SlideShare uma empresa Scribd logo
Comunicação oral.
Arte de falar em público.
Professor: Caique Fistarol
“Quando falares, procura que as tuas
palavras sejam melhores que o teu silêncio.”
(Provérbio Indiano)
A comunicação oral, num nível profissional, é
pré-requisito em praticamente todos os ramos do
conhecimento humano.
Em algumas áreas tal diferencial é
absolutamente necessário, como nas profissões
em que exista contato com o público.
 Universitários;
 Profissionais liberais;
 Empresários, executivos;
 Negociantes e vendedores;
 Relações públicas, jornalistas;
 Instrutores, professores e palestrantes;
 Líderes, políticos e formadores de opinião;
 Advogados, promotores de justiça e correlatos;
 Profissionais que precisam de técnicas para
compartilhar conhecimentos e experiências;
 Empresas que tenham na boa comunicação de seus
funcionários um dos principais fatores do seu sucesso.
(Fonte: Instituto Moreira Necho http://www.mnecho.com)
1. Calma;
2. agilidade;
3. fluência verbal;
4. postura correta;
5. conhecimento.
1. Boa aparência;
2. boa voz.
Trata-se de método de discurso.
Conjunto de regras e técnicas que
permitem apurar as qualidades pessoais
de quem se destina a falar em público.
1. Boa aparência
 Roupas confortáveis e apropriadas para a ocasião (na
dúvida, peque pelo excesso de formalismo);
 cuidado com acessórios (principalmente as
mulheres);
 não use nada que possa distrair ou roubar a atenção
de você e da mensagem dita.
2. Boa voz
 Ouvir a voz para se tornar natural e acabar gostando
dela;
 cuide de seu aparelho fonador.
1. Agilidade
 Preste atenção em detalhes para poder se comunicar
com o público;
 traga as pessoas para o seu lado;
 perceba os picos de dispersão (a hora do intervalo).
2. Fluência verbal
 Fale corretamente, sem tiques, erros gramaticais e
vícios de linguagem.
É preciso também exercitar e vigiar a intensidade da
voz. Não poderemos falar aos berros para um
pequeno auditório, nem aos sussurros para uma
multidão.
A entonação da voz estabelece diferentes curvas
melódicas no discurso. Associada ao recurso da
pausa, é fundamental para o brilho da fala nas
apresentações.
Estará no púlpito e a posição ideal para falar é 10
centímetros da boca, abaixo na direção do queixo.
Não se deve dirigir o olhar ao instrumento, exceto nos
primeiros segundos da fala para posicionamento, ou
na eventualidade de ter que virar o corpo para
enxergar uma parte lateral da sua plateia.
 Postura correta, ereta, tranquila;
 não ser humilde demais, mas não ser prepotente ou
arrogante no discurso e modo de se comunicar;
 boa gesticulação;
 manter contato visual com a plateia;
 o erro mais comum: olhar para o chão, para a parede
ou ponto fixo que não seja a plateia.
 Conhecer o tema;
 dominar o assunto.
 saber o que vai dizer (acreditar nas palavras e no
tema);
 não decorar;
 pesquisar;
 organizar as ideias;
 usar técnicas de argumentação, usar exemplos,
mencionar experiências e dados pesquisados;
 administrar o tempo;
 concluir com uma afirmação final embasa nas ideias
pesquisadas e no tema exposto com coerência.
“Começa em instantes...”
A pressão aumenta...
...adrenalina vai a mil...
...surge o medo de errar!
A adrenalina tem que ser usada para ajudar na
apresentação.
Apareceu o nervosismo e o medo, mas siga em frente!
“Não pinte o diabo mais feio do que é!”
Coragem não é ausência de medo, e sim
de controle.
Coragem é firmeza de espírito para
enfrentar situações emocionalmente ou
moralmente difíceis.
 Falta de conhecimento sobre o assunto;
 falta de prática no uso da palavra em público;
 falta de autoconhecimento.
1) Temos que conhecer muito bem o assunto que iremos
apresentar. Devemos saber muito mais do que deveremos
expor. É preciso saber mais sobre o assunto para que
tenhamos tranqüilidade e possamos falar com confiança;
2) pratique e adquira experiência. Aproveite todas as
oportunidades para se apresentar diante das pessoas;
3) identifique suas qualidades. Procure não ressaltar os seus
defeitos, mas sim as suas qualidades.
 Pesquisar e estudar sobre o assunto a ser abordado;
 selecionar as ideias;
 escrever o discurso com argumentos e alicerçando sobre
as ideias, dados e fatos pesquisados;
 planejar o que vai falar;
 adequar a fala ao tempo;
 conhecer o assunto para os devidos questionamentos ao
término do discurso.
Pratique bastante.
Conheça o terreno.
Você está em vantagem: você sabe mais do que
a plateia.
Treine com o cachorro... e na hora será tudo
diferente!
Não diga: “deu branco”.
Não force a lembrança e a vista, sobe a adrenalina.
o Técnica 1: Pausa.
o Técnica 2: Olhe calmamente para o roteiro!
o Técnica 3: “Perdão!”
o Técnica 4: Pausa.
o Técnica 5: “Pessoal, na verdade o que eu quero dizer é".
 Mantém a atenção do público;
 cativa;
 faz rir ou chorar ou os dois;
 deixa a sua mensagem (cada um filtra de uma maneira);
 leva embora algo consigo (experiência enriquecedora).
Lembre-se: o público presente não é nenhum vilão, e
não está aí para prejudicá-lo.
Não se esqueça de que o dono da palavra é você.
É você quem está dominando a situação, por isso deve
ficar tranquilo.
 Edemilson Amauri Canci (et all.). Oratória e comunicação
persuasiva: fazendo a diferença. Blumenau: Nova Letra, 2010.
 POLITO, Reinaldo. Oratória para estudantes. São Paulo: Saraiva,
2008.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Postura profissional
Postura profissionalPostura profissional
Postura profissional
Milena Rebouças
 
