SlideShare uma empresa Scribd logo
Lílian Greice Damasceno Armondes
TECNÓFILO
 A introdução dos computadores no ensino de 1º e
2º graus não é consequência de um modismo. A
resolução do Governo de aplicar a informática no
processo educacional brasileiro resulta da
necessidade de minimizar alguns dos problemas
do nosso sistema de ensino. Apenas como
exemplo, de cada 100 alunos que ingressam na 1º
série do 1º grau, apenas a metade passa para a 2º
série e menos de 30 atingem a 5º série. O
computador surge como um meio auxiliar
alternativo de ensino, um recurso a mais para a
diminuição das carências, em especial no 1º grau,
notadamente quanto à evasão e à repetência.
 A Informática Educativa privilegia a utilização do
computador como a ferramenta pedagógica que auxilia
no processo de construção do conhecimento. Neste
momento, o computador é um meio e não um fim,
devendo ser usado considerando o desenvolvimento
dos componentes curriculares. Nesse sentido, o
computador transforma-se em um poderoso recurso de
suporte à aprendizagem, com inúmeras possibilidades
pedagógicas, desde que haja uma reformulação no
currículo, que crie novos modelos metodológicos e
didáticos, e principalmente que se repense qual o
verdadeiro significado da aprendizagem, para que o
computador não se torne mais um adereço travestido
de modernidade.
 A utilização da Informática Educativa pode
juntar elementos da educação formal com
outros da não formal, beneficiando tanto o
aspecto prático dos meios não formais quanto a
teoria mais generalizada presente nos meios
acadêmicos. Por intermédio de sites na
Internet, por exemplo, pode trazer para dentro
da sala de aula, filmes ilustrando a vida de
grandes vultos do passado, ou documentários
detalhando as etapas no desenvolvimento de
seres vivos, dentre outros.
 É importante dar-se conta de que na
sociedade moderna, "a pedagogia das certezas
está sendo substituída por uma pedagogia do
problema", onde o saber pré-fixado cede lugar
à busca da informação para a construção
contínua do conhecimento. É nesse contexto
que o computador deve ser inserido na
Educação. Uma ferramenta da sociedade
tecnológica que pode ser usada para auxiliar a
condução do aluno na busca prazerosa da
descoberta. E o novo papel do professor é
mostrar ao aluno que ele pode descobrir.
 Quando o próprio aluno cria, faz, age sobre
o software, decidindo o que melhor solucionaria
seu problema, torna-se um sujeito ativo de sua
aprendizagem. O computador ao ser
manipulado pelo indivíduo permite a
construção e reconstrução do conhecimento,
tornando a aprendizagem uma descoberta.
Quando a informática é utilizada a serviço da
educação emancipadora, o aluno ganha em
qualidade de ensino e aprendizagem.
 O computador hoje não pode mais estar fora
das salas de aula, sendo um ferramenta
presente em todos os lugares e espaços que
frequentamos. A educação faz uso dessa
tecnologia pois a escola esta inserida na
sociedade e absorve comportamentos dessa
sociedade.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Dr2 final
Dr2 finalDr2 final
Dr2 final
peter1967
 
Trabalho de clc ng5 dr2
Trabalho de clc ng5 dr2Trabalho de clc ng5 dr2
Trabalho de clc ng5 dr2
estreitoformaefas
 
Manual clc5
Manual clc5Manual clc5
*Evolução dos meios de comunicação*
*Evolução dos meios de comunicação**Evolução dos meios de comunicação*
*Evolução dos meios de comunicação*
Cléo Lima
 
Tics na Educação
Tics na EducaçãoTics na Educação
Tics na Educação
Vanessa Nogueira
 
Tecnologias digitais para a sala de aula: introdução ao tema
Tecnologias digitais para a sala de aula: introdução ao temaTecnologias digitais para a sala de aula: introdução ao tema
Tecnologias digitais para a sala de aula: introdução ao tema
rosemaralopes
 
Clc 5 ciberespaço1_finale
Clc 5 ciberespaço1_finaleClc 5 ciberespaço1_finale
Clc 5 ciberespaço1_finale
SILVIA G. FERNANDES
 
TIC e Educação
TIC e EducaçãoTIC e Educação
TIC e Educação
Rita Brito
 
O que é cibercultura e ciberespaço?
O que é cibercultura e ciberespaço?O que é cibercultura e ciberespaço?
O que é cibercultura e ciberespaço?
Aline Corso
 
