Que povos queinvadiram a Europaentre os séculos VIIIe X?
Um dos povos mais temidos eram osVIKINGS ou NORMANDOS
queriam expandir a sua fé -o ISLAMISMO queriam expandir oseu IMPÉRIO
Quais os efeitos destanova vaga deinvasões?
Esta segunda vaga de invasões provocou uma crisena actividade agrícola e comercial daEuropaAs zonas de cultivoforam pratic...
= RURALIZAÇÃO daeconomiaECONOMIA DEECONOMIA DESUBSISTÊNCIASUBSISTÊNCIA
= aqui procuramprotecção e segurançanos castelos dos grandessenhores
Em troca de protecção esegurança, os pequenoscamponeses submetem-se aosgrandes senhoresAUMENTA O PODER EPRESTÍGIO DOS GRAN...
SÉCULOS XI, XII eXIII(IDADE MÉDIA)
O casamento real era um contrato ou negócio deestado e a prestação de vassalagem pelos nobresao REI, um ato obrigatório.
A sociedade estava organizada em três grupos sociais,cada um com o seu papel e a sua importância:Clero,nobrezaepovo.
Sociedade organizada com base na posse da terra ena agricultura.
ReiCleroRegulare SecularNobrezaPovoPPovo
 Chefe Militar Juiz Supremo Cunhava moeda Legislador (leis válidas em todo oreino)Recebe impostos do povo nas suaster...
A justiça real
O poder do Rei é hereditário- monarquia hereditária -mas deve ser aceite pelos nobres.A nobreza deve-lhe fidelidade
Corte – Ambiente em que vivia o rei e a sua família(criados e nobres que ajudavam o rei nas funções degoverno e chefia mil...
Cobrança de impostos devidos ao rei
A NOBREZACOMBATIA... A Nobreza, à qualpertencia o rei, era aclasse social maispoderosa, rica eprivilegiada.Desempenhava a...
 Privilegiados Não pagavam impostos Aplicavam justiça e cobravam impostosnas suas terras, concedidas pelo Rei(Senhorios...
As caçadas, os festinsque se lhes seguiam ea administração dassuas terras, OSSENHORIOSocupavam-lhes oresto do tempo.
Castelo ou Paço
 Nos castelos ouresidências senhoriaisacasteladas, os quartoseram amplos e frios e,o mobiliário escasso epouco confortáve...
UM TROVADOR na Idade Média
Damasbordando e fiandoBanquetes
Vestuário
O quarto de uma mulher nobre
Caça
Justas e Torneios
Vivendo do trabalhodaqueles quecultivavam as suasterras, os nobres,quando nãocombatiam,exercitavam assuas capacidadesem to...
CasamentoDançaTrovadores
 Trabalhar na agricultura, pecuária, …. Pagar impostos Servir o Senhor no castelo e na Guerra (serviçomilitar).
A vida quotidiana de um senhorio
 Ligadas aos trabalhos agrícolas Desfolhadas Religiosas Procissões Arraiais
 A sua função social é rezar pela salvação das almas ecuidar da vida espiritual da sociedade. Alto Clero – Nobreza Baix...
 Clero Regular– Vive em Mosteiros Clero Secular Vive nas Catedrais (cidades/concelhos)
 Vive nas cidades e concelhos- Rezar- Proteger os pobres e os enfermos- Ensinar
VEJAMOS ESTE EXEMPLO:
 Rezar Ensinar Cultivar Assistência Pobres Doentes Peregrinos
O mosteiro eraconstituído por váriasdependências :A IgrejaO ClaustroA CozinhaO DormitórioA EnfermariaA AlbergariaA Biblio...
O CLERO REZAVA… O clero era também um grupo socialabastado, e o mais influente junto daspopulações. Para além de assegur...
NESTE PEQUENO VÍDEO EXEMPLIFICA-SE ALGUMASDAS ATIVIDADES NUM MOSTEIRO, NO SÉCULO XIII
Biblioteca - copistasOraçãoEnsino Manuscritos/Iluminuras
O ensino nos conventos
Assistência a doentes,pobres e peregrinosTrabalhar no campoOrdens Militares
A HORA DE REFEIÇÃO NUM CONVENTO
 O rei ou um grande senhor concedia Carta de Foral a uma comunidadede “vizinhos” (“homens bons”) - vilas/cidades - reconh...
 A partir do século XII, com odesenvolvimento do comércio os reiconcederam Cartas de Feira. Atravésdas Feiras o Rei desen...
Carta de FeiraBragançaD. Afonso III
Uma FEIRA MEDIEVAL
 Os habitantes dos concelhos/burgos – osburgueses – estavam agora libertos dodomínio e poder senhoriais, e protegiam-seec...
