Nhoca minhoca(Grupo A)

512 visualizações

Publicada em

Nhoca minhoca(Grupo A) Agrupamento de Escolas da Trafaria e Romeu Correia

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
512
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
35
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
8
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Nhoca minhoca(Grupo A)

  1. 1. Vermicompostagem Ação - Ciência, língua, tecnologia e cidadania – partilha multidisciplinar de projectos Formadores Jocélia Albino, Amélia Teixeira, Angélica Queiroz, Filomena Sousa Formandas Conceição Grancho Filomena Sá Teresa Sequeira
  2. 2. No desenvolvimento do micro projeto “Vermicompostagem”, serviram como base atividades concretas e práticas, assentes em experiências diretas das crianças com o objeto de trabalho Vermicompostor. As docentes levaram em consideração os conceitos científicos necessários para a criança compreender fenómenos inerentes às características das minhocas, à vermicompostagem, às transformações processuais, às aplicações práticas e aos resultados esperados/obtidos. O presente micro projeto envolveu uma sala de jardim-de-infância (crianças dos 3 aos 6 anos) pertencente à EB1/JI Cremilde e Norvinda do agrupamento de escolas da Trafaria e duas salas de jardim-de-infância (crianças dos 3 aos 6 anos) pertencentes à EB1/JI do Feijó Nº1 do agrupamento de escolas Romeu Correia.
  3. 3. Atividade 1: Será que os bichos têm profissões? Objetivos: Valorizar o respeito pelos animais; Promover a separação dos lixos; Consciencializar para a importância da preservação do meio ambiente. Áreas de conteúdo/Domínio: Linguagem oral e abordagem à escrita - Compreensão de discursos orais e interação verbal; Conhecimento do mundo - Conhecimento do ambiente natural e social, Dinamismo das inter-relações natural-social. 1º Momento: Numa conversa de grande grupo tendo como tarefa integradora a comemoração do dia do trabalhador e a importância de ter uma profissão, a educadora perguntou às crianças se achavam que os bichos também têm profissões. Neste momento a educadora registou as hipóteses das crianças, para que fossem objeto de refleção numa etapa posterior. Várias crianças referiram as abelhas e as formigas como tendo uma profissão ou sendo trabalhadoras. A educadora projetou o filme “BEE, A HISTÓRIA DE UMA ABELHA”. Nesse filme as crianças concluiram que as abelhas têm uma “profissão” muito importante.
  4. 4. Atividade 2: O que é o lixo orgânico e para que serve? Áreas de conteúdo/Domínio: Conhecimento do mundo – Conhecimento do ambiente natural e social, Dinamismo das inter-relações natural- social. 2º Momento em conversa de grande grupo a educadora levou as crianças a questionarem: •O que é o lixo orgânico? •Para que serve o lixo orgânico? •Se o lixo pode ser reciclado? •Fazem a separação do lixo orgânico em casa?
  5. 5. Atividade 3: Vamos conhecer a profissão (função) da minhoca? Objetivos: Valorizar o respeito pelos animais; Promover a separação dos lixos; Consciencializar para a importância da preservação do meio ambiente; Sensibilizar para a importância da função dos diferentes animais nos ecossistemas. Áreas de conteúdo/Domínio: Conhecimento do mundo - Conhecimento do ambiente natural e social, Dinamismo das inter-relações natural- social; Formação pessoal e social – Respeito pela diferença; 1º Momento: Entrevista da “Nhoca minhoca”. Neste momento a educadora com o apoio da assistente operacional da sala, dramatizaram uma entrevista à “Nhoca minhoca”, seguindo um guião. Através desta entrevista as crianças começaram a perceber que a minhoca tem uma função muito importante. Conversaram com a minhoca e tiraram algumas duvidas. Em grande grupo fizemos um pequeno resumo do que aprendemos sobre a minhoca.
  6. 6. 2º Momento: reprodução gráfica da “Nhoca minhoca”.
