SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 8
ACTIVIDADES
         EDUCATIVAS




   INSTITUTO POLITÉCNICO DE SETÚBAL

     ESCOLA SUPERIOR DE EDUCAÇÃO

LICENCIATURA EM EDUCAÇÃO BÁSICA 3º ANO TURMA A

  UC: INTRODUÇÃO ÀS DIDÁCTICAS DO PORTUGUÊS

        DOCENTE: PROFª HELENA CAMACHO

DISCENTES: ILDA MARIA FERNANDES BATISTA PEREIRA
                        E
       NATALINA MARIA DA SILVA RIBEIRO


             ANO LECTIVO 2009/ 2010




      PLANIFICAÇÃO DE ACTIVIDADES

                                                  1
PARA DESENVOLVER EM CONTEXTO EDUCATIVO COM
 CRIANÇAS DO PRÉ-ESCOLAR E DO 1º CICLO DO ENSINO BÁSICO,
               NO ÂMBITO DA LÍNGUA PORTUGUESA




               COMPREENSÃO E EXPRESSÃO ORAL


          LEITURA DA HISTÓRIA “ ELEFANTE AZUL”
                      ACTIVIDADE 1



                   Promover aprendizagens no domínio linguístico.
                   Desenvolver a capacidade de retenção da informação oral.
                   Compreensão do vocabulário ou denominações empregues.
 OBJECTIVOS        Desenvolver a memória verbal que permite conservar os elementos do
                   relato e as suas conexões.
                   Explorar significados.
                   Desenvolver processos de leitura;


                   Livro de história
                   Cartões com imagens da história
                   Cartões com frases da história
 MATERIAIS         Cola
                   Cartolina



PÚBLICO-ALVO       1º Ciclo do Ensino Básico (1º e 2º ano)


                   A leitura da história deverá ser efectuada num espaço que propicie uma
                   distância mínima entre o livro, o leitor e as crianças. Sugerem-se
DESCRIÇÃO DA       espaços onde as crianças se possam sentar no chão, confortavelmente e
 ACTIVIDADE        tenham acesso directo às imagens e à escrita do livro.
                   Após a leitura, segue-se um diálogo com as crianças para verificar a
                   compreensão do que ouviram e a análise correcta do relato por parte de
                   cada uma das crianças. O professor fará perguntas relacionadas com o
                   conteúdo, tais como: Quem intervém? Quem é o principal personagem?
                   Como são? Que fazem? Onde teve lugar? Qual a moral da história? Etc.
                   Numa segunda fase, os alunos têm que fazer a organização cronológica
                   da história.
                   A turma é dividida em grupos de 4 elementos. A cada grupo é cedido


                                                                              2
uma sequência de imagens e de frases sobre a história “O Elefante
               Azul”, com as quais terão de reconstruir a sequência da história. Depois
               de organizada a história realiza-se a colagem dos cartões às respectivas
               imagens, numa cartolina.
               Por fim, cada grupo irá expor o seu trabalho na sala de aula.




               O JOGO DAS ENTREVISTAS
                    ACTIVIDADE 2


               Interpretar e recriar, em linguagem verbal, acontecimentos imaginados.

 OBJECTIVOS    Intervir oralmente, tendo em conta a adequação progressiva a situações
               de comunicação.

               Regular a participação nas diferentes situações de comunicação.

 MATERIAIS     Mobiliário da sala de aula.

               Cartões com características das personagens.


PÚBLICO-ALVO   1º Ciclos do Ensino Básico (4º ano)

               Montando um pequeno cenário com as mesas e cadeiras da sala (um
               escritório, uma sala de reuniões, um consultório e uma sala de espera,
               etc.), o professor assume a personagem do entrevistador (funcionário de
               uma agencia de empregos, director de uma empresa ou escola, médico,
DESCRIÇÃO DA   etc.). Metade da turma, sentada na sala de espera, aguarda a hora da
 ACTIVIDADE
               entrevista.
               À medida que o professor vai chamando, cada aluno, na sua vez, dirige-
               se ao local da entrevista e senta-se para responder às perguntas que lhe
               são feitas. São as perguntas que revelam ao aluno o carácter da situação
               de entrevista (o director da escola que quer saber quem partiu o vidro do
               seu gabinete; o médico que precisa de saber pormenores sobre os
               sintomas do paciente, etc.).
               O aluno optará por assumir ou não uma determinada personagem, em
               conformidade com a situação. Da metade da turma que assiste, o
               professor pode escolher um ajudante (o secretário, o professor, uma
               enfermeira, etc.) para ir auxiliando nas entrevistas.
               Para facilitar a construção de personagens variadas, o professor pode dar
               aos alunos cartões com algumas características das suas personagens
               (convencido, desesperado, surdo, etc.).
               No decorrer do jogo, o professor deve instaurar a formalidade das
               entrevistas e tornar clara a relação entre o entrevistador e o entrevistado.

               VARIANTE


                                                                               3
Para os alunos com prática de entrevista, organizando a turma em
                   grupos, o professor propõe as situações e deixa que os próprios alunos se
                   entrevistem uns aos outros.


              RECONTO: DA LEITURA PARA O “FILME”
                        ACTIVIDADE 3

                   Desenvolver a criatividade, sentido crítico e autonomia das crianças.