A Importância da Oratória para a Comunicação nas Organizações
A Importância da Oratória para a Comunicação nas OrganizaçõesA Importância da Oratória para a Comunicação nas Organizações
A Importância da Oratória para a Comunicação nas Organizações
Ana Cristina Cavalcanti Pimenta
 
Comportamento no Trabalho
Comportamento no TrabalhoComportamento no Trabalho
Comportamento no Trabalho
Maria Lemos
 
Aula oratória
Aula oratóriaAula oratória
Aula oratória
Felipe Pereira
 
Oratória
OratóriaOratória
Marketing Pessoal
Marketing PessoalMarketing Pessoal
Marketing Pessoal
Michel Moreira
 
Tecnicas de Oratória.
Tecnicas de Oratória.Tecnicas de Oratória.
Tecnicas de Oratória.
Raimundo Nonato
 
Linknorte A Arte Da OratóRia
Linknorte A Arte Da OratóRiaLinknorte A Arte Da OratóRia
Linknorte A Arte Da OratóRia
Thiago Ferreira
 
Comunicação Verbal e Não Verbal
Comunicação Verbal e Não VerbalComunicação Verbal e Não Verbal
Comunicação Verbal e Não Verbal
Andreza Oliveira
 
Barreiras à comunicacao
Barreiras à comunicacaoBarreiras à comunicacao
Barreiras à comunicacao
SaraSantosPinheiro
 
Comunicação Verbal e Oratória
Comunicação Verbal e OratóriaComunicação Verbal e Oratória
Comunicação Verbal e Oratória
Caput Consultoria
 
Treinamento e Desenvolvimento
Treinamento e DesenvolvimentoTreinamento e Desenvolvimento
Treinamento e Desenvolvimento
Jean Israel B. Feijó
 
Oratória: A execlência para falar em público
Oratória: A execlência para falar em públicoOratória: A execlência para falar em público
Oratória: A execlência para falar em público
Gislene Isquierdo
 
Treinamento Atendimento à Clientes
Treinamento Atendimento à ClientesTreinamento Atendimento à Clientes
Treinamento Atendimento à Clientes
aavbatista
 
Comunicação Assertiva - Karime Kamel
Comunicação Assertiva  - Karime KamelComunicação Assertiva  - Karime Kamel
Comunicação Assertiva - Karime Kamel
Karime Kamel
 
Comunicação Não Violenta
Comunicação Não ViolentaComunicação Não Violenta
Comunicação Não Violenta
jorge luiz dos santos de souza
 
Palestra Oratória
Palestra Oratória Palestra Oratória
Palestra Oratória
Eduardo Maróstica
 
Aula 2 - Imagem pessoal e profissional
Aula 2 - Imagem pessoal e profissionalAula 2 - Imagem pessoal e profissional
Aula 2 - Imagem pessoal e profissional
Professor Cristiano Barreto
 
Persuasão
PersuasãoPersuasão
Persuasão
Wilson Domingueti
 
Marketing - Definições e Tipos
Marketing - Definições e TiposMarketing - Definições e Tipos
Marketing - Definições e Tipos
André Zambon
 

Mais procurados (20)

Postura profissional
Postura profissionalPostura profissional
Postura profissional
 
A Importância da Oratória para a Comunicação nas Organizações
A Importância da Oratória para a Comunicação nas OrganizaçõesA Importância da Oratória para a Comunicação nas Organizações
A Importância da Oratória para a Comunicação nas Organizações
 
Comportamento no Trabalho
Comportamento no TrabalhoComportamento no Trabalho
Comportamento no Trabalho
 
Aula oratória
Aula oratóriaAula oratória
Aula oratória
 
Oratória
OratóriaOratória
Oratória
 
Marketing Pessoal
Marketing PessoalMarketing Pessoal
Marketing Pessoal
 
Tecnicas de Oratória.
Tecnicas de Oratória.Tecnicas de Oratória.
Tecnicas de Oratória.
 
Linknorte A Arte Da OratóRia
Linknorte A Arte Da OratóRiaLinknorte A Arte Da OratóRia
Linknorte A Arte Da OratóRia
 
Comunicação Verbal e Não Verbal
Comunicação Verbal e Não VerbalComunicação Verbal e Não Verbal
Comunicação Verbal e Não Verbal
 
Barreiras à comunicacao
Barreiras à comunicacaoBarreiras à comunicacao
Barreiras à comunicacao
 
Comunicação Verbal e Oratória
Comunicação Verbal e OratóriaComunicação Verbal e Oratória
Comunicação Verbal e Oratória
 
Treinamento e Desenvolvimento
Treinamento e DesenvolvimentoTreinamento e Desenvolvimento
Treinamento e Desenvolvimento
 
Oratória: A execlência para falar em público
Oratória: A execlência para falar em públicoOratória: A execlência para falar em público
Oratória: A execlência para falar em público
 
Treinamento Atendimento à Clientes
Treinamento Atendimento à ClientesTreinamento Atendimento à Clientes
Treinamento Atendimento à Clientes
 
Comunicação Assertiva - Karime Kamel
Comunicação Assertiva  - Karime KamelComunicação Assertiva  - Karime Kamel
Comunicação Assertiva - Karime Kamel
 
Comunicação Não Violenta
Comunicação Não ViolentaComunicação Não Violenta
Comunicação Não Violenta
 
