1188255227 384.medidas de_proteccaoo_e_prevencao

1.344 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.344
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
407
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
25
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

1188255227 384.medidas de_proteccaoo_e_prevencao

  1. 1. De acordo com uma definição dada em 1950 por um comité misto OIT-OMS :" A Medicina no trabalho tem como objectivo promover e manter o mais elevado nível de bem estar físico, mental e social dos trabalhadores de todas as profissões, de prevenir todos os prejuízos causados à saúde destes devidos seu ao seu trabalho, de os proteger de agentes prejudiciais à sua saúde, de colocar e manter os trabalhadores num emprego adaptado às suas capacidades fisiológicas e psicológicas. Em suma, de adaptar o trabalho ao homem e cada homem à sua tarefa". Para complementar este trabalho é necessário compreender os processos industriais, medir e quantificar os tóxicos (gases, poeiras, vapores...) para conhecer as suas consequências sobre a saúde e dessa forma poder controlá-las. Esta tarefa ultrapassa a competência científica da medicina no trabalho, sendo desta necessidade que uma ciência nova nasce: a Higiene no Trabalho. A Medicina no trabalho
  2. 2. Ginástica laboral é a prática voluntária de actividade física, realizada pelos trabalhadores colectivamente, no próprio local de trabalho, durante a sua jornada diária, visando melhorar a condição física do trabalhador. Tem como objectivo fortalecer determinadas musculaturas muito exigidas durante a jornada de trabalho, o que faz prevenir problemas posturais e lesões que, além de trazerem riscos aos funcionários, representam custos operacionais para a empresa. Esta ginástica não leva o trabalhador ao cansaço, por ser de curta duração. A ginástica laboral contribui para a prevenção e recuperação das chamadas "doenças do trabalho" (LER e DORT) promovendo o bem estar e melhorando as relações inter-pessoais.
  3. 3. Existem três tipos de exercícios na ginástica laboral: os preparatórios (antes de começar a trabalhar), os compensatórios (no meio do horário de trabalho) e os de relaxamento (no final do dia). Todos misturam os mesmos movimentos com intensidades diferentes. O tempo para realizar os exercícios é curto, apenas dez minutos, mas segundo os especialistas, é o suficiente para causar bons efeitos. Além de prevenir as lesões causadas por esforços repetitivos, essa ginástica é uma porta de entrada para que as pessoas se consciencializem sobre a necessidade do exercício. Outra vantagem desse tipo de exercício é que quem trabalha num escritório o dia inteiro costuma ter uma concentração muscular acentuada. E os alongamentos fazem os músculos relaxarem-se e voltarem ao normal. A postura de contracção gera os processos inflamatórios e sem exercício, o problema torna-se crónico. Cada movimento deve ser feito durante dois minutos. E lembre-se: os joelhos devem estar sempre flexionados para evitar sobrecargas. Caso tenha algum problema específico ou dores constantes nas articulações, costas, ombros, pescoço ou pernas, não faça os movimentos sem aconselhamento médico.
  4. 4. Benefícios Para Empresa Redução do índice de absentísmo Maior protecção legal Aumento dos lucros Diminuição dos acidentes de trabalho, com prevenção de doenças profissionais Reflexão na capacidade de produção / produtividade Integração dos trabalhadores Baixo custo de implantação do programa Funcionamento da acção como política de RH Acompanhamento do médico da empresa ou RH Reduzir acidentes de trabalho e ou afastamento do trabalhador da empresa Para o trabalhador Fisiológicos Prevenir a D.O.R.T. / L.E.R. Prevenir lesões Diminuir tensões generalizadas e relaxar Amenizar fadiga muscular e emocional Prevenir o stress Melhorar a postura Melhorar a condição do estado de saúde geral
  5. 5. Psicológicos Reforçar a auto estima Aumento da capacidade de concentração no ambiente de trabalho Conquista do momento destinado a ele Valorização do funcionário ( homem / profissional ) Sociais Melhorar o relacionamento interpessoal Melhorar a comunicação interna Participação activa nas palestras debates e dinâmica de grupo
  6. 6. Sobre a ginástica laboral a primeira notícia que se encontra é uma pequena brochura editada na Polônia em 1925, onde foi chamada também de Ginástica de Pausa. Era destinada a operários e alguns anos depois surgiu na Holanda e Rússia. No início dos anos 60 surgiu também na Bulgária, Alemanha, Suécia e Bélgica. No Japão na década de 60 ocorreu a consolidação e a obrigatoriedade da G.L.C. - Ginástica Laboral Compensatória. No Brasil o esforço pioneiro residiu numa proposta de exercícios baseados em análises biomecânicas. Esta proposta foi estabelecida pela escola de Educação de FEEVALE no ano de 1973, quando se elaborou o projeto de Educação Física Compensatória e Recreação. E infelizmente, não foi encontrado material de continuidade deste trabalho.
