SlideShare uma empresa Scribd logo
Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão
Secretaria de Logística e Tecnologia da Informação
Departamento de Governo Eletrônico
Modelo Brasileiro
de Acessibilidade
em Governo
Eletrônico
4
O DGE e a Sociedade
DGE – Departamento de Governo
Eletrônico

Implantar de forma unificada serviços por meios eletrônicos
no governo federal;

Integrar outros níveis de governo na prestação de serviços;

Desenvolver e-serviços orientado por eventos da vida de
cidadãos e demais setores sociais;

Definir e Implantar padrões de usabilidade e
acessibilidade para e-Serviços;
Tim Berners-Lee, diretor do W3C
afirma que o poder da Web está na
sua universalidade. Para ele, “ser
acessada por todos, independente
de deficiência, é um aspecto
essencial”.
A acessibilidade na Web significa,
portanto, permitir o acesso a
todos, independente do tipo de
usuário, situação ou ferramenta.
A Web é acessível na sua origem
João é
tetraplégico
Michele é surda
Carlos é cego
Deficiência temporáriaFoto: Flickr.com - Tuftronic10000
Acessibilidade na web: A quem se destina?
Usuários de Dispositivos Móveis
Foto: everystockphoto.com -bartimaeus-
Idade Avançada
Nós, daqui
alguns
anos
Foto: Flickr.com - Jacob Bøtter
Medo de usar o
computador
65%
Falta de habilidade com o
computador/internet
Fonte: Pesquisa TIC Domicílios 2012 – CGI.br
Pessoas que nunca acessaram a internet, mas usaram um computador.
Motivos pelos quais nunca utilizou a internet
Fonte: http://www.cetic.br/
16
Em números: Quem se beneficiaria da acessibilidade?
Falta cidadania – foto de Milton
Jung
Carros estacionados em vagas
especiais
http://www.flickr.com/photos/cbnsp/5360821409/
CC licence

23,8% da população brasileira (ou
cerca de 45 milhões de pessoas) ;

7,4% tem 65 anos ou mais;

9,63% são analfabetos;

65% das pessoas Pessoas que
nunca acessaram a internet, mas
usaram um computador alegam que
não usam Internet por falta de
habilidade.
Acessibilidade na web: A quem se destina?
Acessibilidade é para todos !
http://acessibilidade.w3c.br/pesquisa/resultados-preliminares/
Fonte: Pesquisa TIC Domicílios 2010 – CGI.br
Pessoas que nunca acessaram a internet, mas usaram um computador.
Percentual (%)
Acessar sites
ou páginas
que
demoram
para
aparecer
(muito
pesadas)
Não
encontrar a
informação
desejada no
site
Ler um texto
longo na
Internet
Acessar
páginas com
janelas que
aparecem na
tela (pop up)
Lidar com
itens de
segurança
em páginas
da Internet
como testes
anti-spam,
senhas,
cadastros,
logins
Localizar um
site
específico
pelas
ferramentas
de busca,
como o
Google
Usar
teclados
virtuais de
sites (para
senhas)
TOTAL
BRASIL 46 35 29 28 21 14 10
Já testou seu site?
Já testou o seu site?
Sem CSS
e imagens
Foto: Flickr.com - Baddog_
sem monitor ?
Como as pessoas navegam pelo leitor
de tela?
Como as pessoas navegam pelo leitor
de tela?
Como as pessoas navegam pelo leitor
de tela?
Já ouviu seu site hoje?
Apenas 6,96% das páginas do Governo Federal
eram acessíveis em 2011
(em 2010 eram 4,83% de acordo com o Censo na Web do CGI.Br)
Processo para desenvolver sítio
acessível:
●
Seguir os padrões Web;
●
Seguir as diretrizes e recomendações de acessibilidade;
●
Realizar avaliação de acessibilidade.
Código acessível

Conteúdo alternativo para elementos não-textuais;

Dados de tabelas acessíveis;

Formulários acessíveis;

Menus de escape;

Teclas de acesso;

Folhas de estilo com medidas relativas;

Documentos legíveis sem a folha de estilos;

Semântica;
Código acessível

Programação em camadas;

Não usar tabelas para diagramar;

Não utilizar frames;

Não utilizar elementos proprietários;
Vídeos com legendas
32 de
Estrutura

Pragmático (estruturado de acordo
com os problemas a serem
abordados);

