SlideShare uma empresa Scribd logo
1
A LUDICIDADE CONSTRUINDO A APRENDIZAGEM DE
CRIANÇAS DE 4 E 5 ANOS
Andressa Vieira da Silva1
Jéssica Santos Lima2
Erika Karla Barros da Costa Silva³
Eixo temático: Educação da infância: brincar e criar nos espaços institucionais.
Categoria: Comunicação Oral
RESUMO
O presente trabalho intitulado “a ludicidade construindo a aprendizagem de crianças de 4 e 5
anos em uma turma de educação infantil, apresenta uma proposta de análise da metodologia
de ensino, das práticas docentes, das atividades lúdicas pedagógicas para facilitar o processo
de ensino aprendizagem com os educandos, do processo de construção de conhecimento de
cada criança, tudo isso envolvendo o jogo, o brinquedo e a brincadeira, que por intermédio
desses artifícios torna o aprendizado dos pequenos mais prazeroso e eficaz. Fundamentado em
entrevistas com os docentes, o projeto tem a proposta de relatar através de uma pesquisa em
campo, mais especificamente com professores de turmas da faixa etária pré-escolar, com base
nessas informações, comparativas no que diz respeito a metodologia de ensino em que os
mesmos estão submetidos, o jogo, o brinquedo e a brincadeira é utilizada como recurso no
processo de ensino aprendizagem. Brincadeiras que sejam um recurso para facilitar o
conhecimento á criança, não deixando de ser prazerosa e eficaz. O posicionamento dos
professores será relatado, como os mesmos aplicam e viabilizam este tema de suma
importância no desenvolvimento da aprendizagem na educação infantil. Consideramos que o
lúdico é essencial na aprendizagem dos alunos, por meio deste as crianças (alunos) constroem
seus conhecimentos de forma prazerosa e atribuindo significado.
Palavras-Chave: Ludicidade. Educação Infantil, Aprendizagem, Construção do
conhecimento.
1
Graduanda de Pedagogia do Centro Universitário Anhanguera de Campo Grande/ UNAES, email @hotmail.com
2
Graduanda de Pedagogia do Centro Universitário Anhanguera de Campo Grande/UNAES
Email:leka_110@hotmail.com
Andressa.grh01@gmail.com
³ Professora do curso de Pedagogia do Centro Universitário Anhanguera de Campo Grande/ UNAES e FUNLEC,
erika.barroscosta@anhanguera.com
2
INTRODUÇÃO
O presente trabalho intitulado “ a ludicidade construindo a aprendizagem de crianças de
4 e 5 anos em uma turma de educação infantil, apresenta uma proposta de análise da
metodologia de ensino, das práticas docentes, das atividades lúdicas pedagógicas para facilitar
o processo de ensino aprendizagem com os educandos, do processo de construção de
conhecimento de cada criança, tudo isso envolvendo o jogo, o brinquedo e a brincadeira, que
por intermédio desses artifícios torna o aprendizado dos pequenos mais prazeroso e eficaz.
[...] brincar é uma atividade inerente ao
ser humano. O significado dos jogos, dos
brinquedos e das brincadeiras e sua relação com o
desenvolvimento e a aprendizagem há muito
tempo vêm sendo investigados por pesquisadores
de várias áreas do conhecimento com diferentes
contribuições. (OLIVEIRA & GOMES, 2008)
Fundamentado em entrevistas com os docentes, o projeto tem a proposta de relatar
através de uma pesquisa em campo, mais especificamente com professores de turmas da faixa
etária pré-escolar, com base nessas informações, comparativas no que diz respeito a
metodologia de ensino em que os mesmos estão submetidos, o jogo, o brinquedo e a
brincadeira é utilizada como recurso no processo de ensino aprendizagem.
A ludicidade promove às crianças um outro olhar diferente, referente ao que se é
ensinado, tudo que é maçante se torna mais atrativo e de fácil compreensão. Há um
envolvimento e interesse maior nas questões proposta, pois tudo se torna mais agradável. De
acordo com Kishimoto (2002):
“o lúdico na educação se justifica porque:
é um recurso pedagógico: possui componentes do
cotidiano e o envolvimento desperta o interesse
do educando, que se torna sujeito ativo do
processo; os jogos e brincadeiras proporcionam a
observação das habilidades e dos interesses dos
educandos”.
3
Acreditamos que por intermédio da ludicidade as crianças desenvolvem seus
conhecimentos de maneira ampla e satisfatória, no qual assimilam os conteúdos
prazerosamente atribuindo significado.
“A criança necessita de estabilidade
emocional para se envolver com a aprendizagem.
[...]e a ludicidade, em parceria, um caminho
estimulador e enriquecedor para atingirmos uma
totalidade do processo aprender” (WINNICOTT,
1975).
Brincadeiras que sejam um recurso para facilitar o conhecimento á criança, não
deixando de ser prazerosa e eficaz.
Partindo do pressuposto teórico de (Piaget 1994):
“O jogo é, portanto, sob as suas duas formas
essenciais de exercício sensório-motor e de simbolismo,
uma assimilação do real à atividade própria, fornecendo a
esta seu alimento necessário e transformando o real em
função de suas necessidades múltiplas do eu. É a construção
do conhecimento, principalmente, nos períodos sensório
motor e pré-operatório. Agindo sobre os objetos, as
crianças, desde pequenas estruturamseu espaço, seu tempo,
desenvolvem a noção de casualidade chegando a
representação e, finalmente a lógica (PIAGET, 1994).
O posicionamento dos professores será relatado, como os mesmos aplicam e viabilizam
este tema de suma importância no desenvolvimento da aprendizagem na educação infantil.
Consideramos que o lúdico é essencial na aprendizagem dos alunos, por meio deste as crianças
constroem seus conhecimentos de forma prazerosa e atribuindo significados.
OBJETIVOS
Identificar a utilização e aplicação da prática lúdica em sala de aula e se os
profissionais possuem ciência de que estas influenciam significativamente no
4
desenvolvimento do processo de ensino e aprendizagem. Faremos verificações como a
ludicidade auxilia na construção do conhecimento e aprendizado.
Levantar alguns questionamentos através de pesquisas e entrevistas de docentes na
área da educação infantil de 4 a 5 anos;
Investigar como os docentes trabalham com a questão da ludicidade em sala de aula;
Identificar as práticas lúdicas aplicadas nas aulas de educação infantil;
Analisar a influência das práticas lúdicas no processo de aprendizagem dos alunos;
Descrever quais atividades lúdicas que os alunos mais se identificam e quais tem a
melhor eficácia no processo da construção de seus conhecimentos;
Verificar quais os momentos adequados para elaboração de uma atividade lúdica
METODOLOGIA
Fundamentado nos teóricos aqui empregados, após analises e direcionou se a
aplicabilidade do lúdico no processo de ensino aprendizagem do educando da educação
infantil na fase pré-escolar, é primordial para o desenvolvimento integral da criança. A
finalidade de uma pesquisa de campo e atividade lúdica aliada a mesma.
De acordo com o referencial curricular da educação infantil (1998, p23):
“Educar significa, portanto, proporcionar
situações de cuidados, brincadeiras e
aprendizagens orientadas de forma integrada e
que possam contribuir para o desenvolvimento
das capacidades infantis de relação interpessoal,
de ser e estar com os outros em uma atitude
básica de aceitação, respeito e confiança, e o
acesso, pelas crianças, aos conhecimentos mais
amplos da realidade social e cultural”.
De fato os jogos, brinquedos e brincadeiras contribuem no desenvolvimento dos
aspectos físicos, afetivos, e cognitivos das crianças trazendo assim aspectos positivos que
permitem liberdade de expressão em sua representação de mundo. Aprende-se que não se pode
aplicar o brincar como simples atividade para passar o tempo, é preciso que tenha a
5
intencionalidade, o direcionamento e o prévio planejamento para que ocorra assim um
verdadeiro aprendizado e amadurecimento.
Essa tese, a princípio, foi realizada em três etapas: a realização de sondagem de quais
as metodologias de ensino as educadoras conseguiriam inserir em suas aulas, foram observados
e acompanhados os alunos de duas instituições: pública e privada.
A aplicação do questionário referente ás práticas lúdicas, previamente aprovadas pelas
professoras, foi realizado para angariar informações relevantes no que diz respeito sobre o
favorecimento de uma aprendizagem que alia o lúdico ao processo de ensino-aprendizagem.
No segundo momento, de acordo com a dinâmica da turma de cada instituição, e por
meio das informações levantadas pelo questionário, ficou evidente que o lúdico é um recurso
enriquecedor ao processo de ensino aprendizagem e contribui aos educandos, em sua formação
no que diz respeito aos aspectos físico, social e intelectual tornando as aulas mais cativante,
ágil e feliz.
A aplicação da brincadeira: jogo de amarelinha em formato caracol, foram realizadas
nas distintas instituições de ensino, bem como nas específicas turmas de educação infantil na
faixa etária de 4 e 5 anos. Os resultados foram característicos, avaliando que as crianças
possuem níveis de aprendizagem distintos.
Partindo do ideal de tema da prática lúdica na construção da aprendizagem de crianças
da fase pré-escolar, mediante de pesquisas, observações, aplicação de questionários referente ao
tema e uma dinâmica lúdica para concluímos a pesquisa.
RESUTADOS E DISCUSSÃO DA APLICAÇÃO EMPREGADA
A princípio, por meio dessa pesquisa de campo exploratória, fez se a proposta de um
questionário as professoras, referente a como as mesmas utilizavam do lúdico nas atividades
direcionadas as turmas em que lecionavam, nas distintas instituições de ensino de educação
infantil. Segundo Almeida (1995, p 41):
“A educação lúdica contribui e influencia
na formação da criança, possibilitando um
crescimento sadio, um enriquecimento
6
permanente, integrando-se ao mais alto espirito
democrático enquanto investe em uma produção
séria do conhecimento. A sua prática exige a
participação franca, criativa, livre, crítica,
promovendo a interação social e tendo em vista o
forte compromisso de transformação e
modificação do meio.”
Questionário para realizar com as professoras de duas turmas de educação infantil:
 O quanto se faz presente a prática lúdica no decorrer das suas aulas ministradas nessa
turma de educação infantil?
 Quais os benefícios no processo de ensino aprendizagem dos educandos isso ocasiona?
 Existem pontos de melhora quanto ao que se é proposto nas aulas?
