DESAFIOS DAAVALIAÇÃO EM ESCOLAS EM
CICLOS
Profa. Dra. Andréa Rosana Fetzner
akrug@uol.com.br
Blog: http://arfetzner.blogsp...
ROTEIRO
Objetivo:
- Indicar aspectos da
avaliação inerentes
aos ciclos.
Roteiro
• Avaliamos, em escolas
sem reprovação, pa...
Avaliamos para quê?
3
http://2.bp.blogspot.com/_0nuPAM-
oGfI/SPzJ1dsOSvI/AAAAAAAAAdU/8Yl9fGUJ628/s
320/chaplin.bmp
http://...
Profa. Dra. Andréa Rosana Fetzner
http://arfetzner.blogspot.com/
4
ALGORITMOS
74
+ 59
123
74
+59
1213
74
+59
115
74
+59
16...
Avaliação, aprovação, reprovação e diferentes
formas de organizar a escola
►Série: conjunto de conteúdos previstos para ca...
Ciclos e Alfabetização
• Dezembro de 2010: Diretrizes Curriculares do Ensino
Fundamental de Nove Anos (CNE):
• Art. 30, In...
Pesquisa 2012-2015
• CONCEPÇÕES DE AGRUPAMENTO ESCOLAR E
CURRICULO: ESTUDO DA ORGANIZAÇÃO ESCOLAR
EM CICLOS NOS MUNICÍPIOS...
A pesquisa sobre a organização em ciclos nos
municípios do estado do Rio de Janeiro
• No estado do Rio de Janeiro:
– 92 mu...
Oquestionárioaplicado(2011a2014)
• 5 – Como é feito o acompanhamento dos estudantes que
não apresentam as aprendizagens es...
Práticas avaliativas
• 51 professoras
• 28 municípios
Práticas citadas pelas professoras:
38/51: reforço escolar (projetos...
Quanto aos instrumentos e registros:
• 39/51: acompanhamento diário, por meio de fichamentos, observação direta,
conversa ...
Sobre a reprovação escolar:
• Embora o número de professoras a citar a mudança na
didática seja pequeno, 4 em 51 disseram ...
Avaliação
Classificar
(aprovar ou
reprovar)
•Provas individuais
•Testes surpresa
•Prêmios e castigos
Registro
da
avaliação...
Alguns desafios dos ciclos:
1. Pensamos
ser possível
ensinar a todos
como se
fossem um?
2. Pensamos
que a
reprovação
escol...
Suassuna 1927-2014
Profa. Dra. Andréa Rosana Fetzner
http://arfetzner.blogspot.com/
15
Referências/indicações de leitura:
• ESTEBAN, Maria Teresa, O que sabe quem erra? Reflexões sobre avaliação e fracasso
esc...
• Professora Andréa Rosana Fetzner (Krug)
• E-mail: akrug@uol.com.br Blog:
http://arfetzner.blogspot.com.br
Livros da prof...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Fetzner Vassouras 2015-desafios da avaliação nas escolas em ciclos

253 visualizações

Publicada em

Apresentação realizada em Vassouras no III Seminário do Pacto Nacional pela Alfabetização na Idade Certa

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
253
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Fetzner Vassouras 2015-desafios da avaliação nas escolas em ciclos