Palestra Oratória
Palestra Oratória Palestra Oratória
Palestra Oratória
 
Aula 2 - Imagem pessoal e profissional
Aula 2 - Imagem pessoal e profissionalAula 2 - Imagem pessoal e profissional
Aula 2 - Imagem pessoal e profissional
 
Persuasão
PersuasãoPersuasão
Persuasão
 
Marketing - Definições e Tipos
Marketing - Definições e TiposMarketing - Definições e Tipos
Marketing - Definições e Tipos
 

Destaque

Aula 01 técnicas de apresentação
Aula 01   técnicas de apresentaçãoAula 01   técnicas de apresentação
Aula 01 técnicas de apresentação
Orlando Teixeira
 
Comunicação Poderosa x Desastrosa
Comunicação Poderosa x DesastrosaComunicação Poderosa x Desastrosa
Comunicação Poderosa x Desastrosa
Gislene Isquierdo
 
Curso de oratória Moderna Grupo HBSeven
Curso de oratória Moderna Grupo HBSevenCurso de oratória Moderna Grupo HBSeven
Curso de oratória Moderna Grupo HBSeven
Heverson Barbosa
 
Oratória e marketing pessoal employer
Oratória e marketing pessoal employerOratória e marketing pessoal employer
Oratória e marketing pessoal employer
Antonio Moreira
 
Dicas de Oratória - por Roberta Battistela
Dicas de Oratória - por Roberta BattistelaDicas de Oratória - por Roberta Battistela
Dicas de Oratória - por Roberta Battistela
Vitório Tomaz
 
Curso Oratória Universidade Corporativa
Curso Oratória Universidade CorporativaCurso Oratória Universidade Corporativa
Curso Oratória Universidade Corporativa
Universidade Estácio de Sá
 
Curso oratoria modulo5_2015
Curso oratoria modulo5_2015Curso oratoria modulo5_2015
Curso oratoria modulo5_2015
Alexandro Adário
 
10º SIMCADE | Oratória - A arte de falar em público [Palestra Espírita]
10º SIMCADE  | Oratória - A arte de falar em público [Palestra Espírita]10º SIMCADE  | Oratória - A arte de falar em público [Palestra Espírita]
10º SIMCADE | Oratória - A arte de falar em público [Palestra Espírita]
Departamento de Comunicação - DECOM | FEEES
 
Técnicas de Apresentação e Oratória
Técnicas de Apresentação e OratóriaTécnicas de Apresentação e Oratória
Técnicas de Apresentação e Oratória
Michele Rufatto Vaz
 
Falar em publico
Falar em publicoFalar em publico
Falar em publico
Ramon Gimenez
 
Aula 1 tecnicas de retorica e oratoria
Aula 1   tecnicas de retorica e oratoriaAula 1   tecnicas de retorica e oratoria
Aula 1 tecnicas de retorica e oratoria
Luiz
 
Curso de Oratória-SENAC
Curso de Oratória-SENACCurso de Oratória-SENAC
Curso de Oratória-SENAC
Joao Balbi
 
Arte de falar em público
Arte de falar em públicoArte de falar em público
Arte de falar em público
Next Educação
 

Destaque (13)

Aula 01 técnicas de apresentação
Aula 01   técnicas de apresentaçãoAula 01   técnicas de apresentação
Aula 01 técnicas de apresentação
 
Comunicação Poderosa x Desastrosa
Comunicação Poderosa x DesastrosaComunicação Poderosa x Desastrosa
Comunicação Poderosa x Desastrosa
 
Curso de oratória Moderna Grupo HBSeven
Curso de oratória Moderna Grupo HBSevenCurso de oratória Moderna Grupo HBSeven
Curso de oratória Moderna Grupo HBSeven
 
Oratória e marketing pessoal employer
Oratória e marketing pessoal employerOratória e marketing pessoal employer
Oratória e marketing pessoal employer
 
Dicas de Oratória - por Roberta Battistela
Dicas de Oratória - por Roberta BattistelaDicas de Oratória - por Roberta Battistela
Dicas de Oratória - por Roberta Battistela
 
Curso Oratória Universidade Corporativa
Curso Oratória Universidade CorporativaCurso Oratória Universidade Corporativa
Curso Oratória Universidade Corporativa
 
Curso oratoria modulo5_2015
Curso oratoria modulo5_2015Curso oratoria modulo5_2015
Curso oratoria modulo5_2015
 
10º SIMCADE | Oratória - A arte de falar em público [Palestra Espírita]
10º SIMCADE  | Oratória - A arte de falar em público [Palestra Espírita]10º SIMCADE  | Oratória - A arte de falar em público [Palestra Espírita]
10º SIMCADE | Oratória - A arte de falar em público [Palestra Espírita]
 
Técnicas de Apresentação e Oratória
Técnicas de Apresentação e OratóriaTécnicas de Apresentação e Oratória
Técnicas de Apresentação e Oratória
 
Falar em publico
Falar em publicoFalar em publico
Falar em publico
 
Aula 1 tecnicas de retorica e oratoria
Aula 1   tecnicas de retorica e oratoriaAula 1   tecnicas de retorica e oratoria
Aula 1 tecnicas de retorica e oratoria
 
Curso de Oratória-SENAC
Curso de Oratória-SENACCurso de Oratória-SENAC
Curso de Oratória-SENAC
 
Arte de falar em público
Arte de falar em públicoArte de falar em público
Arte de falar em público
 

Semelhante a Oratória

Apresentacao e-oratoria
Apresentacao e-oratoriaApresentacao e-oratoria
Apresentacao e-oratoria
Gabi Rossi
 
