SlideShare uma empresa Scribd logo
SECRETARIA DE ESTADO DE TRANSPORTES
Metrô – Expansão da Linha 2
Rio de Janeiro, 01 de Dezembro de 2015
CLUBE DE ENGENHARIA
REGIÃO METROPOLITANA COMPARATIVO 2003 x 2012
Fonte: PDTU 2003
21 municípios
11,28 milhões de habitantes
(11,90 milhões em 2012)
19,9 milhões de viagens/dia
(22,5 milhões em 2012)
12,5 milhões de viagens motorizadas, sendo 9,2 milhões TP
(15,4 milhões em 2012, sendo 11 milhões em Transporte Público)
75% da população
do Estado
Fonte: Agetransp (metrô, trens e barcas); Fetranspor/Detro
(ônibus)
* (Detro/Linhas Intermunicipais)
RMRJ - EVOLUÇÃO DA DEMANDA
ANO/MODO METRÔ TRENS BARCAS ÔNIBUS *
2007 150,1 mi 118,8 mi 22,9 mi 522, 2 mi
2014 227,8 mi 164,0 mi 28,4 mi 676,5 mi
Aumento
Demanda 77,7 mi 45,2 mi 5,5 mi 154,3 mi
Taxa
Crescimento 51,8% 38,05% 24,02% 29,5%
1 - Crescimento da Mancha Urbana da RMRJ;
2 - Planos Metroviários;
3 - PDTU;
4 - PDM;
5 - Demanda de Passageiros;
6 - Linha 4;
7 - Expansão da Linha 2.
RM Rio de Janeiro - Mancha Urbana em 1975Fonte: Plano Diretor do Arco Metropolitano
RM Rio de Janeiro - Mancha Urbana em 2007Fonte: ZEE/RJ
RM Rio de Janeiro – Mancha Urbana em 2013 ( 60km x 45km = 2.700 km2 )
PLANOS METROVIÁRIOS
(1947 - CIA. CARRIS /
LIGHT)
Horizonte 1990
 Linha 1 – Jacarepaguá / Nossa Senhora
da Paz
 Linha 2 – Pavuna / Niterói
Horizonte pós 1990
 Linha 3 – Jacarepaguá / Penha (via
Tanque, Taquara e Madureira);
ESTUDO DE VIABILIDADE TÉCNICA
E ECONÔMICA DO
METROPOLITANO DO RJ – 1968
PLANOS METROVIÁRIOS (1968 ALEMÃES)
Projeto Original do Metrô no Rio de Janeiro
(Alemães 1968)
PARCERIA COM OS MUNICÍPIOS DA RMRJ
O PLANO DIRETOR DE TRANSPORTES URBANO RMRJ, SEGUNDA MAIOR ÁREA
METROPOLITANA DO PAÍS, COMPOSTA POR 21 MUNICÍPIOS COM
CARACTERÍSTICAS DISTINTAS E PECULIARES. DELINEIA UM SISTEMA DE
TRANSPORTE ESTRUTURADO, JUSTO, RACIONAL, INTEGRADO E EFICAZ, PARA
A PROMOÇÃO DE UMA MELHOR QUALIDADE DE VIDA PARA A POPULAÇÃO.
PDTU
O Plano de Mobilidade Metropolitana
Comparativo PDTU (2003 x 2012)
As pessoas se deslocam de forma unidirecional, nos poucos corredores
estruturantes existentes, nos mesmos horários.
Este comportamento é a principal causa dos congestionamentos.
O Fluxo da Mobilidade na Região Metropolitana)
 Linha 1 – Gal. Osório/ Uruguai
 Linha 2 – Pavuna / Botafogo
1.000 Passageiros/dia
Metrô RJ – Evolução Rede Atual
• 19 novos trens;
• Novo sistema de Ar Condicionado (33% mais potente);
• Oferta adicional de 500mil viagens/dia;
• Melhor circulação interna, com passagem livre entre os carros;
• Moderno sistema de informação aos passageiros.
Novos Trens
(Linhas 1 e 2)
Com extensão aproximada de 16 km, a Linha 4 ligará a Zona Oeste - Barra da Tijuca, à Zona Sul - Ipanema e Gávea,
além de integrá-la ao Sistema Metroviário existente - Linha 1.
Tem sua conclusão prevista para meados de 2016 de forma a atender aos compromissos assumidos pelo Governo do
Estado, para os Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro.
Com a implantação de seis novas estações, JARDIM OCEÂNICO - SÃO CONRADO – GÁVEA* - ANTERO DE QUENTAL
(Leblon) - JARDIM DE ALAH - NOSSA SENHORA DA PAZ (Ipanema) e a expansão com a nova estação GENERAL OSÓRIO
para integração da Linha 1 / Linha 4, estima-se o aumento de cerca de 300 mil passageiros/dia no Sistema Metroviário.
* A estação Gávea será concluída no primeiro trimestre de 2018
Linha 4
(Características Gerais)
16 Km de extensão
6 Estações
Licitação: 1998
Início das obras: 2010
Linha 4 (Traçado)
TBM - Estação N. Srª da Paz 1º Trem da Linha 4
Ponte EstaiadaTBM
Linha 4
(Obra com Tecnologia de Ponta)
RIO DE JANEIRO, OUTUBRO DE 2015
DEPLAE – DEPARTAMENTO DE PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO
D.E.
DIRETORIA DE
ENGENHARIA
PDM
PLANO DIRETOR METROVIÁRIO
PDM – PLANO DIRETOR METROVIÁRIO
Através de ação governamental oportuna, encontra-se em
desenvolvimento, sob coordenação da RIOTRILHOS, um plano diretor de
mobilidade urbana focado no modal metroviário, o PDM.
Articulado com os demais modais, o PDM planeja e indica os
investimentos em metrô no Estado do Rio de Janeiro, projetando os
próximos 30 anos (2015 – 2045) de expansão metroviária, tendo como
base o crescimento urbano.
RIO DE JANEIRO, NOVEMBRO DE 2015
Expansão
Estácio – Carioca – Praça XV
CONSIDERAÇÕES INICIAIS
Projetada como a 2ª Linha em prioridade do Metrô para o Rio de Janeiro, conforme o Estudo
de Viabilidade do Metrô, elaborado em 1968, esta Linha foi na prática feita concomitante à
Linha 1, com base em decisão do Governo da Fusão em 1975.
Naquela época foi cogitado operá-la no Sistema Metrô entre as estações Estácio e Triagem e
no sistema pré-metrô entre as estações Triagem e Pavuna. Por diferentes razões, esta
concepção não foi levada à efeito e passou a ser integralmente operada em Sistema Metrô,
desde a estação Estácio até a estação Pavuna.
O trecho entre Estácio e Carioca, sempre considerado de maior prioridade, como extensão do
metrô foi sendo postergado.
A decisão de levar adiante esse trecho, passados quase cinquenta anos da sua concepção,
resgata uma importante dívida para com os moradores da Zona Norte, e dos bairros do Centro
uma vez que a operação plena da Linha 2 com a inclusão do trecho Estácio-Carioca-Pça XV,
multiplica por quatro a capacidade dessa Linha.
CARACTERÍSTICAS DO TRECHO
5 Estações
3,7 Km de extensão
Acréscimo de 450 mil passageiros / dia
Aumenta em 2.9 vezes a demanda da linha que atende à
região carente de transportes
Utiliza trens de 8 carros
Reduz de 275 para 120 segundos o intervalo atual
Inclui demanda de transferência Linha 1/4
LINHA 1, 1A E LINHA 2, HOJE
O NOVO TRECHO ESTÁCIO – CARIOCA – PRAÇA XV
ATRATIVIDADE DO TRECHO COM O PASSAR DOS ANOS
PRAÇA XV
MAPA DE TRANSPORTES - 2010
METRÔ
TREM
BARCAS
METRÔ
TREM
BARCAS
TRANSOESTE
MAPA DE TRANSPORTES - 2012
METRÔ
TREM
BARCAS
TRANSOESTE
TRANSCARIOCA
MAPA DE TRANSPORTES - 2014
METRÔ
TREM
BARCAS
TRANSOESTE
TRANSCARIOCA
TRANSBRASIL
TRANSOLÍMPICA
VLT
MAPA DE TRANSPORTES - 2016
METRÔ
TREM
BARCAS
TRANSOESTE
TRANSCARIOCA
TRANSBRASIL
TRANSOLÍMPICA
VLT
MAPA DE TRANSPORTES - 2016
Carlos Osório - Linha 2 Estácio - Carioca - Praça XV - 01/12/2015 Clube de Engenharia