Informática na ciencia
Informática na cienciaInformática na ciencia
Informática na ciencia
Filipe Simão Kembo
 
Aula 01 tics - tecnologia da informacao e comunicacao final
Aula 01   tics - tecnologia da informacao e comunicacao finalAula 01   tics - tecnologia da informacao e comunicacao final
Aula 01 tics - tecnologia da informacao e comunicacao final
Gilberto Campos
 
Reflexão da dr4 do clc 5
Reflexão da dr4 do clc 5Reflexão da dr4 do clc 5
Reflexão da dr4 do clc 5
joaokota
 
Fundamentos e Práticas na EaD
Fundamentos e Práticas na EaDFundamentos e Práticas na EaD
Fundamentos e Práticas na EaD
Rafael Delmonego
 
Vantagens E Desvantagens Do Computador
Vantagens E Desvantagens Do ComputadorVantagens E Desvantagens Do Computador
Vantagens E Desvantagens Do Computador
djscon
 
Unidade 01 novas tecnologias da informação e comunicação
Unidade 01 novas tecnologias da informação e comunicaçãoUnidade 01 novas tecnologias da informação e comunicação
Unidade 01 novas tecnologias da informação e comunicação
Anaí Peña
 
C.L.C. 5 - Telemóveis
C.L.C. 5 - TelemóveisC.L.C. 5 - Telemóveis
C.L.C. 5 - Telemóveis
I.Braz Slideshares
 
Projeto: Informatica Educacional
Projeto: Informatica EducacionalProjeto: Informatica Educacional
Projeto: Informatica Educacional
diraildes
 
Tecnologia aplicada a educaçao
Tecnologia aplicada a educaçaoTecnologia aplicada a educaçao
Tecnologia aplicada a educaçao
Claudinéia da Silva
 
Áreas de Aplicação das TIC
Áreas de Aplicação das TICÁreas de Aplicação das TIC
Áreas de Aplicação das TIC
joritic
 
Educação e novas tecnologias slides
Educação e novas tecnologias slidesEducação e novas tecnologias slides
Educação e novas tecnologias slides
Ines Chaves Preza Freitas
 

Mais procurados (20)

Dr2 final
Dr2 finalDr2 final
Dr2 final
 
Trabalho de clc ng5 dr2
Trabalho de clc ng5 dr2Trabalho de clc ng5 dr2
Trabalho de clc ng5 dr2
 
Manual clc5
Manual clc5Manual clc5
Manual clc5
 
*Evolução dos meios de comunicação*
*Evolução dos meios de comunicação**Evolução dos meios de comunicação*
*Evolução dos meios de comunicação*
 
Tics na Educação
Tics na EducaçãoTics na Educação
Tics na Educação
 
Tecnologias digitais para a sala de aula: introdução ao tema
Tecnologias digitais para a sala de aula: introdução ao temaTecnologias digitais para a sala de aula: introdução ao tema
Tecnologias digitais para a sala de aula: introdução ao tema
 
Clc 5 ciberespaço1_finale
Clc 5 ciberespaço1_finaleClc 5 ciberespaço1_finale
Clc 5 ciberespaço1_finale
 
TIC e Educação
TIC e EducaçãoTIC e Educação
TIC e Educação
 
O que é cibercultura e ciberespaço?
O que é cibercultura e ciberespaço?O que é cibercultura e ciberespaço?
O que é cibercultura e ciberespaço?
 
Informática na ciencia
Informática na cienciaInformática na ciencia
Informática na ciencia
 
Aula 01 tics - tecnologia da informacao e comunicacao final
Aula 01   tics - tecnologia da informacao e comunicacao finalAula 01   tics - tecnologia da informacao e comunicacao final
Aula 01 tics - tecnologia da informacao e comunicacao final
 
Reflexão da dr4 do clc 5
Reflexão da dr4 do clc 5Reflexão da dr4 do clc 5
Reflexão da dr4 do clc 5
 
Fundamentos e Práticas na EaD
Fundamentos e Práticas na EaDFundamentos e Práticas na EaD
Fundamentos e Práticas na EaD
 
Vantagens E Desvantagens Do Computador
Vantagens E Desvantagens Do ComputadorVantagens E Desvantagens Do Computador
Vantagens E Desvantagens Do Computador
 
Unidade 01 novas tecnologias da informação e comunicação
Unidade 01 novas tecnologias da informação e comunicaçãoUnidade 01 novas tecnologias da informação e comunicação
Unidade 01 novas tecnologias da informação e comunicação
 