Dividido por áreas de atuação;

Padronização de funcionalidades.
O que é o e-MAG 3.0
33 de
Itens padrões para o Governo Federal:
1.Página com a descrição dos recursos de
acessibilidade;
2.Teclas de atalho (3);
3.Barra de acessibilidade;
4.Apresentação do mapa do sitio;
5.Apresentação de formulário;
6.Conteúdo alternativo para imagens;
7.Apresentação de documentos.
O que é o e-MAG 3.0
34 de
●
Divisão: 6 seções:
– Marcação (9)
– Comportamento (6)
– Conteúdo/Informação (12)
– Apresentação/Design (5)
– Multimídia (5)
– Formulário (8)
●
Total de 45 recomendações (Todas são importantes).
Recomendações de acessibilidade
●
Cursos em EAD
●
CMS acessível Suindara
●
Checklists
●
Pesquisas
●
Tutoriais
●
Consultoria SISP
●
ASES
E-MAG 3.0 - arcabouço
ASES
1. Avaliadores

Avaliador de acessibilidade web;

Avaliador de código HTML/XHTML;

Avaliador de código CSS.
2. Simuladores

Simulador de navegação para cegos;

Simulador de navegação para baixa visão.
3. Ferramentas de apoio
37 de
38
Em seu trabalho pela acessibilidade, o
Departamento de Governo eletrônico (DGE)
dispõe de uma equipe de consultores, no âmbito
do C3S do SISP, que é especialista no assunto. A
equipe avaliou praticamente todos os sítios
institucionais do primeiro escalão do governo
federal e enviou os respectivos relatórios desta
análise aos órgãos.
Consultores C3S
39
http://premio.w3c.br/
Inscrições até 30 de Setembro
40
Fernanda Hoffmann Lobato
governoeletronico.gov.br
Twitter: @egovbr
fernanda.lobato@planejamento.gov.br
+55 (61) 2020 1738

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Design de Interfaces e Acessibilidade: você está fazendo isso errado... até a...
Design de Interfaces e Acessibilidade: você está fazendo isso errado... até a...Design de Interfaces e Acessibilidade: você está fazendo isso errado... até a...
Design de Interfaces e Acessibilidade: você está fazendo isso errado... até a...
Talita Pagani
 
UX para todos (na prática)
UX para todos (na prática)UX para todos (na prática)
UX para todos (na prática)
Beatriz Lonskis
 
Padrões em Governo Eletrônico
Padrões em Governo EletrônicoPadrões em Governo Eletrônico
Padrões em Governo Eletrônico
GovBR
 
Estamos projetando para todas as pessoas?
Estamos projetando para todas as pessoas?Estamos projetando para todas as pessoas?
Estamos projetando para todas as pessoas?
Beatriz Lonskis
 
Acessibilidade Web: Primeiros passos
Acessibilidade Web: Primeiros passosAcessibilidade Web: Primeiros passos
Acessibilidade Web: Primeiros passos
Vanessa Me Tonini
 
Acessibilidade na Web - Salomão Alcolumbre
Acessibilidade na Web - Salomão AlcolumbreAcessibilidade na Web - Salomão Alcolumbre
Acessibilidade na Web - Salomão Alcolumbre
SalomãoeIasmyne Alcolumbre
 

Mais procurados (6)

Design de Interfaces e Acessibilidade: você está fazendo isso errado... até a...
Design de Interfaces e Acessibilidade: você está fazendo isso errado... até a...Design de Interfaces e Acessibilidade: você está fazendo isso errado... até a...
Design de Interfaces e Acessibilidade: você está fazendo isso errado... até a...
 
UX para todos (na prática)
UX para todos (na prática)UX para todos (na prática)
UX para todos (na prática)
 
Padrões em Governo Eletrônico
Padrões em Governo EletrônicoPadrões em Governo Eletrônico
Padrões em Governo Eletrônico
 
Estamos projetando para todas as pessoas?
Estamos projetando para todas as pessoas?Estamos projetando para todas as pessoas?
Estamos projetando para todas as pessoas?
 