Expressão oral
Expressão oralExpressão oral
Expressão oral
Lucas Cevolane
 
ESTAMOS AO VIVO | Construindo a Oratória
ESTAMOS AO VIVO | Construindo a OratóriaESTAMOS AO VIVO | Construindo a Oratória
ESTAMOS AO VIVO | Construindo a Oratória
Sergio Henrique Caliani
 
1º oratória
1º oratória1º oratória
1º oratória
Ronaldobv
 
oratoria-e-dicas-de-apresentacao-05maio2016_final.pptx
oratoria-e-dicas-de-apresentacao-05maio2016_final.pptxoratoria-e-dicas-de-apresentacao-05maio2016_final.pptx
oratoria-e-dicas-de-apresentacao-05maio2016_final.pptx
naimmoreira
 
Apostila de oratória
Apostila de oratóriaApostila de oratória
Apostila de oratória
Ana Paula Bevilacqua
 
oratoria-e-dicas-de-apresentacao-150410222311-conversion-gate01.pptx
oratoria-e-dicas-de-apresentacao-150410222311-conversion-gate01.pptxoratoria-e-dicas-de-apresentacao-150410222311-conversion-gate01.pptx
oratoria-e-dicas-de-apresentacao-150410222311-conversion-gate01.pptx
RomuloAlves22
 
Técnicas para falar em grupo
Técnicas para falar em grupoTécnicas para falar em grupo
Técnicas para falar em grupo
pgjaoa
 
Short version Public Speaking
Short version Public SpeakingShort version Public Speaking
Short version Public Speaking
th2
 
A arte de falar e de escutar em público
A arte de falar e de escutar em público A arte de falar e de escutar em público
A arte de falar e de escutar em público
Rodrigo Catini Flaibam
 
HandOut Encante sua audiencia 2014
HandOut   Encante sua audiencia 2014HandOut   Encante sua audiencia 2014
HandOut Encante sua audiencia 2014
Daniel de Carvalho Luz
 
Apresentações de Alto Impacto com Célio Belém - Ideias Weekend - FB Ideias
Apresentações de Alto Impacto com Célio Belém - Ideias Weekend - FB IdeiasApresentações de Alto Impacto com Célio Belém - Ideias Weekend - FB Ideias
Apresentações de Alto Impacto com Célio Belém - Ideias Weekend - FB Ideias
fbideias
 
Importância da oratória na administração
Importância da oratória na administraçãoImportância da oratória na administração
Importância da oratória na administração
marcelo rodrigues
 
Tecnicas para-falar-em-publico 2
Tecnicas para-falar-em-publico 2Tecnicas para-falar-em-publico 2
Tecnicas para-falar-em-publico 2
Luciano Cavalcante
 
29º GDG Uberaba - Como falar muito bem em público - Patrícia Cicci
29º GDG Uberaba - Como falar muito bem em público - Patrícia Cicci29º GDG Uberaba - Como falar muito bem em público - Patrícia Cicci
29º GDG Uberaba - Como falar muito bem em público - Patrícia Cicci
Pedro Moura
 
Comunicação - Técnicas de apresentação
Comunicação - Técnicas de apresentaçãoComunicação - Técnicas de apresentação
Comunicação - Técnicas de apresentação
Cursos Profissionalizantes
 
Apostila de Comunicação Verbal e Oratória
Apostila de Comunicação Verbal e OratóriaApostila de Comunicação Verbal e Oratória
Apostila de Comunicação Verbal e Oratória
Caput Consultoria
 
Tecnicas de Comunicação
Tecnicas de ComunicaçãoTecnicas de Comunicação
Tecnicas de Comunicação
Bento Oliveira
 
Oralidade
OralidadeOralidade
Oralidade
Talita Novaes
 
10 DICAS PARA FALAR EM PÚBLICO
10 DICAS PARA FALAR EM PÚBLICO10 DICAS PARA FALAR EM PÚBLICO
10 DICAS PARA FALAR EM PÚBLICO
AgriPoint
 

Semelhante a Oratória (20)

Apresentacao e-oratoria
Apresentacao e-oratoriaApresentacao e-oratoria
Apresentacao e-oratoria
 
Expressão oral
Expressão oralExpressão oral
Expressão oral
 
ESTAMOS AO VIVO | Construindo a Oratória
ESTAMOS AO VIVO | Construindo a OratóriaESTAMOS AO VIVO | Construindo a Oratória
ESTAMOS AO VIVO | Construindo a Oratória
 
1º oratória
1º oratória1º oratória
1º oratória
 
oratoria-e-dicas-de-apresentacao-05maio2016_final.pptx
oratoria-e-dicas-de-apresentacao-05maio2016_final.pptxoratoria-e-dicas-de-apresentacao-05maio2016_final.pptx
oratoria-e-dicas-de-apresentacao-05maio2016_final.pptx
 
Apostila de oratória
Apostila de oratóriaApostila de oratória
Apostila de oratória
 
oratoria-e-dicas-de-apresentacao-150410222311-conversion-gate01.pptx
oratoria-e-dicas-de-apresentacao-150410222311-conversion-gate01.pptxoratoria-e-dicas-de-apresentacao-150410222311-conversion-gate01.pptx
oratoria-e-dicas-de-apresentacao-150410222311-conversion-gate01.pptx
 
Técnicas para falar em grupo
Técnicas para falar em grupoTécnicas para falar em grupo
Técnicas para falar em grupo
 
Short version Public Speaking
Short version Public SpeakingShort version Public Speaking
Short version Public Speaking
 
A arte de falar e de escutar em público
A arte de falar e de escutar em público A arte de falar e de escutar em público
A arte de falar e de escutar em público
 