 A escola proporciona recursos pedagógicos suficientes para a realização de suas aulas,
quando você está direcionando a mesma para um aprendizado mais prazeroso e
significativo aos alunos?
 Ao utilizar esses recursos pedagógicos, as expectativas da realização dessas aulas são
atendidas?
 As aulas com uma proposta mais lúdica, realmente consegue proporcionar um
desenvolvimento integral da criança?
 Nos anos em que o docente estava se graduando, o que lhe foi ensinado quanto a prática
pedagógica da ludicidade, quais os aspectos que lhe foi mais relevante desse componente
curricular da grade do curso de licenciatura de pedagogia.
 A escola proporciona formações pedagógicas?
 Nessas formações continuadas, são ofertadas palestras cursos direcionados ao fazer
pedagógico com os alunos da educação infantil no que diz respeito a aliar o lúdico ao
processo de ensino aprendizagem?
 Qual o nível de interesse dos discentes quando ocorre uma prática lúdica na construção do
conhecimento?
 Os alunos aprendem de maneira satisfatória com a inserção de atividades lúdicas?
Com uma atividade lúdica previamente preparada através de um plano de aula que
foi aprovado por ambas professoras, foi com os educandos no término da aula. Analisamos e
7
fizemos comparações significativas de passo a passo do processo de aprendizagem mediante
de uma brincadeira dinâmica lúdica. Partindo do princípio do plano de aula, confeccionamos
uma amarelinha caracol utilizado alguns recursos pedagógicos como: tnt, eva, cola quente,
tesoura e canetinha, o qual posteriormente aplicamos essa atividade lúdica.
Na primeira instituição de ensino privado, havia 10 crianças, na faixa etária de 4 e 5
anos. No primeiro momento observamos atentamente como as crianças interagiam uma com
as outras dentro da sala de aula, em seguida aplicamos um questionário com o professor
regente, onde obtivemos informações detalhada de como ocorre o processo da construção do
conhecimento dentro da sala de aula. O docente nos relatou que praticamente todos os dias há
inserção de atividades lúdicas, porque nesta fase as crianças demonstram interesse em
adquirir novos conhecimentos por intermédio de brincadeiras por se tratar de sua própria
linguagem.
Consideramos o lúdico uma ferramenta fundamental no desenvolvimento integral da
criança, no qual a maioria dos educandos interagem e dá um retorno positivo, após a
aplicação de alguma atividade lúdica. Com inserção de materiais lúdicos fornecido pela
instituição se torna mais enriquecedor e diversificada a aplicação de uma atividade lúdica em
sala de aula, aumentando a possibilidade de assimilação e aprendizagem dos educandos.
Segundo VYGOTSKY:
“ a brincadeira possui três características: a
imaginação, a imitação e a regra. Elas estão
presentes em todos os tipos de brincadeiras
infantis, tanto nas tradicionais, naquelas de faz-
de-conta, como ainda nas que exigem regras
(BERTOLDO, RUSCHEL).”
Existem vantagens relevante quanto a prática lúdica, é possível realizar um trabalho
significativo na construção do conhecimento das crianças, mediante ao desenvolvimento da
criatividade e interesse dos alunos, principalmente se voltado para a construção do
conhecimento dos alunos, capacitando o desenvolvimento integral. Aproximadamente 95% da
turma se envolvem com as brincadeiras lúdicas proposta em sala de aula e assimilam de
maneira satisfatória, mediante isso a docente considera fundamental as práticas lúdicas pelo
qual oportunizará ensino de qualidade e prazeroso para os alunos nesta fase da educação
infantil.
8
Após a entrevista com a docente sugerimos a aplicação de uma atividade com os
alunos: a amarelinha em formato caracol.
A princípio foram feitas algumas indagações aos alunos quanto ao seu desempenho
para realizar esta brincadeira: amarelinha em formato de caracol, boa parte dos alunos
incorporaram rapidamente o que lhes foi proposto pela pesquisadora de campo.
No desenrolar da brincadeira foi observado cada aluno individualmente. Houve a
constatação que os educandos desenvolviam a atividade sem nenhuma complexidade,
demostrando familiaridade e um excelente desempenho psicomotor durante a atividade
lúdica. Conforme os alunos pulavam e paravam em determinada forma geométrica,
requisitamos que os mesmos mencionassem o numeral e a paleta de cores.
A partir das analises houve a comprovação da tese de que partindo do ponto de suas
individualidades e especificidades, e de que cada criança detém de um ritmo diferente para
assimilar novos conhecimentos, concluísse que o lúdico aliado ao processo de ensino
aprendizagem, é uma ferramenta que necessita se fazer presente no cotidiano de qualquer
educador quanto ao seu fazer pedagógico. Constatamos que a maioria dos alunos, possuem
um conhecimento amplo a que se diz respeito aos numerais e a paleta de cores.
Na segunda instituição de ensino, mais especificamente em uma organização não-
governamental (ONG), havia 19 crianças, na faixa etária de 4 e 5 anos. Analisamos e
realizamos o mesmo questionário referente a praticas lúdicas. A docente relatou que na
medida do possível reserva um momento para desenvolver atividades lúdicas com os
educandos, pois ela deve seguir o planejamento que sua instituição fornece, e geralmente
trazem conteúdos que não inserem a ludicidade como forma de aprendizagem. Além de
gostarem muito, dependendo da brincadeira trabalhar a coordenação motora e outros pontos
fundamentais.
Infelizmente existe uma escassez significativa de alguns brinquedos e materiais
pedagógicos para qualificar a pratica lúdica, algumas vezes é necessário utilizar materiais
emprestado e dividir o pouco que a instituição dispõe. Entretanto a utilização dos materiais
lúdicos, geralmente supera as expectativas, afinal sempre há envolvimento qualitativo e
quantitativo do educando, por se tratar do que lhe proporciona prazer. Mediante as aulas
lúdicas a criança se desenvolve integralmente ampliando sua compreensão dos conteúdos
ensinado, construindo seus conhecimentos prazerosamente atribuindo significado. A docente
considera que o nível de interesse de sua turma com a inserção do lúdico, é excelente, todos
os alunos constroem, interagem e socializam entre si, o aluno que sabe ensina o que não sabe,
9
trazendo a socialização. Na instituição de ensino em que trabalha não há cursos de
capacitação.
Com a autorização da docente, realizamos uma dinâmica lúdica com os educandos, no
meio da sala de aula. Utilizamos um material lúdico que confeccionamos, a amarelinha no
formato de caracol com números de um ao dez, elaborado com eva coloridos, para aguçar o
interesse dos alunos. Empregamos a dinâmica com o seguinte método: o aluno arremessava
uma pedrinha, no número e pularam até alcançar a palavra “céu”. Conforme os alunos
pulavam, solicitamos que identificassem o numeral e a paleta de cor da forma geométrica da
amarelinha, para realizar a sondagem dos conhecimentos adquiridos dos alunos.
Relativamente a maioria dos educandos situa-se em um nível satisfatório de conhecimento
referente o que lhe foi proposto. Os alunos que dispunha dificuldades referente a cor ou aos
números, os outros coleguinhas ajudavam, desenvolvendo a aprendizagem e a sociabilidade
entre eles, o qual um auxiliava o outro na construção da aprendizagem.
Verificamos que ao pularem, os alunos, sentiram-se empolgados e felizes com a
dinâmica prazerosa e divertida. A maioria deles se envolveram com a brincadeira
respondendo positivamente o que lhe foi proposto, e constantemente queriam brincar várias
vezes. Apreciamos o quanto as atividades lúdicas contribuem na construção da aprendizagem
dos alunos da educação infantil.
CONSIDERAÇÕES FINAIS
Na conjectura do que é essencial á pratica de atividades lúdicas na educação infantil,
constatamos mediante a pesquisa o quando se faz necessário a presença da pratica lúdica e o
quanto beneficia os educandos no seu desenvolvimento integral. Acreditamos que o docente
deve sempre estar atento com as atualizações que ocorre no mundo lúdico, buscando e
elaborando estratégias para qualificar e otimizar seu trabalho no ambiente escolar, para
facilitar o processo da construção da aprendizagem dos educandos.
Consideramos que mediante as pesquisas realizadas necessitamos utilizar práticas
lúdiicas, para atingir um aprendizado qualitativo na educação infantil, ao qual os educandos
atestaram um aprendizado satisfatório.
REFERÊNCIAS
OLIVEIRA, Sônia C. & GOMES, Cleomar F. Ludicidade e adolescência. Disponível em:
http://www.psicopedagogia.com.br/opiniao/opiniao.asp?entrID=3. Acesso em 12 ago. 2008.
10
ALMEIDA, M. T. P. O Brincar na Educação Infantil. Revista Virtual E F Artigos. Natal/RN-
volume 03- número 01- maio, 2005.
Rubem Alves, 2001
KISHIMOTO, T. M. Bruner e a brincadeira. In: O Brincar e suas Teorias, KISHIMOTO,
TIZUKO M. (ORG.) São Paulo, Pioneira Thomson Learning,2002
SANTOS, Marli Pires dos Santos (org.). O Lúdico na Formação do Educador. 7 ed.
Petrópolis, RJ: Vozes, 2007.
BRASIL, Ministério da Educação e do desporto. Secretaria de educação Fundamental.
Referencial Curricular nacional para a educação infantil. Brasilia , 1998. V.2
WINNICOTT , D. W. O brincar e a realidade. Rio de Janeiro: Imago, 1975
MIACARET, Gaston. A formação de professores. Coimbra: Semeclina, 1991.
NEGRINE, Airton. Aprendizagem e desenvolvimento infantil. Porto Alegre: Propil, 1994.
BERTOLDO, Janice Vida; RUSCHEL, Maria Andrea de Moura. Jogo, Brinquedo e
Brincadeira - Uma Revisão Conceitual. Disponível em: http://www.ufsm.br/gepeis/jogo.htm.
Acesso no dia 21 de fevereiro de 2006.
CAMPOS, Maria Célia Rabello Malta. A importância do jogo no processo de aprendizagem.
Disponível em: http://www.psicopedagogia.com.br/entrevistas/entrevista.asp?entrID=39.
Acesso no dia 20 de fevereiro de 2006.
PIAGET, Jean. "A formação do símbolo na criança - imitação, jogo e sonho, imagem e
representação". Rio de Janeiro: Zahar Editores, 1978.
GALLAHUE, David L. Compreendendo o desenvolvimento motor de
bebês,crianças,adolescentes e adultos, São Paulo- SP – Brasil, 2 Ed. Phorte, 2008
Referencial curricular nacional para a educação infantil. Brasília. 1998.v2.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Priscila verdelho e ananda
Priscila verdelho e anandaPriscila verdelho e ananda
Priscila verdelho e ananda
Fernando Pissuto
 