Acessibilidade Web: Primeiros passos
Acessibilidade Web: Primeiros passosAcessibilidade Web: Primeiros passos
Acessibilidade Web: Primeiros passos
 
Acessibilidade na Web - Salomão Alcolumbre
Acessibilidade na Web - Salomão AlcolumbreAcessibilidade na Web - Salomão Alcolumbre
Acessibilidade na Web - Salomão Alcolumbre
 

Semelhante a Acessibilidade Comunicacional

Evento de Redação Web
Evento de Redação WebEvento de Redação Web
Evento de Redação Web
GovBR
 
Evento Cinteq - apresentando e-MAG
Evento Cinteq - apresentando e-MAGEvento Cinteq - apresentando e-MAG
Evento Cinteq - apresentando e-MAG
GovBR
 
Sítios Acessiveis
Sítios AcessiveisSítios Acessiveis
Sítios Acessiveis
GovBR
 
Acessibilidade e e-MAG
Acessibilidade e e-MAGAcessibilidade e e-MAG
Acessibilidade e e-MAG
GovBR
 
Acessibilidade web
Acessibilidade webAcessibilidade web
Acessibilidade web
Ubirajara Pelli
 
Livemocha parte 2
Livemocha   parte 2Livemocha   parte 2
Livemocha parte 2
aiadufmg
 
Livemocha - parte 2
Livemocha - parte 2Livemocha - parte 2
Livemocha - parte 2
aiadufmg
 
Palestra na Unirio - Tese de Doutorado
Palestra na Unirio - Tese de DoutoradoPalestra na Unirio - Tese de Doutorado
Palestra na Unirio - Tese de Doutorado
Luiz Agner
 
Acessibilidade
AcessibilidadeAcessibilidade
Acessibilidade
Flávio Araújo
 
Conheça o e-MAG 3.0 - Andrea Sonza
Conheça o e-MAG 3.0 - Andrea SonzaConheça o e-MAG 3.0 - Andrea Sonza
Conheça o e-MAG 3.0 - Andrea Sonza
GovBR
 
Acessibilidade web
Acessibilidade webAcessibilidade web
Acessibilidade web
Fabíola Calixto
 
Acessibilidade Digital (19/02/2013)
Acessibilidade Digital (19/02/2013)Acessibilidade Digital (19/02/2013)
Acessibilidade Digital (19/02/2013)
Rodrigo Leme
 
Padrões E-Gov
Padrões E-GovPadrões E-Gov
Padrões E-Gov
Felipe Perin
 
Acessibilidade na WEB
Acessibilidade na WEBAcessibilidade na WEB
Acessibilidade na WEB
Ana Carolina Gracioso
 
Razões para tornar um web site acessível
Razões para tornar um web site acessívelRazões para tornar um web site acessível
Razões para tornar um web site acessível
MDesign Estúdio
 
e-MAG 3.0 - 3a. Conferência Web W3C Brasil
e-MAG 3.0 - 3a. Conferência Web W3C Brasile-MAG 3.0 - 3a. Conferência Web W3C Brasil
e-MAG 3.0 - 3a. Conferência Web W3C Brasil
GovBR
 
RioInfo 2010: Seminário de Tecnologia - Mesa 1 - Integração e Convergência Va...
RioInfo 2010: Seminário de Tecnologia - Mesa 1 - Integração e Convergência Va...RioInfo 2010: Seminário de Tecnologia - Mesa 1 - Integração e Convergência Va...
RioInfo 2010: Seminário de Tecnologia - Mesa 1 - Integração e Convergência Va...
Rio Info
 
Introdução aos Padrões Web e Tecnologias para o Ambiente Digital - Aula 3 - 1...
Introdução aos Padrões Web e Tecnologias para o Ambiente Digital - Aula 3 - 1...Introdução aos Padrões Web e Tecnologias para o Ambiente Digital - Aula 3 - 1...
Introdução aos Padrões Web e Tecnologias para o Ambiente Digital - Aula 3 - 1...
MBA em Marketing Digital e Gestão de Projetos Web
 
Aplicações Web Acessíveis
Aplicações Web AcessíveisAplicações Web Acessíveis
Aplicações Web Acessíveis
Diego Pessoa
 
sites-boas-praticas
sites-boas-praticassites-boas-praticas
sites-boas-praticas
Vitor Gonçalves
 

Semelhante a Acessibilidade Comunicacional (20)

Evento de Redação Web
Evento de Redação WebEvento de Redação Web
Evento de Redação Web
 
Evento Cinteq - apresentando e-MAG
Evento Cinteq - apresentando e-MAGEvento Cinteq - apresentando e-MAG
Evento Cinteq - apresentando e-MAG
 
