SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 7
ESCOLA DE EDUCAÇÃO BÁSICA
                     Melo e Alvim




                     SOFTWARE LIVRE NA ESCOLA:
                         “O Linux Educacional”




                              Herval D' Oeste, SC 2012.


Introdução
      Estamos em uma era onde a cada momento surgem inúmeras especializações e infinitas
informações. A capacidade humana está distante de poder abarcar todo o saber elaborado. O homem
formado com a expectativa de encontrar cada vez mais certezas e estabilidades.
       Hoje a sociedade solicita um homem que saiba trafegar não só pelos meandros de uma área
específica, mas que também não se inibe com a incerteza e velocidade das transformações da
técnica. Os dias atuais tornaram-se globalizado e altamente tecnológicos, fazendo surgir uma
competição quase selvagem entre as nações que demanda cada vez mais apenas pessoas
qualificadas, tanto culturalmente como em escolaridade formal.
       As habilidades exigidas são cada vez mais sofisticadas. Devido a estas dificuldades, a
educação é mais do que nunca um dos pilares para a construção de qualquer sociedade que pretenda
ser desenvolvida. Pesquisadores que investigam o uso de computadores na educação alegam que a
informática possui uma ação positiva para o desenvolvimento da capacidade cognitiva e provoca
um rompimento da relação vertical entre alunos e professor da sala de aula tradicional, fazendo do
aprendizado uma experiência mais cooperativa mais segura e prazerosa. As radicais transformações
da informática nos anos noventa reforçaram ainda mais a adoção dessa tecnologia nos meios
educacionais
       Nesta perspectiva os Laboratórios de Informática tem como função promover o
desenvolvimento e o uso pedagógico das tecnologias de informática como ferramenta para nortear
um processo de inovação em todos os sentidos, dentro do ambiente escolar, visando melhorar a
qualidade do ensino-aprendizagem, propiciando aos educando uma educação voltada para o
progresso científico e tecnológico, preparando-os para o exercício da cidadania numa sociedade
desenvolvida.
       Contudo, vale ressaltar que o uso das tecnologias na escola não se restringe somente ao uso
do computador, ou informatização do ensino, nem tampouco ao puro ensino de informática, mas,
deverá proporcionar a construção do conhecimento, uma vez que possibilitam o trabalho com
projetos à resoluções de situações problemas.
       A Informática não se constitui em uma disciplina, desta forma, ela deve ser utilizada nas
mais diversas disciplinas numa perspectiva interdisciplinar, através de projetos de aprendizagem.
       Partindo desses princípios com a utilização da sala de informática, procuraremos melhorar a
qualidade de ensino da referida escola, a fim de que os alunos sintam-se motivados a aprender a
utilizar os recursos de multimídia de forma adequada e colaborativa, buscando o bem estar e a
qualificação dos educando.
Justificativa
       O mundo tecnológico cresce rápido e continuamente. É imprescindível o uso das Novas
Tecnologias da Informação e Comunicação, na formação humana e na Educação como recurso
metodológico. De acordo com a realidade escolar, temos a pretensão de propor aos alunos que no
momento apresentam dificuldades de aprendizagem, atividades pedagógicas de cunho recreativa,
lúdico com o auxílio das mídias.
       O Projeto SOFTWARE LIVRE NA ESCOLA: “O Linux Educacional” visa dar uma
resposta às necessidades dos alunos da Escola de Educação Básica Melo e Alvim para que possam
enfrentar com coragem e eficiência os novos desafios impostos pelas novas tecnologias.
Pretendemos contribuir para que os mesmos possam ampliar seus conhecimentos, como cidadãos
responsáveis, ensinando-os a utilizar a tecnologia para o acesso à informação.


Objetivo Geral
      Proporcionar aos educando uma aprendizagem significativa, midiatizada pelo diálogo, pela
       troca de experiência e pelo computador enquanto ferramenta de aprendizagem, sem perder
       de vista o valor de outras fontes de leitura e pesquisa.
      Fazer bom uso dos recursos tecnológicos na perspectiva de inclusão dos componentes, da
       própria Informática, com conteúdos significativos que contribuam para o melhor
       crescimento intelectual do aluno, auxiliando os alunos com necessidades especiais
       facilitando seu desenvolvimento nas diversas literaturas, imagens e concepções de mundo
       real e virtual;
      Contribuir para o crescimento intelectual do aluno, dinamizando os conteúdos trabalhados
       em sala de aula facilitando seu desenvolvimento nas diversas áreas de conhecimento e
       concepções de mundo.


Objetivos específicos


      Desenvolver atitudes de cooperação e participação na elaboração das tarefas.
      Perceber a dinâmica de elaboração e apresentação de tarefas utilizando os recursos da
       informática.
      Conhecer sites de busca nas diversas áreas de educação.
      Produzir atividades utilizando: Apresentação eletrônica (impress), editor de texto (writer),
       planilha eletrônica (calc), vídeos, além de fazer uso da Internet para pesquisa e publicações e
       outras atividades que a informática proporciona.
      Compreender e respeitar o regulamento para o bom funcionamento do laboratório de
       informática;
      Proporcionar ambiente para Interação entre educando e professores;
      Elencar o conhecimento prévio do aluno quanto ao uso do computador na prática;
      Identificar os hardware e software do computador;
     Conhecer o sistema operacional Linux e sua funcionalidade;
       Utilizar arquivos nos micros para trabalhar a leitura e a escrita;
       Desenvolver a coordenação motora dos alunos em fase de alfabetização;
       Aprimorar os conhecimentos dos alunos quanto às características da linguagem atual.
       Desenvolver a percepção visual e auditiva a partir de vídeos animados.
       Desenvolver habilidades para abrir pastas, salvar documentos, formatar texto, usar atalhos
        inserir tabela etc.
       Discutir a questões de direitos autorais, a fim de sensibilizar os alunos para a
        responsabilidade ao disponibilizar do material da Internet e outras mídias;
       Aprimorar os conhecimentos dos alunos quanto às características da linguagem virtual atual;
       Desenvolver nos alunos habilidades de pesquisa e investigação;


