SlideShare uma empresa Scribd logo
1/23 
Acessibilidade na Web: 
Boas práticas 
Secretaria Nacional de Promoção dos 
Direitos das Pessoas com Deficiência 
Coordenação-Geral de Acessibilidade
2/23 
Roteiro 
• Conceitos 
– Deficiência, Acessibilidade e Desenho Universal 
• Demografia da Pessoa com Deficiência 
– Dados do Censo 2010 
– Tendências - envelhecimento da população 
• Boas práticas de acessibilidade 
– Portal da SDH/PR 
– 7 mitos e 1 equívoco 
• Conclusão
Acessibilidade na Web 
CONCEITOS 
3/23
4/23 
Todos somos beneficiários da 
Acessibilidade...
5/23 
...mas alguns dependem dela para a 
equiparação de oportunidades
6/23 
“Deficiência” na Convenção: o conceito 
social 
A deficiência é um conceito em evolução; ela é resultado 
da interação entre pessoas com impedimentos (físicos, 
mentais, intelectuais ou sensoriais) e as barreiras devidas 
às atitudes e ao ambiente que impedem a plena e efetiva 
participação dessas pessoas na sociedade em igualdade 
de oportunidades com as demais pessoas. 
Convenção Sobre os Direitos das Pessoas com Deficiência 
Deficiência 0 = impedimentos x barreir0as
7/23 
Acessibilidade na Web 
“Acessibilidade na web é a possibilidade e a condição de alcance, 
percepção, entendimento e interação para a utilização, a participação e a 
contribuição, em igualdade de oportunidades, com segurança e 
autonomia, em sítios e serviços disponíveis na web, por qualquer 
indivíduo, independentemente de sua capacidade motora, visual, auditiva, 
intelectual, cultural ou social, a qualquer momento, em qualquer local 
e em qualquer ambiente físico ou computacional e a partir de qualquer 
dispositivo de acesso.” 
http://acessibilidade.w3c.br/cartilha/fasciculo1/
8/23 
“Desenho Universal” 
• “Desenho Universal é a concepção de produtos, ambientes, programas 
e serviços a serem usados, na maior medida possível, por todas as 
pessoas, sem necessidade de adaptação ou projeto específico” 
• Projeto com Desenho Universal = projeto que garante 
igualdade de condições desde sua concepção
Acessibilidade na Web 
DEMOGRAFIA DA PESSOA 
COM DEFICIÊNCIA 
9/23
Demografia da Pessoa com Deficiência 
10/23 
• Censo IBGE 
– Formulário completo (amostra) - autoavaliação funcional 
– Perguntas do IBGE: 
• Tem dificuldade permanente: de enxergar (avaliada com o uso de óculos ou 
lentes) / de ouvir (aparelho auditivo) / de caminhar ou subir escadas 
(prótese, bengala ou aparelho auxiliar) / mental ou intelectual que limite 
suas atividades habituais? 
– Tipos de Deficiência 
• Visual / auditiva / motora / mental ou intelectual 
– Graus de Dificuldade 
• Alguma dificuldade 
• Grande dificuldade 
• Não consegue de modo algum “Deficiência grave”
11/23 
Dados de 2010 
• Segundo o Censo, 45,6 milhões de pessoas ou 23,9% da 
população 
• Com deficiência visual, 35,8 milhões (18,8%), dos quais 6,6 milhões 
(3,4%) com deficiência grave 
• Com deficiência motora, 13,3 milhões (7,0%), dos quais 4,4 milhões 
(2,3%) com deficiência grave 
• Com deficiência auditiva, 9,7 milhões (5,1%), dos quais 2,2 milhões 
(1,1%) com deficiência grave 
• Onde estão? => Ciclo da Invisibilidade 
– Carências de infraestrutura e serviços (barreiras) levam à exclusão 
social das pessoas com deficiência; exclusão realimenta a falta de 
infra/serviços.
12/23 
Tendência: envelhecimento da 
população 
• Segundo o Censo 2010, havia 20,5 milhões de idosos ou 
10,8% da população – projetava-se 19,3 milhões 
• A prevalência de deficiência visual grave (3,4%) é 
decomposta em 2,4% na população até 59 anos e 12,0% 
entre idosos 
• A prevalência de deficiência auditiva grave (1,1%) é 
decomposta em 0,6% na pop. < 59 anos e 5,2% entre idosos 
• Projeção para 2030 é de 40,5 milhões de pessoas idosas ou 
18,7% da população - uma taxa de crescimento anual de 
3,78%, enquanto a população total crescerá somente 0,57%
Acessibilidade na Web 
BOAS PRÁTICAS DE 
ACESSIBILIDADE 
13/23
14/23 
Boas práticas de acessibilidade 
Prêmio Todos@Web (2ª edição de 2013): 
Categoria Governamentais: 
– 1º Lugar Portal da Casa de Oswaldo Cruz 
– 2º Lugar PCD Legal 
– 3º Lugar Novo Portal da Secretaria de Direitos Humanos da 
Presidência da República.
15/23 
7 mitos e um equívoco 
Por Lêda Spelta* 
1. “Acessibilidade Web é só para pessoas com 
deficiência visual.” 
– Quem tem dificuldade para ver a tela, usar o mouse, usar o 
teclado, ler um texto, ouvir um som; 
– Quem usa um navegador diferente; 
– Quem usa um equipamento muito antigo ou muito moderno; 
– Para conexões de baixa velocidade; 
– Quem está num ambiente ou situação que limita alguns dos 
seus sentidos ou movimentos, ou que requer a sua atenção. 
*http://acessodigital.net/art_acessibilidade-web-7-mitos-e-um-equivoco.html
16/23 
7 mitos e um equívoco 
2. “Na prática, o número de usuários beneficiados com 
a acessibilidade é relativamente muito pequeno.” 
– As estatísticas, apenas das pessoas com deficiência visual, já 
trazem um número bastante significativo; 
– Se considerarmos os outros públicos temos um número ainda 
maior; 
– Além disso, aumenta-se a visibilidade do site para buscadores 
web.
17/23 
7 mitos e um equívoco 
3. “Fazer um site acessível demora e custa caro.” 
– só podemos saber se o tempo e o custo do nosso projeto são 
adequados, se levarmos em conta os benefícios alcançados; 
– O custo da acessibilidade na elaboração de um site novo, é 
praticamente inexistente, as adaptações são sempre mais 
trabalhosas.
18/23 
7 mitos e um equívoco 
4. “É melhor fazer uma página especial para as 
pessoas com deficiência visual.” 
– Os webdesigners terão trabalho dobrado, para criação e 
manutenção de duas páginas; 
– Geralmente a página para pessoas com deficiência não é 
atualizada com a mesma frequência; 
– Discriminação pela não garantia do acesso em igualdade de 
oportunidades.
19/23 
7 mitos e um equívoco 
5. “Um site acessível a pessoas com deficiência visual 
não é bonito.” 
– Sites acessíveis podem ter imagens, fotos, vídeos, gráficos, etc. 
Basta observar os padrões de codificação e as diretrizes de 
acessibilidade.
20/23 
7 mitos e um equívoco 
6. “Vamos por partes: primeiro fazemos o site, depois 
fazemos acessibilidade.” 
– Inaugurar um prédio com degraus e, depois, quebrar tudo para 
colocar rampas, é desperdício de tempo e recursos. O mesmo 
acontece com um projeto de um site no qual se deixa para 
pensar a acessibilidade depois.
21/23 
7 mitos e um equívoco 
7. “A gente sabe o que é bom para o usuário.” 
– Quanto mais “palpites” os diferentes usuários puderem dar nos 
seus projetos melhor. Não tenha medo! 
– Só se aprende tudo sobre o usuário, sendo o usuário. E, mesmo 
assim, será apenas um.
22/23 
7 mitos e um equívoco 
Um grande equívoco: “Meu site é direcionado a um público 
específico; ele não interessa a todos os grupos de 
usuários.” 
– Um homem com baixa visão que entra no site de um 
fabricante de automóveis, para escolher um modelo para a sua 
mãe. 
– Uma jovem surda que entra numa loja virtual de CDs, para 
escolher um presente para o seu namorado. 
– Um menino de 11 anos que entra num site direcionado à 
terceira idade, para pegar uma informação para a sua avó. 
– Uma estudante cega que entra numa livraria virtual, para 
comprar livros que serão digitalizados por ela própria e lidos 
com o seu programa leitor de telas.
23/23 
Conclusão 
• Quase uma em cada quatro pessoas têm algum tipo de deficiência 
• Quase uma em cada vinte pessoas têm alguma deficiência sensorial grave 
• Não podemos cercear o direito à liberdade de expressão e opinião, 
inclusive à liberdade de buscar, receber e compartilhar informações e 
ideias, em igualdade de oportunidades com as demais pessoas. 
• Desafio: Desenho Universal na Web
24/23 
Coordenação-Geral de 
Acessibilidade 
Sérgio Paulo Nascimento 
sergio.nascimento@sdh.gov.br 
Rodrigo Abreu de Freitas Machado 
Rodrigo.machado@sdh.gov.br 
(61) 2027-3507