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Projeto do Anel de Alta Performance do Transporte Público é apresentado na AD...
Projeto do Anel de Alta Performance do Transporte Público é apresentado na AD...Projeto do Anel de Alta Performance do Transporte Público é apresentado na AD...
Projeto do Anel de Alta Performance do Transporte Público é apresentado na AD...
Amar Jardim Oceânico
 
Release Intermodal 2017 - 150 anos da São Paulo Railway
Release Intermodal 2017 - 150 anos da São Paulo RailwayRelease Intermodal 2017 - 150 anos da São Paulo Railway
Release Intermodal 2017 - 150 anos da São Paulo Railway
MRS Logística
 
Breve relato para o gov j. w. sobre alternativas ao pil e antt e transposica...
Breve relato para o gov j. w. sobre alternativas ao pil  e antt e transposica...Breve relato para o gov j. w. sobre alternativas ao pil  e antt e transposica...
Breve relato para o gov j. w. sobre alternativas ao pil e antt e transposica...
Rafael Vasconcellos
 
BRT
BRTBRT
Apres slides aspectos_fisicos_mbm
Apres slides aspectos_fisicos_mbmApres slides aspectos_fisicos_mbm
Apres slides aspectos_fisicos_mbm
trans_smt
 
Anel viário/Rima /2a fase da sp-083
Anel viário/Rima /2a fase da sp-083Anel viário/Rima /2a fase da sp-083
Anel viário/Rima /2a fase da sp-083
1962laura
 