Sítios Acessiveis
Sítios AcessiveisSítios Acessiveis
Sítios Acessiveis
 
Acessibilidade e e-MAG
Acessibilidade e e-MAGAcessibilidade e e-MAG
Acessibilidade e e-MAG
 
Acessibilidade web
Acessibilidade webAcessibilidade web
Acessibilidade web
 
Livemocha parte 2
Livemocha   parte 2Livemocha   parte 2
Livemocha parte 2
 
Livemocha - parte 2
Livemocha - parte 2Livemocha - parte 2
Livemocha - parte 2
 
Palestra na Unirio - Tese de Doutorado
Palestra na Unirio - Tese de DoutoradoPalestra na Unirio - Tese de Doutorado
Palestra na Unirio - Tese de Doutorado
 
Acessibilidade
AcessibilidadeAcessibilidade
Acessibilidade
 
Conheça o e-MAG 3.0 - Andrea Sonza
Conheça o e-MAG 3.0 - Andrea SonzaConheça o e-MAG 3.0 - Andrea Sonza
Conheça o e-MAG 3.0 - Andrea Sonza
 
Acessibilidade web
Acessibilidade webAcessibilidade web
Acessibilidade web
 
Acessibilidade Digital (19/02/2013)
Acessibilidade Digital (19/02/2013)Acessibilidade Digital (19/02/2013)
Acessibilidade Digital (19/02/2013)
 
Padrões E-Gov
Padrões E-GovPadrões E-Gov
Padrões E-Gov
 
Acessibilidade na WEB
Acessibilidade na WEBAcessibilidade na WEB
Acessibilidade na WEB
 
Razões para tornar um web site acessível
Razões para tornar um web site acessívelRazões para tornar um web site acessível
Razões para tornar um web site acessível
 
e-MAG 3.0 - 3a. Conferência Web W3C Brasil
e-MAG 3.0 - 3a. Conferência Web W3C Brasile-MAG 3.0 - 3a. Conferência Web W3C Brasil
e-MAG 3.0 - 3a. Conferência Web W3C Brasil
 
RioInfo 2010: Seminário de Tecnologia - Mesa 1 - Integração e Convergência Va...
RioInfo 2010: Seminário de Tecnologia - Mesa 1 - Integração e Convergência Va...RioInfo 2010: Seminário de Tecnologia - Mesa 1 - Integração e Convergência Va...
RioInfo 2010: Seminário de Tecnologia - Mesa 1 - Integração e Convergência Va...
 
Introdução aos Padrões Web e Tecnologias para o Ambiente Digital - Aula 3 - 1...
Introdução aos Padrões Web e Tecnologias para o Ambiente Digital - Aula 3 - 1...Introdução aos Padrões Web e Tecnologias para o Ambiente Digital - Aula 3 - 1...
Introdução aos Padrões Web e Tecnologias para o Ambiente Digital - Aula 3 - 1...
 
Aplicações Web Acessíveis
Aplicações Web AcessíveisAplicações Web Acessíveis
Aplicações Web Acessíveis
 
sites-boas-praticas
sites-boas-praticassites-boas-praticas
sites-boas-praticas
 

Mais de GovBR

"A Tecnologia em prol da acessibilidade: construindo uma WEB acessível a todos"
"A Tecnologia em prol da acessibilidade: construindo uma WEB acessível a todos""A Tecnologia em prol da acessibilidade: construindo uma WEB acessível a todos"
"A Tecnologia em prol da acessibilidade: construindo uma WEB acessível a todos"
GovBR
 
O Governo Eletrônico Brasileiro em Perspectiva
O Governo Eletrônico Brasileiro em PerspectivaO Governo Eletrônico Brasileiro em Perspectiva
O Governo Eletrônico Brasileiro em Perspectiva
GovBR
 
Aplicações de Governo Eletrônico - Tecnologias Assistivas com Software Livre
 Aplicações de Governo Eletrônico - Tecnologias Assistivas com Software Livre Aplicações de Governo Eletrônico - Tecnologias Assistivas com Software Livre
Aplicações de Governo Eletrônico - Tecnologias Assistivas com Software Livre
GovBR
 