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Acessibilidade: Inclusão da pessoa com deficiência a partir do desenho univer...
Acessibilidade: Inclusão da pessoa com deficiência a partir do desenho univer...Acessibilidade: Inclusão da pessoa com deficiência a partir do desenho univer...
Acessibilidade: Inclusão da pessoa com deficiência a partir do desenho univer...
Valeria de Oliveira
 
Estamos projetando para todas as pessoas?
Estamos projetando para todas as pessoas?Estamos projetando para todas as pessoas?
Estamos projetando para todas as pessoas?
Beatriz Lonskis
 
Acessibilidade nas mídias digitais
Acessibilidade nas mídias digitaisAcessibilidade nas mídias digitais
Acessibilidade nas mídias digitais
Fabíola Calixto
 
Design de Interfaces e Acessibilidade: você está fazendo isso errado... até a...
Design de Interfaces e Acessibilidade: você está fazendo isso errado... até a...Design de Interfaces e Acessibilidade: você está fazendo isso errado... até a...
Design de Interfaces e Acessibilidade: você está fazendo isso errado... até a...
Talita Pagani
 
Razões para tornar um web site acessível
Razões para tornar um web site acessívelRazões para tornar um web site acessível
Razões para tornar um web site acessível
MDesign Estúdio
 
Acessibilidade web
Acessibilidade webAcessibilidade web
Acessibilidade web
Fabíola Calixto
 
UX para todos (na prática)
UX para todos (na prática)UX para todos (na prática)
UX para todos (na prática)
Beatriz Lonskis
 
Aula 01 2010
Aula 01 2010Aula 01 2010
Aula 01 2010
Daniela Osvald Ramos
 
Padrões em Governo Eletrônico
Padrões em Governo EletrônicoPadrões em Governo Eletrônico
Padrões em Governo Eletrônico
GovBR
 
Acessibilidade Web Cognitiva - BrazilJS 2016
Acessibilidade Web Cognitiva - BrazilJS 2016Acessibilidade Web Cognitiva - BrazilJS 2016
Acessibilidade Web Cognitiva - BrazilJS 2016
Talita Pagani
 
Acessibilidade Web: Primeiros passos
Acessibilidade Web: Primeiros passosAcessibilidade Web: Primeiros passos
Acessibilidade Web: Primeiros passos
Vanessa Me Tonini
 
Acessibilidade na Web - Salomão Alcolumbre
Acessibilidade na Web - Salomão AlcolumbreAcessibilidade na Web - Salomão Alcolumbre
Acessibilidade na Web - Salomão Alcolumbre
SalomãoeIasmyne Alcolumbre
 
Introdução aos Padrões Web e Tecnologias para o Ambiente Digital - Aula 3 - 1...
Introdução aos Padrões Web e Tecnologias para o Ambiente Digital - Aula 3 - 1...Introdução aos Padrões Web e Tecnologias para o Ambiente Digital - Aula 3 - 1...
Introdução aos Padrões Web e Tecnologias para o Ambiente Digital - Aula 3 - 1...
MBA em Marketing Digital e Gestão de Projetos Web
 
Acessibilidade Web Cognitiva
Acessibilidade Web CognitivaAcessibilidade Web Cognitiva
Acessibilidade Web Cognitiva
Talita Pagani
 
APRESENTAÇÃO: ARQUITETURA DE INFORMAÇÃO E ACESSIBILIDADE WEB: USABILIDADE COM...
APRESENTAÇÃO: ARQUITETURA DE INFORMAÇÃO E ACESSIBILIDADE WEB: USABILIDADE COM...APRESENTAÇÃO: ARQUITETURA DE INFORMAÇÃO E ACESSIBILIDADE WEB: USABILIDADE COM...
APRESENTAÇÃO: ARQUITETURA DE INFORMAÇÃO E ACESSIBILIDADE WEB: USABILIDADE COM...
Claudio Diniz - Designer Gráfico
 
Acessibilidade
AcessibilidadeAcessibilidade
Acessibilidade
Thais Benicio
 
Inclusão Web: Tornando a web para todos
Inclusão Web: Tornando a web para todosInclusão Web: Tornando a web para todos
Inclusão Web: Tornando a web para todos
Gisely Lucas
 
Espiral Interativa - SIBi - 21.10.2013
Espiral Interativa - SIBi - 21.10.2013Espiral Interativa - SIBi - 21.10.2013
Espiral Interativa - SIBi - 21.10.2013
duda3112
 
Acessibilidade em portais e sites
Acessibilidade em portais e sitesAcessibilidade em portais e sites
Acessibilidade em portais e sites
SIBiUSP
 
Guia de Acessibilidade de Interfaces Web focado em Autismo
Guia de Acessibilidade de Interfaces Web focado em AutismoGuia de Acessibilidade de Interfaces Web focado em Autismo
Guia de Acessibilidade de Interfaces Web focado em Autismo
Talita Pagani
 

Mais procurados (20)

Acessibilidade: Inclusão da pessoa com deficiência a partir do desenho univer...
Acessibilidade: Inclusão da pessoa com deficiência a partir do desenho univer...Acessibilidade: Inclusão da pessoa com deficiência a partir do desenho univer...
Acessibilidade: Inclusão da pessoa com deficiência a partir do desenho univer...
 