Aline naiany erika
Aline naiany erikaAline naiany erika
Aline naiany erika
Fernando Pissuto
 
Aline ana suelen_viviany
Aline ana suelen_vivianyAline ana suelen_viviany
Aline ana suelen_viviany
Fernando Pissuto
 
Adriana franciellen erika
Adriana  franciellen erikaAdriana  franciellen erika
Adriana franciellen erika
Fernando Pissuto
 
Jucilene priscila
Jucilene priscilaJucilene priscila
Jucilene priscila
Fernando Pissuto
 
Alinne alessandra muzzi
Alinne alessandra muzziAlinne alessandra muzzi
Alinne alessandra muzzi
Fernando Pissuto
 
TRABALHANDO O FOLCLORE NA EDUCAÇÃO INFANTIL
TRABALHANDO O  FOLCLORE NA EDUCAÇÃO INFANTILTRABALHANDO O  FOLCLORE NA EDUCAÇÃO INFANTIL
TRABALHANDO O FOLCLORE NA EDUCAÇÃO INFANTIL
Fernando Pissuto
 
Bruna e vanessa
Bruna e vanessaBruna e vanessa
Bruna e vanessa
Fernando Pissuto
 
Care marcia
Care marciaCare marcia
Care marcia
Fernando Pissuto
 
Bruna sdmara
Bruna sdmaraBruna sdmara
Bruna sdmara
Fernando Pissuto
 
Analu nilcelia
Analu nilceliaAnalu nilcelia
Analu nilcelia
Fernando Pissuto
 
Jane mari
Jane mariJane mari
Jane mari
Fernando Pissuto
 
Maria solange
Maria solangeMaria solange
Maria solange
Fernando Pissuto
 
Trabalho de graduação 2017-1
Trabalho de graduação  2017-1Trabalho de graduação  2017-1
Trabalho de graduação 2017-1
Rose Zanonato
 
Amanda jessica tamara_viviany
Amanda jessica tamara_vivianyAmanda jessica tamara_viviany
Amanda jessica tamara_viviany
Fernando Pissuto
 