Relatos da WWW2013
Relatos da WWW2013Relatos da WWW2013
Relatos da WWW2013
GovBR
 
Acessibilidade
AcessibilidadeAcessibilidade
Acessibilidade
GovBR
 
Desenvolvimento de Interfaces Web e Segurança de Certificados e Assinaturas D...
Desenvolvimento de Interfaces Web e Segurança de Certificados e Assinaturas D...Desenvolvimento de Interfaces Web e Segurança de Certificados e Assinaturas D...
Desenvolvimento de Interfaces Web e Segurança de Certificados e Assinaturas D...
GovBR
 
Interoperabilidade Semântica e Trabalho em Rede
 Interoperabilidade Semântica e Trabalho em Rede Interoperabilidade Semântica e Trabalho em Rede
Interoperabilidade Semântica e Trabalho em Rede
GovBR
 
Guia de Serviços Públicos do Governo Federal
Guia de Serviços Públicos do Governo FederalGuia de Serviços Públicos do Governo Federal
Guia de Serviços Públicos do Governo Federal
GovBR
 
Integração de Protocolos do Governo Federal
Integração de Protocolos do Governo FederalIntegração de Protocolos do Governo Federal
Integração de Protocolos do Governo Federal
GovBR
 
Cartilha do SICONV
Cartilha do SICONVCartilha do SICONV
Cartilha do SICONV
GovBR
 
Cartilha do Software Público Brasileiro
Cartilha do Software Público BrasileiroCartilha do Software Público Brasileiro
Cartilha do Software Público Brasileiro
GovBR
 
Siconv - Sistema de Gestão de Convênios e Contratos de Repasse
Siconv - Sistema de Gestão de Convênios e Contratos de RepasseSiconv - Sistema de Gestão de Convênios e Contratos de Repasse
Siconv - Sistema de Gestão de Convênios e Contratos de Repasse
GovBR
 
Novo Paradigma das Compras Governamentais
Novo Paradigma das Compras GovernamentaisNovo Paradigma das Compras Governamentais
Novo Paradigma das Compras Governamentais
GovBR
 
Software Público Brasileiro, 4CMBR e Dados Abertos
Software Público Brasileiro, 4CMBR e Dados AbertosSoftware Público Brasileiro, 4CMBR e Dados Abertos
Software Público Brasileiro, 4CMBR e Dados Abertos
GovBR
 
Acessibilidade na Web: Implementando Serviços Públicos Municipais Acessíveis ...
Acessibilidade na Web: Implementando Serviços Públicos Municipais Acessíveis ...Acessibilidade na Web: Implementando Serviços Públicos Municipais Acessíveis ...
Acessibilidade na Web: Implementando Serviços Públicos Municipais Acessíveis ...
GovBR
 
Uso do Portal de Compras Governamentais pelos Municípios
Uso do Portal de Compras Governamentais pelos MunicípiosUso do Portal de Compras Governamentais pelos Municípios
Uso do Portal de Compras Governamentais pelos Municípios
GovBR
 
Novo Sistema de Consulta Pública
Novo Sistema de Consulta PúblicaNovo Sistema de Consulta Pública
Novo Sistema de Consulta Pública
GovBR
 
e-MAG - Avaliação de Acessibilidade em Sítios
e-MAG - Avaliação de Acessibilidade em Sítiose-MAG - Avaliação de Acessibilidade em Sítios
e-MAG - Avaliação de Acessibilidade em Sítios
GovBR
 
e-MAG Consegi 2012
e-MAG Consegi 2012e-MAG Consegi 2012
e-MAG Consegi 2012
GovBR
 
Seminario e-PING
Seminario e-PINGSeminario e-PING
Seminario e-PING
GovBR
 

Mais de GovBR (20)

"A Tecnologia em prol da acessibilidade: construindo uma WEB acessível a todos"
"A Tecnologia em prol da acessibilidade: construindo uma WEB acessível a todos""A Tecnologia em prol da acessibilidade: construindo uma WEB acessível a todos"
"A Tecnologia em prol da acessibilidade: construindo uma WEB acessível a todos"
 
O Governo Eletrônico Brasileiro em Perspectiva
O Governo Eletrônico Brasileiro em PerspectivaO Governo Eletrônico Brasileiro em Perspectiva
O Governo Eletrônico Brasileiro em Perspectiva
 
Aplicações de Governo Eletrônico - Tecnologias Assistivas com Software Livre
 Aplicações de Governo Eletrônico - Tecnologias Assistivas com Software Livre Aplicações de Governo Eletrônico - Tecnologias Assistivas com Software Livre
Aplicações de Governo Eletrônico - Tecnologias Assistivas com Software Livre
 
Relatos da WWW2013
Relatos da WWW2013Relatos da WWW2013
Relatos da WWW2013
 
Acessibilidade
AcessibilidadeAcessibilidade
Acessibilidade
 
Desenvolvimento de Interfaces Web e Segurança de Certificados e Assinaturas D...
Desenvolvimento de Interfaces Web e Segurança de Certificados e Assinaturas D...Desenvolvimento de Interfaces Web e Segurança de Certificados e Assinaturas D...
Desenvolvimento de Interfaces Web e Segurança de Certificados e Assinaturas D...
 