  1. 1. DESAFIOS DAAVALIAÇÃO EM ESCOLAS EM CICLOS Profa. Dra. Andréa Rosana Fetzner akrug@uol.com.br Blog: http://arfetzner.blogspot.com.br/ Pesquisa: Concepções de agrupamento escolar e currículo – estudo da organização escolar em ciclos RJ Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro - UNIRIO Programa de Pós-Graduação em Educação/Departamento de Didática Escola de Educação Grupo de Estudos e Pesquisas em Currículo e Avaliação – GEPAC VASSOURAS, 11-12-2015
  2. 2. ROTEIRO Objetivo: - Indicar aspectos da avaliação inerentes aos ciclos. Roteiro • Avaliamos, em escolas sem reprovação, para quê? • Avaliação, aprovação e reprovação e a difícil compreensão da progressão continuada • Práticas inventariadas 2 Profa. Dra. Andréa Rosana Fetzner http://arfetzner.blogspot.com/
  3. 3. Avaliamos para quê? 3 http://2.bp.blogspot.com/_0nuPAM- oGfI/SPzJ1dsOSvI/AAAAAAAAAdU/8Yl9fGUJ628/s 320/chaplin.bmp http://4.bp.blogspot.com/_hXMxXaIZU nY/SpbJrmbBq_I/AAAAAAAAA1k/7Hpw Oth1v_0/s400/Cabeça_de_dono.jpg http://iarazul.files.wordpress.co m/2009/04/sala_aula.jpg Profa. Dra. Andréa Rosana Fetzner http://arfetzner.blogspot.com/ cropped-colaborar.jpg. cropped-colaborar.jpg. http://www.luhal.com.br/netprofit/wp- content/uploads/2012/11/cropped-colaborar.jpg. https://www.google.com.br/search?tbm=isch &ei=tz7OU9vIB5DKsQT4uYLYDw&q=colaborar #facrc=_&imgdii=_&imgrc=04WG24M2qJR__ • http://www.google.com.br/url?sa=i&rct=j&q=&:&ved= 0CAQQjB0&url=http%3A%2F%2Fblog.baratocoletiv o.com.br%2Fblog%2Fvariedades%2Filusao-de- optica-parece-mas-nao-
  4. 4. Profa. Dra. Andréa Rosana Fetzner http://arfetzner.blogspot.com/ 4 ALGORITMOS 74 + 59 123 74 +59 1213 74 +59 115 74 +59 169 Fonte: KAMII e RABIOGLIO, Revista Pátio, número 41, p. 48
  5. 5. Avaliação, aprovação, reprovação e diferentes formas de organizar a escola ►Série: conjunto de conteúdos previstos para cada ano civil. ►Promoção continuada: o estudante não é RETIDO NA SÉRIE, mas avança para a série seguinte com “dependências”, “recuperações de conteúdos em determinadas matérias”, “aulas de reforço” ou outras modalidades afins – “recuperar” o conteúdo ►Ciclos de formação: referência da enturmação na idade. ►Promoção continuada: o estudante é agrupado com pares em idade aproximada, de forma independente do conteúdo anterior adquirido, atendido nas suas necessidades durante o ano escolar com planos didáticos de apoio, laboratórios, salas de integração e recurso que buscam transformar a didática, melhorar a mediação. ►Projetos de trabalho: enturmação sem referência em conteúdos anteriores ou idade, mas em interesses. Profa. Dra. Andréa Rosana Fetzner http://arfetzner.blogspot.com/ 5
  6. 6. Ciclos e Alfabetização • Dezembro de 2010: Diretrizes Curriculares do Ensino Fundamental de Nove Anos (CNE): • Art. 30, Inciso III: § 1º Mesmo quando o sistema de ensino ou a escola, no uso de sua autonomia, fizerem opção pelo regime seriado, será necessário considerar os três anos iniciais do Ensino Fundamental como um bloco pedagógico ou um ciclo sequencial não passível de interrupção, voltado para ampliar a todos os alunos as oportunidades de sistematização e aprofundamento das aprendizagens básicas, imprescindíveis para o prosseguimento dos estudos. Profa. Dra. Andréa Rosana Fetzner http://arfetzner.blogspot.com/ 6
  7. 7. Pesquisa 2012-2015 • CONCEPÇÕES DE AGRUPAMENTO ESCOLAR E CURRICULO: ESTUDO DA ORGANIZAÇÃO ESCOLAR EM CICLOS NOS MUNICÍPIOS DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO • Tempo e concepção de ciclos • Alfabetização (não interrupção do processo e “mais tempo”) • De Aprendizagem (de estudos, ampliação do tempo, revisão curricular) • De formação (idade, concepções curriculares e avaliativas) • Levantamento de dados na base do INEP • Contato com as secretarias de educação que trabalham com a organização escolar em ciclos • Análise curricular –concepção de trabalho com a experiência do aluno ou saberes regionais • Levantamento de práticas avaliativas que compreendam o “suporte” à aprendizagem e não a “reprovação”. Andréa Rosana Fetzner 7
  8. 8. A pesquisa sobre a organização em ciclos nos municípios do estado do Rio de Janeiro • No estado do Rio de Janeiro: – 92 municípios – Ampliação dos ciclos Andréa Rosana Fetzner 8
  9. 9. Oquestionárioaplicado(2011a2014) • 5 – Como é feito o acompanhamento dos estudantes que não apresentam as aprendizagens esperadas por você? ______________________________________________ • 9 – Quais os instrumentos de avaliação você utiliza? ___________________________________________ • ______________________________________________ • 10 – A secretaria de educação acompanha o trabalho realizado por sua escola nos ciclos? Como? • ______________________________________________ ____________________________ Profa. Dra. Andréa Rosana Fetzner http://arfetzner.blogspot.com/ 9