Maria claudionora
Maria claudionoraMaria claudionora
Maria claudionora
Fernando Pissuto
 
Elizangela kenia erika
Elizangela kenia erikaElizangela kenia erika
Elizangela kenia erika
Fernando Pissuto
 
Rosana rosimara erika
Rosana rosimara erikaRosana rosimara erika
Rosana rosimara erika
Fernando Pissuto
 
Artigo11
Artigo11Artigo11
Artigo11
cefaprodematupa
 
Marlene monica
Marlene monicaMarlene monica
Marlene monica
Fernando Pissuto
 

Mais procurados (20)

Priscila verdelho e ananda
Priscila verdelho e anandaPriscila verdelho e ananda
Priscila verdelho e ananda
 
Aline naiany erika
Aline naiany erikaAline naiany erika
Aline naiany erika
 
Aline ana suelen_viviany
Aline ana suelen_vivianyAline ana suelen_viviany
Aline ana suelen_viviany
 
Adriana franciellen erika
Adriana  franciellen erikaAdriana  franciellen erika
Adriana franciellen erika
 
Jucilene priscila
Jucilene priscilaJucilene priscila
Jucilene priscila
 
Alinne alessandra muzzi
Alinne alessandra muzziAlinne alessandra muzzi
Alinne alessandra muzzi
 
TRABALHANDO O FOLCLORE NA EDUCAÇÃO INFANTIL
TRABALHANDO O  FOLCLORE NA EDUCAÇÃO INFANTILTRABALHANDO O  FOLCLORE NA EDUCAÇÃO INFANTIL
TRABALHANDO O FOLCLORE NA EDUCAÇÃO INFANTIL
 
Bruna e vanessa
Bruna e vanessaBruna e vanessa
Bruna e vanessa
 
Care marcia
Care marciaCare marcia
Care marcia
 
Bruna sdmara
Bruna sdmaraBruna sdmara
Bruna sdmara
 
Analu nilcelia
Analu nilceliaAnalu nilcelia
Analu nilcelia
 
Jane mari
Jane mariJane mari
Jane mari
 
Maria solange
Maria solangeMaria solange
Maria solange
 
Trabalho de graduação 2017-1
Trabalho de graduação  2017-1Trabalho de graduação  2017-1
Trabalho de graduação 2017-1
 
Amanda jessica tamara_viviany
Amanda jessica tamara_vivianyAmanda jessica tamara_viviany
Amanda jessica tamara_viviany
 
Maria claudionora
Maria claudionoraMaria claudionora
Maria claudionora
 
Elizangela kenia erika
Elizangela kenia erikaElizangela kenia erika
Elizangela kenia erika
 
Rosana rosimara erika
Rosana rosimara erikaRosana rosimara erika
Rosana rosimara erika
 
Artigo11
Artigo11Artigo11
Artigo11
 
Marlene monica
Marlene monicaMarlene monica
Marlene monica
 

Semelhante a Andressa jessica erika

O lúdico
O lúdicoO lúdico
3592 9657-1-pb o ludico na educação simone helen drumons ischkanian
3592 9657-1-pb o ludico na educação simone helen drumons ischkanian3592 9657-1-pb o ludico na educação simone helen drumons ischkanian
3592 9657-1-pb o ludico na educação simone helen drumons ischkanian
SimoneHelenDrumond
 
SLIDE DANIEL lllllllllllllllllllllllllll
SLIDE DANIEL lllllllllllllllllllllllllllSLIDE DANIEL lllllllllllllllllllllllllll
SLIDE DANIEL lllllllllllllllllllllllllll
laisefernandes2
 
Pibid
PibidPibid
Ludicidade infantil artigo
Ludicidade infantil artigoLudicidade infantil artigo
Ludicidade infantil artigo
Márcia Santos
 
A IMPORTÂNCIA DOS JOGOS E BRINCADEIRAS NA EDUCAÇÃO INFANTIL
A IMPORTÂNCIA DOS JOGOS E BRINCADEIRAS NA EDUCAÇÃO INFANTILA IMPORTÂNCIA DOS JOGOS E BRINCADEIRAS NA EDUCAÇÃO INFANTIL
A IMPORTÂNCIA DOS JOGOS E BRINCADEIRAS NA EDUCAÇÃO INFANTIL
cefaprodematupa
 
Projeto eeefm luis jouffroy bincando e aprendendo
Projeto eeefm luis jouffroy bincando e aprendendoProjeto eeefm luis jouffroy bincando e aprendendo
Projeto eeefm luis jouffroy bincando e aprendendo
Marilia Frizzera Dias
 
Projeto ludico simone drumond
Projeto ludico simone drumondProjeto ludico simone drumond
Projeto ludico simone drumond
SimoneHelenDrumond
 
O brincar e a criação
O brincar e a criaçãoO brincar e a criação
O brincar e a criação
Maria Bersch
 
Brincadeiras na educação infantil artigo 29.03
Brincadeiras na educação infantil   artigo  29.03Brincadeiras na educação infantil   artigo  29.03
Brincadeiras na educação infantil artigo 29.03
Tom Sales
 
4791-32024-1-PB.pdf
4791-32024-1-PB.pdf4791-32024-1-PB.pdf
4791-32024-1-PB.pdf
Valria13
 
Pnaic projeto fernanda e maria luiza 1
Pnaic   projeto fernanda e maria luiza 1Pnaic   projeto fernanda e maria luiza 1
Pnaic projeto fernanda e maria luiza 1
SimoneHelenDrumond
 
Pnaic projeto. fernanda e maria luiza 1
Pnaic    projeto. fernanda e maria luiza 1Pnaic    projeto. fernanda e maria luiza 1
Pnaic projeto. fernanda e maria luiza 1
SimoneHelenDrumond
 
Apostilha para estudo de seminario
Apostilha para estudo de seminarioApostilha para estudo de seminario
Apostilha para estudo de seminario
patricia vieira
 
Tcc
TccTcc
Tcc
TccTcc
Otpei 2 projeto ludico simone helen drumond
Otpei 2  projeto ludico simone helen drumondOtpei 2  projeto ludico simone helen drumond
Otpei 2 projeto ludico simone helen drumond
SimoneHelenDrumond
 
Pibid no contexto escolar
Pibid no contexto escolarPibid no contexto escolar
Pibid no contexto escolar
Cleonice Vieira
 
A CONTRIBUIÇÃO DOS JOGOS E BRINCADEIRAS NO PROCESSO DE ENSINOAPRENDIZAGEM DE ...
A CONTRIBUIÇÃO DOS JOGOS E BRINCADEIRAS NO PROCESSO DE ENSINOAPRENDIZAGEM DE ...A CONTRIBUIÇÃO DOS JOGOS E BRINCADEIRAS NO PROCESSO DE ENSINOAPRENDIZAGEM DE ...
A CONTRIBUIÇÃO DOS JOGOS E BRINCADEIRAS NO PROCESSO DE ENSINOAPRENDIZAGEM DE ...
Valria13
 
Coordenacão pedagógica
Coordenacão pedagógicaCoordenacão pedagógica
Coordenacão pedagógica
MarceloSilveira87
 

Semelhante a Andressa jessica erika (20)

O lúdico
O lúdicoO lúdico
O lúdico
 
3592 9657-1-pb o ludico na educação simone helen drumons ischkanian
3592 9657-1-pb o ludico na educação simone helen drumons ischkanian3592 9657-1-pb o ludico na educação simone helen drumons ischkanian
3592 9657-1-pb o ludico na educação simone helen drumons ischkanian
 
SLIDE DANIEL lllllllllllllllllllllllllll
SLIDE DANIEL lllllllllllllllllllllllllllSLIDE DANIEL lllllllllllllllllllllllllll
SLIDE DANIEL lllllllllllllllllllllllllll
 
