Os tipos de discurso

26.003 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
12 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
26.003
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1.583
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1.089
Comentários
0
Gostaram
12
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Os tipos de discurso

  1. 1. OS TIPOS DE DISCURSO Prof.: Carol Loçasso Pereira
  2. 2. DISCURSO DIRETO <ul><li>A fala da personagem é reproduzida integralmente. </li></ul>- Que crepúsculo fez hoje! – disse-lhes eu.
  3. 3. <ul><li>Nessa estrutura, em geral, as falas são acompanhadas por um verbo de elocução – dizer, falar, responder, perguntar, etc. – seguido de dois pontos. </li></ul>E Carlos, indignado, gritou: - Onde estão todos???
  4. 4. <ul><li>O conteúdo da fala sempre funciona como objeto direto do verbo de elocução. </li></ul>O homem gritou : -> (o quê?) verbo transitivo direto - Onde estão todos ??? -> ( objeto direto)
  5. 5. <ul><li>O recurso gráfico utilizado para atribuir a autoria da fala a outrem, que não o produtor do texto, são as aspas ou o travessão . </li></ul>
  6. 6. O discurso direto pode ser transcrito: <ul><li>a) Após dois-pontos, sem verbo de elocução(utilizado para introduzir discursos): </li></ul>E, para o promotor, o processo não vem correndo como deveria: “Às vezes sinto morosidade por parte do juiz”.
  7. 7. <ul><li>b) Após dois-pontos, com verbo de elocução: </li></ul>E o promotor disse : “ Às vezes sinto morosidade por parte do juiz ”.
  8. 8. <ul><li>c) Após dois-pontos, com travessão: </li></ul>E Carlos, indignado, gritou: - Onde estão todos???
  9. 9. <ul><li>d) Após ponto, com verbo de elocução após a citação: </li></ul>E, para o promotor, o processo não vem correndo como deveria. “Às vezes sinto morosidade por parte do juiz”, declarou .
  10. 10. DISCURSO INDIRETO <ul><li>Por meio do discurso indireto, a fala do personagem é filtrada pela do narrador (você, no caso). Não mais há a transcrição literal do que o personagem falou, mas a transcrição subordinada à fala de quem escreve o texto. </li></ul>
  11. 11. <ul><li>No discurso indireto, utiliza-se, após o verbo de elocução, a oração subordinada (uma oração que depende da sua oração) introduzida, geralmente, pelas conjunções que e se , que podem estar elípticas (escondidas). </li></ul>
  12. 12. Fala do personagem : “ Eu não quero mais trabalhar”. Discurso indireto : Pedro disse que não queria mais trabalhar.
  13. 13. Fala do personagem : “ Eu não roubei nada deste lugar”. Discurso indireto : O acusado declarou à imprensa que não tinha roubado nada daquele lugar.
  14. 14. <ul><li>Você notou que, na transcrição indireta do discurso, há modificações em algumas estruturas gramaticais, como no tempo verbal (quero, queria; roubei, tinha roubado), nos pronomes (deste, daquele), etc. </li></ul>
  15. 15. Tabela de transposição do discurso direto para o indireto
  16. 16. <ul><li>Verbo no presente do indicativo (discurso direto). </li></ul><ul><li>- Não bebo dessa água – afirmou a menina </li></ul><ul><li>Verbo no pretérito imperfeito do indicativo (discurso indireto). </li></ul><ul><li>A menina afirmou que não bebia daquela água. </li></ul>
  17. 17. <ul><li>Verbo no pretérito perfeito (discurso direto). </li></ul><ul><li>Perdi meu guarda-chuva – disse ele. </li></ul><ul><li>Verbo no pretérito mais-que-perfeito (discurso indireto). </li></ul><ul><li>Ele disse que perdera seu guarda-chuva. </li></ul><ul><li>Ele disse que tinha perdido seu guarda-chuva. </li></ul>
  18. 18. <ul><li>Verbo no futuro do indicativo (discurso direto). </li></ul><ul><li>Ele confessou: </li></ul><ul><li>- Irei ao jogo. </li></ul><ul><li>Verbo no futuro do pretérito (discurso indireto) </li></ul><ul><li>Ele confessou que iria ao jogo. </li></ul>
  19. 19. <ul><li>Verbo no imperativo (discurso direto) </li></ul><ul><li>- Aplaudam ! – ordenou o diretor </li></ul><ul><li>Verbo no pretérito imperfeito do subjuntivo (discurso indireto) </li></ul><ul><li>O diretor ordenou que aplaudíssemos . </li></ul>
  20. 20. DISCURSO INDIRETO LIVRE
  21. 21. <ul><li>Esse tipo de citação exige muita atenção do leitor, porque a fala do personagem não é destacada pelas aspas, nem introduzida por verbo de elocução ou travessão . A fala surge de repente, no meio da narração, como se fossem palavras do narrador. Mas, na verdade, são as palavras do personagem, que surgem “atrevidas”, sem avisar a ninguém. </li></ul>
  22. 22. <ul><li>Ela já não sabia o que fazer. Estava desesperada, com a fome encarrapitada. Que fome! Que faço? Mas parecia que uma luz existia… </li></ul>
  23. 23. <ul><li>“ Como nas noites precedentes, uma fila de agricultores se formou na porta de uma padaria e o padeiro saiu a informar que não havia pão. Por quê? Onde estava o pão? O padeiro respondeu que não havia farinha. Onde então estava ela? Os agricultores invadiram a padaria e levaram o estoque de roscas e biscoitos, a manteiga e o chocolate.” </li></ul>

×