C.L.C. 5 - Telemóveis
C.L.C. 5 - TelemóveisC.L.C. 5 - Telemóveis
C.L.C. 5 - Telemóveis
 
Projeto: Informatica Educacional
Projeto: Informatica EducacionalProjeto: Informatica Educacional
Projeto: Informatica Educacional
 
Tecnologia aplicada a educaçao
Tecnologia aplicada a educaçaoTecnologia aplicada a educaçao
Tecnologia aplicada a educaçao
 
Áreas de Aplicação das TIC
Áreas de Aplicação das TICÁreas de Aplicação das TIC
Áreas de Aplicação das TIC
 
Educação e novas tecnologias slides
Educação e novas tecnologias slidesEducação e novas tecnologias slides
Educação e novas tecnologias slides
 

Destaque

Vantagens e desvantagens do uso da informática
Vantagens e desvantagens do uso da informáticaVantagens e desvantagens do uso da informática
Vantagens e desvantagens do uso da informática
umburaconaparede
 
O uso do computador na educação
O uso do computador na educaçãoO uso do computador na educação
O uso do computador na educação
ElidaRates
 
A importância da informática na enfermagem
A importância da informática na enfermagemA importância da informática na enfermagem
A importância da informática na enfermagem
grazy luz
 
24 84-1-pb
24 84-1-pb24 84-1-pb
24 84-1-pb
josevandrobarros
 
Salete Apresenta플O Tcc R1 220208
Salete   Apresenta플O Tcc   R1 220208Salete   Apresenta플O Tcc   R1 220208
Salete Apresenta플O Tcc R1 220208
guest170339
 
Vantagens E Desvantagens Dos Computadores PortáTeis
Vantagens E Desvantagens Dos Computadores PortáTeisVantagens E Desvantagens Dos Computadores PortáTeis
Vantagens E Desvantagens Dos Computadores PortáTeis
guest4b8a991
 
O computador na sociedade do conhecimento cap1
O computador na sociedade do conhecimento   cap1O computador na sociedade do conhecimento   cap1
O computador na sociedade do conhecimento cap1
Renata de Sousa
 
Operação de computador
Operação de computadorOperação de computador
Operação de computador
Eberton Raider da Costa
 
Importância da informática na medicina
Importância da informática na medicinaImportância da informática na medicina
Importância da informática na medicina
Filipe Simão Kembo
 
Informatica Na Educacao
Informatica Na EducacaoInformatica Na Educacao
Informatica Na Educacao
guest5e7ce5
 
Vantagens E Desvantagens Do Pc Dr2
Vantagens E Desvantagens Do Pc Dr2Vantagens E Desvantagens Do Pc Dr2
Vantagens E Desvantagens Do Pc Dr2
mega
 

Destaque (11)

Vantagens e desvantagens do uso da informática
Vantagens e desvantagens do uso da informáticaVantagens e desvantagens do uso da informática
Vantagens e desvantagens do uso da informática
 
O uso do computador na educação
O uso do computador na educaçãoO uso do computador na educação
O uso do computador na educação
 
A importância da informática na enfermagem
A importância da informática na enfermagemA importância da informática na enfermagem
A importância da informática na enfermagem
 
24 84-1-pb
24 84-1-pb24 84-1-pb
24 84-1-pb
 
Salete Apresenta플O Tcc R1 220208
Salete   Apresenta플O Tcc   R1 220208Salete   Apresenta플O Tcc   R1 220208
Salete Apresenta플O Tcc R1 220208
 
Vantagens E Desvantagens Dos Computadores PortáTeis
Vantagens E Desvantagens Dos Computadores PortáTeisVantagens E Desvantagens Dos Computadores PortáTeis
Vantagens E Desvantagens Dos Computadores PortáTeis
 
O computador na sociedade do conhecimento cap1
O computador na sociedade do conhecimento   cap1O computador na sociedade do conhecimento   cap1
O computador na sociedade do conhecimento cap1
 
Operação de computador
Operação de computadorOperação de computador
Operação de computador
 
Importância da informática na medicina
Importância da informática na medicinaImportância da informática na medicina
Importância da informática na medicina
 
Informatica Na Educacao
Informatica Na EducacaoInformatica Na Educacao
Informatica Na Educacao
 
