Mais e melhores hospitais e unidades de saúde - Mais Médicos

16.672 visualizações

Publicada em

Mais e melhores hospitais e unidades de saúde - Mais Médicos

Publicada em: Saúde e medicina
1 comentário
4 gostaram
Estatísticas
Notas
  • O Ministério da Saúde tem valorizado o médico brasileiro, e o Provab(uma medida eleitoral e paliativa) é uma das ações!!! E, com relação ao'Cirurgião-Dentista' qual é a prioridade e valorização que tem ou está tendo do governo federal? Qual é o investimento, valorização após sua formação e na carreira profissional no SUS/PSF?
    Qual é o salário que irá receber no próximo Provab que irá iniciar a partir do mês de julho do corrente ano, diferentemente dos R$ 2.384,00 que recebeu no Provab 2012, uma vez que o médico que recebia R$ 4.000,00 no Provab 2012 e, atualmente no Provab 2013 está recebendo R$ 8.000,00 mais benefícios após a graduação?
       Responder 
    Tem certeza que deseja  Sim  Não
    Insira sua mensagem aqui
Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
16.672
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
10.765
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
47
Comentários
1
Gostaram
4
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Mais e melhores hospitais e unidades de saúde - Mais Médicos

  1. 1. Mais e melhores hospitais eunidades de saúdeMais Médicos
  2. 2. Diagnóstico brasileiroBrasil tem 1,8 médicos por mil habitantes- menos que Argentina (3,2), Uruguai (3,7)e Reino Unido (2,7)22 estados estão abaixo da média e cincotêm menos de 1 médicos por milhabitantes (AC, AP, MA, PA e PI)Mercado de trabalho aquecido: a criaçãode vagas é superior ao número de médicosque se formam
  3. 3. * Fonte: Estadisticas Sanitarias Mundiales, OMS/2011Brasil 1,8Venezuela 1,9México 2Canadá 2EstadosUnidos2,4Reino Unido 2,7Austrália 3Argentina 3,2Itália 3,5Alemanha 3,6Uruguai 3,7Portugal 3,9Espanha 4Médicos por mil habitantes
  4. 4. 22 estados abaixo da média nacionalBrasil: 1,8 médicos por mil habitantesFonte: Conselho Federal de Medicina - 20120,941,120,761,06 1,091,053,461,971,450,581,11,541,810,771,171,681,390,923,441,232,231,021,211,692,491,31,08
  5. 5. Médicos em São Paulopor Região de Saúde
  6. 6. AnoTotal deadmissõesTotal dedesligamentosSaldo admissõese desligamentosAdmissõespor 1ºEmpregoFormalVínculosativos em31/12Egressos demedicina2003 39.461 30.496 8.965 10.650 203.787 8.4982004 43.969 34.987 8.982 12.050 210.733 9.1132005 55.944 39.757 16.187 15.345 226.021 9.3392006 59.019 45.290 13.729 15.943 235.191 10.0042007 61.639 49.057 12.582 15.286 254.056 10.3812008 67.749 57.389 10.360 17.865 261.558 10.1332009 74.454 59.818 14.636 21.645 277.440 10.8252010 75.070 59.360 15.710 19.361 280.426 11.8812011 71.625 63.134 8.491 18.722 282.127 12.982Acumulado 548.930 439.288 109.642 146.867 - 93.156Em 2011 foram criados quase 19 mil empregos formais, porémapenas 13 mil médicos se formaram.Retrato do mercado de trabalho médico no BrasilFonte: EPSM/NESCONFM/UFMG a partir da RAIS/TEM e do Censo da Educação Superior do INEP.
  7. 7. O SUS precisa de mais médicos35.073 novos postos de trabalho serão abertosapenas com investimentosdo Ministério da Saúde até 2015
