Formas de gov. brasil regime militar

1.778 visualizações

Publicada em

0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.778
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
5
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
59
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Formas de gov. brasil regime militar

  1. 1. SOCIOLOGIA3º ANOPROFª MARCELA MARANGON ORGANIZAÇÃO POLÍTICA BRASILEIRA: Estado e formas de governo no Brasil – REGIME MILITAR
  2. 2. ORGANIZAÇÃO POLÍTICA Quando procura-se conhecer a organização política de uma comunidade, analisa-se: Governo; Divisão política (territorial); População; Instituições (sociais, educacionais, econômicas, políticas e jurídicas) Com o concurso ordenado de tudo isso, o Estado tem condições de proporcionar a todos o seu verdadeiro objetivo, o bem comum. O bem comum só será alcançado com: Ordem (colocando cada coisa em seus devidos lugares); Disciplina (fazendo com que todos obedeçam às normas existentes); Hierarquia (existência de governantes e governados)
  3. 3. A mais antiga e célebre concepção das formas de governo é a concebida por Aristóteles Aristóteles adota, uma classificação dupla A base desta classificação é pois moral ou política.o Formas Puras: MONARQUIA: governo de um só ARISTOCRACIA: governo de vários DEMOCRACIA: governo do povoo Formas Impuras: OLIGARQUIA: corrupção da aristocracia DEMAGOGIA: corrupção da democracia TIRANIA: corrupção da monarquia
  4. 4. FORMAS DE GOVERNO NOBRASIL: SÉCULO XIX E XX Século XIX: - monarquia parlamentarista - república presidencialista Século XX: - república presidencialista - ditadura civil (vargas) - ditadura militar - república parlamentarista (entre 61 e 63) - presidencialismo.
  5. 5. REGIME DITATORIALBRASILEIRO 1964-1985
  6. 6.  Período da política brasileira em que os militares governaram o Brasil; Caracterizou-se pela falta de democracia, supressão de direitos constitucionais, censura, perseguição política e repressão aos que eram contra o regime militar.
  7. 7. Antecedentes Governo de João Goulart (61-64):ABERTURA ÀS ORGANIZAÇÕES SOCIAIS- Estudantes, organizações populares e trabalhadores ganham espaço.
  8. 8.  Preocupação das classes conservadoras como, por exemplo, os empresários, banqueiros, Igreja Católica, militares e classe média. Todos temiam uma guinada do Brasil para o lado socialista. Jango e as Reformas de Base. Golpe Militar em março de 1964.
  9. 9. OS MILITARES TOMAM O PODER GOVERNO DE CATELO BRANCO (64-67):- Eleições indiretas para presidente.- Dissolveu partidos políticos;- cidadãos tiveram seus direitos políticos e constitucionais cancelados- sindicatos receberam intervenção do governo militar.- foi instituído o bipartidarismo: Movimento Democrático Brasileiro (MDB) e a Aliança Renovadora Nacional (ARENA)
  10. 10. GOVERNO COSTA E SILVA(1967-1969) Seu governo é marcado por protestos e manifestações sociais.
  11. 11. No dia 13 de dezembro de 1968, o governo decreta o Ato Institucional Número 5 ( AI-5 ). Este foi o mais duro do governo militar, pois aposentou juízes, cassou mandatos, acabou com as garantias do habeas-corpus e aumentou a repressão militar e policial.
  12. 12. GOVERNO MEDICI (1969-1974) Seu governo é  O Milagre Econômico. considerado o mais duro e repressivo do período, conhecido como " anos de chumbo ". A repressão à luta armada cresce e uma severa política de censura é colocada em execução. Jornais, revistas, livros, peças de teatro, filmes, músicas e outras formas de expressão artística são censuradas.
  13. 13. GOVERNO DE GEISEL começa um lento  seu governo coincide processo de transição com o fim do milagre rumo à democracia. econômico e com a insatisfação popular em altas taxas. A crise do petróleo e a recessão mundial interferem na economia brasileira, no momento em que os créditos e empréstimos internacionais diminuem.
  14. 14.  Em 1978, Geisel acaba com o AI-5, restaura o habeas- corpus e abre caminho para a volta da democracia no Brasil.
  15. 15. GOVERNO GEISEL (1974-1979) Seu governo coincide com o fim do milagre econômico e com a insatisfação popular em altas taxas.
  16. 16. PARA DEBATER!
  17. 17. GOVERNO FIGUEIREDO (1979-1985) 1978- processo de redemocratização ; Lei da Anistia, concedendo o direito de retorno ao Brasil para os políticos, artistas e demais brasileiros exilados e condenados por crimes políticos; Em 1979, o governo aprova lei que restabelece o pluripartidarismo no país.
  18. 18. A Redemocratização e aCampanha pelas Diretas Já
  19. 19. Em São Paulo, janeiro de 1984 maisde 1,5 milhão de pessoas sereuniram no Comício das Diretas
  20. 20. REDEMOCRATIZAÇÃO Emenda Dante de Oliveira – Diretas JáRejeitada 25/04/1984 -298 votos a favor, 65 contra e 3 abstenções - Faltaram, então, 22 votos para a aprovação da lei -2/3 dos parlamentares (hoje 3/5 do Congresso 1rt 60 CF §2º) Colégio Eleitoral –Maluf ou Tancredo Tancredo Primeiro civil após a ditadura por 480 contra 180 de Maluf -15/01/1985 14/03/1985 Tancredo internado morre 21/04/1985, José Sarney -último presidente indireto do país.
  21. 21. REDEMOCRATIZAÇÃO Constituição de 1988 • Promulgada • Eleições diretas em todos os níveis • 1989 - 1ª eleição direta presidente(Collor) • Social • Fim da censura • Constituição cidadã • Voto Universal (maiores de 16, analfabetos) • jornada de trabalho de 44 horas semanais, e pagamento de horas extras no valor de 50% a mais que a hora normal.
  22. 22. • férias remuneradas correspondentes a 1/3 a mais do que o salário normal;• direito de greve estendido a, praticamente, todas as atividades e serviços;• licença-gestante com duração de 120 dias, para a mulher. Ao pai, foi conferida a licença-paternidade de 5 dias;• trabalhador doméstico =vários direitos: salário mínimo; 13° salário; repouso semanal remunerado; férias remuneradas, com 1/3 a mais que o salário normal; licença-gestante de 120 dias, remunerada; aviso prévio e aposentadoria;
  23. 23.  http://www.coladaweb.com/historia/for mas-de-governo-e-formas-de-estado http://www.suapesquisa.com/ditadura/

×