HandOut Encante sua audiencia 2014
HandOut   Encante sua audiencia 2014HandOut   Encante sua audiencia 2014
HandOut Encante sua audiencia 2014
 
Apresentações de Alto Impacto com Célio Belém - Ideias Weekend - FB Ideias
Apresentações de Alto Impacto com Célio Belém - Ideias Weekend - FB IdeiasApresentações de Alto Impacto com Célio Belém - Ideias Weekend - FB Ideias
Apresentações de Alto Impacto com Célio Belém - Ideias Weekend - FB Ideias
 
Importância da oratória na administração
Importância da oratória na administraçãoImportância da oratória na administração
Importância da oratória na administração
 
Tecnicas para-falar-em-publico 2
Tecnicas para-falar-em-publico 2Tecnicas para-falar-em-publico 2
Tecnicas para-falar-em-publico 2
 
29º GDG Uberaba - Como falar muito bem em público - Patrícia Cicci
29º GDG Uberaba - Como falar muito bem em público - Patrícia Cicci29º GDG Uberaba - Como falar muito bem em público - Patrícia Cicci
29º GDG Uberaba - Como falar muito bem em público - Patrícia Cicci
 
Comunicação - Técnicas de apresentação
Comunicação - Técnicas de apresentaçãoComunicação - Técnicas de apresentação
Comunicação - Técnicas de apresentação
 
Apostila de Comunicação Verbal e Oratória
Apostila de Comunicação Verbal e OratóriaApostila de Comunicação Verbal e Oratória
Apostila de Comunicação Verbal e Oratória
 
Tecnicas de Comunicação
Tecnicas de ComunicaçãoTecnicas de Comunicação
Tecnicas de Comunicação
 
Oralidade
OralidadeOralidade
Oralidade
 
10 DICAS PARA FALAR EM PÚBLICO
10 DICAS PARA FALAR EM PÚBLICO10 DICAS PARA FALAR EM PÚBLICO
10 DICAS PARA FALAR EM PÚBLICO
 

Mais de Caique Fernando Silva Fistarol

Penpals - Interpretação Textual
Penpals - Interpretação TextualPenpals - Interpretação Textual
Penpals - Interpretação Textual
Caique Fernando Silva Fistarol
 
A timeline of television history
A timeline of television historyA timeline of television history
A timeline of television history
Caique Fernando Silva Fistarol
 
Pôster - Passaporte
Pôster - Passaporte Pôster - Passaporte
Pôster - Passaporte
Caique Fernando Silva Fistarol
 
Modelo de plano de aula
Modelo de plano de aulaModelo de plano de aula
Modelo de plano de aula
Caique Fernando Silva Fistarol
 
Planejamento escolar e sequências didáticas
Planejamento escolar e sequências didáticasPlanejamento escolar e sequências didáticas
Planejamento escolar e sequências didáticas
Caique Fernando Silva Fistarol
 
Modelos de textos argumentativos
Modelos de textos argumentativosModelos de textos argumentativos
Modelos de textos argumentativos
Caique Fernando Silva Fistarol
 
A produção e filmagem de receitas caseiras
A produção e filmagem de receitas caseiras A produção e filmagem de receitas caseiras
A produção e filmagem de receitas caseiras
Caique Fernando Silva Fistarol
 
A Sequência Didática de O Mágico de Oz
A Sequência Didática de O Mágico de Oz A Sequência Didática de O Mágico de Oz
A Sequência Didática de O Mágico de Oz
Caique Fernando Silva Fistarol
 
Diário de Tati [Fragmento]
Diário de Tati [Fragmento]Diário de Tati [Fragmento]
Diário de Tati [Fragmento]
Caique Fernando Silva Fistarol
 
Trabalho de pesquisa e vídeo
Trabalho de pesquisa e vídeoTrabalho de pesquisa e vídeo
Trabalho de pesquisa e vídeo
Caique Fernando Silva Fistarol
 
Texto de divulgação científica
Texto de divulgação científicaTexto de divulgação científica
Texto de divulgação científica
Caique Fernando Silva Fistarol
 
Resenha
ResenhaResenha
Procura se uma identidade
Procura se uma identidadeProcura se uma identidade
Procura se uma identidade
Caique Fernando Silva Fistarol
 
Capitães da Areia [trecho]
Capitães da Areia [trecho]Capitães da Areia [trecho]
Capitães da Areia [trecho]
Caique Fernando Silva Fistarol
 
Emprego de conectores
Emprego de conectoresEmprego de conectores
Emprego de conectores
Caique Fernando Silva Fistarol
 
De sexo, neoliberalismo e bundas
De sexo, neoliberalismo e bundasDe sexo, neoliberalismo e bundas
De sexo, neoliberalismo e bundas
Caique Fernando Silva Fistarol
 
Cara de adolescente
Cara de adolescenteCara de adolescente
Cara de adolescente
Caique Fernando Silva Fistarol
 
Cada vez mais feios e gordos
Cada vez mais feios e gordosCada vez mais feios e gordos
Cada vez mais feios e gordos
Caique Fernando Silva Fistarol
 
Essa tal adolescência
Essa tal adolescênciaEssa tal adolescência
Essa tal adolescência
Caique Fernando Silva Fistarol
 
Que tipo de adolescente você é?
Que tipo de adolescente você é?Que tipo de adolescente você é?
Que tipo de adolescente você é?
Caique Fernando Silva Fistarol
 

Mais de Caique Fernando Silva Fistarol (20)

Penpals - Interpretação Textual
Penpals - Interpretação TextualPenpals - Interpretação Textual
Penpals - Interpretação Textual
 