Ações
        O professor (a) possibilitará ao educando através do uso de várias técnicas que podem ser:
        Aulas expositivas, dialogadas, trabalhos individuais em grupo e estudos de textos e vídeos.


Metodologia


       Aulas expositivas com apresentação do sistema operacional Linux;
       Sensibilização das turmas com a apresentação de projetos que podem ser trabalhados em
        sala;
       Propor uma relação/comparação entre os conteúdos abordados em sala com os de pesquisa
        na internet;
       Pesquisa nos sites de busca (google, wikipedia, yahoo e outros) com a intenção de obter
        informações para aquisição do conhecimento.
       Estudo em grupo para elaboração dos trabalhos;
       Produção de textos, Historia em quadrinhos, caça-palavras, Folder no aplicativo Writer a
        partir das pesquisas e conteúdos abordados em sala.
       Elaboração de slides (Impress) com exposição dos dados e conteúdos estudados;
       Desenvolver melhor a linguagem oral e escrita, através do uso das ferramentas do
        computador. Utilizamos os programas do Writer, Impress, Calc, KolourPaint, e a Internet.
       Atividades desenvolvidas estão em relevância com as atividades desenvolvidas em sala de
        aula.
       Orientar sobre as normas básicas do uso do Linux. Apontar as ferramentas de produtividade
        do BR-OFFICE, Produção de textos, planilhas, Impress, calc...
    Utilizar o Br-office Writer como ferramenta de aquisição de pensamento. Salvar em pastas
        os conceitos elaborados Compreensão e significação dos conteúdos;
       Utilizar o Impress como ferramenta de apresentação de produção dos diversos
        conhecimentos adquiridos e assimilados; Criar formas variadas de apresentação de slides;
       Usar a máquina fotográfica como um instrumento de pesquisa, registro e aliados na
        aprendizagem. Reforçar a importância de nomear pastas para facilitar a busca, quando
        necessário; aprender a capturar imagens e salvá-las em pastas;
        Desenvolver nos alunos competências em estudos na Internet, com propósitos educativos de
        leitura, jogos, vídeos, postagem no blog etc;


Atendimento:
       As atividades serão desenvolvidas no Laboratório de Tecnologia Educacional com os alunos
escritos para participar do projeto, extraclasse.


Resultados Esperados


       Através da utilização da sala de informática, espera-se que os alunos percebam o computador
como uma ferramenta que pode auxiliá-lo nas pesquisas de informação a partir da utilização da
internet e das mídias de comunicação, tendo em vista que a maquina e suas ferramentas não são
suficientes para a elaboração de tarefas, é necessário a interferência humana com suas múltiplas
inteligências fazer o bom uso desse recurso tendo-o como um aliado ao seu desenvolvimento
intelectual e pessoal, cujos recursos, são fundamentais para a elaboração do trabalhos pedagógicos
que o ajudará na construção de sua formação pessoal. Espera-se ainda, que os alunos que
apresentam alguma necessidade especial, seja capaz de ingressar no mercado de trabalho podendo
fazer uso das tecnologias sem receios do seu manuseio, de forma consciente e adequada que lhe
permita utilizar estrategicamente as informações que recebem, e os mesmos possam converter essa
informação em conhecimento ordenado e verdadeiro.


Avaliação
       A avaliação será feita constantemente pela participação, relacionamento com os outros, pela
responsabilidade, criatividade, interesse, apresentação de trabalhos dos conhecimentos adquiridos.




Sugestões de Portais com Objetivo de Aprendizagem
http://rived.mec.gov.br
      http://labvirt.futuro.usp.br


      Outros Portais Educativos:
      www.sitiodosmiudos.pt


      Bibliotecas virtuais:
      www.widipedia.com
      www.bve.nocibec.inep.gov.br


      Biblioteca virtual do Estudante Brasileiro
      www.bibvirt.futuro.usp.br


      Bibliotecas Virtuais Temáticas
      www.prossiga.br/bvtematicas


      Arte e Matemática
      www.tvcultura.com.br/artematematica
      www.eaprender.com.br
      www.bussolaescolar.com.br




Referências




      FRÓES,Jorge R. M.Educação e Informática: A Relação Homem/Máquina e a Questão da
      Cognição - http://www.proinfo.gov.br/biblioteca/textos/txtie4doc.pdf.


      GOUVÊA, Sylvia Figueiredo. Os caminhos do professor na Era da Tecnologia - Acesso
      Revista de Educação e Informática, Ano 9 - número - abril 1999.