Propostas Eixo Mobilidade
Propostas Eixo MobilidadePropostas Eixo Mobilidade
Propostas Eixo Mobilidade
PDDI RMVA
 
Avaliação da viabilidade do BRT
Avaliação da viabilidade do BRTAvaliação da viabilidade do BRT
Avaliação da viabilidade do BRT
Gernandes Mota Filho
 
Linha amarela S.A. Lamsa
Linha amarela S.A.   LamsaLinha amarela S.A.   Lamsa
Linha amarela S.A. Lamsa
Regina Karla de Azevedo
 
Apresentação do extrato do Diagnóstico - Eixo Meio Ambiente
Apresentação do extrato do Diagnóstico - Eixo Meio AmbienteApresentação do extrato do Diagnóstico - Eixo Meio Ambiente
Apresentação do extrato do Diagnóstico - Eixo Meio Ambiente
PDDI RMVA
 
PIT - Construção Sustentável em Rodovias, por Marcelo Perrupato
PIT - Construção Sustentável em Rodovias, por Marcelo PerrupatoPIT - Construção Sustentável em Rodovias, por Marcelo Perrupato
PIT - Construção Sustentável em Rodovias, por Marcelo Perrupato
Sinaenco - Sindicato da Arquitetura e Engenharia Consultiva
 
Rafael nascimento
Rafael nascimentoRafael nascimento
Rafael nascimento
Carlos Elson Cunha
 
Apresentação QueroMetrô! no Clube de Engenharia 20131113
Apresentação QueroMetrô! no Clube de Engenharia 20131113Apresentação QueroMetrô! no Clube de Engenharia 20131113
Apresentação QueroMetrô! no Clube de Engenharia 20131113
Rodrigo Sampaio
 
Em busca de carga geral - Entrevista de Guilherme Mello, presidente da MRS, p...
Em busca de carga geral - Entrevista de Guilherme Mello, presidente da MRS, p...Em busca de carga geral - Entrevista de Guilherme Mello, presidente da MRS, p...
Em busca de carga geral - Entrevista de Guilherme Mello, presidente da MRS, p...
MRS Logística S.A.
 
Apresentação Mobilidade
Apresentação MobilidadeApresentação Mobilidade
Apresentação Mobilidade
PDDI RMVA
 
Apresentação do extrato do Diagnóstico - Ordenamento Territorial
Apresentação do extrato do Diagnóstico - Ordenamento TerritorialApresentação do extrato do Diagnóstico - Ordenamento Territorial
Apresentação do extrato do Diagnóstico - Ordenamento Territorial
PDDI RMVA
 
Apresentação do extrato do Diagnóstico - Eixo Mobilidade
Apresentação do extrato do Diagnóstico - Eixo MobilidadeApresentação do extrato do Diagnóstico - Eixo Mobilidade
Apresentação do extrato do Diagnóstico - Eixo Mobilidade
PDDI RMVA
 
Logistica
LogisticaLogistica
Logistica
Portal iBahia
 

Mais procurados (18)

Projeto do Anel de Alta Performance do Transporte Público é apresentado na AD...
Projeto do Anel de Alta Performance do Transporte Público é apresentado na AD...Projeto do Anel de Alta Performance do Transporte Público é apresentado na AD...
Projeto do Anel de Alta Performance do Transporte Público é apresentado na AD...
 
Release Intermodal 2017 - 150 anos da São Paulo Railway
Release Intermodal 2017 - 150 anos da São Paulo RailwayRelease Intermodal 2017 - 150 anos da São Paulo Railway
Release Intermodal 2017 - 150 anos da São Paulo Railway
 
Breve relato para o gov j. w. sobre alternativas ao pil e antt e transposica...
Breve relato para o gov j. w. sobre alternativas ao pil  e antt e transposica...Breve relato para o gov j. w. sobre alternativas ao pil  e antt e transposica...
Breve relato para o gov j. w. sobre alternativas ao pil e antt e transposica...
 
BRT
BRTBRT
BRT
 
Apres slides aspectos_fisicos_mbm
Apres slides aspectos_fisicos_mbmApres slides aspectos_fisicos_mbm
Apres slides aspectos_fisicos_mbm
 
Anel viário/Rima /2a fase da sp-083
Anel viário/Rima /2a fase da sp-083Anel viário/Rima /2a fase da sp-083
Anel viário/Rima /2a fase da sp-083
 
Propostas Eixo Mobilidade
Propostas Eixo MobilidadePropostas Eixo Mobilidade
Propostas Eixo Mobilidade
 
Avaliação da viabilidade do BRT
Avaliação da viabilidade do BRTAvaliação da viabilidade do BRT
Avaliação da viabilidade do BRT
 
Linha amarela S.A. Lamsa
Linha amarela S.A.   LamsaLinha amarela S.A.   Lamsa
Linha amarela S.A. Lamsa
 
Apresentação do extrato do Diagnóstico - Eixo Meio Ambiente
Apresentação do extrato do Diagnóstico - Eixo Meio AmbienteApresentação do extrato do Diagnóstico - Eixo Meio Ambiente
Apresentação do extrato do Diagnóstico - Eixo Meio Ambiente
 
