SlideShare uma empresa Scribd logo

8º ano 5.3

1 de 8
Baixar para ler offline
1
Influência da salinidade
A salinidade refere-se à quantidade de sais dissolvidos na
água.
A salinidade exerce um papel importante na distribuição dos
seres vivos aquáticos, particularmente os de ambiente
marinho. Estes seres vivos têm que manter o seu meio interno
com uma concentração estável de sais pelo que possuem
estruturas que permitem eliminar o excesso de sal do corpo.
2
Excreção de sais em animais marinhos
Influência do solo
3
O tipo de solo condiciona fortemente a existência e o modo
de vida dos seres vivos uma vez que é nele que se
deslocam ou vivem.
Relativamente às características do solo, é de salientar:
• quantidade de água e de ar;
• textura (composição granulométrica – presença de
cascalho, areias ou argila) – condiciona a porosidade e
permeabilidade;
• porosidade (volume dos poros) e permeabilidade
(facilidade com que se deixa atravessar pela água);
• composição química, que determina a salinidade e o pH.
4
Os restos de animais e
de plantas constituem
detritos orgânicos
que, em processo de
decomposição,
originam o húmus.
Húmus
Adaptações dos animais – Patas largas e almofadadas,
com garras fortes ou cascos, permitem a deslocação na
rocha, na areia ou no gelo.
Animais como os coelhos, as toupeiras, os ratos, os lagartos
e as cobras escavam galerias ou procuram tocas no solo para
procriarem e protegerem as suas crias.
5
Fungos
Minhoca
Bichos-de-conta
Lesma
Caracol
BactériasProtistas
Larva
Ácaros
A humidade e a temperatura do solo permitem a sobrevivência de
caracóis, lesmas, bichos-de-conta, insetos e aranhas.
As minhocas, a par de fungos e bactérias, transformam os restos
orgânicos em sais minerais, tornando o solo numa verdadeira
central de reciclagem.
6
Adaptações das plantas – Fixas pelas raízes, as plantas
estão adaptadas às condições físicas e químicas do solo.
Disponibilidade de água
Acidez
Salinidade
8/8
A produção máxima
verificada na parcela C
deve-se à presença de
ambos os elementos
minerais (azoto e
fósforo), não atuando
qualquer deles como
fator limitante.

Recomendados

03 factores abióticos_humidade_pluviosidade_tc_20102011
03 factores abióticos_humidade_pluviosidade_tc_2010201103 factores abióticos_humidade_pluviosidade_tc_20102011
03 factores abióticos_humidade_pluviosidade_tc_20102011Teresa Monteiro
 
Fatores abioticos teoria
Fatores abioticos teoriaFatores abioticos teoria
Fatores abioticos teoriaJoão Rodrigues
 
Factor abiótico - Humidade
Factor abiótico - HumidadeFactor abiótico - Humidade
Factor abiótico - HumidadeLucca
 
Ficha Informativa Ecossistemas E Factores Abioticos
Ficha Informativa   Ecossistemas E Factores AbioticosFicha Informativa   Ecossistemas E Factores Abioticos
Ficha Informativa Ecossistemas E Factores AbioticosRui Jorge
 
Fator abiótico - água e solo
Fator abiótico - água e soloFator abiótico - água e solo
Fator abiótico - água e solobiogeopoetaalberto
 
Factores Abióticos - Água
Factores Abióticos - ÁguaFactores Abióticos - Água
Factores Abióticos - ÁguaCatir
 
Interacções seres vivos-ambientes
Interacções seres vivos-ambientes Interacções seres vivos-ambientes
Interacções seres vivos-ambientes Sara Catarina
 

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Factores Abióticos - Luz
Factores Abióticos - LuzFactores Abióticos - Luz
Factores Abióticos - LuzCatir
 
Adaptações dos animais ao meio ambiente
Adaptações dos animais ao meio ambienteAdaptações dos animais ao meio ambiente
Adaptações dos animais ao meio ambienteGiulia Bennington
 
Factores abióticos
Factores abióticosFactores abióticos
Factores abióticosTânia Reis
 
Biosfera e factores abióticos
Biosfera e factores abióticosBiosfera e factores abióticos
Biosfera e factores abióticosCristina Vitória
 
Factores Abióticos - Solo
Factores Abióticos - SoloFactores Abióticos - Solo
Factores Abióticos - SoloCatir
 
Factores Abióticos
Factores AbióticosFactores Abióticos
Factores AbióticosSérgio Luiz
 