ComércioArtesanato
 Ofícios Sapateiros Carpinteiros Alfaiates Correeiros Oleiros Pedreiros Padeiros Carniceiros
A importante profissão de ferreiro na idade Média
 Feiras Procissões/Festas Religiosas (…)
Uma festa popular
 Desenvolvimento do Comércio InternoAlmocreves Externo Importações Exportações Burguês – Habitante de uma cidade (bu...
 Fixação das fronteiras – Tratado deAlcanizes Desenvolvimento das vilas (Cartas de Foral e de Feira) Agricultura (flor...
Um serão na corte
Quotidiano na idade média
Quotidiano na idade média
Quotidiano na idade média
Quotidiano na idade média
Quotidiano na idade média
Quotidiano na idade média
Quotidiano na idade média
Quotidiano na idade média
Quotidiano na idade média
Quotidiano na idade média
Quotidiano na idade média
Quotidiano na idade média
Quotidiano na idade média
Quotidiano na idade média
Quotidiano na idade média
Quotidiano na idade média
Quotidiano na idade média
Quotidiano na idade média
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Quotidiano na idade média

4.842 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
4.842
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
8
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
73
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Quotidiano na idade média

  1. 1. Que povos queinvadiram a Europaentre os séculos VIIIe X?
  2. 2. Um dos povos mais temidos eram osVIKINGS ou NORMANDOS
  3. 3. queriam expandir a sua fé -o ISLAMISMO queriam expandir oseu IMPÉRIO
  4. 4. Quais os efeitos destanova vaga deinvasões?
  5. 5. Esta segunda vaga de invasões provocou uma crisena actividade agrícola e comercial daEuropaAs zonas de cultivoforam praticamentedestruídas
  6. 6. = RURALIZAÇÃO daeconomiaECONOMIA DEECONOMIA DESUBSISTÊNCIASUBSISTÊNCIA
  7. 7. = aqui procuramprotecção e segurançanos castelos dos grandessenhores
  8. 8. Em troca de protecção esegurança, os pequenoscamponeses submetem-se aosgrandes senhoresAUMENTA O PODER EPRESTÍGIO DOS GRANDESSENHORES
  9. 9. SÉCULOS XI, XII eXIII(IDADE MÉDIA)
  10. 10. O casamento real era um contrato ou negócio deestado e a prestação de vassalagem pelos nobresao REI, um ato obrigatório.
  11. 11. A sociedade estava organizada em três grupos sociais,cada um com o seu papel e a sua importância:Clero,nobrezaepovo.
  12. 12. Sociedade organizada com base na posse da terra ena agricultura.
  13. 13. ReiCleroRegulare SecularNobrezaPovoPPovo
  14. 14.  Chefe Militar Juiz Supremo Cunhava moeda Legislador (leis válidas em todo oreino)Recebe impostos do povo nas suasterras (reguengos) e nos concelhos
  15. 15. A justiça real
  16. 16. O poder do Rei é hereditário- monarquia hereditária -mas deve ser aceite pelos nobres.A nobreza deve-lhe fidelidade
  17. 17. Corte – Ambiente em que vivia o rei e a sua família(criados e nobres que ajudavam o rei nas funções degoverno e chefia militar – Corte itinerante (Lisboa,Coimbra, Santarém,…)Cortes – Reunião do Rei com a Nobreza, oClero e representantes dos Concelhos (Povo)Para:LANÇAR MOEDAFAZER GUERRA
  18. 18. Cobrança de impostos devidos ao rei
  19. 19. A NOBREZACOMBATIA... A Nobreza, à qualpertencia o rei, era aclasse social maispoderosa, rica eprivilegiada.Desempenhava aquelaque era na época afunção mais relevante- a actividadeguerreira e a defesado território e daspopulações.
  20. 20.  Privilegiados Não pagavam impostos Aplicavam justiça e cobravam impostosnas suas terras, concedidas pelo Rei(Senhorios ou Honras)
  21. 21. As caçadas, os festinsque se lhes seguiam ea administração dassuas terras, OSSENHORIOSocupavam-lhes oresto do tempo.
  22. 22. Castelo ou Paço
  23. 23.  Nos castelos ouresidências senhoriaisacasteladas, os quartoseram amplos e frios e,o mobiliário escasso epouco confortável. Osalão onde a famílianobre comia, recebia eentretinha as visitasera aquecido por umaenorme lareira. Em ocasiõesespeciais, aíorganizavam grandesfestas e banquetes,animados por poetas,trovadores, bobos,
  24. 24. UM TROVADOR na Idade Média
  25. 25. Damasbordando e fiandoBanquetes
  26. 26. Vestuário
  27. 27. O quarto de uma mulher nobre
  28. 28. Caça
  29. 29. Justas e Torneios
  30. 30. Vivendo do trabalhodaqueles quecultivavam as suasterras, os nobres,quando nãocombatiam,exercitavam assuas capacidadesem torneiosdesafiando-seentre si,procurando asvitórias queacrescentavamprestígio e valentiaà sua reputação.