A timeline of television history
A timeline of television historyA timeline of television history
A timeline of television history
 
Pôster - Passaporte
Pôster - Passaporte Pôster - Passaporte
Pôster - Passaporte
 
Modelo de plano de aula
Modelo de plano de aulaModelo de plano de aula
Modelo de plano de aula
 
Planejamento escolar e sequências didáticas
Planejamento escolar e sequências didáticasPlanejamento escolar e sequências didáticas
Planejamento escolar e sequências didáticas
 
Modelos de textos argumentativos
Modelos de textos argumentativosModelos de textos argumentativos
Modelos de textos argumentativos
 
A produção e filmagem de receitas caseiras
A produção e filmagem de receitas caseiras A produção e filmagem de receitas caseiras
A produção e filmagem de receitas caseiras
 
A Sequência Didática de O Mágico de Oz
A Sequência Didática de O Mágico de Oz A Sequência Didática de O Mágico de Oz
A Sequência Didática de O Mágico de Oz
 
Diário de Tati [Fragmento]
Diário de Tati [Fragmento]Diário de Tati [Fragmento]
Diário de Tati [Fragmento]
 
Trabalho de pesquisa e vídeo
Trabalho de pesquisa e vídeoTrabalho de pesquisa e vídeo
Trabalho de pesquisa e vídeo
 
Texto de divulgação científica
Texto de divulgação científicaTexto de divulgação científica
Texto de divulgação científica
 
Resenha
ResenhaResenha
Resenha
 
Procura se uma identidade
Procura se uma identidadeProcura se uma identidade
Procura se uma identidade
 
Capitães da Areia [trecho]
Capitães da Areia [trecho]Capitães da Areia [trecho]
Capitães da Areia [trecho]
 
Emprego de conectores
Emprego de conectoresEmprego de conectores
Emprego de conectores
 
De sexo, neoliberalismo e bundas
De sexo, neoliberalismo e bundasDe sexo, neoliberalismo e bundas
De sexo, neoliberalismo e bundas
 
Cara de adolescente
Cara de adolescenteCara de adolescente
Cara de adolescente
 
Cada vez mais feios e gordos
Cada vez mais feios e gordosCada vez mais feios e gordos
Cada vez mais feios e gordos
 
Essa tal adolescência
Essa tal adolescênciaEssa tal adolescência
Essa tal adolescência
 
Que tipo de adolescente você é?
Que tipo de adolescente você é?Que tipo de adolescente você é?
Que tipo de adolescente você é?
 

Último

0002_matematica_6ano livro de matemática
0002_matematica_6ano livro de matemática0002_matematica_6ano livro de matemática
0002_matematica_6ano livro de matemática
Giovana Gomes da Silva
 
BULLYING NÃO É AMOR.pdf LIVRO PARA TRABALHAR COM ALUNOS ATRAVÉS DE PROJETOS...
BULLYING NÃO É AMOR.pdf LIVRO PARA TRABALHAR COM ALUNOS ATRAVÉS DE PROJETOS...BULLYING NÃO É AMOR.pdf LIVRO PARA TRABALHAR COM ALUNOS ATRAVÉS DE PROJETOS...
BULLYING NÃO É AMOR.pdf LIVRO PARA TRABALHAR COM ALUNOS ATRAVÉS DE PROJETOS...
Escola Municipal Jesus Cristo
 
759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf
759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf
759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf
MessiasMarianoG
 
Caça-palavras ortografia M antes de P e B.
Caça-palavras    ortografia M antes de P e B.Caça-palavras    ortografia M antes de P e B.
Caça-palavras ortografia M antes de P e B.
Mary Alvarenga
 
Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sonsAula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
Érika Rufo
 
UFCD_5420_Integração de sistemas de informação - conceitos_índice.pdf
UFCD_5420_Integração de sistemas de informação - conceitos_índice.pdfUFCD_5420_Integração de sistemas de informação - conceitos_índice.pdf
UFCD_5420_Integração de sistemas de informação - conceitos_índice.pdf
Manuais Formação
 
APOSTILA DE TEXTOS CURTOS E INTERPRETAÇÃO.pdf
APOSTILA DE TEXTOS CURTOS E INTERPRETAÇÃO.pdfAPOSTILA DE TEXTOS CURTOS E INTERPRETAÇÃO.pdf
APOSTILA DE TEXTOS CURTOS E INTERPRETAÇÃO.pdf
RenanSilva991968
 
Sinais de pontuação
Sinais de pontuaçãoSinais de pontuação
Sinais de pontuação
Mary Alvarenga
 
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões.          pptxRimas, Luís Vaz de Camões.          pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
TomasSousa7
 
Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.pptEstrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
livrosjovert
 
Folheto | Centro de Informação Europeia Jacques Delors (junho/2024)
Folheto | Centro de Informação Europeia Jacques Delors (junho/2024)Folheto | Centro de Informação Europeia Jacques Delors (junho/2024)
Folheto | Centro de Informação Europeia Jacques Delors (junho/2024)
Centro Jacques Delors
 
05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
ValdineyRodriguesBez1
 
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantilVogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
mamaeieby
 
educação inclusiva na atualidade como ela se estabelece atualmente
educação inclusiva na atualidade como ela se estabelece atualmenteeducação inclusiva na atualidade como ela se estabelece atualmente
educação inclusiva na atualidade como ela se estabelece atualmente
DeuzinhaAzevedo
 
iNTRODUÇÃO À Plantas terrestres e Plantas aquáticas. (1).pdf
iNTRODUÇÃO À Plantas terrestres e Plantas aquáticas. (1).pdfiNTRODUÇÃO À Plantas terrestres e Plantas aquáticas. (1).pdf
iNTRODUÇÃO À Plantas terrestres e Plantas aquáticas. (1).pdf
andressacastro36
 