Finf 1 fatores abióticos 8º 1314
Finf 1   fatores abióticos 8º 1314Finf 1   fatores abióticos 8º 1314
Finf 1 fatores abióticos 8º 1314Sandra Soares
 
Dinâmica dos Ecossistemas
Dinâmica dos EcossistemasDinâmica dos Ecossistemas
Dinâmica dos EcossistemasGabriela Bruno
 
Factores abióticos - luz
Factores abióticos - luzFactores abióticos - luz
Factores abióticos - luzCatir
 
cn_8_factores_abioticos.pdf
cn_8_factores_abioticos.pdfcn_8_factores_abioticos.pdf
cn_8_factores_abioticos.pdfSónia Cardador
 

Mais procurados (20)

Fatores abióticos - água e luz
Fatores abióticos - água e luzFatores abióticos - água e luz
Fatores abióticos - água e luz
 
Factores Abióticos - Luz
Factores Abióticos - LuzFactores Abióticos - Luz
Factores Abióticos - Luz
 
Adaptações dos animais ao meio ambiente
Adaptações dos animais ao meio ambienteAdaptações dos animais ao meio ambiente
Adaptações dos animais ao meio ambiente
 
Factores abióticos
Factores abióticosFactores abióticos
Factores abióticos
 
Fatores abióticos
Fatores abióticosFatores abióticos
Fatores abióticos
 
Biosfera e factores abióticos
Biosfera e factores abióticosBiosfera e factores abióticos
Biosfera e factores abióticos
 
Factores Abióticos - Solo
Factores Abióticos - SoloFactores Abióticos - Solo
Factores Abióticos - Solo
 
Factores Abióticos
Factores AbióticosFactores Abióticos
Factores Abióticos
 
Resumos 8 ano
Resumos 8 anoResumos 8 ano
Resumos 8 ano
 
Factores AbióTicos Luz
Factores AbióTicos LuzFactores AbióTicos Luz
Factores AbióTicos Luz
 
Fatores abióticos - solo e vento
Fatores abióticos - solo e ventoFatores abióticos - solo e vento
Fatores abióticos - solo e vento
 
Dominios ameaçados8ªano
Dominios ameaçados8ªanoDominios ameaçados8ªano
Dominios ameaçados8ªano
 
Influência da água e do solo
Influência da água e do soloInfluência da água e do solo
Influência da água e do solo
 
Ambiente terrestre
Ambiente terrestre Ambiente terrestre
Ambiente terrestre
 
Finf 1 fatores abióticos 8º 1314
Finf 1   fatores abióticos 8º 1314Finf 1   fatores abióticos 8º 1314
Finf 1 fatores abióticos 8º 1314
 
Dinâmica dos Ecossistemas
Dinâmica dos EcossistemasDinâmica dos Ecossistemas
Dinâmica dos Ecossistemas
 
Onde existe vida
Onde existe vidaOnde existe vida
Onde existe vida
 
Factores abióticos - luz
Factores abióticos - luzFactores abióticos - luz
Factores abióticos - luz
 
cn_8_factores_abioticos.pdf
cn_8_factores_abioticos.pdfcn_8_factores_abioticos.pdf
cn_8_factores_abioticos.pdf
 
Fatores abioticos
Fatores abioticosFatores abioticos
Fatores abioticos
 

Semelhante a 8º ano 5.3 (20)

A importância do solo para as comunidades aquáticas
A importância do solo para as comunidades aquáticasA importância do solo para as comunidades aquáticas
A importância do solo para as comunidades aquáticas
 
Apresentação horta
Apresentação hortaApresentação horta
Apresentação horta
 
Macrófitas Aquáticas
Macrófitas AquáticasMacrófitas Aquáticas
Macrófitas Aquáticas
 
Seminario micro solo_macrofauna
Seminario micro solo_macrofaunaSeminario micro solo_macrofauna
Seminario micro solo_macrofauna
 
II. fertilidade moodle
II. fertilidade moodleII. fertilidade moodle
II. fertilidade moodle
 
O solo
O soloO solo
O solo
 
Solo
SoloSolo
Solo
 
Powerpoint Solo
Powerpoint   SoloPowerpoint   Solo
Powerpoint Solo
 
Solo
SoloSolo
Solo
 
II. Fertilidade e fertilizacao solo_Moodle_Slides.ppt
II. Fertilidade e fertilizacao solo_Moodle_Slides.pptII. Fertilidade e fertilizacao solo_Moodle_Slides.ppt
II. Fertilidade e fertilizacao solo_Moodle_Slides.ppt
 