  7. 7. Sentado ou em pé, imagine sua coluna cervical sendo alongada. Você força seus ombros para baixo e seu pescoço para cima Faça o mesmo exercício com inclinação de 45 graus para a direita e para esquerda bem lentamente. Abrindo os braços lateralmente, promova movimentos de circunvolução dos ombros alterando os sentidos horário e anti-horário. Movimente os ombros para frente e para trás, sem mover o pescoço e a cabeça
  8. 8. Despertar Eleve os braços para cima e espreguice-se, assim estará a mobilizar os músculos na região dorsal e peitoral Exercitar Realize movimentos horizontais com a cabeça para evitar dores na nuca no final do dia Lubrificar Esfregue uma mão na outra para trabalhar a articulação do punho, assim evita-se inflamações no local Esticar Alongue o braço, colocando a palma da mão na parede e o corpo centralizado Movimentar Erga os joelhos flexionados, fazendo movimentos circulares Alongar Coloque os braços para baixo, em direcção aos pés para aliviar a tensão na região lombar
  9. 9. Dicas de Postura A má postura causa dor: Ande o mais erecto possível. Imagine que alguém está puxando seu cabelo para cima. Encaixe os ombros para trás, endireitando o seu corpo. Olhe acima do horizonte ao andar. As pessoas que trabalham em escritório: devem evitar colocar objectos pesados ou documentos em gavetas que estejam muito próximos do chão. Atenção ao telefone! Evite torção de tronco ao ter que atender as chamados telefónicas.
  10. 10. Atenção quando levantar pesos: Modo incorrecto. Evite dobrar o tronco. Modo correcto. Tronco erecto e peso junto ao corpo. Modo correcto. Dobrar os joelhos, tronco erecto.
  11. 11. Todos os exercícios devem ser feitos na posição sentada, com os pés bem apoiados no chão. A coluna deve estar afastada do encosto ou espaldar e erecta! A duração de cada exercício é de 30 segundos e devem ser repetidos três vezes para cada membro Exercícios de Alongamento B1-Pescoço Ficar na posição sentada, sem encostar a coluna, mantendo-a direita. Inclinar a cabeça para o lado, puxando-a com uma das mãos. Manter o outro braço esticado e com a mão em extensão.
  12. 12. B2-Ombro Puxar com uma das mãos o cotovelo até sentir alongar a região posterior do ombro
  13. 13. B3- Estender de Punho Manter um dos braços estendidos. Dobrar o punho para baixo com o auxílio da outra mão. Repetir o mesmo com a outra mão
  14. 14. B4-Punho Flexionar o polegar e segurá-lo com os dedos e realizar um movimento de desvio para baixo
  15. 15. Exercícios de Aquecimento A-1 Relaxe os músculos do pescoço Incline a cabeça para a esquerda, para a direita, para frente e para trás. Mantenha cada posição por alguns segundos.
  16. 16. A-2 Rolagem de Ombro Com os braços soltos e com as mãos apontadas para baixo, execute um movimento giratório nos ombros para frente, por três vezes, e para trás, por três vezes
  17. 17. A-3 Rotação de Antebraço. Levante os braços estirados, com as palmas das mãos voltadas para cima, até a altura dos ombros. Gire os braços lentamente para dentro até que o dorso das mãos fiquem de frente um para o outro. Gire os braços novamente, retornando-os à posição inicial
  18. 18. A-4 Rotação dos punhos Com os braços direitos e para os lados, gire lentamente as mãos em círculo, trabalhando os punhos
  19. 19. A-5 Alongamento e compressão dos dedos Com as mãos para frente e as palmas voltadas para baixo, estire os dedos o tanto quanto puder, mantenha- os nessa posição por alguns segundos; em seguida feche as mãos com força.
  20. 20. A-6 Flexões das pontas dos dedos Com a mão direita estendida, dedos juntos e palma voltada para baixo, force os dedos contra a palma da mão esquerda, mantenha a posição por alguns segundos e solte-os suavemente. Repita as flexões nos dedos da outra mão e assim por diante.