                   Potenciar o enriquecimento da linguagem.
 OBJECTIVOS
                   Promover o contacto com os suportes multimédia.

                   Permitir a aprendizagem colaborativa.

                   Despertar o interesse e o gosto pela leitura.

                   Facilitar a aprendizagem de forma mais significativa.
                   Livro da história a explorar

 MATERIAIS         Imagens individuais digitalizadas da história contada em base de
                   cartolina.

                   Painel com imagens de televisões onde cada uma tem no seu centro um
                   pedaço de velcro autocolante.


PÚBLICO-ALVO       Pré-escolar e 1º Ciclo (1º,2º e 4º ano)


                   Pré-escolar e 1º Ciclo (1º e 2º ano)

                   O professor/educador inicia a actividade realizando a leitura da história
                   às crianças, podendo mostrar as suas imagens.

DESCRIÇÃO DA       Seguidamente, apresenta como proposta ao grupo o recontar da mesma,
 ACTIVIDADE        mas como se a transformasse num “filme”. Para tal, coloca
                   aleatoriamente as imagens digitalizadas da história expostas num painel
                   ao acesso visual de toda a turma. Num outro painel, existem pequenas
                   televisões desenhadas (com sequência numérica). As crianças, uma a
                   uma, terão de ir ao 1º painel retirar a imagem que irá dar origem à
                   sequência correcta da história. Além de colocar a imagem pela ordem
                   correcta no 2º painel (o das televisões), a respectiva criança terá, ainda,
                   de explicar ao grupo, a que “cena” corresponde a mesma.

                   Se a criança apresentar algumas dificuldades em sequenciar as imagens
                   de forma correcta, cabe ao professor/educador apelar à ajuda dos
                   restantes elementos da turma para colaborarem com o(a) colega em



                                                                                   4
questão.

                 No final, com todas as imagens colocadas nas “televisões”, dar-se-á o
                 reconto oral da história com a participação (organizada) de toda a turma.

                 1º Ciclo (4º ano)

                 A actividade acima descrita poderá ser realizada com as crianças do 4º
                 ano – considerando uma leitura adequada a esta faixa etária – mas
                 no sentido de se criar um pré-projecto para uma história a ser
                 reconstruída com recurso às TIC, nomeadamente, à utilização do
                 PhotoStory.

                 No final deste projecto, as crianças responsáveis terão de fazer a
                 apresentação/reconto oral da história construída em PhotoStory, a toda a
                 turma.




BIBLIOGRAFIA:

  • ENCICLOPÉDIA DE EDUCAÇÃO INFANTIL (1997)– RECURSO PARA O
  DESENVOLVIMENTO DO CURRÍCULO ESCOLAR, Editora Nova Presença


                                                                               5
•   ORIENTAÇÕES CURRICULARES para a Educação Pré-Escolar (1997) –
    Ministério da Educação, Departamento da Educação Básica – Núcleo de
    Educação Pré - Escolar – Colecção Educação Pré-Escolar




                                                                          6
ANEXOS I
LEITURA DA HISTÓRIA “ ELEFANTE AZUL”




                                       7
ANEXOS II
RECONTO: DA LEITURA PARA O “FILME”




                                     8

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Projeto Ruth Rocha
Projeto Ruth RochaProjeto Ruth Rocha
Projeto Ruth RochaKaren Santos
 
Histórias infantis e contos power point
Histórias infantis e contos power pointHistórias infantis e contos power point
Histórias infantis e contos power pointdione mompean fernandes
 
Descritores de Língua Portuguesa 5º Ano
Descritores de Língua Portuguesa 5º AnoDescritores de Língua Portuguesa 5º Ano
Descritores de Língua Portuguesa 5º AnoProf Barbosa
 
Onomatopeias- Autor José Carvalho
Onomatopeias- Autor José CarvalhoOnomatopeias- Autor José Carvalho
Onomatopeias- Autor José CarvalhoAna Carlão
 
Fichas 28 palavras
Fichas 28 palavrasFichas 28 palavras
Fichas 28 palavrasCelina Sousa
 
Brincar a ser expressão dramática
Brincar a ser expressão dramáticaBrincar a ser expressão dramática
Brincar a ser expressão dramáticaSónia Alves
 
Modelo relatório pedagogico aluno especial
Modelo relatório pedagogico aluno especialModelo relatório pedagogico aluno especial
Modelo relatório pedagogico aluno especialstraraposa
 
Relatório Auto-avaliação Docente 2019
Relatório Auto-avaliação Docente 2019 Relatório Auto-avaliação Docente 2019
Relatório Auto-avaliação Docente 2019 SalaAmarelaJIGradil
 
Projeto Café Literário, Sala de Leitura E.E. Professor Messias Freire
Projeto Café Literário, Sala de Leitura  E.E. Professor Messias FreireProjeto Café Literário, Sala de Leitura  E.E. Professor Messias Freire
Projeto Café Literário, Sala de Leitura E.E. Professor Messias FreireCirlei Santos
 
Doc orientador saltitar_2010
Doc orientador saltitar_2010Doc orientador saltitar_2010
Doc orientador saltitar_2010Sandra Leite
 