Estamos projetando para todas as pessoas?
Estamos projetando para todas as pessoas?Estamos projetando para todas as pessoas?
Estamos projetando para todas as pessoas?
 
Acessibilidade nas mídias digitais
Acessibilidade nas mídias digitaisAcessibilidade nas mídias digitais
Acessibilidade nas mídias digitais
 
Design de Interfaces e Acessibilidade: você está fazendo isso errado... até a...
Design de Interfaces e Acessibilidade: você está fazendo isso errado... até a...Design de Interfaces e Acessibilidade: você está fazendo isso errado... até a...
Design de Interfaces e Acessibilidade: você está fazendo isso errado... até a...
 
Razões para tornar um web site acessível
Razões para tornar um web site acessívelRazões para tornar um web site acessível
Razões para tornar um web site acessível
 
Acessibilidade web
Acessibilidade webAcessibilidade web
Acessibilidade web
 
UX para todos (na prática)
UX para todos (na prática)UX para todos (na prática)
UX para todos (na prática)
 
Aula 01 2010
Aula 01 2010Aula 01 2010
Aula 01 2010
 
Padrões em Governo Eletrônico
Padrões em Governo EletrônicoPadrões em Governo Eletrônico
Padrões em Governo Eletrônico
 
Acessibilidade Web Cognitiva - BrazilJS 2016
Acessibilidade Web Cognitiva - BrazilJS 2016Acessibilidade Web Cognitiva - BrazilJS 2016
Acessibilidade Web Cognitiva - BrazilJS 2016
 
Acessibilidade Web: Primeiros passos
Acessibilidade Web: Primeiros passosAcessibilidade Web: Primeiros passos
Acessibilidade Web: Primeiros passos
 
Acessibilidade na Web - Salomão Alcolumbre
Acessibilidade na Web - Salomão AlcolumbreAcessibilidade na Web - Salomão Alcolumbre
Acessibilidade na Web - Salomão Alcolumbre
 
Introdução aos Padrões Web e Tecnologias para o Ambiente Digital - Aula 3 - 1...
Introdução aos Padrões Web e Tecnologias para o Ambiente Digital - Aula 3 - 1...Introdução aos Padrões Web e Tecnologias para o Ambiente Digital - Aula 3 - 1...
Introdução aos Padrões Web e Tecnologias para o Ambiente Digital - Aula 3 - 1...
 
Acessibilidade Web Cognitiva
Acessibilidade Web CognitivaAcessibilidade Web Cognitiva
Acessibilidade Web Cognitiva
 
APRESENTAÇÃO: ARQUITETURA DE INFORMAÇÃO E ACESSIBILIDADE WEB: USABILIDADE COM...
APRESENTAÇÃO: ARQUITETURA DE INFORMAÇÃO E ACESSIBILIDADE WEB: USABILIDADE COM...APRESENTAÇÃO: ARQUITETURA DE INFORMAÇÃO E ACESSIBILIDADE WEB: USABILIDADE COM...
APRESENTAÇÃO: ARQUITETURA DE INFORMAÇÃO E ACESSIBILIDADE WEB: USABILIDADE COM...
 
Acessibilidade
AcessibilidadeAcessibilidade
Acessibilidade
 
Inclusão Web: Tornando a web para todos
Inclusão Web: Tornando a web para todosInclusão Web: Tornando a web para todos
Inclusão Web: Tornando a web para todos
 
Espiral Interativa - SIBi - 21.10.2013
Espiral Interativa - SIBi - 21.10.2013Espiral Interativa - SIBi - 21.10.2013
Espiral Interativa - SIBi - 21.10.2013
 
Acessibilidade em portais e sites
Acessibilidade em portais e sitesAcessibilidade em portais e sites
Acessibilidade em portais e sites
 
Guia de Acessibilidade de Interfaces Web focado em Autismo
Guia de Acessibilidade de Interfaces Web focado em AutismoGuia de Acessibilidade de Interfaces Web focado em Autismo
Guia de Acessibilidade de Interfaces Web focado em Autismo
 

Destaque

Acessibilidade na web: como adaptar sites para deficientes online
Acessibilidade na web: como adaptar sites para deficientes onlineAcessibilidade na web: como adaptar sites para deficientes online
Acessibilidade na web: como adaptar sites para deficientes online
Avantare Inteligência Interativa
 
"A Tecnologia em prol da acessibilidade: construindo uma WEB acessível a todos"
"A Tecnologia em prol da acessibilidade: construindo uma WEB acessível a todos""A Tecnologia em prol da acessibilidade: construindo uma WEB acessível a todos"
"A Tecnologia em prol da acessibilidade: construindo uma WEB acessível a todos"
GovBR
 
Envelhecimento do Servidor e Acessibilidade
Envelhecimento do Servidor e AcessibilidadeEnvelhecimento do Servidor e Acessibilidade
Envelhecimento do Servidor e Acessibilidade
Gláucia Castro
 
Acessibilidade Web 2015
Acessibilidade Web 2015Acessibilidade Web 2015
Acessibilidade Web 2015
Hudson Augusto
 
FUNÇÕES E ATRIBUIÇÕES DO GUIA DE TURISMO
FUNÇÕES E ATRIBUIÇÕES DO GUIA DE TURISMO FUNÇÕES E ATRIBUIÇÕES DO GUIA DE TURISMO
FUNÇÕES E ATRIBUIÇÕES DO GUIA DE TURISMO
Karlla Costa
 
1ª jornada para inclusão da pessoa com deficência
1ª  jornada para inclusão da pessoa com deficência1ª  jornada para inclusão da pessoa com deficência
1ª jornada para inclusão da pessoa com deficência
Wildete Silva
 
Acessibilidade
AcessibilidadeAcessibilidade
Acessibilidade
Know Solutions
 
Sites acessíveis
Sites acessíveisSites acessíveis
Sites acessíveis
aiadufmg
 
Web semântica: em busca da web inteligente
Web semântica: em busca da web inteligenteWeb semântica: em busca da web inteligente
Web semântica: em busca da web inteligente
Naira Michelle Alves Pereira
 
Apresentação sobre web semântica
Apresentação sobre web semânticaApresentação sobre web semântica
Apresentação sobre web semântica
samuelfructuoso
 
Sistemas para internet Faccamp - aula7
Sistemas para internet Faccamp - aula7Sistemas para internet Faccamp - aula7
Sistemas para internet Faccamp - aula7
André Seiji Goto
 
Web semântica e html5 na recuperação de conteúdo informacional
Web semântica e html5 na recuperação de conteúdo informacionalWeb semântica e html5 na recuperação de conteúdo informacional
Web semântica e html5 na recuperação de conteúdo informacional
Richard Duchatsch Johansen
 
Pdf Campus Party 2010
Pdf   Campus Party 2010Pdf   Campus Party 2010
Pdf Campus Party 2010
Campus Party Brasil
 
Web Semântica no Domínio Bibliográfico
Web Semântica no Domínio BibliográficoWeb Semântica no Domínio Bibliográfico
Web Semântica no Domínio Bibliográfico
UNESP
 