      HERNÁNDEZ, Fernando (1998). Transgressão e mudança na educação: os projetos de
      trabalho. Porto Alegre, ArtMed.
Projeto Linux - E.E.B Melo e Alvim

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Unidade 1 - Curso Introdução à Educação Digital
Unidade 1 - Curso Introdução à Educação DigitalUnidade 1 - Curso Introdução à Educação Digital
Unidade 1 - Curso Introdução à Educação DigitalAna Lúcia Lemes Nunes Silva
 
Relatório crítico final
Relatório crítico finalRelatório crítico final
Relatório crítico finalLuisa1959
 
Apresentação do Curso Introdução a Educação Digital
Apresentação do Curso Introdução a Educação DigitalApresentação do Curso Introdução a Educação Digital
Apresentação do Curso Introdução a Educação DigitalJoseCicero
 
Uso de novas tecnologias em sala de aula
Uso de novas tecnologias em sala de aulaUso de novas tecnologias em sala de aula
Uso de novas tecnologias em sala de aulaAmanda Tolomelli
 
Tecnologias digitais como suporte à aprendizagem de estudantes do Ensino Supe...
Tecnologias digitais como suporte à aprendizagem de estudantes do Ensino Supe...Tecnologias digitais como suporte à aprendizagem de estudantes do Ensino Supe...
Tecnologias digitais como suporte à aprendizagem de estudantes do Ensino Supe...Marta Pinto
 
Tecnologias Digitais: contributos para percursos de sucesso de estudantes não...
Tecnologias Digitais: contributos para percursos de sucesso de estudantes não...Tecnologias Digitais: contributos para percursos de sucesso de estudantes não...
Tecnologias Digitais: contributos para percursos de sucesso de estudantes não...Marta Pinto
 
Trabalho de informatica
Trabalho de informaticaTrabalho de informatica
Trabalho de informaticaacmr20
 
Projeto De Informatica InclusãO Digital
Projeto De Informatica InclusãO DigitalProjeto De Informatica InclusãO Digital
Projeto De Informatica InclusãO Digitaljoice2008
 
Proinfo Curso Introdução à EducaçãO Digital(40h)
Proinfo Curso Introdução à EducaçãO Digital(40h)Proinfo Curso Introdução à EducaçãO Digital(40h)
Proinfo Curso Introdução à EducaçãO Digital(40h)Itarare proinfo
 
O COMPUTADOR COMO RECURSO TECNOLÓGICO PARA INSTIGAR A MOTIVAÇÃO NA APRENDIZAGEM
O COMPUTADOR COMO RECURSO TECNOLÓGICO PARA INSTIGAR A MOTIVAÇÃO NA APRENDIZAGEMO COMPUTADOR COMO RECURSO TECNOLÓGICO PARA INSTIGAR A MOTIVAÇÃO NA APRENDIZAGEM
O COMPUTADOR COMO RECURSO TECNOLÓGICO PARA INSTIGAR A MOTIVAÇÃO NA APRENDIZAGEMincluirdigital
 
Leitura e escrita na cibercultura
Leitura e escrita na ciberculturaLeitura e escrita na cibercultura
Leitura e escrita na ciberculturaFabrício Garrido
 
Letramento digital
Letramento digital Letramento digital
Letramento digital Paulo Konzen
 
Informática Aplicada à Educação
Informática Aplicada à EducaçãoInformática Aplicada à Educação
Informática Aplicada à EducaçãoRafael Delmonego
 
Projeto: Informatica Educacional
Projeto: Informatica EducacionalProjeto: Informatica Educacional
Projeto: Informatica Educacionaldiraildes
 
Informática na Educação: Evolução e Tendências
Informática na Educação: Evolução e TendênciasInformática na Educação: Evolução e Tendências
Informática na Educação: Evolução e TendênciasRichard Reinaldo
 
Inf. Pedagógica - Prof. Lis
Inf. Pedagógica - Prof. LisInf. Pedagógica - Prof. Lis
Inf. Pedagógica - Prof. LisCarmina Monteiro
 
Informática slides ótimo
Informática  slides ótimoInformática  slides ótimo
Informática slides ótimoadrianagranzotto
 
Proinfo Introducao a Educacao Digital - 60f
Proinfo  Introducao a Educacao Digital - 60fProinfo  Introducao a Educacao Digital - 60f
Proinfo Introducao a Educacao Digital - 60ftecampinasoeste
 

Mais procurados (20)

Unidade 1 - Curso Introdução à Educação Digital
Unidade 1 - Curso Introdução à Educação DigitalUnidade 1 - Curso Introdução à Educação Digital
Unidade 1 - Curso Introdução à Educação Digital
 
Relatório crítico final
Relatório crítico finalRelatório crítico final
Relatório crítico final
 
Apresentação do Curso Introdução a Educação Digital
Apresentação do Curso Introdução a Educação DigitalApresentação do Curso Introdução a Educação Digital
Apresentação do Curso Introdução a Educação Digital
 
Uso de novas tecnologias em sala de aula
Uso de novas tecnologias em sala de aulaUso de novas tecnologias em sala de aula
Uso de novas tecnologias em sala de aula
 
Tecnologias digitais como suporte à aprendizagem de estudantes do Ensino Supe...
Tecnologias digitais como suporte à aprendizagem de estudantes do Ensino Supe...Tecnologias digitais como suporte à aprendizagem de estudantes do Ensino Supe...
Tecnologias digitais como suporte à aprendizagem de estudantes do Ensino Supe...
 
Tecnologias Digitais: contributos para percursos de sucesso de estudantes não...
Tecnologias Digitais: contributos para percursos de sucesso de estudantes não...Tecnologias Digitais: contributos para percursos de sucesso de estudantes não...
Tecnologias Digitais: contributos para percursos de sucesso de estudantes não...
 