PIT - Construção Sustentável em Rodovias, por Marcelo Perrupato
PIT - Construção Sustentável em Rodovias, por Marcelo PerrupatoPIT - Construção Sustentável em Rodovias, por Marcelo Perrupato
PIT - Construção Sustentável em Rodovias, por Marcelo Perrupato
 
Rafael nascimento
Rafael nascimentoRafael nascimento
Rafael nascimento
 
Apresentação QueroMetrô! no Clube de Engenharia 20131113
Apresentação QueroMetrô! no Clube de Engenharia 20131113Apresentação QueroMetrô! no Clube de Engenharia 20131113
Apresentação QueroMetrô! no Clube de Engenharia 20131113
 
Em busca de carga geral - Entrevista de Guilherme Mello, presidente da MRS, p...
Em busca de carga geral - Entrevista de Guilherme Mello, presidente da MRS, p...Em busca de carga geral - Entrevista de Guilherme Mello, presidente da MRS, p...
Em busca de carga geral - Entrevista de Guilherme Mello, presidente da MRS, p...
 
Apresentação Mobilidade
Apresentação MobilidadeApresentação Mobilidade
Apresentação Mobilidade
 
Apresentação do extrato do Diagnóstico - Ordenamento Territorial
Apresentação do extrato do Diagnóstico - Ordenamento TerritorialApresentação do extrato do Diagnóstico - Ordenamento Territorial
Apresentação do extrato do Diagnóstico - Ordenamento Territorial
 
Apresentação do extrato do Diagnóstico - Eixo Mobilidade
Apresentação do extrato do Diagnóstico - Eixo MobilidadeApresentação do extrato do Diagnóstico - Eixo Mobilidade
Apresentação do extrato do Diagnóstico - Eixo Mobilidade
 
Logistica
LogisticaLogistica
Logistica
 

Semelhante a Carlos Osório - Linha 2 Estácio - Carioca - Praça XV - 01/12/2015 Clube de Engenharia

Anexo 2
Anexo 2Anexo 2
apresentação da Rede Metro Chico macena
apresentação da Rede Metro Chico  macenaapresentação da Rede Metro Chico  macena
apresentação da Rede Metro Chico macena
Chico Macena
 
teste twitter
teste twitterteste twitter
teste twitter
FGV
 
teste twitter
teste twitterteste twitter
teste twitter
FGV
 
Transportes Metropolitanos SP 2014 (Números, problemas e possíveis soluções)
Transportes Metropolitanos SP   2014 (Números, problemas e possíveis soluções)Transportes Metropolitanos SP   2014 (Números, problemas e possíveis soluções)
Transportes Metropolitanos SP 2014 (Números, problemas e possíveis soluções)
Wellinton Augusto
 
"O Rio nos trilhos" - Sergio Magalhães no OsteRio
"O Rio nos trilhos" - Sergio Magalhães no OsteRio"O Rio nos trilhos" - Sergio Magalhães no OsteRio
"O Rio nos trilhos" - Sergio Magalhães no OsteRio
IETSRJ
 
Artigo 151111 o estado de sao paulo alberto
Artigo 151111 o estado de sao paulo albertoArtigo 151111 o estado de sao paulo alberto
Artigo 151111 o estado de sao paulo alberto
Eduardo Facchini
 
BalancoMetroFerrroviário2016/2017
BalancoMetroFerrroviário2016/2017BalancoMetroFerrroviário2016/2017
BalancoMetroFerrroviário2016/2017
Roberta Soares
 
Plano diretor/Emdec 9/3/17
Plano diretor/Emdec 9/3/17Plano diretor/Emdec 9/3/17
Plano diretor/Emdec 9/3/17
resgate cambui ong
 
Mobilidade urbana pdf
 Mobilidade urbana pdf Mobilidade urbana pdf
Mobilidade urbana pdf
Alfredo Moreira
 
Palestra ADEMI - BRTs - Carta de Projetos de Transportes Rio - 04/07/2011
Palestra ADEMI - BRTs - Carta de Projetos de Transportes Rio - 04/07/2011Palestra ADEMI - BRTs - Carta de Projetos de Transportes Rio - 04/07/2011
Palestra ADEMI - BRTs - Carta de Projetos de Transportes Rio - 04/07/2011
Amar Jardim Oceânico
 
Metrô Leve – Monotrilho Belo Horizonte
Metrô Leve – Monotrilho Belo HorizonteMetrô Leve – Monotrilho Belo Horizonte
Metrô Leve – Monotrilho Belo Horizonte
fabiocaldeiracs
 
Como desatar-este-no
Como desatar-este-noComo desatar-este-no
Como desatar-este-no
Roberta Soares
 
Plano Expansão Metrô
Plano Expansão  MetrôPlano Expansão  Metrô
Plano Expansão Metrô
Chico Macena
 