Po planificación y organizacion walter mancheno
Po planificación y organizacion walter manchenoPo planificación y organizacion walter mancheno
Po planificación y organizacion walter mancheno
waltermancheno66
 
Aula 14 elementos de bloco
Aula 14 elementos de blocoAula 14 elementos de bloco
Aula 14 elementos de bloco
Jolvani Morgan
 
Aula 03. utilização inline, incorporado e externo
Aula 03. utilização inline, incorporado e externoAula 03. utilização inline, incorporado e externo
Aula 03. utilização inline, incorporado e externo
Jolvani Morgan
 
Re architecting web based publishing and subscriptions application
Re architecting web based publishing and subscriptions applicationRe architecting web based publishing and subscriptions application
Re architecting web based publishing and subscriptions application
Diaspark
 
Acessibilidade
AcessibilidadeAcessibilidade
Acessibilidade
diogolevel3
 
HTML5, WAI-ARIA e Acessibilidade na Web - Digital acesso 2011
HTML5, WAI-ARIA e Acessibilidade na Web - Digital acesso 2011HTML5, WAI-ARIA e Acessibilidade na Web - Digital acesso 2011
HTML5, WAI-ARIA e Acessibilidade na Web - Digital acesso 2011
Reinaldo Ferraz
 

Destaque (20)

Acessibilidade na web: como adaptar sites para deficientes online
Acessibilidade na web: como adaptar sites para deficientes onlineAcessibilidade na web: como adaptar sites para deficientes online
Acessibilidade na web: como adaptar sites para deficientes online
 
"A Tecnologia em prol da acessibilidade: construindo uma WEB acessível a todos"
"A Tecnologia em prol da acessibilidade: construindo uma WEB acessível a todos""A Tecnologia em prol da acessibilidade: construindo uma WEB acessível a todos"
"A Tecnologia em prol da acessibilidade: construindo uma WEB acessível a todos"
 
Envelhecimento do Servidor e Acessibilidade
Envelhecimento do Servidor e AcessibilidadeEnvelhecimento do Servidor e Acessibilidade
Envelhecimento do Servidor e Acessibilidade
 
Acessibilidade Web 2015
Acessibilidade Web 2015Acessibilidade Web 2015
Acessibilidade Web 2015
 
FUNÇÕES E ATRIBUIÇÕES DO GUIA DE TURISMO
FUNÇÕES E ATRIBUIÇÕES DO GUIA DE TURISMO FUNÇÕES E ATRIBUIÇÕES DO GUIA DE TURISMO
FUNÇÕES E ATRIBUIÇÕES DO GUIA DE TURISMO
 
1ª jornada para inclusão da pessoa com deficência
1ª  jornada para inclusão da pessoa com deficência1ª  jornada para inclusão da pessoa com deficência
1ª jornada para inclusão da pessoa com deficência
 
Acessibilidade
AcessibilidadeAcessibilidade
Acessibilidade
 
Sites acessíveis
Sites acessíveisSites acessíveis
Sites acessíveis
 
Web semântica: em busca da web inteligente
Web semântica: em busca da web inteligenteWeb semântica: em busca da web inteligente
Web semântica: em busca da web inteligente
 
Apresentação sobre web semântica
Apresentação sobre web semânticaApresentação sobre web semântica
Apresentação sobre web semântica
 
Sistemas para internet Faccamp - aula7
Sistemas para internet Faccamp - aula7Sistemas para internet Faccamp - aula7
Sistemas para internet Faccamp - aula7
 
Web semântica e html5 na recuperação de conteúdo informacional
Web semântica e html5 na recuperação de conteúdo informacionalWeb semântica e html5 na recuperação de conteúdo informacional
Web semântica e html5 na recuperação de conteúdo informacional
 
Pdf Campus Party 2010
Pdf   Campus Party 2010Pdf   Campus Party 2010
Pdf Campus Party 2010
 
Web Semântica no Domínio Bibliográfico
Web Semântica no Domínio BibliográficoWeb Semântica no Domínio Bibliográfico
Web Semântica no Domínio Bibliográfico
 
Po planificación y organizacion walter mancheno
Po planificación y organizacion walter manchenoPo planificación y organizacion walter mancheno
Po planificación y organizacion walter mancheno
 
Aula 14 elementos de bloco
Aula 14 elementos de blocoAula 14 elementos de bloco
Aula 14 elementos de bloco
 
Aula 03. utilização inline, incorporado e externo
Aula 03. utilização inline, incorporado e externoAula 03. utilização inline, incorporado e externo
Aula 03. utilização inline, incorporado e externo
 
Re architecting web based publishing and subscriptions application
Re architecting web based publishing and subscriptions applicationRe architecting web based publishing and subscriptions application
Re architecting web based publishing and subscriptions application
 
Acessibilidade
AcessibilidadeAcessibilidade
Acessibilidade
 
HTML5, WAI-ARIA e Acessibilidade na Web - Digital acesso 2011
HTML5, WAI-ARIA e Acessibilidade na Web - Digital acesso 2011HTML5, WAI-ARIA e Acessibilidade na Web - Digital acesso 2011
HTML5, WAI-ARIA e Acessibilidade na Web - Digital acesso 2011
 

Semelhante a Acessibilidade na Web: Boas práticas

TDC2017 | São Paulo - Trilha Acessibilidade How we figured out we had a SRE t...
TDC2017 | São Paulo - Trilha Acessibilidade How we figured out we had a SRE t...TDC2017 | São Paulo - Trilha Acessibilidade How we figured out we had a SRE t...
TDC2017 | São Paulo - Trilha Acessibilidade How we figured out we had a SRE t...
tdc-globalcode
 
E mag desenvolvedor_mod_1
E mag desenvolvedor_mod_1E mag desenvolvedor_mod_1
E mag desenvolvedor_mod_1
Leo Serrao
 
Conheça o e-MAG
Conheça o e-MAG Conheça o e-MAG
Conheça o e-MAG
GovBR
 
Acessibilidade web
Acessibilidade webAcessibilidade web
Acessibilidade web
Cassiana Ferraz
 
Literacia mediática apresentação power point 2
Literacia mediática apresentação power point   2Literacia mediática apresentação power point   2
Literacia mediática apresentação power point 2
Maria Pena
 
NSEA apresenta: e-MAG 3 e a importancia da acessibilidade
NSEA apresenta: e-MAG 3 e a importancia da acessibilidadeNSEA apresenta: e-MAG 3 e a importancia da acessibilidade
NSEA apresenta: e-MAG 3 e a importancia da acessibilidade
GovBR
 
Jackob Nielsen - Usuários Estúpidos
Jackob Nielsen - Usuários EstúpidosJackob Nielsen - Usuários Estúpidos
Jackob Nielsen - Usuários Estúpidos
erica_lol
 
Exericicio 1 word 2013
Exericicio 1 word 2013Exericicio 1 word 2013
Exericicio 1 word 2013
maiconbalke
 
A InclusãO De Deficientes Visuais Na Sociedade
A InclusãO De Deficientes Visuais  Na SociedadeA InclusãO De Deficientes Visuais  Na Sociedade
A InclusãO De Deficientes Visuais Na Sociedade
Maria Madalena Ribeiro Moleiro
 