Ficha descritiva 1 ano 1 trimestre
Ficha descritiva 1 ano   1 trimestreFicha descritiva 1 ano   1 trimestre
Ficha descritiva 1 ano 1 trimestreNaysa Taboada
 
Ler é...
Ler é...Ler é...
Ler é...Lucca
 
Projeto de leitura para o 3º bimestre
Projeto de leitura para o 3º bimestreProjeto de leitura para o 3º bimestre
Projeto de leitura para o 3º bimestreheliane
 
Orientações para atividades de leitura 1º ciclo
Orientações para atividades de leitura 1º cicloOrientações para atividades de leitura 1º ciclo
Orientações para atividades de leitura 1º cicloCátia Rosário
 
O ciclo do mel
O ciclo do melO ciclo do mel
O ciclo do melIsa Crowe
 

Mais procurados (20)

Projeto Ruth Rocha
Projeto Ruth RochaProjeto Ruth Rocha
Projeto Ruth Rocha
 
Histórias infantis e contos power point
Histórias infantis e contos power pointHistórias infantis e contos power point
Histórias infantis e contos power point
 
Descritores de Língua Portuguesa 5º Ano
Descritores de Língua Portuguesa 5º AnoDescritores de Língua Portuguesa 5º Ano
Descritores de Língua Portuguesa 5º Ano
 
Portfólio pronto
Portfólio prontoPortfólio pronto
Portfólio pronto
 
Onomatopeias- Autor José Carvalho
Onomatopeias- Autor José CarvalhoOnomatopeias- Autor José Carvalho
Onomatopeias- Autor José Carvalho
 
Auto Avaliação Docente 2018
Auto Avaliação Docente 2018Auto Avaliação Docente 2018
Auto Avaliação Docente 2018
 
Sumários
SumáriosSumários
Sumários
 
Fichas 28 palavras
Fichas 28 palavrasFichas 28 palavras
Fichas 28 palavras
 
Brincar a ser expressão dramática
Brincar a ser expressão dramáticaBrincar a ser expressão dramática
Brincar a ser expressão dramática
 
Modelo relatório pedagogico aluno especial
Modelo relatório pedagogico aluno especialModelo relatório pedagogico aluno especial
Modelo relatório pedagogico aluno especial
 
Relatório Auto-avaliação Docente 2019
Relatório Auto-avaliação Docente 2019 Relatório Auto-avaliação Docente 2019
Relatório Auto-avaliação Docente 2019
 
Projeto Café Literário, Sala de Leitura E.E. Professor Messias Freire
Projeto Café Literário, Sala de Leitura  E.E. Professor Messias FreireProjeto Café Literário, Sala de Leitura  E.E. Professor Messias Freire
Projeto Café Literário, Sala de Leitura E.E. Professor Messias Freire
 
Doc orientador saltitar_2010
Doc orientador saltitar_2010Doc orientador saltitar_2010
Doc orientador saltitar_2010
 
Ficha descritiva 1 ano 1 trimestre
Ficha descritiva 1 ano   1 trimestreFicha descritiva 1 ano   1 trimestre
Ficha descritiva 1 ano 1 trimestre
 
Ler é...
Ler é...Ler é...
Ler é...
 
Projeto de leitura para o 3º bimestre
Projeto de leitura para o 3º bimestreProjeto de leitura para o 3º bimestre
Projeto de leitura para o 3º bimestre
 
Orientações para atividades de leitura 1º ciclo
Orientações para atividades de leitura 1º cicloOrientações para atividades de leitura 1º ciclo
Orientações para atividades de leitura 1º ciclo
 
O diálogo
O diálogoO diálogo
O diálogo
 
Um Beijo Na MãO.Ppt
Um Beijo Na MãO.PptUm Beijo Na MãO.Ppt
Um Beijo Na MãO.Ppt
 
O ciclo do mel
O ciclo do melO ciclo do mel
O ciclo do mel
 

Semelhante a Actividades compreensão e expressão da oralidade

Aula de Artes Visuais.pdf
Aula de Artes Visuais.pdfAula de Artes Visuais.pdf
Aula de Artes Visuais.pdfMarciaVillela6
 
Slide estágio Educação e diversidade; uniasselvi
Slide estágio Educação e diversidade; uniasselviSlide estágio Educação e diversidade; uniasselvi
Slide estágio Educação e diversidade; uniasselviTamiresDamaceno
 
Curso tecnologia na educação slid
Curso tecnologia na educação slidCurso tecnologia na educação slid
Curso tecnologia na educação slidanapaulamenegardo
 
Actividadesdecompreensoeexpressooral 100614175917-phpapp01
Actividadesdecompreensoeexpressooral 100614175917-phpapp01Actividadesdecompreensoeexpressooral 100614175917-phpapp01
Actividadesdecompreensoeexpressooral 100614175917-phpapp01Marta Pereira
 
Actividades de compreensão e expressão oral
Actividades de compreensão e expressão oralActividades de compreensão e expressão oral
Actividades de compreensão e expressão oral'Ines Tavares
 
