever) e decodificar (ler) palavras, frases e textos, já que em alguns casos a escrita não representa os sons da fala. 3 MÉTODOS ANALÍTICOS Palavração - Sentenciação - Global de Contos Tem como proposta a progressão de unidades de sentido mais amplas (palavra, frase, texto) a unidades menores (sílabas). Seu enfoque é a compreensão de sentidos e aprendizagem ideovisual (reconheci-mento global pela silhueta da palavra, frase ou texto). Possui como vantagem o reconhecimento global e mais rápido das palavras, possibilitando a leitura de unidades com sentido desde o início da escolarização. Mas,se não houver uma correta orientação do professor,pode dificultar a leitura com sentido quando o texto apre- sentar palavras completamente novas.Se não houver uma orientação correta para a decodificação,corre-se o risco do aluno utilizar do recurso da memorização sem observar que as palavras são compostas de unidades menores. MÉTODO CONSTRUTIVISTA Apresenta uma nova visão da aprendizagem, entendendo-a como um processo contínuo de desenvolvimento.As aprendizagens dadas durante o período dos três aos seis anos fazem parte do processo de alfabetização. Neste método a escrita, a leitura e a linguagem oral não se desenvolvem separadamente, mas atuam de maneira interdependente.O Construtivismo busca criar práticas para trabalhar em sala de aula, de acordo com o nível intelectual em que a criança se encontra. 3 4
  • 4. SUGESTÕES PARA O PROFESSOR 5 6 1. Use jogos educativos em suas aulas 2.Desenvolva atividades lúdicas com seus alunos 3.Procure introduzir os conteúdos de forma diferente 4. Na sala de aula, mude a posição de cadeiras e mesas 5.Motive os alunos a participarem 6.Modifique o ambiente das aulas 7.Explore cartazes, vídeos e filmes 8.Leve jornais e revistas para a sala de aula 9.Aproveite todo o ambiente escolar 10.Crie aulas diferentes e divertidas 11.Elabore situações problema 12.Busque auxílio nos meios de comunicação 13.Troque experiências com os colegas 14.Valorize as opiniões de seus alunos 15. Peça sugestões aos alunos para as aulas 16.Faça trabalhos em pequenos grupos 17.Solicite que os alunos avaliem suas aulas. 18.Estimule a aprendizagem de seus alunos Deixe transparecer que você acredita e valoriza o seu trabalho. É importante ressaltar que a Lei de Diretrizes Básicas (LDB) garante o acesso de crianças, cada vez mais cedo, no ambiente escolar formal, representando um avanço na garantia de direitos. No entanto, é preciso rever as práticas educativas, que na maioria das vezes, limita a criatividade, autoestima, autonomia e participação infantil, fundamentais para o desenvolvimento da criança. O processo de alfabetização da crianças deve ser realizado com prazer e construção e a estratégia lúdica vem se configurando como uma importante ferramenta para o desenvolvimento infantil e aquisições formais. O lúdico aplicado à prática pedagógica não apenas contribui para a aprendizagem da criança,como possibilita ao educador tornar suas aulas mais dinâmicas e prazerosas. É importante que as atividades lúdicas façam parte do planejamento do professor. Sem propósito, seu uso se torna improdutivo, ineficiente, pois o planejamento define o objetivo e norteia a ação do docente, podendo ser flexível para se adequar às diferentes turmas,caso haja necessidade.
  • 5. O DESAFIO DE ENSINAR A LER Sugestões de Atividades PARA A LEITURA DE PALAVRAS 1.BINGO DE LEITURA Materiais: lápis, papel e fichas com as figuras correspondentes as palavras da lista trabalhada. Procedimento: Cada aluno ou grupo de aluno recebe um pedaço de papel, escolhe quatro palavras da lista e as escreve. O professor passa a sortear as fichas, mostrando-as e repetindo seu nome várias vezes. Caso a criança ou grupo tenha a palavra correspondente em sua cartela deverá marcá-la. Vence aquele que marcar, primeiro, todas as palavras da cartela. 2.PREGUICINHA Materiais: envelopes de colorset com abertura nas duas extremidades, cartões com palavras de uma lista já trabalhada. Procedimento: Esconder o cartão no envelope e propor a adivinhação da palavra, mostrando lentamente ora a letra inicial, ora a letra final até que as crianças descubram a palavra escondida. 3.MEMÓRIA COLETIVA Materiais: Quadro de cinco pregas; seis pares de cartões com as palavras da lista e as figuras correspondentes; cartões numerados de 01 a 04 e cartões com as letras A, B, C e D. Procedimento: Dividir a turma em pequenos grupos. Organizar na primeira linha do quadro de pregas os cartões numerados e na primeira coluna os cartões com letras. Completar as linhas e colunas com os cartões de figuras e de palavras embaralhados e voltados para trás. Cada grupo, na sua vez de jogar escolhe um par ordenado. O grupo que encontrar mais pares vence a partida. PARA A LEITURA DE LETRAS BINGO DE LETRAS Materiais: lápis, papel e cartões com as letras do alfabeto. Procedimento: Cada aluno ou grupo de aluno recebe um pedaço de papel e escreve uma das palavras da lista trabalhada. O professor passa a sortear as letras, mostrando-as e repetindo seu nome várias vezes. Caso a criança ou grupo tenha a letra sorteada em sua cartela deverá marcá-la. Vence aquele que marcar, primeiro, todas as letras da cartela. 7 8