Trabalho de informatica
Trabalho de informaticaTrabalho de informatica
Trabalho de informatica
 
Projeto De Informatica InclusãO Digital
Projeto De Informatica InclusãO DigitalProjeto De Informatica InclusãO Digital
Projeto De Informatica InclusãO Digital
 
Proinfo Curso Introdução à EducaçãO Digital(40h)
Proinfo Curso Introdução à EducaçãO Digital(40h)Proinfo Curso Introdução à EducaçãO Digital(40h)
Proinfo Curso Introdução à EducaçãO Digital(40h)
 
O COMPUTADOR COMO RECURSO TECNOLÓGICO PARA INSTIGAR A MOTIVAÇÃO NA APRENDIZAGEM
O COMPUTADOR COMO RECURSO TECNOLÓGICO PARA INSTIGAR A MOTIVAÇÃO NA APRENDIZAGEMO COMPUTADOR COMO RECURSO TECNOLÓGICO PARA INSTIGAR A MOTIVAÇÃO NA APRENDIZAGEM
O COMPUTADOR COMO RECURSO TECNOLÓGICO PARA INSTIGAR A MOTIVAÇÃO NA APRENDIZAGEM
 
Leitura e escrita na cibercultura
Leitura e escrita na ciberculturaLeitura e escrita na cibercultura
Leitura e escrita na cibercultura
 
Letramento digital
Letramento digital Letramento digital
Letramento digital
 
Informática Aplicada à Educação
Informática Aplicada à EducaçãoInformática Aplicada à Educação
Informática Aplicada à Educação
 
Projeto: Informatica Educacional
Projeto: Informatica EducacionalProjeto: Informatica Educacional
Projeto: Informatica Educacional
 
Informática na Educação: Evolução e Tendências
Informática na Educação: Evolução e TendênciasInformática na Educação: Evolução e Tendências
Informática na Educação: Evolução e Tendências
 
Informática na Educação
Informática na EducaçãoInformática na Educação
Informática na Educação
 
Inf. Pedagógica - Prof. Lis
Inf. Pedagógica - Prof. LisInf. Pedagógica - Prof. Lis
Inf. Pedagógica - Prof. Lis
 
Ativ 2b mariajosels
Ativ 2b mariajoselsAtiv 2b mariajosels
Ativ 2b mariajosels
 
Informática slides ótimo
Informática  slides ótimoInformática  slides ótimo
Informática slides ótimo
 
Proinfo Introducao a Educacao Digital - 60f
Proinfo  Introducao a Educacao Digital - 60fProinfo  Introducao a Educacao Digital - 60f
Proinfo Introducao a Educacao Digital - 60f
 

Destaque

Projeto dificuldade de aprendizagem por simone helen drumond
Projeto dificuldade de aprendizagem por simone helen drumondProjeto dificuldade de aprendizagem por simone helen drumond
Projeto dificuldade de aprendizagem por simone helen drumondSimoneHelenDrumond
 
Prototyping is an attitude
Prototyping is an attitudePrototyping is an attitude
Prototyping is an attitudeWith Company
 
50 Essential Content Marketing Hacks (Content Marketing World)
50 Essential Content Marketing Hacks (Content Marketing World)50 Essential Content Marketing Hacks (Content Marketing World)
50 Essential Content Marketing Hacks (Content Marketing World)Heinz Marketing Inc
 
10 Insightful Quotes On Designing A Better Customer Experience
10 Insightful Quotes On Designing A Better Customer Experience10 Insightful Quotes On Designing A Better Customer Experience
10 Insightful Quotes On Designing A Better Customer ExperienceYuan Wang
 
How to Build a Dynamic Social Media Plan
How to Build a Dynamic Social Media PlanHow to Build a Dynamic Social Media Plan
How to Build a Dynamic Social Media PlanPost Planner
 
Learn BEM: CSS Naming Convention
Learn BEM: CSS Naming ConventionLearn BEM: CSS Naming Convention
Learn BEM: CSS Naming ConventionIn a Rocket
 
20 Ideas for your Website Homepage Content
20 Ideas for your Website Homepage Content20 Ideas for your Website Homepage Content
20 Ideas for your Website Homepage ContentBarry Feldman
 
SEO: Getting Personal
SEO: Getting PersonalSEO: Getting Personal
SEO: Getting PersonalKirsty Hulse
 

Destaque (8)

Projeto dificuldade de aprendizagem por simone helen drumond
Projeto dificuldade de aprendizagem por simone helen drumondProjeto dificuldade de aprendizagem por simone helen drumond
Projeto dificuldade de aprendizagem por simone helen drumond
 
Prototyping is an attitude
Prototyping is an attitudePrototyping is an attitude
Prototyping is an attitude
 
50 Essential Content Marketing Hacks (Content Marketing World)
50 Essential Content Marketing Hacks (Content Marketing World)50 Essential Content Marketing Hacks (Content Marketing World)
50 Essential Content Marketing Hacks (Content Marketing World)
 
10 Insightful Quotes On Designing A Better Customer Experience
10 Insightful Quotes On Designing A Better Customer Experience10 Insightful Quotes On Designing A Better Customer Experience
10 Insightful Quotes On Designing A Better Customer Experience
 
How to Build a Dynamic Social Media Plan
How to Build a Dynamic Social Media PlanHow to Build a Dynamic Social Media Plan
How to Build a Dynamic Social Media Plan
 