Interoperabilidade Semântica e Trabalho em Rede
 Interoperabilidade Semântica e Trabalho em Rede Interoperabilidade Semântica e Trabalho em Rede
Interoperabilidade Semântica e Trabalho em Rede
 
Guia de Serviços Públicos do Governo Federal
Guia de Serviços Públicos do Governo FederalGuia de Serviços Públicos do Governo Federal
Guia de Serviços Públicos do Governo Federal
 
Integração de Protocolos do Governo Federal
Integração de Protocolos do Governo FederalIntegração de Protocolos do Governo Federal
Integração de Protocolos do Governo Federal
 
Cartilha do SICONV
Cartilha do SICONVCartilha do SICONV
Cartilha do SICONV
 
Cartilha do Software Público Brasileiro
Cartilha do Software Público BrasileiroCartilha do Software Público Brasileiro
Cartilha do Software Público Brasileiro
 
Siconv - Sistema de Gestão de Convênios e Contratos de Repasse
Siconv - Sistema de Gestão de Convênios e Contratos de RepasseSiconv - Sistema de Gestão de Convênios e Contratos de Repasse
Siconv - Sistema de Gestão de Convênios e Contratos de Repasse
 
Novo Paradigma das Compras Governamentais
Novo Paradigma das Compras GovernamentaisNovo Paradigma das Compras Governamentais
Novo Paradigma das Compras Governamentais
 
Software Público Brasileiro, 4CMBR e Dados Abertos
Software Público Brasileiro, 4CMBR e Dados AbertosSoftware Público Brasileiro, 4CMBR e Dados Abertos
Software Público Brasileiro, 4CMBR e Dados Abertos
 
Acessibilidade na Web: Implementando Serviços Públicos Municipais Acessíveis ...
Acessibilidade na Web: Implementando Serviços Públicos Municipais Acessíveis ...Acessibilidade na Web: Implementando Serviços Públicos Municipais Acessíveis ...
Acessibilidade na Web: Implementando Serviços Públicos Municipais Acessíveis ...
 
Uso do Portal de Compras Governamentais pelos Municípios
Uso do Portal de Compras Governamentais pelos MunicípiosUso do Portal de Compras Governamentais pelos Municípios
Uso do Portal de Compras Governamentais pelos Municípios
 
Novo Sistema de Consulta Pública
Novo Sistema de Consulta PúblicaNovo Sistema de Consulta Pública
Novo Sistema de Consulta Pública
 
e-MAG - Avaliação de Acessibilidade em Sítios
e-MAG - Avaliação de Acessibilidade em Sítiose-MAG - Avaliação de Acessibilidade em Sítios
e-MAG - Avaliação de Acessibilidade em Sítios
 
e-MAG Consegi 2012
e-MAG Consegi 2012e-MAG Consegi 2012
e-MAG Consegi 2012
 
Seminario e-PING
Seminario e-PINGSeminario e-PING
Seminario e-PING
 

Último

História da Rádio- 1936-1970 século XIX .2.pptx
História da Rádio- 1936-1970 século XIX   .2.pptxHistória da Rádio- 1936-1970 século XIX   .2.pptx
História da Rádio- 1936-1970 século XIX .2.pptx
TomasSousa7
 
Logica de Progamacao - Aula (1) (1).pptx
Logica de Progamacao - Aula (1) (1).pptxLogica de Progamacao - Aula (1) (1).pptx
Logica de Progamacao - Aula (1) (1).pptx
Momento da Informática
 
DESENVOLVIMENTO DE SOFTWARE I_aula1-2.pdf
DESENVOLVIMENTO DE SOFTWARE I_aula1-2.pdfDESENVOLVIMENTO DE SOFTWARE I_aula1-2.pdf
DESENVOLVIMENTO DE SOFTWARE I_aula1-2.pdf
Momento da Informática
 