Solos
SolosSolos
Solos
 
Brozura solos bie
Brozura solos bieBrozura solos bie
Brozura solos bie
 
1 3 i
1 3 i1 3 i
1 3 i
 
8 - A. A. Meio Terrestre - 23-11 (1).ppt
8 - A. A. Meio Terrestre - 23-11 (1).ppt8 - A. A. Meio Terrestre - 23-11 (1).ppt
8 - A. A. Meio Terrestre - 23-11 (1).ppt
 
Sucessões ecológicas primarias
Sucessões ecológicas primariasSucessões ecológicas primarias
Sucessões ecológicas primarias
 
Trindade et al. 2010. macrófitas do campus carreiros
Trindade et al. 2010. macrófitas do campus carreirosTrindade et al. 2010. macrófitas do campus carreiros
Trindade et al. 2010. macrófitas do campus carreiros
 
Ambiente das plantas
Ambiente das plantasAmbiente das plantas
Ambiente das plantas
 
37 cleber macrofitas
37 cleber macrofitas37 cleber macrofitas
37 cleber macrofitas
 
Powerpointsolo(2)
Powerpointsolo(2)Powerpointsolo(2)
Powerpointsolo(2)
 
Manguezal
ManguezalManguezal
Manguezal
 

Mais de Nuno Coelho (20)

9º 4.1
9º 4.19º 4.1
9º 4.1
 
9º 3.3
9º 3.39º 3.3
9º 3.3
 
9º 3.1.
9º 3.1. 9º 3.1.
9º 3.1.
 
7º 1.2.
7º 1.2.7º 1.2.
7º 1.2.
 
9º 2.
9º 2.9º 2.
9º 2.
 
7º 1.1.
7º 1.1.7º 1.1.
7º 1.1.
 
7º 4.2.
7º 4.2. 7º 4.2.
7º 4.2.
 
8º 7.2
8º 7.2 8º 7.2
8º 7.2
 
8º 7.1.
8º 7.1. 8º 7.1.
8º 7.1.
 
7º 4.1.
7º 4.1. 7º 4.1.
7º 4.1.
 
7º 3.
7º 3. 7º 3.
7º 3.
 
8º ano 6.2
8º ano 6.28º ano 6.2
8º ano 6.2
 
8º ano 6.1
8º ano 6.18º ano 6.1
8º ano 6.1
 
8º ano 5.4
8º ano 5.4 8º ano 5.4
8º ano 5.4
 
7º 2.3.
7º 2.3. 7º 2.3.
7º 2.3.
 
7º 2.2.
7º 2.2.7º 2.2.
7º 2.2.
 
8º 3.
8º 3.8º 3.
8º 3.
 
7º 1.3.
7º 1.3.7º 1.3.
7º 1.3.
 
F F 8º S T
F F 8º S TF F 8º S T
F F 8º S T
 
F F 8º E A T
F F 8º E A TF F 8º E A T
F F 8º E A T
 

Último

3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...
3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...
3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...apoioacademicoead
 
3 – As principais características de cada tendência pedagógica, na ordem: o p...
3 – As principais características de cada tendência pedagógica, na ordem: o p...3 – As principais características de cada tendência pedagógica, na ordem: o p...
3 – As principais características de cada tendência pedagógica, na ordem: o p...azulassessoriaacadem3
 
ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...
ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...
ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...azulassessoriaacadem3
 
ATIVIDADE 1 - TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO - 51/2024
ATIVIDADE 1 - TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO - 51/2024ATIVIDADE 1 - TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO - 51/2024
ATIVIDADE 1 - TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO - 51/2024excellenceeducaciona
 
Ainda nessa perspectiva, mencione ao menos três desafios associados à aplicaç...
Ainda nessa perspectiva, mencione ao menos três desafios associados à aplicaç...Ainda nessa perspectiva, mencione ao menos três desafios associados à aplicaç...
Ainda nessa perspectiva, mencione ao menos três desafios associados à aplicaç...apoioacademicoead
 
1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...
1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...
1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...azulassessoriaacadem3
 
5. ​Agora suponha que esse mesmo aluno é do sexo feminino, você irá utilizar ...
5. ​Agora suponha que esse mesmo aluno é do sexo feminino, você irá utilizar ...5. ​Agora suponha que esse mesmo aluno é do sexo feminino, você irá utilizar ...
5. ​Agora suponha que esse mesmo aluno é do sexo feminino, você irá utilizar ...azulassessoriaacadem3
 
2. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, sabend...
2. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, sabend...2. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, sabend...
2. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, sabend...azulassessoriaacadem3
 
1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...
1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...
1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...azulassessoriaacadem3
 