Learn BEM: CSS Naming Convention
Learn BEM: CSS Naming ConventionLearn BEM: CSS Naming Convention
Learn BEM: CSS Naming Convention
 
20 Ideas for your Website Homepage Content
20 Ideas for your Website Homepage Content20 Ideas for your Website Homepage Content
20 Ideas for your Website Homepage Content
 
SEO: Getting Personal
SEO: Getting PersonalSEO: Getting Personal
SEO: Getting Personal
 

Semelhante a Projeto Linux - E.E.B Melo e Alvim

Informática na escola - Computadores para educar
Informática na escola - Computadores para educarInformática na escola - Computadores para educar
Informática na escola - Computadores para educarzilmavieira
 
Slide show blogspot
Slide show blogspotSlide show blogspot
Slide show blogspotzilmavieira
 
Proinfo integrado aqz
Proinfo integrado aqzProinfo integrado aqz
Proinfo integrado aqzEvenio Matos
 
Relatório final isabel morais.doc 1
Relatório final isabel morais.doc 1Relatório final isabel morais.doc 1
Relatório final isabel morais.doc 1isamorais54
 
Slideintroduoaeducaodigital
SlideintroduoaeducaodigitalSlideintroduoaeducaodigital
Slideintroduoaeducaodigitalmarciom26
 
Slideintroduoaeducaodigital
SlideintroduoaeducaodigitalSlideintroduoaeducaodigital
SlideintroduoaeducaodigitalAndrea DE Brito
 
aula-1-definicao-do-letramento-digital-pesquisar.ppt
aula-1-definicao-do-letramento-digital-pesquisar.pptaula-1-definicao-do-letramento-digital-pesquisar.ppt
aula-1-definicao-do-letramento-digital-pesquisar.pptmocardoso
 
Computadores para educar
Computadores para educarComputadores para educar
Computadores para educarzilmavieira
 
Atividade3regianeribeiroroque
Atividade3regianeribeiroroqueAtividade3regianeribeiroroque
Atividade3regianeribeiroroqueRegiane Ribeiro
 
Prática de leitura e letramento digital
Prática de leitura e letramento digitalPrática de leitura e letramento digital
Prática de leitura e letramento digitalgrupoeproinfo05
 
Módulo 2 instrumentos pedagógicos
Módulo 2 instrumentos pedagógicosMódulo 2 instrumentos pedagógicos
Módulo 2 instrumentos pedagógicosvallcalazans
 
Os Jovens na Era Digital
Os Jovens na Era DigitalOs Jovens na Era Digital
Os Jovens na Era Digitalanadirdelai
 
Sessão 5 tarefa 1 - adosinda pires....
Sessão 5   tarefa 1 - adosinda pires....Sessão 5   tarefa 1 - adosinda pires....
Sessão 5 tarefa 1 - adosinda pires....zyzypires
 
Projeto LaboratóRio De InformáTica Educacional
Projeto LaboratóRio De InformáTica EducacionalProjeto LaboratóRio De InformáTica Educacional
Projeto LaboratóRio De InformáTica Educacionalnorbertoschwantes
 
linguagem digital
linguagem digitallinguagem digital
linguagem digitalmenezesiara
 
Linguagem Digital
Linguagem DigitalLinguagem Digital
Linguagem DigitalLuúh Reis
 

Semelhante a Projeto Linux - E.E.B Melo e Alvim (20)

AçõEs Nte 2012
AçõEs Nte 2012AçõEs Nte 2012
AçõEs Nte 2012
 
Informática na escola - Computadores para educar
Informática na escola - Computadores para educarInformática na escola - Computadores para educar
Informática na escola - Computadores para educar
 
Slide show blogspot
Slide show blogspotSlide show blogspot
Slide show blogspot
 
Proinfo integrado aqz
Proinfo integrado aqzProinfo integrado aqz
Proinfo integrado aqz
 
Relatório final isabel morais.doc 1
Relatório final isabel morais.doc 1Relatório final isabel morais.doc 1
Relatório final isabel morais.doc 1
 
Slideintroduoaeducaodigital
SlideintroduoaeducaodigitalSlideintroduoaeducaodigital
Slideintroduoaeducaodigital
 
Slideintroduoaeducaodigital
SlideintroduoaeducaodigitalSlideintroduoaeducaodigital
Slideintroduoaeducaodigital
 
aula-1-definicao-do-letramento-digital-pesquisar.ppt
aula-1-definicao-do-letramento-digital-pesquisar.pptaula-1-definicao-do-letramento-digital-pesquisar.ppt
aula-1-definicao-do-letramento-digital-pesquisar.ppt
 
Projeto gema
Projeto gema Projeto gema
Projeto gema
 
Computadores para educar
Computadores para educarComputadores para educar
Computadores para educar
 
Apresentação em tema.pptx
Apresentação em tema.pptxApresentação em tema.pptx
Apresentação em tema.pptx
 
Abertura tic
Abertura ticAbertura tic
Abertura tic
 
Atividade3regianeribeiroroque
Atividade3regianeribeiroroqueAtividade3regianeribeiroroque
Atividade3regianeribeiroroque
 
Prática de leitura e letramento digital
Prática de leitura e letramento digitalPrática de leitura e letramento digital
Prática de leitura e letramento digital
 
Módulo 2 instrumentos pedagógicos
Módulo 2 instrumentos pedagógicosMódulo 2 instrumentos pedagógicos
Módulo 2 instrumentos pedagógicos
 
Os Jovens na Era Digital
Os Jovens na Era DigitalOs Jovens na Era Digital
Os Jovens na Era Digital
 
Sessão 5 tarefa 1 - adosinda pires....
Sessão 5   tarefa 1 - adosinda pires....Sessão 5   tarefa 1 - adosinda pires....
Sessão 5 tarefa 1 - adosinda pires....
 