Projeto o uso da fábula e a mída no processo de ensino - aprendizagem
Projeto   o uso da fábula e a mída no processo de ensino - aprendizagemProjeto   o uso da fábula e a mída no processo de ensino - aprendizagem
Projeto o uso da fábula e a mída no processo de ensino - aprendizagemAuxiliadora Vasconcelos
 
Sequência didática: O Leão e o Ratinho
Sequência didática: O Leão e o RatinhoSequência didática: O Leão e o Ratinho
Sequência didática: O Leão e o RatinhoShirley Lauria
 
Sequencia didática o leao e o ratinho 130929155459-phpapp01
Sequencia didática o leao e o ratinho 130929155459-phpapp01Sequencia didática o leao e o ratinho 130929155459-phpapp01
Sequencia didática o leao e o ratinho 130929155459-phpapp01Vanderlita Gomes B Marquetti
 
3.4 apresentação projeto aprender a preservar o meio ambiente com os persona...
3.4 apresentação projeto aprender  a preservar o meio ambiente com os persona...3.4 apresentação projeto aprender  a preservar o meio ambiente com os persona...
3.4 apresentação projeto aprender a preservar o meio ambiente com os persona...Claudine Abiharoun
 
3 ª ReplicaçãO Leitura3
3 ª ReplicaçãO   Leitura33 ª ReplicaçãO   Leitura3
3 ª ReplicaçãO Leitura3maxteles2004
 
Sequência didática ermantina
Sequência didática  ermantinaSequência didática  ermantina
Sequência didática ermantinarbonater
 
Sequência didática: O Leão e o Ratinho
Sequência didática: O Leão e o RatinhoSequência didática: O Leão e o Ratinho
Sequência didática: O Leão e o RatinhoShirley Lauria
 
Sequencia de Leitura: Projeto Trilhas
Sequencia de Leitura: Projeto TrilhasSequencia de Leitura: Projeto Trilhas
Sequencia de Leitura: Projeto Trilhasednasschaves
 
Sequencia de Leitura: Projeto Trilhas
Sequencia de Leitura: Projeto Trilhas Sequencia de Leitura: Projeto Trilhas
Sequencia de Leitura: Projeto Trilhas ednasschaves
 

Semelhante a Actividades compreensão e expressão da oralidade (20)

Aula de Artes Visuais.pdf
Aula de Artes Visuais.pdfAula de Artes Visuais.pdf
Aula de Artes Visuais.pdf
 
Slide estágio Educação e diversidade; uniasselvi
Slide estágio Educação e diversidade; uniasselviSlide estágio Educação e diversidade; uniasselvi
Slide estágio Educação e diversidade; uniasselvi
 
Curso tecnologia na educação slid
Curso tecnologia na educação slidCurso tecnologia na educação slid
Curso tecnologia na educação slid
 
Avental mágico
Avental  mágicoAvental  mágico
Avental mágico
 
Actividadesdecompreensoeexpressooral 100614175917-phpapp01
Actividadesdecompreensoeexpressooral 100614175917-phpapp01Actividadesdecompreensoeexpressooral 100614175917-phpapp01
Actividadesdecompreensoeexpressooral 100614175917-phpapp01
 
Actividades de compreensão e expressão oral
Actividades de compreensão e expressão oralActividades de compreensão e expressão oral
Actividades de compreensão e expressão oral
 
Apresentação1
Apresentação1Apresentação1
Apresentação1
 
Apresentação1
Apresentação1Apresentação1
Apresentação1
 
Projeto o uso da fábula e a mída no processo de ensino - aprendizagem
Projeto   o uso da fábula e a mída no processo de ensino - aprendizagemProjeto   o uso da fábula e a mída no processo de ensino - aprendizagem
Projeto o uso da fábula e a mída no processo de ensino - aprendizagem
 
Sequência didática: O Leão e o Ratinho
Sequência didática: O Leão e o RatinhoSequência didática: O Leão e o Ratinho
Sequência didática: O Leão e o Ratinho
 
Sequencia didática o leao e o ratinho 130929155459-phpapp01
Sequencia didática o leao e o ratinho 130929155459-phpapp01Sequencia didática o leao e o ratinho 130929155459-phpapp01
Sequencia didática o leao e o ratinho 130929155459-phpapp01
 
Autoestima
AutoestimaAutoestima
Autoestima
 
3.4 apresentação projeto aprender a preservar o meio ambiente com os persona...
3.4 apresentação projeto aprender  a preservar o meio ambiente com os persona...3.4 apresentação projeto aprender  a preservar o meio ambiente com os persona...
3.4 apresentação projeto aprender a preservar o meio ambiente com os persona...
 