Pibid
PibidPibid
Pibid
 
Ludicidade infantil artigo
Ludicidade infantil artigoLudicidade infantil artigo
Ludicidade infantil artigo
 
A IMPORTÂNCIA DOS JOGOS E BRINCADEIRAS NA EDUCAÇÃO INFANTIL
A IMPORTÂNCIA DOS JOGOS E BRINCADEIRAS NA EDUCAÇÃO INFANTILA IMPORTÂNCIA DOS JOGOS E BRINCADEIRAS NA EDUCAÇÃO INFANTIL
A IMPORTÂNCIA DOS JOGOS E BRINCADEIRAS NA EDUCAÇÃO INFANTIL
 
Projeto eeefm luis jouffroy bincando e aprendendo
Projeto eeefm luis jouffroy bincando e aprendendoProjeto eeefm luis jouffroy bincando e aprendendo
Projeto eeefm luis jouffroy bincando e aprendendo
 
Projeto ludico simone drumond
Projeto ludico simone drumondProjeto ludico simone drumond
Projeto ludico simone drumond
 
O brincar e a criação
O brincar e a criaçãoO brincar e a criação
O brincar e a criação
 
Brincadeiras na educação infantil artigo 29.03
Brincadeiras na educação infantil   artigo  29.03Brincadeiras na educação infantil   artigo  29.03
Brincadeiras na educação infantil artigo 29.03
 
4791-32024-1-PB.pdf
4791-32024-1-PB.pdf4791-32024-1-PB.pdf
4791-32024-1-PB.pdf
 
Pnaic projeto fernanda e maria luiza 1
Pnaic   projeto fernanda e maria luiza 1Pnaic   projeto fernanda e maria luiza 1
Pnaic projeto fernanda e maria luiza 1
 
Pnaic projeto. fernanda e maria luiza 1
Pnaic    projeto. fernanda e maria luiza 1Pnaic    projeto. fernanda e maria luiza 1
Pnaic projeto. fernanda e maria luiza 1
 
Apostilha para estudo de seminario
Apostilha para estudo de seminarioApostilha para estudo de seminario
Apostilha para estudo de seminario
 
Tcc
TccTcc
Tcc
 
Tcc
TccTcc
Tcc
 
Otpei 2 projeto ludico simone helen drumond
Otpei 2  projeto ludico simone helen drumondOtpei 2  projeto ludico simone helen drumond
Otpei 2 projeto ludico simone helen drumond
 
Pibid no contexto escolar
Pibid no contexto escolarPibid no contexto escolar
Pibid no contexto escolar
 
A CONTRIBUIÇÃO DOS JOGOS E BRINCADEIRAS NO PROCESSO DE ENSINOAPRENDIZAGEM DE ...
A CONTRIBUIÇÃO DOS JOGOS E BRINCADEIRAS NO PROCESSO DE ENSINOAPRENDIZAGEM DE ...A CONTRIBUIÇÃO DOS JOGOS E BRINCADEIRAS NO PROCESSO DE ENSINOAPRENDIZAGEM DE ...
A CONTRIBUIÇÃO DOS JOGOS E BRINCADEIRAS NO PROCESSO DE ENSINOAPRENDIZAGEM DE ...
 
Coordenacão pedagógica
Coordenacão pedagógicaCoordenacão pedagógica
Coordenacão pedagógica
 

Mais de Fernando Pissuto

Thaynara e vanuza
Thaynara e vanuzaThaynara e vanuza
Thaynara e vanuza
Fernando Pissuto
 
Talita
TalitaTalita
Suelen bruna hagrayzes
Suelen bruna hagrayzesSuelen bruna hagrayzes
Suelen bruna hagrayzes
Fernando Pissuto
 
Rubens arguelho
Rubens arguelhoRubens arguelho
Rubens arguelho
Fernando Pissuto
 
Neidi monica
Neidi monicaNeidi monica
Neidi monica
Fernando Pissuto
 
Luzia
LuziaLuzia
Luana aparecida monica
Luana aparecida monicaLuana aparecida monica
Luana aparecida monica
Fernando Pissuto
 
Leticia erika
Leticia erikaLeticia erika
Leticia erika
Fernando Pissuto
 
Laura simone
Laura simoneLaura simone
Laura simone
Fernando Pissuto
 
Jose flavio 2
Jose flavio 2Jose flavio 2
Jose flavio 2
Fernando Pissuto
 
Jose flavio 1
Jose flavio 1Jose flavio 1
Jose flavio 1
Fernando Pissuto
 
Jessica jucilene nair
Jessica jucilene nairJessica jucilene nair
Jessica jucilene nair
Fernando Pissuto
 
Jennifer alyne maria
Jennifer alyne mariaJennifer alyne maria
Jennifer alyne maria
Fernando Pissuto
 
Hellen carolinne rebeca
Hellen carolinne rebecaHellen carolinne rebeca
Hellen carolinne rebeca
Fernando Pissuto
 
Francielle gustavo neide
Francielle gustavo neideFrancielle gustavo neide
Francielle gustavo neide
Fernando Pissuto
 
Fernanda otilia jose flavio
Fernanda otilia jose flavioFernanda otilia jose flavio
Fernanda otilia jose flavio
Fernando Pissuto
 

Mais de Fernando Pissuto (16)

Thaynara e vanuza
Thaynara e vanuzaThaynara e vanuza
Thaynara e vanuza
 
Talita
TalitaTalita
Talita
 
Suelen bruna hagrayzes
Suelen bruna hagrayzesSuelen bruna hagrayzes
Suelen bruna hagrayzes
 
Rubens arguelho
Rubens arguelhoRubens arguelho
Rubens arguelho
 
Neidi monica
Neidi monicaNeidi monica
Neidi monica
 
Luzia
LuziaLuzia
Luzia
 
Luana aparecida monica
Luana aparecida monicaLuana aparecida monica
Luana aparecida monica
 
Leticia erika
Leticia erikaLeticia erika
Leticia erika
 
Laura simone
Laura simoneLaura simone
Laura simone
 
Jose flavio 2
Jose flavio 2Jose flavio 2
Jose flavio 2
 
Jose flavio 1
Jose flavio 1Jose flavio 1
Jose flavio 1
 
Jessica jucilene nair
Jessica jucilene nairJessica jucilene nair
Jessica jucilene nair
 
Jennifer alyne maria
Jennifer alyne mariaJennifer alyne maria
Jennifer alyne maria
 
Hellen carolinne rebeca
Hellen carolinne rebecaHellen carolinne rebeca
Hellen carolinne rebeca
 
Francielle gustavo neide
Francielle gustavo neideFrancielle gustavo neide
Francielle gustavo neide
 
Fernanda otilia jose flavio
Fernanda otilia jose flavioFernanda otilia jose flavio
Fernanda otilia jose flavio
 

Último

CRONOGRAMA - PSC 2° ETAPA 2024.pptx (1).pdf
CRONOGRAMA - PSC 2° ETAPA 2024.pptx (1).pdfCRONOGRAMA - PSC 2° ETAPA 2024.pptx (1).pdf
CRONOGRAMA - PSC 2° ETAPA 2024.pptx (1).pdf
soaresdesouzaamanda8
 
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
AntnioManuelAgdoma
 
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdfUFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
Manuais Formação
 
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo FreireLivro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
WelberMerlinCardoso
 
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptxRedação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
DECIOMAURINARAMOS
 
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantilVogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
mamaeieby
 
karl marx biografia resumida com suas obras e história de vida
karl marx biografia resumida com suas obras e história de vidakarl marx biografia resumida com suas obras e história de vida
karl marx biografia resumida com suas obras e história de vida
KleginaldoPaz2
 
Potenciação e Radiciação de Números Racionais
Potenciação e Radiciação de Números RacionaisPotenciação e Radiciação de Números Racionais
Potenciação e Radiciação de Números Racionais
wagnermorais28
 
Atividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º anoAtividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º ano
fernandacosta37763
 
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - AlfabetinhoAtividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
MateusTavares54
 
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdfA QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
AurelianoFerreirades2
 
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua PortuguesaD20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
eaiprofpolly
 
slides de Didática 2.pdf para apresentar
slides de Didática 2.pdf para apresentarslides de Didática 2.pdf para apresentar
slides de Didática 2.pdf para apresentar
JoeteCarvalho
 
Leonardo da Vinci .pptx
Leonardo da Vinci                  .pptxLeonardo da Vinci                  .pptx
Leonardo da Vinci .pptx
TomasSousa7
 
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdfTestes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
lveiga112
 
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdfOS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
AmiltonAparecido1
 
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptxPP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf
759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf
759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf
MessiasMarianoG
 
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
Educação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideiaEducação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideia
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
joseanesouza36
 
Famílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do Assaré
Famílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do AssaréFamílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do Assaré
Famílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do Assaré
profesfrancleite
 

Último (20)

CRONOGRAMA - PSC 2° ETAPA 2024.pptx (1).pdf
CRONOGRAMA - PSC 2° ETAPA 2024.pptx (1).pdfCRONOGRAMA - PSC 2° ETAPA 2024.pptx (1).pdf
CRONOGRAMA - PSC 2° ETAPA 2024.pptx (1).pdf
 
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
 
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdfUFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
 
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo FreireLivro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
 
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptxRedação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
 
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantilVogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
 
karl marx biografia resumida com suas obras e história de vida
karl marx biografia resumida com suas obras e história de vidakarl marx biografia resumida com suas obras e história de vida
karl marx biografia resumida com suas obras e história de vida
 
Potenciação e Radiciação de Números Racionais
Potenciação e Radiciação de Números RacionaisPotenciação e Radiciação de Números Racionais
Potenciação e Radiciação de Números Racionais
 
Atividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º anoAtividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º ano
 
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - AlfabetinhoAtividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
 
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdfA QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
 
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua PortuguesaD20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
 
slides de Didática 2.pdf para apresentar
slides de Didática 2.pdf para apresentarslides de Didática 2.pdf para apresentar
slides de Didática 2.pdf para apresentar
 
Leonardo da Vinci .pptx
Leonardo da Vinci                  .pptxLeonardo da Vinci                  .pptx
Leonardo da Vinci .pptx
 
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdfTestes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
 
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdfOS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
 
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptxPP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
 
759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf
759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf
759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf
 
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
Educação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideiaEducação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideia
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
 
Famílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do Assaré
Famílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do AssaréFamílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do Assaré
Famílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do Assaré
 

