Quali 5

164 visualizações

Publicada em

Aulas de Gestão da Qualidade

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
164
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
4
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Quali 5

  1. 1. Quali  5   Fernando  Flessa/,  especial  para  a   UCB,  gestao@9scomunicacao.com.br  
  2. 2. Garan/a  de  qualidade   •  Se  a  razão  de  ter  uma  empresa  são  os  clientes..;   •  Logo  a  empresa  é  a  razão  de  a/ngir  as   necessidades  e  expecta/vas  do  cliente,  acionista,   comunidade,  governo  e  empregados;   •  Acontece  que  as  necessidades  mudam  o  tempo   todo;   •  Para  conseguir  a/ngir  é  preciso  novos  produtos,   mais  baratos,  melhores,  mais  modernos,   atra/vos,  confortáveis,  mais  seguros  e  muito   mais  fáceis  de  serem  man/dos;  
  3. 3. Segundo  Miyauchi   •  A  empresa  vai  precisar  de  métas  de  Q  para:   1  atender  as  necessidades  da  clientela   2  garan/r  a  segurança  dos  usuários;   3  engajar  todos  os  empregados  na  missão  da   qualidade   4  e  em  todo  o  ciclo  de  vida  dos  produtos  
  4. 4. Admin  da  Quali  segundo  Miyauchi  
  5. 5. Estágios  de  garan/a  de  Quali   •  Dois  pontos  importantes:   1  –  Tradição  da  empresa  (  conceito  diZcil  de   mensurar,  envolve  custo,  tempo  e  reputação  )     2  –  Sa/sfação  total  das  necessidades  dos   clientes  (  envolvem  mudanças,  situações  de  uso,   informação,  educação,  legislação,   conformidade,  compliance  e  durabilidade)  
  6. 6. Miyauchi  –  garan/a     de  quali  
  7. 7.  A  evolução  da  Garan/a  da  Qualidade   Orientada:   •  pela  inspeção;   •  pelo  controle  de  processos;   •  e  pela  ênfase  no  desenvolvimento  de  novos   produtos;  
  8. 8. Inspeção   •  Ficou  cara;   •  Inspeção  manual  não  atendeu  a  velocidade  dos   processos   •  Se  for  por  amostragem,  se  torna  inadequada  as   empresas  que  buscam  o  nível  parte  por  milhão  (ppm)   •  não  atende  a  montagens  complexas,  construções  ou   seja  com  a  qualidade  sendo  avaliada  durante  o  uso;   •  Departamentos  externos  a  produção,  atrasam  a   informação  e  acontecem  após  a  produção;   •  Conceito  de  que  o  produtor  é  o  responsável  pela   garan/a  de  quali  deve  ser  difundido  a  todos,  inclusive   fornecedores,  para  eliminar  a  inspeção    
  9. 9. Controle  de  processos   •  Aqui  todos  são  responsáveis  pelas  partes  e   pelo  todo;   •  Extensivo  a  outras  áreas,  principalmente  de   serviços  –  finanças,  marke/ng,  engenharia  do   produto,  manutenção  e  finanças.   •  No  entanto,  processos  por  exemplo  não   enfa/za  o  uso  do  produto  ou  projetos  
  10. 10. Ênfase  no  Desenvolvimento  de  Novos   produtos   •  A  par/r  do  desenvolvimento  de  novos   produtos,  desde  o  dna  do  novo  produto;   •  Desde  o  planejamento  do  novo  evita   dissabores;   •  Todos  ficam  engajados  e  na  expecta/va  de   cuidar  dos  novos  produtos;  
  11. 11. O  Espiral  de  Juran  
  12. 12. O  que  é  preciso  ao  planejar  os  novos   produtos?   •  Iden/ficar  clientes  e  suas  necessidades;   •  Traduzir  as  necessidades  para  linguajar  da   Empresa   •  Novos  Prod  devem  sa/sfazer  as  necessidades;   •  O/mização  das  caracteris/cas  atender   simultaneamente  a  empresa  e  o  cliente   •  Novo  processo  o/mizado  (c  menos  custo)   •  Processo  vai  atender  a  qualidade  e  a   conformidade   •  Transferir  o  processo  à  operação  (cer/ficação)  
  13. 13. WD  40  
  14. 14. Candy  crush  
  15. 15. Com  chip?  
  16. 16. Desdobramentos  Quali  
  17. 17. Visão  geral   do  desdobramento    
  18. 18. Garan/a  da  qualidade     no  ciclo  de  vida  
  19. 19. O  Processo  de  garan/a  de  qualidade  
  20. 20. Auditoria   •  “O  auditor  pode  assumir  uma  pilha  de   fórmulas  e  check  lists,  mas  sem  o   conhecimento  baseado  em  experiência  ele   não  conduzirá  bem  a  sua  função…  Auditorias   devem  ser  usadas  para  promover  a  qualidade,   não  para  inspecionar.   •  Kaoru  Ishikawa  
  21. 21. Tipos  de  auditoria  
  22. 22. Auditando  o  sistema  de  qualidade  
  23. 23. Itens   a  serem   considerados     na  auditagem  de   um   fornecedor  
  24. 24. Premiações   •  Demming   •  M  Baldrige  

×