Cbtu
CbtuCbtu
DIÁLOGO SOBRE MOBILIDADE OU EXPERIÊNCIAS E INOVAÇÕES IMPLANTADAS E SEUS IMPAC...
DIÁLOGO SOBRE MOBILIDADE OU EXPERIÊNCIAS E INOVAÇÕES IMPLANTADAS E SEUS IMPAC...DIÁLOGO SOBRE MOBILIDADE OU EXPERIÊNCIAS E INOVAÇÕES IMPLANTADAS E SEUS IMPAC...
DIÁLOGO SOBRE MOBILIDADE OU EXPERIÊNCIAS E INOVAÇÕES IMPLANTADAS E SEUS IMPAC...
Gabriella Ribeiro
 
SISTEMAS BRT: conceitos e elementos técnicos
SISTEMAS BRT: conceitos e elementos técnicosSISTEMAS BRT: conceitos e elementos técnicos
SISTEMAS BRT: conceitos e elementos técnicos
Andre Dantas
 
Rede Integrada de Transporte - O projeto BRT. 3° Rodadas de Inovação
Rede Integrada de Transporte - O projeto BRT. 3° Rodadas de InovaçãoRede Integrada de Transporte - O projeto BRT. 3° Rodadas de Inovação
Rede Integrada de Transporte - O projeto BRT. 3° Rodadas de Inovação
Incubadora de Negócios Unifacs
 
Propostas do SETCESP para o Abastecimento Urbano
Propostas do SETCESP para o Abastecimento UrbanoPropostas do SETCESP para o Abastecimento Urbano
Anp trilhos balanco 2012-2013
Anp trilhos balanco 2012-2013Anp trilhos balanco 2012-2013
Anp trilhos balanco 2012-2013
Roberta Soares
 

Semelhante a Carlos Osório - Linha 2 Estácio - Carioca - Praça XV - 01/12/2015 Clube de Engenharia (20)

Anexo 2
Anexo 2Anexo 2
Anexo 2
 
apresentação da Rede Metro Chico macena
apresentação da Rede Metro Chico  macenaapresentação da Rede Metro Chico  macena
apresentação da Rede Metro Chico macena
 
teste twitter
teste twitterteste twitter
teste twitter
 
teste twitter
teste twitterteste twitter
teste twitter
 
Transportes Metropolitanos SP 2014 (Números, problemas e possíveis soluções)
Transportes Metropolitanos SP   2014 (Números, problemas e possíveis soluções)Transportes Metropolitanos SP   2014 (Números, problemas e possíveis soluções)
Transportes Metropolitanos SP 2014 (Números, problemas e possíveis soluções)
 
"O Rio nos trilhos" - Sergio Magalhães no OsteRio
"O Rio nos trilhos" - Sergio Magalhães no OsteRio"O Rio nos trilhos" - Sergio Magalhães no OsteRio
"O Rio nos trilhos" - Sergio Magalhães no OsteRio
 
Artigo 151111 o estado de sao paulo alberto
Artigo 151111 o estado de sao paulo albertoArtigo 151111 o estado de sao paulo alberto
Artigo 151111 o estado de sao paulo alberto
 
BalancoMetroFerrroviário2016/2017
BalancoMetroFerrroviário2016/2017BalancoMetroFerrroviário2016/2017
BalancoMetroFerrroviário2016/2017
 
Plano diretor/Emdec 9/3/17
Plano diretor/Emdec 9/3/17Plano diretor/Emdec 9/3/17
Plano diretor/Emdec 9/3/17
 
Mobilidade urbana pdf
 Mobilidade urbana pdf Mobilidade urbana pdf
Mobilidade urbana pdf
 
Palestra ADEMI - BRTs - Carta de Projetos de Transportes Rio - 04/07/2011
Palestra ADEMI - BRTs - Carta de Projetos de Transportes Rio - 04/07/2011Palestra ADEMI - BRTs - Carta de Projetos de Transportes Rio - 04/07/2011
Palestra ADEMI - BRTs - Carta de Projetos de Transportes Rio - 04/07/2011
 
Metrô Leve – Monotrilho Belo Horizonte
Metrô Leve – Monotrilho Belo HorizonteMetrô Leve – Monotrilho Belo Horizonte
Metrô Leve – Monotrilho Belo Horizonte
 
Como desatar-este-no
Como desatar-este-noComo desatar-este-no
Como desatar-este-no
 
Plano Expansão Metrô
Plano Expansão  MetrôPlano Expansão  Metrô
Plano Expansão Metrô
 
Cbtu
CbtuCbtu
Cbtu
 
DIÁLOGO SOBRE MOBILIDADE OU EXPERIÊNCIAS E INOVAÇÕES IMPLANTADAS E SEUS IMPAC...
DIÁLOGO SOBRE MOBILIDADE OU EXPERIÊNCIAS E INOVAÇÕES IMPLANTADAS E SEUS IMPAC...DIÁLOGO SOBRE MOBILIDADE OU EXPERIÊNCIAS E INOVAÇÕES IMPLANTADAS E SEUS IMPAC...
DIÁLOGO SOBRE MOBILIDADE OU EXPERIÊNCIAS E INOVAÇÕES IMPLANTADAS E SEUS IMPAC...
 