  7. 7. Atividade 4: Construção de um vermicompostor. Objetivos: Valorizar o respeito pelos animais; Promover a separação dos lixos; Consciencializar para a importância da preservação do meio ambiente. Áreas de conteúdo/Domínio: Expressões – Plástica; Conhecimento do mundo – Conhecimento do ambiente natural e social, Dinamismo das inter-relações natural- social. 1º Momento: Reunindo os materiais necessários, caixas de esferovite e terra, e as minhocas foi construído um vermicompostor caseiro. Depois de construído o vermicompostor foi colocado num local escuro e fresco, e diariamente foi visitado por um pequeno grupo avaliando se havia necessidade de humidificar mais a terra e colocar mais lixo orgânico. Foi sempre relembrado o que as minhocas podem e não podem comer.
  8. 8. 2º Momento: Registo gráfico do vermicompostor.
  9. 9. Atividade 5: Canção “O minhoco e a minhoca”. Objetivos: Memorização da letra da canção; Reprodução de motivos rítmicos e interpretação da canção; Desenvolver o espirito científico. Áreas de conteúdo/Domínio: Expressões – Musical; Conhecimento do mundo - Conhecimento do ambiente natural e social.
  10. 10. Neste momento a educadora questionou as crianças quanto ao facto do minhoco se ter enganado e não ter dado o beijo na boca da minhoca. Mencionou que as minhocas não têm olhos, apesar de quando se faz o registo gráfico da minhoca, todos gostemos de a transformar em boneco, dando-lhe uns olhos e deixará no ar se as minhocas terão nariz. Fez-se um levantamento de hipóteses registando-se numa tabela quem respondeu não e quem respondeu sim. Observou-se numa 1ª fase a minhoca com as lupas para vermos se conseguíamos identificar se a minhoca tem ou não tem nariz. Posteriormente foi feita uma experiência utilizando um algodão embebido em álcool. Colocou-se a minhoca em cima de um papel húmido e colocou-se um pedacinho de algodão primeiro numa extremidade e depois na outra. Chegámos à conclusão que a minhoca não tem nariz. A educadora referiu que na realidade a minhoca não tem nariz, mas que se afasta reagindo aos odores fortes devido ao seu sistema nervoso.
  11. 11. Atividade 6: Observação ao microscópio do corpo da minhoca. Objetivos: Desenvolver o espirito científico; Utilizar e explorar as potencialidades de um novo instrumento. Áreas de conteúdo/Domínio: Conhecimento do mundo - Conhecimento do ambiente natural e social; Formação pessoal e social – Cooperação. 1º Momento: Utilização do microscópio digital para melhor observação do corpo da minhoca, podendo observar e recolher dados sobre as suas características. A educadora sugeriu que em casa, com as famílias pesquisassem sobre o conceito e a utilidade do lixo orgânico.
  12. 12. Fotografia tirada com o microscópio digital
  13. 13. Atividade 7: Elaboração de uma história com recurso a “quantos queres?”. Objetivos: Aumentar o vocabulário; Estimular a imaginação; Criar e contar histórias oralmente; Treino de contagens numéricas; Contato com o código escrito com recurso ao computador; Utilização da ferramenta digital Photostory. Áreas de conteúdo/Domínio: Expressões – Musical; Linguagem oral e abordagem à escrita – Conhecimento das convenções gráficas, Compreensão de discursos orais e interação verbal; Conhecimento do mundo - Conhecimento do ambiente natural e social; Matemática – Números e operações; Formação pessoal e social – Cooperação, Convivência democrática/Cidadania. 1º Momento: Foram lançados os dados e foram contados o número de pintas que íam saindo, posteriormente foi aberto o quantos queres o número de vezes correspondente às pintas. Através das imagens que sairam, foi criada em grande grupo, uma história sobre uma minhoca e um dragão. Foi feita a ilustração da história por partes , que posteriormente foi digitalizada, e com ajuda do software photostory foi criada uma animação digital. O registo escrito foi passado por partes para o computador pelas crianças de cinco anos.
  14. 14. Atividade 8: Jogo sobre a minhoca e a vermicompostagem. Objetivos: Utilização do quadro interativo de forma lúdica e educativa. Áreas de conteúdo/Domínio: TIC – Informação, Comunicação; Conhecimento do mundo - Conhecimento do ambiente natural e social; Formação pessoal e social – Cooperação. 1º Momento: As crianças jogaram no quadro interativo um jogo elaborado pelas educadoras, avaliando a consolidação do que aprenderam sobre o tema.