Manual-de-Credenciamento ANATER 2023.pdf
Manual-de-Credenciamento ANATER 2023.pdfManual-de-Credenciamento ANATER 2023.pdf
Manual-de-Credenciamento ANATER 2023.pdf
WELITONNOGUEIRA3
 
Certificado Jornada Python Da Hashtag.pdf
Certificado Jornada Python Da Hashtag.pdfCertificado Jornada Python Da Hashtag.pdf
Certificado Jornada Python Da Hashtag.pdf
joaovmp3
 
TOO - TÉCNICAS DE ORIENTAÇÃO A OBJETOS aula 1.pdf
TOO - TÉCNICAS DE ORIENTAÇÃO A OBJETOS aula 1.pdfTOO - TÉCNICAS DE ORIENTAÇÃO A OBJETOS aula 1.pdf
TOO - TÉCNICAS DE ORIENTAÇÃO A OBJETOS aula 1.pdf
Momento da Informática
 

Último (6)

História da Rádio- 1936-1970 século XIX .2.pptx
História da Rádio- 1936-1970 século XIX   .2.pptxHistória da Rádio- 1936-1970 século XIX   .2.pptx
História da Rádio- 1936-1970 século XIX .2.pptx
 
Logica de Progamacao - Aula (1) (1).pptx
Logica de Progamacao - Aula (1) (1).pptxLogica de Progamacao - Aula (1) (1).pptx
Logica de Progamacao - Aula (1) (1).pptx
 
DESENVOLVIMENTO DE SOFTWARE I_aula1-2.pdf
DESENVOLVIMENTO DE SOFTWARE I_aula1-2.pdfDESENVOLVIMENTO DE SOFTWARE I_aula1-2.pdf
DESENVOLVIMENTO DE SOFTWARE I_aula1-2.pdf
 
Manual-de-Credenciamento ANATER 2023.pdf
Manual-de-Credenciamento ANATER 2023.pdfManual-de-Credenciamento ANATER 2023.pdf
Manual-de-Credenciamento ANATER 2023.pdf
 
Certificado Jornada Python Da Hashtag.pdf
Certificado Jornada Python Da Hashtag.pdfCertificado Jornada Python Da Hashtag.pdf
Certificado Jornada Python Da Hashtag.pdf
 
TOO - TÉCNICAS DE ORIENTAÇÃO A OBJETOS aula 1.pdf
TOO - TÉCNICAS DE ORIENTAÇÃO A OBJETOS aula 1.pdfTOO - TÉCNICAS DE ORIENTAÇÃO A OBJETOS aula 1.pdf
TOO - TÉCNICAS DE ORIENTAÇÃO A OBJETOS aula 1.pdf
 