Webinar: Acessibilidade Web para desenvolvedores
Webinar: Acessibilidade Web para desenvolvedoresWebinar: Acessibilidade Web para desenvolvedores
Webinar: Acessibilidade Web para desenvolvedores
Horácio Soares
 
e-MAG - Avaliação de Acessibilidade em Sítios
e-MAG - Avaliação de Acessibilidade em Sítiose-MAG - Avaliação de Acessibilidade em Sítios
e-MAG - Avaliação de Acessibilidade em Sítios
GovBR
 
Análise de Acessibilidade Aplicada ao Website da Universidade Federal de San...
Análise de Acessibilidade Aplicada ao Website da Universidade Federal de San...Análise de Acessibilidade Aplicada ao Website da Universidade Federal de San...
Análise de Acessibilidade Aplicada ao Website da Universidade Federal de San...
Paulo Henrique Vianna
 
Design 360º Design
Design 360º Design Design 360º Design
Design 360º Design
Cassiana Ferraz
 
Acessibilidade mobile
Acessibilidade mobileAcessibilidade mobile
Acessibilidade mobile
Letícia Elaine Krauss
 
@acessibilidade.pptx
@acessibilidade.pptx@acessibilidade.pptx
@acessibilidade.pptx
MarivaniFaccin
 
Apresentação ASUS - UNISO - Outubro 2009
Apresentação ASUS - UNISO -  Outubro 2009Apresentação ASUS - UNISO -  Outubro 2009
Apresentação ASUS - UNISO - Outubro 2009
asustecnologia
 
Estratégia, Design e Acessibilidade Web - BlogcampRJ
Estratégia, Design e Acessibilidade Web - BlogcampRJEstratégia, Design e Acessibilidade Web - BlogcampRJ
Estratégia, Design e Acessibilidade Web - BlogcampRJ
Horácio Soares
 
Caravana da acessibilidade - Itu / Abril 2013
Caravana da acessibilidade - Itu / Abril 2013Caravana da acessibilidade - Itu / Abril 2013
Caravana da acessibilidade - Itu / Abril 2013
Hudson Augusto
 
Inovação Distribuída e Ativismo no Brasil
Inovação Distribuída e Ativismo no BrasilInovação Distribuída e Ativismo no Brasil
Inovação Distribuída e Ativismo no Brasil
Gabriela Agustini
 
Revista reação 02
Revista reação 02Revista reação 02
Revista reação 02
Hudson Augusto
 

Semelhante a Acessibilidade na Web: Boas práticas (20)

TDC2017 | São Paulo - Trilha Acessibilidade How we figured out we had a SRE t...
TDC2017 | São Paulo - Trilha Acessibilidade How we figured out we had a SRE t...TDC2017 | São Paulo - Trilha Acessibilidade How we figured out we had a SRE t...
TDC2017 | São Paulo - Trilha Acessibilidade How we figured out we had a SRE t...
 
E mag desenvolvedor_mod_1
E mag desenvolvedor_mod_1E mag desenvolvedor_mod_1
E mag desenvolvedor_mod_1
 
Conheça o e-MAG
Conheça o e-MAG Conheça o e-MAG
Conheça o e-MAG
 
Acessibilidade web
Acessibilidade webAcessibilidade web
Acessibilidade web
 
Literacia mediática apresentação power point 2
Literacia mediática apresentação power point   2Literacia mediática apresentação power point   2
Literacia mediática apresentação power point 2
 
NSEA apresenta: e-MAG 3 e a importancia da acessibilidade
NSEA apresenta: e-MAG 3 e a importancia da acessibilidadeNSEA apresenta: e-MAG 3 e a importancia da acessibilidade
NSEA apresenta: e-MAG 3 e a importancia da acessibilidade
 
Jackob Nielsen - Usuários Estúpidos
Jackob Nielsen - Usuários EstúpidosJackob Nielsen - Usuários Estúpidos
Jackob Nielsen - Usuários Estúpidos
 
Exericicio 1 word 2013
Exericicio 1 word 2013Exericicio 1 word 2013
Exericicio 1 word 2013
 
A InclusãO De Deficientes Visuais Na Sociedade
A InclusãO De Deficientes Visuais  Na SociedadeA InclusãO De Deficientes Visuais  Na Sociedade
A InclusãO De Deficientes Visuais Na Sociedade
 
Webinar: Acessibilidade Web para desenvolvedores
Webinar: Acessibilidade Web para desenvolvedoresWebinar: Acessibilidade Web para desenvolvedores
Webinar: Acessibilidade Web para desenvolvedores
 
e-MAG - Avaliação de Acessibilidade em Sítios
e-MAG - Avaliação de Acessibilidade em Sítiose-MAG - Avaliação de Acessibilidade em Sítios
e-MAG - Avaliação de Acessibilidade em Sítios
 
Análise de Acessibilidade Aplicada ao Website da Universidade Federal de San...
Análise de Acessibilidade Aplicada ao Website da Universidade Federal de San...Análise de Acessibilidade Aplicada ao Website da Universidade Federal de San...
Análise de Acessibilidade Aplicada ao Website da Universidade Federal de San...
 
Design 360º Design
Design 360º Design Design 360º Design
Design 360º Design
 
Acessibilidade mobile
Acessibilidade mobileAcessibilidade mobile
Acessibilidade mobile
 
@acessibilidade.pptx
@acessibilidade.pptx@acessibilidade.pptx
@acessibilidade.pptx
 
Apresentação ASUS - UNISO - Outubro 2009
Apresentação ASUS - UNISO -  Outubro 2009Apresentação ASUS - UNISO -  Outubro 2009
Apresentação ASUS - UNISO - Outubro 2009
 
Estratégia, Design e Acessibilidade Web - BlogcampRJ
Estratégia, Design e Acessibilidade Web - BlogcampRJEstratégia, Design e Acessibilidade Web - BlogcampRJ
Estratégia, Design e Acessibilidade Web - BlogcampRJ
 
Caravana da acessibilidade - Itu / Abril 2013
Caravana da acessibilidade - Itu / Abril 2013Caravana da acessibilidade - Itu / Abril 2013
Caravana da acessibilidade - Itu / Abril 2013
 
Inovação Distribuída e Ativismo no Brasil
Inovação Distribuída e Ativismo no BrasilInovação Distribuída e Ativismo no Brasil
Inovação Distribuída e Ativismo no Brasil
 
Revista reação 02
Revista reação 02Revista reação 02
Revista reação 02
 

Mais de GovBR

O Governo Eletrônico Brasileiro em Perspectiva
O Governo Eletrônico Brasileiro em PerspectivaO Governo Eletrônico Brasileiro em Perspectiva
O Governo Eletrônico Brasileiro em Perspectiva
GovBR
 
Sítios Acessiveis
Sítios AcessiveisSítios Acessiveis
Sítios Acessiveis
GovBR
 
Aplicações de Governo Eletrônico - Tecnologias Assistivas com Software Livre
 Aplicações de Governo Eletrônico - Tecnologias Assistivas com Software Livre Aplicações de Governo Eletrônico - Tecnologias Assistivas com Software Livre
Aplicações de Governo Eletrônico - Tecnologias Assistivas com Software Livre
GovBR
 