Curso 7 classica
Curso 7 classicaCurso 7 classica
Curso 7 classica
 
3 ª ReplicaçãO Leitura3
3 ª ReplicaçãO   Leitura33 ª ReplicaçãO   Leitura3
3 ª ReplicaçãO Leitura3
 
Sequência didática ermantina
Sequência didática  ermantinaSequência didática  ermantina
Sequência didática ermantina
 
Sequência didática: O Leão e o Ratinho
Sequência didática: O Leão e o RatinhoSequência didática: O Leão e o Ratinho
Sequência didática: O Leão e o Ratinho
 
Sequencia de Leitura: Projeto Trilhas
Sequencia de Leitura: Projeto TrilhasSequencia de Leitura: Projeto Trilhas
Sequencia de Leitura: Projeto Trilhas
 
Sequencia de Leitura: Projeto Trilhas
Sequencia de Leitura: Projeto Trilhas Sequencia de Leitura: Projeto Trilhas
Sequencia de Leitura: Projeto Trilhas
 
10 encontro
10 encontro10 encontro
10 encontro
 

Mais de ascotas

Planificação consciência fonológica
Planificação  consciência fonológicaPlanificação  consciência fonológica
Planificação consciência fonológicaascotas
 
Planificação consciência fonológica na criança
Planificação  consciência fonológica na criançaPlanificação  consciência fonológica na criança
Planificação consciência fonológica na criançaascotas
 
Ppt dos sons às palavras
Ppt dos sons às palavrasPpt dos sons às palavras
Ppt dos sons às palavrasascotas
 
Panfleto a importância da leitura de histórias na emergência da literacia
Panfleto a importância da leitura de histórias na emergência da literaciaPanfleto a importância da leitura de histórias na emergência da literacia
Panfleto a importância da leitura de histórias na emergência da literaciaascotas
 
Ppt dos sons às palavras
Ppt dos sons às palavrasPpt dos sons às palavras
Ppt dos sons às palavrasascotas
 
Panfleto a importância da leitura de histórias na emergência da literacia
Panfleto a importância da leitura de histórias na emergência da literaciaPanfleto a importância da leitura de histórias na emergência da literacia
Panfleto a importância da leitura de histórias na emergência da literaciaascotas
 
Introdução à didáctica do português
Introdução à didáctica do portuguêsIntrodução à didáctica do português
Introdução à didáctica do portuguêsascotas
 
Introdução à didáctica do português
Introdução à didáctica do portuguêsIntrodução à didáctica do português
Introdução à didáctica do portuguêsascotas
 
Panfleto a importância da leitura de histórias na emergência da literacia
Panfleto a importância da leitura de histórias na emergência da literaciaPanfleto a importância da leitura de histórias na emergência da literacia
Panfleto a importância da leitura de histórias na emergência da literaciaascotas
 
Panfleto a importância da leitura de histórias na emergência da literacia
Panfleto a importância da leitura de histórias na emergência da literaciaPanfleto a importância da leitura de histórias na emergência da literacia
Panfleto a importância da leitura de histórias na emergência da literaciaascotas
 
Actividades de ortografia
Actividades de ortografiaActividades de ortografia
Actividades de ortografiaascotas
 
Introdução à didáctica do português recensão
Introdução à didáctica do português recensãoIntrodução à didáctica do português recensão
Introdução à didáctica do português recensãoascotas
 
Panfleto a importância da leitura de histórias na emergência da literacia
Panfleto a importância da leitura de histórias na emergência da literaciaPanfleto a importância da leitura de histórias na emergência da literacia
Panfleto a importância da leitura de histórias na emergência da literaciaascotas
 
Planificação completa sobre consciência fonológica
Planificação completa sobre consciência fonológicaPlanificação completa sobre consciência fonológica
Planificação completa sobre consciência fonológicaascotas
 
Ppt dos sons às palavras
Ppt dos sons às palavrasPpt dos sons às palavras
Ppt dos sons às palavrasascotas
 
Reflexão individual descobrir o princípio alfabético ilda
Reflexão individual descobrir o princípio alfabético ildaReflexão individual descobrir o princípio alfabético ilda
Reflexão individual descobrir o princípio alfabético ildaascotas
 
Resumo descobrir o princípio alfabético natalina
Resumo descobrir o princípio alfabético natalinaResumo descobrir o princípio alfabético natalina
Resumo descobrir o princípio alfabético natalinaascotas
 
Actividade Blogue Final
Actividade Blogue FinalActividade Blogue Final
Actividade Blogue Finalascotas
 
ReflexãO Final Ilda Para Lp Tic
ReflexãO Final Ilda Para Lp TicReflexãO Final Ilda Para Lp Tic
ReflexãO Final Ilda Para Lp Ticascotas
 
ReflexãO Final Ilda Para Lp Tic
ReflexãO Final Ilda Para Lp TicReflexãO Final Ilda Para Lp Tic
ReflexãO Final Ilda Para Lp Ticascotas
 

Mais de ascotas (20)

Planificação consciência fonológica
Planificação  consciência fonológicaPlanificação  consciência fonológica
Planificação consciência fonológica
 
Planificação consciência fonológica na criança
Planificação  consciência fonológica na criançaPlanificação  consciência fonológica na criança
Planificação consciência fonológica na criança
 
Ppt dos sons às palavras
Ppt dos sons às palavrasPpt dos sons às palavras
Ppt dos sons às palavras
 
Panfleto a importância da leitura de histórias na emergência da literacia
Panfleto a importância da leitura de histórias na emergência da literaciaPanfleto a importância da leitura de histórias na emergência da literacia
Panfleto a importância da leitura de histórias na emergência da literacia
 
Ppt dos sons às palavras
Ppt dos sons às palavrasPpt dos sons às palavras
Ppt dos sons às palavras
 