  10. 10. Práticas avaliativas • 51 professoras • 28 municípios Práticas citadas pelas professoras: 38/51: reforço escolar (projetos oferecidos na escola, no turno fora do horário da aula, tais como “Mais Educação”, projeto de reorientação, equipe multidisciplinar, aulas de reforço, sala de recursos, atividades paralelas, projetos de leitura, projetos de matemática, projetos globais, recuperação paralela, entre outros) 7/51: atividades individualizadas aplicadas na própria sala de aula, durante o turno comum das aulas; 4/51: professoras disseram mudar as práticas didáticas, com planejamento de outras atividades para mediar a aprendizagem; 2/51: professoras disseram reorganizar a aula com reagrupamentos entre turmas ou na própria turma para atender as necessidades específicas de aprendizagem daqueles que não estão acompanhando. Profa. Dra. Andréa Rosana Fetzner http://arfetzner.blogspot.com/ 10
  11. 11. Quanto aos instrumentos e registros: • 39/51: acompanhamento diário, por meio de fichamentos, observação direta, conversa com alunos sobre suas aprendizagens, relatórios de avaliação, diários de bordo (registros de avaliação); trabalhos individuais e em grupo, projetos, pesquisas, produções de texto, testes de leituras, provas (instrumentos propriamente ditos). • 9/51: provas (3 apenas as provas e testes e 6 disseram utilizar instrumentos outros - trabalhos - e também provas e testes). • 3/51: não responderam a questão. As informações oferecidas pelas professoras permitem perceber uma movimentação das práticas avaliativas para fazeres mais dialogados com os alunos, registros mais focados no processo e atividades avaliativas que não tem um fim em si mesmas: geram ações, encaminhamentos, mudanças. Profa. Dra. Andréa Rosana Fetzner http://arfetzner.blogspot.com/ 11
  12. 12. Sobre a reprovação escolar: • Embora o número de professoras a citar a mudança na didática seja pequeno, 4 em 51 disseram mudar a didática e 2 trabalhar com reagrupamentos na própria sala, o que indica ainda uma forte crença de que quem precisa de conserto é o aluno que não aprende com os demais (38 professoras indicam o reforço escolar como medida para resolver as aprendizagens não realizadas em sala), as respostas também indicam que, ao menos na escola, outros movimentos de ensino-aprendizagem estão sendo oferecidos que não sejam a reprovação escolar (refazer o mesmo ano de escolaridade). Profa. Dra. Andréa Rosana Fetzner http://arfetzner.blogspot.com/ 12
  13. 13. Avaliação Classificar (aprovar ou reprovar) •Provas individuais •Testes surpresa •Prêmios e castigos Registro da avaliação: Planilhas de notas e boletins Mediar • Provas individuais e coletivas (participação dos estudantes na elaboração e correção das provas) • Trabalhos individuais e coletivos, orais e escritos, diferentes formas de expressão. Registro da avaliação Cadernos de campo, fichas de registro • Portfólios, dossiês. • Planilhas de acompanhamento cotidiano (com ou sem a participação dos estudantes no preenchimento) Profa. Dra. Andréa Rosana Fetzner http://arfetzner.blogspot.com/ 13
  14. 14. Alguns desafios dos ciclos: 1. Pensamos ser possível ensinar a todos como se fossem um? 2. Pensamos que a reprovação escolar é construtiva na construção do conhecimento? Existe um único conhecimento a ser trabalhado na escola? • Formativa (Fernandes) • Regulação e melhoria das aprendizagens Investigativa (Esteban) • O que sabe quem erra? • Emancipatória (Saul) • Envolvimento compartilhado no acompanhamento do processo Profa. Dra. Andréa Rosana Fetzner http://arfetzner.blogspot.com/ 14
  15. 15. Suassuna 1927-2014 Profa. Dra. Andréa Rosana Fetzner http://arfetzner.blogspot.com/ 15
  16. 16. Referências/indicações de leitura: • ESTEBAN, Maria Teresa, O que sabe quem erra? Reflexões sobre avaliação e fracasso escolar. 3ª. Ed. Rio de Janeiro, DP&A, 2002. • FETZNER, Andréa R. (Org.). Avaliação: desejos, vozes, diálogos e processos. Ciclos em revista, v. 4. Rio de Janeiro: WAK, 2008. • FETZNER, Andréa R. Ciclos & Séries: contextos e conceitos na discussão das práticas curriculares. Revista Educação em Foco. UFJF.Vol. 17, n. 3, nov. 2012/fev. 2013. Disponível em: http://www.ufjf.br/revistaedufoco/files/2013/10/cap-011.pdf • FETZNER, Andréa R. Quando a avaliação precisa dar certo. TVescola. Boletim Salto para o Futuro. Ano XXIII - Boletim 8 - MAIO 2013. p. 20-23. Disponível em: http://cdnbi.tvescola.org.br/resources/VMSResources/contents/document/publicationsSeries/ 17181308_ConcepcaoPraticasdeAvaliacao.pdf • OLIVEIRA, Chaiene C. de, FETZNER, Andréa R. A avaliação escolar no Plano Nacional de Educação 2011-2020: desafios para a organização escolar em ciclos. Revista Faculdade de Educação UNEMAT, Vol. 20 Ano 11, n. 2, jul/dez/2013 p. 81-94. Disponível em:http://www2.unemat.br/revistafaed/content/vol/vol_20/artigo_20/81_94.pdf • PARO, Vitor Henrique. Progressão continuada, supervisão escolar e avaliação externa: implicações para a qualidade do ensino. Rev. Bras. Educ. [online]. 2011, vol.16, n.48, pp. 695-716. ISSN 1413-2478. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/rbedu/v16n48/v16n48a09.pdf • SAUL, Ana Maria. Avaliação Emancipatória: Desafio à Teoria e á Prática de Avaliação e Reformulação de Currículo. 7ª. Ed. SP: Cortez, 2006.
  17. 17. • Professora Andréa Rosana Fetzner (Krug) • E-mail: akrug@uol.com.br Blog: http://arfetzner.blogspot.com.br Livros da professora: 17 Profa. Dra. Andréa Rosana Fetzner http://arfetzner.blogspot.com/

×