Cefet/Coltec - Extensivo - Aula 23 figuras de linguagem

3.574 visualizações

Publicada em

0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
3.574
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
116
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Cefet/Coltec - Extensivo - Aula 23 figuras de linguagem

  1. 1. Figuras delinguagem
  2. 2. Figura de linguagem é: Uma forma de expressão que consiste no emprego de palavras em sentido figurado, isto é, emsentido diferente daquele em que convencionalmente são empregadas.
  3. 3. Comparação  É a figura de linguagem que consiste em aproximar dois seres emrazão de alguma semelhança existente entre eles, de modo que as características de um sejam atribuídas ao outro, e sempre por meio de um elememto comparativo expresso: como, tal qual, semelhante a, que nem, etc.
  4. 4.  Exemplo: “Meu coração tombouna vida tal qual umaestrela ferida pela flexa deum caçador.” (Cecília Meireles)
  5. 5. Metáfora É a figura de linguagem queconsiste no emprego de umapalavra com sentido que não lhe écomum ou próprio, sendo essenovo sentido resultante de umarelação de semelhança, deintersecção entre dois termos.
  6. 6.  Exemplo: *“O samba é o pai do prazer, O samba é o filho da dor.” (Caetano Veloso) *“Pelos vales de teus olhos de claras águas antigas meus sonhos passando vão.” (Cecília Meireles)
  7. 7. Metonímia É uma figura de linguagem em que consiste na substituição de uma palavra por outra em razãode haver entre elas uma relação de interdependência, de inclusão, de implicação.
  8. 8.  Exemplos: *Conseguiu sucesso comdeterminação e suor. (trabalho) *Para dar brilho,use bombril.(uma palha de aço) *Nunca tive um teto próprio. (casa)
  9. 9. Antítese É a figura de linguagemque consiste no empregode palavras que se opõemquanto ao sentido.
  10. 10.  Exemplo: * “O sonho de um céu e de ummar E de uma vida perigosa Trocando o amargo pelo mel E as cinzas pelas rosas Te faz bem tanto quanto mal Faz odiar tanto quanto querer.” (Charly Garcia)
  11. 11. Paradoxo É a figura de linguagem queconsiste no emprego depalavras que, embora opostasquanto ao sentido, se fundemem um enunciado.
  12. 12.  Exemplo:“Amor é fogo que arde sem se verÉ ferida que dói e não se senteÉ um contentamento descontenteÉ dor que desatina sem doer.” (Camões)
  13. 13. Personifição ou prosopopéia É a figura de linguagem que consiste em atribuir linguagem, sentimentos e ações próprios dos seres humanos a seres inanimados ou irracionais.
  14. 14.  Exemplo: * “Minhas irmãs são belas, são ditosas…. Dorme a Ásia nas sombras volutuosas Dos haréns do Sutão […] * Mas eu, Senhor!…Eu triste,abandonada, Em meio dos desertos esgarrada, Perdida marcho em vão! (Castro Alves)ditosa: feliz, venturosa.Volutuosa: sensual, deleitosa.
  15. 15. Hipérbole É a figura delinguagem que consisteem expressar uma idéiacom exagero.
  16. 16.  Exemplo:“ Queria querer gritarsetecentas mil vezes Como são lindas, comosão lindos os burgueses!” (Caetano Veloso)
  17. 17. Eufemismo É a figura de linguagemque consiste no emprego deuma palavra ou expressão nolugar de outra palavra ouexpressão consideradadesagradável ou chocante.
  18. 18.  Exemplo: “ Quando a indesejada das gentes chegar,(Não sei se dura ou caroável), Talvez eu tenha medo. Talvez sorria, ou diga: — Alô, iniludível! (Manuel Bandeira) caroável: carinhosa, afetuosa, meiga. iniludível: que não se pode iludir.
  19. 19. Ironia É a figura delinguagem que consisteem afirmar o contráriodo que se quer dizer.
  20. 20.  Exemplo: “Nunca conheci quem tivesse levadopancada. Todos os meus conhecidos têm sidocampeões em tudo. […] Arre, estou farto de semideuses! Onde é que há gente no mundo?” (Fernando Pessoa)
  21. 21. EXERCÍCIO DE FIXAÇÃO01. (VUNESP) No trecho: “... dão um jeito de mudar o mínimo para continuar mandando o máximo", a figura delinguagem presente é chamada:       a) metáfora      b) ironia      c) metonímia      d) antítese 02. (PUC - SP) Nos trechos: "O pavão é um arco-íris de plumas" e “... de tudo que ele suscita e esplende e estremecee delira..." enquanto procedimento estilístico temos, respectivamente:       a) metáfora e polissíndeto      b) comparação e repetição      c) metonímia e aliteração      d) hipérbole e metáfora 03. (PUC - SP) Nos trechos: “... nem um dos autores nacionais ou nacionalizados de oitenta pra lá faltava nas estantesdo major" e “... o essencial é achar-se as palavras que o violão pede e deseja" encontramos, respectivamente, asseguintes figuras de linguagem:       a) prosopopéia e hipérbole      b) hipérbole e metonímia      c) metáfora e hipérbole      d) metonímia e prosopopéia 04. (VUNESP) Na frase: "A auto-estima é uma ponte para o sucesso", encontramos a figura de linguagem chamada:      a) metonímia      b) personificação      c) metáfora      d) ironia 05. (ITA) Em qual das opções há erro de identificação das figuras?      a) “A neblina, roçando o chão, cicia, em prece”. (prosopopéia)      b) “Ele embarcou numa canoa furada”. (metonímia)      c) "E fria, fluente, frouxa claridade / Flutua..." (aliteração).      d) "Seus olhos são como estrelas cintilantes." (comparação).
  22. 22. 06. Na expressão “A natureza parece estar chorando.” temos: a) antítese b) polissíndeto c) ironia d) personificação 07. Em qual dos casos a seguir uma figura de linguagem foi classificada de forma incorreta: a) “A terra inteira chorou a morte do santo pontífice.” – METÁFORA. b) “Traduzir Homero para o português não é fácil.” – METONÍMIA. c) “Mas a poesia deste momento inunda a minha vida inteira” - PROSOPOPÉIA d) “Incêndio em mares de água disfarçado! Rio de neve em fogo convertido”– ANTÍTESE 08. (FEBA - SP) Assinale a alternativa em que ocorre aliteração:  a) "Água de fonte... água de oceano... água de pranto”. (Manuel Bandeira) b) "A gente almoça e se coça e se roça e só se vicia." (Chico Buarque). c) "Ouço o tique-taque do relógio: apresso-me então." (Clarice Lispector). d) "Minha vida é uma colcha de retalhos, todos da mesma cor." (Mário Quintana).                            09. Na frase: “Os ladrões roubaram um Portinari e um Segal” temos a mesma figura de linguagem daopção:a) "Lá fora, a noite é um pulmão ofegante." (F. Namora).b) "Cai a tinta da treva sobre o mundo." (Dante Miliano).c) Toda profissão tem seus espinhos.d) O trono estava abalado10. (FATEC) "Seus óculos eram imperiosos." Assinale a alternativa em que aparece a mesma figura delinguagem que há na frase acima:  a) "As cidades vinham surgindo na ponte dos nomes.”. b) "Nasci na sala do 3° ano.”. c) "O bonde passa cheio de pernas.”. d) "O meu amor, paralisado, pula.”.

×