Andressa jessica erika

  • 1. 1 A LUDICIDADE CONSTRUINDO A APRENDIZAGEM DE CRIANÇAS DE 4 E 5 ANOS Andressa Vieira da Silva1 Jéssica Santos Lima2 Erika Karla Barros da Costa Silva³ Eixo temático: Educação da infância: brincar e criar nos espaços institucionais. Categoria: Comunicação Oral RESUMO O presente trabalho intitulado “a ludicidade construindo a aprendizagem de crianças de 4 e 5 anos em uma turma de educação infantil, apresenta uma proposta de análise da metodologia de ensino, das práticas docentes, das atividades lúdicas pedagógicas para facilitar o processo de ensino aprendizagem com os educandos, do processo de construção de conhecimento de cada criança, tudo isso envolvendo o jogo, o brinquedo e a brincadeira, que por intermédio desses artifícios torna o aprendizado dos pequenos mais prazeroso e eficaz. Fundamentado em entrevistas com os docentes, o projeto tem a proposta de relatar através de uma pesquisa em campo, mais especificamente com professores de turmas da faixa etária pré-escolar, com base nessas informações, comparativas no que diz respeito a metodologia de ensino em que os mesmos estão submetidos, o jogo, o brinquedo e a brincadeira é utilizada como recurso no processo de ensino aprendizagem. Brincadeiras que sejam um recurso para facilitar o conhecimento á criança, não deixando de ser prazerosa e eficaz. O posicionamento dos professores será relatado, como os mesmos aplicam e viabilizam este tema de suma importância no desenvolvimento da aprendizagem na educação infantil. Consideramos que o lúdico é essencial na aprendizagem dos alunos, por meio deste as crianças (alunos) constroem seus conhecimentos de forma prazerosa e atribuindo significado. Palavras-Chave: Ludicidade. Educação Infantil, Aprendizagem, Construção do conhecimento. 1 Graduanda de Pedagogia do Centro Universitário Anhanguera de Campo Grande/ UNAES, email @hotmail.com 2 Graduanda de Pedagogia do Centro Universitário Anhanguera de Campo Grande/UNAES Email:leka_110@hotmail.com Andressa.grh01@gmail.com ³ Professora do curso de Pedagogia do Centro Universitário Anhanguera de Campo Grande/ UNAES e FUNLEC, erika.barroscosta@anhanguera.com
  • 2. 2 INTRODUÇÃO O presente trabalho intitulado “ a ludicidade construindo a aprendizagem de crianças de 4 e 5 anos em uma turma de educação infantil, apresenta uma proposta de análise da metodologia de ensino, das práticas docentes, das atividades lúdicas pedagógicas para facilitar o processo de ensino aprendizagem com os educandos, do processo de construção de conhecimento de cada criança, tudo isso envolvendo o jogo, o brinquedo e a brincadeira, que por intermédio desses artifícios torna o aprendizado dos pequenos mais prazeroso e eficaz. [...] brincar é uma atividade inerente ao ser humano. O significado dos jogos, dos brinquedos e das brincadeiras e sua relação com o desenvolvimento e a aprendizagem há muito tempo vêm sendo investigados por pesquisadores de várias áreas do conhecimento com diferentes contribuições. (OLIVEIRA & GOMES, 2008) Fundamentado em entrevistas com os docentes, o projeto tem a proposta de relatar através de uma pesquisa em campo, mais especificamente com professores de turmas da faixa etária pré-escolar, com base nessas informações, comparativas no que diz respeito a metodologia de ensino em que os mesmos estão submetidos, o jogo, o brinquedo e a brincadeira é utilizada como recurso no processo de ensino aprendizagem. A ludicidade promove às crianças um outro olhar diferente, referente ao que se é ensinado, tudo que é maçante se torna mais atrativo e de fácil compreensão. Há um envolvimento e interesse maior nas questões proposta, pois tudo se torna mais agradável. De acordo com Kishimoto (2002): “o lúdico na educação se justifica porque: é um recurso pedagógico: possui componentes do cotidiano e o envolvimento desperta o interesse do educando, que se torna sujeito ativo do processo; os jogos e brincadeiras proporcionam a observação das habilidades e dos interesses dos educandos”.
  • 3. 3 Acreditamos que por intermédio da ludicidade as crianças desenvolvem seus conhecimentos de maneira ampla e satisfatória, no qual assimilam os conteúdos prazerosamente atribuindo significado. “A criança necessita de estabilidade emocional para se envolver com a aprendizagem. [...]e a ludicidade, em parceria, um caminho estimulador e enriquecedor para atingirmos uma totalidade do processo aprender” (WINNICOTT, 1975). Brincadeiras que sejam um recurso para facilitar o conhecimento á criança, não deixando de ser prazerosa e eficaz. Partindo do pressuposto teórico de (Piaget 1994): “O jogo é, portanto, sob as suas duas formas essenciais de exercício sensório-motor e de simbolismo, uma assimilação do real à atividade própria, fornecendo a esta seu alimento necessário e transformando o real em função de suas necessidades múltiplas do eu. É a construção do conhecimento, principalmente, nos períodos sensório motor e pré-operatório. Agindo sobre os objetos, as crianças, desde pequenas estruturamseu espaço, seu tempo, desenvolvem a noção de casualidade chegando a representação e, finalmente a lógica (PIAGET, 1994). O posicionamento dos professores será relatado, como os mesmos aplicam e viabilizam este tema de suma importância no desenvolvimento da aprendizagem na educação infantil. Consideramos que o lúdico é essencial na aprendizagem dos alunos, por meio deste as crianças constroem seus conhecimentos de forma prazerosa e atribuindo significados. OBJETIVOS Identificar a utilização e aplicação da prática lúdica em sala de aula e se os profissionais possuem ciência de que estas influenciam significativamente no
  • 4. 4 desenvolvimento do processo de ensino e aprendizagem. Faremos verificações como a ludicidade auxilia na construção do conhecimento e aprendizado. Levantar alguns questionamentos através de pesquisas e entrevistas de docentes na área da educação infantil de 4 a 5 anos; Investigar como os docentes trabalham com a questão da ludicidade em sala de aula; Identificar as práticas lúdicas aplicadas nas aulas de educação infantil; Analisar a influência das práticas lúdicas no processo de aprendizagem dos alunos; Descrever quais atividades lúdicas que os alunos mais se identificam e quais tem a melhor eficácia no processo da construção de seus conhecimentos; Verificar quais os momentos adequados para elaboração de uma atividade lúdica METODOLOGIA Fundamentado nos teóricos aqui empregados, após analises e direcionou se a aplicabilidade do lúdico no processo de ensino aprendizagem do educando da educação infantil na fase pré-escolar, é primordial para o desenvolvimento integral da criança. A finalidade de uma pesquisa de campo e atividade lúdica aliada a mesma. De acordo com o referencial curricular da educação infantil (1998, p23): “Educar significa, portanto, proporcionar situações de cuidados, brincadeiras e aprendizagens orientadas de forma integrada e que possam contribuir para o desenvolvimento das capacidades infantis de relação interpessoal, de ser e estar com os outros em uma atitude básica de aceitação, respeito e confiança, e o acesso, pelas crianças, aos conhecimentos mais amplos da realidade social e cultural”. De fato os jogos, brinquedos e brincadeiras contribuem no desenvolvimento dos aspectos físicos, afetivos, e cognitivos das crianças trazendo assim aspectos positivos que permitem liberdade de expressão em sua representação de mundo. Aprende-se que não se pode aplicar o brincar como simples atividade para passar o tempo, é preciso que tenha a
  • 5. 5 intencionalidade, o direcionamento e o prévio planejamento para que ocorra assim um verdadeiro aprendizado e amadurecimento. Essa tese, a princípio, foi realizada em três etapas: a realização de sondagem de quais as metodologias de ensino as educadoras conseguiriam inserir em suas aulas, foram observados e acompanhados os alunos de duas instituições: pública e privada. A aplicação do questionário referente ás práticas lúdicas, previamente aprovadas pelas professoras, foi realizado para angariar informações relevantes no que diz respeito sobre o favorecimento de uma aprendizagem que alia o lúdico ao processo de ensino-aprendizagem. No segundo momento, de acordo com a dinâmica da turma de cada instituição, e por meio das informações levantadas pelo questionário, ficou evidente que o lúdico é um recurso enriquecedor ao processo de ensino aprendizagem e contribui aos educandos, em sua formação no que diz respeito aos aspectos físico, social e intelectual tornando as aulas mais cativante, ágil e feliz. A aplicação da brincadeira: jogo de amarelinha em formato caracol, foram realizadas nas distintas instituições de ensino, bem como nas específicas turmas de educação infantil na faixa etária de 4 e 5 anos. Os resultados foram característicos, avaliando que as crianças possuem níveis de aprendizagem distintos. Partindo do ideal de tema da prática lúdica na construção da aprendizagem de crianças da fase pré-escolar, mediante de pesquisas, observações, aplicação de questionários referente ao tema e uma dinâmica lúdica para concluímos a pesquisa. RESUTADOS E DISCUSSÃO DA APLICAÇÃO EMPREGADA A princípio, por meio dessa pesquisa de campo exploratória, fez se a proposta de um questionário as professoras, referente a como as mesmas utilizavam do lúdico nas atividades direcionadas as turmas em que lecionavam, nas distintas instituições de ensino de educação infantil. Segundo Almeida (1995, p 41): “A educação lúdica contribui e influencia na formação da criança, possibilitando um crescimento sadio, um enriquecimento