4. Agora para analisar os resultados obtidos, você irá utilizar a classificaç...
4. Agora para analisar os resultados obtidos, você irá utilizar a classificaç...4. Agora para analisar os resultados obtidos, você irá utilizar a classificaç...
4. Agora para analisar os resultados obtidos, você irá utilizar a classificaç...azulassessoriaacadem3
 
Domínio da Linguagem Oral Classificação Sílaba Inicial
Domínio da Linguagem  Oral Classificação Sílaba InicialDomínio da Linguagem  Oral Classificação Sílaba Inicial
Domínio da Linguagem Oral Classificação Sílaba InicialTeresaCosta92
 
B) Discorra sobre o que contempla cada uma das cinco dimensões da sustentabil...
B) Discorra sobre o que contempla cada uma das cinco dimensões da sustentabil...B) Discorra sobre o que contempla cada uma das cinco dimensões da sustentabil...
B) Discorra sobre o que contempla cada uma das cinco dimensões da sustentabil...azulassessoriaacadem3
 
2 – A data de implantação de cada tendência pedagógica no Brasil;
2 – A data de implantação de cada tendência pedagógica no Brasil;2 – A data de implantação de cada tendência pedagógica no Brasil;
2 – A data de implantação de cada tendência pedagógica no Brasil;azulassessoriaacadem3
 
Sendo assim, desenvolva um breve texto que possa evidenciar a importância da ...
Sendo assim, desenvolva um breve texto que possa evidenciar a importância da ...Sendo assim, desenvolva um breve texto que possa evidenciar a importância da ...
Sendo assim, desenvolva um breve texto que possa evidenciar a importância da ...excellenceeducaciona
 
Acróstico - Maria da Penha Lei nº 11.340, de 7 de agosto de 2006
Acróstico - Maria da Penha    Lei nº 11.340, de 7 de agosto de 2006Acróstico - Maria da Penha    Lei nº 11.340, de 7 de agosto de 2006
Acróstico - Maria da Penha Lei nº 11.340, de 7 de agosto de 2006Mary Alvarenga
 
1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...
1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...
1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...azulassessoriaacadem3
 
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...azulassessoriaacadem3
 

Último (20)

3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...
3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...
3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...
 
3 – As principais características de cada tendência pedagógica, na ordem: o p...
3 – As principais características de cada tendência pedagógica, na ordem: o p...3 – As principais características de cada tendência pedagógica, na ordem: o p...
3 – As principais características de cada tendência pedagógica, na ordem: o p...
 
ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...
ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...
ATIVIDADE PROPOSTA: Considerando o "estudo de caso" apresentado na disciplina...
 
ATIVIDADE 1 - TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO - 51/2024
ATIVIDADE 1 - TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO - 51/2024ATIVIDADE 1 - TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO - 51/2024
ATIVIDADE 1 - TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO - 51/2024
 
Ainda nessa perspectiva, mencione ao menos três desafios associados à aplicaç...
Ainda nessa perspectiva, mencione ao menos três desafios associados à aplicaç...Ainda nessa perspectiva, mencione ao menos três desafios associados à aplicaç...
Ainda nessa perspectiva, mencione ao menos três desafios associados à aplicaç...
 
1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...
1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...
1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...
 
SANTO AMARO NO LAR VALE FORMOSO _
SANTO AMARO NO LAR VALE FORMOSO         _SANTO AMARO NO LAR VALE FORMOSO         _
SANTO AMARO NO LAR VALE FORMOSO _
 
5. ​Agora suponha que esse mesmo aluno é do sexo feminino, você irá utilizar ...
5. ​Agora suponha que esse mesmo aluno é do sexo feminino, você irá utilizar ...5. ​Agora suponha que esse mesmo aluno é do sexo feminino, você irá utilizar ...
5. ​Agora suponha que esse mesmo aluno é do sexo feminino, você irá utilizar ...
 
2. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, sabend...
2. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, sabend...2. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, sabend...
2. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, sabend...
 
Atividade sobre o anacronismo na HIstoria
Atividade sobre o anacronismo na HIstoriaAtividade sobre o anacronismo na HIstoria
Atividade sobre o anacronismo na HIstoria
 
1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...
1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...
1. Considerando todas as informações que você obteve, descritas acima, calcul...
 
4. Agora para analisar os resultados obtidos, você irá utilizar a classificaç...
4. Agora para analisar os resultados obtidos, você irá utilizar a classificaç...4. Agora para analisar os resultados obtidos, você irá utilizar a classificaç...
4. Agora para analisar os resultados obtidos, você irá utilizar a classificaç...
 