CADERNO DE CONCEITOS E ORIENTAÇÕES DO CENSO ESCOLAR 2024.pdf
CADERNO DE CONCEITOS E ORIENTAÇÕES DO CENSO ESCOLAR 2024.pdfCADERNO DE CONCEITOS E ORIENTAÇÕES DO CENSO ESCOLAR 2024.pdf
CADERNO DE CONCEITOS E ORIENTAÇÕES DO CENSO ESCOLAR 2024.pdf
NatySousa3
 
socialização faculdade uniasselvi 2024 matea
socialização faculdade uniasselvi 2024 mateasocialização faculdade uniasselvi 2024 matea
socialização faculdade uniasselvi 2024 matea
ILDISONRAFAELBARBOSA
 
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptxTreinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
MarcosPaulo777883
 
the_story_garden_5_SB_with_activities.pdf
the_story_garden_5_SB_with_activities.pdfthe_story_garden_5_SB_with_activities.pdf
the_story_garden_5_SB_with_activities.pdf
CarinaSoto12
 
Sócrates e os sofistas - apresentação de slides
Sócrates e os sofistas - apresentação de slidesSócrates e os sofistas - apresentação de slides
Sócrates e os sofistas - apresentação de slides
jbellas2
 

Último (20)

0002_matematica_6ano livro de matemática
0002_matematica_6ano livro de matemática0002_matematica_6ano livro de matemática
0002_matematica_6ano livro de matemática
 
BULLYING NÃO É AMOR.pdf LIVRO PARA TRABALHAR COM ALUNOS ATRAVÉS DE PROJETOS...
BULLYING NÃO É AMOR.pdf LIVRO PARA TRABALHAR COM ALUNOS ATRAVÉS DE PROJETOS...BULLYING NÃO É AMOR.pdf LIVRO PARA TRABALHAR COM ALUNOS ATRAVÉS DE PROJETOS...
BULLYING NÃO É AMOR.pdf LIVRO PARA TRABALHAR COM ALUNOS ATRAVÉS DE PROJETOS...
 
759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf
759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf
759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf
 
Caça-palavras ortografia M antes de P e B.
Caça-palavras    ortografia M antes de P e B.Caça-palavras    ortografia M antes de P e B.
Caça-palavras ortografia M antes de P e B.
 
Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sonsAula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
 
UFCD_5420_Integração de sistemas de informação - conceitos_índice.pdf
UFCD_5420_Integração de sistemas de informação - conceitos_índice.pdfUFCD_5420_Integração de sistemas de informação - conceitos_índice.pdf
UFCD_5420_Integração de sistemas de informação - conceitos_índice.pdf
 
APOSTILA DE TEXTOS CURTOS E INTERPRETAÇÃO.pdf
APOSTILA DE TEXTOS CURTOS E INTERPRETAÇÃO.pdfAPOSTILA DE TEXTOS CURTOS E INTERPRETAÇÃO.pdf
APOSTILA DE TEXTOS CURTOS E INTERPRETAÇÃO.pdf
 
Sinais de pontuação
Sinais de pontuaçãoSinais de pontuação
Sinais de pontuação
 
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões.          pptxRimas, Luís Vaz de Camões.          pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
 
Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.pptEstrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
 
Folheto | Centro de Informação Europeia Jacques Delors (junho/2024)
Folheto | Centro de Informação Europeia Jacques Delors (junho/2024)Folheto | Centro de Informação Europeia Jacques Delors (junho/2024)
Folheto | Centro de Informação Europeia Jacques Delors (junho/2024)
 
05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
 
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantilVogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
 
educação inclusiva na atualidade como ela se estabelece atualmente
educação inclusiva na atualidade como ela se estabelece atualmenteeducação inclusiva na atualidade como ela se estabelece atualmente
educação inclusiva na atualidade como ela se estabelece atualmente
 
iNTRODUÇÃO À Plantas terrestres e Plantas aquáticas. (1).pdf
iNTRODUÇÃO À Plantas terrestres e Plantas aquáticas. (1).pdfiNTRODUÇÃO À Plantas terrestres e Plantas aquáticas. (1).pdf
iNTRODUÇÃO À Plantas terrestres e Plantas aquáticas. (1).pdf
 
CADERNO DE CONCEITOS E ORIENTAÇÕES DO CENSO ESCOLAR 2024.pdf
CADERNO DE CONCEITOS E ORIENTAÇÕES DO CENSO ESCOLAR 2024.pdfCADERNO DE CONCEITOS E ORIENTAÇÕES DO CENSO ESCOLAR 2024.pdf
CADERNO DE CONCEITOS E ORIENTAÇÕES DO CENSO ESCOLAR 2024.pdf
 
socialização faculdade uniasselvi 2024 matea
socialização faculdade uniasselvi 2024 mateasocialização faculdade uniasselvi 2024 matea
socialização faculdade uniasselvi 2024 matea
 
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptxTreinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
 
the_story_garden_5_SB_with_activities.pdf
the_story_garden_5_SB_with_activities.pdfthe_story_garden_5_SB_with_activities.pdf
the_story_garden_5_SB_with_activities.pdf
 
Sócrates e os sofistas - apresentação de slides
Sócrates e os sofistas - apresentação de slidesSócrates e os sofistas - apresentação de slides
Sócrates e os sofistas - apresentação de slides
 