  21. 21. www.jornalonorte.com.br/.../ atitude/?escritorio http://www.cdof.com.br/gl1.htm http://www.ishst.pt/ http://www.ipv.pt/millenium/ect7_etl.htm http://www.mni.pt/destaques/? cod=7032&MNI=b47fe839a3549008d40148fe8482195f www.wk.com.br/.../conteudo/ 577/GinLaboral.html http://tsf.sapo.pt/online/radio/interior.asp?id_artigo=TSF107331
  22. 22. Errado. Quem usa o teclado ao lado do computador tende a inclinar o corpo para ler o que escreve, deixando a coluna torcida por muito tempo. Em poucas horas sentirá os sintomas de dor nas costas e irritação com o trabalho. Certo. A posição correcta do monitor é na frente do corpo e, se possível, a parte superior deve estar alinhada à altura dos olhos. Desta forma a coluna fica recta e não sobrecarrega nenhum músculo do corpo.
  23. 23. Errado. Cadeira sem encosto é ruim, mas ficar deitado é péssimo. A pessoa acha que está relaxada quando na verdade está a fazer um mal terrível à região lombar. Acaba por se tornar um ciclo vicioso: quando mais se tenta relaxar desta forma, mais aumentam as dores na coluna. Certo. A forma correcta de sentar é estar com as nádegas encostadas (com os dois ossinhos alinhados) e com as costas apoiadas na cadeira. A posição relaxa sem causar tensão na coluna.
  24. 24. Errado. O cotovelo não pode estar abaixo da linha do pulso. Dessa forma a região fica sobrecarregada e os dedos acabam por fazer uma força extra para apertar o rato. A maioria dos casos de tendinite no pulso é causada por esse costume errado. Certo. O pulso deve estar a 90 º do cotovelo, se possível um pouco abaixo. Nesse caso, o cotovelo deve estar apoiado e o ombro relaxado para não causar nenhum problema.
  25. 25. Errado. Não adianta estar sentado na posição correcta se os pés não alcançam o chão. O corpo fica sem apoio dessa forma. Certo. Sentar com as costas e nádegas apoiadas e com os pés no chão é a melhor forma para trabalhar. Caso não alcance o chão, procure um suporte ou até uma lista telefónica para dar estabilidade ao corpo .
  26. 26. O computador, por si só, não é responsável por nenhuma doença física ou psicológica. Cabe ao utilizador adoptar hábitos saudáveis.
  27. 27. Queres testar os teus conhecimentos e jogar connosco o jogo do Certo ou Errado? Então basta que observes as imagens e digas quais as posturas correctas e quais as posturas incorrectas frente ao computador. O Prémio deste jogo? No final verás!!!
  28. 28. Se erraste algumas das questões que te colocamos, então deves informar-te melhor acerca da postura mais correcta em frente ao computador. Se acertaste em todas as questões colocadas, então PARABÉNS! Ganhaste um prémio! Qual é???
  29. 29. - O monitor deve estar com sua parte superior ao nível dos olhos do usuário - A distância entre o monitor e o operador deve ser equivalente à extensão do braço - O monitor deve ser ajustado para não permitir reflexos da iluminação do ambiente - Os pés devem estar apoiados no chão ou em um suporte - Os pulsos deverão estar relaxados, porém sem estarem flexionados Utilização Correcta de um Monitor: - Se há entrada de dados, deve ser usado um suporte para documentos, para evitar os movimentos repetidos do pescoço - O usuário deve fazer pausas regulares para descanso, levantar, caminhar e exercitar os pulsos e pescoço com movimentos de flexão e extensão.