Relatos da WWW2013
Relatos da WWW2013Relatos da WWW2013
Relatos da WWW2013
GovBR
 
Acessibilidade
AcessibilidadeAcessibilidade
Acessibilidade
GovBR
 
Desenvolvimento de Interfaces Web e Segurança de Certificados e Assinaturas D...
Desenvolvimento de Interfaces Web e Segurança de Certificados e Assinaturas D...Desenvolvimento de Interfaces Web e Segurança de Certificados e Assinaturas D...
Desenvolvimento de Interfaces Web e Segurança de Certificados e Assinaturas D...
GovBR
 
Interoperabilidade Semântica e Trabalho em Rede
 Interoperabilidade Semântica e Trabalho em Rede Interoperabilidade Semântica e Trabalho em Rede
Interoperabilidade Semântica e Trabalho em Rede
GovBR
 
Guia de Serviços Públicos do Governo Federal
Guia de Serviços Públicos do Governo FederalGuia de Serviços Públicos do Governo Federal
Guia de Serviços Públicos do Governo Federal
GovBR
 
Integração de Protocolos do Governo Federal
Integração de Protocolos do Governo FederalIntegração de Protocolos do Governo Federal
Integração de Protocolos do Governo Federal
GovBR
 
Cartilha do SICONV
Cartilha do SICONVCartilha do SICONV
Cartilha do SICONV
GovBR
 
Cartilha do Software Público Brasileiro
Cartilha do Software Público BrasileiroCartilha do Software Público Brasileiro
Cartilha do Software Público Brasileiro
GovBR
 
Siconv - Sistema de Gestão de Convênios e Contratos de Repasse
Siconv - Sistema de Gestão de Convênios e Contratos de RepasseSiconv - Sistema de Gestão de Convênios e Contratos de Repasse
Siconv - Sistema de Gestão de Convênios e Contratos de Repasse
GovBR
 
Novo Paradigma das Compras Governamentais
Novo Paradigma das Compras GovernamentaisNovo Paradigma das Compras Governamentais
Novo Paradigma das Compras Governamentais
GovBR
 
Software Público Brasileiro, 4CMBR e Dados Abertos
Software Público Brasileiro, 4CMBR e Dados AbertosSoftware Público Brasileiro, 4CMBR e Dados Abertos
Software Público Brasileiro, 4CMBR e Dados Abertos
GovBR
 
Acessibilidade na Web: Implementando Serviços Públicos Municipais Acessíveis ...
Acessibilidade na Web: Implementando Serviços Públicos Municipais Acessíveis ...Acessibilidade na Web: Implementando Serviços Públicos Municipais Acessíveis ...
Acessibilidade na Web: Implementando Serviços Públicos Municipais Acessíveis ...
GovBR
 
Uso do Portal de Compras Governamentais pelos Municípios
Uso do Portal de Compras Governamentais pelos MunicípiosUso do Portal de Compras Governamentais pelos Municípios
Uso do Portal de Compras Governamentais pelos Municípios
GovBR
 
Novo Sistema de Consulta Pública
Novo Sistema de Consulta PúblicaNovo Sistema de Consulta Pública
Novo Sistema de Consulta Pública
GovBR
 
e-MAG Consegi 2012
e-MAG Consegi 2012e-MAG Consegi 2012
e-MAG Consegi 2012
GovBR
 
Seminario e-PING
Seminario e-PINGSeminario e-PING
Seminario e-PING
GovBR
 
As políticas de Compra do Governo e Mercado de TICs
As políticas de Compra do Governo e  Mercado de TICsAs políticas de Compra do Governo e  Mercado de TICs
As políticas de Compra do Governo e Mercado de TICs
GovBR
 

Mais de GovBR (20)

O Governo Eletrônico Brasileiro em Perspectiva
O Governo Eletrônico Brasileiro em PerspectivaO Governo Eletrônico Brasileiro em Perspectiva
O Governo Eletrônico Brasileiro em Perspectiva
 
Sítios Acessiveis
Sítios AcessiveisSítios Acessiveis
Sítios Acessiveis
 
Aplicações de Governo Eletrônico - Tecnologias Assistivas com Software Livre
 Aplicações de Governo Eletrônico - Tecnologias Assistivas com Software Livre Aplicações de Governo Eletrônico - Tecnologias Assistivas com Software Livre
Aplicações de Governo Eletrônico - Tecnologias Assistivas com Software Livre
 
Relatos da WWW2013
Relatos da WWW2013Relatos da WWW2013
Relatos da WWW2013
 
Acessibilidade
AcessibilidadeAcessibilidade
Acessibilidade
 
Desenvolvimento de Interfaces Web e Segurança de Certificados e Assinaturas D...
Desenvolvimento de Interfaces Web e Segurança de Certificados e Assinaturas D...Desenvolvimento de Interfaces Web e Segurança de Certificados e Assinaturas D...
Desenvolvimento de Interfaces Web e Segurança de Certificados e Assinaturas D...
 
Interoperabilidade Semântica e Trabalho em Rede
 Interoperabilidade Semântica e Trabalho em Rede Interoperabilidade Semântica e Trabalho em Rede
Interoperabilidade Semântica e Trabalho em Rede
 
Guia de Serviços Públicos do Governo Federal
Guia de Serviços Públicos do Governo FederalGuia de Serviços Públicos do Governo Federal
Guia de Serviços Públicos do Governo Federal
 
Integração de Protocolos do Governo Federal
Integração de Protocolos do Governo FederalIntegração de Protocolos do Governo Federal
Integração de Protocolos do Governo Federal
 
Cartilha do SICONV
Cartilha do SICONVCartilha do SICONV
Cartilha do SICONV
 
Cartilha do Software Público Brasileiro
Cartilha do Software Público BrasileiroCartilha do Software Público Brasileiro
Cartilha do Software Público Brasileiro
 
Siconv - Sistema de Gestão de Convênios e Contratos de Repasse
Siconv - Sistema de Gestão de Convênios e Contratos de RepasseSiconv - Sistema de Gestão de Convênios e Contratos de Repasse
Siconv - Sistema de Gestão de Convênios e Contratos de Repasse
 
Novo Paradigma das Compras Governamentais
Novo Paradigma das Compras GovernamentaisNovo Paradigma das Compras Governamentais
Novo Paradigma das Compras Governamentais
 
Software Público Brasileiro, 4CMBR e Dados Abertos
Software Público Brasileiro, 4CMBR e Dados AbertosSoftware Público Brasileiro, 4CMBR e Dados Abertos
Software Público Brasileiro, 4CMBR e Dados Abertos
 
Acessibilidade na Web: Implementando Serviços Públicos Municipais Acessíveis ...
Acessibilidade na Web: Implementando Serviços Públicos Municipais Acessíveis ...Acessibilidade na Web: Implementando Serviços Públicos Municipais Acessíveis ...
Acessibilidade na Web: Implementando Serviços Públicos Municipais Acessíveis ...
 