Acessibilidade Comunicacional

  • 1.
  • 2.
  • 3. Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão Secretaria de Logística e Tecnologia da Informação Departamento de Governo Eletrônico Modelo Brasileiro de Acessibilidade em Governo Eletrônico
  • 4. 4 O DGE e a Sociedade DGE – Departamento de Governo Eletrônico  Implantar de forma unificada serviços por meios eletrônicos no governo federal;  Integrar outros níveis de governo na prestação de serviços;  Desenvolver e-serviços orientado por eventos da vida de cidadãos e demais setores sociais;  Definir e Implantar padrões de usabilidade e acessibilidade para e-Serviços;
  • 5. Tim Berners-Lee, diretor do W3C afirma que o poder da Web está na sua universalidade. Para ele, “ser acessada por todos, independente de deficiência, é um aspecto essencial”. A acessibilidade na Web significa, portanto, permitir o acesso a todos, independente do tipo de usuário, situação ou ferramenta. A Web é acessível na sua origem
  • 6.
  • 7.
  • 12. Acessibilidade na web: A quem se destina? Usuários de Dispositivos Móveis Foto: everystockphoto.com -bartimaeus-
  • 13. Idade Avançada Nós, daqui alguns anos Foto: Flickr.com - Jacob Bøtter
  • 14. Medo de usar o computador
  • 15. 65% Falta de habilidade com o computador/internet Fonte: Pesquisa TIC Domicílios 2012 – CGI.br Pessoas que nunca acessaram a internet, mas usaram um computador. Motivos pelos quais nunca utilizou a internet Fonte: http://www.cetic.br/
  • 16. 16 Em números: Quem se beneficiaria da acessibilidade? Falta cidadania – foto de Milton Jung Carros estacionados em vagas especiais http://www.flickr.com/photos/cbnsp/5360821409/ CC licence  23,8% da população brasileira (ou cerca de 45 milhões de pessoas) ;  7,4% tem 65 anos ou mais;  9,63% são analfabetos;  65% das pessoas Pessoas que nunca acessaram a internet, mas usaram um computador alegam que não usam Internet por falta de habilidade.
  • 17. Acessibilidade na web: A quem se destina? Acessibilidade é para todos !
  • 19. Fonte: Pesquisa TIC Domicílios 2010 – CGI.br Pessoas que nunca acessaram a internet, mas usaram um computador. Percentual (%) Acessar sites ou páginas que demoram para aparecer (muito pesadas) Não encontrar a informação desejada no site Ler um texto longo na Internet Acessar páginas com janelas que aparecem na tela (pop up) Lidar com itens de segurança em páginas da Internet como testes anti-spam, senhas, cadastros, logins Localizar um site específico pelas ferramentas de busca, como o Google Usar teclados virtuais de sites (para senhas) TOTAL BRASIL 46 35 29 28 21 14 10
  • 20. Já testou seu site?
  • 21. Já testou o seu site? Sem CSS e imagens Foto: Flickr.com - Baddog_
  • 23. Como as pessoas navegam pelo leitor de tela?
  • 24. Como as pessoas navegam pelo leitor de tela?
  • 25. Como as pessoas navegam pelo leitor de tela?
  • 26. Já ouviu seu site hoje?
  • 27. Apenas 6,96% das páginas do Governo Federal eram acessíveis em 2011 (em 2010 eram 4,83% de acordo com o Censo na Web do CGI.Br)
  • 28. Processo para desenvolver sítio acessível: ● Seguir os padrões Web; ● Seguir as diretrizes e recomendações de acessibilidade; ● Realizar avaliação de acessibilidade.
  • 29. Código acessível  Conteúdo alternativo para elementos não-textuais;  Dados de tabelas acessíveis;  Formulários acessíveis;  Menus de escape;  Teclas de acesso;  Folhas de estilo com medidas relativas;  Documentos legíveis sem a folha de estilos;  Semântica;
  • 30. Código acessível  Programação em camadas;  Não usar tabelas para diagramar;  Não utilizar frames;  Não utilizar elementos proprietários;
  • 32. 32 de Estrutura  Pragmático (estruturado de acordo com os problemas a serem abordados);  Dividido por áreas de atuação;  Padronização de funcionalidades. O que é o e-MAG 3.0
  • 33. 33 de Itens padrões para o Governo Federal: 1.Página com a descrição dos recursos de acessibilidade; 2.Teclas de atalho (3); 3.Barra de acessibilidade; 4.Apresentação do mapa do sitio; 5.Apresentação de formulário; 6.Conteúdo alternativo para imagens; 7.Apresentação de documentos. O que é o e-MAG 3.0
  • 34. 34 de ● Divisão: 6 seções: – Marcação (9) – Comportamento (6) – Conteúdo/Informação (12) – Apresentação/Design (5) – Multimídia (5) – Formulário (8) ● Total de 45 recomendações (Todas são importantes). Recomendações de acessibilidade
  • 35. ● Cursos em EAD ● CMS acessível Suindara ● Checklists ● Pesquisas ● Tutoriais ● Consultoria SISP ● ASES E-MAG 3.0 - arcabouço
  • 36. ASES 1. Avaliadores  Avaliador de acessibilidade web;  Avaliador de código HTML/XHTML;  Avaliador de código CSS. 2. Simuladores  Simulador de navegação para cegos;  Simulador de navegação para baixa visão. 3. Ferramentas de apoio
  • 37. 37 de
  • 38. 38 Em seu trabalho pela acessibilidade, o Departamento de Governo eletrônico (DGE) dispõe de uma equipe de consultores, no âmbito do C3S do SISP, que é especialista no assunto. A equipe avaliou praticamente todos os sítios institucionais do primeiro escalão do governo federal e enviou os respectivos relatórios desta análise aos órgãos. Consultores C3S
  • 40. 40 Fernanda Hoffmann Lobato governoeletronico.gov.br Twitter: @egovbr fernanda.lobato@planejamento.gov.br +55 (61) 2020 1738