  15. 15. Atividade 9: Criação e gravação de uma canção sobre as minhocas e o vermicompostor. (CD com vídeo da canção) Objetivos: Memorização da canção e respetivas rimas. Áreas de conteúdo/Domínio: Expressões – Musical; Conhecimento do mundo - Conhecimento do ambiente natural e social; Linguagem oral e abordagem à escrita – Consciência fonológica. 1º Momento: Foi elaborada uma letra sobre o que aprendemos deste tema e foi criada uma música que cantámos e gravámos.
  16. 16. Atividade 10: Exploração dos conhecimentos adquiridos através da construção de um jogo da glória “Nhoca Minhoca no meu jardim”. Objetivos: Recordar os conhecimentos adquiridos; Contato com o código escrito com recurso ao computador; Treino de contagens numéricas. Áreas de conteúdo/Domínio: Formação pessoal e social – Cooperação; Expressões – Plástica; Conhecimento do mundo - Conhecimento do ambiente natural e social; TIC – Produção; Matemática – Números e operações; Linguagem oral e abordagem à escrita – reconhecimento e escrita de palavras, Conhecimento das convenções gráficas. 1º Momento: Foi elaborada uma chuva de ideias /palavras relacionadas com a vermicompostagem;
  17. 17. 2º Momento: Foi construído o jogo: foi realizada a contagem do número de casas que cada jogador teve que percorrer para chegar à final e a cada conceito/palavra considerada importante foi atribuída uma casa do jogo. A pares, as crianças copiaram no computador o texto correspondente a cada casa; o Jogo foi pintado e “montado”. 3º Momento: O grupo jogou o mesmo respondendo às questões colocadas e demonstrando os conhecimentos adquiridos.
  18. 18. Atividade 11: Jogos digitais. Objetivos: Conhecer e aprender a explorar, de forma autónoma, jogo didáticos no computador e desenvolver o gosto pelo computador como ferramenta de aprendizagem. Áreas de conteúdo/Domínio: Formação pessoal e social – Identidade; Linguagem oral e abordagem à escrita - Consciência fonológica; TIC – Informação. 1º Momento: Jogos no computador, Software na internet, “Caminho das letras”. A educadora questionou por que letra começa a palavra minhoca. Algumas crianças responderam M. A educadora perguntou se conhecem mais palavras que começam por M. Com recurso ao Software na internet, “Caminho das letras”, ouviram várias palavras que começam pela mesma letra. A educadora perguntou quantas crianças há na sala, cujo nome começa por M. responderam 4, duas Marianas e 2 Margaridas 2º Momento: Construção de um ficheiro de imagens com a letraM. Construção de palavras com recurso às molas da escrita.
  19. 19. Atividade 12: Encontro dos grupos intervenientes dos dois jardins-de-infância e partilha com a comunidade educativa. Objetivos: Conhecer e aprender a explorar, de forma autónoma, jogo didáticos no computador e desenvolver o gosto pelo computador como ferramenta de aprendizagem. Áreas de conteúdo/Domínio: Formação pessoal e social – Convivência democrática/Cidadania; Linguagem oral e abordagem à escrita - Compreensão de discursos orais e interação verbal; TIC – Informação; Expressões – Plástica; Conhecimento do mundo - Conhecimento do ambiente natural e social. 1º Momento: Divulgação/exposição á comunidade educativa no final do ciclo da oficina de formação. 2º Momento: Momento de partilha conjunta, entre os três grupos intervenientes, em data e local a designar. 3º Momento: Comunicação das descobertas e aprendizagens aos restantes grupos do pré-escolar e 1ºciclo das suas escolas/JI realizando exposições abertas à comunidade educativa
  20. 20. As educadoras intervenientes neste projeto querem agradecer toda a ajuda prestada pelos formadores. Também agradecemos às colegas formandas pela partilha de experiências. “A vida é o lugar da educação e a história de vida o terreno no qual se constrói a formação. Por isso, a prática da educação define o espaço de toda a reflexão teórica. Dito de outro modo, o saber sobre a formação provém da própria reflexão daqueles que se formam.” (Dominice, 1990).

×