Uso do Portal de Compras Governamentais pelos Municípios
Uso do Portal de Compras Governamentais pelos MunicípiosUso do Portal de Compras Governamentais pelos Municípios
Uso do Portal de Compras Governamentais pelos Municípios
 
Novo Sistema de Consulta Pública
Novo Sistema de Consulta PúblicaNovo Sistema de Consulta Pública
Novo Sistema de Consulta Pública
 
e-MAG Consegi 2012
e-MAG Consegi 2012e-MAG Consegi 2012
e-MAG Consegi 2012
 
Seminario e-PING
Seminario e-PINGSeminario e-PING
Seminario e-PING
 
As políticas de Compra do Governo e Mercado de TICs
As políticas de Compra do Governo e  Mercado de TICsAs políticas de Compra do Governo e  Mercado de TICs
As políticas de Compra do Governo e Mercado de TICs
 

Último

TOO - TÉCNICAS DE ORIENTAÇÃO A OBJETOS aula 1.pdf
TOO - TÉCNICAS DE ORIENTAÇÃO A OBJETOS aula 1.pdfTOO - TÉCNICAS DE ORIENTAÇÃO A OBJETOS aula 1.pdf
TOO - TÉCNICAS DE ORIENTAÇÃO A OBJETOS aula 1.pdf
Momento da Informática
 
Segurança Digital Pessoal e Boas Práticas
Segurança Digital Pessoal e Boas PráticasSegurança Digital Pessoal e Boas Práticas
Segurança Digital Pessoal e Boas Práticas
Danilo Pinotti
 
Guardioes Digitais em ação: Como criar senhas seguras!
Guardioes Digitais em ação: Como criar senhas seguras!Guardioes Digitais em ação: Como criar senhas seguras!
Guardioes Digitais em ação: Como criar senhas seguras!
Jonathas Muniz
 
PRODUÇÃO E CONSUMO DE ENERGIA DA PRÉ-HISTÓRIA À ERA CONTEMPORÂNEA E SUA EVOLU...
PRODUÇÃO E CONSUMO DE ENERGIA DA PRÉ-HISTÓRIA À ERA CONTEMPORÂNEA E SUA EVOLU...PRODUÇÃO E CONSUMO DE ENERGIA DA PRÉ-HISTÓRIA À ERA CONTEMPORÂNEA E SUA EVOLU...
PRODUÇÃO E CONSUMO DE ENERGIA DA PRÉ-HISTÓRIA À ERA CONTEMPORÂNEA E SUA EVOLU...
Faga1939
 
Logica de Progamacao - Aula (1) (1).pptx
Logica de Progamacao - Aula (1) (1).pptxLogica de Progamacao - Aula (1) (1).pptx
Logica de Progamacao - Aula (1) (1).pptx
Momento da Informática
 
História da Rádio- 1936-1970 século XIX .2.pptx
História da Rádio- 1936-1970 século XIX   .2.pptxHistória da Rádio- 1936-1970 século XIX   .2.pptx
História da Rádio- 1936-1970 século XIX .2.pptx
TomasSousa7
 
Escola Virtual - Fundação Bradesco - ITIL - Gabriel Faustino.pdf
Escola Virtual - Fundação Bradesco - ITIL - Gabriel Faustino.pdfEscola Virtual - Fundação Bradesco - ITIL - Gabriel Faustino.pdf
Escola Virtual - Fundação Bradesco - ITIL - Gabriel Faustino.pdf
Gabriel de Mattos Faustino
 

Último (7)

TOO - TÉCNICAS DE ORIENTAÇÃO A OBJETOS aula 1.pdf
TOO - TÉCNICAS DE ORIENTAÇÃO A OBJETOS aula 1.pdfTOO - TÉCNICAS DE ORIENTAÇÃO A OBJETOS aula 1.pdf
TOO - TÉCNICAS DE ORIENTAÇÃO A OBJETOS aula 1.pdf
 
Segurança Digital Pessoal e Boas Práticas
Segurança Digital Pessoal e Boas PráticasSegurança Digital Pessoal e Boas Práticas
Segurança Digital Pessoal e Boas Práticas
 
Guardioes Digitais em ação: Como criar senhas seguras!
Guardioes Digitais em ação: Como criar senhas seguras!Guardioes Digitais em ação: Como criar senhas seguras!
Guardioes Digitais em ação: Como criar senhas seguras!
 
PRODUÇÃO E CONSUMO DE ENERGIA DA PRÉ-HISTÓRIA À ERA CONTEMPORÂNEA E SUA EVOLU...
PRODUÇÃO E CONSUMO DE ENERGIA DA PRÉ-HISTÓRIA À ERA CONTEMPORÂNEA E SUA EVOLU...PRODUÇÃO E CONSUMO DE ENERGIA DA PRÉ-HISTÓRIA À ERA CONTEMPORÂNEA E SUA EVOLU...
PRODUÇÃO E CONSUMO DE ENERGIA DA PRÉ-HISTÓRIA À ERA CONTEMPORÂNEA E SUA EVOLU...
 
Logica de Progamacao - Aula (1) (1).pptx
Logica de Progamacao - Aula (1) (1).pptxLogica de Progamacao - Aula (1) (1).pptx
Logica de Progamacao - Aula (1) (1).pptx
 
História da Rádio- 1936-1970 século XIX .2.pptx
História da Rádio- 1936-1970 século XIX   .2.pptxHistória da Rádio- 1936-1970 século XIX   .2.pptx
História da Rádio- 1936-1970 século XIX .2.pptx
 
Escola Virtual - Fundação Bradesco - ITIL - Gabriel Faustino.pdf
Escola Virtual - Fundação Bradesco - ITIL - Gabriel Faustino.pdfEscola Virtual - Fundação Bradesco - ITIL - Gabriel Faustino.pdf
Escola Virtual - Fundação Bradesco - ITIL - Gabriel Faustino.pdf
 