Vantagens E Desvantagens Do Pc Dr2
Vantagens E Desvantagens Do Pc Dr2Vantagens E Desvantagens Do Pc Dr2
Vantagens E Desvantagens Do Pc Dr2
 

Semelhante a As vantagens do computador na educação

Webquest
WebquestWebquest
Webquest
Bonitinha99
 
O tecnófilo tecnologia e praticas educativas
O tecnófilo  tecnologia e praticas educativasO tecnófilo  tecnologia e praticas educativas
O tecnófilo tecnologia e praticas educativas
helvecioalex
 
Apresentação atividade 6
Apresentação atividade 6Apresentação atividade 6
Apresentação atividade 6
Bruninha_ruas
 
EAD- Licenciatura
EAD- LicenciaturaEAD- Licenciatura
EAD- Licenciatura
ROMARILIA
 
Tecnófilo
TecnófiloTecnófilo
Tecnófilo
Marcelo Peixoto
 
atividade4marcelleteixeiragirundi
atividade4marcelleteixeiragirundiatividade4marcelleteixeiragirundi
atividade4marcelleteixeiragirundi
07051993
 
A informática na educação visão de um tecnófilo
A informática na educação   visão de um tecnófiloA informática na educação   visão de um tecnófilo
A informática na educação visão de um tecnófilo
Pâmela Danielle
 
A informática na educação visão de um tecnófilo
A informática na educação   visão de um tecnófiloA informática na educação   visão de um tecnófilo
A informática na educação visão de um tecnófilo
Pâmela Danielle
 
Suelen dias bernardo tecnófila
Suelen dias bernardo   tecnófilaSuelen dias bernardo   tecnófila
Suelen dias bernardo tecnófila
Suelen Dias
 
Ana p aula atividade 6
Ana p aula atividade 6Ana p aula atividade 6
Ana p aula atividade 6
AnaPaulaAntunesPereira
 
Computadores nas escolas? Por que não!
Computadores nas escolas? Por que não!Computadores nas escolas? Por que não!
Computadores nas escolas? Por que não!
Rubislânia Gonçalves Torres
 
Tecnófilo
TecnófiloTecnófilo
Tecnófilo
WERBERT_CIRILO
 
A importância das tecnologias digitais em sala de aula
A importância das tecnologias digitais em sala de aulaA importância das tecnologias digitais em sala de aula
A importância das tecnologias digitais em sala de aula
marta santos
 
Janinemoraesdovalle6
Janinemoraesdovalle6Janinemoraesdovalle6
Janinemoraesdovalle6
Janine Moraes
 
O uso de computadores nas escolas
O uso de computadores nas escolasO uso de computadores nas escolas
O uso de computadores nas escolas
Janine Moraes
 
A importância das tecnologias digitais em sala de aula2
A importância das tecnologias digitais em sala de aula2A importância das tecnologias digitais em sala de aula2
A importância das tecnologias digitais em sala de aula2
marta santos
 
informatica na educação
informatica na educaçãoinformatica na educação
informatica na educação
luziacras
 
Apresentaçao linux
Apresentaçao linuxApresentaçao linux
Apresentaçao linux
ivonebo
 
Atividade3FernandoLucioSoaresRamos
Atividade3FernandoLucioSoaresRamosAtividade3FernandoLucioSoaresRamos
Atividade3FernandoLucioSoaresRamos
FLSR1
 
Apresentação Alessandra
Apresentação AlessandraApresentação Alessandra
Apresentação Alessandra
Alessandra Temponi
 

Semelhante a As vantagens do computador na educação (20)

Webquest
WebquestWebquest
Webquest
 
O tecnófilo tecnologia e praticas educativas
O tecnófilo  tecnologia e praticas educativasO tecnófilo  tecnologia e praticas educativas
O tecnófilo tecnologia e praticas educativas
 
Apresentação atividade 6
Apresentação atividade 6Apresentação atividade 6
Apresentação atividade 6
 
EAD- Licenciatura
EAD- LicenciaturaEAD- Licenciatura
EAD- Licenciatura
 
Tecnófilo
TecnófiloTecnófilo
Tecnófilo
 
atividade4marcelleteixeiragirundi
atividade4marcelleteixeiragirundiatividade4marcelleteixeiragirundi
atividade4marcelleteixeiragirundi
 
A informática na educação visão de um tecnófilo
A informática na educação   visão de um tecnófiloA informática na educação   visão de um tecnófilo
A informática na educação visão de um tecnófilo
 
A informática na educação visão de um tecnófilo
A informática na educação   visão de um tecnófiloA informática na educação   visão de um tecnófilo
A informática na educação visão de um tecnófilo
 
Suelen dias bernardo tecnófila
Suelen dias bernardo   tecnófilaSuelen dias bernardo   tecnófila
Suelen dias bernardo tecnófila
 
Ana p aula atividade 6
Ana p aula atividade 6Ana p aula atividade 6
Ana p aula atividade 6
 
Computadores nas escolas? Por que não!
Computadores nas escolas? Por que não!Computadores nas escolas? Por que não!
Computadores nas escolas? Por que não!
 