  8. 8. Ministério da Saúdeinveste no profissionalbrasileiroProvab: médicos atuam com recursos federais nasperiferias e no interiorFIES: desconto de 1% ao mês na dívida do FIESpara os profissionais que trabalham onde o SUS precisaCarência estendida para os residentes deespecialidades estratégiasPlanos de Carreira, Cargos e Salários:apoio técnico e financeiro aInvestimento de R$ 29 milhõesem projetos intermunicipaise/ou regionais com participação dos estadosInvestimento de R$ 7,1 bilhõesjá contratado para mais e melhoresunidades de saúde
  9. 9. Portaria 2.517/2012Mais profissionais de saúde para o Brasil Expansão das vagas de residência: todo médicoformado no Brasil terá oportunidade de fazer umaespecialização PET Saúde: incentivo para estudantesatuarem no SUS Nova chamada do Provab: maisdentistas e enfermeiros nasperiferias e interior
  10. 10. Expansão das vagasde residência
  11. 11. Distribuição atual das vagas de residência médicaCLÍNICA MÉDICA18%CIRURGIA GERAL14%PEDIATRIA13%OBSTETRÍCIA E GINECOLOGIA10%MEDICINA DE FAMILIA ECOMUNIDADE8%ANESTESIOLOGIA6%ORTOPEDIA ETRAUMATOLOGIA6%OFTALMOLOGIA4%RADIOLOGIA3%PSIQUIATRIA3%INFECTOLOGIA2%DERMATOLOGIA2%OTORRINOLARINGOLOGIA2%NEUROLOGIA2%NEUROCIRURGIA1%PATOLOGIA2%OUTRAS3%Fontes: SisCNRM-MEC / DEGES-SGTES-MS 2013
  12. 12. 11.468 vagas de residência para 15 mil estudantes que se formamDistribuição das vagas deresidência no Brasil8961 920410356 10414 1072511468*10852118811298214634 150002008 2009 2010 2011 2012 2013Vagas RM concluintes graduaçãoFonte: MEC*Até Janeiro de 2013
  13. 13. Pesquisas com gestores dehospitais públicos e privadosFonte: EPSM/NESCON/UFMG, 2011Carência de especialistas
  14. 14. Expansão das vagas de residência2011 – 2013Aumento de 129% na oferta de bolsasde residência médica – passou de 758para 2.881 no períodoInvestimento: R$ 46,4 milhõesAumento de 152% na oferta de bolsasde residência multiprofissionais –passou de 499 para 2.104 no períodoInvestimento: R$ 36,3 milhões
  15. 15. Portaria 2.517/2012Expansão das vagas de residênciaCriação de 12 mil novas vagas para formação de especialistas 4 mil até 2015 8 mil até 2017Ampliação para TODAS as especialidadesValor da bolsa: R$ 2.348O Brasil passa a oferecer oportunidade deespecialização para cada estudante formado
  16. 16. Edital do Pró-residência para 2014Instituições públicas estaduais e municipais e, pela primeira vez,inclusão de hospitais privados sem fins lucrativosInscrições: 1º de julho a 30 de setembroPara cada 2 novas vagascriadas, o Ministério daSaúde pagará mais umabolsa já existente.Expansão das vagas de residência
  17. 17. Municípios ou região com mais de 50 mil habitantesMínimo de 100 leitos hospitalares (pediatria, ginecologiae obstetrícia mínimo de 50 leitos hospitalares)Mínimo de 5 leitos por residenteAnálise de hospitais certificados e não certificados e possibilidadede criação ou expansão de vagasAnálise da necessidade por especialidade para cada regiãoExpansão das vagas de residênciaCritérios de seleção:
  18. 18. R$ 200 mil por hospital para aplicação em reforma e adequação de espaços eaquisição de material permanente (biblioteca, sala de estudo, entre outros);R$ 3 mil a R$ 8 mil/mês, por vaga criada, durante 12 meses, para hospital queampliar pelo menos 5 vagas de residência; Conforme região:Sudeste R$ 3 mil;Sul R$5 mil;Norte, Nordeste e Centro-oeste R$ 7 mil; Conforme nº de vagas: adicional de R$ 1 mil para unidades com mais que 3programas de residência diferentes ou com modelo focado em redeIncentivo financeiro paraampliação de residênciasR$ 100 milhões por ano