  30. 30. - Optar por um monitor LCD é mais aconselhável para os olhos - Pestanejar ajuda a manter os olhos lubrificados. - Trocar o foco dos olhos é aconselhável para relaxar os músculos oculares. Para isso pode-se focar a ponta dos dedos com o braço estendido para frente, depois olhar para um ponto distante. Voltar a olhar para a ponta dos dedos. - Usar também a palma das mãos para aliviar a fadiga ocular cobrindo os olhos com a palma da mão e respirando profundamente. Dicas para descansar os olhos:
  31. 31. - A altura do teclado deve poder ser regulável - Ajuste-o até que fique no nível da altura dos seus cotovelos - Durante a digitação é importante que o punho fique neutro (recto) - Mantenha o teclado sempre na posição mais baixa e digite com os braços suspensos ou use um apoio de punho Como Utilizar um Teclado:
  32. 32. - Usar alternativamente os diferentes dispositivos, como o rato e o teclado; - Pressionar suavemente os botões do rato; - Manter o rato perto do teclado para reduzir o movimento desde o ombro; - Se usa com mais frequência o rato que o teclado, desviar um pouco o teclado para mais facilmente manusear o rato na área mais favorável. Como Usar o Rato:
  33. 33. - O corpo deve conter um suporte pleno em qualquer posição sentada; - As vértebras devem ser suportadas nos seus pontos estratégicos; - As costas devem ser apoiadas até ao topo, para evitar a tensão dos músculos; - Uma maior superfície de apoio, garante uma melhor distribuição do peso corporal, e um melhor relaxamento da musculatura; - É recomendável ainda, que as cadeiras não tenham braços (o apoio deve estar nas mesas, para garantir um apoio correcto) e o revestimento deve ser macio e com forro em tecido rugoso. - Os pés devem estar completamente apoiados; Posição Correcta de sentar:
  34. 34. - A altura do assento deve permitir a formação de um ângulo recto das coxas com as pernas; - A região renal deve estar completamente apoiada no encosto; - O assento deve apresentar depressões para evitar que o peso da perna pressione os vasos sanguíneos, estrangulando-os; - As cadeiras devem poder ser reguláveis para serem compatíveis com a população.
  35. 35. A Cadeira Ideal Pontos anatómicos Benefícios Mola amortecedora Evita impactos bruscos na base da coluna. Tais movimentos podem ocasionar dores de cabeça, problemas de coluna e de visão. A mola amortecedora é utilizada em todos os modelos projectados à função de trabalho.Regulação da altura do assento Tem por função possibilitar a formação de ângulo recto (90º) entre coxas e pernas, dando liberdade a circulação sanguínea. Os pés devem permitir um apoio ao solo ou em outra formação semelhante. Bordas arredondadas do assento Evitam o estrangulamento dos vasos sanguíneos, impedindo a ocorrência de formigueiros causados pela dormência nas pernas, consequentes dores e o possível surgimento de varizes. Escavação do assento De formação anatómica visando o apoio às tuberosidades isquiáticas, proporcionando melhor ventilação e melhor distribuição de peso, obtendo perfeita circulação sanguínea na região. Ângulos de curvatura do encosto Também moldado anatomicamente, possibilitando apoio à região renal, favorecendo a distribuição de peso do tronco, evitando o surgimento de dores nos rins e na coluna vertebral.
  36. 36. Dividir em três partes a área de trabalho: - Zona de trabalho principal – a distância do cotovelo até à mão, ou a zona de mais fácil alcance. Usar esta zona para colocar os objectos que se usam com mais frequência. - Zona secundária de trabalho – a distância do braço estendido sem esforço. Usar esta zona para colocar elementos que se usem com alguma frequência. - Zona de apoio/ arquivo – superior à distância alcançada pelos braços. Usar esta zona para os objectos que menos se utilizem. Organizar a mesa de trabalho:
  37. 37. Fátima Cunha Renata Feitor Samuel Monteiro
  38. 38. Trabalhar com um computador pode não ser considerada uma profissão de risco, mas quem passa um dia inteiro em frente a um monitor e não respeita as “Leis da Ergonomia”, está a correr alguns riscos.
  39. 39. - As doenças musculares LER – Lesão por Esforços Repetitivos ou DOR – Doenças Osteomusculare Relacionadas ao Trabalho; - Cansaço Físico; - Dores musculares; - Alteração dos sono; - Doenças nervosas; - Ansiedade; - Problemas de coluna; - Aparecimento de varizes; - Depressão e Stress; - Dores de cabeça; - Irritação nos olhos; - Miopia; - ...
  40. 40. - Uma postura incorrecta; - Mobiliário impróprio; - Ritmos excessivos; - Jornadas de trabalho prolongadas; - Monotonia e Repetitividade; - ... Tudo isto e outros factores influênciam a produtividade do trabalhador e prejudicam a sua saúde.
  41. 41. Para evitar estes problemas e outros temos de dar mais atenção a pequenos pormenores como uma postura correcta, não estar demasiado tempo seguido em frente ao monitor, movimentar as pernas e as mãos, fazendo pequenos exercícios, etc.... Pequenas alterações no nosso comportamento podem fazer uma grande diferença na nossa saúde.
  42. 42. Inês Tomás G. Sérgio Costa

×