Tecnófilo
TecnófiloTecnófilo
Tecnófilo
 
A importância das tecnologias digitais em sala de aula
A importância das tecnologias digitais em sala de aulaA importância das tecnologias digitais em sala de aula
A importância das tecnologias digitais em sala de aula
 
Janinemoraesdovalle6
Janinemoraesdovalle6Janinemoraesdovalle6
Janinemoraesdovalle6
 
O uso de computadores nas escolas
O uso de computadores nas escolasO uso de computadores nas escolas
O uso de computadores nas escolas
 
A importância das tecnologias digitais em sala de aula2
A importância das tecnologias digitais em sala de aula2A importância das tecnologias digitais em sala de aula2
A importância das tecnologias digitais em sala de aula2
 
informatica na educação
informatica na educaçãoinformatica na educação
informatica na educação
 
Apresentaçao linux
Apresentaçao linuxApresentaçao linux
Apresentaçao linux
 
Atividade3FernandoLucioSoaresRamos
Atividade3FernandoLucioSoaresRamosAtividade3FernandoLucioSoaresRamos
Atividade3FernandoLucioSoaresRamos
 
Apresentação Alessandra
Apresentação AlessandraApresentação Alessandra
Apresentação Alessandra
 

Último

Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptxAtpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
joaresmonte3
 
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).pptepidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
MarceloMonteiro213738
 
Leonardo da Vinci .pptx
Leonardo da Vinci                  .pptxLeonardo da Vinci                  .pptx
Leonardo da Vinci .pptx
TomasSousa7
 
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
DouglasMoraes54
 
497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf
497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf
497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf
JoanaFigueira11
 
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
GÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptxGÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptx
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
Marlene Cunhada
 
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdfUFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
Manuais Formação
 
Slide de biologia aula2 2 bimestre no ano de 2024
Slide de biologia aula2  2 bimestre no ano de 2024Slide de biologia aula2  2 bimestre no ano de 2024
Slide de biologia aula2 2 bimestre no ano de 2024
vinibolado86
 
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptxTreinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
MarcosPaulo777883
 
AULA-001---AS-CELULAS_5546dad041b949bbb7b1f0fa841a6d1f.pdf
AULA-001---AS-CELULAS_5546dad041b949bbb7b1f0fa841a6d1f.pdfAULA-001---AS-CELULAS_5546dad041b949bbb7b1f0fa841a6d1f.pdf
AULA-001---AS-CELULAS_5546dad041b949bbb7b1f0fa841a6d1f.pdf
SthafaniHussin1
 
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdfcronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
todorokillmepls
 
karl marx biografia resumida com suas obras e história de vida
karl marx biografia resumida com suas obras e história de vidakarl marx biografia resumida com suas obras e história de vida
karl marx biografia resumida com suas obras e história de vida
KleginaldoPaz2
 
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdfUFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
Manuais Formação
 
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de cursoDicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Simone399395
 
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptxPP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
APRESENTAÇÃO PARA AULA DE URGÊNCIA E EMERGÊNCIA
APRESENTAÇÃO PARA AULA DE URGÊNCIA E EMERGÊNCIAAPRESENTAÇÃO PARA AULA DE URGÊNCIA E EMERGÊNCIA
APRESENTAÇÃO PARA AULA DE URGÊNCIA E EMERGÊNCIA
karinenobre2033
 
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua PortuguesaD20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
eaiprofpolly
 
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
ANDRÉA FERREIRA
 
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptxSlides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 

Último (20)

Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptxAtpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
 
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).pptepidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
 
Leonardo da Vinci .pptx
Leonardo da Vinci                  .pptxLeonardo da Vinci                  .pptx
Leonardo da Vinci .pptx
 
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
 
497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf
497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf
497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf
 
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
 
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
GÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptxGÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptx
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
 
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdfUFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
 