Namorar não és ser don .
Namorar não és ser don                  .Namorar não és ser don                  .
Namorar não és ser don .
 
Domínio da Linguagem Oral Classificação Sílaba Inicial
Domínio da Linguagem  Oral Classificação Sílaba InicialDomínio da Linguagem  Oral Classificação Sílaba Inicial
Domínio da Linguagem Oral Classificação Sílaba Inicial
 
B) Discorra sobre o que contempla cada uma das cinco dimensões da sustentabil...
B) Discorra sobre o que contempla cada uma das cinco dimensões da sustentabil...B) Discorra sobre o que contempla cada uma das cinco dimensões da sustentabil...
B) Discorra sobre o que contempla cada uma das cinco dimensões da sustentabil...
 
2 – A data de implantação de cada tendência pedagógica no Brasil;
2 – A data de implantação de cada tendência pedagógica no Brasil;2 – A data de implantação de cada tendência pedagógica no Brasil;
2 – A data de implantação de cada tendência pedagógica no Brasil;
 
Sendo assim, desenvolva um breve texto que possa evidenciar a importância da ...
Sendo assim, desenvolva um breve texto que possa evidenciar a importância da ...Sendo assim, desenvolva um breve texto que possa evidenciar a importância da ...
Sendo assim, desenvolva um breve texto que possa evidenciar a importância da ...
 
Acróstico - Maria da Penha Lei nº 11.340, de 7 de agosto de 2006
Acróstico - Maria da Penha    Lei nº 11.340, de 7 de agosto de 2006Acróstico - Maria da Penha    Lei nº 11.340, de 7 de agosto de 2006
Acróstico - Maria da Penha Lei nº 11.340, de 7 de agosto de 2006
 
1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...
1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...
1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...
 
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
 

8º ano 5.3

  • 1. 1 Influência da salinidade A salinidade refere-se à quantidade de sais dissolvidos na água. A salinidade exerce um papel importante na distribuição dos seres vivos aquáticos, particularmente os de ambiente marinho. Estes seres vivos têm que manter o seu meio interno com uma concentração estável de sais pelo que possuem estruturas que permitem eliminar o excesso de sal do corpo.
  • 2. 2 Excreção de sais em animais marinhos Influência do solo
  • 3. 3 O tipo de solo condiciona fortemente a existência e o modo de vida dos seres vivos uma vez que é nele que se deslocam ou vivem. Relativamente às características do solo, é de salientar: • quantidade de água e de ar; • textura (composição granulométrica – presença de cascalho, areias ou argila) – condiciona a porosidade e permeabilidade; • porosidade (volume dos poros) e permeabilidade (facilidade com que se deixa atravessar pela água); • composição química, que determina a salinidade e o pH.
  • 4. 4 Os restos de animais e de plantas constituem detritos orgânicos que, em processo de decomposição, originam o húmus. Húmus Adaptações dos animais – Patas largas e almofadadas, com garras fortes ou cascos, permitem a deslocação na rocha, na areia ou no gelo. Animais como os coelhos, as toupeiras, os ratos, os lagartos e as cobras escavam galerias ou procuram tocas no solo para procriarem e protegerem as suas crias.
  • 5. 5 Fungos Minhoca Bichos-de-conta Lesma Caracol BactériasProtistas Larva Ácaros A humidade e a temperatura do solo permitem a sobrevivência de caracóis, lesmas, bichos-de-conta, insetos e aranhas. As minhocas, a par de fungos e bactérias, transformam os restos orgânicos em sais minerais, tornando o solo numa verdadeira central de reciclagem.
  • 6. 6 Adaptações das plantas – Fixas pelas raízes, as plantas estão adaptadas às condições físicas e químicas do solo. Disponibilidade de água Acidez Salinidade 8/8 A produção máxima verificada na parcela C deve-se à presença de ambos os elementos minerais (azoto e fósforo), não atuando qualquer deles como fator limitante.
  • 7. 7 Influência do vento O vento agrava, nos seres vivos, os efeitos das baixas temperaturas e da secura e tem um efeito limitante nas atividades e na distribuição dos indivíduos.
  • 8. 8 Adaptações dos animais – As aves de rapina e as aves marinhas exploram os ventos com grande mestria. Devido ao seu baixo peso, insetos e aranhas podem ser arrastados pelos ventos. Adaptações das plantas – Plantas com caules flexíveis ou com crescimento em almofada estão bem adaptadas ao vento. Em algumas plantas, o vento transporta as sementes para longe.