Projeto LaboratóRio De InformáTica Educacional
Projeto LaboratóRio De InformáTica EducacionalProjeto LaboratóRio De InformáTica Educacional
Projeto LaboratóRio De InformáTica Educacional
 
linguagem digital
linguagem digitallinguagem digital
linguagem digital
 
Linguagem Digital
Linguagem DigitalLinguagem Digital
Linguagem Digital
 

Último

Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptxSlides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
FCEE - Diretrizes - Autismo.pdf para imprimir
FCEE - Diretrizes - Autismo.pdf para imprimirFCEE - Diretrizes - Autismo.pdf para imprimir
FCEE - Diretrizes - Autismo.pdf para imprimirIedaGoethe
 
geografia 7 ano - relevo, altitude, topos do mundo
geografia 7 ano - relevo, altitude, topos do mundogeografia 7 ano - relevo, altitude, topos do mundo
geografia 7 ano - relevo, altitude, topos do mundonialb
 
cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdf
cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdfcartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdf
cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdfIedaGoethe
 
Educação São Paulo centro de mídias da SP
Educação São Paulo centro de mídias da SPEducação São Paulo centro de mídias da SP
Educação São Paulo centro de mídias da SPanandatss1
 
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptxAs Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptxAlexandreFrana33
 
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANO
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANOInvestimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANO
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANOMarcosViniciusLemesL
 
A galinha ruiva sequencia didatica 3 ano
A  galinha ruiva sequencia didatica 3 anoA  galinha ruiva sequencia didatica 3 ano
A galinha ruiva sequencia didatica 3 anoandrealeitetorres
 
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdfBRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdfHenrique Pontes
 
637743470-Mapa-Mental-Portugue-s-1.pdf 4 ano
637743470-Mapa-Mental-Portugue-s-1.pdf 4 ano637743470-Mapa-Mental-Portugue-s-1.pdf 4 ano
637743470-Mapa-Mental-Portugue-s-1.pdf 4 anoAdelmaTorres2
 
trabalho wanda rocha ditadura
trabalho wanda rocha ditaduratrabalho wanda rocha ditadura
trabalho wanda rocha ditaduraAdryan Luiz
 
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autores
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autoresSociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autores
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autoresaulasgege
 
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptxQUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptxIsabellaGomes58
 
ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024
ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024
ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024Jeanoliveira597523
 
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdf
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdfCultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdf
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdfaulasgege
 
Simulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdf
Simulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdfSimulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdf
Simulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdfEditoraEnovus
 
Apresentação | Eleições Europeias 2024-2029
Apresentação | Eleições Europeias 2024-2029Apresentação | Eleições Europeias 2024-2029
Apresentação | Eleições Europeias 2024-2029Centro Jacques Delors
 
VALORES HUMANOS NA DISCIPLINA DE ENSINO RELIGIOSO
VALORES HUMANOS NA DISCIPLINA DE ENSINO RELIGIOSOVALORES HUMANOS NA DISCIPLINA DE ENSINO RELIGIOSO
VALORES HUMANOS NA DISCIPLINA DE ENSINO RELIGIOSOBiatrizGomes1
 
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024Sandra Pratas
 

Último (20)

Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptxSlides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
 
FCEE - Diretrizes - Autismo.pdf para imprimir
FCEE - Diretrizes - Autismo.pdf para imprimirFCEE - Diretrizes - Autismo.pdf para imprimir
FCEE - Diretrizes - Autismo.pdf para imprimir
 
geografia 7 ano - relevo, altitude, topos do mundo
geografia 7 ano - relevo, altitude, topos do mundogeografia 7 ano - relevo, altitude, topos do mundo
geografia 7 ano - relevo, altitude, topos do mundo
 
cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdf
cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdfcartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdf
cartilha-pdi-plano-de-desenvolvimento-individual-do-estudante.pdf
 
Educação São Paulo centro de mídias da SP
Educação São Paulo centro de mídias da SPEducação São Paulo centro de mídias da SP
Educação São Paulo centro de mídias da SP
 
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptxAs Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
 
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANO
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANOInvestimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANO
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANO
 
A galinha ruiva sequencia didatica 3 ano
A  galinha ruiva sequencia didatica 3 anoA  galinha ruiva sequencia didatica 3 ano
A galinha ruiva sequencia didatica 3 ano
 
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdfBRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
 
637743470-Mapa-Mental-Portugue-s-1.pdf 4 ano
637743470-Mapa-Mental-Portugue-s-1.pdf 4 ano637743470-Mapa-Mental-Portugue-s-1.pdf 4 ano
637743470-Mapa-Mental-Portugue-s-1.pdf 4 ano
 
treinamento brigada incendio 2024 no.ppt
treinamento brigada incendio 2024 no.ppttreinamento brigada incendio 2024 no.ppt
treinamento brigada incendio 2024 no.ppt
 
trabalho wanda rocha ditadura
trabalho wanda rocha ditaduratrabalho wanda rocha ditadura
trabalho wanda rocha ditadura
 
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autores
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autoresSociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autores
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autores
 
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptxQUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
 
ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024
ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024
ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024
 
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdf
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdfCultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdf
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdf
 
Simulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdf
Simulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdfSimulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdf
Simulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdf
 
Apresentação | Eleições Europeias 2024-2029
Apresentação | Eleições Europeias 2024-2029Apresentação | Eleições Europeias 2024-2029
Apresentação | Eleições Europeias 2024-2029
 
VALORES HUMANOS NA DISCIPLINA DE ENSINO RELIGIOSO
VALORES HUMANOS NA DISCIPLINA DE ENSINO RELIGIOSOVALORES HUMANOS NA DISCIPLINA DE ENSINO RELIGIOSO
VALORES HUMANOS NA DISCIPLINA DE ENSINO RELIGIOSO
 
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
 

Projeto Linux - E.E.B Melo e Alvim

  • 1. ESCOLA DE EDUCAÇÃO BÁSICA Melo e Alvim SOFTWARE LIVRE NA ESCOLA: “O Linux Educacional” Herval D' Oeste, SC 2012. Introdução Estamos em uma era onde a cada momento surgem inúmeras especializações e infinitas
  • 2. informações. A capacidade humana está distante de poder abarcar todo o saber elaborado. O homem formado com a expectativa de encontrar cada vez mais certezas e estabilidades. Hoje a sociedade solicita um homem que saiba trafegar não só pelos meandros de uma área específica, mas que também não se inibe com a incerteza e velocidade das transformações da técnica. Os dias atuais tornaram-se globalizado e altamente tecnológicos, fazendo surgir uma competição quase selvagem entre as nações que demanda cada vez mais apenas pessoas qualificadas, tanto culturalmente como em escolaridade formal. As habilidades exigidas são cada vez mais sofisticadas. Devido a estas dificuldades, a educação é mais do que nunca um dos pilares para a construção de qualquer sociedade que pretenda ser desenvolvida. Pesquisadores que investigam o uso de computadores na educação alegam que a informática possui uma ação positiva para o desenvolvimento da capacidade cognitiva e provoca um rompimento da relação vertical entre alunos e professor da sala de aula tradicional, fazendo do aprendizado uma experiência mais cooperativa mais segura e prazerosa. As radicais transformações da informática nos anos noventa reforçaram ainda mais a adoção dessa tecnologia nos meios educacionais Nesta perspectiva os Laboratórios de Informática tem como função promover o desenvolvimento e o uso pedagógico das tecnologias de informática como ferramenta para nortear um processo de inovação em todos os sentidos, dentro do ambiente escolar, visando melhorar a qualidade do ensino-aprendizagem, propiciando aos educando uma educação voltada para o progresso científico e tecnológico, preparando-os para o exercício da cidadania numa sociedade desenvolvida. Contudo, vale ressaltar que o uso das tecnologias na escola não se restringe somente ao uso do computador, ou informatização do ensino, nem tampouco ao puro ensino de informática, mas, deverá proporcionar a construção do conhecimento, uma vez que possibilitam o trabalho com projetos à resoluções de situações problemas. A Informática não se constitui em uma disciplina, desta forma, ela deve ser utilizada nas mais diversas disciplinas numa perspectiva interdisciplinar, através de projetos de aprendizagem. Partindo desses princípios com a utilização da sala de informática, procuraremos melhorar a qualidade de ensino da referida escola, a fim de que os alunos sintam-se motivados a aprender a utilizar os recursos de multimídia de forma adequada e colaborativa, buscando o bem estar e a qualificação dos educando. Justificativa O mundo tecnológico cresce rápido e continuamente. É imprescindível o uso das Novas Tecnologias da Informação e Comunicação, na formação humana e na Educação como recurso metodológico. De acordo com a realidade escolar, temos a pretensão de propor aos alunos que no
  • 3. momento apresentam dificuldades de aprendizagem, atividades pedagógicas de cunho recreativa, lúdico com o auxílio das mídias. O Projeto SOFTWARE LIVRE NA ESCOLA: “O Linux Educacional” visa dar uma resposta às necessidades dos alunos da Escola de Educação Básica Melo e Alvim para que possam enfrentar com coragem e eficiência os novos desafios impostos pelas novas tecnologias. Pretendemos contribuir para que os mesmos possam ampliar seus conhecimentos, como cidadãos responsáveis, ensinando-os a utilizar a tecnologia para o acesso à informação. Objetivo Geral  Proporcionar aos educando uma aprendizagem significativa, midiatizada pelo diálogo, pela troca de experiência e pelo computador enquanto ferramenta de aprendizagem, sem perder de vista o valor de outras fontes de leitura e pesquisa.  Fazer bom uso dos recursos tecnológicos na perspectiva de inclusão dos componentes, da própria Informática, com conteúdos significativos que contribuam para o melhor crescimento intelectual do aluno, auxiliando os alunos com necessidades especiais facilitando seu desenvolvimento nas diversas literaturas, imagens e concepções de mundo real e virtual;  Contribuir para o crescimento intelectual do aluno, dinamizando os conteúdos trabalhados em sala de aula facilitando seu desenvolvimento nas diversas áreas de conhecimento e concepções de mundo. Objetivos específicos  Desenvolver atitudes de cooperação e participação na elaboração das tarefas.  Perceber a dinâmica de elaboração e apresentação de tarefas utilizando os recursos da informática.  Conhecer sites de busca nas diversas áreas de educação.  Produzir atividades utilizando: Apresentação eletrônica (impress), editor de texto (writer), planilha eletrônica (calc), vídeos, além de fazer uso da Internet para pesquisa e publicações e outras atividades que a informática proporciona.  Compreender e respeitar o regulamento para o bom funcionamento do laboratório de informática;  Proporcionar ambiente para Interação entre educando e professores;  Elencar o conhecimento prévio do aluno quanto ao uso do computador na prática;  Identificar os hardware e software do computador;