Slide de biologia aula2 2 bimestre no ano de 2024
Slide de biologia aula2  2 bimestre no ano de 2024Slide de biologia aula2  2 bimestre no ano de 2024
Slide de biologia aula2 2 bimestre no ano de 2024
 
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptxTreinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
 
AULA-001---AS-CELULAS_5546dad041b949bbb7b1f0fa841a6d1f.pdf
AULA-001---AS-CELULAS_5546dad041b949bbb7b1f0fa841a6d1f.pdfAULA-001---AS-CELULAS_5546dad041b949bbb7b1f0fa841a6d1f.pdf
AULA-001---AS-CELULAS_5546dad041b949bbb7b1f0fa841a6d1f.pdf
 
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdfcronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
 
karl marx biografia resumida com suas obras e história de vida
karl marx biografia resumida com suas obras e história de vidakarl marx biografia resumida com suas obras e história de vida
karl marx biografia resumida com suas obras e história de vida
 
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdfUFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
 
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de cursoDicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
 
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptxPP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
 
APRESENTAÇÃO PARA AULA DE URGÊNCIA E EMERGÊNCIA
APRESENTAÇÃO PARA AULA DE URGÊNCIA E EMERGÊNCIAAPRESENTAÇÃO PARA AULA DE URGÊNCIA E EMERGÊNCIA
APRESENTAÇÃO PARA AULA DE URGÊNCIA E EMERGÊNCIA
 
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua PortuguesaD20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
 
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
 
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptxSlides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
 

As vantagens do computador na educação

  • 1. Lílian Greice Damasceno Armondes TECNÓFILO
  • 2.  A introdução dos computadores no ensino de 1º e 2º graus não é consequência de um modismo. A resolução do Governo de aplicar a informática no processo educacional brasileiro resulta da necessidade de minimizar alguns dos problemas do nosso sistema de ensino. Apenas como exemplo, de cada 100 alunos que ingressam na 1º série do 1º grau, apenas a metade passa para a 2º série e menos de 30 atingem a 5º série. O computador surge como um meio auxiliar alternativo de ensino, um recurso a mais para a diminuição das carências, em especial no 1º grau, notadamente quanto à evasão e à repetência.
  • 3.  A Informática Educativa privilegia a utilização do computador como a ferramenta pedagógica que auxilia no processo de construção do conhecimento. Neste momento, o computador é um meio e não um fim, devendo ser usado considerando o desenvolvimento dos componentes curriculares. Nesse sentido, o computador transforma-se em um poderoso recurso de suporte à aprendizagem, com inúmeras possibilidades pedagógicas, desde que haja uma reformulação no currículo, que crie novos modelos metodológicos e didáticos, e principalmente que se repense qual o verdadeiro significado da aprendizagem, para que o computador não se torne mais um adereço travestido de modernidade.
  • 4.  A utilização da Informática Educativa pode juntar elementos da educação formal com outros da não formal, beneficiando tanto o aspecto prático dos meios não formais quanto a teoria mais generalizada presente nos meios acadêmicos. Por intermédio de sites na Internet, por exemplo, pode trazer para dentro da sala de aula, filmes ilustrando a vida de grandes vultos do passado, ou documentários detalhando as etapas no desenvolvimento de seres vivos, dentre outros.
  • 5.  É importante dar-se conta de que na sociedade moderna, "a pedagogia das certezas está sendo substituída por uma pedagogia do problema", onde o saber pré-fixado cede lugar à busca da informação para a construção contínua do conhecimento. É nesse contexto que o computador deve ser inserido na Educação. Uma ferramenta da sociedade tecnológica que pode ser usada para auxiliar a condução do aluno na busca prazerosa da descoberta. E o novo papel do professor é mostrar ao aluno que ele pode descobrir.
  • 6.  Quando o próprio aluno cria, faz, age sobre o software, decidindo o que melhor solucionaria seu problema, torna-se um sujeito ativo de sua aprendizagem. O computador ao ser manipulado pelo indivíduo permite a construção e reconstrução do conhecimento, tornando a aprendizagem uma descoberta. Quando a informática é utilizada a serviço da educação emancipadora, o aluno ganha em qualidade de ensino e aprendizagem.
  • 7.  O computador hoje não pode mais estar fora das salas de aula, sendo um ferramenta presente em todos os lugares e espaços que frequentamos. A educação faz uso dessa tecnologia pois a escola esta inserida na sociedade e absorve comportamentos dessa sociedade.