SISTEMAS BRT: conceitos e elementos técnicos
SISTEMAS BRT: conceitos e elementos técnicosSISTEMAS BRT: conceitos e elementos técnicos
SISTEMAS BRT: conceitos e elementos técnicos
 
Rede Integrada de Transporte - O projeto BRT. 3° Rodadas de Inovação
Rede Integrada de Transporte - O projeto BRT. 3° Rodadas de InovaçãoRede Integrada de Transporte - O projeto BRT. 3° Rodadas de Inovação
Rede Integrada de Transporte - O projeto BRT. 3° Rodadas de Inovação
 
Propostas do SETCESP para o Abastecimento Urbano
Propostas do SETCESP para o Abastecimento UrbanoPropostas do SETCESP para o Abastecimento Urbano
Propostas do SETCESP para o Abastecimento Urbano
 
Anp trilhos balanco 2012-2013
Anp trilhos balanco 2012-2013Anp trilhos balanco 2012-2013
Anp trilhos balanco 2012-2013
 

Mais de Arlindo Pereira

Dutch Beginners.pdf
Dutch Beginners.pdfDutch Beginners.pdf
Dutch Beginners.pdf
Arlindo Pereira
 
VLTzação
VLTzaçãoVLTzação
VLTzação
Arlindo Pereira
 
IBGE SMI 2014 - Mapeamento colaborativo sem experiência cartográfica
IBGE SMI 2014 - Mapeamento colaborativo sem experiência cartográficaIBGE SMI 2014 - Mapeamento colaborativo sem experiência cartográfica
IBGE SMI 2014 - Mapeamento colaborativo sem experiência cartográfica
Arlindo Pereira
 
Ciclo Rotas Centro
Ciclo Rotas CentroCiclo Rotas Centro
Ciclo Rotas Centro
Arlindo Pereira
 
Ciclo de Palestras do SINDPD-RJ - Apresentando o OpenStreetMap
Ciclo de Palestras do SINDPD-RJ - Apresentando o OpenStreetMapCiclo de Palestras do SINDPD-RJ - Apresentando o OpenStreetMap
Ciclo de Palestras do SINDPD-RJ - Apresentando o OpenStreetMap
Arlindo Pereira
 
Apresentando o OpenStreetMap - Serpro 01/02/2013
Apresentando o OpenStreetMap - Serpro 01/02/2013Apresentando o OpenStreetMap - Serpro 01/02/2013
Apresentando o OpenStreetMap - Serpro 01/02/2013
Arlindo Pereira
 
Apresentando o OpenStreetMap
Apresentando o OpenStreetMapApresentando o OpenStreetMap
Apresentando o OpenStreetMap
Arlindo Pereira
 
Apresentando o Creative Commons
Apresentando o Creative CommonsApresentando o Creative Commons
Apresentando o Creative Commons
Arlindo Pereira
 
Apresentando o OpenStreetMap no FISL
Apresentando o OpenStreetMap no FISLApresentando o OpenStreetMap no FISL
Apresentando o OpenStreetMap no FISL
Arlindo Pereira
 
State of Brazil 2010
State of Brazil 2010State of Brazil 2010
State of Brazil 2010
Arlindo Pereira
 
Apresentando o OpenStreetMap
Apresentando o OpenStreetMapApresentando o OpenStreetMap
Apresentando o OpenStreetMap
Arlindo Pereira
 
Apresentando o OpenStreetMap
Apresentando o OpenStreetMapApresentando o OpenStreetMap
Apresentando o OpenStreetMap
Arlindo Pereira
 
Apresentando conceitos de digitalização multimídia
Apresentando conceitos de digitalização multimídiaApresentando conceitos de digitalização multimídia
Apresentando conceitos de digitalização multimídia
Arlindo Pereira
 
Apresentando o Ubuntu Studio
Apresentando o Ubuntu StudioApresentando o Ubuntu Studio
Apresentando o Ubuntu Studio
Arlindo Pereira
 
Jogos no Linux
Jogos no LinuxJogos no Linux
Jogos no Linux
Arlindo Pereira
 
Apresentando o GNOME
Apresentando o GNOMEApresentando o GNOME
Apresentando o GNOME
Arlindo Pereira
 
State of Brazil '09
State of Brazil '09State of Brazil '09
State of Brazil '09
Arlindo Pereira
 
Apresentando o OpenStreetMap
Apresentando o OpenStreetMapApresentando o OpenStreetMap
Apresentando o OpenStreetMap
Arlindo Pereira
 

Mais de Arlindo Pereira (18)

Dutch Beginners.pdf
Dutch Beginners.pdfDutch Beginners.pdf
Dutch Beginners.pdf
 
VLTzação
VLTzaçãoVLTzação
VLTzação
 
IBGE SMI 2014 - Mapeamento colaborativo sem experiência cartográfica
IBGE SMI 2014 - Mapeamento colaborativo sem experiência cartográficaIBGE SMI 2014 - Mapeamento colaborativo sem experiência cartográfica
IBGE SMI 2014 - Mapeamento colaborativo sem experiência cartográfica
 
Ciclo Rotas Centro
Ciclo Rotas CentroCiclo Rotas Centro
Ciclo Rotas Centro
 
Ciclo de Palestras do SINDPD-RJ - Apresentando o OpenStreetMap
Ciclo de Palestras do SINDPD-RJ - Apresentando o OpenStreetMapCiclo de Palestras do SINDPD-RJ - Apresentando o OpenStreetMap
Ciclo de Palestras do SINDPD-RJ - Apresentando o OpenStreetMap
 
