O slideshow foi denunciado.
Utilizamos seu perfil e dados de atividades no LinkedIn para personalizar e exibir anúncios mais relevantes. Altere suas preferências de anúncios quando desejar.
A cooperação do Hospital Alemão Oswaldo
Cruz na elaboração de Diretrizes Clínicas
para o SUS
Brasília, 06 de Dezembro de 2...
Declaração de Conflito de interesse
Declaro não possuir conflito de interesse em minha
apresentação
Parceria HAOC – Ministério da Saúde
A Unidade de Avaliação de Tecnologias em Saúde
(UATS/IECS/HAOC)
2009 2011 2012 2013 2014 2015 2016 20172010
Triênio em andamento
PROADI-SUS – Triênio 2015-2017:
EIXO TÉCNICO
• Revisão de 71 temas de PCDT:
Volume 1 do livro de PCDT (32 temas) já entreg...
PROADI-SUS – Triênio 2015-2017
2015-2016 – Consolidação da metodologia de
elaboração / revisão de PCDTs.
2016 – Publicação...
Projeto Piloto – Objetivos
Revisão de 10 temas
Elaboração de 3 novos temas
Estimativas reais de impacto nas atividades,
el...
Implicações práticas
.
• Maior representatividade dos especialistas (sociedades
médicas, diferentes regiões do país) → est...
Implicações práticas
• .
• Com base na Portaria SAS/MS nº 375, de 10 de novembro de
2009 → reorganização do texto:
 Texto...
Metodologia do PCDT:
ANEXO DO PCDT – DESCRIÇÃO METODOLÓGICA
•Descrição das estratégias de busca e fonte de evidências
•Des...
PROADI-SUS – Triênio 2015-2017
EIXO CAPACITAÇÃO
OFICINA DE TRABALHO – ELABORAÇÃO DE DIRETRIZES:
• Duas edições no triênio
...
Conclusões:
• Maior transparência metodológica:
 demonstrar a robustez científica do PCDT
 justificar a não consideração...
» As pessoas raramente reconhecem a
oportunidade porque ela surge disfarçada de
trabalho árduo.
» Thomas Edison
Inventor, ...
OBRIGADA!
abuehler@haoc.com.br
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

A cooperação do Hospital Alemão Oswaldo Cruz na elaboração d Diretrizes Clínicas para o SUS

414 visualizações

Publicada em

Apresentação: Oswaldo Cruz

Publicada em: Saúde e medicina
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

A cooperação do Hospital Alemão Oswaldo Cruz na elaboração d Diretrizes Clínicas para o SUS

  1. 1. A cooperação do Hospital Alemão Oswaldo Cruz na elaboração de Diretrizes Clínicas para o SUS Brasília, 06 de Dezembro de 2016 Anna Buehler, Ph.D Coordenadora do Projeto Capacitação, Comunicação e Desenvolvimento em PCDT e MHT. UATS/IECS/HAOC
  2. 2. Declaração de Conflito de interesse Declaro não possuir conflito de interesse em minha apresentação
  3. 3. Parceria HAOC – Ministério da Saúde
  4. 4. A Unidade de Avaliação de Tecnologias em Saúde (UATS/IECS/HAOC)
  5. 5. 2009 2011 2012 2013 2014 2015 2016 20172010 Triênio em andamento
  6. 6. PROADI-SUS – Triênio 2015-2017: EIXO TÉCNICO • Revisão de 71 temas de PCDT: Volume 1 do livro de PCDT (32 temas) já entregues, dos quais 21 já publicados e 11 com a CONITEC 39 temas definidos por meio de consulta pública realizada entre os dias 26/01/2016 e 11/03/2016 = em andamento • Elaboração de 12 novos temas: 2 já publicados em 2016 (câncer de mama e câncer de próstata 7 com a Subcomissão da CONITEC 3 em andamento
  7. 7. PROADI-SUS – Triênio 2015-2017 2015-2016 – Consolidação da metodologia de elaboração / revisão de PCDTs. 2016 – Publicação da Diretriz Metodológica – Elaboração de Diretrizes 2016 – Avaliação do impacto da metodologia nas etapas projeto
  8. 8. Projeto Piloto – Objetivos Revisão de 10 temas Elaboração de 3 novos temas Estimativas reais de impacto nas atividades, elaboração de um cronograma realista antecipação de dificuldades e propostas de soluções Primeiro produto esperado para Março/2017
  9. 9. Implicações práticas . • Maior representatividade dos especialistas (sociedades médicas, diferentes regiões do país) → estratégia de disseminação e implementação; • Reunião de escopo como parte dos resultados → questões de pesquisas estruturadas, com base em novas tecnologias/ incertezas clínicas • Texto mais recomendativo que interpretativo
  10. 10. Implicações práticas • . • Com base na Portaria SAS/MS nº 375, de 10 de novembro de 2009 → reorganização do texto:  Texto principal recomendativo, utilizando critérios GRADE:  Introdução Critérios de Elegibilidade  Diagnóstico Tratamento Farmacológico Tratamento não farmacológico Monitoramento/Acompanhamento Gestão e controle
  11. 11. Metodologia do PCDT: ANEXO DO PCDT – DESCRIÇÃO METODOLÓGICA •Descrição das estratégias de busca e fonte de evidências •Descrição sucinta do fluxo de seleção dos estudos, por questão de pesquisa: avaliação da elegibilidade por triagem e confirmação por leitura de texto completo, principais motivos de exclusão nessa etapa. •Descrição dos estudos: características de base da população de estudo e desfechos avaliados •Avaliação do risco de viés dos estudos •Tabulação dos dados dos estudos •Aplicação do sistema GRADE para avaliação da qualidade da evidência
  12. 12. PROADI-SUS – Triênio 2015-2017 EIXO CAPACITAÇÃO OFICINA DE TRABALHO – ELABORAÇÃO DE DIRETRIZES: • Duas edições no triênio • Carga horária de 24 horas • Participação NATS e demais parceiros CONITEC Primeira edição realizada entre os dias 24 e 26 de Outubro de 2016
  13. 13. Conclusões: • Maior transparência metodológica:  demonstrar a robustez científica do PCDT  justificar a não consideração de uma nova tecnologia no SUS evidência baixa/muito baixa qualidade ou deliberação→ contra incorporação do SUS pela CONITEC, com respectivo motivo  Aumentar a disseminação e implementação dos PCDTs Melhorar a prática clínica no SUS e uso racional dos medicamentos
  14. 14. » As pessoas raramente reconhecem a oportunidade porque ela surge disfarçada de trabalho árduo. » Thomas Edison Inventor, Businessman
  15. 15. OBRIGADA! abuehler@haoc.com.br

×