  • 6. 6 permanente, integrando-se ao mais alto espirito democrático enquanto investe em uma produção séria do conhecimento. A sua prática exige a participação franca, criativa, livre, crítica, promovendo a interação social e tendo em vista o forte compromisso de transformação e modificação do meio.” Questionário para realizar com as professoras de duas turmas de educação infantil:  O quanto se faz presente a prática lúdica no decorrer das suas aulas ministradas nessa turma de educação infantil?  Quais os benefícios no processo de ensino aprendizagem dos educandos isso ocasiona?  Existem pontos de melhora quanto ao que se é proposto nas aulas?  A escola proporciona recursos pedagógicos suficientes para a realização de suas aulas, quando você está direcionando a mesma para um aprendizado mais prazeroso e significativo aos alunos?  Ao utilizar esses recursos pedagógicos, as expectativas da realização dessas aulas são atendidas?  As aulas com uma proposta mais lúdica, realmente consegue proporcionar um desenvolvimento integral da criança?  Nos anos em que o docente estava se graduando, o que lhe foi ensinado quanto a prática pedagógica da ludicidade, quais os aspectos que lhe foi mais relevante desse componente curricular da grade do curso de licenciatura de pedagogia.  A escola proporciona formações pedagógicas?  Nessas formações continuadas, são ofertadas palestras cursos direcionados ao fazer pedagógico com os alunos da educação infantil no que diz respeito a aliar o lúdico ao processo de ensino aprendizagem?  Qual o nível de interesse dos discentes quando ocorre uma prática lúdica na construção do conhecimento?  Os alunos aprendem de maneira satisfatória com a inserção de atividades lúdicas? Com uma atividade lúdica previamente preparada através de um plano de aula que foi aprovado por ambas professoras, foi com os educandos no término da aula. Analisamos e
  • 7. 7 fizemos comparações significativas de passo a passo do processo de aprendizagem mediante de uma brincadeira dinâmica lúdica. Partindo do princípio do plano de aula, confeccionamos uma amarelinha caracol utilizado alguns recursos pedagógicos como: tnt, eva, cola quente, tesoura e canetinha, o qual posteriormente aplicamos essa atividade lúdica. Na primeira instituição de ensino privado, havia 10 crianças, na faixa etária de 4 e 5 anos. No primeiro momento observamos atentamente como as crianças interagiam uma com as outras dentro da sala de aula, em seguida aplicamos um questionário com o professor regente, onde obtivemos informações detalhada de como ocorre o processo da construção do conhecimento dentro da sala de aula. O docente nos relatou que praticamente todos os dias há inserção de atividades lúdicas, porque nesta fase as crianças demonstram interesse em adquirir novos conhecimentos por intermédio de brincadeiras por se tratar de sua própria linguagem. Consideramos o lúdico uma ferramenta fundamental no desenvolvimento integral da criança, no qual a maioria dos educandos interagem e dá um retorno positivo, após a aplicação de alguma atividade lúdica. Com inserção de materiais lúdicos fornecido pela instituição se torna mais enriquecedor e diversificada a aplicação de uma atividade lúdica em sala de aula, aumentando a possibilidade de assimilação e aprendizagem dos educandos. Segundo VYGOTSKY: “ a brincadeira possui três características: a imaginação, a imitação e a regra. Elas estão presentes em todos os tipos de brincadeiras infantis, tanto nas tradicionais, naquelas de faz- de-conta, como ainda nas que exigem regras (BERTOLDO, RUSCHEL).” Existem vantagens relevante quanto a prática lúdica, é possível realizar um trabalho significativo na construção do conhecimento das crianças, mediante ao desenvolvimento da criatividade e interesse dos alunos, principalmente se voltado para a construção do conhecimento dos alunos, capacitando o desenvolvimento integral. Aproximadamente 95% da turma se envolvem com as brincadeiras lúdicas proposta em sala de aula e assimilam de maneira satisfatória, mediante isso a docente considera fundamental as práticas lúdicas pelo qual oportunizará ensino de qualidade e prazeroso para os alunos nesta fase da educação infantil.
  • 8. 8 Após a entrevista com a docente sugerimos a aplicação de uma atividade com os alunos: a amarelinha em formato caracol. A princípio foram feitas algumas indagações aos alunos quanto ao seu desempenho para realizar esta brincadeira: amarelinha em formato de caracol, boa parte dos alunos incorporaram rapidamente o que lhes foi proposto pela pesquisadora de campo. No desenrolar da brincadeira foi observado cada aluno individualmente. Houve a constatação que os educandos desenvolviam a atividade sem nenhuma complexidade, demostrando familiaridade e um excelente desempenho psicomotor durante a atividade lúdica. Conforme os alunos pulavam e paravam em determinada forma geométrica, requisitamos que os mesmos mencionassem o numeral e a paleta de cores. A partir das analises houve a comprovação da tese de que partindo do ponto de suas individualidades e especificidades, e de que cada criança detém de um ritmo diferente para assimilar novos conhecimentos, concluísse que o lúdico aliado ao processo de ensino aprendizagem, é uma ferramenta que necessita se fazer presente no cotidiano de qualquer educador quanto ao seu fazer pedagógico. Constatamos que a maioria dos alunos, possuem um conhecimento amplo a que se diz respeito aos numerais e a paleta de cores. Na segunda instituição de ensino, mais especificamente em uma organização não- governamental (ONG), havia 19 crianças, na faixa etária de 4 e 5 anos. Analisamos e realizamos o mesmo questionário referente a praticas lúdicas. A docente relatou que na medida do possível reserva um momento para desenvolver atividades lúdicas com os educandos, pois ela deve seguir o planejamento que sua instituição fornece, e geralmente trazem conteúdos que não inserem a ludicidade como forma de aprendizagem. Além de gostarem muito, dependendo da brincadeira trabalhar a coordenação motora e outros pontos fundamentais. Infelizmente existe uma escassez significativa de alguns brinquedos e materiais pedagógicos para qualificar a pratica lúdica, algumas vezes é necessário utilizar materiais emprestado e dividir o pouco que a instituição dispõe. Entretanto a utilização dos materiais lúdicos, geralmente supera as expectativas, afinal sempre há envolvimento qualitativo e quantitativo do educando, por se tratar do que lhe proporciona prazer. Mediante as aulas lúdicas a criança se desenvolve integralmente ampliando sua compreensão dos conteúdos ensinado, construindo seus conhecimentos prazerosamente atribuindo significado. A docente considera que o nível de interesse de sua turma com a inserção do lúdico, é excelente, todos os alunos constroem, interagem e socializam entre si, o aluno que sabe ensina o que não sabe,
  • 9. 9 trazendo a socialização. Na instituição de ensino em que trabalha não há cursos de capacitação. Com a autorização da docente, realizamos uma dinâmica lúdica com os educandos, no meio da sala de aula. Utilizamos um material lúdico que confeccionamos, a amarelinha no formato de caracol com números de um ao dez, elaborado com eva coloridos, para aguçar o interesse dos alunos. Empregamos a dinâmica com o seguinte método: o aluno arremessava uma pedrinha, no número e pularam até alcançar a palavra “céu”. Conforme os alunos pulavam, solicitamos que identificassem o numeral e a paleta de cor da forma geométrica da amarelinha, para realizar a sondagem dos conhecimentos adquiridos dos alunos. Relativamente a maioria dos educandos situa-se em um nível satisfatório de conhecimento referente o que lhe foi proposto. Os alunos que dispunha dificuldades referente a cor ou aos números, os outros coleguinhas ajudavam, desenvolvendo a aprendizagem e a sociabilidade entre eles, o qual um auxiliava o outro na construção da aprendizagem. Verificamos que ao pularem, os alunos, sentiram-se empolgados e felizes com a dinâmica prazerosa e divertida. A maioria deles se envolveram com a brincadeira respondendo positivamente o que lhe foi proposto, e constantemente queriam brincar várias vezes. Apreciamos o quanto as atividades lúdicas contribuem na construção da aprendizagem dos alunos da educação infantil. CONSIDERAÇÕES FINAIS Na conjectura do que é essencial á pratica de atividades lúdicas na educação infantil, constatamos mediante a pesquisa o quando se faz necessário a presença da pratica lúdica e o quanto beneficia os educandos no seu desenvolvimento integral. Acreditamos que o docente deve sempre estar atento com as atualizações que ocorre no mundo lúdico, buscando e elaborando estratégias para qualificar e otimizar seu trabalho no ambiente escolar, para facilitar o processo da construção da aprendizagem dos educandos. Consideramos que mediante as pesquisas realizadas necessitamos utilizar práticas lúdiicas, para atingir um aprendizado qualitativo na educação infantil, ao qual os educandos atestaram um aprendizado satisfatório. REFERÊNCIAS OLIVEIRA, Sônia C. & GOMES, Cleomar F. Ludicidade e adolescência. Disponível em: http://www.psicopedagogia.com.br/opiniao/opiniao.asp?entrID=3. Acesso em 12 ago. 2008.
  • 10. 10 ALMEIDA, M. T. P. O Brincar na Educação Infantil. Revista Virtual E F Artigos. Natal/RN- volume 03- número 01- maio, 2005. Rubem Alves, 2001 KISHIMOTO, T. M. Bruner e a brincadeira. In: O Brincar e suas Teorias, KISHIMOTO, TIZUKO M. (ORG.) São Paulo, Pioneira Thomson Learning,2002 SANTOS, Marli Pires dos Santos (org.). O Lúdico na Formação do Educador. 7 ed. Petrópolis, RJ: Vozes, 2007. BRASIL, Ministério da Educação e do desporto. Secretaria de educação Fundamental. Referencial Curricular nacional para a educação infantil. Brasilia , 1998. V.2 WINNICOTT , D. W. O brincar e a realidade. Rio de Janeiro: Imago, 1975 MIACARET, Gaston. A formação de professores. Coimbra: Semeclina, 1991. NEGRINE, Airton. Aprendizagem e desenvolvimento infantil. Porto Alegre: Propil, 1994. BERTOLDO, Janice Vida; RUSCHEL, Maria Andrea de Moura. Jogo, Brinquedo e Brincadeira - Uma Revisão Conceitual. Disponível em: http://www.ufsm.br/gepeis/jogo.htm. Acesso no dia 21 de fevereiro de 2006. CAMPOS, Maria Célia Rabello Malta. A importância do jogo no processo de aprendizagem. Disponível em: http://www.psicopedagogia.com.br/entrevistas/entrevista.asp?entrID=39. Acesso no dia 20 de fevereiro de 2006. PIAGET, Jean. "A formação do símbolo na criança - imitação, jogo e sonho, imagem e representação". Rio de Janeiro: Zahar Editores, 1978. GALLAHUE, David L. Compreendendo o desenvolvimento motor de bebês,crianças,adolescentes e adultos, São Paulo- SP – Brasil, 2 Ed. Phorte, 2008 Referencial curricular nacional para a educação infantil. Brasília. 1998.v2.