Apresentando o OpenStreetMap - Serpro 01/02/2013
Apresentando o OpenStreetMap - Serpro 01/02/2013Apresentando o OpenStreetMap - Serpro 01/02/2013
Apresentando o OpenStreetMap - Serpro 01/02/2013
 
Apresentando o OpenStreetMap
Apresentando o OpenStreetMapApresentando o OpenStreetMap
Apresentando o OpenStreetMap
 
Apresentando o Creative Commons
Apresentando o Creative CommonsApresentando o Creative Commons
Apresentando o Creative Commons
 
Apresentando o OpenStreetMap no FISL
Apresentando o OpenStreetMap no FISLApresentando o OpenStreetMap no FISL
Apresentando o OpenStreetMap no FISL
 
State of Brazil 2010
State of Brazil 2010State of Brazil 2010
State of Brazil 2010
 
Apresentando o OpenStreetMap
Apresentando o OpenStreetMapApresentando o OpenStreetMap
Apresentando o OpenStreetMap
 
Apresentando o OpenStreetMap
Apresentando o OpenStreetMapApresentando o OpenStreetMap
Apresentando o OpenStreetMap
 
Apresentando conceitos de digitalização multimídia
Apresentando conceitos de digitalização multimídiaApresentando conceitos de digitalização multimídia
Apresentando conceitos de digitalização multimídia
 
Apresentando o Ubuntu Studio
Apresentando o Ubuntu StudioApresentando o Ubuntu Studio
Apresentando o Ubuntu Studio
 
Jogos no Linux
Jogos no LinuxJogos no Linux
Jogos no Linux
 
Apresentando o GNOME
Apresentando o GNOMEApresentando o GNOME
Apresentando o GNOME
 
State of Brazil '09
State of Brazil '09State of Brazil '09
State of Brazil '09
 
Apresentando o OpenStreetMap
Apresentando o OpenStreetMapApresentando o OpenStreetMap
Apresentando o OpenStreetMap
 

Carlos Osório - Linha 2 Estácio - Carioca - Praça XV - 01/12/2015 Clube de Engenharia