Panfleto a importância da leitura de histórias na emergência da literacia
Panfleto a importância da leitura de histórias na emergência da literaciaPanfleto a importância da leitura de histórias na emergência da literacia
Panfleto a importância da leitura de histórias na emergência da literacia
 
Introdução à didáctica do português
Introdução à didáctica do portuguêsIntrodução à didáctica do português
Introdução à didáctica do português
 
Introdução à didáctica do português
Introdução à didáctica do portuguêsIntrodução à didáctica do português
Introdução à didáctica do português
 
Panfleto a importância da leitura de histórias na emergência da literacia
Panfleto a importância da leitura de histórias na emergência da literaciaPanfleto a importância da leitura de histórias na emergência da literacia
Panfleto a importância da leitura de histórias na emergência da literacia
 
Panfleto a importância da leitura de histórias na emergência da literacia
Panfleto a importância da leitura de histórias na emergência da literaciaPanfleto a importância da leitura de histórias na emergência da literacia
Panfleto a importância da leitura de histórias na emergência da literacia
 
Actividades de ortografia
Actividades de ortografiaActividades de ortografia
Actividades de ortografia
 
Introdução à didáctica do português recensão
Introdução à didáctica do português recensãoIntrodução à didáctica do português recensão
Introdução à didáctica do português recensão
 
Panfleto a importância da leitura de histórias na emergência da literacia
Panfleto a importância da leitura de histórias na emergência da literaciaPanfleto a importância da leitura de histórias na emergência da literacia
Panfleto a importância da leitura de histórias na emergência da literacia
 
Planificação completa sobre consciência fonológica
Planificação completa sobre consciência fonológicaPlanificação completa sobre consciência fonológica
Planificação completa sobre consciência fonológica
 
Ppt dos sons às palavras
Ppt dos sons às palavrasPpt dos sons às palavras
Ppt dos sons às palavras
 
Reflexão individual descobrir o princípio alfabético ilda
Reflexão individual descobrir o princípio alfabético ildaReflexão individual descobrir o princípio alfabético ilda
Reflexão individual descobrir o princípio alfabético ilda
 
Resumo descobrir o princípio alfabético natalina
Resumo descobrir o princípio alfabético natalinaResumo descobrir o princípio alfabético natalina
Resumo descobrir o princípio alfabético natalina
 
Actividade Blogue Final
Actividade Blogue FinalActividade Blogue Final
Actividade Blogue Final
 
ReflexãO Final Ilda Para Lp Tic
ReflexãO Final Ilda Para Lp TicReflexãO Final Ilda Para Lp Tic
ReflexãO Final Ilda Para Lp Tic
 
ReflexãO Final Ilda Para Lp Tic
ReflexãO Final Ilda Para Lp TicReflexãO Final Ilda Para Lp Tic
ReflexãO Final Ilda Para Lp Tic
 

Último

O que é, de facto, a Educação de Infância
O que é, de facto, a Educação de InfânciaO que é, de facto, a Educação de Infância
O que é, de facto, a Educação de InfânciaHenrique Santos
 
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...azulassessoria9
 
Peça de teatro infantil: A cigarra e as formigas
Peça de teatro infantil: A cigarra e as formigasPeça de teatro infantil: A cigarra e as formigas
Peça de teatro infantil: A cigarra e as formigasBibliotecaViatodos
 
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...azulassessoria9
 
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdfSQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdfAndersonW5
 
FUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - material
FUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - materialFUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - material
FUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - materialDouglasVasconcelosMa
 
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande""Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"Ilda Bicacro
 
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptxSlides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
UFCD_10659_Ficheiros de recursos educativos_índice .pdf
UFCD_10659_Ficheiros de recursos educativos_índice .pdfUFCD_10659_Ficheiros de recursos educativos_índice .pdf
UFCD_10659_Ficheiros de recursos educativos_índice .pdfManuais Formação
 
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdfaulasgege
 
Nós Propomos! Sertã 2024 - Geografia C - 12º ano
Nós Propomos! Sertã 2024 - Geografia C - 12º anoNós Propomos! Sertã 2024 - Geografia C - 12º ano
Nós Propomos! Sertã 2024 - Geografia C - 12º anoIlda Bicacro
 
Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...
Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...
Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...marioeugenio8
 
UFCD_8291_Preparação e confeção de peixes e mariscos_índice.pdf
UFCD_8291_Preparação e confeção de peixes e mariscos_índice.pdfUFCD_8291_Preparação e confeção de peixes e mariscos_índice.pdf
UFCD_8291_Preparação e confeção de peixes e mariscos_índice.pdfManuais Formação
 
Periodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na África
Periodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na ÁfricaPeriodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na África
Periodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na Áfricajuekfuek
 
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSS
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSSFormação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSS
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSSPedroMatos469278
 
Religiosidade de Assaré - Prof. Francisco Leite
Religiosidade de Assaré - Prof. Francisco LeiteReligiosidade de Assaré - Prof. Francisco Leite
Religiosidade de Assaré - Prof. Francisco Leiteprofesfrancleite
 
Modelos de Inteligencia Emocional segundo diversos autores
Modelos de Inteligencia Emocional segundo diversos autoresModelos de Inteligencia Emocional segundo diversos autores
Modelos de Inteligencia Emocional segundo diversos autoresAna Isabel Correia
 