  • 4. Conhecer o sistema operacional Linux e sua funcionalidade;  Utilizar arquivos nos micros para trabalhar a leitura e a escrita;  Desenvolver a coordenação motora dos alunos em fase de alfabetização;  Aprimorar os conhecimentos dos alunos quanto às características da linguagem atual.  Desenvolver a percepção visual e auditiva a partir de vídeos animados.  Desenvolver habilidades para abrir pastas, salvar documentos, formatar texto, usar atalhos inserir tabela etc.  Discutir a questões de direitos autorais, a fim de sensibilizar os alunos para a responsabilidade ao disponibilizar do material da Internet e outras mídias;  Aprimorar os conhecimentos dos alunos quanto às características da linguagem virtual atual;  Desenvolver nos alunos habilidades de pesquisa e investigação; Ações O professor (a) possibilitará ao educando através do uso de várias técnicas que podem ser: Aulas expositivas, dialogadas, trabalhos individuais em grupo e estudos de textos e vídeos. Metodologia  Aulas expositivas com apresentação do sistema operacional Linux;  Sensibilização das turmas com a apresentação de projetos que podem ser trabalhados em sala;  Propor uma relação/comparação entre os conteúdos abordados em sala com os de pesquisa na internet;  Pesquisa nos sites de busca (google, wikipedia, yahoo e outros) com a intenção de obter informações para aquisição do conhecimento.  Estudo em grupo para elaboração dos trabalhos;  Produção de textos, Historia em quadrinhos, caça-palavras, Folder no aplicativo Writer a partir das pesquisas e conteúdos abordados em sala.  Elaboração de slides (Impress) com exposição dos dados e conteúdos estudados;  Desenvolver melhor a linguagem oral e escrita, através do uso das ferramentas do computador. Utilizamos os programas do Writer, Impress, Calc, KolourPaint, e a Internet.  Atividades desenvolvidas estão em relevância com as atividades desenvolvidas em sala de aula.  Orientar sobre as normas básicas do uso do Linux. Apontar as ferramentas de produtividade do BR-OFFICE, Produção de textos, planilhas, Impress, calc...
  • 5. Utilizar o Br-office Writer como ferramenta de aquisição de pensamento. Salvar em pastas os conceitos elaborados Compreensão e significação dos conteúdos;  Utilizar o Impress como ferramenta de apresentação de produção dos diversos conhecimentos adquiridos e assimilados; Criar formas variadas de apresentação de slides;  Usar a máquina fotográfica como um instrumento de pesquisa, registro e aliados na aprendizagem. Reforçar a importância de nomear pastas para facilitar a busca, quando necessário; aprender a capturar imagens e salvá-las em pastas;  Desenvolver nos alunos competências em estudos na Internet, com propósitos educativos de leitura, jogos, vídeos, postagem no blog etc; Atendimento: As atividades serão desenvolvidas no Laboratório de Tecnologia Educacional com os alunos escritos para participar do projeto, extraclasse. Resultados Esperados Através da utilização da sala de informática, espera-se que os alunos percebam o computador como uma ferramenta que pode auxiliá-lo nas pesquisas de informação a partir da utilização da internet e das mídias de comunicação, tendo em vista que a maquina e suas ferramentas não são suficientes para a elaboração de tarefas, é necessário a interferência humana com suas múltiplas inteligências fazer o bom uso desse recurso tendo-o como um aliado ao seu desenvolvimento intelectual e pessoal, cujos recursos, são fundamentais para a elaboração do trabalhos pedagógicos que o ajudará na construção de sua formação pessoal. Espera-se ainda, que os alunos que apresentam alguma necessidade especial, seja capaz de ingressar no mercado de trabalho podendo fazer uso das tecnologias sem receios do seu manuseio, de forma consciente e adequada que lhe permita utilizar estrategicamente as informações que recebem, e os mesmos possam converter essa informação em conhecimento ordenado e verdadeiro. Avaliação A avaliação será feita constantemente pela participação, relacionamento com os outros, pela responsabilidade, criatividade, interesse, apresentação de trabalhos dos conhecimentos adquiridos. Sugestões de Portais com Objetivo de Aprendizagem
  • 6. http://rived.mec.gov.br http://labvirt.futuro.usp.br Outros Portais Educativos: www.sitiodosmiudos.pt Bibliotecas virtuais: www.widipedia.com www.bve.nocibec.inep.gov.br Biblioteca virtual do Estudante Brasileiro www.bibvirt.futuro.usp.br Bibliotecas Virtuais Temáticas www.prossiga.br/bvtematicas Arte e Matemática www.tvcultura.com.br/artematematica www.eaprender.com.br www.bussolaescolar.com.br Referências FRÓES,Jorge R. M.Educação e Informática: A Relação Homem/Máquina e a Questão da Cognição - http://www.proinfo.gov.br/biblioteca/textos/txtie4doc.pdf. GOUVÊA, Sylvia Figueiredo. Os caminhos do professor na Era da Tecnologia - Acesso Revista de Educação e Informática, Ano 9 - número - abril 1999. HERNÁNDEZ, Fernando (1998). Transgressão e mudança na educação: os projetos de trabalho. Porto Alegre, ArtMed.