  • 1. SECRETARIA DE ESTADO DE TRANSPORTES Metrô – Expansão da Linha 2 Rio de Janeiro, 01 de Dezembro de 2015 CLUBE DE ENGENHARIA
  • 2. REGIÃO METROPOLITANA COMPARATIVO 2003 x 2012 Fonte: PDTU 2003 21 municípios 11,28 milhões de habitantes (11,90 milhões em 2012) 19,9 milhões de viagens/dia (22,5 milhões em 2012) 12,5 milhões de viagens motorizadas, sendo 9,2 milhões TP (15,4 milhões em 2012, sendo 11 milhões em Transporte Público) 75% da população do Estado
  • 3. Fonte: Agetransp (metrô, trens e barcas); Fetranspor/Detro (ônibus) * (Detro/Linhas Intermunicipais) RMRJ - EVOLUÇÃO DA DEMANDA ANO/MODO METRÔ TRENS BARCAS ÔNIBUS * 2007 150,1 mi 118,8 mi 22,9 mi 522, 2 mi 2014 227,8 mi 164,0 mi 28,4 mi 676,5 mi Aumento Demanda 77,7 mi 45,2 mi 5,5 mi 154,3 mi Taxa Crescimento 51,8% 38,05% 24,02% 29,5%
  • 4. 1 - Crescimento da Mancha Urbana da RMRJ; 2 - Planos Metroviários; 3 - PDTU; 4 - PDM; 5 - Demanda de Passageiros; 6 - Linha 4; 7 - Expansão da Linha 2.
  • 5. RM Rio de Janeiro - Mancha Urbana em 1975Fonte: Plano Diretor do Arco Metropolitano
  • 6. RM Rio de Janeiro - Mancha Urbana em 2007Fonte: ZEE/RJ
  • 7. RM Rio de Janeiro – Mancha Urbana em 2013 ( 60km x 45km = 2.700 km2 )
  • 8. PLANOS METROVIÁRIOS (1947 - CIA. CARRIS / LIGHT)
  • 9. Horizonte 1990  Linha 1 – Jacarepaguá / Nossa Senhora da Paz  Linha 2 – Pavuna / Niterói Horizonte pós 1990  Linha 3 – Jacarepaguá / Penha (via Tanque, Taquara e Madureira); ESTUDO DE VIABILIDADE TÉCNICA E ECONÔMICA DO METROPOLITANO DO RJ – 1968 PLANOS METROVIÁRIOS (1968 ALEMÃES)
  • 10. Projeto Original do Metrô no Rio de Janeiro (Alemães 1968)
  • 11. PARCERIA COM OS MUNICÍPIOS DA RMRJ O PLANO DIRETOR DE TRANSPORTES URBANO RMRJ, SEGUNDA MAIOR ÁREA METROPOLITANA DO PAÍS, COMPOSTA POR 21 MUNICÍPIOS COM CARACTERÍSTICAS DISTINTAS E PECULIARES. DELINEIA UM SISTEMA DE TRANSPORTE ESTRUTURADO, JUSTO, RACIONAL, INTEGRADO E EFICAZ, PARA A PROMOÇÃO DE UMA MELHOR QUALIDADE DE VIDA PARA A POPULAÇÃO. PDTU O Plano de Mobilidade Metropolitana
  • 13. As pessoas se deslocam de forma unidirecional, nos poucos corredores estruturantes existentes, nos mesmos horários. Este comportamento é a principal causa dos congestionamentos. O Fluxo da Mobilidade na Região Metropolitana)
  • 14.  Linha 1 – Gal. Osório/ Uruguai  Linha 2 – Pavuna / Botafogo 1.000 Passageiros/dia Metrô RJ – Evolução Rede Atual
  • 15. • 19 novos trens; • Novo sistema de Ar Condicionado (33% mais potente); • Oferta adicional de 500mil viagens/dia; • Melhor circulação interna, com passagem livre entre os carros; • Moderno sistema de informação aos passageiros. Novos Trens (Linhas 1 e 2)
  • 16. Com extensão aproximada de 16 km, a Linha 4 ligará a Zona Oeste - Barra da Tijuca, à Zona Sul - Ipanema e Gávea, além de integrá-la ao Sistema Metroviário existente - Linha 1. Tem sua conclusão prevista para meados de 2016 de forma a atender aos compromissos assumidos pelo Governo do Estado, para os Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro. Com a implantação de seis novas estações, JARDIM OCEÂNICO - SÃO CONRADO – GÁVEA* - ANTERO DE QUENTAL (Leblon) - JARDIM DE ALAH - NOSSA SENHORA DA PAZ (Ipanema) e a expansão com a nova estação GENERAL OSÓRIO para integração da Linha 1 / Linha 4, estima-se o aumento de cerca de 300 mil passageiros/dia no Sistema Metroviário. * A estação Gávea será concluída no primeiro trimestre de 2018 Linha 4 (Características Gerais)
  • 17. 16 Km de extensão 6 Estações Licitação: 1998 Início das obras: 2010 Linha 4 (Traçado)
  • 18. TBM - Estação N. Srª da Paz 1º Trem da Linha 4 Ponte EstaiadaTBM Linha 4 (Obra com Tecnologia de Ponta)
  • 19. RIO DE JANEIRO, OUTUBRO DE 2015 DEPLAE – DEPARTAMENTO DE PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO D.E. DIRETORIA DE ENGENHARIA PDM PLANO DIRETOR METROVIÁRIO
  • 20. PDM – PLANO DIRETOR METROVIÁRIO Através de ação governamental oportuna, encontra-se em desenvolvimento, sob coordenação da RIOTRILHOS, um plano diretor de mobilidade urbana focado no modal metroviário, o PDM. Articulado com os demais modais, o PDM planeja e indica os investimentos em metrô no Estado do Rio de Janeiro, projetando os próximos 30 anos (2015 – 2045) de expansão metroviária, tendo como base o crescimento urbano.
  • 21. RIO DE JANEIRO, NOVEMBRO DE 2015 Expansão Estácio – Carioca – Praça XV
  • 22. CONSIDERAÇÕES INICIAIS Projetada como a 2ª Linha em prioridade do Metrô para o Rio de Janeiro, conforme o Estudo de Viabilidade do Metrô, elaborado em 1968, esta Linha foi na prática feita concomitante à Linha 1, com base em decisão do Governo da Fusão em 1975. Naquela época foi cogitado operá-la no Sistema Metrô entre as estações Estácio e Triagem e no sistema pré-metrô entre as estações Triagem e Pavuna. Por diferentes razões, esta concepção não foi levada à efeito e passou a ser integralmente operada em Sistema Metrô, desde a estação Estácio até a estação Pavuna. O trecho entre Estácio e Carioca, sempre considerado de maior prioridade, como extensão do metrô foi sendo postergado. A decisão de levar adiante esse trecho, passados quase cinquenta anos da sua concepção, resgata uma importante dívida para com os moradores da Zona Norte, e dos bairros do Centro uma vez que a operação plena da Linha 2 com a inclusão do trecho Estácio-Carioca-Pça XV, multiplica por quatro a capacidade dessa Linha.
  • 23. CARACTERÍSTICAS DO TRECHO 5 Estações 3,7 Km de extensão Acréscimo de 450 mil passageiros / dia Aumenta em 2.9 vezes a demanda da linha que atende à região carente de transportes Utiliza trens de 8 carros Reduz de 275 para 120 segundos o intervalo atual Inclui demanda de transferência Linha 1/4
  • 24. LINHA 1, 1A E LINHA 2, HOJE
  • 25. O NOVO TRECHO ESTÁCIO – CARIOCA – PRAÇA XV
  • 26. ATRATIVIDADE DO TRECHO COM O PASSAR DOS ANOS PRAÇA XV
  • 27. MAPA DE TRANSPORTES - 2010 METRÔ TREM BARCAS