Estado, dominação e poder

5.686 visualizações

Publicada em

0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
5.686
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
99
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Estado, dominação e poder

  1. 1. ESTADO, DOMINAÇÃO E PODER
  2. 2. Conceito Geral de Estado Estado (do latim status,us: modo de estar, situação, condição) É organizado política, social e juridicamente, ocupando um território definido, normalmente onde a lei máxima é uma Constituição escrita, e dirigida por um governo que possui soberania reconhecida tanto interna como externamente. Um Estado soberano é sintetizado pela máxima "Um governo, um povo, um território".
  3. 3. O Estado Absolutista Surgiu em um período (séc. XVII) de confronto entre nobrez e clero (de um lado) e burguesia (de outro). Inicialmente, a burguesia buscou apoio dos monarcas, que se aproveitaram da situação para aumentar seu poder político.
  4. 4. “De hoje em diante, eusou meu primeiro-ministro”.LÉtat cest moi. “OEstado sou eu”.Luís XIV, rei da França
  5. 5. Thomas Hobbes – Teórico doAbsolutismo Estado soberano como representação máxima de uma sociedade civilizada e racional. Na natureza, os homens viveriam segundo seus instintos. O Estado se faria necessário pois garantiria a segurança de todos.
  6. 6. Em Leviatã, Thomas Hobbes coloca as condiçõesde dissoluções do Estado, para ele, somente aconcentração de autoridade garante a unidade e apaz social. Suas idéias políticas apoiaram oabsolutismo do século XVII. Partidário doabsolutismo político, defende-o sem recorrer ànoção de “direito divino”. Segundo o filósofo, aprimeira lei natural do homem é a da auto-preservação, que o induz a impor-se sobre osdemais — “guerra de todos contra todos”.
  7. 7. O Estado Liberal (séc. XVIII ao início do séc. XX)A burguesia assumiu o governo, instintuindo omercado livre e fez da sociedade civil o seu sinônimo.Capitalismo Monopolista.Contra intervenção do Estado nos assuntoseconômicos.Garantia da propriedade privadade.Laissez faire, laissez passer, le monde va de lui même. "Deixe fazer, deixe passar, o mundo vai por simesmo.“
  8. 8. Monopólios
  9. 9. Fisiocracia: advinda da chamada escolafisiocrática, surgiu no século XVIII e éconsiderada a primeira escola de economiacientífica. Os fisiocratas consideram osistema econômico como um "organismo"regido por leis intrínsecas (pela ordemnatural das coisas), sendo elas assim,cientificamente relevantes.
  10. 10. Adam Smith John Locke
  11. 11. O Estado Liberal-Democrático As sociedades capitalista, movidas pela burguesia revolucionária, criaram o Estado liberal-democrático, que estabeleceu em locais onde a burguesia se chocou com a nobreza e buscou apoio entre os operários e camponeses.
  12. 12. Apesar de existir uma Constituição liberalque afirma a divisão do Estado em trêspoderes, o poder Executivo possui o aparatoda força policial e militar.Mantém uma democracia restrita, quegarante cidadania para a burguesia e paracertos segmentos sociais, mas não para todaa sociedade.
  13. 13. O Estado de Bem-estar Social Welfare State – o Estado garante padrões mínimos de educação, saúde, habitação, renda e seguridade social a todos os cidadãos. Surgiu da crise de 1929, resultande da superprodução da indústria e da agropecuária.
  14. 14. O maior expoente do Welfare State John Maynard Keynes
  15. 15. O Estado neoliberal: o Estado mínimo Surgido a partir de 1970, supõe a não intervenção e afastamento em prol da liberdade individual e da competição entre os agentes econômicos, segundo o neoliberalismo, é o pressuposto da prosperidade econômica.
  16. 16. Terceirização;Franquias;Redução de custos (saúde, educação,previdência, moradia, etc), aumentando asmazelas sociais.

×