  19. 19. Especialidades prioritáriasAnestesiologiaCancerologia nas áreasClínica/Cirúrgica/PediátricaCardiologia/PediátricaCirurgia do TraumaCirurgia GeralCirurgia cardiovascularClínica MédicaGeriatriaMedicina de Família eComunidadeMedicina de UrgênciaMedicina NuclearMedicina Intensiva Adulto/PediátricaNefrologiaNeonatologiaNeurologia/NeurocirurgiaObstetrícia e GinecologiaOrtopedia e TraumatologiaPatologiaPediatriaPsiquiatriaRadioterapiaRadiologiaExpansão das vagas de residência
  20. 20. Investimento em bolsas para estudantesinteressados em atuar nas redes prioritárias do SUSSeleção pública de 119 projetos, de 288 grupos• 3.456 estudantes (12 por grupo)• 288 professores de universidades (tutor – 1 por grupo)• 1.728 profissionais em serviço (preceptores - 6 por grupo)Mudança nos critérios: inclusão dasuniversidades privadas não lucrativas –99 instituições de ensinoInvestimento mensal por grupo:R$ 12.122 por mêsInvestimento anual: R$ 41,9 milhõesPET Saúde
  21. 21. PET-redes: integração ensino-serviço-comunidadee a educação nas redes prioritárias: Viver sem Limites (pessoa com deficiência), Rede do Câncer, Rede Cegonha, SOS Emergência, Crack é Possível Vencer, Saúde indígena.PET Saúde
  22. 22. Pró-Saúde: bolsas de estudo para atuação no SUS, reforma curricular ecapacitação dos profissionais da graduaçãoInvestimento: R$ 114 milhõesPET-vigilância: projetos voltados à área de vigilância em saúde.Investimento: R$ 15,6 milhõesPET SaúdeAtualmente, 613 projetos estão em andamentoAo todo, o Ministério da Saúde financiará 901 projetos de10.028 estudantes
  23. 23. Provab 2013Maior programa de interiorizaçãodo médico brasileiroAtualmente, 3.577 médicos paraAtenção Básica para 1.286 municípiosEm 2012, foram 381 médicos55% da demanda dos municípiosatendidosBolsa de R$ 8 mil/mês para médicosApós 1 ano, bônus de 10% paraprova de residência55 instituições supervisorasBolsa de R$ 4 mil/mêspara 551 supervisoresNordeste: 2.106Sudeste:780Sul: 303Centro-oeste:213Norte: 175
  24. 24. Médicos mais pertoda população39% periferia das capitais eregiões metropolitanas28% para municípios rurais epobreza intermediária e elevada10% para municípios com maisde 100 mil habitantes22% na periferia de municípiosmédios do interior
  25. 25. Edital para chamamentode 1 mil enfermeiros e500 dentistasBolsa de R$ 2.384,82Adesão dos municípios17 de julho a 28 de julhoInício do Programa1º de Setembro de 2013Término do Programa31 de Agosto de 2014Provab: nova chamada
  26. 26. Critérios para adesão de dentistas e enfermeirosEnfermeiros: municípios que possuem médicos do Provab,direcionados para a estratégia Saúde na EscolaÁreas prioritárias: capitais, Regiões Metropolitanas,População maior que 100 mil habitantesDentista: municípios que possuem médicos do Provab,direcionado para a estratégia Brasil SorridenteÁreas prioritárias: população rural e pobreza intermediáriae pobreza elevadaProvab: nova chamada
  27. 27. 1ª avaliação do Provab 2013Edital de desligamento do Provab médicosInicialmente 4.545 se inscreveram no programaAtualmente, 3.577 estão trabalhandoTotal de desligados: 968 médicos Convocação para residência médica – 451 Solicitação do médico/motivos pessoais – 224 Absenteísmo - 194 Descumprimento de carga horária – 79 Descumprimento de outras regras do edital – 16 Incompatibilidade devido ao exercício deserviço militar obrigatório – 346,5% convocação naresidência e 29,8%pelo descumprimentode regras do edital
  28. 28. Melhorar sua vida, nosso compromisso

×