  31. 31. CasamentoDançaTrovadores
  32. 32.  Trabalhar na agricultura, pecuária, …. Pagar impostos Servir o Senhor no castelo e na Guerra (serviçomilitar).
  33. 33. A vida quotidiana de um senhorio
  34. 34.  Ligadas aos trabalhos agrícolas Desfolhadas Religiosas Procissões Arraiais
  35. 35.  A sua função social é rezar pela salvação das almas ecuidar da vida espiritual da sociedade. Alto Clero – Nobreza Baixo Clero – Povo A Igreja, representada por seus membros, possuiDIREITOS SENHORIAIS, podendo cobrar impostos eaplicar a justiça nas suas terras (Coutos).
  36. 36.  Clero Regular– Vive em Mosteiros Clero Secular Vive nas Catedrais (cidades/concelhos)
  37. 37.  Vive nas cidades e concelhos- Rezar- Proteger os pobres e os enfermos- Ensinar
  38. 38. VEJAMOS ESTE EXEMPLO:
  39. 39.  Rezar Ensinar Cultivar Assistência Pobres Doentes Peregrinos
  40. 40. O mosteiro eraconstituído por váriasdependências :A IgrejaO ClaustroA CozinhaO DormitórioA EnfermariaA AlbergariaA BibliotecaA BoticaAs CavesEm redor, situavam-se as terrascultivadas por camponesesque pagavam rendas e
  41. 41. O CLERO REZAVA… O clero era também um grupo socialabastado, e o mais influente junto daspopulações. Para além de assegurar os serviçosreligiosos e a tranquilidade das almas,o clero: Prestava assistência aos doentes Ensinava Copiava e conservava livros edocumentos antigos (monges –copistas, bibliotecários) Praticava a caridade Eram também monges os autores daschamadas Iluminuras.As Iluminuras eram livros escritos epintados manualmente empergaminho, sendo a tinta de ouro umdos elementos decorativos utilizados.
  42. 42. NESTE PEQUENO VÍDEO EXEMPLIFICA-SE ALGUMASDAS ATIVIDADES NUM MOSTEIRO, NO SÉCULO XIII
  43. 43. Biblioteca - copistasOraçãoEnsino Manuscritos/Iluminuras
  44. 44. O ensino nos conventos
  45. 45. Assistência a doentes,pobres e peregrinosTrabalhar no campoOrdens Militares
  46. 46. A HORA DE REFEIÇÃO NUM CONVENTO
  47. 47.  O rei ou um grande senhor concedia Carta de Foral a uma comunidadede “vizinhos” (“homens bons”) - vilas/cidades - reconhecendo-lhesautonomia política e estabelecendo impostos a pagar. Carta de Foral documento que definia os direitos e obrigaçõesdos habitantes do concelho. Assembleia de Homens-Bons Legislativa (leis locais) Judicial (pequenas penas. A pena de morte só o rei decretava)Carta de ForalPelourinhosímbolo da justiça
  48. 48.  A partir do século XII, com odesenvolvimento do comércio os reiconcederam Cartas de Feira. Atravésdas Feiras o Rei desenvolvia o concelhoe recolhia mais impostos. Na maiorparte das vezes, a realização das feirascoincidiam com os festejos de umSanto padroeiro e como tal, tambémera uma ocasião de divertimento. A elaacorriam mercadores (uns de perto,outros vindo de paragens maislongínquas), saltimbancos, jograis,etc…
  49. 49. Carta de FeiraBragançaD. Afonso III
  50. 50. Uma FEIRA MEDIEVAL
  51. 51.  Os habitantes dos concelhos/burgos – osburgueses – estavam agora libertos dodomínio e poder senhoriais, e protegiam-seeconómica e socialmente através docorporativismo
  52. 52. ComércioArtesanato
  53. 53.  Ofícios Sapateiros Carpinteiros Alfaiates Correeiros Oleiros Pedreiros Padeiros Carniceiros
  54. 54. A importante profissão de ferreiro na idade Média
  55. 55.  Feiras Procissões/Festas Religiosas (…)
  56. 56. Uma festa popular
  57. 57.  Desenvolvimento do Comércio InternoAlmocreves Externo Importações Exportações Burguês – Habitante de uma cidade (burgo),comerciante ou artesão que devido à sua riquezase destaca do Povo
  58. 58.  Fixação das fronteiras – Tratado deAlcanizes Desenvolvimento das vilas (Cartas de Foral e de Feira) Agricultura (florestamento, secagem depântanos, …) Cultura (Universidade, literatura, poesia, oportuguês torna-se a língua oficial, …)
  59. 59. Um serão na corte

×