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptx
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptxEB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptx
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptxIlda Bicacro
 

Último (20)

O que é, de facto, a Educação de Infância
O que é, de facto, a Educação de InfânciaO que é, de facto, a Educação de Infância
O que é, de facto, a Educação de Infância
 
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
 
Peça de teatro infantil: A cigarra e as formigas
Peça de teatro infantil: A cigarra e as formigasPeça de teatro infantil: A cigarra e as formigas
Peça de teatro infantil: A cigarra e as formigas
 
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
 
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdfSQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
 
FUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - material
FUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - materialFUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - material
FUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - material
 
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande""Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
 
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptxSlides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
 
UFCD_10659_Ficheiros de recursos educativos_índice .pdf
UFCD_10659_Ficheiros de recursos educativos_índice .pdfUFCD_10659_Ficheiros de recursos educativos_índice .pdf
UFCD_10659_Ficheiros de recursos educativos_índice .pdf
 
Poema - Maio Laranja
Poema - Maio Laranja Poema - Maio Laranja
Poema - Maio Laranja
 
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
 
Nós Propomos! Sertã 2024 - Geografia C - 12º ano
Nós Propomos! Sertã 2024 - Geografia C - 12º anoNós Propomos! Sertã 2024 - Geografia C - 12º ano
Nós Propomos! Sertã 2024 - Geografia C - 12º ano
 
Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...
Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...
Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...
 
UFCD_8291_Preparação e confeção de peixes e mariscos_índice.pdf
UFCD_8291_Preparação e confeção de peixes e mariscos_índice.pdfUFCD_8291_Preparação e confeção de peixes e mariscos_índice.pdf
UFCD_8291_Preparação e confeção de peixes e mariscos_índice.pdf
 
Periodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na África
Periodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na ÁfricaPeriodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na África
Periodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na África
 
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSS
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSSFormação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSS
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSS
 
Religiosidade de Assaré - Prof. Francisco Leite
Religiosidade de Assaré - Prof. Francisco LeiteReligiosidade de Assaré - Prof. Francisco Leite
Religiosidade de Assaré - Prof. Francisco Leite
 
Modelos de Inteligencia Emocional segundo diversos autores
Modelos de Inteligencia Emocional segundo diversos autoresModelos de Inteligencia Emocional segundo diversos autores
Modelos de Inteligencia Emocional segundo diversos autores
 
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptx
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptxEB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptx
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptx
 
662938.pdf aula digital de educação básica
662938.pdf aula digital de educação básica662938.pdf aula digital de educação básica
662938.pdf aula digital de educação básica
 