Oratória

  • 1. Comunicação oral. Arte de falar em público. Professor: Caique Fistarol
  • 2. “Quando falares, procura que as tuas palavras sejam melhores que o teu silêncio.” (Provérbio Indiano)
  • 3. A comunicação oral, num nível profissional, é pré-requisito em praticamente todos os ramos do conhecimento humano. Em algumas áreas tal diferencial é absolutamente necessário, como nas profissões em que exista contato com o público.
  • 4.  Universitários;  Profissionais liberais;  Empresários, executivos;  Negociantes e vendedores;  Relações públicas, jornalistas;  Instrutores, professores e palestrantes;  Líderes, políticos e formadores de opinião;  Advogados, promotores de justiça e correlatos;  Profissionais que precisam de técnicas para compartilhar conhecimentos e experiências;  Empresas que tenham na boa comunicação de seus funcionários um dos principais fatores do seu sucesso. (Fonte: Instituto Moreira Necho http://www.mnecho.com)
  • 5. 1. Calma; 2. agilidade; 3. fluência verbal; 4. postura correta; 5. conhecimento.
  • 7. Trata-se de método de discurso. Conjunto de regras e técnicas que permitem apurar as qualidades pessoais de quem se destina a falar em público.
  • 8. 1. Boa aparência  Roupas confortáveis e apropriadas para a ocasião (na dúvida, peque pelo excesso de formalismo);  cuidado com acessórios (principalmente as mulheres);  não use nada que possa distrair ou roubar a atenção de você e da mensagem dita. 2. Boa voz  Ouvir a voz para se tornar natural e acabar gostando dela;  cuide de seu aparelho fonador.
  • 9. 1. Agilidade  Preste atenção em detalhes para poder se comunicar com o público;  traga as pessoas para o seu lado;  perceba os picos de dispersão (a hora do intervalo). 2. Fluência verbal  Fale corretamente, sem tiques, erros gramaticais e vícios de linguagem.
  • 10. É preciso também exercitar e vigiar a intensidade da voz. Não poderemos falar aos berros para um pequeno auditório, nem aos sussurros para uma multidão. A entonação da voz estabelece diferentes curvas melódicas no discurso. Associada ao recurso da pausa, é fundamental para o brilho da fala nas apresentações.
  • 11. Estará no púlpito e a posição ideal para falar é 10 centímetros da boca, abaixo na direção do queixo. Não se deve dirigir o olhar ao instrumento, exceto nos primeiros segundos da fala para posicionamento, ou na eventualidade de ter que virar o corpo para enxergar uma parte lateral da sua plateia.
  • 12.  Postura correta, ereta, tranquila;  não ser humilde demais, mas não ser prepotente ou arrogante no discurso e modo de se comunicar;  boa gesticulação;  manter contato visual com a plateia;  o erro mais comum: olhar para o chão, para a parede ou ponto fixo que não seja a plateia.
  • 13.  Conhecer o tema;  dominar o assunto.  saber o que vai dizer (acreditar nas palavras e no tema);  não decorar;  pesquisar;  organizar as ideias;  usar técnicas de argumentação, usar exemplos, mencionar experiências e dados pesquisados;  administrar o tempo;  concluir com uma afirmação final embasa nas ideias pesquisadas e no tema exposto com coerência.
  • 14. “Começa em instantes...” A pressão aumenta... ...adrenalina vai a mil... ...surge o medo de errar! A adrenalina tem que ser usada para ajudar na apresentação. Apareceu o nervosismo e o medo, mas siga em frente! “Não pinte o diabo mais feio do que é!”
  • 15. Coragem não é ausência de medo, e sim de controle. Coragem é firmeza de espírito para enfrentar situações emocionalmente ou moralmente difíceis.
  • 16.  Falta de conhecimento sobre o assunto;  falta de prática no uso da palavra em público;  falta de autoconhecimento.
  • 17. 1) Temos que conhecer muito bem o assunto que iremos apresentar. Devemos saber muito mais do que deveremos expor. É preciso saber mais sobre o assunto para que tenhamos tranqüilidade e possamos falar com confiança; 2) pratique e adquira experiência. Aproveite todas as oportunidades para se apresentar diante das pessoas; 3) identifique suas qualidades. Procure não ressaltar os seus defeitos, mas sim as suas qualidades.
  • 18.  Pesquisar e estudar sobre o assunto a ser abordado;  selecionar as ideias;  escrever o discurso com argumentos e alicerçando sobre as ideias, dados e fatos pesquisados;  planejar o que vai falar;  adequar a fala ao tempo;  conhecer o assunto para os devidos questionamentos ao término do discurso.
  • 19. Pratique bastante. Conheça o terreno. Você está em vantagem: você sabe mais do que a plateia. Treine com o cachorro... e na hora será tudo diferente!
  • 20. Não diga: “deu branco”. Não force a lembrança e a vista, sobe a adrenalina. o Técnica 1: Pausa. o Técnica 2: Olhe calmamente para o roteiro! o Técnica 3: “Perdão!” o Técnica 4: Pausa. o Técnica 5: “Pessoal, na verdade o que eu quero dizer é".
  • 21.  Mantém a atenção do público;  cativa;  faz rir ou chorar ou os dois;  deixa a sua mensagem (cada um filtra de uma maneira);  leva embora algo consigo (experiência enriquecedora).
  • 22. Lembre-se: o público presente não é nenhum vilão, e não está aí para prejudicá-lo. Não se esqueça de que o dono da palavra é você. É você quem está dominando a situação, por isso deve ficar tranquilo.
  • 23.  Edemilson Amauri Canci (et all.). Oratória e comunicação persuasiva: fazendo a diferença. Blumenau: Nova Letra, 2010.  POLITO, Reinaldo. Oratória para estudantes. São Paulo: Saraiva, 2008.