Acessibilidade na Web: Boas práticas

  • 1. 1/23 Acessibilidade na Web: Boas práticas Secretaria Nacional de Promoção dos Direitos das Pessoas com Deficiência Coordenação-Geral de Acessibilidade
  • 2. 2/23 Roteiro • Conceitos – Deficiência, Acessibilidade e Desenho Universal • Demografia da Pessoa com Deficiência – Dados do Censo 2010 – Tendências - envelhecimento da população • Boas práticas de acessibilidade – Portal da SDH/PR – 7 mitos e 1 equívoco • Conclusão
  • 3. Acessibilidade na Web CONCEITOS 3/23
  • 4. 4/23 Todos somos beneficiários da Acessibilidade...
  • 5. 5/23 ...mas alguns dependem dela para a equiparação de oportunidades
  • 6. 6/23 “Deficiência” na Convenção: o conceito social A deficiência é um conceito em evolução; ela é resultado da interação entre pessoas com impedimentos (físicos, mentais, intelectuais ou sensoriais) e as barreiras devidas às atitudes e ao ambiente que impedem a plena e efetiva participação dessas pessoas na sociedade em igualdade de oportunidades com as demais pessoas. Convenção Sobre os Direitos das Pessoas com Deficiência Deficiência 0 = impedimentos x barreir0as
  • 7. 7/23 Acessibilidade na Web “Acessibilidade na web é a possibilidade e a condição de alcance, percepção, entendimento e interação para a utilização, a participação e a contribuição, em igualdade de oportunidades, com segurança e autonomia, em sítios e serviços disponíveis na web, por qualquer indivíduo, independentemente de sua capacidade motora, visual, auditiva, intelectual, cultural ou social, a qualquer momento, em qualquer local e em qualquer ambiente físico ou computacional e a partir de qualquer dispositivo de acesso.” http://acessibilidade.w3c.br/cartilha/fasciculo1/
  • 8. 8/23 “Desenho Universal” • “Desenho Universal é a concepção de produtos, ambientes, programas e serviços a serem usados, na maior medida possível, por todas as pessoas, sem necessidade de adaptação ou projeto específico” • Projeto com Desenho Universal = projeto que garante igualdade de condições desde sua concepção
  • 9. Acessibilidade na Web DEMOGRAFIA DA PESSOA COM DEFICIÊNCIA 9/23
  • 10. Demografia da Pessoa com Deficiência 10/23 • Censo IBGE – Formulário completo (amostra) - autoavaliação funcional – Perguntas do IBGE: • Tem dificuldade permanente: de enxergar (avaliada com o uso de óculos ou lentes) / de ouvir (aparelho auditivo) / de caminhar ou subir escadas (prótese, bengala ou aparelho auxiliar) / mental ou intelectual que limite suas atividades habituais? – Tipos de Deficiência • Visual / auditiva / motora / mental ou intelectual – Graus de Dificuldade • Alguma dificuldade • Grande dificuldade • Não consegue de modo algum “Deficiência grave”
  • 11. 11/23 Dados de 2010 • Segundo o Censo, 45,6 milhões de pessoas ou 23,9% da população • Com deficiência visual, 35,8 milhões (18,8%), dos quais 6,6 milhões (3,4%) com deficiência grave • Com deficiência motora, 13,3 milhões (7,0%), dos quais 4,4 milhões (2,3%) com deficiência grave • Com deficiência auditiva, 9,7 milhões (5,1%), dos quais 2,2 milhões (1,1%) com deficiência grave • Onde estão? => Ciclo da Invisibilidade – Carências de infraestrutura e serviços (barreiras) levam à exclusão social das pessoas com deficiência; exclusão realimenta a falta de infra/serviços.
  • 12. 12/23 Tendência: envelhecimento da população • Segundo o Censo 2010, havia 20,5 milhões de idosos ou 10,8% da população – projetava-se 19,3 milhões • A prevalência de deficiência visual grave (3,4%) é decomposta em 2,4% na população até 59 anos e 12,0% entre idosos • A prevalência de deficiência auditiva grave (1,1%) é decomposta em 0,6% na pop. < 59 anos e 5,2% entre idosos • Projeção para 2030 é de 40,5 milhões de pessoas idosas ou 18,7% da população - uma taxa de crescimento anual de 3,78%, enquanto a população total crescerá somente 0,57%
  • 13. Acessibilidade na Web BOAS PRÁTICAS DE ACESSIBILIDADE 13/23
  • 14. 14/23 Boas práticas de acessibilidade Prêmio Todos@Web (2ª edição de 2013): Categoria Governamentais: – 1º Lugar Portal da Casa de Oswaldo Cruz – 2º Lugar PCD Legal – 3º Lugar Novo Portal da Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República.
  • 15. 15/23 7 mitos e um equívoco Por Lêda Spelta* 1. “Acessibilidade Web é só para pessoas com deficiência visual.” – Quem tem dificuldade para ver a tela, usar o mouse, usar o teclado, ler um texto, ouvir um som; – Quem usa um navegador diferente; – Quem usa um equipamento muito antigo ou muito moderno; – Para conexões de baixa velocidade; – Quem está num ambiente ou situação que limita alguns dos seus sentidos ou movimentos, ou que requer a sua atenção. *http://acessodigital.net/art_acessibilidade-web-7-mitos-e-um-equivoco.html
  • 16. 16/23 7 mitos e um equívoco 2. “Na prática, o número de usuários beneficiados com a acessibilidade é relativamente muito pequeno.” – As estatísticas, apenas das pessoas com deficiência visual, já trazem um número bastante significativo; – Se considerarmos os outros públicos temos um número ainda maior; – Além disso, aumenta-se a visibilidade do site para buscadores web.
  • 17. 17/23 7 mitos e um equívoco 3. “Fazer um site acessível demora e custa caro.” – só podemos saber se o tempo e o custo do nosso projeto são adequados, se levarmos em conta os benefícios alcançados; – O custo da acessibilidade na elaboração de um site novo, é praticamente inexistente, as adaptações são sempre mais trabalhosas.
  • 18. 18/23 7 mitos e um equívoco 4. “É melhor fazer uma página especial para as pessoas com deficiência visual.” – Os webdesigners terão trabalho dobrado, para criação e manutenção de duas páginas; – Geralmente a página para pessoas com deficiência não é atualizada com a mesma frequência; – Discriminação pela não garantia do acesso em igualdade de oportunidades.
  • 19. 19/23 7 mitos e um equívoco 5. “Um site acessível a pessoas com deficiência visual não é bonito.” – Sites acessíveis podem ter imagens, fotos, vídeos, gráficos, etc. Basta observar os padrões de codificação e as diretrizes de acessibilidade.
  • 20. 20/23 7 mitos e um equívoco 6. “Vamos por partes: primeiro fazemos o site, depois fazemos acessibilidade.” – Inaugurar um prédio com degraus e, depois, quebrar tudo para colocar rampas, é desperdício de tempo e recursos. O mesmo acontece com um projeto de um site no qual se deixa para pensar a acessibilidade depois.
  • 21. 21/23 7 mitos e um equívoco 7. “A gente sabe o que é bom para o usuário.” – Quanto mais “palpites” os diferentes usuários puderem dar nos seus projetos melhor. Não tenha medo! – Só se aprende tudo sobre o usuário, sendo o usuário. E, mesmo assim, será apenas um.
  • 22. 22/23 7 mitos e um equívoco Um grande equívoco: “Meu site é direcionado a um público específico; ele não interessa a todos os grupos de usuários.” – Um homem com baixa visão que entra no site de um fabricante de automóveis, para escolher um modelo para a sua mãe. – Uma jovem surda que entra numa loja virtual de CDs, para escolher um presente para o seu namorado. – Um menino de 11 anos que entra num site direcionado à terceira idade, para pegar uma informação para a sua avó. – Uma estudante cega que entra numa livraria virtual, para comprar livros que serão digitalizados por ela própria e lidos com o seu programa leitor de telas.
  • 23. 23/23 Conclusão • Quase uma em cada quatro pessoas têm algum tipo de deficiência • Quase uma em cada vinte pessoas têm alguma deficiência sensorial grave • Não podemos cercear o direito à liberdade de expressão e opinião, inclusive à liberdade de buscar, receber e compartilhar informações e ideias, em igualdade de oportunidades com as demais pessoas. • Desafio: Desenho Universal na Web
  • 24. 24/23 Coordenação-Geral de Acessibilidade Sérgio Paulo Nascimento sergio.nascimento@sdh.gov.br Rodrigo Abreu de Freitas Machado Rodrigo.machado@sdh.gov.br (61) 2027-3507