Actividades compreensão e expressão da oralidade

  • 1. ACTIVIDADES EDUCATIVAS INSTITUTO POLITÉCNICO DE SETÚBAL ESCOLA SUPERIOR DE EDUCAÇÃO LICENCIATURA EM EDUCAÇÃO BÁSICA 3º ANO TURMA A UC: INTRODUÇÃO ÀS DIDÁCTICAS DO PORTUGUÊS DOCENTE: PROFª HELENA CAMACHO DISCENTES: ILDA MARIA FERNANDES BATISTA PEREIRA E NATALINA MARIA DA SILVA RIBEIRO ANO LECTIVO 2009/ 2010 PLANIFICAÇÃO DE ACTIVIDADES 1
  • 2. PARA DESENVOLVER EM CONTEXTO EDUCATIVO COM CRIANÇAS DO PRÉ-ESCOLAR E DO 1º CICLO DO ENSINO BÁSICO, NO ÂMBITO DA LÍNGUA PORTUGUESA COMPREENSÃO E EXPRESSÃO ORAL LEITURA DA HISTÓRIA “ ELEFANTE AZUL” ACTIVIDADE 1 Promover aprendizagens no domínio linguístico. Desenvolver a capacidade de retenção da informação oral. Compreensão do vocabulário ou denominações empregues. OBJECTIVOS Desenvolver a memória verbal que permite conservar os elementos do relato e as suas conexões. Explorar significados. Desenvolver processos de leitura; Livro de história Cartões com imagens da história Cartões com frases da história MATERIAIS Cola Cartolina PÚBLICO-ALVO 1º Ciclo do Ensino Básico (1º e 2º ano) A leitura da história deverá ser efectuada num espaço que propicie uma distância mínima entre o livro, o leitor e as crianças. Sugerem-se DESCRIÇÃO DA espaços onde as crianças se possam sentar no chão, confortavelmente e ACTIVIDADE tenham acesso directo às imagens e à escrita do livro. Após a leitura, segue-se um diálogo com as crianças para verificar a compreensão do que ouviram e a análise correcta do relato por parte de cada uma das crianças. O professor fará perguntas relacionadas com o conteúdo, tais como: Quem intervém? Quem é o principal personagem? Como são? Que fazem? Onde teve lugar? Qual a moral da história? Etc. Numa segunda fase, os alunos têm que fazer a organização cronológica da história. A turma é dividida em grupos de 4 elementos. A cada grupo é cedido 2
  • 3. uma sequência de imagens e de frases sobre a história “O Elefante Azul”, com as quais terão de reconstruir a sequência da história. Depois de organizada a história realiza-se a colagem dos cartões às respectivas imagens, numa cartolina. Por fim, cada grupo irá expor o seu trabalho na sala de aula. O JOGO DAS ENTREVISTAS ACTIVIDADE 2 Interpretar e recriar, em linguagem verbal, acontecimentos imaginados. OBJECTIVOS Intervir oralmente, tendo em conta a adequação progressiva a situações de comunicação. Regular a participação nas diferentes situações de comunicação. MATERIAIS Mobiliário da sala de aula. Cartões com características das personagens. PÚBLICO-ALVO 1º Ciclos do Ensino Básico (4º ano) Montando um pequeno cenário com as mesas e cadeiras da sala (um escritório, uma sala de reuniões, um consultório e uma sala de espera, etc.), o professor assume a personagem do entrevistador (funcionário de uma agencia de empregos, director de uma empresa ou escola, médico, DESCRIÇÃO DA etc.). Metade da turma, sentada na sala de espera, aguarda a hora da ACTIVIDADE entrevista. À medida que o professor vai chamando, cada aluno, na sua vez, dirige- se ao local da entrevista e senta-se para responder às perguntas que lhe são feitas. São as perguntas que revelam ao aluno o carácter da situação de entrevista (o director da escola que quer saber quem partiu o vidro do seu gabinete; o médico que precisa de saber pormenores sobre os sintomas do paciente, etc.). O aluno optará por assumir ou não uma determinada personagem, em conformidade com a situação. Da metade da turma que assiste, o professor pode escolher um ajudante (o secretário, o professor, uma enfermeira, etc.) para ir auxiliando nas entrevistas. Para facilitar a construção de personagens variadas, o professor pode dar aos alunos cartões com algumas características das suas personagens (convencido, desesperado, surdo, etc.). No decorrer do jogo, o professor deve instaurar a formalidade das entrevistas e tornar clara a relação entre o entrevistador e o entrevistado. VARIANTE 3
  • 4. Para os alunos com prática de entrevista, organizando a turma em grupos, o professor propõe as situações e deixa que os próprios alunos se entrevistem uns aos outros. RECONTO: DA LEITURA PARA O “FILME” ACTIVIDADE 3 Desenvolver a criatividade, sentido crítico e autonomia das crianças. Potenciar o enriquecimento da linguagem. OBJECTIVOS Promover o contacto com os suportes multimédia. Permitir a aprendizagem colaborativa. Despertar o interesse e o gosto pela leitura. Facilitar a aprendizagem de forma mais significativa. Livro da história a explorar MATERIAIS Imagens individuais digitalizadas da história contada em base de cartolina. Painel com imagens de televisões onde cada uma tem no seu centro um pedaço de velcro autocolante. PÚBLICO-ALVO Pré-escolar e 1º Ciclo (1º,2º e 4º ano) Pré-escolar e 1º Ciclo (1º e 2º ano) O professor/educador inicia a actividade realizando a leitura da história às crianças, podendo mostrar as suas imagens. DESCRIÇÃO DA Seguidamente, apresenta como proposta ao grupo o recontar da mesma, ACTIVIDADE mas como se a transformasse num “filme”. Para tal, coloca aleatoriamente as imagens digitalizadas da história expostas num painel ao acesso visual de toda a turma. Num outro painel, existem pequenas televisões desenhadas (com sequência numérica). As crianças, uma a uma, terão de ir ao 1º painel retirar a imagem que irá dar origem à sequência correcta da história. Além de colocar a imagem pela ordem correcta no 2º painel (o das televisões), a respectiva criança terá, ainda, de explicar ao grupo, a que “cena” corresponde a mesma. Se a criança apresentar algumas dificuldades em sequenciar as imagens de forma correcta, cabe ao professor/educador apelar à ajuda dos restantes elementos da turma para colaborarem com o(a) colega em 4
  • 5. questão. No final, com todas as imagens colocadas nas “televisões”, dar-se-á o reconto oral da história com a participação (organizada) de toda a turma. 1º Ciclo (4º ano) A actividade acima descrita poderá ser realizada com as crianças do 4º ano – considerando uma leitura adequada a esta faixa etária – mas no sentido de se criar um pré-projecto para uma história a ser reconstruída com recurso às TIC, nomeadamente, à utilização do PhotoStory. No final deste projecto, as crianças responsáveis terão de fazer a apresentação/reconto oral da história construída em PhotoStory, a toda a turma. BIBLIOGRAFIA: • ENCICLOPÉDIA DE EDUCAÇÃO INFANTIL (1997)– RECURSO PARA O DESENVOLVIMENTO DO CURRÍCULO ESCOLAR, Editora Nova Presença 5
  • 6. ORIENTAÇÕES CURRICULARES para a Educação Pré-Escolar (1997) – Ministério da Educação, Departamento da Educação Básica – Núcleo de Educação Pré - Escolar – Colecção Educação Pré-Escolar 6
  • 7. ANEXOS I LEITURA DA HISTÓRIA “ ELEFANTE AZUL” 7
  • 8. ANEXOS II RECONTO: DA LEITURA PARA O “FILME” 8