  • 6. PARA A LEITURA DE PALAVRAS 4.CERTO OU ERRADO Materiais: Quadro de várias pregas; 02 cartões com os títulos das categorias de listas trabalhadas em sala de aula e cartões com as palavras destas listas. Procedimento: Cada grupo é desafiado a organizar os cartões de acordo com a categoria. A conferência deve ser feita coletivamente. 5.PASSA OU REPASSA Materiais: Cartões com palavras de várias categorias de listas trabalhadas em sala de aula. Procedimento: A turma deverá ser organizada em dois grupos. Cada grupo indica um participante, que deverá se posicionar de frente para seu oponente, em volta de uma mesa e com as mãos na cabeça. O professor sorteia uma categoria e mostra a primeira palavra. Ao seu comando os jogadores devem bater na mesa o mais rápido que conseguirem. Aquele que bater primeiro terá o direito de fazer a leitura da palavra. Se estiver certo, marca ponto para o grupo e desafia outro oponente. O jogo segue até que todos tenham participado. PARA A LEITURA DE FRASES FRASES EMBARALHADAS Materiais: Quadro de 01 prega; tiras com palavras que possibilitem a formação de frases. Procedimento: Cada grupo é desafiado a organizar uma frase. O sentido da frase é conferido coletivamente. PARA A LEITURA DE TEXTO 1. TEXTO FATIADO Materiais: Quadro de várias pregas; tiras de cartões com frases que compõe um pequeno texto conhecido de memória. Procedimento: Cada grupo é desafiado a organizar o texto. A conferência deve ser feita coletivamente. 2. LEITURA EXPLOSIVA Materiais: Quadro de 01 prega; envelopes com adivinhas; cartões com as respostas correspondentes às adivinhas e balões coloridos. Procedimento: Cada grupo elege um representante que receberá uma das bolas de aniversário e funcionará como cronômetro para um grupo adversário. Na sua vez de jogar, o grupo recebe um envelope com uma adivinha que deverá ser lida para todos. O grupo se põe a procurar a resposta entre os cartões que deverão estar espalhados sobre a mesa, enquanto o representante do outro grupo se põe a assoprar a bola. Assim que encontrar a palavra deverá colocá-la no quadro de pregas. Se o grupo demorar a encontrar a resposta e a bola estourar, perde a rodada. Se errar a palavra pode fazer mais duas tentativas enquanto a bola não estoura. Se acertar a palavra, o adversário deverá segurar a bola, sem esvaziá-la, aguardando a nova partida para continuar a assoprá-la. 9 10
  • 7. A ALFABETIZAÇÃO LÚDICA ATENDE AOS 4 PILARES DA EDUCAÇÃO : APRENDER A SER Forjar o corpo integral : Espírito e corpo Desenvolver a autonomia Assumir responsabilidades Valorizar potencialidades 11 12 APRENDER A CONVIVER Descobrir o outro Perceber a independência humana Gerenciar conflitos Valorizar o pluralismo cultural Participar, cooperar, partilhar APRENDER A FAZER Aplicar saberes Acessar às tecnologias digitais Aceder ao mundo do trabalho APRENDER A CONHECER Dominar os instrumentos do conhecimento Desenvolver capacidades e competências Ampliar as possibilidades de comunicação Despertar para a curiosidade intelectual Promover o diálogo: saber popular e científico “A ludicidade, tão importante para a saúde mental do ser humano, precisa ser mais considerada; o espaço lúdico da criança está merecendo maior atenção, pois é o espaço para a expressão mais genuína do ser, é o espaço do exercícioda relação afetiva com o mundo, com as pessoas, e com os objetos.” Nylse H. da Silva Cunha ( Psicóloga )
  • 8. REFERÊNCIAS BRASIL. Governo do estado de São Paulo; Secretaria de educação ; Projeto Nordeste. Ler e escrever: livro de textos do aluno. São Paulo: FDE. 3 ed., 2010. BRASIL. Ministério da educação e cultura; Secretaria de educação fundamental;Projeto nordeste. Advinhações,cantigas de roda, parlendas, poemas, quadrinhas e trava- línguas. Brasília: MEC/SEF, 2000. BRASIL. Ministério da educação e cultura; Secretaria de educação fundamental;Projeto nordeste. Textos informativos, textos instrucionais e biografias. Brasília: MEC/SEF, 2000. BRASIL. Ministério da educação e cultura; Secretaria de educação continuada, alfabetização e diversidade; Programa escola ativa. Caderno do educador: alfabetização e letramento. Brasília: MEC/SEF. 2 ed., 2010. BRASIL. Ministério da educação e cultura; Secretaria de educaçãobásica; Diretoria de apoio à gestão educacional. Pacto Nacional pela alfabetização na idade certa: a criança no ciclo de alfabetização. Brasília: MEC/SEB. 2, 2015. Universidade Federal de Minas Gerais; Faculdade de educação;Centro de alfabetização, leitura e escrita. Orientações para a organização do ciclo inicial da alfabetização: alfabetizando/caderno 2.Belo Horizonte: Ceale/Fae/UFMG, 2000. 13 “Brincar com a criança não é perder tempo, é ganhá-lo; se é triste ver menino sem escola, mais triste ainda é vê-los sentados, tolhinhos e enfileirados em uma sala de aula sem ar, com atividades mecanizadas, exercícios estéreis, sem valor para a formação dos homens críticos e transformadores de uma sociedade”. Carlos Drummond Andrade